SRVF – Volume 4 – Capítulo 11



O Príncipe tinha vindo bastante ao meu quarto recentemente, mas, por mais incrível que pareça, dessa vez ele trouxe algo que prestasse consigo.

— Aqui, isso é para você. — Ele disse enquanto me entregava uma carta do Lahsa.

Lahsa, o segundo Príncipe, era um adorável irmão mais novo, ao contrário de seu imprudente irmão mais velho. Seu sonho era ser alguém como eu. Ah, que adorável. Eu ansiosamente abri a carta enquanto recordava minhas memórias com ele.

Não foi uma carta para uma necessidade particularmente urgente. Como não havíamos nos encontrado já há um bom tempo, ele escreveu suas saudações e perguntou como estavam as coisas. Cartas originalmente eram assim, então, de minha parte, era errado pensar de outra forma. No entanto, ainda havia três pontos que eu estava curioso a respeito.

— “Não temos nos visto há muito tempo, então tenho me sentido um pouco solitário.” — Foi o ponto número um.

Muito meigo! Adorável demais!

Eu duvido que existisse outras crianças como ele que possuíam um coração tão puro. Lahsa era provavelmente o único que pensava tanto em mim. Nós estávamos profundamente ligados e eu achava que esse garoto seria a única pessoa no mundo a sentir saudades de mim.

Eu também deveria enviar meus pensamentos, para dizer sinto falta dele também. Pipipipii! Me pergunto se chegou até ele.”

O segundo ponto era, — Aniki, as espadas que você fez se tornaram bem populares no Palácio Real —, isso provavelmente era por causa do Jeremy-senpai.
Como ele me falou tanto sobre isso, eu sabia que elas estavam sendo muito bem quistas na Capital. Depois disso, 11 solicitações adicionais de produção vieram através dele, que já foram entregues até o momento, dando a entender que essas espadas receberiam muito amor de seus usuários.

“Ah, ler isso me deixa tão orgulhoso. Além disso, ganho a confiança de que posso continuar a seguir este caminho.Também parece que meu nome está ficando um pouco mais conhecido, então a este ritmo, em poucos anos…. Fufufufu.”

Parando meus cálculos otimistas semelhantes aos de um tanuki, mudei minha atenção para o ponto final.

— “Aniki, se estiver tudo bem, você viria para a Capital Real durante as férias de inverno? Venha para nossa casa enquanto estiver aqui.” — Esta era a linha final.

De relance, parecia um convite muito franco como, “Venha brincar em minha casa!”, no entanto, essa casa, a sua CASA, você estava ciente de que se trata do Palácio Real, Príncipe Lahsa? Ninguém iria à capital com a ideia de, “Acho que vou ficar uns dias no Palácio”, em mente!

Já estive na Capital algumas vezes antes, sendo desnecessário dizer que era um lugar incrível. Havia um charme diferente de Helan, onde a natureza era linda. A Capital Real, onde edifícios antigos e longos estavam alinhados, tinha sua própria beleza, criada a partir das conquistas da civilização humana. Ainda assim, não entrei no Palácio uma vez sequer. Meu pai foi algumas vezes e tudo que eu sabia a respeito, foram as suas impressões.

— Hmm, o castelo era enorme, havia muitos cavaleiros e meu estômago doía muito.

Esse tipo de descrição provavelmente seria de se esperar apenas de uma criança da pré-escola. O Palácio Real era, em outras palavras, um lugar majestoso o suficiente para a Família Real viver. Além disso, haveria toneladas de soldados com aparência robusta os protegendo.

Sim, realmente a impressão deixada foi a de um lugar difícil para se relaxar. Na pior das hipóteses, eu também poderia acabar com uma dor no estômago e viver para falar da mesma impressão. No entanto, este ainda era um convite do Lahsa.

Como se eu pudesse simplesmente rejeitar! Ele veio ao Território Helan antes, não foi!? Não ir ao Palácio seria uma desfeita e, acima de tudo, eu também estou com saudades!”

Então decidi ir, mas ainda faltava algum tempo até o inverno. Quando as férias terminassem, seríamos do segundo ano. No final do ano letivo, havia testes que afetariam em qual classe estaríamos. Eu ficaria bastante ocupado durante esse período, por tanto, decidi me preparar para a viagem somente depois de terminar com tudo.

Diziam que a neve se acumulava um pouco na Capital, então poderiamos brincar na neve. Havia também muitas lojas espaçosas para fazer compras e isso seria divertido também. Com certeza haverão mulheres bonitas, então não tinha dúvida de que seria um deleite para os olhos.

Antes que eu pudesse perceber, já estava fantasiando com a minha viagem, desfrutando plenamente a vida na Capital. Será que eu desejava ir tanto assim?

Semelhante às férias de verão, eu estava curioso sobre o que uma certa pessoa planejava fazer, por isso, fui encontrá-la durante o intervalo das aulas.

— Iris, você tem algo planejado para as férias de inverno?

— Hmm, ainda não decidi, mas fui convidada para um lugar, então…

— Não me diga que foi o Príncipe?

— … Ele estava me convidando para ir a Capital. Eu planejei recusar, mas ele está sendo bem persistente… — Iris disse com um sorriso amargo no rosto. 

Ela provavelmente estava tentando recusá-lo sem ferir seus sentimentos. Eu podia sentir as dificuldades dela.

— Na verdade, sobre isso, você vai reconsiderar? Eu também estava pensando em ir para a Capital Real.

— Ah! É assim mesmo!? …Mas apesar disso, acho que vou recusar. Me diverti muito em Helan durante o verão, mas para uma caipira como eu ir à Capital…

— Mas, você sabe, o Príncipe Lahsa me enviou uma carta, querendo nos ver. Além disso, eu também sou um caipira.

— Mas entre uma plebeia como eu e um nobre como você, há um mundo de diferença. Apesar de sermos ambos do campo, você está na vanguarda que lidera o país, sabe?

Vanguarda? O que há com esse título tão misterioso?”

— Não há diferença de nível entre caipiras e também, esta pode ser uma boa oportunidade para nos livrarmos do nosso caipirismo. Além disso Iris, você foi oficialmente convidada pelo Príncipe, então não haverá problema. Vamos nos divertir!

— Ahh, se você me convidar assim, tão cheio de espírito, é difícil recusar, hehehe. Seria mais fácil se eu fosse chamada para trabalhar ou algo parecido, como da vez no Território Helan.

— Ah, compreendo!

Isso era verdade. Dessa forma, poderia ser mais confortável para ela. Embora, trabalhar nas tão aguardadas férias, parecia um absurdo para mim.

— Então, vamos tentar discutir com o Príncipe. Ou também poderíamos pedir ao Lahsa.

— Hmm, se for assim, então irei considerar.

— Ótimo, vou perguntar ao Príncipe. Aguarde com expectativas~ — Então fui convencer o Príncipe.

 

◇◇◇



— Príncipe, preciso de um trabalho!

— O que há com isso do nada?

Me encontrei com o Arc enquanto ele estava almoçando, parecendo um pouco infeliz. Ao lado dele estava o Rail, com um sorriso agradável, em contraste com o do Príncipe.

— Príncipe, você convidou a Iris para ir à Capital durante as férias, certo?

— Fuunn… você veio rir de mim?

— Não, não mesmo. Eu vim lhe dar alguns conselhos.

— Conselhos? Não, você não é confiável, não concorda, Rail?

— Acho que pelo menos ouví-lo não seria ruim. Na verdade, Kururi-kun conseguiu levar a Iris-san para Helan, durante as férias de verão.
— Kuuhh…

Rail bateu certeiro onde mais doia no Príncipe. O que me lembrou, ele havia sido rejeitado no verão também.

— Príncipe, Iris sente um fardo enorme quando você tenta tê-la como sua convidada.

— ……Continue.

— Como eu estava dizendo, você poderia apenas chamá-la como uma ajudante no Palácio. Deixá-la tratar de tarefas domésticas seria o melhor já que ela pode fazer isso perfeitamente.

— Não. Eu deveria preparar um trabalho digno para a Iris. Não posso fazê-la trabalhar como uma empregada doméstica.

— E qual seria esse trabalho?

— Hmmm, acho que vou preparar um posto no governo ou algo assim…

Seu imbecil! Dê esse trabalho para mim!!”

— Isso está fora de questão. Até convidá-la como hóspede seria melhor que isso. Certo, Rail?

— Por que está me perguntando? Bem, eu praticamente concordo.

— Impossível! Você é um idiota… Quer que eu faça Iris limpar o chão do Palácio ou algo assim?

— Exatamente. É o que ela mais deseja fazer.

— … Impossível!

— Além disso, se deixá-la trabalhando perto do quarto do Rei você poderia desencadear uma reação interessante, algo do tipo, “Hmm? Quem é aquela jovem linda trabalhando ali?”, “Ah, essa pessoa está temporariamente encarregada pela limpeza daqui, apenas neste inverno.”, “Entendo. Hoh hoh hoh, ela está trabalhando tão duro sendo tão jovem. Agora que a olho de perto, seu rosto é muito bonito. Ah, já sei! Eu deveria fazê-la casar com meu filho!”, “Ohh, isso é uma ideia maravilhosa! Vou me preparar para isso imediatamente!”. Assim, pode haver uma conversa entre o Rei e algum velho misterioso.

— MEU PAI NÃO FALA ASSIM! E também… não há qualquer velho misterioso no castelo… Não, espera, existe sim…. Mas não é como se o plano fosse seguir tão bem.

Mesmo tendo dito isso, ele provavelmente estava tendo essa ilusão agora. Isso estava escrito em todo o seu rosto. Mesmo que ele seja inteligente, o Príncipe se tornava um completo idiota e levava as coisas muito a sério quando se tratava de amor. Assim como dizem, o amor é cego.

— Ainda assim, eu concordo com você em um ponto.

Não, não, não, não, sem chacne! Mesmo que tenha sido eu quem disse isso, não há como um milagre assim acontecer!”

— Entendo, hmm, entendo, entendo! Se é assim, então acho que posso fazer os arranjos. Então é isso, está resolvido. Vou contratar a Iris como nossa faxineira temporária! Kururi, passe a mensagem para ela!

“Concorda comigo em um ponto? Tenho certeza que você acreditou em tudo que falei agora.”

O Príncipe deixou o refeitório rindo com uma visível empolgação. Ele era o tipo de pessoa que sempre riria enquanto saía de bom humor.

— Você vai para a Capital passar as férias de inverno também, Kururi-kun?

— Ah sim. Fui convidado pelo Príncipe Lahsa.

— Compreendo. Fufufu, parece que irei me divertir muito nessas férias. — Depois de dizer algo bastante sugestivo, Rail seguiu o Príncipe, deixando a sala de jantar.

Bem, na maioria das vezes quando ele dizia algo sugestivo, não acabaria bem (para mim). De qualquer forma, com isso, sinto que poderia levar Iris para a Capital. Eu iria chamar também o Toto, apesar de que ele provavelmente não iria.

Quando o encontrei, ele estava passeando pelo campo, montado em cima do Goro. Sendo um cão de raça grande e Toto tendo uma estatura pequena, de alguma forma combinava. Deixando isso de lado, parecia que os dois estavam se dando bem.

— Toto, parece que você está se divertindo.

— Sim, não sei se ele tem um palpite de que a Iris vai embora por um tempo ou não, mas ele veio se aconchegando em mim esses dias.

Esperto! Você é muito inteligente, Goro!”

— Bem, quando faz isso, esse cachorro fica surpreendentemente meigo também.

Especializado! Você é muito hábil em compensar as pessoas, Goro!”

— Bem, a pausa de inverno está chegando, certo? Então, eu vou para a Capital. Você gostaria de ir junto?

— Ah não, eu passarei essa. Além disso, Goro vai ficar aqui também. Provavelmente quando a Iris retornar, ele vai começar a me perseguir de novo, então pensei em passar um tempo com ele enquanto posso.

Perceptivo! Você é realmente perspicaz, Toto-san!”

—  Bem, desde que você vai estar aqui, a Iris poderá ir para a Capital sem preocupações.

— Sim, divirta-se. Além disso, não preciso de lembranças como as que você trouxe da última vez, ok?

Última vez?! Ah, isso… Água termal. Eu tinha pensado que tinha atingido o ponto perfeito para beber, mas, desde que isso o deu uma bela de uma caganeira… Mas ainda não quero desistir da ideia de vender água!”

— Aguarde ansiosamente pelas próximas lembrancinhas ~.

— Você está me ouvindo? Eu disse que não preciso de nada como da última vez!

— Você pode esperar por isso ~.

— Não está me ouvindo, está!? Você definitivamente não está ouvindo!

Encontrei um objetivo para essa viagem e também tinha uma parceira para a minha jornada. Assim, restava apenas terminar os assuntos voltados à escola, retomando os estudos antes do teste.

Meus preparativos para a viagem foram perfeitos e minha preparação para o exame final também estava próximo da perfeição. Agora eu precisaria apenas aguardar os resultados.

Fim do ranking de testes:

1. Arc Kudan

2. Eliza Deauville

3. Iris Palala

Como esperado dos três mais fortes. A parede de ferro não podia ser destruída, mas ainda assim, eu deveria ter ido muito bem. Procurei meu nome com confiança.

7 . Kururi Helan

8. Rail Rein

Eu consegui! Estou acima desse cara! Acima daquele desgraçado! Finalmente ganhei!”

Com isso, poderia ficar na Classe A no próximo ano e estava habilitado a entrar no modo férias de inverno, me sentindo muito bem! Atrás de mim, Eliza estava sendo lançada ao ar em comemoração por ter ganhado contra sua arqui-inimiga.

Vendo-a graciosa e de alta classe Eliza sendo atirada no ar, era imensamente agradável.

 


Tradutor: Rudeus Greyrat | Revisor: Ma-chan


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE AQUI, solucione o Captcha e aguarde

por 5 segundos, assim estará apoiando o tradutor e a equipe de revisores!



Fontes
Cores