TYN – Capítulo 214 – A Facção Revolucionária



“Philorials de novo… Motoyasu realmente arruma problema onde quer que ele vá.” (Naofumi)

Maioria deles relacionados com Philrorials.

Ele é um homem problemático até o fim.

Ele deve ter estado extasiado quando ele viu o estábulo de Philorials do castelo.

Mas quão quebrado ele tem que ficar para se satisfazer…

“Não tinha o que fazer, então nós demos para ele alguns ovos de Philorials, e demos para ele uma missão.” (Rainha)

“… A missão era só uma fachada para espantar ele, certo?” (Naofumi)

“Correto.” (Rainha)

Eu estive pensando nisso por um tempo, mas a Rainha deste país é surpreendentemente honesta.

Mesmo assim… aquele homem quer ainda mais Philorials? Quão severo é o problema dele?

“Quando ele veio para o castelo, ele já estava sendo seguido por 10 Rainhas Philorials…” (Rainha)

… O que?

10? Não eram 3?

Agora que eu penso sobre isso, ele continuou se referindo à elas como as anjas dele, e ele nunca disse que ele só tinha 3.

Aquele idiota está construindo um exército de Philorial?

“E o fato que ele quer ainda mais Philorials além disso…” (Rainha)

Bem, ele é um pervertido.

Apesar da Firo não ter notado isso, antes dele teleportar embora, Motoyasu coletou todas as penas caídas da Firo.

Eu não quero saber no que ele planeja usar elas.

“Minha filha, Melty, também tem uma paixão peculiar por Philorials, mas o Herói da Lança tem uma que de longe supera a dela.” (Rainha) (NT: Paixão não no sentido de amor, mas de gosto forte e tal; claro, isso que a Rainha saiba ( ͡° ͜ʖ ͡°))

Melty?

Ela passou a linha de ‘Amiga’ com Firo.

O amor dela por Philorials pode ser comparado com o do Motoyasu… não, ela perde para ele.

Ela não conseguiu aguentar todo o amor transbordante da Firo.

Num sentido sexual.

“Então Motoyasu não está mais aqui?” (Naofumi)

“Sim. Ele disse que ele estava indo para a terra do Iwatani-sama.” (Rainha)

“Não passe seus problemas para mim.” (Naofumi)

Motoyasu está indo para meu lugar? Isso não é piada.

Não importa o que, eu não quero ter que lidar com aquele idiota.

Agora que eu penso sobre isso, é suspeito que ele nunca tenha vindo ver Firo antes.

Uu… meu estômago dói.

“Depois que ele saiu, eu recebi outro relatório dele comprando ovos de Philorials de um vendedor de monstros.” (Rainha)

Ele comprou mais depois de ter conseguido eles no castelo!?

Quantos mais ele precisa, aquele homem?

Isso já é uma doença. Ele já tinha 10 do começo.

“Okay, eu entendo o que aconteceu com Motoyasu. Tem alguma outra coisa que aconteceu?” (Naofumi)

“O Herói do Arco ainda tem que ser visto. Também, a facção anti demi-humana desse país tem aumentado sua atividade.” (Rainha)

“Ah, você falou sobre isso antes. O que você quer dizer por aumentando sua atividade?” (Naofumi)

“Parece que… de evidência circunstancial, e minha intuição, veja você, que eles estão juntando forças para uma rebelião.” (Rainha)

Uma revolução… é isso?

No Melromarc de supremacia humana, vendo a Rainha dar tratamento preferencial para demi-humanos está levando à rebelião…

“Punir Lixo nos deixa aliviar algumas tensões, mas… o limite para isso está se aproximando. Nós ainda temos que achar evidência definitiva, mas houve alguns sinais de atividade suspeita.” (Rainha)

“Mas não há prova definitiva…?” (Naofumi)

“A quantidade de Nobres recusando dar missões para aventureiros demi-humanos está aumentando.” (Rainha)

“Você pode fazer alguma coisa sobre isso?” (Naofumi)

“Se eu tomar quaisquer medidas drásticas, a situação pode explodir.” (Rainha)

Então isso é uma situação perigosa.

A contaminação desse país corre realmente funda.

“Mas as ações do Iwatani-sama estão gradualmente melhorando a visão pública dos demi-humanos. Há poucos sinais de ação revolucionária entre a população geral.” (Rainha)

“Hm?” (Naofumi)

“A visão dos seus demi-humanos viajando pelo país enquanto vendem deixou para trás uma boa imagem. Pessoas estão esquecendo preconceitos passados, e aprendendo que demi-humanos e humanos podem cooperar para superar a onda.” (Rainha)

“Entendo.” (Naofumi)

Para minha venda ter um tal efeito não previsto.

Bem, aqueles escravos são inutilmente motivados.

Eu acho que não é estranho para eles serem capazes de mudar algumas opiniões.

“Ah é. Eu pensei que já é hora de eu expandir o escopo do meu empreendimento.” (Naofumi)

“Fora do meu país? Os documentos que você tem devem ser bons o suficiente para isso.” (Rainha)

O Mercador de Acessórios pode ter percebido isso. Ele pode estar rindo de mim.

Ele tem pedido para estocar alguns dos seus bens na minha carruagem de vendas.

Eu provavelmente devo fazer assim para garantir uma fonte segura de renda para a vila quando eu for embora.

Meu objetivo atual é fazer uma vila pacífica para Raphtalia que será capaz de funcionar sem mim.

Claro, eu também estou juntando forças para combater a onda.

Entendo. Agora que eu penso sobre isso, minha vila leva a marca do conflito político desse país.

Eu posso ser visto como um inimigo por vários grupos aqui.

Eu preciso prosseguir com cuidado.

“Eu imagino se eu devo reportar aquilo também.” (Rainha)

“Tinha mais alguma coisa?” (Naofumi)

“Sim. A área penitenciária deste país foi destruída durante o ataque da Tartaruga Espiritual. Nós confirmamos a morte da maioria dos prisioneiros, mas…” (Rainha)

“Mas?” (Naofumi)

“Ainda há a chance que alguns tenham escapado.” (Rainha)

“Entendo…” (Naofumi)

Então alguns prisioneiros podem ter escapado.

Isso é uma conversa bem pressagiosa.

“Minha intuição me diz que eles podem estar envolvidos nessa rebelião. E também, outra força foi espantada pelo trabalho do Iwatani-sama também.” (Rainha)

… A Igreja dos Três Heróis ainda está ficando quieta.

Isso pode ser um grande problema.

Então eles ainda estão dentro deste país. Eu acho que é uma coisa boa que nada aconteceu ainda.

Um monte de coisas inimagináveis tem acontecido comigo recentemente. É bom receber um aviso antes pelo menos uma vez.

“Eu irei deixar a busca de informações com você.” (Naofumi)

“Eu entendo.” (Rainha)

“… Vocês não colocam marcas de escravos nos seus prisioneiros?” (Naofumi)

“Nós colocamos, mas as pessoas que tinham os direitos de propriedade dos escravos eram os guardas que morreram no ataque.” (Rainha)

Ah, entendo. As pessoas com autoridade para mandar punição estão mortas.

Isso é meio problemático.

“Eu acho que você deve deixar essa situação ser resolvida pelos heróis que causaram isso.” (Naofumi)

Ren parece estar honestamente arrependido, então ele irá provavelmente aceitar a missão.

Parece que ele está lentamente sendo aceito na vila.

“Por qual razão?” (Rainha)

“Você será capaz de espantar os revolucionários todos de uma vez sem o país sendo culpado.” (Naofumi)

“… Entendido. Honestamente, eu não acho que essa é uma situação onde eu deva recorrer aos heróis. Essa situação é um resultado da minha incompetência.” (Rainha)

“Eu sei que essa não é sua verdadeira opinião.” (Naofumi)

Eu acho que é uma boa ideia.

Honestamente, isso parece um saco, e eu não quero ser envolvido.

Mas se eu não me envolver, seria o mesmo que abandonar minha vila.

Isso seria extremamente tolo.

“Eu lhe agradeço pela sua cooperação.” (Rainha)

“Omita seus agradecimentos.” (Naofumi)

“Iwatani-sama, por favor permaneça vigilante. Esse assunto está profundamente conectado à sua terra.” (Rainha)

“Eu sei.” (Naofumi)

Se a Igreja dos Três Heróis atacar, eu devo ser capaz de conseguir o apoio das outras igrejas. Apesar que elas denunciam elas como impostora.

E não é com se meus aldeões não fizessem nada além de comer. Eles são indivíduos bem úteis.

“Todo isso é graças à benevolência do Iwatani-sama.” (Rainha)

“… Vamos deixar isso assim.” (Naofumi)

Ela parece estar dizendo sua opinião genuína. Isso faz tudo ainda mais suspeito. Eu não confio nela.

Melty é muito mais fácil de lidar. A propósito, isso foi um elogio.

… Algumas vezes, eu me pergunto se ela realmente nasceu dos mesmos pais que aquela Witch. Ela prioriza a amizade dela com Firo acima de tudo, e é geralmente uma boa pessoa. Ela foi bem criada.

Ela também é bem prática.

Se me perguntassem se eu tenho senso comum, eu iria dizer não. Até que algumas pessoas envolta de mim possuem falhas nesse campo.

Mas eu também tenho Raphtalia e Melty à minha volta.

Descontando os escravos, para os quais eu sou como um pai, Melty é uma das minhas pessoas mais confiadas.

Apesar que… ela ainda pode me ressentir pelo que eu fiz com ela no outro dia.

Agora que eu penso sobre isso, a Rainha não me perguntou sobre Melty.

O que está feito, está feito, então eu estava preparado para alguma punição…

Enquanto isso não for trazido, deve ficar tudo bem.

Isso pode vir subjetivamente, então eu devo pensar em algumas contra medidas.

… Não, eu acho que será mais fácil resolver isso agora.

Pela minha experiência, colocar coisas para mais tarde nunca levou para nada bom.

“O que devemos fazer sobre Melty?” (Nafoumi)

“O que quer dizer?” (Rainha)

Ela largou o tom formal dela.

Era muito problemático manter ele?

“É relacionado ao caso do Motoyasu, então eu pensei que eu devia trazer isso a tona.” (Naofumi)

“Sobre os Philorials? Sombra estava seguindo seu grupo até certo ponto, mas um item estilo barreira foi erguido, então eu não sei o que aconteceu depois disso. Eu só tenho o testemunho do Herói da Lança. Eu acredito que ele chamou Melty ‘Aquela Porca Azul’ ou algo assim.” (Rainha)

Bom!

Ela não sabe nada sobre isso.

Eu não acho que Melty quer espalhar a informação. Talvez eu possa esconder isso.

“É, o ataque do Motoyasu mandou minha Philorial fora de controle, e Melty sacrificou seu corpo para deixar ela sob controle. Se Melty não estivesse lá, nós estaríamos em apuros. Por favor elogie ela mais tarde.” (Naofumi)

… Eu não estou mentindo.

Melty provavelmente não irá dizer toda a verdade, e se os pais dela elogiar ela, ela não será capaz de fazer isso.

Se eu silenciar Rishia, então o assunto será confinado no esquecimento.

“Entendo. Melty realmente ama Philorials.” (Rainha)

A Rainha parece satisfeita com a explicação enquanto ela acena com a cabeça.

Mas ainda. Mesmo quando uma calamidade está acertando o mundo, as pessoas preparam para uma rebelião.

Mas quão podre esse mundo pode ser?


Tradução: Thyros



Fontes
Cores