TYN – Capítulo 259 – O Ladrão Cavalheiro



“E então, eu pensei em largar esse grande trabalho com você.” (Naofumi)

“E-eu não quero! Quando eu pagar pelos meus pecados, eu decidi voltar para minha vila e viver um estilo de vida decente.” (???)

Certo. Aquele que tinha uma taxa de encontro comigo anormalmente alta, e aquele que estava sob o Ren quando ele foi devorado pela sua maldição. Eu consegui permissão especial do país para tirar ele da prisão estatal, que depois ele teve seus direitos de escravos entregues à mim, e eu tive um contrato feito.

Eu estou no meio de persuadir ele.

Apesar das ofensas repetidas dele, ele está se arrependendo de boa. Ou talvez ele só não quer ter um contrato comigo.

“Você achou que você tinha o direito de recusar?” (Naofumi)

“Não importa o que, eu estou em reabilitação para que eu possa levar um estilo de vida honesto! Eu te imploro. Por favor não fique no meu caminho.” (Bandido)

“Se acalme. Primeiro, escute o que eu tenho à dizer. Não é como se eu estivesse pedindo o impossível. E você também vai se beneficiar até que bem.” (Naofumi)

Mesmo que eu continuamente derrotei ele, ele continuou carregando seu papel como um ladrão. Minha avaliação dele é bem alta.

Ele pode só ser amaldiçoado por má sorte.

“Primeiro, eu irei especialmente lhe garantir um aumento de classe. Eu irei até cobrir aumentar seu level.” (Naofumi)

A propósito, as sentenças que o país deram para ele incluíam trabalho de fazenda forçado depois de ter o level dele resetado.

Significando que o level atual dele é 1.

Ele não tem meios para lutar. Ele está no meio do trabalho duro para poder compensar por seus crimes.

Claro, ele é tratado como um escravo, então se ele tentar escapar, a marca de escrava dele vai matá-lo.

Parece que a administração é muito mais fácil aqui do que no meu mundo.

“Eu não sei onde sua cidade natal é, mas eu irei até dar apoio financeiro para sua família. Sob o pretexto que você foi contratado pelo país. Você deixará seus pais orgulhosos.” (Naofumi)

“Gu…” (Bandido)

O bandido soltou um pequeno gemido para minha proposta.

“Você está fazendo um ato bom. Se você ir bem, eu lhe prometo uma larga redução na sua sentença.” (Naofumi)

“Naofumi, você parece um belo vilão neste momento.” (Ren)

“Deixa. É uma delação premiada.” (Naofumi)

“Não, eu acho que é um pouco diferente.” (Ren)

“Então Agente Provocador.” (Naofumi) (NT: Eu não sei bem o que seria isso, mas eu acho que entra como ‘agente infiltrado’)

“Ele é um Agente?” (Ren)

Ren está me olhando com ceticismo.

“Ainda assim, eu irei…” (Bandido)

“Se acalme. Não seja apressado. Essa situação repentina deve ter te deixado com fome, certo? Devo trazer alguma comida?” (Naofumi)

E eu pego um prato que eu fiz para imitar um Katsudon. (NT: A polícia normalmente dá esse prato, acredito que seja importante mencionar isso.)

Era impossível procurar todos os ingredientes, então é realmente um prato diferente que só parece com um.

*Guu…*

O estômago do Bandido ronca.

Ele olha para o prato que eu fiz, e engole.

“Não se preocupe, isso não está envenenado. Você quer que eu dê um pouco para um ds meus escravos para demonstrar?” (Naofumi)

Eu chamo para cá a cachorra de tanga, e coloco um pouco num pequeno prato, e dou para ela.

“Niichan. Isso é delicioso também! Me dê mais.” (Kiel)

“Só espere um segundo. Se esse cara não concordar, você pode ficar com ele.” (Naofumi)

“Então recuse, pessoa que parece ruim.” (Kiel)

“E-eu só tenho que comer isso, certo!? Certo!?” (Bandido)

Fu…

O bandido começa a comer o pseudo-katsudon.

“O-o que é isso!? É ridiculosamente ridículo, não é!? Minhas mãos não conseguem parar! Isso me lembra da culinária da minha mãe… as lágrimas estão…” (Bandido)

Eu encarei contente o Bandido, que está atacando a tigela.

Agora que ele aliviou um pouco de stress, ele irá provavelmente escutar para algumas das minhas palavras.

Agora eu só preciso ter certeza de fazer um acordo por debaixo da mesa com ele.

Negociações assim com certeza são divertidas.

“Gu…” (Bandido)

“Se você só se mover por minhas palavras, eu irei escrever uma carta pedido pelo seu perdão.” (Naofumi)

“Ainda assim… eu não posso fazer algo como vender meus companheiros.” (Bandido)

“Firo!” (Naofumi)

“Eu entendi! Quando eu suceder, você vai fazer eles me deixarem livre, certo!?” (Bandido)

Eu tenho vários métodos para ‘negociar’.

Com esse método anterior, eu acho que até que algumas pessoas iriam ter concordado.

“Claro. É uma promessa.” (Naofumi)

Isso se você suceder.

“Naofumi…” (Ren)

Ren abre sua boca como se ele quisesse falar alguma coisa.

“O que?” (Naofumi)

“Não… não tem escolha… certo? Eu sinto como se eu acabasse de começar a entender sobre o que Eclaire-san estava dizendo.” (Ren)

“Ainda, tem um limite entre ir fora e caçar bandidos, certo? Neste caso é melhor nós cortamos logo eles pela fonte.” (Naofumi)

Usando esse bandido, nós podemos investigar a causa do influxo repentino de bandidos, e manter a ordem pública ao mesmo tempo.

Se a vinda dos heróis fortalece a luz do mundo, nós temos que cuidar das sombras que vem como um resultado também.

E só quantas pessoas neste mundo iriam deduzir que um herói iria ir por aí empregando bandidos?

Mesmo que alguém deduzisse, todos os quatro heróis estão estacionados no meu campo, não há nada para temer.

Se eu pensar sobre isso, minha posição mudou até que bem…

“Primeiro, você irá juntar seus companheiros ladrões. Então você terá que aumentar suas forças. Claro, você não pode ir por aí atacando nenhum mercador do meu lugar.” (Naofumi)

A propósito, eu já negociei com o Mercador de Acessórios.

Ele estava extasiado, e disse algo sobre me fazer o sucessor dele.

Eu não consigo entender o que motiva ele para isso.

“Se eu não posso atacar mercadores, como você espera que eu viva!? Não subestime bandidos!” (Bandido)

“Eu nunca te falei para não atacar eles, certo? Na verdade há alguns mercadores que eu de fato quero que você ataque.” (Naofumi)

De acordo com o Mercador de Acessórios, há vários mercadores ruins que não se ligaram à Guilda dos Mercadores. Eles quebram as regras e regulamentos, e vendem nos territórios dos outros.

E apoiando eles está a facção moderada da coligação anti-escudo.

Eles não agiram durante o incidente da lavagem cerebral, mas mesmo agora eles estão acumulando riqueza e poder para se livrarem de mim.

Eu lembro de ver alguns nobres assim me encarando.

E pessoas com tanta influência são aquelas mais prováveis de manter bandidos sob seus cintos.

Apesar que eu não sei a verdade do assunto.

“Eu não consigo ver a diferença!” (Bandido)

“Está tudo bem. Eu irei reportar as rotas e programações para meus mercadores e vendedores. Você será capaz de escolher mercadores maus, e tomar a carga deles.” (Naofumi)

Pessoas chamam isso ‘procurar por problema’.

Eu acho que ele seria um ladrão da justiça que só iria roubar do mal.

“E? O que eu devo fazer sobre a carga desse roubo?” (Bandido)

“Vejamos. Você pode levar isso para o meu lugar, mas seria problemático se eles seguissem. Vamos usar metade dela para pagar seus subordinados, e distribuir a outra metade para as cidades e vilas infelizes. Se você fizer assim, você não será mau para o mundo. E o país irá… olhando para mim, você consegue dizer, certo?” (Naofumi)

“Isso é algo que um Herói devia estar fazendo…?” (Bandido)

Eu não quero ouvir isso de um bandido.

Operações camufladas são uma prática comum numa organização grande.

Junto com a Rainha, eu irei só carregar uma varrida de lixo em larga escala.

“Isso será tudo bem?” (Bandido)

“Os Heróis também irão ir por aí sob o pretexto de se livrar de bandidos. Como o chefe com boa intuição, você irá cuidar da operação. Se você achar um subordinado problemático ou alguém ficando no seu caminho, as pessoas do meu lugar irão cuidar deles. Mas se você nos atacar por vingança, nós não iremos demonstrar nenhuma piedade.” (Naofumi)

E então eu consegue tomar um bandido como um discípulo.

O que é sobre upar ele?

Eu só irei deixar isso para o programa de treinamento espartano da Firo.

“Naofumi… você não está ficando mais e mais escuro? Seria problemático se Eclaire e Wyndia fossem te imitar, você sabe.” (Ren)

“Se você só cortar o topo do mato, ele vai crescer de novo, certo? Nós precisamos puxar ele fora da raiz para limpar o jardim.” (Naofumi)

“Não, não é como se eu não entendesse de onde você está partindo…” (Ren)

E do meu pequeno protegido, eu aprendi uma coisa.

Como eu pensei, a causa principal era o aumento de riquezas trazido sobre minha terra.

Como os bandidos deste país eram regularmente pegos pelos meus escravos, as forças deles diminuíram.

E então, muitos bandidos estrangeiros começaram a expandir suas áreas de atividade para cá.

Por causa disso, a quantia de bandidos aqui aumentou.

É como a causa e efeito onde se você caçar um animal demais, outro aumenta muito rápido.

Para resumir o resultado, uma grande organização conhecida como Guilda dos Ladrões Cavalheiros surgiu de repente em Melromarc.

O país pensou que era um jeito bom de cuidar dos seus bandidos mais maliciosos.

Bem, o número de organizações do submundo neste mundo meramente aumentou por um.

A propósito, o Bandido que eu treinei eventualmente se tornou bem famoso, mas essa é outra história. (NT: Seu nome era Robin… Robin Hood)


Tradução: Thyros



Fontes
Cores