GADG – Capítulo 9 – Grama Também é Deliciosa às Vezes



Dentro do Castelo de Belta, em frente ao escritório de Sidamo.

 

Dois recém-chegados estavam ainda de pé, pensando no que fazer. Mais especificamente, eles estavam pensando no que fazer a respeito do objeto na frente de seus olhos.

– …. Me perguntou, o que é isso?

– Não importa em que ângulo você olhe, isso não é pão?

– O que eu quero saber é por que tem um pedaço de pão aqui do lado de fora…….. Me pergunto se é algum tipo de teste para nós. É melhor pensarmos sobre isso.

Murmurou uma mulher que usava um uniforme de oficial novo, enquanto ajeitava os óculos. Essa era sua maneira de lidar com situações estressantes, provavelmente.

O outro homem se agachou e olhou para o pão. Nada de especial, apenas um pedaço de pão. Nada mais, nada menos.

Em outras palavras…

– Alguém provavelmente o largou aqui. Você está pensando demais sobre isso.

– Justo aqui? Quem diabos faria isso?

– Tanto faz, vamos juntá-lo. Ele poder ser do Senhor Oficial de Estado-Maior. Vou segurá-lo de forma não natural e talvez ele vá notar.

– ….. Faça como quiser. Só não me envolva.

Depois de mostrar uma expressão incrédula, a jovem mulher bateu à porta. Uma voz aguda de homem respondeu de dentro.

– …. Quem é?

Ela respirou fundo e levantou sua voz.

– Senhor, sou a Segunda-Tenente, Katarina Nubes, designada ao Terceiro Exército hoje! Vim para me apresentar!

– Igualmente, sou o Segundo-Tenente, Vander Hafiz!

– Entrem.

– Com licença!

Ao ouvirem a resposta curta, eles endireitaram a postura para não serem desrespeitosos e entraram na sala. Lá dentro estava um homem conduzindo seus afazeres de oficial com muitas dobras em sua testa.

Os dois recém-chegados supuseram que ele era, provavelmente, o Chefe Oficial de Estado-Maior do Terceiro Exército, Sidamo Arte. Em qualquer situação, as primeiras impressões eram cruciais. Eles deixaram a coluna ainda mais reta, bateram seus calcanhares e saudaram da forma que praticaram muitas vezes antes.

…. Quando eles olharam sem querer para baixo, viram pedaços de um vaso de flores quebrado pelo piso.

– Vocês fizerem bem ao virem ao Castelo de Belta, as linhas de frente do Reino Yuze. Daqui para frente, espero grandes esforços vindo de vocês, cavalheiros, é o que quero dizer, mas….

Sidamo cortou sua frase.

– …..?

– Atualmente, foi decidido que nós seremos juntados ao Quarto Exército. Você estando no Terceiro Exército, infelizmente, será apenas por pouco tempo.

– Deixando isso de lado, o que é isso em sua mão?

Ele apontou para o pão que Vander estava segurando. Sua testa se enrugou novamente e uma sobrancelha estava se torcendo e se debatendo.

– Senhor, isso estava na frente de sua porta, então pensei em pegá-lo. Isso seria do sen-

– Errado…. Descarte como achar melhor. É algo que o senhor herói deixou cair. Se você está com fome, não me importo se comer. Depois que a conversa acabar, é claro.

– S-Senhor.

Katarina e Vander mostraram expressões de dúvidas, mas Sidamo desconsiderou isso e continuou.

– ….. Voltando ao assunto, como eu disse mais cedo, logo que o Quarto Exército chegar, vamos nos juntar a eles. Muito provavelmente, vamos ser colocados a cargo do apoio.

Eles trabalhariam por trás da cena e seriam incapazes de acumular conquistas espetaculares. Não havia dúvida de que eles poderiam até mesmo ter tarefas extremamente pesadas empurradas sobre eles. Use os recursos dos outros, não os seus, obviamente.

– Sendo assim, e sobre sermos estacionados a unidade da Major Schera…?

Kataria perguntou timidamente. Era a maior chance de trabalhar ao lado de um futuro herói. Ela não queria deixar essa oportunidade escapar. Vander, por outro lado, estava pensando que nada podia ser feito quanto a isso.

– Não tem problema. Como combinado, vocês serão alistados como ajudantes. Provavelmente convém a vocês pegarem um pouco de comida e cumprimentarem a Major Schera depois. Ela vai ouvir vocês com seriedade, com certeza.

– Entendido.

Ao ouvir a palavra ‘comida’, uma dúvida flutuou sobre a cabeça de Katarina, mas ela não ousou se aventurar e perguntar. Parecia que havia alguma conexão com o pão de mais cedo, mas isso não era hora de perguntar.

– …. Sobre a Major Schera, a qual se tornará seu oficial superior, ela é um tanto quanto problemática. Ela gosta de agir arbitrariamente sobre sua própria autoridade, ela tem pouca experiência comandando uma unidade e não é muito conhecedora sobre a arte da guerra. Porém, ela é valente e possuidora de muitas mortes.

Sidamo expressou com palavras não muito bajuladoras. Não havia motivo para mentir, então ele apenas cobriu a verdade.

– P-porém. Ela foi promovida a Major aos dezoito anos de idade. Isso é de uma velocidade sem precedentes, mesmo em nosso exército, eu creio…

Quando Vander falou, Sidamo acenou solenemente.

– De fato. Ela se voluntariou para o recrutamento aos dezesseis anos, e nessa ocasião, ela passou porque trouxe as cabeças chefes do Exército Rebelde. Depois de um erro no ataque surpresa em sua primeira batalha, no meio de uma derrota, ela aniquilou um pelotão inimigo e foi promovida a Segundo-Tenente. Ela entrou no meio dos desertores de Antígua, se infiltrou na base de espiões do inimigo e matou um Coronel do Exército do Império.

– I-Incrível.

Katarina comentou involuntariamente. Esta era uma carreira exatamente condizente com um herói. Se ela continuasse, uma promoção para General provavelmente não seria um sonho. Ela testemunharia o progresso o mais próximo possível. Ela queria ser uma ajudante por causa disso.

– Além disso, na Batalha de Alucia, ela liderou uma cavalaria cujo comandante havia morrido em batalha, destruiu o depósito de comida do inimigo e, depois disso tudo, rompeu o cerco do inimigo e repatriou. Ela é a dona de tais feitos. Se eu tivesse cem dela, não haveria dúvidas de nossa vitória.

– Então, por que você considera ser um problema?

– Schera se supera em combate, certamente. Mas ela não recebeu treinamento como oficial militar. Seu conhecimento é escasso; ela leva baseado no instinto; tudo o que ela tem é poder superior. Para um único soldado, isso é ótimo, mas tenho muitas inseguranças confiando-lhe as vidas de três mil cavaleiros. Ao mesmo tempo em que vocês a ajudam, gostaria que contivessem sua imprudência.

– Então você está dizendo que…

– Pense dessa forma. Ela cai completamente em uma armadilha do inimigo; vocês vão impedir que ela morra, não importa o quê. Não deixem ela cair no mesmo barranco que nós, o Terceiro Exército, é isso que quero dizer…. O que acham? Vocês compreenderam? Se entenderam, é isso.

Terminado com seu discurso quase auto-humilhante, Sidamo pediu a ambos, que foram bombardeados com palavras.

– E-entendido. Eu ajudarei com tudo o que tenho.

– Igualmente. Eu, Vander, vou me dedicar ao máximo!

Katarina e Vander, apesar de serem bombardeados com palavras, saudaram e expressaram sua compreensão. Por alguma razão, eles sentiram que havia um trabalho extremamente difícil jogado sobre eles.

Apenas por um momento, Sidamo mostrou uma expressão de alívio.

– …. Muito bem. Nesse caso, vocês estão dispensados. Espero conquistas daqui para frente.

– Sim senhor-!

Os dois ajudantes recuaram respeitosamente e trocaram olhares entre si, como se estivessem imaginando o que acabara de acontecer.

– Por agora, vamos cumprimentar a Major Schera. Não vamos entender nada se não nos encontrarmos com ela em pessoa. Considerações podem ser deixadas para mais tarde, não é?

– S-sim. Como você disse. Devemos agir ao invés de ficarmos ansiosos…. Não, com certeza não podemos agir sem pensar sobre isso. Com certeza não. O que foi feito não pode ser desfeito––

Katarina murmurou para si mesma e ajeitou seus óculos. ‘De novo isso? ’ pensou Vander enquanto caminhava.

– O que você está sussurrando consigo mesma? Vou te deixar aqui.

– Esp-espere aí mesmo!

– Não fale tão alto. As pessoas vão ouvir você.

– A culpa é sua por estar indo embora!

Desde que ela se conhece por gente, Katarina não tinha pais e era um prodígio que, através de grande esforço e estudo, lutou até aqui. Ela gostava mais de aprender do que de lutar, e se obrigada a dizer, ela não gostava dos humanos que agiam sem pensar.

Seus pais adotivos incomuns também eram humanos que agiam antes de pensar.

Depois de ajustar os óculos que escorregavam, Katarina correu atrás de seu colega.

Castelo de Belta, dentro dos estábulos.

Os dois começaram uma conversa com o soldado que cuidava dos cavalos de batalha.

Talvez Katarina estivesse cansada de andar; seu corpo estava lento.

– …. Onde está a Major Schera?

– Ela liderou a cavalaria e iniciou sua tarefa há algum tempo. Acho que ela está aproveitando a oportunidade enquanto patrulha o perímetro para fazer um ataque aos comboios de suprimento, como sempre.

– M-mas, o Oficial de Estado-Maior Sidamo disse a ela para não fazer mais isso.

– Hahaha, e você diz isso para mim. Por favor, diga isso direto para a Major Schera. Bem, se ela fosse parar apenas porque alguém mandou, acho que o Oficial de Estado-Maior não teria tanta dificuldade.

O soldado riu e voltou a cuidar dos cavalos novamente. Ele também era um dos membros da unidade de cavalaria de Schera. Talvez pelo fato de ele ter visto a força de sua comandante pessoalmente, sua moral era relativamente alta. Vendo que o soldado voltou ao seu trabalho, Vander suspirou levemente.

– Não consigo deixar de sentir que há problema aguardando por nós. Talvez tenha sido um erro nos voluntariarmos.

– …. Ah, cala a boca. Mesmo que você pense assim, eu não penso.

– Faz parte de minha personalidade falar o que penso.

– Se apresse e conserte isso.

– Vou me esforçar, Senhora Segunda-Tenente Katarina.

Ao virem visitar o escritório de Schera, descobriram que estava vago, por isso procuraram dentro do Castelo deelta. Eles finalmente ouviram uma pista sobre ela no quartel e correram para os estábulos como lhes disseram.

No entanto, eles estavam apenas um passo atrás, e apenas mencionando que ela estava saindo para patrulhar a área, Schera tinha levado cem cavaleiros de Belta.

Schera esquecera completamente do novo assunto sobre os ajudantes, pelo que parecia.

Por volta da mesma hora, em um local diferente.

 

Schera e sua cavalaria, como combinado, viajaram a oeste de Belta a toda velocidade e, depois que atravessaram o Rio Alucia, estavam deitados de bruços em uma colina ligeiramente elevada, com vista para o Castelo Ramo Antígua. Naturalmente, haviam desmontado de seus cavalos e estavam escondidos à sombra das árvores.

– Deixe me ver….. Me pergunto o que se tornou aquele que uma vez foi nosso lar, Antígua. Que monstruosidade de bandeira, como sempre. Aquela bandeira irritante e verde-cocô. Fico cada vez mais irritada quando olho para ela. Acho que vou ficar com rugas na testa, assim como o Oficial de Estado-Maior Sidamo.

Schera olhou para o castelo pela luneta roubada dos agentes da inteligência do Império enquanto eles não se mexiam.

O brasão da família Real Yuze em um fundo verde, era a bandeira do Exército de Libertação. O brasão da família real em um fundo vermelho era do Exército do Reino.

Schera arrancou violentamente um punhado de ervas daninhas que estavam ao seu redor, e então as jogou em sua boca e mastigou como um cavalo. Amargo. Desagradável, Pungente. ‘Eu não devia ter comido isso’, ela imediatamente se arrependeu.

Com um olhar tão atroz que seria difícil se aproximar dela, Schera olhou pela luneta e checou o estado atual das coisas. O interior do castelo estava calmo, mas não parecia que a segurança estava pegando leve. A cidade dentro das muralhas estava lotada de pessoas, como soldados ou mercadores, e rostos sorridentes podiam ser vistos nas pessoas indo e vindo da cidade. Metade de um ano se passou e a tranquilidade foi completamente restaurada. Na verdade, talvez estivesse prosperando ainda mais do que aqueles dias sob o Reino. Houve o prazer de ter sido libertado do domínio tirânico, possivelmente. Schera, descontente, cuspiu a grama.

– …. Major. Ninguém come grama depois de ficar irritado.

Um soldado em alerta na parte de trás se dirigiu a Schera, se sentindo espantado.

– Deixei elas com os cavalos. Então não tenho nada em mãos agora. Meu estômago está em crise.

– Por favor, fique tranquila. Pegue isso. Encontrei isso algum tempo atrás.

Ele rastejou até o lado de Schera e, com um sorriso, entregou algo. Enquanto passava pelas Planícies Alucia, ele havia colhido algumas plantas do campo.

Como este já era território inimigo, ele sem hesitar, só pegou um pouco.

– …. O que é isso, eu me pergunto. Parece mais mastigável do que a grama que eu comi.

– É uma planta que é a matéria-prima do açúcar. Corte a cana e coloque na boca por favor. É doce e saboroso, sabe.

Como o soldado disse, quando ela cortou e colocou em sua boca, suco contendo um sabor açucarado vazou. Schera deu um sorriso de orelha a orelha e deu uma mordida.

– É doce e saboroso. Esta é uma grande conquista para você. Eu lhe darei algo legal depois que voltarmos.

– Muito obrigado.

– Vamos ver, meu estômago e a defesa do castelo estão sólidos–Será que devemos ir procurar por comida como sempre? Eles vieram de tão longe, carregando tudo aquilo por todo o caminho até nós. Temos que ser gratos.

Ela virou a luneta para as Planícies Alucia, começando a procurar por comboios de suprimentos carregados de coisas boas.

– Mesmo assim, nós continuamos a repetir as perseguições várias vezes, então por que não fomos interceptados nenhuma vez?

– Em um local sem importância como esse, talvez eles simplesmente não tenham lazer para os guardas. Parece que eles estão tentando concentrar sua força de trabalho em torno de Belta, afinal. Mas não deveria ser algo como anexar guardas com o melhor de sua capacidade para o fornecimento de comboios? Oh, eu descobri a refeição desta noite. Como é a defesa deles? Eu me pergunto.

Schera descobriu uma fileira de carruagens à distância. Ela podia ver que não havia guardas. Nesse caso, não haveria problema. No instante em que ela decidiu agir, sentiu uma forte sede de sangue. Ela rapidamente virou a luneta naquela direção.

– Major? Qual é o problema?

– …. Parece que nossos companheiros estavam inesperadamente livres. Ou eu me pergunto se nós exageramos. Aqui, olhe também.

Ela disse, e inesperadamente jogou a luneta para o soldado ao lado dela. Ele entrou em pânico e, depois de segurá-la, olhou na direção que Schera apontou.

Nuvens de poeira violenta estavam sendo levantadas. Era uma unidade de cavalaria que içava a Bandeira do Exército de Libertação e, além disso, a Bandeira do Leão. Seus números eram cerca de cem talvez. Eles estavam vindo em direção à colina em que Schera e o grupo estavam. Eles estavam avançando muito rapidamente.

– Eles estão claramente fazendo um curso em nossa direção. Major, você acha fomos descobertos?

Ele perguntou ao devolver a luneta para Schera. Ele não estava em pânico porque ele tinha fé que eles iriam fugir.

– Esses caras provavelmente também estavam olhando para nós com essa coisa. Mais cedo, fiz contato visual com alguém que se parecia com o comandante.

Schera levantou-se lentamente, vigorosamente se espreguiçou e dirigiu-se para onde os soldados estavam escondidos. Eles infligiriam um golpe, ou eles humildemente se dispensariam? Schera pensou enquanto segurava a cana na boca.

– O que faremos?

– Vamos ver. Nossos números são praticamente os mesmos, então vou cumprimentá-los um pouco. Vocês ficam desmontados e armam uma emboscada. Certifiquem-se de preparar as lanças longas. Se nossos convidados vierem, nós lhes daremos uma recepção educada.

– Um único cavaleiro sozinho, em qualquer circunstância, é muito perigoso! Se você for, nós iremos com você!

– Se a unidade sofrer um ferimento, o Oficial de Estado-Maior vai diminuir meu salário novamente. Será apenas uma saudação rápida, vocês não precisam se preocupar com nada.

Schera colocou o capacete, pulou em seu amado cavalo marrom e preparou sua grande foice. Seu cabelo que não podia ser completamente escondido aparecia no capacete. Talvez seja hora de cortá-lo. Schera pensou inconsequentemente enquanto levemente balançava sua foice. Os rugidos e estrondos sonoros criados reverberavam pelos arredores.

Os membros do grupo respiravam reflexivamente. Eles estavam realmente contentes que aquela foice não seria jogada neles. Schera chutou o abdômen do cavalo e começou a correr em direção à Bandeira do Leão que se aproximava com toda a sua energia.

Exibindo a Bandeira do Leão, esta força havia descoberto Schera. Foi-lhes atribuído o árduo dever de vigiar o comboio de suprimentos, porque este tinha sido duramente atormentado por ataques sucessivos. Como lobos famintos, o corpo de cavalaria inimigo atacou-os decisivamente. Ter essa unidade de elite sendo usada como guardas provou como a odiosa Schera e o grupo eram considerados. A cozinha do Exército de Libertação também não estava em uma posição confortável, e eles não tinham excedentes para doar ao exército inimigo.

– Tenente-Coronel Fynn. A essa distância, eles provavelmente serão capazes de fugir.

O jovem chamado de Fynn assentiu levemente quando uma ajudante, com seu cavalo alinhado, se dirigiu a ele.

Vendo mais de perto, ele era um homem de características delicadas, mas possuía um braço considerável e matara dois grandes generais inimigos na batalha anterior. Naquela luta surpresa de antes, o homem que aniquilou a divisão de Jira também foi ele. Lhe foi conferido uma insígnia de leão, e ele era o mais forte guerreiro do Exército de Libertação.

O nome desse jovem era Fynn Kattef. Mais tarde, ele seria saudado como “O General Leão”.

– Mesmo assim, isso não é um problema, você não diria? Nosso dever é proteger o comboio de suprimentos até o fim, afinal.

– Credo. A coisa do Deus da Morte dos boatos é realmente uma pedra no sapato. Até nós fomos chamados para o dever de escolta.

– Um monstro gigantesco que empunha uma grande foice, certo? Se isso é real, eu, de alguma forma, não quero conhecê-lo. Bem, até onde sei, não passa de um boato.

Quando Fynn verificou com a luneta novamente de cima de seu cavalo, a silhueta humana de antes desaparecera. Se ela fosse um verdadeiro Deus da Morte, ela não estaria fazendo coisas como se esgueirar furtivamente. Um boato nada mais era do que um boato, afinal. O medo em uma pessoa se disseminava e depois era amplificado – essa era a realidade por trás do Deus da Morte. Justo quando estávamos ficando tranquilos –

– O cavaleiro de afiliação desconhecida está vindo em nossa direção! …… Armadura do Exército do Reino e segurando uma grande foice na mão!!

Um soldado recuando da vanguarda disse em voz alta. Quando Fynn apressadamente focou seus olhos à frente, certamente havia um cavaleiro correndo com um impulso assustador.

– …. Ei, é apenas um cavaleiro. Ela está planejando se render?

– Ela está em pose de batalha. Não me parece uma rendição.

Ele considerava uma rendição, mas como ela estava segurando uma foice estranha e grande em suas mãos, não parecia que essa era sua intenção. Também não parecia ser uma deserção.

– Uma investida com apenas um cavaleiro? Absurdo! Tirem-na do cavalo e mostrem a verdadeira natureza do ceifador!

A ajudante gritou duramente, e com um grito de entusiasmo, três cavaleiros seguraram suas lanças e atacaram.

– Senhor! Deixe conosco!

– A transformarei em ferrugem na minha lança!!

– Lhe darei uma recompensa adequada por fazer pouco de nós!!

Eles eram cavaleiros zelosos e jovens, com fé em sua força e com alta moral. A pequena figura do cavaleiro e o cavaleiro do Exército de Libertação cruzaram armas. Em um segundo, a cabeça do primeiro cavaleiro saiu voando. Um cavaleiro restante desencadeou ataques furiosos, determinado a prejudicar seu inimigo. Seus ataques coordenados foram evitados com facilidade. Ele foi derrubado de seu cavalo pelo cabo da foice e o amado cavalo da Morte esmagou seu corpo com todo o seu peso. O último homem que considerava que este inimigo estava além dele, girou o cavalo e correu vários metros, ele abruptamente cambaleou e caiu. Uma foice pequena e grosseira usada para cortar grama projetava-se do cérebro do jovem. Schera jogou essencialmente como um bumerangue e colheu a vida de sua presa. Ela apontou para o pequeno espaço entre a armadura e o capacete e acertou com sucesso.

– É o ceifador sombrio. O Deus da Morte dos rumores.

– …. Realmente desagradável.

– Não só isso, ela é apenas uma jovem garota. Is-Isso é um disfarce, sem dúvidas.

Os bravos cavaleiros, sem querer, soaram tensos. Eles eram homens valorosos, mas eram supersticiosos. Esse era o símbolo da Morte que cruelmente colhia almas. Sobre aquela figura interpretada como a personificação da Morte, eles reflexivamente sentiam medo.

– Vocês, como vocês podem se chamar de cavalaria que carrega a Bandeira do Leão !? O que há para temer sobre um único cavaleiro!! Tenham um pouco de vergonha!!

– M-mas é que…

Uma voz calma interrompeu o cavaleiro aflito.

– Só um pouquinho, eu vou ser o único a verificar isso.

– Eh?

Quando Fynn murmurou isso, ele pegou o arco de suas costas com movimentos suaves e puxou o arco e flecha até o limite. A flecha, que foi totalmente puxada para trás por sua tremenda força, rugiu quando voou em direção a Schera.

–––tsk!

Como a flecha era muitas vezes mais rápida do que Schera havia imaginado, ela desajeitadamente bateu com sua foice. Sem pausa, as flechas foram disparadas rapidamente. Ela balançou a foice e as afastou, mas apenas uma flecha atingiu a sua armadura no ombro.

Schera estalou a língua, puxou a flecha e depois virou o cavalo e começou a subir a colina.

– Parece que flechas vão atingir até a morte. Se esse é o caso, até nós podemos vencer, provavelmente. Ela parece ser humana como nós.

– Tenente-Coronel Fynn, deixe-nos persegui-la imediatamente! Esta é a melhor oportunidade para nos cobrarmos de tudo até agora! Pelo bem de nossos companheiros mortos também, por favor, deixe-nos…!!

– Não, tenho um mau pressentimento. Vamos voltar aqui. Completamos nossa missão de defender o comboio de suprimentos. Não acho que seja bom nos esforçarmos mais. Mais importante, temos que recuperar seus cadáveres.

– Tenente-Coronel-!

– Além disso, para um único cavaleiro ter vindo, só posso pensar que ela estava nos atraindo. Há certamente tropas esperando em uma emboscada. Morrer tragicamente em uma emboscada? Me recuso. Venha agora, não franze a testa. Vamos nos apressar. Seu rosto bonito será estragado.

– …. Entendido.

Ao ver sua ajudante morder os lábios, ele deu uma risada sarcástica involuntariamente. Naquele momento, ele sentiu uma forte sede de sangue, e a aparência de Fynn mudou.

– …..!! Milla, cuidado-!

– O qu-!!

Antes que sua ajudante, Milla, pudesse responder, Fynn prontamente bateu em seu cavalo e a afastou. Ao ter sido atingida inesperadamente, ela caiu de seu cavalo.

Uma pequena foice foi jogada e voou até onde Milla estava agora há pouco. Foi mirada de forma que provavelmente teria cortado seu pescoço. Que precisão incomparável. Se ela não tivesse sido empurrada, teria havido uma fonte de sangue, sem dúvida.

Olhando de longe, Schera resignadamente balançou a cabeça para o lado. Depois, os cantos de sua boca torceram e ela olhou para Fynn e seu grupo. Então, depois de provocá-los, passando o polegar pelo próprio pescoço, ela lentamente retornou ao topo da colina. Os cavaleiros haviam esquecido a perseguição e ainda estavam surpresos.

– ………….. Eu acho que o apelido de Deus da Morte não é apenas para se exibir.

Ao ter protegido a vida de sua ajudante especial, Fynn olhou com raiva para a figura que recuava, enquanto suspirava. Provavelmente, aquela pequena garota tiraria a vida de algumas centenas de irmãos a partir de agora, ou assim ele temia. Aquela aparência de calmamente pousar uma grande foice no ombro dela não era nada além da própria Morte.


Tradutor: Apollo  |   Revisor: Edge



Fontes
Cores