WCC – Capítulo 17 – A Vida Diária e Dia de Descanso de um Soldado



Amanhecer~~

Nos andares superiores do Palácio de Volance, dentro do dormitório dos cavaleiros reais, Yuusuke estava brincando com alguns pequenos itens em seu quarto. Ao tirar vantagem dos efeitos especiais melhorados por sua habilidade de customização, ele aplicou um efeito de recuperação e um efeito de tranquilidade em seu pijama, e como um resultado isso permitiu que ele acordasse mais cedo na manhã e diminuísse seu tempo de sono. (NT: Eu juro que isso aumentaria meu tempo de sono…)

E então pelos últimos alguns dias, Yuusuke esteve realizando uma rotina diária de manufaturar acessórios customizados durante as horas vagas da manhã.

“Hmm, como eu suspeitava, quanto mais claras as gemas, melhor as melhorias.” (Yuusuke)

Usando seu pagamento, ele comprou gemas preciosas para criar anéis e braceletes com efeitos especiais através de sua habilidade de customização, isto é para se preparar com itens para combinar com as várias situações que ele encontraria. O valor número de compensação dos efeitos especiais eram várias vezes maiores do que os anéis baratos que ele comprou no estande próximo das redondezas da torre de observação 8 dias atrás.

Para poder esconder o fato dos escalões superiores, Violet e seus subordinados deviam dizer que “leva tempo para fazer mesmo que um” desses equipamentos com efeitos especiais.

Graças à habilidade de melhoria dele, Yuusuke geralmente tem uma vida diária pacífica e quieta no palácio.

Devido à missão realizada com sucesso, quando ele retornou da fortaleza, onde Yuusuke e seu grupo inesperadamente eliminaram um time de elite inteiro de Blue Garden, o então chamado “Pet da Princesa” causou um reboliço e choque dentre cada uma das diferentes facções dos elites do palácio.

Em particular, a ascensão de Yuusuke fez os candidatos à noivo da Princesa Violet ficarem cautelosos dele, que era inesperadamente sortudo. Também, sendo acompanhado por seus homens que não eram talentosos fez dele ainda mais suspeito, logo eles não conseguiam adivinhar aonde a lealdade dele fica.

Como era a política do Rei Esvobus evitar uma guerra de escala completa, não havia realmente qualquer oportunidade para conseguir rapidamente crédito e conseguir um feito de valor.

Como uma retaliação à provocação repetida de Blue Garden, haviam pessoas dos funerais das vítimas que ergueram suas vozes para abanar as chamas de guerra, mas devido à falta de informação do usuário de artes divinas Yuusuke que era dito de ter aniquilado o inimigo usando um efeito em área, o número de pessoas que concordaram com isso eram poucos.

Enquanto isso, infeliz com Yuusuke sendo concedido com um feito de valor, os candidatos à noivo partiram para pegar testemunhos dos subordinados de Yuusuke sobre o incidente das adagas que foram “concedidas pelo Capitão Yuusuke” devido à sua incrível performance.

Apenas por segurar elas você podia se sentir ficando mais forte, seu corpo fica mais leve e ela também amplifica suas artes divinas, apesar que a aparência parece ser de uma adaga ordinária. Um dos soldados de fogo equipou esta adaga para um teste de artes divinas e ele foi capaz de produzir uma bola de fogo 1,5 vezes maior do que seu normal.

Então eles se aproximaram deles por todos meios para conseguirem aquelas adagas, mas Vermeer e seu grupo recusaram eles educadamente dizendo, “este item foi pessoalmente concedido para nós por nosso capitão”. E então para evitar a inveja e problemas no futuro eles astutamente disseram “se vocês absolutamente querem uma, vocês deviam ir e negociar com nosso capitão”.

Depois de saber sobre a situação, ele consultou com Violet e Kreivol para bolar um plano. Ao reajustar os stats nos 4 anéis que ele anteriormente usou para subir e descer a torre de observação, ele os deu para cada um dos 4 capitães dos cavaleiros reais.

“O Anel das Artes de Fogo”, “O Anel das Artes d’Água”, “O Anel das Artes de Terra”, “O Anel das Artes de Vento”, esses eram os encantamentos que os anéis foram ajustados para combinar com as diferentes artes divinas. Mudando o design para combinar com os tipos diferentes de elementos de arte divina, esses anéis possuíam uma pontuação maior de amplificação do que as adagas de Vermeer e seu grupo.

Kreivol equipou o anel que foi dado para ele e testou suas próprias artes de fogo. Normalmente, quando ele imbuia fogo em sua lança haveria uma chama vacilante que parecia envolver e queimar ao redor da lança, mas com o anel a chama parecia ser da lança em si como se estivesse focada na lança, logo parecendo como uma lança flamejante ao invés de uma lança vestindo chamas.

A performance da lança flamejante se tornou o centro das atenções nos olhos dos soldados, enquanto os soldados ainda estavam maravilhados, Kreivol começou a discutir sobre isso com Yuusuke.

“Eu ficaria muito feliz, se você pudesse fazer esse equipamento para meus subordinados também.” (Kreivol)

“Eu poderia, mas eu só posso fazer eles no meu tempo vago entre missões, no que leva bastante tempo…” (Yuusuke)

Isto chegou à um entendimento mútuo entre os soldados como “se você gostaria de ter um equipamento feito pelo Yuusuke, você não deve interferir com ele”. Como um resultado, do palácio até a cidade, quase ninguém ousaria vir e ofender o humor de Yuusuke.

Neste caso “quase”, apesar que haviam algumas exceções. Em primeiro lugar, não haviam muitos jeitos para irritar o humor de Yuusuke.

“Hey, Yuusuke. Posso ter um daqueles anéis?” (Hivodir)

“Ainda não. Os vice-capitães não deveriam ser os próximos na lista? Normalmente.” (Yuusuke)

Enquanto no seu caminho para os refeitórios, ele coincidentemente encontrou Hivodir no corredor e andou ao lado dele, então ele insinuou para Hivodir que o processo de manufatura consome muito tempo, “a espera é aproximadamente por volta de 50 dias”.

“Se alguém tiver que dizer, certamente com as corps de deus, eu posso ser apenas um dos elites, mas dentro do palácio, meu ranque de nobreza de longe supera os capitães.” (Hivodir)

“Eu não sei, e eu não estou ciente.” (Yuusuke)

Tendo amizade com sua majestade Violet, sem mencionar tendo a habilidade para ser anunciado como um herói, este capitão do deus das trevas já está no mesmo patamar que os outro 4 capitães de deus. Enquanto a maioria dos cavaleiros reais tem sua hesitação em aproximar Yuusuke, mas aquele que era a pior para se encontrar, Hivodir, era a única pessoa com a assertividade para se aproximar dele.

De seu próprio jeito, ele mostrava os sinais do peso de ser de uma linhagem de uma família nobre de alto ranque, tendo um complexo de não ser forte o suficiente, enquanto sentia que seu poder puro de artes divinas não é o suficiente, então querendo compensar isso por outros meios e mudar o estado de quando ele veio aqui.

Para uma pessoa assim como ele, ele era o único que se aproximou de Yuusuke, sem perceber que ele usou seu nome de família e herança como uma tática, apesar que isso foi só uma perda de tempo.

“Bem, eu esperei o melhor equipamento apropriado para mim.” (Hivodir)

“Ehh, você não vai comer?” (Yuusuke)

Enquanto Yuusuke e Hivodir entravam no refeitório, Hivodir repentinamente balançou sua mão e a colocou nas costas de Yuusuke, Yuusuke então virou sua cabeça para trás e olhou para ele, Hivodir disse com um sorriso assassino, “de manhã, eu tomei o café da manhã na casa dos meus pais”.

O garçom veio na frente deles empurrando um carrinho de comida no que ele tentou passar por eles, Yuusuke sentiu que era interessante no que Hivodir deixou uma impressão nele enquanto ele entrava no refeitório.

“Vo-VOCÊ! Olhe para onde você está indo, seu cara estranho!” (Hivodir)

“Awawawa, me desculpe! Você está bem?” (Garçom)

“Hmm, esse é um cara surpreendentemente interessante.” (Yuusuke)

***

Tarde. Como de costume, Yuusuke foi mostrar seu rosto para seus subordinados na sala de descanso/espera para os soldados de corps de deus. Alguns dias antes, quando Violet trouxe Yuusuke e visitou este lugar, a atmosfera geral era dita como sendo de uma taverna, e agora ela se transformou numa sala mobiliada não inferior às salas de descanso/espera dos cavaleiros reais.

Apesar de não haver quaisquer decorações esbanjadoramente luxuosas, havia um sofá especial e mesas que não podiam ser encontrados nos andares superiores.

“Oh, o capitão está aqui.” (Fonke)

“Obrigada pelo bom trabalho, Capitão Yuusuke.” (Aisha)

“Yo. Hoje, só Fonke e Aisha estão aqui, onde estão os outros?” (Yuusuke)

“Isotta está fora de serviço hoje, Vermeer oji-san está fora patrulhando.” (Fonke)

Shaheed está atualmente nos campos de treinamento fazendo seu treinamento pessoal. Apesar de dentro da sala de descanso/espera não ser apenas os subordinados de Yuusuke, haviam outros grupos diferentes de soldados de corps de deus lá dentro também, mas a maioria deles não hesitavam para trocar diálogos com Yuusuke, diferentes dos cavaleiros reais.

“Sr. Capitão, você poderia produzir aquele sabor de suco de fruta de novo, por favor.” (Soldado)

“Me desculpe incomodar, mas a lâmpada quebrou… você seria capaz de arrumá-la?” (Remendado)

“Sr. Capitão, a roupa íntima que você fez para mim antes, você poderia fazer ela um tamanho maior para os peitos?” (Amarrada) (NT: ( ͡° ͜ʖ ͡°))

Como de costume, os soldados gerais que tinham uma variedade de pedidos vieram até ele. Usando a desculpa de encontrar com seus subordinados, Yuusuke esteve frequentemente indo para a sala de descanso/espera, e por isso ele reparou e customizou a mobília na sala, ajustando os vários gostos do vinho de fruta que eles traziam para ele, então aprofundando a camaradagem entre eles.

Assim era a missão de Yuusuke, observar as pessoas comuns, ouvir as vozes deles, e relatar os achados do que ele ouviu para Violet. Ele também é capaz de ouvir os diferentes tipos de fofocas e histórias dos soldados gerais que vão em missões patrulhar dentro da cidade. De histórias interessantes à histórias depressivas que fazem alguém franzir, uma variedade de histórias que ele ouviu.

Uma história de horror sobre um fantasma da realeza cujo corpo foi enterrado sob a cidade devido ao emprisionamento, uma história sobre um homem que molhou suas calças quando ele alcançou o topo da torre de observação! Haviam também histórias assim que não se podia rir.

“Capitão, você está indo para a cidade hoje? Hey, me leve junto.” (Fonke)

“Err, como eu sempre estive seguindo em direção da torre de observação, hoje eu quero explorar uma localidade diferente.” (Yuusuke)

Enquanto respondia aos pedidos dos soldados, Yuusuke entregou o licor de fruta e carne seca customizados para Fonke, onde o grupo de bebedeira fez um som estranho de “uhyo”, enquanto apressadamente deixavam a sala de descanso/espera.

Olhando para o jeito que eles escapavam, era incrível como o rosto de Aisha migrou de um olhar chocado para um rosto bravo em meros segundos. Já que essa já era a 4ª vez que ela deu bronca neles.

“Capitão!” (Aisha)

“Hiyo~” (Yuusuke)

Tendo ouvido isso, Yuusuke correu embora com toda sua força pelo corredor.

Enquanto deixava o palácio sem uma carruagem, Yuusuke fez uso de seu anel de melhoramento de movimento e começou a correr em direção do distrito da plebe. Os itens que foram melhorados com efeitos especiais de defesa eram o conjunto de uniforme da corps da escuridão que incluía luvas, cinto, botas, as outras partes incluindo anéis, braceletes etc.

Equipado com um manto, correndo pelas ruas dos distritos nobres e de classe média como uma sombra como se fosse uma ventania súbita feita por um usuário de arte divina. A figura do “Herói da Fortaleza Gear Hawk” correndo foi reconhecida como uma vista famosa na cidade.

“Hmm, vejamos, hoje eu devo seguir na direção dos ranchos de moof.” (Yuusuke) (NT: Vide capítulo 6.)

Por conveniência, Yuusuke usou a direção em que o sol sobe até o leste, e começou a andar na direção da parte noroeste da cidade. Era a exata direção oposta de onde a torre de observação ficava. A propósito, a Fortaleza Gear Hawk está localizada ao oeste. A vila Rufk é um pouco no sul da direção leste.

No lado oeste da cidade haviam hectares de ranchos, mas devido às atividades recentes de Blue Garden onde haviam muitas aparições de feras selvagens e monstros causando destruição, logo a relocação planejada foi para o norte ou leste da cidade.

Yuusuke estava andando por esta estrada do distrito da plebe quando repentinamente ele viu um rosto familiar e parou de pé.

“Isotta!” (Yuusuke)

Ao invés de sua aparência de soldada normal, Isotta estava vestindo roupas casuais de cidade, enquanto tentava passar trotando segurando um saco em seu peito cobrindo metade de seu rosto. Então, os olhos de Yuusuke começaram a seguir o movimento dela no que ela passou a impressão que ela não realmente se sentia como uma soldada, mas uma garota ordinária.

Isotta estava abraçando um saco, e sem notar Yuusuke, ela andou para fora da multidão num beco que leva para fora da cidade. Por alguma razão ou outra, Yuusuke achou que isso era estranho e seguiu em direção do beco calmamente. No que o passo de Isotta era pequeno mesmo enquanto trotava, Yuusuke foi capaz de andar normalmente até alcançar ela. (NT: Trotar… não é caminhar, mas não é correr…)

Depois de sair do beco mal iluminado, era um canto onde os sem-arte vivem, um gueto que havia se espalhado como uma rua dos sem-arte. O que uma criança como Isotta estava fazendo na rua dos sem-arte? E, Yuusuke estando preocupado sobre Isotta, começou a pisar na rua dos sem-arte.

No que os residentes viram a aparição de Yuusuke, que era um cavaleiro real, todos eles começaram a entrar em pânico e se trancarem dentro de casa, haviam aqueles que correram para becos laterais para se esconderem, no que eles se apressaram para não se destacarem. Pela reação desta área, parece que aparentemente os usuários de artes divinas não tem uma boa impressão daqueles vivendo na área externa da cidade.

(Parece que esta é a reação deles se o oponente é um soldado, devido os ‘criminosos’ serem os usuários de artes divinas e as vítimas são os sem-arte, é concebível que eles estão assustados demais para fazerem qualquer coisa.)

Quase não haviam tópicos sobre os sem-arte que eram ditos pelos soldados. Pensando sobre usar sua audição para achar a localização dela, Yuusuke largou seus pensamentos no que ele viu Isotta entrando numa casa.

Pelo caminho até este lugar, você podia ver os sem-arte trocando cumprimentos com Isotta normalmente. Diferente da figura usual de soldado, ela parece uma garota ordinária, e atualmente ela está tendo uma conversa amigável com algum conhecido.

Isotta estava atualmente trocando seus cumprimentos com uma senhora idosa normalmente, mas na hora que ela passou por Yuusuke com olhos virados, e sua atmosfera tímida quando ela andou na estrada ao redor das proximidades. (NT: Eu acho que a velha evitou o olhar, enquanto Isotta fica tímida ao andar fora daqui… estranho, eu sei)

“Hmm.” (Yuusuke)

A pequena casa que ficava sozinha em que Isotta entrou era feita de pedras quadradas e madeira. No que Yuusuke andou até a frente da casa, ele podia ouvir um discurso estranho vindo de dentro.

“Você está saindo de novo? Apesar que você podia fazer as coisas lentamente.” (Homem)

“Sim… mas, eu não quero ficar para trás no treinamento das corps de deus… eu não quero ser um fardo para meus caros companheiros.” (Isotta)

A normalmente gaguejante Isotta mergulhou por baixo da porta de pano da casa, e no que ela viu a aparição do Capitão Yuusuke, ela deu um pulo repentino.

“Hiii! Capi-Capitão!” (Isotta)

“Yo.” (Yuusuke)

“Eeerrrmmmm… por-por que você está aqui?” (Isotta)

“Bem, eu estava vagando pela cidade e pensando onde eu devia ir…” (Yuusuke)

Yuusuke queria dizer que ele veio aqui com um propósito, mas parecia difícil dizer “eu vim com um propósito”, apesar dessas palavras parecerem um pouco desconfortáveis se você colocá-las assim. Isotta que interpretou errado o significado da frase dele começou a forçar uma explicação para fora.

“Is-is-isto não é o que parece! Eu não queria esconder isso! Pa-para ser liberada do serviço… e-eu terei problemas.” (Isotta)

“Hey, se acalme, se acalme. Eu não tenho ideia do que está acontecendo aqui.” (Yuusuke)

“… o que está acontecendo, Isotta.” (Homem)

A voz parecia diferente da voz de homem que ele ouviu agora pouco, sua cabeça e corpo estava envolto com bandagens no que este jovem homem de largo porte e cabelo branco saiu pela porta de pano. Atrás do jovem homem haviam 2 idosos, um homem e uma mulher que estavam ansiosamente olhando para eles. Aqueles dois idosos também são sem-arte no que ambos tinham seus cabelos brancos.

O jovem homem que tinha bandagens enroladas por seu corpo imediatamente tinha uma expressão convencida no momento que ele olhou para Yuusuke.~~

“Então você é o Herói de Gear Hawk?” (Shishio)

Ele estava de pé lá com um sorriso sem medo enquanto dizia isso.


Tradução: Thyros



Fontes
Cores