TYN – Capítulo 93 – Taberna



Noite daquele dia.
Acompanhando uma Raphtalia mal-humorada, nós entramos um bar na ilha para uma troca de clima.
No começo Raphtalia tinha uma expressão infeliz, mas depois de alguns minutos foi trocado por um sorriso.

A taberna estava transbordando com vigor e aventureiros barulhentos discutindo entre si.
Alguns estavam falando sobre lugares para caçar para aumentar levels, alguns estavam falando sobre acessórios comprados que aumentavam a experiência ganha.
Aquela fraude de vendedor está indo até que bem.
A propósito, quaisquer taxas de bar para os heróis são pagas pela rainha.
Um lugar desses realmente parece como um mundo diferente.

“Ah! Esse lugar parece divertido!” (Firo)

Já que Firo é um pássaro. Ela se interessou na música sendo tocada aqui?

“Divirta-se. Só que não cause nenhum problema.” (Naofumi)
“Un!” (Firo)

Firo corre com um pit-pat e começa a dançar com a música.
Enquanto sentamos num banco no balcão, nosso licor é providenciado.
Eu bebo levemente.
U-…n. Mesmo depois de vir para mundo diferente, o gosto do álcool não muda.
Parece suco.

“Isso é álcool…” (Raphtalia)
“Bem, deve ser tranquilo para você Raphtalia, já que seu corpo é aquele de um adulto.” (Naofumi)
“Hai!” (Raphtalia) (NT: Eu não sei se é isso que ela realmente disse, mas eu gosto de ‘hai’ então vou usar no lugar do velho ‘okay’.)

De algum jeito, o sentimento da Raphtalia colocando na sua boca gentilmente no copo é daquele de uma criança bebendo álcool pela primeira vez.
“… É levemente amargo.” (Raphtalia)
“É, eu acho.” (Naofumi)

Apesar que para mim parece como suco e água.
Eu nunca fiquei bêbado.

“O que Naofumi-sama pensa sobre beber álcool?” (Raphtalia)
“Nada particularmente especial… eu não tenho um hobby disso. Eu só bebo devido à situações sociais.” (Naofumi)
“Então é assim que é.” (Raphtalia)
“Tem pessoas no meu mundo que não bebem nada, deve ser o mesmo nesse aqui.” (Naofumi)

Ren e Itsuki são menores, mas nesse mundo diferente, eles provavelmente estão bebendo.
Ah… eu descubro Itsuki participando num banquete fora do bar.
Eu pensei que você fosse um menor.
Ah, bom, isso é um mundo diferente no fim das contas. Não deve ter nenhuma lei para punir ele.
A possibilidade do Ren bebendo também é bem alta.

“Pode ser bom medir o quanto você pode beber.” (Naofumi)
“Certo…” (Raphtalia)

Raphtalia coloca o copo na boca dele e vira todo o álcool.

“Como você está se sentindo?” (Naofumi)
“Vejamos.” (Raphtalia)
Eu relembro um banquete no meu mundo antigo.
Não tinha um senso de garotas particularmente evitando álcool.
Bem, Raphtalia tem acumulado muito stress recentemente, eu imagino se isso seria bom para ela.
Como o propósito original do álcool desde os tempos primitivos era para aliviar a fadiga do dia-a-dia.
Ela é alguém paciente no fim das contas. Eu estou bem interessado nos verdadeiros pensamentos dela.

“Hey, não se preocupe e beba.” (Naofumi)
“Okay.” (Raphtalia)

Enquanto recomendo Raphtalia beber, o canto do bardo pôde ser ouvido bem claramente.
Quando eu olho, a forma demônio da Firo está cantando junto com a performance do bardo.
No começo o bardo estava surpreso, mas depois de ouvir o canto inesperadamente bom da Firo, tensão começou a esquentar.
Não tem problema se eles estão curtindo isso…
Hm? Parece que Motoyasu também notou Firo cantando.
Deixe isso sozinho. Nem você poderia pular na forma demônio dela.

“Cante na sua aparência de anjo, Firo-chan~!” (Motoyasu)
“Não!” (Firo)

… Certo. Tudo parece em ordem.
Depois de trinta minutos.

“Nós podemos por favor aumentar nossos levels com Naofumi-sama hoje?” (Raphtalia)

Depois de beber quinze copos de álcool, Raphtalia fala seus pensamentos para mim
A linha de estar bêbada está sendo atravessada ambiguamente.
Exceto pelas bochechas dela levemente vermelhas, ela parece de algum jeito ainda sóbria.
O álcool parece consideravelmente forte.
Apesar que é legal para manter companhia, seria problemático para os efeitos aparecerem amanhã…

O chefe da taberna não pôde esconder sua surpresa ao quão forte bebedora Raphtalia é.
Aparentemente, os demi-humanos não são especialmente resistentes à álcool.
Contudo… as frutas estilo uva colocadas no balcão são muito deliciosas.
A impressão que elas me dão é como uvas condensadas, mas também tem um refrescante pós-gosto. Ainda, depois de comer uma… minha mão inadvertidamente estende por outra.

“E esse é o jogo-!” (Zé Ninguém)

Um cara que perdeu uma queda de braço caiu por aqui.

“Hey! Nós estamos conversando aqui, por favor pare de nos perturbar.” (Raphtalia)

Raphtalia declarou enquanto num mal-humor.
Normalmente ela não diria coisas assim. É o efeito do álcool?
O stress dela tem se acumulado até que bastante. A causa pode não ser só Motoyasu e Ren.
Parando para pensar, quase não teve descanso enquanto vendendo e viajando, lutando a onda e vivendo como fugitivos.
Reclamar pode ser necessário.

“Ha! Não reclame até você ganhar numa queda de braço.” (Zé Ninguém)
“É mesmo? … Tá. Eu serei sua oponente.” (Raphtalia)

Raphtalia enrola sua manga e declara sua participação na partida de queda de braço.
Bem… isso deve ser tranquilo. Só que seria problemático se alguém se machucar.
Mas… essas deliciosas uvas.

“Umm…” (Chefe)

O chefe da taberna ansiosamente fala comigo.

“Hm?” (Naofumi)
“Isso vai ficar tudo bem?” (Chefe)
“Bem, não deve ter um problema.” (Naofumi)
“Não, não é isso que eu quero dizer…” (Chefe)
“Sim?” (Naofumi)

Por algum motivo a expressão do chefe da taberna está pálida.
Por que ele está pálido?

“Álcool! Tragam mais álcool!” (Zé Ninguém) (NT: Não necessariamente são a mesma pessoa, é só o nome anônimo que eu uso)

E com uma voz muito alta, um homem trás um grande barril de frutas estilo uvas de um canto da taberna e mexe ele.
Esse é o ingrediente secreto? Ah, bom, as frutas são deliciosas então não tem problema.
A taberna continua a animação com um sentimento desses.
Já pela partida de queda de braço da Raphtalia, ela insta-killed o oponente dela. (NT: Ganhou instantaneamente)
Quem diabos pode derrotar ela em queda de braço?! E, tem gritaria.
Firo está cantando entusiasticamente com o bardo.
Parece que essa mudança de ambiente foi boa.
Enquanto pensava isso, eu joguei mais frutas estilo uvas na minha boca.

“Ah, o que você está fazendo!” (Zé Ninguém)

Um homem aponta para mim e grita alto.
A taberna inteira ficou silenciosa por um instante.

“Você, comendo a Fruta Rukoru diretamente, você quer morrer!?” (Zé Ninguém)
“Haa? Fruta Rukoru?” (Naofumi)

Como tinha outro ramo na proximidade eu joguei mais na minha boca.
Imediatamente depois, o ambiente aumentou o barulho.
Tem algo estranho?

“Na-Naofumi-sama. O que você fez?” (Raphtalia)

Parece que Raphtalia acordou do seu estado bêbado devido à comoção.

“Quem sabe? Eu não entendo porque esses caras estão fazendo uma comoção.” (Naofumi)

Esse gosto pode se tornar um hábito. Pode até ser meu favorito.
Vamos ter outra.
Eu jogo mais na minha boca.

“Ah, você ainda está comendo mais!?” (Zé Ninguém)

Por algum motivo, a atenção da taberna inteira está focada em mim.
Por que raios vocês estão tão surpresos?
Outra é jogada dentro.

“Qual o problema?” (Motoyasu)

Motoyasu vê o que acontece e se aproxima de mim.

“Eu não sei, esses caras desagradáveis estão reclamando sobre eu comer essa fruta.” (Naofumi)
“Interessante… essa fruta deve ser bem cara, certo?” (Motoyasu)
“É mesmo? Foi mal. Eu vou pagar mais tarde, então aguente por hora.” (Naofumi)

Sombra irá pagar o dinheiro se eu pedir. Como a rainha está do meu lado, eu posso comer em paz.

“Uhh… elas são de fato caras… mas não é esse o problema…” (Chefe)

O chefe da taberna responde meio ruim.
O que é?

“Uhh… err, a Fruta Rukoru só pode ser bebida depois de misturar ela com um grande barril de água. Quando você está comendo algo assim…” (Chefe)
“Haa? O que você está dizendo? Eu não serei enganado facilmente.” (Naofumi)
“Não… a verdade é…” (Chefe)
“Naofumi não ficando bêbado. Tal mentira não vai funcionar em mim.” (Motoyasu)

Enquanto dizia isso Motoyasu pegou uma Fruta Rukoru e joga na sua boca.

“Oh… que gosto rico. Isso é delicioso-” (Motoyasu)

Bem depois que Motoyasu disse isso, ele caiu para frente e colapsou.
Uma queda alta ressoou através da sala.
Haha! Os olhos desse cara ficaram totalmente brancos.
Falando nisso, essa fruta é perigosa?

“G-grande problema! O Herói da Lança-sama comeu uma Fruta Rukoru e colapsou!” (Zé Ninguém)
“Faça ele vomitar ela rápido!” (Zé Ninguém)
“Certo!” (Zé Ninguém)

A taberna foi jogada em outra comoção e Motoyasu foi carregado para fora.
Seriamente… a atmosfera divertida não foi completamente arruinada agora?
Contudo, essa coisa parece ser álcool altamente concentrado.

“Raphtalia, você quer comer uma?” (Naofumi)
“Não…” (Raphtalia)
“Então, Firo quer uma?” (Naofumi)

Firo para de cantar, vem até mim, e coloca a fruta perto da boca dela.
De repente, Firo surta e fecha sua boca e toma distância de mim.

“Não!” (Firo)
“Você não sendo a gulosa certamente é raro.” (Naofumi)
“Essa fruta, é nojento!” (Firo)

Hmm… por alguma razão a reação dela é muito ruim.
Eu não achei que Firo pudesse recusar.

“É um Uwabamiiiiiiiii” (Zé Ninguém) (NT: Isso significa alguém que pode beber muito; Google vai te dar um elefante dentro de uma cobra, segundo Bakahou)
“É um monstro!” (Zé Ninguém)
“Até o deus do álcool iria fugir com sua cauda entre as pernas–!” (Zé Ninguém)

O ambiente dissolve em caos.
Essa fruta… é algum tipo de piada?
Eu não serei enganado.

“Desculpe por causar um distúrbio. Devemos voltar para o hotel?” (Naofumi)
“O-okay.” (Raphtalia)

Enquanto estamos para sair, a taberna ainda estava num escândalo.

“Oh, certo, o ouro será pago mais tarde, um mensageiro do Herói do Escudo irá pagar isso, eu acho.” (Naofumi)

Enquanto dizia isso para o chefe da taberna, nós deixamos a taberna e voltamos para o hotel para dormir.
Mais tarde, teve um boato exagerado correndo pela ilha… era sobre o Herói do Escudo sendo um monstro no formato de uma pessoa.
O poder da Igreja dos Três Heróis ainda está vivo?


Tradução: Thyros




Fontes
Cores