TER – Capítulo 192 – Zefmate


Fran encarou Zefmate com menosprezo enquanto os dois estavam um em frente ao outro no centro da arena.

— E aí, ouvi dizer que você acabou com um dos nossos.

— …

— Você não poderia evitar a encarada?

— Fmph…

Embora fosse em parte porque estávamos prestes a lutar com ele, Fran não se incomodou em esconder sua clara hostilidade. Ela estreitou os olhos e olhou na direção dele sem se preocupar em dizer uma palavra. Ele, no entanto, respondeu não com sede de sangue, mas com um sorriso amargo e perplexo.

— Eu tive que punir Seiz.

— Nn?

— Estou falando do cara que você venceu durante a segunda rodada das preliminares.

— Porque perdeu para uma Gata-Negra?

— Nah. Foi porque ele foi muito rude. Ele não deveria ter dito o que disse, mesmo que fosse apenas como forma de provocação. Na verdade, deixe-me pedir desculpas por ele. Sinto muito.

— …!

Zefmate fez com que os olhos de Fran se arregalassem de choque, enquanto ele lhe dava uma reverência adequada e apropriada, junto com um pedido de desculpas. Ela não foi a única a se sentir do jeito que se sentiu, eu também acabei surpreso pra caramba.

A razão da minha surpresa era um pouco diferente da de Fran. Eu ativei o Princípio da Falsidade porque pensei que ele estava tentando enganá-la para irritá-la, mas acabou que suas palavras não estavam ligadas a mentiras; ele falou com honestidade.

— Seiz não será um dos nossos executivos por muito mais tempo. Estou planejando rebaixá-lo porque sinto que não deveríamos estar pensando ou tratando os Gatos-Negros da maneira que fazemos.

— Dizendo isso, apesar de ser Gato-Azul? Talvez não seja Gato-Azul de verdade? Algo diferente?

— Ahaha… eu sou mesmo um Gato-Azul, entendeu? Mas acho que posso entender o que você quer dizer. Entendo que você não confia em mim, mas gostaria de dizer que não aprovo o comércio de escravos, nem pretendo menosprezá-la só porque você é uma Gata-Negra.

“Uou. Ele não está mentindo. Tudo o que ele disse até agora é verdade.”

“Hã? Você está brincando?”

“Estou falando sério. Ele está sendo sincero no que diz. Seu pedido de desculpas foi genuíno.”

Minhas palavras levaram Fran a olhar mais uma vez para Zefmate, desta vez, como se o estivesse investigando. Ele, no entanto, não se importou. Ele apenas ficou lá parado como estava, apesar de ela olhar para ele do jeito que estava — o que fazia sentido. Não havia razão para ele reagir de maneira diferente, dado que estava falando a verdade.

— Não pode ser confiável!

Foi um resultado que levou Fran a se agitar, uma emoção que eu realmente não podia culpá-la por sentir. Para ela, Zefmate era o equivalente a um chefe da máfia, e chefes da máfia de boa índole eram um conceito limitado ao reino da ficção. Simplesmente não havia como isso existir no mundo real, dada a natureza de seu trabalho. Portanto, o resultado do Gato-Azul comunicando suas intenções a Fran a fez sentir-se espantada, o que não era algo que você chamaria de melhor emoção para se sentir entrando em um duelo.

“Se acalme. Você não precisa pensar muito sobre o que ele disse. Isso não muda o fato de que precisaremos vencê-lo em batalha.”

— Nn. Atacar primeiro, pensar depois.

 

Nome: Zefmate Idade: 36 anos
Raça: Homem-Fera Tribo dos Gatos-Azuis Leopardo-Azul
Classe: Espadachim Relâmpago Level: 53/99
Condição: Normal
HP: 441 MP: 236
Força Física: 217 Resistência: 200
Agilidade: 322 Inteligência: 102
Mágica: 129 Destreza: 178
HABILIDADES
Furtividade Lv3 Evasão: Lv5 Detecção de Crise Lv6 Técnicas com Arco Lv3 Habilidades com Arco Lv4 Vigilância Lv4 Técnicas com Espada Lv8 Esgrima LvMáx Esgrima Divina Lv2 Comando Lv6 Aumentar Moral Lv3 Técnicas com Chute Lv4 Habilidades com Chute Lv5 Movimento Instantâneo LvMáx Passo Relâmpago Lv3 Interrogatório Lv4 Técnicas com Lança Lv2 Habilidades com Lança Lv3 Habilidades com Espadas Gêmeas Lv5 Lâmina Elemental Lv2 Escalar Lv7 Resistência a Veneno Lv3 Magia de Água Lv3 Resistência a Magia Lv2 Manipulação de Vigor Aumento Menor na Agilidade Senso de Direção Visão Noturna
HABILIDADES INERENTES
Despertar Lâmina da Investida Relâmpago Pata do Leopardo
TÍTULOS
Aquele que Traz a Vitória
EQUIPAMENTOS
Espada Curta da Presa do Dragão Azul Espada Longa de Liga de Adamantino Armadura do Dragão-de-Muitas-Cabeças Manto da Asa do Dragão-Saltador Bracelete de Resistência a Status Anormais Anel de Recuperação de Saúde

 

— Prontos… comecem!

Fran e Zefmate começaram a agir no momento em que a batalha começou.

— Haah!

— Cheiyaaah!

Fran cedeu à sua frustração e lançou um ataque apoiado apenas por força bruta. Era um pouco grosseiro e sem sutileza, poré, mais do que poderoso o suficiente para terminar a partida, se ele atingisse o alvo.

Zefmate se defendeu contra o ataque cruzando suas lâminas e bloqueando. Ele então começou a tentar envolver suas duas espadas em volta de mim para desarmá-la. A técnica era brilhante, mas sua tentativa terminou em fracasso pelo único motivo de que ele não ser capaz de igualar Fran em termos de poder puro.

A luta se transformou em uma série de idas e vindas após o confronto inicial; os dois combatentes continuaram desferindo as lâminas um contra o outro na tentativa de acertar um golpe. Embora Zefmate estivesse armado com duas espadas e Fran apenas uma, ela aos poucos ganhou uma vantagem sobre o Gato-Azul e começou a assumir o controle do ritmo da batalha. A razão pela qual ela foi capaz de suprimi-lo não foi apenas por causa de seu atributo de força, mas também porque ela era mais habilidosa no caminho da espada.

Percebendo que ele estava em desvantagem, Zefmate deu um salto de dez metros para trás e se separou, um efeito que devia ser causado pela habilidade dele, Pata do Leopardo. A enorme quantidade de impulso que isso deu a ele foi tão grande que tornou Fran incapaz de alcançá-lo e atacá-lo assim que ele pousou.

— Você com certeza é forte.

— Você não é tão ruim assim.

— Obrigado. Você sendo uma Gata-Negra e tão forte quanto parece prova o meu ponto. Nós, os Gatos-Azuis, realmente erramos ao menosprezar a sua espécie.

— Primeira vez… conhecendo Gato-Azul que não é escória…

As emoções de Fran enfim se acalmaram, ela conseguiu entender a verdade e aceitá-la pelo que ela era. O olhar que a gata-negra lançou na direção de seu adversário não era mais cheio de raiva ou ódio, mas sim de curiosidade. A garota se interessou por ele.

— Ahahaha… sim… você está certa… nós Gatos-Azuis temos que parar de agir dessa maneira.

A risada de Zefmate foi seca, ele parecia estar se sentindo muito deprimido e um pouco estranho ao mesmo tempo.

— Embora eu ainda esteja me desculpando, não poderei jogar a toalha ou deixar que você ganhe a partida, caso contrário, arriscarei prejudicar a reputação do meu grupo. Eu ainda vou ganhar esta nossa partida.

— O mesmo para você.

Fran assumiu uma postura. Ela manteve sua guarda, apesar de sorrir e parecer um pouco curiosa sobre o que Zefmate faria.

A quantidade de energia mágica que habitava dentro dele começou a disparar.

— Fuh… Despertar…!

Seus músculos começaram a inchar e expandir a uma velocidade incrível no momento em que ele murmurou o nome da habilidade. Todas as partes visíveis de sua pele foram imediatamente cobertas por pelo azul com manchas pretas. Sua aparência se distorceu assim como sua raça sugeria — ele se tornou um leopardo azul.

— Nós Leopardos-Azuis somos uma espécie especializada em melhorar nosso próprio corpo. É melhor você não pensar em mim como a mesma pessoa com quem você acabou de trocar golpes! Lâmina da Investida Relâmpago!

— Gmph!

O ataque de Zefmate quase parecia ser uma transmissão instantânea, já que ele pareceu desaparecer, apenas para reaparecer ao nosso lado quando deu o golpe. O ataque foi tão rápido que Fran não conseguiu contra-atacar e foi forçada a bloqueá-lo.

— E pensar que você bloquearia até o primeiro ataque…! Haaaah!

A habilidade Despertar havia aumentado seu status de força em mais de 30 pontos e sua agilidade em quase 200. Se alguém o julgasse com base apenas em sua velocidade, ele provavelmente seria classificado como um aventureiro rank A. Seu ataque foi assustador e arraigou em minha mente o quão mais poderoso um Homem-Fera se tornava com a evolução.

Lâmina da Investida Relâmpago parecia ser o tipo de habilidade que aumentava a velocidade de quem a usava para atacar. Isso, combinado com a alta velocidade inata de Zefmate, o tornou tão rápido que na verdade não conseguimos acompanhá-lo apenas com nossos olhos. Ele parecia ser o lutador mais focado em velocidade que já encontramos até hoje.

Ele começou a usar o Passo Relâmpago e a Pata do Leopardo para se mover em velocidade superalta na tentativa de nos desequilibrar enquanto atacava com a Lâmina da Investida Relâmpago.

Um número ridículo de ataques incrivelmente rápidos nos assaltou de todas as direções. Se Zefmate enfrentasse qualquer aventureiro mais fraco, ele já teria retalhado por completo seu oponente.

No entanto, Fran não era o que se poderia chamar de aventureira mais fraca. Assim, ele não conseguiu dar um único golpe nela.

Todo aquele treinamento que fizemos permitiu a Fran se acostumar muito mais a usar suas habilidades baseadas em detecção. Através do uso delas, a Gata-Negra foi capaz de sentir cada um dos movimentos de seu adversário — e isso era tudo o que ela precisava. O fato de Fran poder detectar seus ataques permitiu a ela margem de manobra mais do que suficiente para reagir e se defender.

— Impossível…!

O talento absoluto de Fran levou Zefmate ao pânico. Embora ele tenha afirmado que não desprezava a raça dos Gatos-Negros, ele, como um Homem-Fera evoluído, provavelmente nunca considerou a possibilidade de perder para uma Gata-Negra em combate, uma vez que eles não eram capazes de evoluir.

Ele deve ter pensado que ele, como um veterano experiente, seria capaz de superar Fran, uma garotinha, em todas as estatísticas, experiência, qualidade e quantidade de habilidades.

Os ataques do Leopardo-Azul se tornaram mais frequentes quando ele perdeu a calma. Ele parou de fazer tantas simulações e se movimentou muito menos entre repetidas ofensivas. Seus ataques impacientes teriam acabado com qualquer um que não pudesse acompanhá-lo. Mas, de novo, Fran podia. Como resultado, seu ataque só ficou mais simples. Seus golpes tornaram-se monótonos, repetidos e previsíveis.

— Parede de Pedra.

— Gabahh!

Uma baixa parede de pedra surgiu no caminho de Zefmate quando ele se aproximou de Fran por trás.

O resultado refletiu o que poderia se esperar se uma bicicleta colidisse com um guarda-corpo a toda velocidade; o impacto de bater na parede fez com que Zefmate voasse pelo ar.

— Fui lido como se fosse um livro e caí em sua armadilha!?

— Explosão Infernal.

Fran lançou um feitiço em direção ao que eu presumia ser o agora indefeso Leopardo-Azul — apenas para me fazer perceber que eu estava subestimando os efeitos de sua Pata do Leopardo, quando Zefmate chutou o ar e mudou sua trajetória para evitar as chamas. Suas ações estavam tão fora do escopo das minhas previsões que até acabei estalando minha língua de modo inconsciente.

Tsk!”

Eu senti que a única razão pela qual pensei que tinha acabado era porque decidi deixar tudo para Fran. Se eu não estivesse atuando como espectador com os melhores ingressos da casa, provavelmente não teria assumido que a vitória estava garantida mesmo depois que Fran disparasse o feitiço que deveria ser o último.

Em outras palavras, eu não teria baixado a guarda.

Em vez disso, eu teria agido como Fran.

— Queimar+.

— Quando foi que você…!?

Fran começou a se mover depois de disparar seu ataque. Ela usou as chamas que atirou em Zefmate como cobertura, contornou-o e aproximou-se dele por trás através do uso da Magia do Fogo no momento em que ele tentou evitar o ataque usando a Pata do Leopardo.

— Haaah!

— Gaaaarrggh!

Zefmate era rápido, mas Fran também. Ela era capaz de se mover tão rápido quanto ele, mesmo depois que ele despertou.

Para ele, deve ter parecido que Fran se teletransportou atrás dele no mesmo instante, como se alguém tivesse se equiparado à sua velocidade. E isso era algo que ele não parecia acostumado. Ele não era capaz de se defender de forma apropriada do ataque dela.

Tudo o que ele conseguiu foi jogar a espada em sua mão esquerda e usar a da direita em uma estocada para retalhar.

Ambos os ataques, feitos por puro desespero, mostraram-se ineficazes. A espada que ele desferiu contra Fran mal conseguiu arranhar sua bochecha, enquanto a que ele jogou acabou sendo engolida pelo armazenamento dimensional da garota.

Fran cortou as pernas do oponente enquanto o empurrava para fora dos limites. Ela poderia ter apenas o mandado para fora, mas escolheu roubá-lo de sua mobilidade também, caso ele conseguisse se recuperar. Sem sua velocidade, Zefmate com certeza perderia.

Como resultado, o Gato-Azul perdeu uma das pernas e, com ela, seu senso de equilíbrio. Ele foi incapaz de se equilibrar e acabou caindo fora dos limites da arena.

— Acabou! Acabou!! Nem sei dizer o que aconteceu! Senhoras e senhores, o que acabamos de ver foi apenas uma das primeiras rodadas do torneio! Vocês podem acreditar nisso!? Ambos os combatentes estavam se movendo tão depressa que eu não fui capaz de dizer o que os dois estavam fazendo!

O fato de Fran e Zefmate terem se movido tão rápido quanto ranks A fizeram o narrador começar a gritar de empolgação.

— E a nossa vencedora hoje é Fran, a Garota da Espada Mágica! Sua vitória estabeleceu um novo recorde! Ela, aos 12 anos de idade, tornou-se a competidora mais jovem a vencer uma das etapas do torneio!


Tradutor:




Fontes
Cores