Setes – Volume 4 – Epílogo



Epílogo

Tendo superado o trigésimo andar em segurança, eu dei uma passada no laboratório do Damien.

O tempo que levou para retornar foi apenas dois dias.

Mas em essência, foi realmente apenas um.

Ao montar em cima do portador pelo labirinto, e selecionando apenas as mais seguras entre as rotas, nós fomos capazes de retornar à superfície em apenas esse período de tempo.

Shannon tinha uma expressão cansada devido ao tempo gasto em um ambiente desconhecido, mas tirando isso, não havia realmente quaisquer problemas.

Nós retornamos, fizemos o aventureiro capturado testemunhar e terminamos de dar nosso relatório.

Hoje, eu passei no laboratório dele para inquirir sobre a antes Poyopoyo, agora Mônica.

Eu havia tomado café da manhã, e trouxe a Mônica para a academia. Essa parte estava bem e tudo mais.

Mas, hoje a Mônica estava…

“Prostrai-vos diante de mim, vira-latas produzidas em massa. Tendo recebido o nome 『Mônica』 do meu mestre, eu em muito transcendi vocês produtos numerados de linhas de montagem.

Com seu peito estufado, ela reinava sobre as três autômatos sob a posse de  Damien.

“Mortificante! Você deveria ter sido destruída lá!”

“Você recebeu ataques intencionalmente para chegar a uma cena especial… como esperado de um modelo especial. Sua desonestidade é, bastante característica de você.”

“Uma metodologia tão suja quanto essa… nós nunca teríamos nem imaginado.”

(Poderia ser que essas garotas na verdade se dão bem?)

As três autômatos a encararam com expressões irritadas.

Vendo suas faces, Mônica permaneceu capturada em seu senso de superioridade.

Damien falou:

“Você viu o interior dela, e um líquido vermelho fluiu… eles realmente eram incríveis, aqueles antigos.”

Apesar de ter sido destruída, Mônica estava equipada com uma formidável habilidade de autorreparo. Eu relatei isso a ele.

Ouvindo meu relato, Damien empurrou seus óculos para cima e se perdeu em pensamentos.

“Você não vai tentar destruir elas como um experimento, certo?”

Quando eu perguntei, um pouco preocupado, quem reagiu foram as três autômatos.

“Se forem as ordens do mestre.”
“Certo, nós estamos sempre preparadas para isso.”
“Então, vamos começar!?”

Vendo o desejo dessas autômatos por sua própria destruição, eu obtive confiança absoluta de que essas daí eram do mesmo tipo que a Mônica.

Damien soltou um riso de escárnio.

“Por que motivo? Eu estou ocupado com minha própria pesquisa aqui. Já larguei a pesquisa de autômatos pra outro professor.”

Tendo perdido interesse, Damien, aparentemente, havia concedido a pesquisa de autômatos para outrem.

Ele coletou todos os dados que queria, e estava atualmente preso em sua própria pesquisa.

“Então você não precisa do meu relatório?”

Quando eu perguntei isso, ele sacudiu sua cabeça.

“Estou interessado nas partes não relacionadas a autômatos. É o Portador. Os aventureiros estão altos e sonoros sobre isso, mas a academia também pôs seus olhos sobre ele.”

Damien fez uma expressão cansada, e uma voz veio da Joia.

Era a Quarta Geração de sempre.

『Hmm… Lyle, a hora chegou para você vender o conhecimento que acumulou por uma fortuna. É a máquina que os aventureiros se meteram em condutas sardônicas para obter. Você deve ser capaz de obter moedas de ouro na casa dos milhares… você entende isso, certo? No começo, apresente um montante bizarro, e então lentamente…』

Eu o ignorei e continuei minha conversa com o Damien.

“Se isso for calar a guilda, eu entregarei todos os dados que obtive. Eu também vou adicionar uma planta para um modelo simplificado, então eu apreciaria se você conseguisse fazer eles darem um preço razoável.”

Damien olhou para mim.

Ele parecia um pouco perplexo.

“Tem certeza? Há alguns idiotas fazendo barulho por aí sobre como isso vai equivaler à fortuna do século, sabe?”

Verdade, o valor do Portador no labirinto era imensurável.

Mas em geral, ele não podia produzir tanta velocidade assim.

Sua velocidade de movimento era lerda e sua estrutura era especializada para este específico labirinto.

O Quarto começou a gritar:

『O que você está dizendo, Lyle!? Essa é a parte em que você obtém uma larga quantia, e então poupa…』

O Quinto o parou.

『Se ele obter tanto assim, só vai ser visado de novo. É melhor ir levando essas coisas com moderação.』

Os dados nas minhas mãos eram definitivamente valiosos.

Mas se a academia de fato ficasse séria sobre isso, eles provavelmente poderiam coletá-los imediatamente.

Ao mesmo tempo, eu não penso realmente que isso vá ir tão bem.

“Eu sei disso por tê-lo usado, mas apesar de definitivamente ser excelente em carregar bagagens… É necessário um pouco de talento para ser posto em uso, e mais importante, você terá que ser um mago de nível médio ou maior. Se você expandir o Portador, então ele muito mal vai ser capaz de seguir por uma estrada reta no labirinto.”

As plantas simplificadas eram capazes de atravessar escadas, e virar nos corredores… era um modelo menor que nosso Portador.

Mônica o planejou.

Era uma versão menor otimizada para carregamento de bagagem e facilidade de uso.

“Eu vou considerar isso como uma valiosa opinião de usuário. Verdade, se nós planejamos espalhar esses daí, terá de ser modelos em miniatura.”

Damien podia usar magia 【Golem】.

A academia usaria isso e o Portador para colher um enorme lucro.

“… A guilda de Arumsaas está hesitante em aceitar nosso pedido de mudança de lar. Com aquele assunto anterior, eles estão sem mãos o suficiente, e disseram que definitivamente querem que nós fiquemos.”

Um largo grupo foi esmagado, e a guilda estava em pânico.

Havia o problema do aventureiro que nós arrastamos de volta espalhar a informação, mas os outros aventureiros já tinham escutado que ele era do grupo que tentou iniciar um ataque.

Nós fizemos ele se mover dessa maneira para início de conversa, então foi exatamente como planejado.

E nessa caótica guilda de Arumsaas, nós submetemos um pedido de mudança de lar.

Damien falou:

“Que pena. Lyle, você foi um dos poucos indivíduos cujos nomes eu gravei na memória. Bem, aqueles que acumulam força nesta cidade estão fadados a escoar para outro lugar. Digo, essa guilda é como você pode ver.”

Ambas, a academia e a guilda tinham suas objeções.

Parece que eles queriam comprar informação de mim.

O Portador se destacou mais do que eu jamais imaginei.

Damien resmungou sobre como, ‘vai ser tempestuoso por um tempo’, ou algo por entre essas linhas, enquanto ele ajeitava a posição de seus óculos com seu indicador.

“Eu vou passar a mensagem para os superiores. É claro, mesmo se eu não fizer nada, a guilda vai estar em um alvoroço.”

Nos últimos dias, sempre que eu passava, os recepcionistas me cumprimentavam com expressões pálidas.

Por outro lado, os aventureiros iniciavam conversas com sorrisos.

Daqui em diante, eu não tenho certeza se para melhor ou para pior, uma larga mudança estava prestes a acontecer na guilda de Arumsaas.

Eu estava mudando de lar, então não estava interessado.

Onde eu deveria ir a seguir?

Nós discutimos isso de volta na mansão.

Mas Aria continuou fazendo uma expressão perturbada o bastante para deixar até mesmo eu curioso.

“Deixo isso com você. Eu tenho os documentos prontos, então posso até levá-los já amanhã.”

“Você realmente é preparado.”

Enquanto Damien dizia isso, eu dei um sorriso amargo.

“Há uma pessoa barulhenta que permaneceu me dizendo que eles definitivamente seriam necessários.”

O Quarto dentro da Joia.

Desde o começo, ele estava pensando em fazer uma fortuna com o Portador.

『É um desperdício, tô dizendo! Peça por royalties, e tire dez por cento do lucro deles por dez anos, pelo menos!』

Ele era barulhento a respeito de dinheiro, mas depois de virar aventureiro, eu também aprendi que dinheiro era importante.

Mas o Sexto falou:

『O Lyle é só um aventureiro. Ele não tem poder político ou militar. Se ele fizer muita confusão, eu não acho que isso vá acabar bem.』

O Quarto resistiu.

『Exatamente quantos humanos você acha que serão influenciados pelo Portador!? Não só aqueles operando ele. Eles vão precisar de fábricas também. Até pessoas para realizarem reparos. Se eles puderem elevar a eficiência ainda mais, então surgirão aventureiros que podem lucrar ainda mais! Escute aqui, este investimento é…』

Eu tenho a opinião do Quarto em alta estima, mas não posso administrar tudo isso, nem tenho quaisquer planos de fazer isso.

E assim, vou entregar qualquer conhecimento que eu tenha obtido para a academia, ganhar algum dinheiro, e encerrar o dia.

Damien perguntou:

“Para onde você planeja ir a seguir?”

“Nós não decidimos onde vamos definir como nosso próximo lar, mas, por enquanto, nós iremos para Centralle.”

“E quanto a sua enorme bagagem? Você planeja fazer o portador carregá-la?”

Por enorme bagagem, ele provavelmente estava se referindo ao que sobrou da armadura do chefe do quadragésimo andar.

Eu a comprei porque pensei que seria útil para algo, mas levar ela comigo soava um pouco duvidoso. Entretanto, o eu atual não tinha uma restrição no uso de Skills.

“Bem, eu vou lidar com isso com Skills e coisas do tipo.”

“Que conveniente. Estou com inveja.”

Dizendo isso, Damien formou um sorriso.

Ao redor do laboratório, os subordinados de Damien estavam olhando para as autômatos com caras apertadas.

“Kuh! Três contra um é injusto!”

“Hmph! Não subestime a coordenação da linha produzida em massa!”
“Cerquem ela, e avancem para matar!”
“Que resistente. Eu acho que mesmo quando quebrada, ela não é um modelo especial por nada!”

Quando eu me virei, encontrei a Mônica travada em batalha com as outras três autômatos em trajes esvoaçantes.

Eu falei:

“Hah… estamos voltando, Mônica.”

Dizendo isso, eu parti do laboratório, e Mônica seguiu após transmitir algumas afiadas palavras de despedida.

“A adorável Mônica do Frangote agora vai acompanhar a partida dele. Pois bem, até mais defeitos numerados em série e produzidos em massa.”

As três autômatos estavam mastigando seus aventais, mortificadas.

Talvez eu devesse chamá-las de complexas, mas elas realmente se pareciam com humanas.

(… Por que razão a Mônica foi construída?)

Eu não podia deixar de me perguntar mais uma vez.

… Aria havia ido a aventureira a qual ela ficou sob os cuidados, Lyra.

Lyra estava trabalhando em sua sala quando a Aria declarou sua intenção de mudar de lar.

Continuando seu trabalho, Lyra deu uma resposta como de costume.

“É mesmo? Bem, com seu nível de habilidade, você deve ser capaz de se virar aonde quer que vá. Poderia ser que você vai pra Beim a seguir?”

Beim era chamada de capital dos aventureiros, e era um local sem nenhuma escassez de trabalho a se encontrar.

Ao mesmo tempo, sua segurança pública era ruim, e o nome de capital dos aventureiros era cuspido de maneira cínica frequentemente.

Era verdadeiramente uma cidade livre reinada por mercadores, mas esse era o nome pelo qual era chamada atualmente.

“Essa parte não foi decidida ainda. Por enquanto, nós planejamos deixar Arumsaas, e ir para Centralle.”

Se eles chegarem à Centralle, poderão usar uma carruagem acoplada para visitar a maior parte das grandes cidades. ¹

Se eles quisessem se mover, eles provavelmente teriam que parar pela cidade de qualquer maneira.

O objetivo dessa vez foi garantir números.

Miranda, Clara, Shannon… eles tiveram sucesso em adicionar as três.

Pode soar bem dizer que completaram seus objetivos, mas Aria estava triste em se separar da mulher que havia tomado conta dela por vários meses.

“… Aventureiros partem no momento em que se encontram. Por outro lado, há também aqueles que se recusem a partir, e arrastam seus encontros. É assim que funciona. Se você continuar ligando pra isso, não vai ter fim.”

Talvez sentindo os sentimentos da Aria, Lyra parou seu trabalho.

E ela falou:

“Entretanto, deixar essa linha de trabalho e encontrar um trabalho decente é a melhor opção, na verdade.”

Apesar de não ser o caso em Arumsaas, aventureiros são um amontoado de patifes.

Com numerosos criminosos em seu meio, eles tinham uma imagem terrível.

É diferente quando alguém se torna famoso, mas ainda assim, há muitos que fariam uma cara amarga ao meramente ouvir a palavra ‘Aventureiro’.

O ambiente especial de Arumsaas era um em que estudantes da academia frequentemente se registravam como aventureiros, então eles não eram frequentemente vistos com tais olhares.

Lyra falou:

“Daliem e Arumsaas… eles são todos lugares com trabalhos em abundância. Eu estou um pouco preocupada a respeito disso, mas você sobreviveu a um ataque em larga escala. Você provavelmente ficará bem.”

“Mas isso foi porque o inimigo foi negligente, ou assim o Lyle…”

Aria relembrou o que o Lyle havia declarado sobre o inimigo.

Fazendo bom uso de suas Skills, e esperar pelo momento certo de usar suas ferramentas foi bom da parte deles.

Mas eles subestimaram o grupo. Se o inimigo tivesse tomado um pouco mais de cuidado, isso teria sido perigoso.

“Se você estivesse contra os que são acostumados a visar aqueles na mesma área de trabalho, é provável que vocês estariam mortos. Bem, caras com esse nível de habilidade estão provavelmente trabalhando duro como mercenários, mas… aqui, com o próprio fato deles selecionando seus alvos cuidadosamente, e a preparação para o ataque, é certo de que todos eles eram peixes pequenos.”

A fim de erigir suas habilidades como aventureiros, novatos corriam para Arumsaas. Era um lugar para se aprimorarem, e encontrar companheiros.

Mesmo que na cidade você possa ter confiança em sua força, não significa que isso se manteria verdadeiro no mundo exterior.

“Neste mundo, veja, é melhor ser um covarde. É melhor que não se esqueça disso. Bem, sorte é algo importante também… o líder do seu grupo provavelmente é uma pessoa com essas coisas em seu nome.”

Sorte… um fator contra o qual trabalho duro não poderia fazer nada contra.

Ouvindo sobre o Lyle ser considerado um possuidor disso, Aria inclinou a cabeça.

“Me pergunto se isso é verdade.”

“Para todos aqueles que têm sucesso e sobrevivem até o final, todos eles precisaram ter boa sorte. Mas para essa parte, você tem que observá-los até o final para confirmar.”

Sendo bom ou ruim, Aria decidiu seguir junto ao Lyle.

Não era por ele ter comprado a vida dela.

Era porque ela havia decidido seguir.

(… Aquele homem, poderia ser que a confissão dele… não, mas ele disse que leu montes de livros, não foi?)

Havia algo com o qual ela se preocupava.

Havia também o fato de que a Aria queria ficar mais forte.

Lyra terminou o produto no qual estava trabalhando, e o jogou para Aria.

“É um presente de despedida. Leva com você.”

“Eh? Isso é…”

Pegando a corrente com um espaço para embutir a gema em sua mão, Aria olhou para Lyra.

“Por quanto tempo você planeja pendurar sua preciosa carta trunfo em algum barbante barato? Você tem que se certificar de não derrubá-la.”

Seguindo a orientação de Lyra, Aria pressionou sua própria gema vermelha ao colar.

Pendurando-o em seu pescoço, ela sentiu o novo peso do metal.

“Ora, se não fica bem em você? Você tem que prestar um pouco de atenção pra sua aparência também, sabe.”

Enquanto Lyra dizia isso com um sorriso, Aria ofereceu sua gratidão.

“M-muito obrigada!”

Vendo os olhos úmidos de Aria, Lyra não pôde deixar de se sentir um pouco envergonhada…

A graduada da academia, Miranda, estava arrumando a Mansão da Casa Circry.

Isto era a fim de se livrar dela.

Era a propriedade de seu lar, a Casa Circry, então ela teria que pedir permissão de seu pai, o chefe, antes de vendê-la. Ela já havia enviado a carta.

Ela também escreveu sobre como havia se graduado, e que planejava viver como aventureira.

A respeito dos olhos da Shannon… eles não haviam se recuperado completamente, mas ela era capaz de seguir a vida até certo ponto, ou assim ela mentiu.

(Mas eu não posso realmente escrever a coisa toda como uma mentira.)

Miranda olhou em direção à Novem e Shannon que estavam limpando.

“Ei, certifique-se de fazer isso propriamente.”

“Ela vai ser comprada por algum mercador e vendida, ‘então é claro que vamos fazer a limpeza antes disso!’ Isso definitivamente não faz sentido!”

Shannon resistiu a seu dever de limpeza, mas diante de uma sorridente Novem, ela gritou de medo e continuou persistindo.

Clara, que veio ajudar, perguntou à Miranda.

“Hm, eu também estarei indo junto?”

Miranda limpava enquanto falava.

“É claro. Digo, você é uma companheira. Nossa companheira, certo?”

Ela colocou alguma ênfase na palavra companheira, mas Miranda olhou para Clara e voltou ao seu trabalho.

Ela estava um pouco feliz.

Mais importante, ela começou a relembrar o conteúdo da carta de seu pai, e começou a pensar a respeito.

Mesmo como uma filha expulsa, Miranda ainda era alguém da Casa Circry.

Seu pai havia dito a ela para dar uma passada de vez em quando.

(Ela não pôde deixar de ficar curiosa. Ele nem se opôs quando eu disse que viraria uma aventureira.)

O pai de Miranda pareceu pensar que se ela havia escolhido essa vida, então não se poderia fazer nada, e desistiu.

Mas ele escreveu para passar por lá uma vez, não importando o quê.

(Me pergunto se há algum tipo de problema.)

Tendo deixado a casa principal, o interesse de Miranda a respeito da mesma era muito baixo.

A segunda e terceira filhas tinham seus noivos decididos, e apesar dela estar estudando em Arumsaas, Miranda recebia ajuda financeira.

Havia também os cuidados da Shannon, mas aqueles ao redor sabiam que ela havia sido basicamente expulsa.

(Eu espero que isso não se torne um problema, embora…)

Miranda considerou trazer os assuntos da carta ao Lyle.

… Dentro da Joia.

O Segundo e Terceiro estavam conversando.

『Então o Lyle completou o desafio com sucesso.』

『Certo. É uma pena que ele não tenha experimentado um Crescimento… Ah, entretanto ele cresceu fisicamente.』

O Terceiro pareceu triste de não ter sido capaz de testemunhar o sr. lyle dessa vez.

O Segundo compartilhava esse sentimento, mas não era a hora para isso.

『… Ei, eu acho que você já sabe, mas…』

O Terceiro assentiu:

『Há uma ordem para as coisas. Mas parece que meu turno vai ser pulado.』

A Skill do Segundo era útil, mas não complexa.

Em geral ela permitia que outros usassem a Skill da pessoa, uma verdadeira Skill de Suporte.

Seus efeitos colaterais convenientemente permitiam que a pessoa percebesse a situação em seus arredores. Mas a dificuldade em aprender e aplicá-la não era tão alta assim.

O Primeiro e o Segundo… as Skills deles eram, em comparação às outras, bastante peculiares.

Talvez fosse precisamente por eles possuírem essas duas Skills, que as dos chefes históricos posteriores se desenvolveram de forma diferente.

Porque a fundação estava em posição, eles buscaram por Skills características.

『… Eu fui um chefe de família bastante simples, então eu me pergunto quantas coisas existem por aí para que eu possa ensinar ao garoto.』

Quando o Segundo disse isso, o Terceiro fez uma expressão séria.

『O Primeiro abriu caminho pelas florestas, eu obtive grandeza na guerra… quando você está preso entre esses dois, você realmente parece singelo! Eu me desculpo por ser tão grandioso!』

De seu rosto sério, ele repentinamente estourou em risos, então o Segundo acertou o topo da cabeça do Terceiro.

O Terceiro reclamou:

『Minha nossa, foi só uma piada.』

『Suas piadas sempre acabam sombrias. E também, você foi e morreu em batalha… você é o menos qualificado disso tudo.』

『… Eu também acho.』

Os dois permaneceram solenes por um tempo, antes do Segundo falar:

『No final, pelo menos, eu queria fazer ele tomar uma decisão claramente. Como pensei, com simplicidade como minha base, eu não consigo pensar em nada, todavia. Bancar o legal como meu velho também está fora de questão.』

O Segundo sorriu, e o Terceiro prosseguiu:

『Se for o Lyle, ele vai entender seus problemas, Segundo… ele é um bom garoto.』

Quando a Terceira Geração disse isso, o Segundo assentiu.

『Ele não é nem bruto como o Primeiro, ou singelo como eu. Ele não é negro como piche que nem você também. Ele realmente é um bom garoto.』

『Que cruel~.』

O Terceiro riu, antes de pôr seu rosto sério de novo.

『Bem, apenas deixe o resto comigo. Os outros membros também são confiáveis.』

O Segundo falou:

『… Originalmente, nós não deveríamos nem estar dando conselhos assim. Puxa vida, aquele Primeira Geração… é porque meu velho comprou aquela gema azul de barganha que as coisas chegaram a isso.』

Os chefes históricos gravados dentro da gema estavam todos verdadeiramente mortos.

Ainda assim, eles mantinham memórias, e eles mantinham coração.

Por que razão a Joia carregava uma habilidade como essa?

Por que nunca havia sido ativada até agora?

Havia uma montanha de coisas sobre o qual ponderar.

Se fosse só para transmitir as Skills, então uma gema era ampla em transmitir o conhecimento.

O Segundo falou:

『Qualquer que seja a razão, eu duvido que terei a chance de descobrir… é claro, não é como se qualquer coisa fosse ser ganha ao descobrir de qualquer maneira.』

O Terceiro concordou:

『Certo. Por que nós temos a necessidade de fazer algo assim… é tão assombroso quanto aquela autômato.』

E dessa forma, os dois continuaram sua conversa dentro da Joia.


Extra: Canto das Perguntas 4


Tradutor: Batata Yacon   |   Revisora: Ana Paula



Notas:
1. Não me lembro se utilizei o termo carruagem conjunta anteriormente ou acoplada, mas à partir de agora pretendo deixar como acoplada.


Fontes
Cores