Setes – Volume 3 – Capítulo 11 – As Costas de uma Mulher



As Costas de uma Mulher

 

Após passar a sala do chefe do trigésimo andar, nós procedemos rapidamente.

Com as Skills em minha posse, nós sempre entraríamos com a vantagem em batalhas.

Nós fomos capazes de tomar as rotas mais curtas possível, com a menor quantidade de batalhas para chegar ao nosso destino.

Os tipos de inimigos se movendo ao redor, seus números.

Uma vez que confirmássemos isso antes de iniciar a batalha, as coisas ficavam extremamente fáceis.

Nós apenas carregávamos a quantidade mínima de bagagem e nós mudávamos de equipamento com base nos inimigos.

Quando nós encontramos um grupo imóvel de inimigos ao redor da saída do andar, eu passei ordens para todos.

“Clara, apague a luz. Novem, por favor prepare magia. Atributo de fogo. Eu deixarei os golpes finais para a Aria e a Miranda-san. Damien-san, por favor use suas bonecas como um escudo para deter o avanço do inimigo. Após virarmos à esquerda na encruzilhada seguinte, nós encontraremos monstros, então nós prosseguiremos com nosso padrão habitual.”

O padrão habitual era me deixar soltar uma flecha explosiva e começar a batalha depois disso.

Nós faríamos um ataque surpresa e quando os monstros estivessem em pânico, nós seríamos capazes de acertar ataques mágicos também.

Uma vez que eles disparassem em nossa direção, as bonecas conteriam seus movimentos, e nesse espaço de tempo, Aria e Miranda dariam os golpes finais pessoalmente.

“… eu nunca soube que a Miranda podia lutar bem assim.”

Aria estava fazendo uma expressão complicada enquanto olhava para Miranda-san.

“Sério? Eu não pretendi esconder isso ou nada assim, mas não apareceu uma chance de falar.”

Vendo a Miranda-san responder com um sorriso, Aria falou.

“Você mudou um pouco? Será que você está com um humor elevado por causa de um Crescimento? Tenha cuidado.”

A experiência de Crescimento varia de pessoa para pessoa.

Eu ouvi que experimentar batalhas em labirintos pode levar a um número maior deles. Em momentos como esses, é melhor se retirar da batalha por um tempo, e ver o que acontece.

(Todavia, se eu não tivesse que conservar energia, eu a deixaria na retaguarda.)

Considerando como eu teria que lutar com o próximo chefe, eu queria preservar minha estamina e poupar minha Mana tanto quanto possível.

Quando eu confirmei o número de flechas, eu descobri que com a distância que nós ainda tínhamos que percorrer, nós tínhamos um pouco de folga.

(É quase hora da maça se tornar ineficaz. Se nós formos desafiar o quadragésimo andar amanhã, então…)

Enquanto eu considerava mudar minha arma, eu preparei o arco e disse a Clara para apagar a luz.

Eu tranquilamente fui para a curva e quando eles entraram em meu alcance, eu disparei.

Quando a explosão soou, Clara acionou a luz de novo.

O Segundo falou.

『Já acabou.』

Se nós não fôssemos negligentes, nós seríamos capazes de encerrar a batalha sem jamais receber ataques.

Pelo fim do terceiro dia, nós fomos capazes de alcançar todo o caminho até o trigésimo nono andar, e apesar de ser um pouco cedo, nós decidimos descansar em preparação para amanhã.

Não é como se toda a comida que havíamos trazido fossem comidas preservadas.

Nós trouxemos ingredientes utilizáveis normalmente também e a Skill 【Caixa】 do Sétimo as mantinha preservadas em um estado fresco.

Mesmo em consideração à comida, nós fomos capazes de comer o que seria impensável de se encontrar em um labirinto.

Na sala que levava ao quadragésimo andar, nós derrotamos todos os monstros nos arredores antes de montar acampamento.

“Sendo honesto aqui, eu subestimei vocês, caras.”

Damien me chamou enquanto eu estava descansando.

“É porque eu tenho as Skills. Ah, por favor mantenha segredo sobre elas.”

Enquanto eu o silenciava, Damien empurrou seus óculos com seu indicador.

“Eu não tenho o hábito de espalhar rumores. E eu sinto que seria um saco fazer vocês de inimigos, então eu não farei.”

O fato de que ele me considerava um saco, significa que ele já estava interessado em mim o bastante para me avaliar.

(Mas mesmo que eu seja avaliado por esse tipo de pessoa…)

Enquanto eu pensava isso, Damien começou a falar sobre a recompensa.

“Bem, então é hora de eu falar sobre a magia. Está tudo bem se isso for deixado para depois de sairmos do labirinto? Eu quero preservar minha Mana aqui.”

“Beleza.”

Ouvindo isso, Damien entrou no assunto do pedido verdadeiro.

“Nesse ritmo, parece que nós seremos capazes de cumprir o original, então eu vou dizer, mas a recompensa por esse daí não é dinheiro. Entretanto, ele tem um valor muito maior que isso.”

Uma considerável soma de mil moedas de ouro havia sido escrita no formulário de pedido.

Ele precisava de materiais retirados do chefe do quadragésimo andar, não importando o quê.

(Como pensei. Digo, o frasear era bastante questionável. Nesse caso, exatamente o que é a recompensa? Uma Ferramenta Mágica? Ou talvez algo do tipo?)

Eu tentei prever a recompensa e Damien falou.

“Oh, então vendo que você não está confuso, eu acho que você já previu isso. Bem, isso deixa as coisas mais fáceis… que tal um autômato como recompensa?”

“Autômato? Eh? Isso significa…”

Isso não é algo bastante precioso?

Eu estava prestes a perguntar isso, mas Damien explicou.

“Eu reuni as partes para um autômato em si. E eu juntei um bom número de partes além disso. Tudo que eu tenho que fazer a seguir é modelá-lo e o inicializar, mas… Eu não tenho uma pedra mágica de alta qualidade para armazenar Mana o bastante para seu funcionamento. É por isso que eu postei esse pedido. Eu também preciso de alguns dos materiais, mas vocês podem fazer o que bem entenderem com o que quer que sobre. Eu até carrego eles de volta pra vocês.”

De acordo com as referências na guilda, o chefe do quadragésimo andar era um gigante com armadura cobrindo todo o seu corpo. Ele carregava uma arma de fogo, e era uma existência problemática que disparava magia de ataque daquilo.

A armadura que vestia podia ser vendida por uma boa quantia, ou assim eu ouvi.

“A academia vai aprovar o assunto do autômato?”

“Aceitando ou não, nós temos partes mais que o bastante, então dar uma ou duas está tudo bem, não está? Não é meu hobby, então vocês podem carregá-lo. Suas operações dependem de um pacto de mestre-servo, aparentemente, então eu acho que ele precisa de algum sangue.”

Por uma boneca feita com a tecnologia de uma civilização antiga, eu acho que é um pouco espantoso que ela possa funcionar com magia.

Se eles tinham tecnologia a esse nível, eu não consigo ver porque aquela sociedade foi perdida para o tempo.

(A razão é desconhecida, acredito.)

“Ah, certo. Se você for ficar na cidade, eu vou dar uma passada para sua ‘avaliação do cliente’ a respeito dele. Eu pagarei a taxa pela informação, para que saiba. Por enquanto, eles cortaram meu orçamento, então está sendo bem difícil, sabe?”

Enquanto pensava que ele era uma pessoa livre demais, eu assenti.

Eu olhei para as bonecas que Damien havia criado. Elas eram um grupo de armaduras de ferro.

Elas pareciam que seriam úteis em batalha.

(Se eu usar o autômato em conjunto com a magia de golem, nossas forças vão se multiplicar instantaneamente.)

Enquanto eu pensava em algo bastante relaxado, eu decidi tentar perguntar algo que estava na minha cabeça.

“Damien-san, é sobre as palavras que você disse na sala do chefe antes.”

Damien pensou por um tempo, e até resmungou, ‘… aquelas palavras?’, algumas vezes, então não parecia que ele lembrava.

“Deixa pra lá.”

“Entendo. Bem, eu estou contando com você amanhã também. Com esse passo, parece que nós vamos voltar ainda mais rápido que o planejado, então eu não posso estar nada além de feliz.”

Observando Damien retornar ao seu lugar, eu pensei.

(… Nesse ritmo, eu vou acabar inútil. Exatamente o que ele quis dizer com isso?)

A manhã do quarto dia.

Após nós acordarmos, nós começamos as preparações para enfrentar o chefe.

Eu tirei os suprimentos que preparei para hoje de dentro da Caixa.

Olhando para eles, o Terceiro falou.

『Lyle, você com certeza joga sujo. Usando essas bolas de madeira recheadas com pólvora.』

O Quarto pareceu impressionado.

『Com a Skill do Sétimo, se torna possível carrega-las em segurança. Digo, não há risco delas explodirem pelo caminho.』

O Segundo…

『Mas é bom que você chegou no chefe no quarto dia e tudo mais, mas se nós estivermos considerando o retorno, parece que você realmente vai precisar de uma semana. Que descuido da minha parte.』

Isso.

Uma coisa importante no labirinto era que mergulhar nele e derrotar o chefe não era o fim das coisas.

O retorno era tão importante quanto.

A bagagem aumenta, suprimentos diminuem e a velocidade de movimento cai. Pode ser dito que o nível de perigo na viagem de retorno era o maior.

Mas eu era uma exceção.

Usando a Caixa, nossa bagagem era mantida em um mínimo,e nós éramos capazes de tomar a rota mais curta para voltar.

Para ir ainda mais longe, nós já havíamos derrotado todos os monstros na rota que usaríamos para nosso retorno.

Mesmo se alguns deles revivessem, nós não passaríamos por mais batalhas que no nosso caminho até aqui. Evitá-los e passar direto também era possível.

(Os chefes não estarão lá também, então nós podemos descansar por cerca do vigésimo andar, altamente preenchido de aventureiros.)

Já que haviam chefes, nós tínhamos que fazer pausas como essa antes de enfrentá-los.

Se eles não estivessem lá, nós provavelmente teríamos sido capazes de alcançar esse ponto mais rápido.

O problema foi o chefe no trigésimo andar.

(Eu acabei usando uma das minhas cartas trunfo nele, mas bem, não há nenhum problema verdadeiro.)

Eu tirei um dos itens recheados de pólvora de dentro da Caixa e o olhei. O item que eu havia preparado em números consideráveis era uma das ferramentas básicas do cinto de utilidades de um aventureiro.

Eles serviam para serem usados quando um monstro problemático estivesse se aproximando.

Mas manuseá-los era difícil e se você usasse magia, ou tivesse magia usada contra você, havia o risco deles explodirem. Nenhum aventureiro decente jamais traria eles para dentro de um labirinto.

Eu terminei minhas preparações finais e fechei a caixa. Antes de descermos, eu entreguei a todos uma das bolas de pólvora.

“Quando nós chegarmos na sala do chefe, joguem isso. Parece que elas não fazem muito contra sua superfície externa, mas eu ouvi que elas são efetivas no seu interior.”

Eu ouvi isso do aventureiro que havia chegado no quinquagésimo andar.

Quando perguntado se elas fariam algo ou não, ele respondeu que provavelmente seriam efetivas.

Quando Damien o recebeu, ele disse algo como, ‘a boneca pode fazer isso? É impossível para mim.’

“Novem, Clara, entreguem eles para a Aria jogar. Uma vez que a Aria jogue um, passem outro para ela. Miranda-san, por favor ataque o monstro com magia do atributo fogo.”

Enquanto eu prosseguia com o modo como eles deveriam se mover uma vez que nós entrássemos, todos assentiram.

Todos eles pareciam bem rígidos.

Normalmente, para enfrentar uma besta dessas você precisaria de um esquadrão de veteranos fortemente preparados, ou não aconteceria.

Exatamente por que é que chefes se manifestam em labirintos?

Eu acabei me perguntando algo assim.

“Em geral, mirem no cano na mão dele para começar. Aparentemente aquilo é algo como um canhão, mas a outra mão carrega um escudo, então tenham cuidado. Ele também tem uma arma como um machado consigo, então quando ele derrubar sua artilharia…”

Nós confirmamos nossa estratégia final, e prosseguimos em direção a desafiar o chefe do quadragésimo andar.

O quadragésimo andar subterrâneo.

Era o mesmo que todas as outras câmaras de chefes.

A diferença era seu tamanho… sua largura e as paredes circundantes.

Ao invés de placas de metal grudadas irresponsavelmente para fazer as passagens, o metal agora estava belamente ladeado.

A atmosfera era completamente diferente.

“Essa passagem com certeza é longa.”

Miranda-san sussurrou isso e os outros concordaram.

Para os outros que não podiam ver o mapa, eles provavelmente estavam curiosos sobre quando nós estaríamos vendo nosso inimigo.

Eu sabia a distância na minha cabeça, então eu não sentia tensão nenhuma sobre esse fato.

“Nós estamos quase lá. Não está no centro da sala, mas na parte mais distante dela, então quando nós entrarmos em sua sala, eu vou lançar o primeiro ataque.”

Eu era a isca.

Não é como se magia pudesse ser usada imediatamente na hora, então um papel desses era necessário.

Usando Skills para elevar minha velocidade de movimento me tornava bom em ficar correndo por aí.

“Lyle-sama, por favor tome cuidado.”

“Eu sei.”

Enquanto a Novem se preocupava comigo, eu simulei de novo e de novo na minha cabeça. Eu podia basicamente sentir a força do inimigo com a Skill do Segundo e ela estava me dizendo que eu estava em perigo.

Entretanto, ao mesmo tempo, eu fui capaz de determinar que não seria difícil demais derrotar ele com esses números.

É por isso que nós preservamos nossa força tanto quando pudemos.

(Mas eu acho que não serei capaz de derrotá-lo sozinho.)

Mesmo se eu usasse magia, sua armadura aparentemente era capaz de bloquear isso, aparentemente.

O esquadrão de aventureiros prévio que o desafiou tentou acertá-lo com suas magias todos de uma vez.

Mas ele muito mal recebeu algum dano disso.

Os membros principais de algum jeito conseguiram se manter firmes e continuaram os ataques nele até que ele caiu, aparentemente.

Enquanto caminhávamos, a entrada da sala veio à vista.

O interior dela era sombrio e dava uma sensação ominosa.

De tudo mais, nós podíamos ouvir o som inquietante da respiração de um organismo vivo.

“Eu ouvi sobre isso, mas ainda assim, faz meu coração disparar. Parece que desse ponto em diante a força dos monstros está totalmente em outro nível.”

Damien disse isso, e Aria ajustou sua respiração.

“Puxa vida, por que mesmo nós aceitamos esse pedido afinal? Nós primeiro deveríamos ter aumentado nossas forças e treinado mais.”

Miranda-san riu, enquanto respondia.

“Aria, você está tensa demais. Nós nos preparamos para isso, não há tanta necessidade assim de entrar em pânico.”

“Como você pode agir tão relaxadamente!? Ontem, você estava tão…”

“Vocês duas, por favor fiquem quietas.”

Clara as advertiu e a área ficou quieta.

Eu lentamente abri minha boca.

Ao mesmo tempo eu usei a 【Todos】 do Segundo com seu propósito original de uso…

E eu elevei as capacidades de todo o grupo com a Skill 【Ao Máximo】 do Primeiro.

“Vamos indo.”

Dizendo isso, eu corri para dentro da sala e fiz barulho para garantir que minha existência fosse notada por ele.

Um largo ‘algo’ começou a se mover, e eu joguei a bola de madeira em minha mão.

O monstro a parou com seu escudo, mas após nada acontecer, ele começou a vir para mim.

Ele segurava um largo cilindro em sua mão direita e começou a apontá-lo em minha direção.

Eu imediatamente pus a mão na bolsa pendurada em minha cintura e joguei as bolas uma após a outra.

Por volta de quando eu havia jogado todas as minhas cinco bolas enquanto corria pela borda da sala circular, eu fui capaz de confirmar uma forte luz apontada diretamente para mim.

O Segundo…

『Isso é bem ruim. Se ele receber isso de frente, o atual Lyle seria finalizado em um golpe só.』

O Sétimo também.

『Nem mesmo pense em bloquear isso. Esquive a todo custo.』

Eu estava totalmente a bordo com a opinião dos dois.

“Esse daí é um bastante problemático.”

Eu estava suando frio.

Determinando que receber um golpe direto não seria nada bom, eu imediatamente disparei em corrida, mas a explosão atirada começou a vir em minha direção.

O que mais, em uma velocidade incrível.

A massa de magia que colidiu com a parede explodiu e acendeu toda a sala por um instante.

O que eu vi foi, diferente dos inimigos que eu enfrentei antes, a forma de um monstro asseadamente vestindo uma armadura excessivamente cerimoniosa.

Algo como galhos de árvore estavam se projetando de suas juntas.

“Um monstro do tipo planta está vestindo uma armadura de metal? Que tipo de piada é essa!?”

Eu usei magia.

Não direcionada ao inimigo, mas as bolas de madeira abaixo dele.

“Bala de fogo!”

Um orbe de fogo disparou da ponta do meu dedo e acertou um golpe direto em uma das bolas de madeira.

Enquanto explodia, as outras dispararam em uma reação em cadeia.

Fumaça encobriu os arredores da sala.

O Quinto falou.

『Os outros não podem mirar no inimigo na fumaça. Lyle, sopre isso pra longe.』

Como instruído, eu resolvi remover nada além da fumaça.

Parece que graças a explosão por abaixo, o monstro foi forçado a se despedir de seu escudo.

“Por que não solta o cano também!? Tempestade!”

Eu soprei a fumaça.

Mas eu ainda não era capaz de ver bem os arredores.

Como pensei, há um problema com este método.

O Sexto…

『Você deveria ter estufado a pólvora em uma caixa. Então você só teria que levá-lo até ela e bangue.』

É um pouco tarde demais, mas esse era um método plausível.

Mas não é fácil assim pôr as mãos em pólvora. Eu apenas seria capaz de preparar um caixote.

Além de estar incerto se eu poderia ou não o levar até ele, se ele atacasse enquanto eu a estivesse transportando, seria eu em risco de incineração.

O Terceiro olhou ao redor…

『Olhe, Novem-chan e os outros vieram. 』

Objetos redondos desceram sobre o monstro um após o outro e em um espaço separado do grupo, Miranda-san usou sua magia.

Eles provavelmente determinaram que era perigoso ficarem juntos.

Ao mesmo tempo, a possibilidade da magia da Miranda-san disparar a pólvora próxima era assustadora.

Fogo e bolas de madeira colidiram com o chefe, explodindo.

A armadura cerimonial nem mesmo tremeu, mas sua junta do braço direito foi explodida para longe pelo impacto.

O cano caiu ao chão.

O Quarto forneceu instruções.

『Lyle, manipule o vento para mandar a fumaça para as partes mais profundas da câmara. Nesse ritmo, a visibilidade vai ficar baixa demais para seguir os movimentos dele.』

Eu usei magia para limpar o ar e o monstro que havia caído de joelhos ergueu um rugido.

Enquanto seu elmo caía, o que ficou visível foi uma monstruosa cabeça insectoide.

Que sujeito assustador.

『Oy, A Aria está…. 』

Aria usou suas Skills para jogar as bolas com toda sua força.

No momento que o monstro berrou, ela jogou uma na boca dele e ela foi engolida.

No momento seguinte, Novem usou magia.

O ar nos arredores começou a revolver ao redor do monstro.

A magia de alto nível era uma que a Celes uma vez usou.

“Ela está usando… Tempestade de Fogo.”

O vento foi incendiado e dentro da tempestade de chamas, o monstro se contorceu.

A temperatura da sala se elevou instantaneamente e o comportamento da besta começou a se tornar estranho.

Sua cabeça foi estourada pra fora.

O Quinto ofereceu uma suposição.

『Foi aquela que a Aria jogou que finalizou ele? Eu acho que você tem que ceder essa batalha a ela, então.』

Eu olhei para o monstro flamejante, e após confirmar que ele havia morrido, eu respirei fundo.

Eu não sabia que a Novem podia usar magia desse nível, mas no final, nós emergimos vitoriosos, então não havia problema.

A primeira a correr para mim não foi a Novem, mas a Miranda-san.

“Bom trabalho!”

“Parece que tudo correu bem.”

Enquanto eu dizia isso a ela, ela assentiu com um sorriso.

“Sério. Eu pensei que fosse um monstro com base em planta, mas a cabeça era um inseto parasita. Se a Shannon estivesse aqui, ela teria desmaiado.”

Parece que a Shannon não gosta de insetos.

Vendo o monstro imóvel, Damien alegremente extinguiu as chamas com magia.

Apesar de seu conteúdo estar queimando, a armadura em si estava apenas suja, e não havia derretido.

Era resistente demais.

Eu não estou certo se ela usou uma Skill que não estava acostumada, mas a Aria parecia cansada.

Novem e Clara estavam cuidando dela.

Miranda olhou para Novem enquanto murmurava.

“… aquela menina é algo ridículo. Mais do que eu.”

Eu pensei que ela a estava elogiando.

“Ela é bastante confiável. De… várias maneiras.”

Eu embaralhei minhas palavras, enquanto ia de volta em direção ao resto do grupo. Eu pensei em fazer as bonecas do Damien carregarem as peças de metal, cano e escudo espalhadas.

“… Eu estou realmente cansado. Eu quero ir para casa.”

“H-hey.”

Após termos derrotado o chefe do quadragésimo andar, nós não prosseguimos mais adiante e retornamos ao andar anterior.

Se possível, no mesmo dia, nós chegaríamos ao redor do vigésimo andar, e descansaríamos a noite, mas… uma mudança ocorreu em mim.

Não era na mesma extensão de antes, mas meu corpo estava extremamente fatigado.

Eu não queria mover meus membros e até caminhar era um saco.

Com uma larga pedra mágica em mãos, Damien exclamou algo como, ‘com isso, eu posso finalmente terminar o dispositivo para converter Mana em eletricidade!’

(É como se ele fosse uma criança que comprou um brinquedo novo.)

Nós coletamos todos os materiais de monstros necessários, mas parece que nosso objetivo principal era a pedra.

Ele provavelmente está feliz por ter seus dispositivos completados.

Damien estava inocentemente alegre, mas suas bonecas estavam carregando a armadura de aparência pesada que o chefe estava vestindo.

Nossa recompensa dessa vez seria um autômato, e o Damien nos ensinando sua magia.

Entretanto, desta forma, nós não teríamos renda.

Já que eu paguei uma soma enorme para me preparar para essa viagem, era natural para mim querer coletar alguns itens de valor.

Mas…

“Essa armadura com certeza é legal. Suas partes rústicas são muito boas. Muito boas.”

Enquanto eu cambaleava para frente, Aria me olhava com olhos irritados, e gritava.

“Você não pode caminhar direito de uma vez!?”

“… não tô com vontade.”

Se houvesse um homem aqui, eu até gostaria de ser carregado.

Mas se for procurar por um nessa área, só tem o Damien, que era mais baixo do que eu.

O indivíduo em si tinha uma pedra mágica bem larga nas mãos e os cantos de seus lábios estavam elevados.

Eu duvido que ele esteja realmente olhando para qualquer outra coisa.

(Eu estou surpreso que ele possa fazer as bonecas dele se moverem nesse estado.)

Enquanto achava isso um espanto, eu espremi minha força para caminhar pelo labirinto.

O quinto dia.

Em um estado pior que antes, eu peguei o ombro da Novem emprestado para caminhar pelo labirinto.

Clara me olhou com preocupação em sua face.

“Sua compleição está pálida, Lyle-san.”

“… não mais… eu não posso continuar… ah, vire à direita ali.”

Eu usei minhas Skills e de algum modo passei ordens para os outros.

Eu ainda posso usar as Skills, mas a fadiga está começando a se tornar algo terrível. A quantidade de Mana que meu corpo está recuperando é baixa e meu corpo está doendo demais além disso.

“Lyle-kun, será que você se forçou demais?”

Enquanto a Miranda-san dizia isso, Aria…

“Foi assim antes também. O que vem a seguir é tão ruim quanto.”

“Sério?”

Até advertir meus companheiros, que estavam espalhando minhas informações pessoais, parecia um saco, então eu não abri minha boca.

Novem me chamou.

“Lyle-sama, nós já alcançamos o décimo andar, então aguente mais um pouco.”

Por causa do largo número de aventureiros que mergulhavam nele, quanto mais alto nós íamos, menos e menos monstros apareciam. Nós fomos capazes de nos mover com alguma paz de mente.

Quando eu chequei as Skills, eu vi sinais amarelos espalhados aqui e ali.

Mas…

“… é impossível…”

Reclamações escapavam da minha boca.

Ouvindo isso, o Sexto soltou um suspiro.

『Lyle, aguente mais um pouco. E espera, você é aquilo, não é… o tipo em que sua condição física é devastada bem antes de um Crescimento.』

O Quinto estava equilibrado.

『Mas ele cresce o bastante para compensar, certo? Só pense nisso como um recuo, e lide com isso. E espera… os outros parecem estar com dor também.』

Quando eu olhei ao redor, eu vi que a Novem estava aguentando alguma dor.

Damien estava abrindo menos sua boca.

Aria estava constantemente irritada.

Miranda-san havia perdido a agudez de seus movimentos.

A luz da Clara não estava mantendo um brilho estável.

Até quando a Novem estava aguentando seus próprios problemas, ela estava me emprestando seu ombro.

O Segundo…

『Quando todo mundo luta e recebe uma massa de experiência, acaba desse jeito, eu acho. As coisas realmente vão acabar mal se você não aumentar seus números. Isso definitivamente está relacionado a Skill do Lyle, não está?』

O Terceiro tinha a mesma opinião

『Ao invés, por ele ter que receber tanta experiência assim para experimentar um Crescimento… os outros aqui provavelmente passaram por isso de novo e de novo, mas é só a segunda vez do Lyle, não é?』

Certo, eu estava prestes a passar pelo meu segundo Crescimento.

É só que… eu só estava ganhando um após lutar numerosas batalhas nos andares inferiores do Labirinto e derrotar ambos os chefes do trigésimo e quadragésimo andares.

O que mais, com a fadiga que veio disso, eu fui deixado em um estado em que eu não podia nem mesmo me mexer propriamente.

O Sétimo escolheu suas palavras com cuidado.

『… Lyle é aquilo, você sabe. Umm… desde que ele cronometre as coisas bem, ele é uma força de combate valiosa. Esses pequenos deméritos aqui e ali não são um problema.』

O Quarto.

『Bem, após um Crescimento, ele deve ficar bem por um bom tempo. Mas ainda assim… 』

Até dar um único passo requeria uma boa parte de força de vontade.

No final, com o alívio que eu senti de alcançar os arredores do quinto andar, eu perdi a consciência.

Eu ouvi isso depois, mas aparentemente a Novem e a Miranda-san me carregaram.

As bonecas do Damien foram incumbidas com a bagagem pesada, o Damien em si recusou, Aria era nossa força de combate só por garantia, e Clara era nosso suporte, nos provendo luz.

Miranda-san se voluntariou, então ela ajudou a Novem a me carregar, pelo que parece.

No quinto andar repleto de aventureiros, eu mostrei a lamentável visão de mim mesmo sendo carregado por duas mulheres.

As avaliações dos ancestrais quanto a essa expedição como um todo foram como se segue.

『Fazendo as garotas te carregarem, não rola cara. Que broxante.』

… assim parece.

Eu também achava isso.

 


Tradutor: Batata Yacon   |   Revisor: Torres   |   QC: Ana Paula



Fontes
Cores