GADG – Capítulo 18 – A Comida Paga Pela Capital Real Deve Ser Deliciosa



Castelo de Belta, passando por trabalhos de reparo rápido

Na sala de conferências dentro do castelo, as opiniões dos generais e oficiais de estado-maior estavam completamente divididas em duas, entre o plano de guerra rápido, imediatamente fazer Canaã se render e tentar capturar a Capital Real, e o plano seguro, capturar a área sul enquanto iam para Canaã. Os homens amparados por suas vitórias sucessivas afirmaram fortemente que deveriam procurar a Capital Real o mais rápido possível.

— Eu gostaria que todos vocês lembrassem qual é a nossa grande causa. Libertar a Capital Real das mãos do despótico deveria ser nossa missão. Então, por que temos que seguir um caminho indireto, estou tendo dificuldade em entender.

— Está certo. Enquanto estamos girando nossos polegares, as pessoas estão sofrendo. Também é óbvio que o inimigo já desabou. Ainda mais porque o Império também declarou guerra. Esta estrada de desvio, onde fazemos nosso caminho para fazer a queda do Reino a partir sul, não é necessária.

Altura ainda não havia revelado sua opinião. Até que ouvisse as opiniões de todos os membros, não daria seu julgamento. Sua decisão era muito importante. As vidas de todos os soldados do Exército de Libertação estavam em jogo.

Quando Altura lançou seu olhar para Diener, ele tossiu levemente e começou a falar.

— …. Acho que não devemos ser impacientes. O tempo está ao nosso lado. Quanto mais esperarmos, mais vantajoso será para nós e mais desvantajoso será para o Exército do Reino. Além disso, o inverno rigoroso logo começará. Canaã não é tão fraca para cair em pouco tempo.

Havia pessoas que mostravam expressões amargas ouvindo a opinião de Diener. Elas eram pessoas pertencentes a uma facção da oposição, que não pensavam bem na ascensão de Diener à proeminência. Eles serviam há muito tempo a membros da facção de Salvador, que acompanhavam Altura desde que criou um exército. Os reforços que vieram do Império também estavam incluídos nesta facção.

Ou eram da facção de Belta, soldados que se renderam e tinham aprovado os motivos dela e se reuniram.

Aqueles mais próximos de Altura eram, claro, principalmente as pessoas da facção de Salvador. Mas, passando apenas por números, eram ultrapassados pela facção de Belta e, assim, suas opiniões não puderam ser ignoradas.

Altura procurou uma orientação delicada. Quando se inclinava de qualquer maneira, isso geraria insatisfação. Isso se acumularia e se acumularia e, então, explodiria, assim como o atual Reino.

— Meu deus, eu não teria esperado tais palavras do Senhor Diener, que se destaca na ingenuidade. Na batalha há poucos dias, aquele que enviou cinco mil soldados em perseguição para Canaã, não foi você? Eles foram repelidos sem realizar nada. Não vou deixar você dizer que esqueceu todo o sangue que derramou

Criticou Ghamzeh, um oficial de estado-maior da facção de Belta, e outros membros concordaram.

— É isso que acontece quando os soldados são movidos sem pensar. Claro, foi você, Senhor Diener, que derrubou Belta. Isso foi devido à sua habilidade. Mas os que conseguiram isso foram os oficiais e homens do Exército de Libertação e, especialmente, os milicianos que arriscaram suas vidas participando. Eu ficaria preocupado se você esquecesse que foi pelos esforços de todos com ideais semelhantes.

— …… Então, o oficial de estado-maior Ghamzeh tem um plano para derrubar Canaã?

— Claro. Eu já coloquei arranjos para sua captura. Tenho laços consideráveis ​​com os senhores feudais da região da Capital Real. Trocamos mensagens dizendo que eles se revoltarão assim que o Exército de Libertação invadir a região da Capital Real.

Ghamzeh tirou mensagens secretas do bolso do peito. Em muitas cartas, os nomes dos senhores feudais da área além de Canaã estavam escritos. Ele aproveitou as conexões de quando era afiliado ao Exército do Reino e colocou esse plano em prática.

O que os senhores feudais procuravam era garantia de segurança. Este tinha sido um trabalho fácil para Ghamzeh. Posteriormente, ele monopolizaria realizações na facção de Belta e teria que se firmar para tomar o poder depois de obter o controle da Capital Real. Um regime fantoche do Império era uma ameaça muito real. Nesse ritmo, o Império se aproveitaria da guerra civil e agiria como bem entendesse. Este era um medo que as pessoas, anteriormente do Exército do Reino, tinham.

Aquele que provocou esse medo foi o Estrategista Diener. Ele era um personagem suspeito perto do Príncipe Alan, despachado do Império, e sua cidade natal era desconhecida. Era um espinho no lado da facção de Belta, e eles estavam esperando, como uma fera caçando sua presa, esperando por um momento para derrubá-lo. Não tinha mostrado muitos erros antes, mas a derrota da perseguição alguns dias atrás foi a sua tão esperada chance para terem certeza.

— Senhor Ghamzeh, acredito ter perguntado sobre a captura de Canaã. Capturar a Capital Real deve ser uma conversa para mais tarde.

— Não fique tão nervoso Senhor Diener, como explicarei em detalhes aqui. Dos meus subordinados, há muitos que conhecem a geografia dessa área em detalhes……. Por favor, dê uma olhada nisso.

Ghamzeh começou a explicar enquanto indicava com o dedo sobre o mapa aberto.

— Se quisermos atacar frontalmente, teremos que controlar essa estrada principal que liga a Capital Real. No entanto, esta estrada é cercada por montanhas íngremes. Embora seja um castelo nivelado, há também a Fortaleza de Roshanak. Se eles tomassem formação de batalha nesta região montanhosa, seriam difíceis de atacar, vocês não acham?

— Realmente, nossos oponentes podem lutar enquanto fazem bom uso do natural, posições estratégicas, enquanto por outro lado, teremos que lugar constantemente no nível do chão.

Altura assentiu. Diener estava escutando em silêncio.

— Exatamente. Se decidirmos atacar imprudentemente, sofreremos perdas terríveis de tropas….. Aqui, vamos mudar a conversa por um momento, por favor. Além desta região montanhosa de Canaã, há três fortalezas. O primeiro é o nosso alvo, a Capital Real Blanca. Sudeste de lá está a Fortaleza de Sayeh. E então, em breve, será concluída a Fortaleza de Cyrus, a sudoeste.

Ele apontou os lugares um por um. De Belta, a mais próxima era a Fortaleza de Cyrus, no sudoeste.

Uma vez que atravessassem a estrada, para o oeste estaria Cyrus e para o leste estaria Sayeh. Em seguida, entre elas estava a Capital Real Blanca, que podia ser vista. Esta defesa tripla, assumindo que atravessassem Canaã, seria o bastião final do Reino.

— Vai se tornar um inimigo problemático para nós, pelo quão perto está da conclusão, né.

Behrouz observou enquanto esfregava o cabelo branco do rosto. Enquanto no meio de capturar um, inegavelmente seriam atacados por trás. Para lidar com isso, por mais que odiassem, teriam que dividir suas forças.

— Ainda assim, concluo que não é perigoso a partir de agora. Como está quase pronto, os guardas ainda não foram posicionados. Os únicos que existem são cidadãos reunidos como trabalhadores, inspetores e um pequeno número de guardas……. Então, para nós, estamos com sorte, pois temos a orientação das estrelas.

Ao falar sobre as informações obtidas de seus espiões, Ghamzeh orgulhosamente tocou no mapa.

Diener avisou para continuar.

— E essa boa sorte é?

— Nas montanhas de Canaã, existe uma passagem que somente a população local conhece. Naturalmente, não está nos mapas. Estranhos também não foram notificados sobre isso. Passado este atalho, é a parte de trás da Fortaleza de Cyrus.

De seu local planejado de captura, ele mostrou uma área mais a oeste. Era uma área íngreme e montanhosa chamada Cume de Golbahar. Ghamzeh estava dizendo para atravessar esse cume, desapropriar Cyrus e conduzir um pivô para a Área da Capital Real.

— No entanto, isso não é perigoso? Você não será capaz de evitar a aniquilação se ficar isolado. Isso não me parece um lugar fácil de enviar reforços.

Altura mostrou sua preocupação e Ghamzeh sacudiu a cabeça dizendo que não havia necessidade de nervosismo.

— É por essa razão que esquematizei os senhores feudais em torno de Cyrus. As pessoas que têm o espírito cooperarão conosco. Eu quero pegar emprestado três mil de infantaria leve como uma unidade avançada e cinco mil para uma retaguarda. Com apenas isso, podemos defender até o fim. Em breve será o advento do inverno e, se nevar, será impossível que um grande exército marche. Durante esse tempo, vamos pressionar Canaã pela frente e por trás.

— Diener, o que acha?

— Se isso der certo, Canaã provavelmente cairá sem esforço algum. Nós seremos capazes de cortar sua linha de suprimentos. Como consequência de Canaã ser estéril, será extremamente difícil para a produção agrícola. A oferta do Reino é a sua salvação. Mas a probabilidade é de 50-50, eu diria.

Diener mostrou dúvidas, mas Ghamzeh estragou tudo. Ele havia feito preparativos preliminares até aqui. Embora, por seu próprio julgamento, tenha estabelecido as bases para os senhores feudais, não investiu uma quantia desprezível de fundos. Não recuaria depois de tudo o que fizera. Ele se ajoelhou, abaixou a cabeça e apelou para sua própria resolução. Não era mentira que tivesse feito isso pela vitória do Exército de Libertação.

— Princesa Altura. Os perigos existem necessariamente em qualquer plano. Mas o Exército de Libertação não teria chegado tão longe se o temesse. Eu te imploro, por favor me dê a ordem. Certamente, certamente te trarei sucesso!

Depois de chorar por um tempo, Altura deu sua decisão.

— ……Entendido. Ghamzeh, deixo o comando da operação para você. No entanto, iremos ao mesmo tempo capturar a área sul. Diener, você vai apurar os planos para o sul do Reino. Behrouz. Você vai levar os soldados e ir com Diener.

— Sim senhora!

— Entendido!

O Exército de Libertação havia decidido sobre sua política.

Como a Primeira Divisão, trinta mil se posicionariam na frente de Canaã e montariam o acampamento. Amarrariam as forças de defesa do oponente. Eles se abstinham de atacar, e apenas confrontar era seu objetivo até o fim.

Como a Segunda Divisão, trinta mil cortariam a linha de abastecimento de Canaã, visando que o Exército do Reino perecesse por conta própria. Se o inimigo se retirasse, realizariam a repressão de Canaã.

Diener e Behrouz foram enviados para a captura do sul do Reino. Foi decidido que Altura assumiria o comando geral do Castelo de Belta.

Aquela noite.

Diener libertou seus agentes com ordens secretas no Reino. Se suas dúvidas estivessem corretas, eles eram mais seguros. Mesmo que estivesse se preocupando por nada, não haveria um problema. No Reino podre, definitivamente haveria pessoas que usariam a informação falsa que semeariam. O Reino já havia se tornado um terreno maduro para atividades secretas. Logo, uma árvore honesta iria murchar. Tudo o que restaria seriam plantas podres. Seria uma questão simples cortá-los.

 

Território de Canaã, controlado pelo Exército do Reino, acampamento da Fortaleza de Roshanak

Enquanto cercavam uma fogueira, todos estavam fazendo uma refeição, bebendo álcool, curando sua fadiga e divertindo-se com a conversa. Havia poucos prazeres para os soldados. Nesse tipo de lugar remoto, não havia outros divertimentos.

Tendo ganhado conquistas espetaculares de guerra e salvando soldados aliados, a Cavalaria de Schera foi recebida como herói.

Os soldados da unidade de Schera eram muito populares e estavam sendo perguntados: “Que tipo de pessoa é Schera?” E “Os rumores de sua destreza são verdadeiros?”

— Então, é verdade? Sobre todos vocês e a Senhorita Schera. Essa coisa do Deus da Morte não é apenas uma fábula? Tanto quanto eu posso ver de longe, ela não é diferente das garotas da vila por aqui.

O guarda cruzou os braços enquanto grunhia interrogativamente. Que eles tinham grande atividade era certo, ele pensou, mas até onde era verdade, não sabia. Romperam o cerco de Belta e depois abateram a unidade de perseguição. Apenas que tipo de herói era esse!? Ele queria rir. Este não era um conto de fadas.

— Major Schera, não, talvez Tenente-Coronel? Os rumores estão praticamente no ponto. Ela tem apenas dezoito anos. Se você apenas a ver lutar uma vez, nunca mais dirá que é mentira.

Um homem da Cavalaria de Schera disse enquanto servia mais álcool. Dez homens ao redor dele, muito felizes, se amontoaram e ouviram atentamente.

— De acordo com os caras que sobreviveram, vocês também lutaram ferozmente, dizem eles. Talvez se inspirem quando a Senhorita Schera leva vocês? É isso? Hahaha!

— Vocês até foram recompensados! Não estou com ciúmes, porque somos bastante inúteis, hah.

— Talvez eu tente pedir petição para mudar os comandantes também, já que então posso conseguir algumas conquistas e ser promovido!

Todos brincavam enquanto riam. O homem da Cavalaria de Schera, enquanto observava a fogueira, disse claramente:

— … Como eu posso descrever isso? Quando estou sob essa bandeira, lutando junto com a Tenente-Coronel, não sinto mais medo. Eu realmente não tenho mais medo de morrer. Até acho meio estranho.

— Isso é só você sendo exagerado. Como se houvesse alguém que não tivesse medo de morrer.

— Agora que você diz isso, também acho. Fico animado lutando, mas definitivamente tenho medo de morrer.

— A morte não existe para a Cavalaria de Schera. Nós… jamais iremos morrer. Mesmo se perdermos nossa carne, sempre sob a bandeira negra do corvo, estaremos eternamente com a Tenente-Coronel. Por isso a Cavalaria de Schera nÃo será derrotada. Nós jamAis serEmos derRotAdOs.

Todos, enquanto sem palavras, olhavam para o homem que continuou a conversa com os olhos vazios. Como se estivesse recitando escrituras, o homem estava convencido da justiça de sua fé. Em seus olhos brilhou uma luz fanática.

— Ei!

— Você está bem?

O homem voltou à realidade e olhou em volta do seu entorno. Riu levemente e engoliu a bebida.

— …… O quê? Apenas falando figurativamente. Nós lutamos com esse tipo de entusiasmo. A Tenente-Coronel sempre luta na vanguarda por nós. Segui-la é o mínimo que podemos fazer.

— Ó, tudo bem. Quão confiável.

— Bem, vamos beber. Se não beber quando puder, vai se arrepender.

— Sim! Vamos beber, beber!

— ………..

Depois disso, todos continuaram a beber em silêncio. Como se tentassem abafar o medo da morte. Como se tentassem freneticamente desviar os olhos dela. Sendo a bandeira negra tremulando bem acima da fortaleza. Seu corvo branco – eles rezaram para não cair nas próprias costas. Se fossem possuídos por isso, certamente ficariam assim:

O homem da Cavalaria de Schera olhava com alegria para a bandeira.

Fortaleza de Roshanak, Sala de Jantar do Oficial

Schera foi convidada para uma refeição por Yalder. Embora Belta possa ter caído, por ganhos militares individuais, ela ganhou mérito que nenhum outro poderia igualar. Yalder estava de muito bom humor e bebia bebidas alcoólicas enquanto ria com vontade.

— Major Schera. Não, Tenente-Coronel! Eu não estava errado em te recomendar!

— Muito obrigada, Sua Excelência.

— Ah, não se preocupe com as formalidades. Não se segure, coma, coma. Eu ouvi de Sidamo que você gosta de comer mais do que tudo. Não é verdade, Oficial de Estado-Maior Sidamo?

— Senhor, você não está enganado.

Tendo conseguido voltar de Belta, Sidamo assentiu. Ele tinha algumas feridas, mas não na medida em que não conseguia se mexer. Havia mais uma vez assumido seu lugar como ajudante de Yalder e estava trabalhando como oficial de estado-maior.

Schera olhou para Sidamo com um olhar de soslaio e voltou a comer novamente depois. Algum tipo de peixe grelhado que não conhecia, carne de coelho, cogumelos, plantas silvestres, frutas. Talvez pudessem ser chamados de bênçãos das montanhas? Embora o solo possa ser estéril, as montanhas por si só teriam essas colheitas.

— Mm, mm! No alvorecer do renascimento do Terceiro Exército, planejo que a Tenente-Coronel seja o sustento da força. Nós iremos recuperar o orgulho da caída Divisão de Aço na próxima batalha. Entendeu, Sidamo!?

— Senhor, eu, Sidamo, vou usar todo o meu poder.

— Bom de se ouvir! Bem, então você deve se divertir um pouco. Coma o quanto quiser, não me importo. Eu estarei indo primeiro. Se algo aparecer, não se segure e venha me procurar.

— Entendido!

Schera saudou enquanto comia e Yalder partiu depois de uma risada abafada. Sua antiga maneira de arrogância estava se tornando mais moderada.

Sidamo, pensando que isso era uma boa tendência, assentiu para si mesmo. Contanto que não tivesse sua arrogância, Yalder era um comandante inigualável. Embora, se não tivesse, sem qualquer conexão especial com a nobreza, Yalder não teria sido confiado como comandante do Terceiro Exército.

— Bem, então, Tenente-Coronel, também vou me desculpar. Você fez bem em viver e voltar com vida. Suas instruções não foram alteradas. Se for morrer, morra do lado de fora. Morrer dentro de um forte é um desperdício da cavalaria.

— Eu entendo, Oficial de Estado-Maior Sidamo.

— Não se preocupe com o assunto de Vander. Faremos com que ele aceite punição por se tornar um traidor algum dia. Este não será seu dever. Embora você provavelmente entenda sem eu te dizer.

— Vou massacrar o exército rebelde. Ele será morto pelas minhas mãos, sem dúvidas.

— Uma sentença de morte do Deus da Morte, huh? Hmph, eu queria poder deixar esse cara ouvir isso.

Sidamo bufou e saiu.

Schera enfiou com força o garfo no pedaço de carne de coelho e arrancou violentamente um pedaço. Tinha gosto de sangue rico.

No dia seguinte.

O corpo principal do Primeiro Exército liderado pelo Marechal-de-Campo Sharov assumiu seu novo posto na Fortaleza de Roshanak. Sharov imediatamente chamou os generais e abriu um conselho de guerra. Ele havia enviado os batedores que tinham o acompanhado e estava obtendo uma imagem geral. Perder Belta foi um sério revés, mas não choraria o leite derramado. Agora, tinham que defender Canaã até o fim e absolutamente impedir uma invasão da Capital Real.

— …. Perdemos a área de Belta, mas ainda não permitiremos uma invasão em direção à Capital Real. Ouvi dizer que o Quinto Exército no noroeste está fazendo uma boa luta contra seus oponentes, o Império. Se continuarem nesse ritmo, provavelmente não cairão antes do inverno. Quando o inverno chegar, os que morrerem serão o grupo do Império.

O Exército do Império estava lutando na área da fortaleza do noroeste. Inesperadamente, os soldados do Reino estavam mantendo a disciplina. Se o Quinto Exército tivesse enfrentado o Exército de Libertação, a região noroeste provavelmente teria caído facilmente. Mas, para os residentes da área noroeste, o Exército do Império era um arqui-inimigo absolutamente irreconciliável. Havia um longo ódio de morte. Depois de todo esse tempo, o compromisso era inimaginável. O povo tomou a iniciativa e levantou-se para lutar com os soldados do Império. Por mais miserável que o Reino fosse, era mais preferível do que render-se a eles, pensavam. Se colocados sob o controle do Império, ficava claro que sofreriam uma opressão implacável. Velhos, jovens, homens e mulheres – todos perceberam que aquela era uma hora sombria, e todos empunharam espadas e se levantaram.

Encontraram a força principal do Império nos fortes e interromperam o comboio de suprimentos do inimigo com unidades de comando à espreita em todos os lugares. O Exército Imperial, tendo unidades de comando do Reino com vantagem de campo como adversários, estava perplexo. Repetindo esses ataques nos lugares e momentos mais inesperados, os cidadãos emprestaram voluntariamente sua ajuda. Quem era militar e quem era civil, não podia mais ser distinguido. Se fossem derrotados, o Reino se tornaria ainda mais angustiante.

Além disso, o inverno logo chegaria. Suprimentos se tornariam um problema e as marchas não correriam bem. O plano de explodir a área da fortaleza e apontar para a Capital Real já estava parado. Mas, pela honra deles, não puderam se retirar. Atrairiam os dois lados para uma guerra de desgaste, nada além de desperdício.

Começar a guerra no outono foi a causa de todos os problemas do Império. Eles haviam tomado a área de ânimo leve, pensando que, se exibissem força militar, a área imediatamente seria capturada.

— Nós obtivemos informações de que o inimigo está movendo seus soldados para capturar Canaã. Para que possamos lidar com eles, temos que colocar nossos preparativos em ordem.

— Não, em vez disso, que tal lançarmos um ataque a Belta? Se o inimigo estiver bêbado em sua vitória e mostrar uma abertura.

Propôs o Tenente-General Barbora, mas Sharov o rejeitou.

— Deixe de fora o absurdo. Se sofrermos uma derrota esmagadora da próxima vez, isso afetará a vida e a morte do Reino. Nós devemos ser prudentes ao mover o exército. Evite discurso e conduta precipitados.

— Sim senhor-! Eu imploro seu perdão!

Depois de encarar Barbora, Sharov voltou seu olhar para Yalder, a respeito de seu dever de defender Roshanak.

— Sua excelência, Marechal-de-Campo, eu, Yalder, tinha cometido um erro em Antígua e não tenho reputação nem honra. No entanto, gostaria de ter a chance de acabar com essa desgraça. Na próxima batalha, por favor, me nomeie para a vanguarda! Matarei o exército rebelde sem falha, eu lhe mostrarei!!

Yalder recorreu enquanto ficava vermelho. Ser diretor de Roshanak não era uma brincadeira. Ele seria o chefe do exército e defensor de Canaã. Para Yalder, esse era um papel que queria assumir, não importando o quê.

— Yalder. Até chegarmos, você fez bem em proteger a Fortaleza de Roshanak. Reconheço seu esforço. Mas parece que não ouviu a minha diretiva.

— O-O que seria isso?

— ‘Não aja precipitadamente e evite ardor excessivo’. Esse deveria ter sido o meu pedido. Yalder, você ficou preso pelo que estava diante de seus olhos; como assumiria a responsabilidade se a fortaleza caísse? Se o inimigo tivesse enviado uma força destacada, o que seria de Roshanak! Você teria repetido o mesmo erro que cometera em Antígua!

Repreendeu Sharov, que estava extraordinariamente indignado. Yalder balbuciou enquanto se contrariava.

— Nossos aliados na retirada estavam sendo perseguidos pelo inimigo! O que havia de errado em ajudá-los!!? Eu não poderia simplesmente abandoná-los!!

— …… Yalder. Você parece não ter refletido. Se você está aqui, a defesa de Canaã está em risco. O fato de Roshanak estar segura não passou de sorte.

— Sua Excelência Sharov-!!

Vendo isso, Barbora riu. Ele estava preocupado que Yalder tivesse sido reintegrado e recebesse o dever meritório de defender Roshanak. Não conseguia parar de rir de uma repreensão inesperada de Sharov. Quis bater palmas. Esse desejo provavelmente seria levado ao extremo no instante seguinte:

— Yalder, você foi rebaixado a Tenente-General. Pegue os soldados de Belta e retorne à Capital Real. Sua punição será designada mais tarde. Aqui está uma notificação por escrito do seu rebaixamento. Passe isso para o Oficial de Estado-Maior Sidamo depois. Abra os olhos e coloque isso na sua cabeça.

Sharov disse a Yalder enquanto lhe mostrava um envelope. O rosto de Yalder estava pálido e ele ficou aturdido.

— Sua Excelência. P-Por favor, reconsidere. Eu te imploro, por favor, mais uma chance!

— Irritante. A ordem foi dada. Alguém leve Yalder para fora. Parece que está muito cansado e instável em suas pernas.

Instruiu Sharov, e Barbora se aproximou com um sorriso.

— General Yalder, quero dizer, Senhor Yalder. Este não é um lugar para você. Seria ótimo se pudesse voltar para a Capital Real.

— B-Barbora! Seu desgraçado-!

— Guardas! Acompanhem o Senhor Yalder de volta ao seu quarto! O Tenente-General está um pouco cansado!

Yalder decidiu lutar, mas foi subjugado pelos guardas que vieram correndo e foi levado à força. Ao vê-lo desaparecer, Sharov soltou um pequeno suspiro.

— …… Bem, então, vamos continuar o conselho de guerra.

Escritório de Schera.

Tendo recebido um relatório de Katarina, Schera balançava a cabeça desinteressadamente. A cavalaria de Schera, que pertencera ao Quarto Exército, seria mandada de volta à Capital Real. Sua Excelência o ex-General Yalder estava completamente desanimado e era provável que cometesse suicídio. Sidamo tinha dito que esses dias, ele não tinha aquela energia de sempre. Tendo seus altos e baixos, o ex-general também tinha seus vários problemas.

— Preparem-se para a batalha — murmurou Schera em voz baixa. Provavelmente estava pensando em alguma coisa.

Considerando que era Schera, o que faria não mudaria, então particularmente não se importava. Katarina também parecia estar pensando em algo, mas decidiu não falar sobre isso.

— Segunda-Tenente Katarina. Tem doces?

— Sim senhora, por favor, tome isso.

Katarina tirou um doce de uma garrafa e o mostrou. Schera apertou e o jogou em um arco em sua boca. Schera tinha uma expressão duvidosa, porque tinha gosto de sal.

— …… Segunda-Tenente Katarina. O que é isso, eu me pergunto?

— Uma bala com sal extra. Ouvi dizer que as boas partes de doce e salgado se misturam bem. É um excelente item onde você pode consumir sal e açúcar ao mesmo tempo.

— Ó. Então, você já experimentou?

— Não, claro que não. Tenente-coronel, comprei isso para você. Era um item de classe alta, vendido na cidade de Canaã.

— Eu darei todos para você. Será um presente meu. Certifique-se de comer tudo isso.

— Senhora. Muito obrigada.

Katarina levantou os óculos.

Enquanto observava isso, Schera esmagou o doce que tinha um gosto complicado. Os últimos pedaços eram extremamente salgados.

A Capital Real Blanca, Schera não estivera lá antes. Certamente, seria um lugar incrivelmente animado. Tinha ouvido que haveria muitos deleites. Enquanto os imaginava, começou a cochilar pouco a pouco.

Katarina a levou para a cama. Todos estavam cansados. Sempre lutaram juntos. Em um dia como esse, eles deveriam descansar tranquilamente.

 

 

 

A guarnição de Roshanak, uma unidade mista do Terceiro e Quarto Exército, sob o comando do Tenente-General Yalder, foi ordenada a retornar à capital real.

Depois, seriam nomeados Legião Unida de Yalder. Eles estavam em sete mil.


Tradutor: Apollo  |   Revisor: Apollo



Fontes
Cores