GoT – Capitulo 1 –  God of Thunder


Um penhasco atingindo milhares de metros, decorado com pequenas arvores balançando com o vento forte, um penhasco plano e aberto feito pelo homem, uma pequena figura é vista se banhando na luz do sol, preguiçosamente pendurado com seus pés no topo do penhasco, balançando inconscientemente, parecendo bem solitário.

Ele era um homem de dezesseis ou dezessete anos, com sobrancelhas franzinas porem largas, um par de olhos pequenos que pareciam estarem vesgos pelo seu habito, dando a impressão nas pessoas de um jovem rapaz que precisava dormir. Um rosto fino como se tivesse sido fatiado por um machado, dando um sentimento forte. Como se ele não tivesse se tornado um adulto, ele parecia uma criança, entretanto depois de uma inspeção a mais, uma pessoa poderia sentir a pequena presença de um homem que tinha passado por varias dificuldades.

“Esse mundo realmente é sádico! Até mesmo o tempo é diferente, eu nem mesmo sei quanto tempo se passou…..3 anos? Ou 4? Esse lugar tem somente duas estações, verão….inverno…. haizz…..eu não posso mais voltar……”

O jovem rapaz suspirou novamente, e bateu seu punho com força no chão. Olhando para a marca do punho em uma rocha azul, ele sorriu. Para ele, esse mundo não tinha nada que o fizesse se sentir feliz, além de força esse lugar estranho não tinha nenhum entretenimento. Todos os dias, além de se preocupar sobre comida, ele não tinha mais nada para fazer. Pra ele, esse é o único significado de vida nesse mundo.

Um de som assobio foi ouvido. O jovem rapaz se levantou rapidamente, pulando no topo do penhasco com uma velocidade extraordinária, alcançando rapidamente um forte de pedra em segundos. O grande forte era visto no penhasco, com dois grandes pilares o apoiando. Esse forte particular ainda era bem pequeno, entretanto, era longo e resistente, havia uma saliência no topo que estava apoiada por uma estrutura de madeira. No chão tinha um buraco por volta de 3 metros de comprimento e 2 metros de largura, uma pessoa podia ver claramente um túnel que seguia pra baixo, com uma escada de metal instalada ao lado junto com grandes rodas.

Um homem com uma barba impressionante viu o jovem rapaz vindo e disse, “Feng, os caçadores voltaram. Seus olhos são bons, você pode ir checar se há algum problema por favor?”

O rapaz concordou. Com uma mão segurando na roda, ele seguiu pra baixo. Na frente dele estava um mar de escuridão e repentinamente, feixes de luzes pratas fracas brilharam de seus olhos, ele sorriu, “Tio Ke e seus homens voltaram…..apresse-se e desça o cesto!” O homem com a grande barba esticou sua mão e pegou um aro e o puxou, um grande cesto amarrado apareceu. Dois homens começaram a girar a roda, abaixando o cesto.

O cesto tinha em torno de 3 metros de comprimento, com 2 metros de largura com 1,5 metro de profundidade, feito especialmente para transportar pessoas e objetos, essa é uma das entradas para o Castelo do Penhasco do Tigre. O Castelo do Penhasco do Tigre tinha somente duas estradas o ligando para o mundo exterior, uma é bem essa pelo cesto e a outra era um túnel atrás do castelo que era extremamente difícil de alcançar, que era o por que das pessoas geralmente usarem o cesto para viajarem.

No cesto amarrado, dois homens estavam sentados com uma pilha de presas. O jovem rapaz piscou uma vez e disse, “Por que tem apenas animais pequenos, Tio Ke não tem nenhum grande?”

O cesto tinha apenas coelhos selvagens, galinhas, patos e algumas ovelhas Zhen.

Ovelha Zhen era uma das principais especiarias daqui, era um tipo de ovelha bem pequena, que amava vários tipos de Ervas da Alma. O gosto da carne era considerado uma das melhores delicias daqui, o único problema era que ela é muito pequena, com pouca carne. Uma ovelha Zhen era o equivalente a 10 kg de carne no máximo, o que era levemente melhor que galinhas, patos e coelhos selvagens, quando comparado o todo.

O Tio Ke gargalhou, “Feng, nós matamos um Urso Baoya que tem em torno de algumas centenas de quilos. A caça dessa vez não foi nada mal. Feng, mais tarde venha pra minha casa para pegar uma pedaço de perna de porco, hehe”.

Xin Feng sorriu de orelha a orelha, “é claro, eu irei acompanha-lo pra casa”.

Todos no Castelo do Penhasco do Tigre eram caçadores, aqueles que cultivavam os inhames e os cereais normalmente viviam no vale. O jovem rapaz Feng, pertencia há uma das 200 famílias que consistia em seu avô e sua irmã mais nova. Entretanto, os homens normalmente não cuidavam das plantações, eles eram obrigados a caçar já que a população de pessoas vivendo no Castelo do Penhasco do Tigre era bem pequena.

Esses anos não foram fáceis. Quando ele acordou, sua pequena irmã tinha somente 3 anos de idade enquanto seu avô já era muito velho para caçar, deixando o jovem Xin Feng como o único chefe da família. De primeira, Xin Feng contava com a colheita de frutas selvagens e alguns caçadores que tinham pena da família de três pessoas, e ocasionalmente dividiam alguma refeição. Era assim que eles viviam nesses dias. As pessoas aqui eram muito amigáveis e solidarias, eles ajudavam uns aos outros na vizinhança. Sem essas pessoas, Xin Feng não teria sobrevivido até hoje.

Entretanto, depois do verão desse ano, Feng terá que preparar comida para o inverno, o que é uma grande responsabilidade para um jovem rapaz de sua idade. Não apenas ele tem que se cuidar, mas de seu avô e sua irmã também.

Tio Ke desceu no cesto novamente, trazendo dessa vez uns 200 kg de carne de Urso Baoya. A carne desse tipo de urso tinha uma textura áspera, sem nenhuma habilidade culinária ela não ficaria deliciosa. É claro, Feng realmente não se importava, desde que ela estivesse comestível ele iria come-la. Desde que ele chegou aqui, ele nunca tinha se sentido cheio antes. Embora ele comia grandes quantidades, ele nunca se sentiu cheio. Ele não podia entender isso, por que ele podia comer tanto?

Alguns caçadores e Feng gargalhavam enquanto eles voltavam para o castelo.

O Castelo do Penhasco do Tigre foi construído no lugar mais íngreme, com muitos obstáculos nos arredores. O centro tinha um raio de 2 km e tinha uma terra vazia para cultivar. As pessoas no castelo viviam nas cavernas abaixo do penhasco interno. Cada família foi intitulada com uma caverna, haviam cavernas naturais e cavernas feitas pelo homem. Uma cabine pequena feita de madeira, durante o verão as pessoas podiam viver na cabine, mas no inverno todos deveriam entrar nas cavernas.

O formato do castelo era como o de um prato, os residentes viviam no prato e do lado de fora do prato tinha o penhasco. Essa era a fortaleza natural do castelo.

Esse foi o por que daquele lugar se tornar uma área residencial rapidamente quando os humanos o descobriram.

…….

Andando rapidamente pra casa, a mão de Feng estava segurando uma grande perna de urso, e em sua outra mão haviam duas galinhas selvagens.

Ele alcançou a cerca de madeira que cercava sua casa que foi construída ao lado de uma caverna. Uma jovem senhorita viu Feng voltando e gritou, “Irmão, irmão…..” Enquanto corria na direção dele.

Com o frio já começando a chegar, a jovem senhorita usava um casaco longo que balançava enquanto ela corria, ela parecia como um animal de estimação rolando. Feng gargalhou, “Não corra…..devagar, devagar” e se agachou. Entretanto com as carnes em suas mãos, ele não podia abraça-la.

A senhorita subiu em seus braços e agarrou seu pescoço. Feng se levantou com a garota pendurada em seu pescoço dando risadas, “Irmão….. de quem são as carnes que você acabou de trazer….”

Feng usou sua testa para colidir gentilmente com a da garota e disse rindo, ‘Tio Ke deu algumas de suas presas que ele pegou hoje pra mim… Como está o avô?”

Ela suspirou, “O avô foi ferver sal e voltou agora”.

O Castelo do Penhasco do Tigre também tinham uma especialidade única, havia uma grande mina de sal subterrânea e uma pessoa poderia ir para o subterrâneo coletar agua salgada. Depois de ferver, ela poderia manter uma família por um tempo, e essa era uma das principais razões para os residentes do castelo conseguirem sobreviver em tal ambiente. Ferver sal também era uma tarefa normal para mulheres e pessoas velhas fazerem.

Contato entre o mundo exterior e o Castelo do Penhasco do Tigre era virtualmente impossível, os problemas devem ser resolvidos pela pessoa sozinha, o que fazia Feng não se acostumar. Depois de alguns anos de tormenta, ele gradualmente se integrou ao estilo de vida dessas pessoas.

A jovem senhorita continuava pendurada no pescoço de Feng e ambos conversavam enquanto andavam para a pequena casa. Feng gritou, “avô, estou em casa, olhe! O Tio nos deu uma perna da frente de um Urso Baoya com 15 kg, suficiente pra gente comer por uns dias”.

A pequena senhorita deslizou do corpo de Feng e correu na direção do velho homem, abraçando seu braço enquanto ele se agachava, “Avô, a Tia Qing nos deu um pedaço de couro de touro, eu deixei ele na caverna. Realmente é um grande pedaço, espere alguns dias e a armadura de couro ficará completa e o irmão poderá usa-la! Hehe, avô eu realmente sou competente, certo?” Ela exclamou com o rosto cheio de orgulho, causando Feng a gargalhar alto.

“Haha, irmãzinha realmente é confiável!”

Feng a elogiou.

O velho homem acariciou gentilmente a cabeça da jovem senhorita, concordou e disse, “Certo, Yaoyao é a pessoa mais confiável da casa!”

A jovem senhorita sorriu.

A armadura de couro é uma das necessidades de uma caçador. O formato especial da armadura de couro, que é inteiramente feita a mão e de uma variedade de peles de animais, costuradas firmemente nas camadas internas escondidas, era uma armadura produzida localmente feita de couro de touro como material principal.

A criação de uma armadura de couro realmente é complicada, com um total de somente 10 produtores. Perto de dois anos atrás, seu avô começou a fazer uma e uma grande parte foi feita com a ajuda da senhorita. Com duas gerações trabalhando duro até que recentemente, ela podia ser anunciada como quase completa por que estava faltando um pedaço de couro de touro.

Essa armadura foi especialmente feita para Feng quando ele saísse para caçar. Para os caçadores do Castelo do Penhasco do Tigre, é uma tradição que os caçadores tenham que usar um pedaço do couro da armadura feito pela sua família, personalizado você pode dizer. Uma vez que ele usasse essa armadura, Feng finalmente seria um caçador.

A armadura de couro precisava de 3 tipos de couros. Um couro macio para a primeira camada, que deveria ter muitos buracos do tamanho de feijões de soja, não somente macio mas teria que ser bom para bloquear o frio. A camada do meio é o couro de touro, e a camada externa é o couro de um animal conhecido como Urso Chagmao. Durante a criação da armadura, a pele seria usada junto criando uma marca. E depois de passar um óleo de um tipo de animal, ela não somente seria resistente ao frio, mas também seria uma armadura com uma alta defesa.


Fontes
Cores