Sevens – Capítulo 15 – Um trabalho fácil, em que tudo que você precisa fazer é ficar parado.



 Um trabalho fácil, em que tudo que você precisa fazer é ficar parado.

 

O que nós submetemos a mesa de recepção da guilda foi um pedido escrito para aventureiros.

Nós teríamos que pagar uma taxa e um depósito da recompensa, mas dessa forma nós fomos capazes de reunir mão de obra.

Entretanto, tendo aceitado o formulário Hawkins-san passou seus olhos entre a página e minha face numerosas vezes.

“L-Lyle-kun… não há erros nessa soma monetária, certo? O período de aceitação é quatro dias. Só de participar, a recompensa é de duas pratas. O sumário diz que eles só tem que ficar parados de pé em um ponto designado?”

Era natural pra ele duvidar disso.

O pagamento e o nível do trabalho estavam completamente fora de sincronia.

“Não há problemas. E também, sobre o número de pessoas que nós aceitaremos.”

“Eh? Sim…”

Hawkins-san parecia perturbado, enquanto ele confirmava os números escritos no formulário.

“Uma centena!?”

“Nós temos fundos para recompensar até duzentos, todavia. Em essência, nosso objetivo… é apenas deixá-los parados de pé ao redor da entrada de uma mina abandonada.  Vou pagar a recompensa separadamente, e procurar por pessoas por conta própria também.”

Ouvindo isso, Hawkins-san confirmou os detalhes dos documentos de novo e de novo.

『Se for exatamente como dito nas nossas informações, então são vinte ou mais. Mesmo que você chame isso de exagero, único realmente se movendo será o Lyle. Bem, se você pensar nisso como “participando em uma guerra”, não é um lucro tão ruim. 』

Quando  a Terceira Geração disse isso, eu experimentei alguns sentimentos vagos.

(Trabalhar um dia me rendeu cerca de seis a dez moedas de cobre largas. Ainda assim, nós estamos dando duas pratas por um trabalho de dois dias. Contudo, se nós não fizermos pelo menos esse tanto, nós não teremos uma inundação de candidatos.)

『Aqueles cegados pelo dinheiro irão congregar. Vamos fazer isso com um estouro, que tal?』

Ainda assim, como um filho idiota, entretanto.

Subjugar algumas dezenas de ladrões com centenas deve parecer como uma boa piada para os residentes de Daliem.

Isso iria definitivamente enviar minha posição para a Casa Walt… minha família definitivamente descobrirá isso. É claro, a possibilidade deles já saberem é alta.

Mas se eu realizasse atos tolos desse nível, o que eles pensariam?

Eu realmente acabarei sendo assassinado um dia ou outro.

( Se for pelo capricho de Celes, não seria estranho se algo assim acontecesse.)

Então após essa piada… o esforço desse pirralho idiota, o que aconteceria então?

(No final, isso tudo é uma aposta, não é…)

Enquanto Hawkins-san estava se certificando de que não haviam problemas na papelada, eu adicionei outra coisa.

“Ah, certo. Eu queria te perguntar algo, Hawkins-san, se estiver tudo bem.”

“Sim. Desde que seja algo que eu possa responder.

Ouvindo isso, eu confirmei com ele.

Naturalmente Zelphy-san não tinha problemas.

Não há como a guilda negar o pedido.

(Porque é sempre melhor ter mais cartas para jogar.)

 

 

 

 

 

 

 

Em frente ao primeiro andar da Guilda.

No espaço aonde hordas de pessoas iam e vinham, eu fiz um discurso em voz alta.

“Eu sou da Casa Walt… o antigo herdeiro de uma casa de Condes! Nesta ocasião, eu estou me posicionando para eliminar os bandidos que fizeram seu covil próximo a Daliem! Qualquer um que acredite na minha causa, por favor se voluntarie!”

『Ei, sua voz está mole demais. Você pode rir se quiser, apenas faça isso aqui mais dramático. 』

A Quarta Geração me direcionou, enquanto eu espalhafatosamente divulgava a operação.

Ridiculamente.

Eu até causei algumas risadas.

“ Um nobre derrubando bandidos? ”
“ E espera, ele não foi colocado pra fora…? ”
“Isso não é porque ele é inútil? ”
“Apenas deixe quaisquer problemas de bandidos para o lorde. ”
“Após a situação do labirinto ser resolvida, eles voltarão logo. Nós só temos que aguentar até então.”

Enquanto riam sarcasticamente, os aventureiros passavam por mim.

Haviam alguns que gargalhavam abertamente também.

“Agora é a hora para se posicionar, e como cavaleiros, nossa missão é… (É-é hora de ficar desesperado!)

Eu aguentei o constrangimento e continuei a chamá-los.

 

 

 

 

 

 

Após eu terminar minha solicitação, eu me encontrei com a Novem e retornei para nossa casa alugada.

Em frente à entrada, uma mulher ruiva… Aria Lockwarde estava de pé ameaçadoramente com seus braços cruzados.

Seus braços cruzados estavam escorando seus seios.

Não era muito diferente do usual, mas hoje, eu estava mentalmente exausto, então eu dei um olhar transitório aos seus seios antes de emitir a questão inevitável.

“Hm… Você tem algum afazer aqui na nossa casa?”

“Não me dê essa insensatez de afazeres! O que exatamente foi aquela coisa hoje mais cedo!?”

‘Coisa’ provavelmente se referindo a minha grande propaganda.

“Aquilo, bem a recompensa por subjugar os bandidos…”

“Lyle-sama foi incrível.”

Enquanto eu ficava embaraçado com a lisonja da Novem, Lockwarde-san se aproximou de mim.

Seus longos passos não eram algo que eu pensaria que viriam de uma dama nobre.

“Eu estava apenas te pedindo para me ceder a Zelphy-san! Desde que você fizesse isso, eu faria uso de algumas conexões e reuniria umas poucas elites para recuperar a gema… Se você deixar isso se espalhar tão abertamente, então até a brigada de bandidos vai ouvir sobre isso, não!?”

Novem respondeu.

“Você tem certeza de que  não está entendendo algo errado?”

“O-O quê? Digo, na verdade, todo mundo estava fazendo piada daquela performance.”

Eu agi exatamente para que isso acontecesse.

Apesar disso não ser um erro… mas por algum motivo, eu me sinto triste.

“O motivo pelo qual nós agimos foi precisamente por termos nossas próprias razões. Ou poderia ser… que você esteve sob a impressão de que nós estávamos agindo pelo seu bem?”

Diante das palavras duras da Novem, Lockwarde-san estremeceu.

Eu ouvi a voz da Primeira Geração.

『U-um- Novem-chan… Se possível, eu gostaria que você a perdoasse, é o que eu penso. Vamos todos ser amigos, okay?』

O Segundo falou.

『Exatamente no lado de quem esse cara está? Não há razão em particular pra mantê-la em um bom ânimo, há? Nós continuaremos de qualquer maneira.』

Não havia dúvida de que meu objetivo era recuperar a gema da Casa Lockwarde.

Estas eram as condições que eu precisava atender para ganhar a assistência do Primeiro.

Entretanto, meus sentimentos pessoais de querer ajuda-la não eram particularmente grandes.

Dessa vez, a razão pela qual os ancestrais estavam trabalhando juntos era para fazer o Primeiro me reconhecer e para garantir minha própria segurança.

“M-mas não há significados nenhum se a trupe de bandidos fugir!”

“… Então que tal você agir?”

“Eh?”

Novem continuou a falar friamente. Ao mesmo tempo, seus argumentos eram bem sólidos.

“ Zelphy-san aceitou um pedido da guilda para agir como nossa orientadora. É claro, nós já pagamos a compensação apropriada para isso. Agora, nós confiamos outro trabalho a ela, mas nós pagamos propriamente a taxa de pedidos. ”

“ E-Eu realmente sinto muito por isso. Mas eu não tenho esse tipo de soma para pagar… ”

A casa de Lockwarde-san estava em declínio. Não, havia desmoronado.

Se eles pudessem reunir uma soma larga o bastante, eles não estariam dependendo de sua velha amiga, Zelphy-san.

“Sem fazer o que quer que você consiga fazer, por que você continua a encontrar problemas no trabalho do Lyle-sama? Ou poderia ser que se o Lyle-sama suceder, você planeja exigir a gema dele? Exatamente o quão egoísta você tem que ser?”

“A-até eu es…”

Olhando para a face mortificada da Lockwarde-san, eu tentei me enfiar entre as duas, mas o Terceiro me impediu de fazer isso.

『Lyle, que tal você deixar essa para a Novem-chan? Isso vai ser o melhor para o bem daquela garota Aria também. 』

Ele me impediu de pará-las. Novem confirmou minha falta de ação, antes de continuar a repreender a Lockwarde-san.

“Mesmo que rissem deles, mesmo que eles estejam carregando vergonha, eu não riria de alguém que estivesse dando seu máximo. Eu acho que aqueles que meramente assistem dos cantos estão desqualificados para dizer qualquer coisa sobre isso.”

Lockwarde-san também tentou retrucar.

“E é por isso que eu procurei ajuda propriamente… o que você espera que eu faça sozinha!? O que você está dizendo que uma garotinha como eu pode fazer!?”

Eu olhei para as duas.

A Terceira Geração me ofereceu algum conselho.

『Novem-chan assumiu o papel de vilã por você. Originalmente, isso era algo que você deveria dizer pra ela, Lyle.』

O Primeiro também me disse.

『Isso mesmo! Tome vergonha na cara, seu bastardo!』

O Segundo ofereceu um lembrete amigável ao Primeiro.

『Você compreende que nós estamos fazendo todas essas coisas problemáticas por causa de você? E espera, tente repetir o que quer que você tenha acabado de falar em frente a um espelho. 』

Na minha frente, Lockwarde-san desatou a chorar e lágrimas corriam por sua face. O comportamento obstinado que ela carregava até agora a pouco não estava em lugar nenhum.

Ela queria suas coisas preciosas de volta.

Mas fazer isso sozinha era impossível.

Ela provavelmente agonizou diante desse problema, e eu entendi sua impaciência.

Eu puxei a Novem para dentro da casa. Enquanto passávamos pela Lockwarde-san, eu falei.

“Nós partiremos amanhã de manhã. Se você por acaso avistar um grupo parado fora da entrada, essa é a força de subjugação. Faça o que achar melhor.”

“Eh?”

Dizendo isso, eu entrei na casa, levando a Novem pela mão.

 

 

 


A manhã do dia seguinte.

Ou olhei para as carruagens reunidas, postes de madeira, e tábuas, e assenti.

“Se for isso, não haverão mal entendidos quando vistos de longe.”

『Fumu, eu estou surpreso que você conseguiu isso tudo com tão pouco tempo. Os mercadores pareciam bem cautelosos também. 』

O Sétimo olhou àqueles amontoados nas carroças e confirmou o completar de nossos preparativos.

Estes eram os aventureiros reunidos… com todos os cento e trinta espalhados parecia-se com um exército de longe.

(Há alguns outros aqui também.)

『… Aquela garota Aria também está aqui. 』

Eu virei os olhos e encontrei a ruiva Lockwarde-san.

Vendo-a, Novem não disse uma palavra. Ela não disse nada, mas ela parecia um pouco aliviada.

“Você está certa de que não seria melhor pra ela se ela não viesse?”

Quando eu disse isso, Novem sacudiu sua cabeça.

“Ela provavelmente tinha esse tipo de personalidade desde o começo. Eu acho que ela começou a sentir arrependimento. Desse arrependimento, talvez ela se perdeu e foi para o caminho errado… apesar de serem apenas minha predições arbitrárias.”

Nós não tínhamos trabalho nenhum para a maioria do pessoal. Nós realmente só os contratamos para irem até o ponto de destino. Aqueles com trabalho de verdade eram menos de dez por cento daqueles presentes.

Era trabalho em que eles verdadeiramente apenas ficariam lá parados. Eu anunciei como tal, e é por isso que eles se reuniram em massa.

Naturalmente, nós não tínhamos tempo, então os números que reunimos eram menores do que eu pensei.

『Você entende, não é, Lyle? A guerra já começou. 』

Diante das palavras da Sétima Geração, eu silenciosamente assenti.

“Agora, vamos partir.”

E com minhas palavras, Novem assentiu também.

 

 

 

 

Uma mina abandonada próximo a Daliem…

Lá, com seu tesouro reunido atrás de si, um único homem se sentou em cima de uma caixa de madeira.

Em sua mão estava uma gema vermelha.

Olhando para o tesouro em sua mão direita, o homem sorriu.

“Eu pus as mãos em algo bom. Por causa disso aqui, eu fui capaz de varrer completamente todos os monstros que haviam se fixado nessa área.”

Ele havia crescido uma barba escarpada, e era um homem de constituição larga, cuja altura havia ultrapassado dois metros.

Seus vinte e três subordinados olharam para seu líder e riram para si mesmos.

“Como esperado do nosso líder. Ainda assim, eu nunca pensaria que um pirralho nobre mimado viria pra cima de nós de frente.”

Quando um de seus homens disse isso, o homem largo soltou uma risada saudável.

Em frente aos vinte e três, ele os informou sobre a força de subjugação.

“Após ele ter feito um show tão grande na guilda, é claro que viriam. O que mais, sem nem mesmo saber que alguns dos nossos homens haviam se infiltrado em seus ranques. Deixem-os lutarem o tanto que quiserem com suas tropas de argila.”

A informação sobre o grupo do Lyle havia chegado a eles.

Em total, o homem tinha vinte seis homens. Deles, três estavam entre os aventureiros em Daliem.

Eles compraram os suprimentos necessários na cidade, e quando eles estavam prontos  para levá-los de volta a força principal, eles puseram as mãos na informação sobre o grupo do Lyle.

Dessa informação, eles sabiam que a maioria daqueles vindo eram aventureiros carregando varas de cipreste e escudos de madeira… O que mais, eles foram vistos como não tendo muita habilidade.

“Eles podem estar planejando nos surpreenderem com números e exigirem nossa rendição… mas nós não podemos ter isso, podemos? Nós não terminaremos em um lugar como esse.”

O homem largo tinha ambição.

Ele queria deixar para trás o status de um bandido e liderar um grupo de mercenários.

Na fila daqueles mercenários lendários que prosseguiram a se tornarem Lordes Feudais, ele aspirava ter uma posição ao lado deles.

Ele havia se assentado em Daliem, e até fez algumas conexões com os habitantes da cidade. Ele lentamente trouxe seus próprios subordinados e vendeu o tesouro que ele havia coletado para reunir fundos para seu próximo plano.

O motivo pelo qual eles nunca pilharam Daliem era para que eles pudessem viver as vidas de mercenários daqui em diante.

E a carta que eles precisavam jogar para garantir esse desejo havia descido sobre eles.

“Desde que nós tenhamos essa gema, não há nada a temer. Se aquele pirralho nobre verde vier junto, então nós iremos apenas tomar a cabeça dele.”

“Líder! A mulher que o moleque tem com ele tem uma aparência e tanto!”

Quando um dos subordinados disse isso, o homem largo sorriu.

“Entendo! Após eu saborear ela, eu vou deixar vocês darem uma beliscada, caras.”

“Hehe, bem obrigado por isso. Ele tem meu interesse desde quando eu vi ela¹ na guilda.”

A porção do grupo que havia se infiltrado na guilda se mantiveram informados com as atividades do Lyle.

Eles planejavam usar isso para fazer seus próprios nomes se destacarem.

Eles estão praticamente vindo pra nos oferecer uma chance de erguer nossos nomes. Homens ponham todo seu espírito nisso!”

“Yeah!”

A brigada de bandidos se gabava de uma alta moral.

A razão para isso era a gema vermelha que o homem apertava.

Nela, várias skills especializadas em combate a curta distância estavam gravadas.

Era o precioso tesouro passado através de Gerações na Família Lockwarde.

… A brigada se preparou, e aguardou a chegada de Lyle.


Tradutor: Batata Yacon  |   Revisora: Ana Paula



Notas:

1. Eu sei que “vi ela” está errado, mas eles são bandidos e falar certo não importa pra eles, eles estão com um linguajar bom até demais.. Talvez eu devesse passar a usar itálico em todos os casos de erros propositais… Porque essa web novela tem um bocado.


Fontes
Cores