Social Post 2 - KotB - Novel Mania

Novel Recomendada: The King of the Battlefield (KotB)


Se ajeita aí e prepare-se para o textão. Afinal, o que é um post do Heilong sem textão?

KotB (The King of the Battlefield) é uma web novel coreana. Escrita pelo autor Onhu, que também escreveu Dungeon Hunter e God Hunter. KotB está completa em coreano, com 270 capítulos.

E, agora, se preparem para uma das melhores recomendações das suas vidas!

Sinopse:

A humanidade estava à beira da destruição. Muyoung, um assassino da Floresta da Morte, caiu de joelhos. Havia cadáveres ao seu redor. Durante anos, ele trabalhou para a Floresta da Morte e finalmente conseguiu erradicá-la. Agora, ele mesmo, estava prestes a morrer. Fechando seus olhos, enquanto sentia seu coração parar.

Repentinamente, Muyoung abriu os seus olhos novamente. E por algum milagre, ele ainda estava vivo. Ele então percebeu que na verdade tinha voltado 40 anos no tempo. Junte-se a ele conforme decide corrigir os erros passados da humanidade e lutar contra os 72 Deuses Demônios do Submundo.

Opinião:

Bom, essa opinião será dada apenas por mim, Heilong (até porque, sozinho já faço textão, imagina se outras pessoas forem opinar também).

Sei que há os 10 motivos abaixo desse ponto, porém quero comentar um pouco da jornada em KotB. Tudo bem para vocês?

Pode parecer um pouco sentimental e, talvez seja, mas vamos lá.

KotB foi uma das poucas novels que me motivaram de verdade a querer traduzir com empenho e dedicação real. É um sentimento raro para tradutores que já tem alguma ‘bagagem’ de tradução, podem acreditar.

E, preciso sim comentar e esclarecer a pergunta que a maioria dos leitores pensam e comentam: Por que demora tanto para lançar capítulos?

E então, chegamos na parte que começo a falar da iniciação do projeto. Leitores, acredito que os que leem meus posts sabem o que priorizo desde que iniciei o projeto; qualidade.

Bem no início, antes mesmo da equipe saber que estava traduzindo, já tinha traduzido 25 capítulos – que foi muito rápido –, e até mesmo houve revisão do Bravo, que nem fazia parte da equipe naquele tempo!

Quando entreguei os 25 capítulos para Ana – a revisora chefe –, gente, sério, ainda tinha muito erro. Ela e eu tivemos que discutir tantas coisas, muitas revisões, edições e retraduções… Vocês não imaginam quantas vezes olhei para o prólogo de KotB. Eu parei de contar depois da sétima vez. (Sério Ana, obrigado por não ter desistido. Sofreu junto comigo).

E nenhum outro capítulo foi diferente, quero que imaginem vocês lendo o mesmo capítulo 7 vezes! Tendo que definir cada coisinha, cada ponta solta e corrigindo cada minúsculo erro. E mesmo assim, não sendo suficiente! Sempre há erros!

Leitores, eu sofro sim em KotB, porque eu amo o que faço e o que traduzo. Peço desculpa pela demora, a frequência toda desregulada, mas eu posso afirmar de peito aberto; The King of the Battlefield é uma das novels mais bem cuidadas de todas que já foram traduzidas para português. E sem a demora, ela não seria isso.

Para terem noção, até hoje mexo nos primeiros capítulos. Atualmente estou vendo como KotB ficaria com travessão e editando parágrafos para que fiquem de acordo com o formato correto.

Quero que imaginem. Você é o tradutor, então apenas traduz, correto? Pode ser assim, mas não sou assim. Eu não apenas traduzo como deve, eu vou mais fundo e procuro a essência do que estou fazendo.

Então, a demora para lançar capítulos é porque eu busco a essência da obra. Se você não considera ela incrível, tudo bem, eu faço por minha vontade.

Eu traduzo, edito a tradução, procuro aprender os assuntos abordados nas notas para explicar, reviso a revisão e revisava até mesmo o QC. Não é um trabalho de 2 horas como de tradutores costumeiros de novels.

Não é só traduzir e largar na mão do revisor. É ter carinho e cuidado. Coisa que nem mesmo o próprio tradutor gringo teve.

E como sou um ser humano, não posso dedicar todo meu dia no projeto. Minha revisora também tem seus compromissos e problemas. Pode parecer uma desculpa, mas não tenho motivo para fazer isso, afinal, eu traduzo sem esperar nada de volta. Então, meio que não preciso nem dar desculpas.

Porém, eu respeito meus leitores e cada comentário (menos os que dizem “obrigado pelo capítulo”) me dão vontade de continuar.

KotB pode não ser a melhor novel para alguns, talvez, até seja uma merda de ler. No entanto, ela é parte da minha história como tradutor. Com ela, nunca teria aprendido as coisas mais importantes na vida. Não a obra em si, mas o projeto.

Sem esse projeto, não teria melhorado minha tradução, minha revisão e nem meu português.

Era para ser um texto de opinião, mas sinto que preciso agradecer as pessoas que me ajudaram a chegar aqui.

Obrigado Bloody e Wolf, por me ajudarem a traduzir.

Obrigado Bravo, por ter dado o apoio que precisava no início.

Obrigado Ana, por ter me ensinado a ter as qualidades de um revisor.

E, obrigado Fixxer, que muito me xingou, mas melhorou, em muito, meu português e escrita. (E sim, eu sei que errei bastante coisa escrevendo esse texto).

Se leu até aqui e realmente sentiu um pouco do que quis transmitir, só posso dizer uma coisa; obrigado.

10 motivos para ler KotB:

(Com base em alguns leitores)

Obviamente, o primeiro motivo tem que ser vindo do seu querido tradutor, Heilong.

Motivo 1: Primeiramente, porque eu traduzo! Oras, precisa de mais?

Tá. brincadeiras à parte, vou falar sério.

Eu posso afirmar com toda certeza que KotB é uma novel magnifica que merece sim divulgação e todo meu cuidado. Se você não ler ela, perderá um mar de cultura e uma história fantástica.

Eu poderia muito bem elogiar ela, ficar falando monte de coisas, porém, vou direto ao ponto, afinal, a opinião já foi dada.

Não gastei meu tempo, esforço e cuidado com uma obra pequena, eu trato essa obra como merece, ela é lotada de mitologias, lutas interessantes, um protagonista que não está lá em busca de coisas pequenas, ele só tem um objetivo e, é o que realmente importa em toda história.

Se você está procurando harém forçado e protagonista OP, bom, está no lugar errado. Muyoung realmente evoluí rápido, com base em todo seu conhecimento, porém, ele nunca se sente bem com a força atual do seu corpo e sempre segue os planos pré-estabelecidos por ele, raramente desvia seu caminho para outra coisa. E sobre o harém… Muyoung quase meteu um porradão na cara da primeira mulher que se ofereceu para ele. Preciso mesmo dizer mais?

E, uma última coisa: Não estou apenas traduzindo um texto, estou traduzindo uma parte de uma grandiosa cultura. Não estou aqui para apenas dar um texto sem qualquer destaque e, sim, estou aqui para ensinar e não entreter.

Não dou todas as notas em KotB apenas para serem ignoradas, leitura ensina! Leitura se aprende e melhora a pessoa.

Se você quer entretenimento, procure uma série, sinceramente.

Em KotB é necessário ler as notas, mesmo que esqueça algumas, se você ler elas, acredito que vá aprender sim pelo menos uma coisa, e se você aprendeu, isso vai mostrar que meu trabalho não foi em vão e nem sua leitura.

Longo esse motivo hein? Sim, foi bem longo, poderia ter feito 50 motivos sozinho, mas não seriam suficientes para colocar todas minhas palavras. Esse motivo 1 é basicamente minhas emoções colocadas em palavras e não um motivo. Se quer entender quão emocionante foi para traduzir KotB, apenas leia e sinta. Obrigado.

Motivo 2: Cara, eu achei interessante de ler por causa da evolução do protagonista (Muyoung). Gosto de acompanhar como ele conquista as coisas e os objetivos que tem em mente. É tudo de um jeito que você nunca espera que é ou o que vai ocorrer (além do bicho ser mente fria e estrategista, que me chama bastante a atenção). E, apesar de ter seus pontos sombrios, a parte humana que ainda permanece nele dá uma pitada de humor e carisma. – Barão

Motivo 3: Eu gosto de KotB, porque realmente nunca sei o que esperar em alguns capítulos. Principalmente, quando acaba com um final que te faz pensar em mil coisas que pode acontecer no próximo. – Marina Okumura

Motivo 4: Gosto de ler KotB devido a evolução que o MC propôs a ter, resultando em uma virada de eventos inesperados, uma vez que ele já tenha enfrentado algumas situações e a partir delas ele traça seu caminho. Sem falar da pegada imersiva que você sente devido aos traços e características de jogos (RPG, MMORGP e afins) encontrados na obra.

Enfim, uma belíssima novel. – BravoEd

Motivo 5: Leio pela evolução, não apenas do protagonista, mas de todo o universo em que a história se passa. O autor não focou apenas no protagonista e tornou o resto plano de fundo, eternamente estático. Tudo e todos possuem uma evolução, para melhor ou para pior. Eles erram, aprendem com seu erro e crescem a partir dele.

Muyoung, quando aparece pela primeira vez, era como uma folha de papel em branco, ou melhor, uma folha de papel com uma única palavra “matar”, porém, conforme a história se desenvolve é possível notar o quanto ele muda, quantas novas palavras aquela folha de papel possui.

Apesar de ter sua arrogância, ele não é convencido. Ele sabe de suas fraquezas, sabe que não é perfeito, e luta para melhorar, para chegar o mais próximo possível do ápice.

Ele também não é um personagem que luta descuidadamente achando ser indestrutível, ele é cauteloso e um estrategista, ele se move conforme o plano desenvolvido, mas sabe como se adaptar sob situações inesperadas.

No final, KotB é uma novel incrível em que o leitor pode crescer junto dos personagens. – BloodyDragon

Motivo 6: A mais nova tradutora também deu opinião sobre: Os capítulos de KotB prendem sua atenção do começo ao fim, te fazendo entrar em um ciclo vicioso por mais capítulos e consequentemente te faz odiar o tradutor pela demora nos lançamentos. – Deby

Em resposta, apenas digo: A pressa é a inimiga da perfeição.

Motivo 7: Se você gosta de protagonista poderoso na vida passada ou algo assim e ele reencarna ou volta no tempo, KotB vai cumprir muito bem sua expectativa. Com um desenvolvimento nem rápido nem lento, KotB mostrará uma nova interpretação para você.

Motivo 8: Os motivos para ler são tantos, e muitos já foram mencionados, portanto eu não tenho muito a agregar, só quero dizer para lerem e comprovarem todo o mencionado nesse post, e posto que KotB foi um projeto complicado desde o início, porém só tenho a dizer que a contínua “batalha” vale a pena, pois é uma história que te ensina e agrega, além de mostrar a determinação, força e paciência em evoluir, através de um personagem nada comum, meu querido “Marido” que não se importa com nada além de seu objetivo. – Ana Paula

Motivo 9: Com certeza esse motivo é o melhor: PORQUE É COREANA! Sim, coreana!

Agora o motivo de ser bom? Simples, é porque não tem aquela enrolação sem fundamento de chinês que fica toda hora repetindo mesma coisa de maneiras diferentes.

Fora que tem um objetivo desde o começo da novel! Não há enrolação, apenas uma trama foda, ação para caralho e personagens incríveis!

Preciso mesmo dizer que amo traduzir ela?

Motivo 10: Essa novel é para aqueles cansados de cultivo. Você pode gostar ainda de cultivo, porém, quer algo com boa ação, boa história e também um personagem sangue frio. Então, KotB foi feita para você. Não há como não gostar de cada capítulo, tudo tem ligação para uma trama gigantesca no final.

Motivo Extra: TEM NOTA FODA PRA CARALHO! TEM MUITA NOTA, MALUCO! E É BOM QUE VOCÊ LEIA TODAS!


Acredito que esses 10 motivos poderiam ter dado 30 ou 50 se eu editasse, porém, são realmente opiniões e motivos de cada pessoa que leu, não mudaria isso nem se quisesse.

Se você leu tudo isso e quer ir logo para sua leitura, então não perca tempo e
COMECE AGORA!


Web Analytics
Fontes
Cores