Me Tornei uma Espada ao Reencarnar (TER)

Resultado de imagem para Me Tornei uma Espada ao Reencarnar

Me Tornei uma Espada ao Reencarnar (TER), é uma Web Novel do escritor japonês Yuu Tanaka. Atualmente, com 777 capítulos e lançando.

Títulos Alternativos: Tensei Shitara Ken Deshita, I Was a Sword When I Reincarnated, 転生したら剣でした.

Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Shounen.

Tradução: Zé (Traduzindo Novels)

Me Tornei uma Espada ao Reencarnar

Quando eu percebi, eu estava em um mundo diferente. Eu me tornei uma espada… o quê! Eu não entendo isso! O lugar onde eu acordei era uma grande planície cheia de monstros. Eu voei em busca de um parceiro (apenas mulheres) para me equipar.

Pedra mágica? Eu consigo as habilidades que eu absorvo? Está ficando divertido! Hyahha. Me deem pedras mágicas! Sim, isso foi uma piada. Mas eu vou pegar sua Pedra Mágica.

Esta é a história de como eu me tornei uma espada e fui para outro mundo, uma história de um otaku comum e secundário.

Links Úteis:

» Obra Original

» Tradução em Inglês

Recomendações:

» Destino Elementar

» Tate no Yuusha no Nariagari

» World Customize Creator

Índice de Capítulos

Capítulos

Capítulo 1 – Isso é uma espada?
Capítulo 2 – Eu posso voar!
Capítulo 3 – Encontro com os 〈Goblins〉
Capítulo 4 – Habilidades, [Pedras Mágicas] e eu
Capítulo 5 – Aumento de rank – Kisato’s Hobbies
Capítulo 6 – 〈Goblin〉… imediatamente… decapitado
Capítulo 7 – Voo noturno
Capítulo 8 – Minha primeira vez usando magia
Capítulo 9 – Batalha feroz! A ameaça da |Área 5|
Capítulo 10 – Vamos para a |Área 5|
Capítulo 11 – Saindo para almoçar
Capítulo 12 – Uma espada pode abraçar um Kemonomimi?
Capítulo 13 – Mestre & Fran
Capítulo 14 – A estrada para a cidade
Capítulo 15 – Randell, o ⌈Mercador⌋
Capítulo 16 – Chegando na cidade de |Aressa|
Capítulo 17 – Minhas dúvidas insignificantes
Capítulo 18 – Vs Donnadorondo
Capítulo 19 – Nós nos juntamos a ⟦Guilda⟧
Capítulo 20 – Vendendo os materiais
Capítulo 21 – Clichê
Capítulo 22 – A visão de Nell
Capítulo 23 – O velhote Gallus
Capítulo 24 – Aquisição de equipamentos
Capítulo 25 – ] Dokidoki [ – Eu sou um homem, afinal
Capítulo 26 – Tigreeee de Saaaabre
Capítulo 27 – Esses caras de novo?
Capítulo 28 – Resolução e crescimento
Capítulo 29 – Espólios dos 〈Goblins〉
Capítulo 30 – Aumentando o rank
Capítulo 31 – Organização e verificação
Capítulo 32 – O lado de Fran
Capítulo 33 – As preparações para a partida
Capítulo 34 – Subjugando 〈Goblins〉: O estopim da guerra
Capítulo 35 – Subjugando 〈Goblins〉: Incursão
Capítulo 36 – Subjugando 〈Goblins〉: O ⌊Demônio⌋
Capítulo 37 – Subjugando 〈Goblins〉: Conclusão
Capítulo 38 – Subjugando 〈Goblins〉: O retorno
Capítulo 39 – O clichê do “Nobre idiota” apareceu
Capítulo 40 – Peixe venenoso parece ser delicioso
Capítulo 41 – A culinária do outro mundo
Capítulo 42 – Sobre o futuro e outras coisas
Capítulo 43 – O que aconteceu
Capítulo 44 – Depois do que aconteceu
Capítulo 45 – O retorno do rank ⟦A⟧
Capítulo 46 – Introduções
Capítulo 47 – Um pouquinho de treinamento
Capítulo 48 – Um pequeno sparring
Capítulo 49 – Lições da Srta. Amanda (A famosa hora das explicações)
Capítulo 50 – Armadilhas e ardis
Capítulo 51 – Seu nome é Urushi
Capítulo 52 – Seguindo até Fran
Capítulo 53 – Excedendo o limite
Capítulo 54 – Urushi e Fran
Capítulo 55 – Trapaceiros sentem medo?
Capítulo 56 – A sala do [Núcleo]
Capítulo 57 – Voltando para |Aressa|
Capítulo 58 – Klimt (História secundária)
Capítulo 59 – A noite do retorno
Capítulo 60 – Verificação
Capítulo 61 – Conseguindo novos equipamentos
Capítulo 62 – Novas asas
Capítulo 63 – |Vila Neel|
Capítulo 64 – Colônia
Capítulo 65 – Bernardo
Capítulo 66 – Jean Dovey
Capítulo 67 – Causa encontrada
Capítulo 68 – Percepção imprevista
Capítulo 69 – 〈Fantasmas〉
Capítulo 70 – Andy
Capítulo 71 – Pressa
Capítulo 72 – O corredor do |Calabouço|
Capítulo 73 – Avançando
Capítulo 74 – Para as profundezas
Capítulo 75 – Poder esmagador
Capítulo 76 – No limite
Capítulo 77 – O Rei Fantasma
Capítulo 78 – Vs. 〈Lich〉
Capítulo 79 – Rancor
Capítulo 80 – Locutora do Sistema OP
Capítulo 81 – Adeus Locutora do Sistema
Capítulo 82 – Fazendo poções
Capítulo 83 – Hora da inspeção!
Capítulo 84 – Diário secundário
Capítulo 85 – A |Cidade de Dharz|
Capítulo 86 – Hora da praia
Capítulo 87 – Um par de recos
Capítulo 88 – Fran, a ⌈Assassina⌋
Capítulo 89 – A identidade dos gêmeos
Capítulo 90 – Não é bem fácil ingerir acidentalmente o veneno que você está escondendo em seus molares?
Capítulo 91 – Um mundo completamente novo… de pescaria
Capítulo 92 – Ataque especial! ‖Colisão do Monólito Destruidor‖!
Capítulo 93 – Suspeita
Capítulo 94 – Nem todas as pessoas com personalidade ruim são necessariamente más
Capítulo 95 – A [Espada da Verdade] (Não exatamente)
Capítulo 96 – Uma dificuldade seguida da outra
Capítulo 97 – Isso é uma minhoca ou uma serpente?
Capítulo 98 – História secundária: Serid
Capítulo 99 – |Barbola|
Capítulo 100 – Revelando os produtos
Capítulo 101 – A ⟦Guilda dos Chefs⟧
Capítulo 102 – Espere, nós pulamos por completo a primeira rodada?
Capítulo 103 – Colbert
Capítulo 104 – Eugene
Capítulo 105 – Curry de porco, o melhor curry!
Capítulo 106 – O Conglomerado Luciel
Capítulo 107 – A |Jaula da Árvore de Cristal|
Capítulo 108 – 〈Kobold Maligno〉
Capítulo 109 – Desmantelando
Capítulo 110 – Sombras de conspiração
Capítulo 111 – Preparando as coisas com antecedência
Capítulo 112 – Pão de curry completo!
Capítulo 113 – O Banquete Lunar
Capítulo 114 – Gestos e confusão
Capítulo 115 – Visitantes
Capítulo 116 – Os três grandes festivais de |Kranzell|
Capítulo 117 – O fim do primeiro dia
Capítulo 118 – O segundo dia
Capítulo 119 – História secundária: Bluke
Capítulo 120 – Tomando a iniciativa
Capítulo 121 – A mansão do Lorde
Capítulo 122 – Sobre progresso e mudanças súbitas na situação
Capítulo 123 – Luzerio
Capítulo 124 – O “Trunfo” de Luzerio
Capítulo 125 – Rynford
Capítulo 126 – Templo
Capítulo 127 – Uma batalha dentro do templo
Capítulo 128 – Rynford: A encarnação do Deus Maligno
Capítulo 129 – História secundária: Combatentes
Capítulo 130 – Frustração
Capítulo 131 – Força e técnica
Capítulo 132 – O fim de Rynford
Capítulo 133 – A Guilda dos Alquimistas
Capítulo 134 – O objetivo de Zerais
Capítulo 135 – Versus: Soldados de Pedra Mágica
Capítulo 136 – A ambição de Zerais
Capítulo 137 – A conclusão da competição
Capítulo 138 – Eu quero pedras mágicas
Capítulo 139 – O próximo destino
Capítulo 140 – A noite antes de nossa partida
Capítulo 141 – A entrada de Ulmut
Capítulo 142 – Bardiche? Desculpe, eu quis dizer Erza
Capítulo 143 – A identidade do mestre da guilda
Capítulo 144 – As habilidades de Dias
Capítulo 145 – A carta de referência
Capítulo 146 – O paradeiro daquele procurado
Capítulo 147 – Chegando no Calabouço
Capítulo 148 – Desarmando armadilhas
Capítulo 149 – Um encontro no interior do Calabouço
Capítulo 150 – Agressores
Capítulo 151 – Suspeita relacionada à habilidades
Capítulo 152 – Solas
Capítulo 153 – Erza está disposta
Capítulo 154 – Prendendo todos de uma vez
Capítulo 155 – O terror forjado por uma habilidade
Capítulo 156 – História secundária: Aventureiros
Capítulo 157 – O velho homem-cão-branco
Capítulo 158 – O misterioso Mestre do Calabouço
Capítulo 159 – Armadilhas são um saco
Capítulo 160 – O 18º andar
Capítulo 161 – A noite que Fran chegou no Level 44
Capítulo 162 – A sala do chefão
Capítulo 163 – Tatuzinho-do-Desastre
Capítulo 164 – Level 45 e Autoevolução rank 12
Capítulo 165 – Um encontro com o Mestre do Calabouço
Capítulo 166 – Sobre Rumina e esperança
Capítulo 167 – A extensão do poder de uma Tigresa-Negra
Capítulo 168 – Ímpeto do Relâmpago
Capítulo 169 – A carruagem com cobertura de leão
Capítulo 170 – O segredo de Dias
Capítulo 171 – O Lorde das Feras
Capítulo 172 – A Gata-Negra
Capítulo 173 – Manutenção
Capítulo 174 – Orgulho azul
Capítulo 175 – As dez tribos originais
Capítulo 176 – Comendo curry em Ulmut
Capítulo 177 – A ameaça conhecida como Lorde das Feras
Capítulo 178 – Royce
Capítulo 179 – A singularidade de Rumina
Capítulo 180 – Sobre Mestre e Lâminas Divinas
Capítulo 181 – Os motivos do trio
Capítulo 182 – Colocando os pensamentos em ordem
Capítulo 183 – Portal dimensional
Capítulo 184 – A barreira do calabouço
Capítulo 185 – Reunião
Capítulo 186 – A primeira rodada preliminar
Capítulo 187 – Na sala de espera
Capítulo 188 – A segunda rodada preliminar
Capítulo 189 – As chaves
Capítulo 190 – Coletando informação
Capítulo 191 – A manhã da primeira rodada
Capítulo 192 – Zefmate
Capítulo 193 – Seren
Capítulo 194 – Chamas douradas
Capítulo 195 – O Lorde das Feras e a Tribo dos Gatos-Azuis
Capítulo 196 – O epílogo de Kiara
Capítulo 197 – Vs. Cruz
Capítulo 198 – Vs. Colbert
Capítulo 199 – Vs. Colbert 2
Capítulo 200 – Vs. Colbert — Epílogo
Capítulo 201 – Vs. Goldalfa (Parte 1)
Capítulo 202 – A Armadura da Fênix
Capítulo 203 – Relâmpago Negro
Capítulo 204 – Os eventos que aconteceram um dia antes do torneio começar
Capítulo 205 – A Deusa do Caos
Capítulo 206 – Sobre pecado e retribuição
Capítulo 207 – A Tribo dos Gatos-Negros e a Deusa
Capítulo 208 – Vs. Goldalfa — Epílogo
Capítulo 209 – Enfim, Amanda
Capítulo 210 – Ponto de vista: Amanda
Capítulo 211 – Vs Amanda — Fim
Capítulo 212 – Vs Fermus — A batalha começa
Capítulo 213 – A essência de um Caçador de Dragões
Capítulo 214 – Relâmpago Branco e Preto
Capítulo 215 – O torneio se aproxima de seu fim
Capítulo 216 – O predecessor do Lorde das Feras
Capítulo 217 – Uma discussão sobre o futuro
Capítulo 218 – Uma reunião daqueles que desejam se reunir ao nosso redor
Capítulo 219 – Outro grupo se aproxima
Capítulo 220 – Celldio
Capítulo 221 – A retribuição da Deusa
Capítulo 222 – A história de fundo de Celldio
Capítulo 223 – O poder de uma Lâmina Divina
Capítulo 224 – Como viajar para a Nação dos Homens-Fera
Capítulo 225 – Rota garantida
Capítulo 226 – O paradeiro do velhote Gallus
Capítulo 227 – Adeus Ulmut
Capítulo 228 – Kanna Kamui
Capítulo 229 – A Princesa do Raio Negro dos rumores
Capítulo 230 – De volta a Barbola
Capítulo 231 – Regus, o informante
Capítulo 232 – Os rumores
Capítulo 233 – A Mesa do Dragão
Capítulo 234 – A Guilda dos Ferreiros
Capítulo 235 – O paradeiro de Gallus
Capítulo 236 – O pedido para um combate simulado
Capítulo 237 – O combate começa
Capítulo 238 – A bronca de Gamud
Capítulo 239 – Três contra um
Capítulo 240 – O fim do combate simulado
Capítulo 241 – Em busca de um navio
Capítulo 242 – A decisão de embarcar tomada
Capítulo 243 – O estado atual do orfanato
Capítulo 244 – A bordo de um navio
Capítulo 245 – A cabine
Capítulo 246 – O Algieba zarpa
Capítulo 247 – Uma discussão sobre rotas
Capítulo 248 – Uma relato sobre a ecologia da Serpente de Midgard
Capítulo 249 – Finalmente, ação
Capítulo 250 – A espada antinavio
Capítulo 251 – Mestre (Sishou) e Professor (Sensei)
Capítulo 252 – Fran como uma professora
Capítulo 253 – O navio de guerra Dragão da Água
Capítulo 254 – O verdadeiro poder do navio de guerra Dragão da Água
Capítulo 255 – O início de uma luta
Capítulo 256 – Suarez
Capítulo 257 – Uma discussão com Suarez
Capítulo 258 – Não há descanso para os cansados
Capítulo 259 – O fim do Dragão da Água
Capítulo 260 – O monstro lendário
Capítulo 261 – Voltando ao navio
Capítulo 262 – Greyseal
Capítulo 263 – A Associação das Carruagens com Chifres
Capítulo 264 – Uma jornada a bordo de uma carruagem com chifres
Capítulo 265 – Argentlapn
Capítulo 266 – A floresta do Leão-escorpião
Capítulo 267 – Mare e Kuina
Capítulo 268 – Duelando com Mare
Capítulo 269 – A princesa
Capítulo 270 – O assassino descoberto
Capítulo 271 – O Mestre da Guilda de Roseraccoon
Capítulo 272 – Guendalfa
Capítulo 273 – Razões
Capítulo 274 – Sobre cartas e itens
Capítulo 275 – Uma reunião inesperada
Capítulo 276 – O castelo real de Vestia
Capítulo 277 – Kiara
Capítulo 278 – As circunstâncias de Kiara
Capítulo 279 – O status social de Kiara
Capítulo 280 – Greengoat
Capítulo 281 – Sobre a tentativa fracassada contra a vida da Princesa do Raio Negro
Capítulo 282 – Aldeões encontrados
Capítulo 283 – Heroína ou ídolo
Capítulo 284 – Um olhar na forma como os Gatos-Negros são tratados em tempos modernos
Capítulo 285 – Um curso intensivo sobre matar goblins
Capítulo 286 – Um banquete com os Gatos-Negros
Capítulo 287 – A aula de magia da Srta. Fran
Capítulo 288 – Fran, a chefe da aldeia
Capítulo 289 – O ninho de goblins
Capítulo 290 – A Princesa dos Gatos-Negros
Capítulo 291 – Uma espada que faz espadas
Capítulo 292 – Uma noite centrada ao redor de Fran
Capítulo 293 – Um incidente no norte
Capítulo 294 – Revisitando Greengoat
Capítulo 295 – Sobre soldados e guerra
Capítulo 296 – Determinação e preparação
Capítulo 297 – Papel machê
Capítulo 298 – O início de uma batalha
Capítulo 299 – Monstros poderosos
Capítulo 300 – Um ataque preventivo bem-sucedido (?)
Capítulo 301 – O terror causado por uma ilusão
Capítulo 302 – Sobre aumentos de níveis e pontos de pedras mágicas
Capítulo 303 – O grande muro
Capítulo 304 – Uma mudança abrupta
Capítulo 305 – A Donzela Guerreira e o Cavaleiro Sem Cabeça
Capítulo 306 – Flecha supersônica
Capítulo 307 – Escudo de ferro
Capítulo 308 – A inversão
Capítulo 309 – Uma nova sombra
Capítulo 310 – Mare e Kuina juntam-se a batalha
Capítulo 311 – Nemea Narasimha
Capítulo 312 – Mare e Fran
Capítulo 313 – A lança de pedra maligna
Capítulo 314 – Pedra maligna
Capítulo 315 – Kuina e o Dullahan
Capítulo 316 – Ponto de vista: Kuina
Capítulo 317 – A chama de Mare
Capítulo 318 – A prudência de uma Camareira
Capítulo 319 – Mestre e Mare
Capítulo 320 – O reino de Deus
Capítulo 321 – O novo mal
Capítulo 322 – Murellia e a família real
Capítulo 323 – A diferença entre nós
Capítulo 324 – Negociações fracassadas
Capítulo 325 – Familiar da Deusa do Caos
Capítulo 326 – Rynford e o Reino de Bashar
Capítulo 327 – A autoridade do Deus Maligno…?
Capítulo 328 – Contra-ataque: Iniciar
Capítulo 329 – Os reforços de Kiara
Capítulo 330 – O caminho do Relâmpago Negro
Capítulo 331 – A perseguição
Capítulo 332 – Os cavaleiros de Bashar
Capítulo 333 – Limpando o mal
Capítulo 334 – A história de Murellia
Capítulo 335 – Seguindo para o calabouço
Capítulo 336 – Sono
Capítulo 337 – Um espetáculo anormal
Capítulo 338 – Fogo amigo
Capítulo 339 – A pessoa misteriosa e poderosa
Capítulo 340 – Discrepância nas informações
Capítulo 341 – Além do labirinto
Capítulo 342 – A maldição de Asura
Capítulo 343 – O senso de tempo dos Deuses
Capítulo 344 – A Nação dos Homens-Fera
Capítulo 345 – Revanche
Capítulo 346 – O lamentável fim de Murellia
Capítulo 347 – História secundária: Murellia
Capítulo 348 – Aquele que continua comendo
Capítulo 349 – Loucura
Capítulo 350 – Ponto de Vista: Nemea
Capítulo 351 – Ponto de vista: Kiara
Capítulo 352 – As garras do Deus do Relâmpago Negro
Capítulo 353 – Alistair
Capítulo 354 – Ferreira Divina
Capítulo 355 – Na estrada com Alistair
Capítulo 356 – Iniciar análise
Capítulo 357 – Espada Divina descartada
Capítulo 358 – Locutora-san e Querubim
Capítulo 359 – Restauração, iniciar
Capítulo 360 – O resultado da análise


Fontes
Cores