TYN – Capítulo 254 – Vol. 1



“Então, eu irei para a próxima pergunta.” (Naofumi)

“… Sim?” (Itsuki)

O atual Itsuki parece ser incapaz de mentir.

Eu devo tomar isso como uma oportunidade para interrogar minunciosamente ele.

Desse jeito, será tarde demais para ele mentir quando a maldição dele sair.

“Por qual apelido você foi chamado no Coliseu?” (Naofumi)

“Perfeita Justiça Oculta.” (Itsuki)

“Fu-” (Naofumi)

Ah, eu quase comecei a rir.

Ele disse isso sem expressão e sem nenhum tom na voz dele.

“E por que você foi com esse nome?” (Naofumi)

“Porque Justiça ajuda pessoas mesmo quando elas não percebem isso.” (Itsuki)

“Você é um idiota?” (Naofumi)

“Talvez eu seja um idiota para você. Para você.” (Itsuki)

“… O que foi isso?” (Naofumi)

Espera, esse cara está só dizendo a primeira coisa que vem na cabeça.

Ele iria normalmente evitar de fazer comentários assim.

Mas o fato que ele pensou uma coisa dessas em si me irrita.

… Está bem. Eu irei descobrir porque ele é tão fixado em justiça mais tarde.

Ou senão eu vou ficar sem paciência.

Eu tenho um temperamento bem curto.

E eu não me importo sobre o senso de justiça ou qualquer coisa deste aqui.

“… Você disse que esse mundo era ridiculamente perto de um jogo que você conhecia, correto?” (Naofumi)

“Sim. Eu pensei que esse mundo funcionava de um jeito similar com o jogo Onda Dimensional.” (Itsuki)

Pretérito? (NT: Especificamente o imperfeito, mas quem liga para isso AQUI?)

Isso significa que ele pensa diferentemente agora.

Então o senso de jogo dele enfraqueceu pela maldição?

“Então aqui está a pergunta. Por que você desafiou a Tartaruga Espiritual?” (Naofumi)

“Porque se você não derrotar ela rapidamente, você terá que lutar com ela de qualquer jeito numa Missão da História. Mas aquilo é…” (Itsuki)

Eu irei omitir o resto.

Maioria da explicação dele se sobrepõe com a do Ren.

A conversa está indo basicamente como esperado.

“Próximo é Houou, certo?” (Naofumi)

“Sim.” (Itsuki)

“Fumu… próxima pergunta. Para esse jogo Onda Dimensional que você jogou… qual era o fim?” (Naofumi)

Essa é a diferença fundamental entre os jogos que Ren, Motoyasu e Itsuki jogaram.

Ren jogou VRMMOs, e Motoyasu jogou MMOs. Itsuki era em console.

Itsuki é o único que podia jogar o jogo até o fim.

“Depois que você derrota Ouryuu, a primeira parte acaba. Depois disso, é um mundo livre, e você pode fazer missões paralelas.” (Itsuki) (NT: Acho que desenvolvi um tumor por traduzir side quests, mas passo bem)

“O que!?” (Naofumi)

Isso é ruim! A informação do Itsuki se provou sendo inútil.

E o que ele quer dizer por ‘primeira parte’?

Tem jogos que vem em múltiplas partes que fazem você ter que comprar a sequência.

Era algo assim?

Me dê uma folga aqui. Termine a droga do jogo antes de ser enviado para outro mundo.

“Que tipo de jogo era ele, de qualquer jeito?” (Naofumi)

“Se eu tivesse que categorizar ele, seria Hack and Slash. O jogo em si foi feito cerca de 30 anos atrás no meu mundo. Uma versão demo sem nome foi colocada com um Jogo Ero Doujin. Ele precisava de 2TB de espaço no HD para rodar, mas ele instantaneamente se tornou uma sensação.” (Itsuki) (NT: Hack and Slash, também conhecido como “só apertar quadrado” pelos jogadores de PlayStation, são os jogos onde você anda e bate e é isso aí até o fim do jogo – God of War, Bayonetta, Devil May Cry e assim vai)

“Hah?” (Naofumi)

Ele de repente começou a falar eloquentemente.

Em primeiro lugar, o mundo do Itsuki tinha HDs de 2 Terabytes 30 anos atrás?

Eu pensei que o mundo dele fosse o normal aqui. Mesmo que ele não estivesse tão avançado tecnologicamente quanto Ren, ele ainda era do futuro.

Não é novidade eu não ser capaz de comunicar com ele.

Isso significa que Motoyasu é aquele cujo mundo é o mais perto do meu?

Não, ele deve ter vindo de um mundo direto de um Galge. Definitivamente.

Apesar que, isso pode ser só um Galge para ele.

“E?” (Naofumi)

“Esse jogo foi solto sem um fabricante conhecido. Eventualmente, os direitos para fabricação e venda foram comprados por um único milionário sob prisão domiciliar que deu todas suas ações para obter a licença dele. Foi um evento bem famoso e estava em todos jornais.” (Itsuki)

“… Por favor diga num jeito que eu possa entender.” (Naofumi)

“Isso aconteceu antes de eu nascer, então eu só tenho informação da internet. Os direitos de venda e fabricação foram comprados por um preço muito alto, parece.” (Itsuki)

“Hmm… e?” (Naofumi)

“Assim que ele obteve os direitos, aquele milionário desapareceu. Apesar que, ele de fato deixou seu nome nos livros de história. Os itens que ele deixou para trás foram investigados.” (Itsuki)

“O-okay. O que isso tem haver com Onda Dimensional?” (Naofumi)

“Está fortemente conectado. Como um resultado da análise da plataforma de jogos inacabada e sem nome que ele deixou para trás, o jogo Onda Dimensional nasceu.” (Itsuki)

De acordo com Itsuki, Onda Dimensional era um jogo onde tudo era possível se você tentasse isso.

Herói, Vilão, Santo, Mercador, Rei, Senhor da Noite. (NT: É, assim mesmo ( ͡° ͜ʖ ͡°) )

A quantia de personagens que podiam ser criados era inacabável. Isso era o atrativo principal do jogo.

Mas, todas as classes estavam conectadas no que elas tinham que completar as Missões do Mundo. Eles tinham que combater as ondas de desastre.

Esse aspecto era diferente do original, no que o mapa não era tão grande. Não que eu realmente precisasse dessa informação.

Maioria das quests podiam ser refeitas além destas.

De qualquer jeito, era basicamente uma forma livre de jogo.

E Itsuki veio para esse mundo depois de completar o Volume 1. Ele se convencer que ele era um Herói jogando um jogo.

No jogo dele, você era capaz de derrotar rapidamente a Tartaruga Espiritual para prevenir casualidades mais para frente.

“Então você não sabe o que vem depois do Ouryuu?” (Naofumi)

“Não.” (Itsuki)

Isso é inútil…

“… Próxima pergunta. Tinha uma ampulheta azul dentro da tartaruga. Você sabe algo sobre ela?” (Naofumi)

“Tinha uma no jogo, mas ela estava numa localidade diferente da que o Naofumi-san encontrou.” (Itsuki)

“Onde estava?” (Naofumi)

“Ela estava no centro da cidade onde ela estava selada.” (Itsuki)

“Fumu…” (Naofumi)

Ela foi tratada como um objeto de fundo?

Ela tem que significar algo, mas o mistério irá provavelmente se resolver da próxima vez.

Como era só o volume um, devia ter algum tipo de limite de level.

“Qual era o level máximo?” (Naofumi)

“100.” (Itsuki)

Uwah. Isso não está me ajudando em nada…

E como ele ousa me chamar de trapaceiro quando ele só tinha isso de informação sobre o jogo. (NT: Traduzir termos que eu uso frequentemente sem traduzir me dói… cheater é um deles)

“Eu estou surpreso que você foi lutar com a Tartaruga Espiritual assim.” (Naofumi)

“Devia ser um inimigo fácil no level 60.” (Itsuki)

“E quanto ao Houou?” (Naofumi)

“70.” (Itsuki)

“… Kirin?” (Naofumi)

“75.” (Itsuki)

De novo… parece que eu não posso esperar muito disso.

Esse cara perdeu facilmente no level 80.

“Houou é forte?” (Naofumi)

“Ele não é particularmente forte. Você tem que lidar com dois deles, e o fato que eles voam é irritante. Mas, eu sempre usei um arco para eliminar eles facilmente.” (Itsuki)

“É por isso que você teve a ilusão que você era o mais forte?” (Naofumi)

“Sim. Onda Dimensional era um Hack and Slash na superfície, então a maioria das pessoas não perceberam quão poderosas as armas e skills de longo alcance eram.” (Itsuki)

“O que você pensa agora.” (Naofumi)

“O Arco tem alguns prós e contras.” (Itsuki)

Bem, eu acho que ele iria perceber isso depois que nós continuamente espancamos ele.

Ou talvez ele tenha percebido isso, mas ele estava simplesmente negando isso.

Neste momento ele não pode mentir, então ele está dizendo o que quer que ele pensa.

“Fue… sobre o que Itsuki-sama e Naofumi-san estão falando? Eu não consigo acompanhar a conversa mesmo.” (Rishia)

Ele nunca sequer contou para os companheiros dele sobre o mundo dele?

Só quão escondido ele tem que ser?

“Eu ainda tenho mais para lhe perguntar. O que te levou a ser preso naquele prédio.” (Naofumi)

“Eu estava caçando recompensas no Coliseu de Zeltburg, e princesa Malty me convidou dizendo que ela queria me conceder poder.” (Itsuki)

Princesa Malty… é?

Parece que Itsuki realmente não sabe.

“Daqui em diante, você está proibido de chamar a primeira princesa por qualquer coisa além de Witch. Claro, sem honoríficos.” (Naofumi)

“Sim. Então então Witch explicou tudo sobre as maldades do Naofumi-san, e eu… concordei em ajudar ela. Quando eu segui ela, ela me levou até aquele prédio onde eu achei Mald e todos os outros que costumavam trabalhar comigo. Eles estavam todos bolando planos contra Naofumi-san.” (Itsuki)

“Entendo. Continue.” (Naofumi)

“Mald e os companheiros dele explicaram para mim que o tratamento anterior deles à mim era para poder me conceder uma oportunidade para amadurecer. Witch e alguns pesquisadores me entregaram algum tipo de fragmento de arma. Eu inseri ele no meu arco, e eu consegui um novo poder.” (Itsuki)

Fumu… até esse ponto, a história divide similaridades com  animes comuns de Robôs e Batalha.

Ao receber um poder estranho, a pessoa recebe um dever de lutar por paz mundial. Desconhecido ao público, eles precisam destruir o mal. Depois de perder para um inimigo poderoso, o grupo se dissolve por um tempo. (NT: Nem ideia de qual anime)

Mas, o líder continua a lutar sua própria batalha. Eventualmente, seus antigos companheiros de juntam à ele novamente, e ele se junta com a princesa espantada do seu próprio país. Juntos, eles derrotam um grande mal.

Ainda mais, a ex-princesa levou ele à descobrir um poder maior.

Com uma situação assim, eu acho que eu posso entender porque ele veio a acreditar que ele era o protagonista… ou posso?

O novo poder colocou muito esforço no corpo dele, então ele tinha que dormir num tubo de ensaio até a hora certa vier.

Eu talvez realmente assista um anime assim.

“Me deixe dizer isso primeiro. Essas pessoas estavam apenas te usando. Eu irei lhe mostrar a evidência mais tarde.” (Naofumi)

“… É mesmo?” (Itsuki)

Quando a maldição acabar, ele vai voltar ao normal. Melhor eu resolver isso enquanto eu posso.

Não é como se ele tivesse perdido a memória. Se a maldição dele começar a enfraquecer, ele será capaz de pensar por ele mesmo.

“Você ainda acha que o que você fez não é errado?” (Naofumi)

“… Eu não sei.” (Itsuki)

Ele realmente perdeu seu poder de fazer decisões.

Contudo, ele realmente responde questões honestamente.

‘O que você pensa sobre…?’ ‘Qual é certo?’

Ele não consegue responder questões assim.

“Itsuki-sama…” (Rishia)

“Então, você não sabe que tipo de item são as armas de Heróis, sabe?” (Naofumi)

“Não.” (Itsuki)

Ele realmente não é útil.

Só que não é como minhas expectativas fossem tão altas assim pelas pessoas que perderam para a Tartaruga Espiritual.

Mesmo assim, o fato que eu não consigo pegar nenhuma informação útil está me deprimindo.

“… Tem mais alguma coisa? Qualquer coisa que mudou?” (Naofumi)

“Agora que você mencionou isso…” (Itsuki)

“O que?” (Naofumi)

“Por um tempo, meu SP e Mana não estão recuperando.” (Itsuki)

Oy, isso significa que ele tem uma maldição prevenindo ele de usar Magia e Skills também?

Isso é o pior.

Ren não consegue ganhar nenhuma EXP, nem ele pode segurar nada que valha dinheiro.

Motoyasu… não tem realmente nenhum problema. Mas ele vê mulheres como porcas e não consegue entender as palavras delas.

E Itsuki obedece qualquer ordem que você dê; ele está sem expressão e sem emoção. O senso de Justiça se foi e parece que ele também não tem nenhum orgulho.

Mas, Itsuki usou ainda mais skills estilo de maldição que Ren, então ele está sendo mais afetado.

“Tem alguma outra coisa? Você irá me perguntar mais alguma coisa?” (Itsuki)

“Hmm? O que há de errado, Itsuki?” (Naofumi)

“Sobre o que?” (Itsuki)

“Itsuki-sama?” (Rishia)

“Eu disse algo estranho? O que devo fazer? Naofumi-san está me encarando.” (Itsuki)

Itsuki começa a exibir comportamento suspeito.

… Algo está estranho.

Por hora, eu irei tentar dar uma ordem.

“Itsuki, tente mentir. Me diga que esse quarto se parece com uma suíte de um palácio.” (Naofumi)

“Não, é uma estranha casa feita de plantas peculiares.” (Itsuki)

Ah… então é uma maldição que afeta pensamento.

Ainda assim, parece que ele não pode mentir mesmo.

Esse quarto verdadeiramente é um estranho feito de plantas estranhas.

“Itsuki, o que você pensa da Rishia?” (Naofumi)

“Ela era fraca mas de algum jeito ela ficou muito mais forte. Isso tem que ser um cheat.” (Itsuki) (NT: Chega de trapaças, vamos de verdade agora)

“Fuee!? O que é um cheat!?” (Rishia)

“A palavra significa que você quebrou as regras para abusar o sistema. Eu acho que ele quer dizer que ele acha você estranha.” (Naofumi)

“Fueeeee…” (Rishia)

Eu não consigo confirmar isso só com esse teste, mas eu acho que é assim.

O atual Itsuki só diz a primeira coisa que vem na cabeça. Ele não consegue criar mentiras.

Provavelmente.

Eu não posso deixar esse cara no mundo externo…

Mesmo que ele seja um Herói com altas habilidades de combate, ele só escuta ordens.

Ele é como um boneco.

Eu não tenho escolha senão observar ele na minha vila.


Tradução: Thyros



Fontes
Cores