Clockwork Planet: Cap 2: Complicação (03:18)

CAPÍTULO ANTERIOR

Clockwork Planet: Cap 2: Complicação (03:18)

3horas, 18minutos e 24segundos

Marie Bell Breguet levantou.

Ela deu um chute no pano e levantou.

Ela estava em um pequeno quarto escuro, provavelmente usado para guardar livros, ela prendeu a respiração e ouviu o seu arredor.

(isso foi…)

Ela se sentiu misteriosamente desconfortável por alguma razão.

Ela dormiu profundamente devido ao cansaço da longa viagem, apenas para acordar de repente. O coração em seu peito pulsava violentamente.

Seus pés deixaram lentamente sua cama temporária, e tocaram o chão.

Tudo estava silencioso.

Faltava augumas horas para amanhecer.

A equipe estava descansando seus corpos e mentes para a tarefa árdua que os aguardam. Os que ainda não estavam dormindo eram, provavelmente, os trabalhadores do turno da noite que estavam a cargo de supervisão. Marie também foi seduzido pela vontade de aconchegar sob o cobertor de novo… mais se segurou.

Ela não podia deixar de sentir aquela sensação estranha como naquela época.

Ela a gênia, e também a Meister.

Desde sua infância, em praticamente todos os diferentes locais, ela detectava incontáveis números de anomalias e perigos.

O talento e a experiência á alertavam. Por isso nesta situação, ela foi capaz de ganhar um tal sentimento por causa desses fatores.

Era por isso que era impossível dizer que nada aconteceu.

“Quem está aí!?

Marie gritou enquanto se rapidamente se levantava.

Ela vestiu o casaco, arrastou os pés pesados, e empurrou a porta de lado.

Ela saiu para o corredor escuro, e havia algo se movendo ligeiramente ao lado da porta. Era um homem de meia-idade, calvo, com um corpo de urso desajeitado, mas sua existência parecia assustadoramente inexistente.

Ele, Halter, estava deitado no chão, debaixo de um cobertor, e, lentamente, levantou a cabeça.

“…O que foi Milady? Teve um sonho assustador?”

“Você quer morrer? ”

Marie olhou para Halter com um olhar inseguro.

“Levante-se, você gordo idiota. Obtenha todos os dados de cerca de 120 segundos para mim agora. ”

“Bem. Vou pega-los… ah, também.”

“O que é isso!? Se Apre-Apresse! Rápido!”

Diante do olhar aterrorizador de Marie, Halter disse:

“”Eu já vou pegar. Você pode por favor colocar alguma roupa intima, pelo menos? ”

“”?””

Surpresa, os movimentos, as expressões e a respiração de Marie cessaram em uníssono.

“…”

Nada

Ela não estava usando nada.

Ou melhor, ela estava nua.

A menina gênio tinha colocado as mãos nos quadris, Toda orgulhosa enquanto totalmente nua.

“09:47, 04 de julho de 2015 (UTC) 09:47, 04 de julho de 2015 (UTC) ~ !!!”

No momento em que ela levantou a cabeça, Halter não estava mais a vista.

A palma da mão, que instintivamente se levantou tinha perdido o seu alvo, e seu rosto estava igual como uma beterraba, ela correu de volta para o quarto.

Halter logo voltou como ela havia mandado.

Marie tinha escolhido aleatoriamente até as roupas que ela tinha descartado no quarto, e no instante em que ela as colocou, ela ouviu uma batida na porta podia ser ouvido.

“–Pode entrar”

Ela falou com firmeza.

No instante em que ela disse isso, Halter entrou com a pilha de dados.

Marie foi com a intenção de, pelo menos, quebrar uma das pernas de Halter enquanto ela esperava, mas teve que desistir disso uma vez que ela viu a observação dos membros da equipe atrás de Halter.

Deixando de lado sua aparência na frente de um hooligan acidentado, não havia nenhuma maneira que ela poderia si envergonhar na frente de seus membros da equipe de elite. (NL: hoodlum= Gangster.)

Marie resistiu à vontade para clicar sua língua como ela atirou Halter um olhar afiado.
–Morra, Seu hoodlum.

Ela se perguntava se Halter havia compreendido o significado por trás daquele olhar. Ele arqueou seu corpo ligeiramente e deixou a pilha de dados em suas garras sobre a mesa.

O líder da equipe de observação, Hannes, tirou um pedaço dos dados, e entregou-os a Marie.

“Professora Marie, a partir dos dados de observação nos reunimos–”

“Há uma mudança intermitente em gravidade?”

Marie aproveitou a oportunidade para responder a primeiro lugar.

Após suas palavras serem interrompida, Hannes arregalou os olhos.

“Oh, eu estou realmente surpreso. Você já percebeu isso? ”

= “Apenas um palpite. Eu tinha a sensação de que seria o caso.”

“Sim, é como você disse, professora. O valor aumentou de 0,92 para 1,04 durante esta hora. Houve 3 casos de gravidade mudada intermitentes. ”

“…Uma mudança de 0,1 g? Não, deve haver uma diferença menor, certo? É uma coisa boa que você conseguiu observá-lo. Não é este um choque grande o suficiente para acordar ninguém em cima?”

Halter interrompeu com alguma linguagem respeitosa realmente desleixada.

“Você já está se transformado em um cyborg de qualquer maneira. O mecanismo Tourbillion enxertados dentro de você significa que quaisquer níveis de erro mudado em gravidade será negada.”

Marie respondeu, enquanto observava o corpo que era muito mais volumoso e mais alto do que qualquer outra pessoa.

Halter, agindo como guarda-costas e secretário de Marie, era originalmente um ‘técnico’ nascido no serviço militar, e seu corpo já foi transformado em um cyborg, quando ele era jovem. Seu poder físico era tal que ele destruiria um autômato em um combate com um único soco, mas, em contrapartida, os seus sentidos delicados não eram tão nítidos como um corpo real.

“Mesmo assim, este valor é, o melhor sobre o peso de alguém andando em um elevador, não?”

“Ainda é suficiente. Isso ainda não é o principal problema. ”

“Embora a mudança em si é apenas errada, o problema é o próprio valor. Os valores no gráfico de frequência mostra situação sem precedentes, se compararmos os dados ao longo dos últimos 30 anos. Mesmo que seja a manutenção de um valor constante gravitacional de 1,03… ”

“Se lermos nos dados observados, é mais ou menos isso”

–Marie sentiu seu corpo mais pesado, e parou de falar.

Não era um peso que poderia fazê-la entrar em colapso, mas foi uma mudança que não podia ser ignorado.

Marie analisados com calma o peso da atração gravitacional sobre ela, e murmurou:

“–É 1,34 agora.”

“Professora Marie, depois de tudo isso…”

“Sim, nós não podemos resolver isso com uma simples dedução de ‘apenas uma simples anomalia de gravidade‘. Olhando para a taxa isso muda, todos acima das artes serão afetados. ”

Isso significava que,

“Na pior das hipóteses, podemos ter um colapso da estrutura da cidade.”

“–!!”

As calmas palavras de Marie fizeram com que todos os presentes a ficassem tensos.
Esta extensa mudança gravitacional era na melhor das hipóteses equivalente a alguém bêbado.

Mas e se houvesse uma força gravitacional mais forte do que isso? Ou quando a gravidade chegar a zero o que acontecerá?

Eles podem acabar sendo esmagado pelo seu próprio peso, ou poderiam ser arremessado para o espaço.(NL: Duas ótimas opções de se morrer!)

Ou, talvez, o dano poderia ser além do que o escape pode conter, e as máquinas ficariam ruins.

Seria bom se fosse um automóvel ou uma casa/mansão, mas se as 12 ‘Clock towers’ que controlavam ambientes da cidade e a ‘Core Tower ‘que fica no centro, estendido para a estratosfera, se elas forem destruídas, eles não seriam mais capazes de reconstruir a cidade.
A cidade, Kyoto, desapareceria para sempre.

O ‘Clockwork Planet’, um mundo composto de engrenagens, era uma tecnologia ninguém poderia replicar, mesmo depois de 1000 anos.

Este foi o mesmo, mesmo para esta Meister, um dos 6305 Meisters do mundo.

“–Escute-me, todos.”

Marie falou.

Ela olhou para os trabalhadores com olhos inquietos, e falou inflexível.

“Acho que todo mundo já percebeu que está e uma situação crítica, Este certamente é um caso estranho, se era a expedição súbita ou um simples Defeito, Relatório–”

Uma vez que ela falou até agora, ela fez uma pausa.

Suas pernas já estavam tão largas quanto seus ombros, ela colocou a mão esquerda na cintura dela conforme levantou o braço direito.

Embora ela tivesse o corpo de uma menina pequena, ela tinha uma vibração de rainha, ela continuou.

“Todo mundo aqui é reconhecido como um técnico de primeira linha. Claro, nos não podemos ser comparáveis a ‘Y’ que criou o mundo, mas você e eu somos elites se reuniram em todo o mundo. Ninguém pode nos ultrapassar, e não há nenhum Problema que não possamos resolver. Primeiro, temos de pensar nisso e admitir isso. ”

Estas palavras arrogantes fizeram com que cada trabalhador presente mudar suas expressões.

–Certo, nenhum dos técnicos enviados aqui eram incompetentes.

Todos eles começaram a partir do ‘ Rearing ‘, e depois do batismo de trabalhar com as cenas, foram promovidos a ‘Gazelle ‘. Uma vez que eles combinaram seus talentos e experiência em conjunto, eles atingiram o nível de ‘first-class’, técnicos experientes. (NL: Rearing= criação, Gazelle=Gazela, first-class=Primeira-Classe. É melhor em inglês por isso tá em inglês.)

Não foi uma exceção entre eles, a comandante Marie até que a equipe de observação, todos eles são talentos de primeiro grau de quaisquer empresas, até mesmo os ‘militares’ gostariam de recebe-los de braços abertos.

“Certo. Nós somos a ‘Meister Guild’.”

‘Meister Guild’

Uma organização internacional que teve como objetivo manter e preservar a estrutura planetária. Mais da metade dos Meisters do mundo são afiliados com esta organização como técnicos, e que tem a tecnologia mais avançadas e equipamentos para lidar com todos os tipos de problemas de funcionamento no mundo.

Suas ações não eram impedidas por qualquer governo ou filosofia. Eles são uma organização não-governamental.

Isso é a ‘Meister Guild’

“Eles se parecem com uma ‘Guild’ sempre tem razões especiais para apressar-nos ao longo de um fim do mundo para intervir aqui. A atitude “militar” parece mostrar que eles estão fazendo alguns negócios impronunciáveis… bem, já estamos acostumados a ser odiado por eles de qualquer maneira, certo? ”

Havia sorrisos irónicos mostrando no rosto da equipe, mostrando as suas experiências quando se lida com o ‘militares’

“O trabalho desta vez parece que vai demandar algum esforço, então vamos apreciá-lo tanto quanto pudermos.”

O tom de Marie parecia indicar que era realmente sua intenção, Ela parecia realmente irritada.

“Eu não sei mais o que vai acontecer, mas podemos concluir que ‘não temos tempo’. ”
Em um, perdido por uma libra; com tal mentalidade, ela disse:

“A equipe de Observação, apresse-se e confirmar que nível da torre central está causando isso. Quaisquer técnicos comuns lá fora, vai precisar de um ano para terminar este–eu quero que vocês terminem isso em duas semanas! ”

“””Roger that!”””(NL: Roger that!= Entendido! Mas como cs é legal dexei em inglês.)

Marie lhes tinha encarregado de uma solicitação totalmente, ridiculamente difícil, mas todos os funcionários presentes responderam com entusiasmo.

Depois de assistir a equipa de observação foi para seu trabalho de acordo com as instruções, Marie caiu na cama temporária.

“Ahh… foi cansativo.”

“Claro foi difícil. Este foi um discurso comovente.”

Marie gemeu quando ela olhou para o teto, e Halter entregou-lhe um copo que estava emitindo vapor. Dentro havia um chocolate quente cuidadosamente agitado, cheio de muito leite e açúcar.

Marie levantou-se para receber a taça, e enrolou seus lábios em uma careta.

“Eu sou muito grato a esses caras, estão disposto a ser enganado pelo discurso esta jovem senhora.”

“Todo mundo está sendo enganado intencionalmente. Eles são todos adultos depois de tudo. ”

“Really?”(NL: Não preciso falar que Really é serio em inglês né?)

“Claro. Como pode um idiota ser um Meister e realmente agir com calma depois de ver as funções de uma cidade. Sendo prejudicadas? Eu sou uma técnica preso no nível “Gazelle”, e mesmo eu sei muito bem.”

“…”

Halter trouxe uma cadeira dobrável para Marie, e sentou-se na frente dela.

“Isso é assustador. Isso não é algo que podemos aturar. Se você fracassar aqui, as pessoas vão morrer, e a cidade irá virar cinzas. Não há nenhuma maneira de salvá-la. Apesar disso, todo mundo está trabalhando como um jogador, com medo ainda disposto a apostar em-você, vê, ainda há um jovem que ainda está tentando agir duro, mesmo que ela esteja esperando a si mesma “.

“…Você faz realmente parecer bobagem.”

“Claro. É ridículo. ”

Halter silenciosamente deu um sorriso, e continuou.

“Você riu, se não me engano, e ainda agiu difícil. Se uma menina tão bonita é capaz de rir nessa situação, assim, não seria embaraçoso para os adultos para fugir do cumprimento do dever?”

“Você tem certeza podemos falar mesmo que você seja assim, Halter.”

Marie sorriu, e trouxe o copo aos lábios.

Ela gostava de dos açúcares do chocolate, e isso criou uma sensação agradável em seu cérebro cansado.

“Então, que tal você começar a trabalhar? Como um adulto.”

“Sim, como quiser, Milady”

“Vai investigar os ‘militares’. Eu quero saber o que eles sabem.”

“Hm? Eles prometeram revelar todas as informações para nós agora? ”

“É verdade que não há nada de suspeito sobre os dados de simulação eles divulgadas para nós, mas não como se eles entregassem obedientemente todos os dados. Eu quero ter prova desse conteúdo. ”

” Você quer dizer –”

Halter silenciou a voz e falou com um olhar severo,

–”Os ‘militar’ estão escondendo informações sobre um defeito fatal, não?”

“Nós podemos, pelo menos, assumir que há essa possibilidade.”

“…A situação está ruim?” (NL: Precisa perguntar?)

“Talvez. É preocupante que a sede da ‘Guild’ nunca nos informou sobre qualquer coisa antes de nos enviar aqui. ”

“Informações privadas, talvez? Mas se eles compreenderem quaisquer segredos que os ‘militares’ e o governo japonês tem, a sede, pelo menos explicar, certo? ”

“Talvez eles não tenham provas sólidas. Além disso, não é como se a ‘Guild’ não tenha nada a com o mundo exterior. Eles não podem ignorar as intenções das 5 grandes empresas apoiando-nos e há um grupo de rapazes que querem me eliminar. ”

“Hey isso é, assustador”

Marie sorriu.

“É por isso que você está aqui, certo?”

Marie Bell Breguet.

A Meister mais jovem da história era a querida princesa presidente da Companhia Breguet, uma das 5 grandes empresas.

Devido ao talento e prestígio, ela já sofreu com olhares de inveja e ódio, apesar de não ser criticado diretamente no rosto. Havia um monte de canalhas que querem puxá-la para baixo, e quando essas pessoas tentaram lidar com ela através da violência, seria o trabalho de Halter para protegê-la.

“Está tudo bem se apenas me preocupar muito, mas eu quero estar segura sobre isso.”
“Entendido. Vou verificar de qualquer maneira. ”

O Halter instante levantou-se, alguém bateu na porta.

“?– Entre.”

“Por favor, dê-me licença.”

Um membro da equipe de observação, que tinha acabado de sair da sala um tempo atrás, entrou em assim que foi concedida a permissão de Marie.

“O que é isso? Qualquer progresso no trabalho? ”

“Bem, na verdade, eu estou relatando sobre o recipiente para o YD-01.”

“Hm? Voçê achou a RyuZU”

Marie inadvertidamente tentou se levantar, e o trabalhador gaguejou, aparentemente tendo dificuldade em falar.

” Bem, sobre isso… depois de analisar a trajetória de voo no sentido inverso, conseguimos confirmar onde ele desembarcou. Enviamos uma equipe ao local para recuperá-lo…”

“E depois?”

Marie sentiu aflita sobre como o trabalhador soou desconfortável, ela cerrou os punhos.
“Infelizmente, ele caiu sobre um apartamento.”

“…Apartamento? ”

“Sim. Devido ao impacto da queda que, bem… o apartamento inteiro entrou em colapso. ”

“–Hã!?”

Sua garganta, inadvertidamente, deixou escapar uma voz estranha.

Ao mesmo tempo, o copo caiu de sua mão.

O chocolate quente caiu sobre os joelhos dela, fazendo-a rolar devido à queimaduras.
O jovem trabalhador só podia perguntar a respeito, enquanto a menina gênio quase desmaiou,

“Vo-você está bem, Professora Marie?”

“Sim… E-eu estou bem… ”

Marie respondeu como ela desesperadamente engoliu o gemido que subiu para a garganta. Ela pegou a toalha fornecida por Halter como ele ficou de lado, e com um olhar choroso, ela olhou para o trabalhador.

“El-ela entrou em cola…pso”

“S-sim, bem… em primeiro lugar, ele parecia ser um conjunto dilapidado velho de apartamentos.”

“Espere, hey! Não me diga pessoas morreram!?”

Halter quase gritou, e o trabalhador apressadamente negou,

“Não, a coisa boa é que não foram encontradas quaisquer pessoas mortas. Não tinha pessoas vivendo dentro de um grande conjunto de apartamentos tal, e havia algum tempo desde a queda até o colapso, portanto, parecia que eles foram capazes de evacuar a tempo. ”

“E-É isto assim? isso é bom…”

Marie respondeu enquanto limpava o chocolate, mas o trabalhador continuou,

“B-Bem, sobre isso… não é exatamente uma coisa boa.”

“Qual é o outro problema? ”

“Em outras palavras, os apartamentos caíram.”

“Você acabou de falar isso.”

Marie franziu a testa com ceticismo, eo trabalhador equipe mostrou um olhar aflito,

“Eu estou dizendo que ele caiu! O recipiente YD-01 está abaixo da grade da cidade, juntamente com os apartamentos! ”

“–!!!”

Pela primeira vez em muito tempo, Marie sentiu seus olhos estreitos em pontos.

Ela perguntou, em seguida, de forma não intencional.

“O que você acabou de dizer?”

“O recipiente YD-01 está abaixo da grelha de cidade. A boa notícia é que o entulho recolhido ainda resta na crosta, mas é provável que a recuperação ira ser muito difícil, pois não temos máquinas para lidar com madeira e terra… ”

“Hey…”

Halter só podia lamenta quando ela colocou a mão em sua testa.

Desta vez, mesmo que ele não tenha o luxo de fazer quaisquer comentários insolentes, mas ao ver que sua mestre ainda estava chocada, ele finalmente se recuperou, e sussurrou:

“…De qualquer forma, vamos entrar em contato com a sede. Explique as perdas desta vez para a pessoa encarregada do departamento jurídico, e obtenha as máquinas de terraplanagem. Aquela coisa é um recurso da corporação Breguet não pode ignorar, por isso, talvez eles enviem alguém para explicar as coisas. ”

“S-sim… eu acho. Sinto muito, mas eu posso deixar os procedimentos para você? ”

“Entendido.”

Halter acenou com a cabeça, e levou o trabalhador para fora da sala.

Marie fechou a porta, e foi deixada sozinha na sala, curvando os lábios de uma forma auto-depreciativa.

“…Parece que isso está realmente se tornando bastante um trabalho agradável.”

Ao mesmo tempo as 3horas, 17minutos e 46 segundos.

Naoto Miura abre seus olhos.

Ele estava em um parque, um parque desportivo com um campo amplo e instalações de recreio para crianças e bebês para brincarem. Naoto estava deitado em um canto localizado em um canto do parque, tapando os ouvidos e rangendo os dentes.

“…Calem-se.”

Havia um barulho distorcido.

Era comum para ele ouvir os ruídos desagradáveis anormais da estrutura da cidade, mas aquele foi excepcionalmente estridente.

O nível 24 do subsolo da torre do núcleo, aproximadamente 70,620m abaixo, as engrenagens estavam emitindo um ruído desagradável.

Por esse motivo, ele foi acordado. Normalmente, esses ruídos podem ser isolados através do uso de seus fones de ouvido- favoritos, seus fones de ouvido… ou eram.

“Por que… eu estou dormindo em um lugar assim?”

Ele murmurou para si mesmo, inclinando a cabeça.

Seu corpo estava tão pesado quanto um bloco de chumbo, pois ele estava dormindo em um lugar duro. Não parecia como se tivesse acabado de cochilar em tudo.

“Você acordo, Mestre Naoto.”

Um, bonito tom de voz clara podia ser ouvido por trás, tocando a cabeça que ainda estava para ser totalmente desperto.

Ele olhou para trás e viu um rosto angelical apenas polegadas dele, e, inadvertidamente, criados a trás da cabeça.

Seus olhos deslumbrantes de ouro de pedras preciosas estavam olhando diretamente para ele.

Ela era uma beleza de tirar o fôlego, ainda tinha a expressão de um objeto feito pelo homem que era difícil de ler.

…Eu acredito que isso…?

Ele se esforçou para ajustar sua postura, mas tropeçou.

Para a grande pressão foi exercida sobre ele de repente.

A mão apoiando seu corpo escorregou e ele caiu do banco.

A parte de trás de sua cabeça, em seguida, bateu na borda resistente do banco duro.

“AAAAAAAAAAAIIIIIIIIIIII!!!! MINHA CABEÇA PARECE QUE VAI QUEBRAR EM PEDAÇOS!!! ”

E como Naoto estava gemendo, colocou a mão em sua cabeça em agonia, uma voz encantadora tocou por cima,

“Esta é uma nova forma de ginástica, não? É certamente uma forma elegante que transcende o tempo.”

“Não é isso! O que foi que agora?”

“A flutuação em gravidade, ao que parece. Acho que é um erro trivial na estrutura da cidade. ”

“O governo condenado. Basta fazer o que a manutenção, vai ya! ”

Naoto resmungou enquanto se levantava.

Ele espanou suas vestes, e enfrentou a proprietária desta bela voz.

A menina estava sentada com os joelhos em seu banco, e Naoto foi secretamente perturbado ao perceber que ele estava dormindo em suas coxas até o momento em que ele acordou.

“Você se chama, Ryuzu… certo?”

“Sim. Eu sou a primeira unidade para a série inicial de Y, Ryuzu.”

Ao vê-la se mostrar tão elegante como ela respondeu a memória de Naoto finalmente retrocedeu na engrenagem quando ele rapidamente lembrou o que aconteceu anteriormente.

E então, após lembrar do que tinha acontecido, ele só poderia rir sem expressão,

“…Essa foi uma noite louca.”

Tudo tinha sido de costume até o momento em que ele voltou para casa

Mas uma vez que ele entrou no banho, um meteorito caiu, e ele acabou por ser um pacote enigmático com uma autômata angelical dentro–no fim, ele decidiu ficar no interior do edifício em colapso e decidiu conserta-la, um trabalho de reparação de vida ou morte.

“Ah, certo! O que aconteceu com a minha casa? ”

“Se é sobre a casa que você viveu, Mestre Naoto”

Em resposta às palavras de Naoto, RyuZU respondeu com um olhar fixo.

Havia fumaça vermelha subindo no lugar que ela estava olhando para cima, dissolvendo em um céu negro.

“Esse é… o apartamento onde eu morava?”

“Sim. Houve um incêndio e um colapso depois, assim eu evacuei, e vim até aqui. ”

Ao ouvir de perto, ele iria ouvir as sirenes dos bombeiros em meio aos ruídos da cidade.
Parecia que este parque estava a várias quadras de distância de seu apartamento; depois se acalmando, ele olhou em volta, e percebeu que este era um ambiente familiar.

“… Haha, adeus, minha casa… então agora eu estou sem-teto?”

Naoto não poderia deixar de valorizar as memórias, enquanto observava o que costumava a ser sua casa, agora não é diferente de um terreno baldio.

“Eu não tenho nenhum dinheiro também. O que eu faço agora…”

“Sobre isso.”

RyuZU falou calmamente,

“Eu peguei suas roupas e objetos de valor antes de sua casa ser completamente destruída.”
O que?”

Após suas palavras, os olhos de Naoto se viraram a os itens colocados sobre o banco.

“Ohh! Minha carteira, meu livro de cheques e carimbo! Meus fones de ouvido! ”

Ele colocou os fones de ouvido baratos e seus favoritos sem hesitação. Além dos itens mencionados, tinha também sua mochila escolar, uniforme, tênis, dispositivos portáteis e outras coisas colocadas lá.
Tendo pensado que seus objetos de valor foram reduzidos a escombros, juntamente com seu apartamento, Naoto estava gritando de alegria com este resultado inesperado.

“Por favor, permita-me desculpar por ler a sua carteira por minha própria iniciativa… seu nome é Naoto Miura… certo? ”

“Eh?”

No instante em que ela perguntou isso, Naoto percebeu que ele ainda tinha que se apresentar.

“ahh… bem, sim.”

“–Então.”

Ryuzu permaneceu sentada em Seiza e ela abaixou a cabeça respeitosamente.

“Estou grata que você fez meus ajustes. Além disso, eu não sei sobre os detalhes, mas eu sinceramente peço desculpas pela destruição de sua residência, Mestre Naoto. Talvez eu deva enterrar as cabeças dos responsáveis por isso e fazê-los pedir desculpas, mas por agora, eu… ”

RyuZU é elegante a moda antiga, mas, ao mesmo tempo, Naoto ficou fascinado pelo odio venenoso em sua frase.

As especificações que ela mostrou depois de ser reparada eram incompreensíveis.

Logo depois ela foi reiniciada, ela teve a capacidade de tomada de decisão para avaliar os arredores.

Ela teve a mobilidade para escapar junto com Naoto do edifício em colapso.

E também, ela ainda conseguiu reunir todas as suas coisas principais no prédio desmoronando, quando ele estava inconsciente.

E, mais importante– ela sabia se desculpar.

“Não há nada para se desculpar.”

Naoto balançou a cabeça.

“De qualquer forma, eu estou espantado com as suas capacidades, RyuZU, ao ponto de chorar.”

“Isso será perfeito. Então, você vai me permitir registrá-lo como meu mestre e servir-lhe, Mestre Naoto? ”

RyuZU estendeu a mão de Naoto.

Identificação do Mestre

A ligação entre o senhor e o servo.

“Eh…?”

Este sentimento anormal subitamente fez o Naoto hesitar.

“Não, isso, espere…”

RyuZU inclinou a cabeça pequena com ceticismo,

“Então, há alguma coisa inconveniente? Será que é porque essa perfeita e impecável ser danificará o seu orgulho mitocondrial estando ao seu lado, Mestre Naoto? ”

–RyuZU falou como no instante em que foi ativada pela primeira vez.

Suas palavras eram cruéis, por alguma razão, no entanto, não havia sentimento de insatisfação formado dentro dele.

Naoto balançou a cabeça, impedindo que sua mente se afastasse para longe do tema em questão, ele respondeu:

“Não é isso, RyuZU. Você é uma autômata incrível, não é?

“Sim. Você entendeu? ”

“Não é tão por causa das muitas partes em seu pequeno corpo, em você as funções e estilo são bonitos, você é uma obra-prima perfeita.”

“Sim, estou aliviada ao ver que você tem um bom olho para a beleza, além de um knothole, Mestre Naoto.” (NL: Knothole: olho do nó na madeira)

“Não importa que tipo de novos autômatos de marcas, não haverá nenhum tão encantador como você, RyuZU!”

“Sim, isso é uma certeza. Certamente, eu não tenho nenhuma ideia quanto as habilidades dos autômatos mais recentes, mas se a humanidade fosse capaz de criar ferramentas que chegam ao nível dos meus tornozelos, eu não ficaria desligada por 206 anos.”

Ryuzu imediatamente respondeu com confiança.

Estas palavras fizeram Nato exclamar em estado de choque.

“206 anos? Falando nisso, quando você foi criada de qualquer maneira, Ryuzu? ”

“A mais ou menos 1000 anos atrás.”

“A um milênio–?”

A aproximadamente um milênio.

Em outras palavras– ela é uma autômata criada quando a Terra foi equipada com engrenagens.

…Isso é?

É um destes autômatos perfeitos que só podem ser descritos como “Ultimate”?

–Certo, por que não acho isso suspeito em primeiro lugar?

O que exatamente é “ela”, esse autômato mesmo os mais recentes ONCS não poderiam se comparar a “ela”.

“RyuZU… Oque exatamente você é?”

“O que eu sou?”

“Isso é o que eu estou querendo saber! Você caiu do céu! Você é super fofa, e têm sua “tecnologia superior” sensível em torno de você!”

“E daí?”

“Não, isso é… de qualquer maneira, eu sou um estudante de ensino médio, você sabe?”

“Como assim? Desde que você foi capaz de me consertar, Mestre Naoto, eu acredito que você é o homem com as habilidades técnicas mais notáveis neste mundo, não?”

“Não não não não! Isso pode ser possível? Eu sou apenas um estudante do ensino médio comum, uma falha como ser humano. O que eu estou dizendo, é que eu não sou popular!”

“–Então por que você me ativou?”

RyuZU pergunta com um olhar intrigado.

“Bem, isso é…”

Naoto de repente percebe,

…Por quê?

Ryuzu estava certa? Depois o que ele iria fazer com a fixação dos autômatos?

Ele voltou a encarar RyuZU novamente.

–Esta Boneca antiga foi criada há mais de 1000 anos atrás.

É verdade que ela tem fofura, beleza e perfeição incomparáveis.

…Mas ela não é perfeita demais?

Ela apresentou algumas especificações que nem os autômatos militares conseguem, logo depois que foi ativada, numa extensão atordoante, na conversa de antes ou na exibição de emoções. Se fosse só na expressão de emoções e em conversas diárias, os autômatos atuais são capazes de fazer bem, mas claramente dariam a impressão de serem seres artificiais.

Ao contrario de RyuZU que da a impressão que é uma pessoa viva.

Mesmo que ela tenha sido abandonada á 1000 anos, um autômato desse nível não poderia ser algo feito pelo homem. Se fosse uma boneca empregada criada por uma empresa… as especificações eram muito altos.

Talvez ela tenha sido feita pelos ‘militares’?

Ela não parecia ser produzida em massa; ela foi o protótipo de uma arma secreta criada?
…Não, não, isso seria impossível.

Mesmo que ela fosse uma autômata militar de última geração, não havia nenhuma razão ou significado em fazê-la na forma de uma jovem.

Talvez essa seja a tecnologia-inteligente, que era plausível, mas se tal arma da nova geração, essa menina bonita, fosse liberada, não havia dúvida de que a cabeça do desenvolvedor voaria.

Quanto mais pensava sobre isso, mais perplexo ficava.

Que tipo de pessoa criou essa autômata e exatamente com que intenções?

–Ela foi criada com intenções anormais?

– Havia realmente um segredo chocante escondido dentro dela?

Após pensar sobre isso, mesmo ela sendo uma autômata super bonita e impecável… não havia de maneira nenhuma a possibilidade de que ela pudesse simplesmente fazer um contrato no calor do momento.

“–É assim mesmo…”

Parecia que a RyuZU lia os pensamentos de Naoto.

Ela então retraíu sua mão estendida em silêncio.

Seu temperamento, calma e rosto sorridente mostravam um tom de emoção realista demais.
Por causa disso, a mudança sutil era clara.

“Eu sou… uma existência que não é precisa.”

Foi um lamento, um dos mais melancólicos de solidão, sensação de que ela não era necessária pra qualquer pessoa.(NT: Naoto seu sem coração ;-;)

Nesse exemplo, uma balança apareceu na mente de Naoto.

Em ambos os lados estavam a autômata impecável e os riscos desconhecidos de ser atacado a qualquer momento.

Qual dos dois lados era mais pesado? Talvez esse tenha sido o significado?

…Tudo bem então.

Naoto sorriu em seu coração, e em primeiro lugar, ele colocou RyuZU no lado esquerdo da escala.

No instante em que a colocou, a balança foi rapidamente para baixo, explodindo a tabela e deixando o chão em pedaços, destruindo toda a racionalidade, hesitação, preocupações de Naoto e outros fatores importantes, resultando em uma deformação–

“ME DESCULPEEEEEEE!!!!!! EU REALMENTE QUERO VOCÊÊÊÊÊÊÊÊ–!!”

Naoto ajoelhou-se na velocidade da luz.

E naquele instante, ele revelou suas verdadeiras intenções.

“Eu estou me forçando demais! Nunca tive intenção de desistir de você! Não importa o que aconteça no futuro, continue a cuidar de mim ao longo da minha vida a partir de agora!!”

Ele gritou quando se ajoelhou com a cabeça no chão, seus braços estavam levantados o mais alto possível.

Certo, estes eram claramente os seus verdadeiros pensamentos.

Existe alguma coisa para pensar nisso? Que idiota vai deixar esse “tesouro” fugir!

Criador? Proprietário original? A verdadeira identidade de Ryuzu? Porque diabos eu me preocuparia com eles!

Mesmo que o cérebro seja “militar” ou de alguma outra empresa, nada disso importa, só tenho que ficar com a RyuZU o máximo de tempo possivel. Isso é certeza!

“–Então, por favor, permita-me pedir sua mão direita. Além disso, por favor, levante-se, se possível?”

Naoto se levantou como se fosse baleado, e rapidamente levantou sua mão direita para RyuZU.

RyuZU toca na palma da mão de Naoto

“Então, por favor, desculpe-me— aum

O dedo anelar foi sugado para dentro da boca dela, da ponta ao metacarpo.

Uma sensação surpreendente correu pelas costas de Naoto, fazendo com que ele deixe inadvertidamente um som sair de sua boca.

Clockwork Planet V1 Illustration 3.jpg

A língua macia e úmida de Ryuzu estava pulsando dentro de sua boca, lambendo o dedo anelar de Naoto delicadamente como se estivesse sondando-o, envolvendo-se em torno dele, mexendo por dentro. Os lubrificantes fluidos secretados a partir das matérias moles estava a causar bolhas, fazendo um som sorvente.

Eu vou derreter. Naoto pensou.

Naoto tinha a sensação de que estava sendo consumido pela eternidade na boca de RyuZU, a partir do dedo. Fazer uma menina bonita e angélical fazer um ato obsceno de colocar o dedo dentro de sua boca, o fez sentir uma culpa inexplicável e um prazer indescritível.

Bem quando Naoto estava prestes a sair da sensação ardente queimando em sua mente.

– O som de inúmeras engrenagens girando em uníssono dentro Ryuzu pôde ser ouvido.

“Nn…ahn…”

Este era o fim da identificação?

A boca de RyuZU deixou lentamente o dedo de Naoto.

Ignorando o estado de vazio em sua mente, Naoto tocou o rosto de Ryuzu com a palma da mão liberada. Era uma massa de calor e ternura…

Os olhos de Ryuzu estavam úmidos enquanto ela se inclinou sobre aquela mão, e no mesmo instante ela exalou ar quente,

“RyuZU da série inicial Y Unidade 01-‘A serva’ compromete sua absoluta obediência e lealdade para com Mestre Naoto, sempre ficar ao seu lado até que as engrenagens neste corpo se quebrem e parem.”

Estas palavras foram muito além de uma “identificação de mestre comum”. Em vez disso, elas foram comparáveis às palavras sagradas de um voto de casamento, falada por RyuZU. (NL: Eu me casaria com ela ;-;)


“Espere, eu… po-posso…”

À medida que o sol da manhã deslumbrante parecia romper o céu azul.

Naoto estava bufando ofegante, pateticamente no parapeito da Ponte Kamo.

“Is-Isso é impossível… RyuZU. Eu realmente… não posso mais fazer isso. ”

“Mestre Naoto, estou realmente impressionado que o seu corpo frágil é capaz de durar até hoje, considerando que você está ofegante só com este nível de exercício.”

“… Depois, o que aconteceu ontem, aaaa, e considerando que eu não dormi até agora, e não tive uma boa refeição… Eu sou espantado que você está me chamando de fraco… quando eu tenho que correr para a escola…”

“Sinto-me honrada em receber o seu elogio.”

O argumento dele foi facilmente descartado com o sarcasmo dela.

Eles estavam á uma hora de distância a pé “o que era originalmente” o Naoto saindo de seu apartamento e movendo-se ao longo do Kamogawa. O campus da escola é localizado no “Delta de Kamogawa”, no cruzamento entre Takanogawa e Kamogawa.

Essa era a escola do ensino médio Tadasu no Mori que Naoto frequentava em Kyoto.

Eu não posso olhar desta maneira, ele tem um registro de faltas perfeito. No momento em que ele
disse isso para RyuZU, ele foi praticamente arrastado por ela, correndo todo o caminho ate aqui…

No entanto, o tempo mostrado no relógio era 7:12… faltava muito tempo para a aula começar.

Diante de tal fato, Naoto falou com Ryuzu com lágrimas nos olhos,

“Falando nisso, eu sou realmente uma pessoa sem-teto… Eu deveria estar me preocupando com coisas como ter uma cama ou um jantar mais do que correr para a escola, certo?”

“Por favor tenha certeza que eu vou lidar com todas estas questões enquanto estiver na escola, Mestre Naoto. Se meu descuido impediu de ter um registro de frequência perfeito, não importa o motivo, meu orgulho será perdido.”

Naoto armou um olho no RyuZU,

“Então e se o seu mestre está quase morrendo por causa da privação do sono e fadiga excessiva?”
“Isso é por causa de sua inutilidade e fraqueza, Mestre Naoto. Não vou assumir a responsabilidade por qualquer negligência na educação durante o tempo antes de eu chegar. ”

“Hm, mesmo que esse seja o caso…”

“Para ser honesta, não é da minha conta.”

“Você é realmente direta!”

Naoto, ao ouvir tal violência verbal, acabou rindo.

Cada palavra Ryuzu falou foi certamente cruel, mas não era desagradável.

– Definitivamente não é porque eu tenho um novo interesse, Naoto disse a si mesmo.

“…Mestre Naoto?”

“Ah, desculpe. Falando nisso, o que você planeja fazer em sequência? Eu só tem fundos suficientes para comprar a comida desse mês.”

“Eu nunca tive qualquer expectativa sobre suas habilidades, Mestre Naoto, por isso, vou me assegurar de conseguir o dinheiro para abrigo e subsistência.”

RyuZU disse despreocupadamente.

E assim, Naoto pareceu descontente.

“Você está indo para o trabalho, RyuZU? Isso é…”

“Você certamente diz algumas coisas estranhas, Mestre Naoto. Por favor, pense com seu bom senso. Como você ganha dinheiro através do trabalho duro?”

“…Esta é a primeira vez que estou ouvindo essa lógica estranha.”

“Além disso, sou de sua posse, Mestre Naoto. Mesmo que seja uma questão temporária, é impossível teoricamente ou fisicamente para pessoas de origem humilde usar o dinheiro quando eles não sabem o funcionamento. ”

“–”

…É este realmente o caso de uma Tsundere?

Os lábios de Naoto inadvertidamente abriram um sorriso, e ele rapidamente mudou de assunto.
“Então, o que você quer fazer exatamente …?”

“Mestre Naoto, não pergunte muito sobre esses assuntos triviais. Mesmo se você está baixo para a contagem, uma elite tem que permanecer positivo em todos os momentos. ”

“Eu não me lembro de estar incrível… mas deixa pra lá.”

Naoto suspirou, e então continuou.

“Na verdade, eu passei 3 horas reparando você ontem, RyuZU… minha mente e corpo estão completamente cansados agora. Se você pode ajudar a lidar com alguns assuntos problemáticos–– Qual é o problema?”

Naoto levantou a cabeça e viu a RyuZU parada com os olhos arregalados.

Após manter essa pose por 5 segundos,

“…Desculpe por fazer você se preocupar. Eu repeti as palavras deliberadamente 20 milhões de vezes em minha mente para que eu não confundisse o que acabou de dizer, Mestre Naoto. ”

“Eh? E-Eu disse alguma coisa estranha? ”

“Você disse que me reparou em 3 horas.

“Eh, sim eu disse.”

“…Posso fazer uma pergunta?”

“Oh. Ok. O que foi?”

Ryuzu elegantemente colocou a mão em seus peitos.

“Você pode me dizer o número total de engrenagens que me formam?”

“Erm… 4,207.600.008.643? ”

“Por favor, responda-me, qual é o número de vibrações regulares em meu cilindro principal?”

“A maior parte da coluna vertebral, certo? Se não estou enganado, são 6.254.941.395. ”

“… O numero de fios de redes neurais artificiais que estão lá em minhas fontes?”

“Há 15,945.549.846 diretamente conectado, e se considerando os ligados aos de ressonância, há 62.945.634.574.578 deles.”

“…Permita-me verificar, Mestre Naoto. Você viu meu plano de projeto? ”

“Não? Tal coisa existe? ”

“Isso não. Logicamente, não deve haver um, é por isso que eu estou perguntando. Como você sabe os detalhes da minha construção? ”

“Por quê?”

“É impossível analisar minha estrutura em apenas 3 horas mesmo através da utilização de um dispositivo de simulação pessoal– não, isso se aplica até mesmo para dispositivos profissionais. Sendo assim, eu só podia supor que você tinha visto o meu plano antes.”

Ryuzu persistiu com sua pergunta, e Naoto parecia confuso, então inclinou a cabeça.

“Mas você está bem na minha frente agora, sabe? Mesmo que eu não investigue tudo, um por um, eu só preciso ouvir para compreender, certo? Colocando logicamente.”

Ryuzu continuou a olhar para Naoto com ceticismo.

“Esta é a primeira vez que eu estou ouvindo de um senso comum tão estranho; Som, não é?”

“Bem, eu acho que é um bocado como uma habilidade. Minha audição sempre foi melhor do que outros, por isso os meus eu posso ouvir tudo em uma máquina de construção, mesmo que eu não a veja diretamente.”

“Em outras palavras, até mesmo em mim?”

“Sim, eu só preciso ouvir. Seu corpo é tão bonito de qualquer jeito, Ryuzu. Não havia quaisquer peças em excesso em você, então eu rapidamente sabia onde estava ruim. Há algum ruído naquele som maravilhoso, e eu estava com raiva, então comecei a repará-lo. Não me arrependo disso.”

“…”

“Hm? O que foi Ryuzu? ”

“Mestre Naoto.”

“Sim?”

“Mestre Naoto é um pervertido.”

“Sim… hein? Isso não tem nada a ver com a nossa conversa, certo?”

Naoto levantou-se com um olhar pasmo.

“Já está na hora de nos movermos.”

Durante o tempo em que estavam descansando, o número de estudantes que se dirijiam a escola foi aumentando. Eles olhavam para o duo ao cruzar a ponte, murmurando algumas coisas ao longo do caminho.

Ryuzu olhou para eles de uma forma intrigante, e perguntou:

“…Parece que as estrelas estão se reunidos em cima de nós. Qual é a razão?”

“Ah, bem, é porque alguém como eu e você estamos juntos, eu acho.”

Naoto respondeu, e RyuZU acenou com a cabeça compreensivamente.

“É de se esperar que esta minha beleza angelical, um presente dos céus, seja admirada pelo sofridos e humildes camponeses. Por favor, perdoe-me por fazer uma pergunta tão tola.”

“Eh, isso é meio que verdade, mas eu também estou aqui.”

“Em outras palavras, a sua admiração havia se multiplicado, porque eles têm testemunhado esta pérola celestial estando ao lado de Mestre Naoto, o ápice da humanidade?” (NL: Não é pq eu estou traduzindo, sim por causa de mim.) (alguma risada)

“Não, na verdade, é: ‘Por que aquele bastardo inútil está junto com uma menina tão bonita?’ ”

“Mestre Naoto, eu acho que sua aparência é de criança, mas isso certamente não significa que você esteja sendo desprezado por aqueles seres humanos que são mais baixos do que as formigas correndo pelo chão.”

” Ate mesmo eu vou chorar se você continuar com isso.”

Naoto estava prestes a desmaiar ali mesmo, mas balançou a cabeça,

“De qualquer forma, isso não importa. Eu mereço isso de qualquer maneira, e já estou acostumado. ” (NL: Merece mesmo desgraçado)

Mas em resposta a suas palavras, Ryuzu balançou a cabeça tristemente.

“Não, isso não está certo.”

“Por quê?”

“Porque isso é irracional e inexplicável. Eu não entendo quais razões este grupo de pessoas tem para julgar você como alguém inferior?”

Naoto levantou a sobrancelha em descrença.

“Eu quero perguntar em vez disso, como você me vê, Ryuzu?”

“Mestre Naoto, você é o único ser humano que é capaz de me reintegrar do meu estado quebrado.”
“Mas não é isso exatamente o que você vê, Ryuzu? A maioria das pessoas não pensa em mim dessa maneira.”

“Isso não é porque eles são seres inferiores, incapazes de entender-”

“Mas eles são aqueles que formam a sociedade, Ryuzu. Aqueles que não podem ser compreendidos por todos não são diferentes dos não-existentes; esta é a regra dessa sociedade.”

…Depois de um longo silêncio, Ryuzu falou com tristeza,

“Eu admito que é irritante ser rejeitada por você, Mestre Naoto, mas também admito que o que você disse faz sentido.”

“Então você entende. Mais alguma coisa?”

“Desculpa. Há outra coisa que eu posso perguntar?”

“Hm? O que é?”

Ryuzu chamou Naoto bem quando ele estava prestes a sair, ela parecia refletir sobre algo, e perguntou de uma forma de sondagem.(Nota do Zero:????)

“Parece que essas tais criaturas conhecidas como seres humanos têm um estranho hábito de usar o seu interesse em um grande número não especificado de pessoas do sexo oposto como um símbolo de superioridade.”

“Eu realmente quero saber exatamente de onde você ouviu isso; Bem, não importa, você está certa?”

“Será esse o elemento ‘ponto excelente’ comumente entendido no grupo a que pertence, Mestre Naoto?”

“Hm? Incline um pouco a cabeça… ”

Naoto inclinou a cabeça como ela disse.

“De qualquer forma, esses caras populares normalmente recebem opiniões elevadas. Eles têm pessoas à sua volta afinal.”

“-Entendido.”

“Eu não estou realmente certo do que está acontecendo, mas eu vou estar indo antes?”

“Bem. Vou vê-lo mais tarde então, Mestre Naoto .”

Naoto foi para o campus da escola, sentindo uma sensação inexplicável do olhar de Ryuzu.

Ele passou pelas portas laterais, onde os armários de sapatos estavam, e foi direto para a entrada principal. Seus sapatos já foram roubados há muito tempo, então ele simplesmente emprestava os sapatos de convidados.

Ele correu para a sala de aula conforme o som de passos soou.

Havia um tumulto no corredor enquanto ele se aproximava da sua sala de aula, mas ninguém foi cumprimentá-lo. Se havia alguma diferença de antes, seria que haviam risinhos ocasionais e sussurros entre eles.

Ele entrou na sala de aula, colocou sua bolsa sobre a mesa completamente vandalizada e sentou-se na cadeira. Era a rotina diária de Naoto fingir dormir até soar o sino da aula, como um meio de passar o tempo.

Ele se deitou, e de repente se lembrou do que Ryuzu disse.

“Opnião, huh…?”

Para ser honesto, ele não tinha interesse algum.

Um esquisito notável seria aceito simplesmente por dizer as coisas certas, enquanto os esquisitos inúteis seriam tratados como uma ovelha negra.
Ele não tinha nenhuma intenção de esconder, seja sua própria incompetência ou sua anomalia.

Assim, isso era algo que ele merecia. Foi problemático, mas ele não conseguiu salvar nada

Ele pensou sobre este assunto, ele deitou de bruços sobre a mesa, e realmente se sentiu sonolento.

…Bem, muitas coisas aconteceram esta manhã, então eu acho que não posso ser ajudado…

Normalmente, ele iria acordar uma vez que o professor entrou na sala, mas ele deve dormir durante o dia.

E assim, Naoto gradualmente caiu em um sono profundo.

“–Nn..? ”

Uma comoção estranha aconteceu na classe fazendo Naoto despertar.

É hora do almoço já? Ele olhou para o relógio, e descobriu que ele era 10:46.

Em outras palavras, o terceiro período estava começando, e ele só dormiu durante 2 horas.

O que estão discutindo? Naoto levantou a cabeça com descrença.

“Ah… é repentino, mas eu vou introduzir uma nova aluna transferida.”

O professor do 3º período foi no pódio junto com uma menina.

Era uma menina bonita, cuja presença só iria atrair os olhares dos outros.

Ela tinha longos cabelos prata pura, pele branca cristal, lábios rosados finos, bochechas rosadas e olhos dourados que estavam brilhando como uma coroa.

Beleza que a humanidade podia sequer imaginar fazendo todos ficarem surpreendido.

“… O que você está fazendo?”

Naoto inadvertidamente deixar escapar em dialeto.

A menina que estava no pódio provavelmente o ouviu falar, pois ela deu um passo para frente e acenou com a mãozinha para ele.

Neste ponto, a classe, que havia sido completamente hipnotizado pela sua beleza inigualável, e após isso acontecer todos olharam para o seu colega de classe isolado e não impressionante.

“Meu nome é RyuZU Yourslave. Serei colegas com todo mundo, mas eu não tenho interesse em passar algum tempo com os povos camponeses comuns, por isso é bom mesmo que não cuidam de mim. ”

A menina de cabelos prateados foi recebida com sorrisos florescente, Naoto novamente desabou sobre a mesa.

“Eu supus que isso vai mostrar claramente seus “aspectos especiais’ para o seu grupo. ”

“–Ahh… Bem, sim, eu acho. Você não conhece o termo exagero no entanto? ”

Naoto deu de ombros diante dos olhares circundantes.

Havia inveja, o ódio, aversão, malícia… se esses olhares fossem capazes de causar danos físicos, Naoto estaria todo machucado por nada.

“Se a outra pessoa é uma linda está como você, Ryuzu, é um caso de” por que com esse cara “?”

“…Esta é a minha opinião honesta, mas eu sinto que é muito mais fácil ensinar as vacas a andar sobre duas patas do que encontrar a racionalidade nos seres humanos.” (NL: Será????)

“Sim, eu não posso negar isso.”

Para Naoto, o seu dia havia sido estragado no 3º período.

Ryuzu colocou sua mesa ao lado da de Naoto, e se agarrou em cima dele durante o tempo de aula. (NL: Inveja…)

Quando foi o intervalo para o almoço no refeitório, ela se sentou na coxa de uma forma diagonal e com um “Ah-” e alimentou Naoto com um tom monótono. Depois disso, eles foram para o a parte de grama do pátio, e ela agarrou Naoto pela cabeça, com força dando-lhe um travesseiro colo… (NL: muita inveja ;-;)

Embora Naoto não é do tipo que se preocupam com a opnião dos outros (se ele se importasse, ele não seria mais capaz de declarar-se como estranho), ele não era descarado o suficiente para desfrutar do travesseiro de colo da Ryuzu, ele sentiu que a pressão de ceifadores dos outros poderia cortá-lo em pedaços.

Ryuzu também fez todos os tipos de atos íntimos com ele sem qualquer restrição. (NL:( ͡° ͜ʖ ͡°)) Os colegas estavam simplesmente olhando o casal de longe, abstendo-se das perguntas usuais para estudantes transferidos. Foi só depois da escola que alguns alunos corajosos se levantaram.
Porem…

“E-Erm, você tem algum dia livre?”

“Sim? Existe alguma coisa que você queira comigo? ”

“Ah, S-Sim. Como você é transferida, você deve conhec–”

“Mas eu não tenho nenhuma razão particular para ir com você. Se você me der licença. ”
“Se há alguma dúvida–EH?”(NL: 1 soldado ferido ajuda…) (NL: first blood)

“Ei! Ryuzu você é realmente bonita! ”

“Sim, eu sei. E daí?”

“… Eh, vamos imaginar. RyuZU–”

“Não me chame diretamente pelo meu nome, será que você não tem uma fração do seu cérebro? E por favor, E por favor, não me chame afetuosa e compreender você– não, não há nenhuma necessidade de me repetir. Será simplesmente uma perda de tempo. ” (NL: Double kill.)

“Ah– Eu sou do Segundo ano…”

“Eu suponho que você realmente me odeia, deliberadamente entra em meu e estragar meu humor. Peço desculpas se meus sentidos não são sensíveis o suficiente para cuidar de todas as formigas, por isso, vá embora. ”

“Eh, não! Eu sou bastante pop–”

“Eu já disse para desaparecer da minha vista, ou a linguagem-humana é muito difícil para você entender?” (NL: triple kill)

“Ah–”

“Se você já tivesse pensado ante e planejado dizer algo que vai consumir o oxigênio na Terra, muitas vidas que fizeram sacrifícios nobres para o seu calor exotérmico e o para o meu insubstituível tempo– por favor, continue.” (NL: quadra kill.) (NL: RyuZU está imbatível.)

Pode-se dizer que corpos estavam voando por toda parte.

Ryuzu continuou dando sorrisos angelicais a Naoto sempre que ela falou com ele, mas tinha uma expressão de desgosto quando falava com outras pessoas, seus jabs verbais diabólicos perfuravam através dos outros.

E assim, havia meninos e meninas, mais de 20 no total, com enormes danos durante o esse tempo, Naoto e Ryuzu deixaram a sala de aula até o momento em que chegaram ao portão da escola.


Uma vez que eles saíram dos portões da escola, Naoto e Ryuzu estavam indo para baixo do Rio Kamogawa.

Eles estavam indo para a junção transversal em Demachiyanagi, passando pelos homens velhos correndo energicamente e estudantes universitários que praticam com seus instrumentos musicais.
Ryuzu virou e olhou para Naoto, que caminhava com passos pesados.

“Você parece um tanto apático, Mestre Naoto.”

“Eh, sim… obrigado. Eu acho esse é o sentimento ao se estar em xeque… ”

“Você certamente é um gato assustado ser tão atento com esse olhares– embora eu não esteja particularmente surpresa com isso.”

“Pare com isso já. Estou me vendo em um novo reino por agora. ”

Naoto encolheu o corpo em depressão, e disse:

“–Eu tenho algo para lhe perguntar. Como você conseguiu se transferir? ”

Ryuzu calmamente respondeu,

“Claro que eu entreguei um formulário de pedido de transferência.”

“Mesmo que você disse isso tão reativa, é realmente possível para você enviar o pedido de transferência nesta manhã, e concluí-lo no próprio dia?”

“Eu apenas tive “uma conversa” com o diretor.”

“…uma “conversa”?”

“É bom você não entender, Mestre Naoto”.

“Não, espere, por que de repente eu tenho um mau pressentimento sobre isso?”

“É realmente nada demais. Eu simplesmente fiz alguns ajustes no acessório do meu cabelo, é séria, eu disse apenas algumas palavras. ”

“Uma ameaça!? Isso é uma ameaça, certo !? ”

“Não. Eu simplesmente afirmei “um pouco” o desejo logo após o nosso bate-papo. ”

“…Ryuzu, você disse que você vai resolver alojamento e dinheiro. Você vai fazer isso através de métodos criminosos…? ”

“Mestre Naoto. ”

Ryuzu falou com um sorriso sedutor.

“Falando nisso, é uma forma eterna de bom senso, é um crime somente quando se descobre, não?”

“…… Certo, eu vou fingir que eu nunca ouvi nada. Falando nisso, você disse que encontrou um lugar para nós para ficarmos. Onde é isso? ”

“Nós vamos vê-lo em breve. É o hotel logo na esquina do prédio, chamado ‘The Uh-huh’. ”

“……RyuZU? ”

Naoto de repente parou de andar e pergunta:

“Se bem me lembro, não é que um Motel?”

Ao ouvir as dúvidas de Naoto, Ryuzu arregalou os olhos,

“–É como você disse. É inesperado ouvir isso de você, porém, Mestre Naoto. Você foi nele antes? ”

“Isso é impossível. Apenas as pessoas populares da classe utilizam-no, muitas vezes, –espere, isso não importa! Como podemos ficar em um Motel? ”

“Mas esse Motel ‘The Uh-huh’ simplesmente tem as taxas mais baratas na área em que estamos vivendo, em Kyoto. E as instalações são as melhores. ”

“Esse não é o problema! Se eu for visto andando para fora de um Motel com você, eu vou ser expulso imediatamente, RyuZU. ”

“…Isso é inaceitável. Então, eu irei aceitar sua nobre sugestão, Mestre Naoto”

RyuZU franziu a testa, e olhou um pouco infeliz enquanto ela disse essas palavras rancorosas. Naoto, no entanto estava sendo freneticamente quebrado em seu cérebro,

“…En-Enfim, vamos ficar em um café manga para a noite!”

Naoto segurando a mão de Ryuzu e saiu.

Eles foram adiadas devido ao desvio mais cedo para o hotel amor, e por causa disso, multidões se reuniram enquanto desciam as ruas comerciais, os arredores escurecendo gradualmente.

O sol tinha completamente posto, pelo tempo que eles finalmente encontraram um café manga adequado.

“Isso é bom. Se esperarmos um pouco mais, podemos obter o pacote noite–”

–Naoto olhou para Ryuzu, e sua expressão entristecida.

Três indivíduos a cercaram sem o seu conhecimento.

Eram todos homens jovens, provavelmente universitários. Pode-se dizer que os pássaros da mesma espécie voam juntos, estavam com seus cabelos despenteados, suas roupas suja, e eles estavam usando todos os tipos de acessórios chamativos que cintilavam.

Um deles, um bandido estava tentando pegar a RyuZU em uma forma excessivamente familiar.

“Hey,Hey,Hey! Você tem uma beleza notável?”

“Sim, Que que tem?”

“Hahahaha, e você mesmo diz ‘Que que tem?’ Você com certeza é alguém superior. ”

“Hey Hey-você não quer brincar comigo? Vamos tratá-la bem até mais tarde ~”

Naoto imediatamente entendeu o que estava acontecendo.

Esses criminosos, A, B e C estavam reunidos em uma tentativa dissimulada de caçar a melhor presa, RyuZU.

Normalmente, ele não se envolveria com essas pessoas. Ele não iria ganhar qualquer atenção deles partes, e mesmo se eles o vissem, eles iriam e ir embora.

Porém–

“!!”

A sensação de queimação foi acesa dentro de Naoto.

Usando esse impulso, ele pego a mão de Ryuzu.

“Vamos RyuZU.”

“Okay. ”

Ryuzu também acenou com a cabeça, pronta para se afastar. No entanto, os três criminosos não estavam indo para soltá-la tão facilmente.

Dois deles cercaram Naoto e Ryuzu pela frente, bloqueando-os.

“Espere um minuto, isso é uma falta agora, não é isso… o que você está fazendo?”

“Ela vai em um encontro com nós mais tarde, você sabe? Vá embora pirralho. ”

Arruaceiros A e B espiaram de forma obscenamente.

O ultimo arruaceiro olhou para Naoto com os olhos cheio de vontade de mata-lo.

“Quem você pensa que é mesmo assim? Namorado dela?”

“Nem brinque com isso Taku! Isso é definitivamente impossível!”

O trio gargalhou, e o arruaceiro A, se aproximou, estendeu a mão para Ryuzu.

Naoto notado suas intenções, e imediatamente deu um tapa na mão.

“–Ouch… Quem você pensa que é huh?”

A zombaria do trio desapareceu e a raiva começou a queimar em seus olhos.

Mesmo assim, Naoto gritou enquanto estimulado pela adrenalina,

“Cale a boca, não é até mesmo capaz de avaliar e saber que vocês não podem fazer nada, e vocês ainda se homosapiens autoproclamados!? Vocês são apenas cascas-grossas, que andam na sujeira! ”

–O Que exatamente eu estou dizendo agora?

A parte mais calma em sua mente estava advertindo-se com isto.

Embora esses arruaceiros parecessem ser procurados, eles eram três jovens, e ele era simplesmente um pequeno menino magricelo, de 16 anos de idade.

Se isso acabar se tornasse uma luta, não importa como ele lutasse, o único futuro que o aguardava era virar um saco de areia.

Se ele tivesse tentado fazer isso de uma forma indireta, talvez ele podesse ter escapado em uma solução pacífica no entanto, ele não tinha sequer uma única arrependimento.

Mesmo que esse momento acontecesse novamente, ele definitivamente faria a mesma coisa, não, ele pode até chutar o outro cara de uma vez.

–Certo, eles nunca farão nada para Ryuzu, eu vou fazer de tudo para proteger-la–

Os rostos dos homens estavam contorcido de raiva, com a intenção de pegar Naoto.

E Naoto mordeu os lábios e olhou para trás.

Imediatamente,

“… Mestre Naoto, muito obrigado.”

Uma voz refrescante podia ser ouvida.

“–Minha Compreensão de vocês melhorou por um entalhe.”

“Eh?”

Naoto perguntou inadvertidamente volta.

E assim, a bainha da saia de Ryuzu vibrou ligeiramente.

Aconteceu tudo e de olhos nus Naoto conseguiu identificar.

No entanto, as rajadas e sons pareciam ter “algo” elas correram para frente, parecendo acariciar os 3 homens.

Isto foi seguido por um som estranho.

Camisas dos homens, calças, acessórios, sapatos, roupas íntimas, e até mesmo seu cabelo estavam acabados como havia acontecido esse truque de mágica.

“–Eu sinto muito mesmo.”

Ryuzu levantou a bainha de sua saia enquanto ela se curvou para o trio, agora nu e deitado no chão,

“Eu já estava com um humor desagradável devido a atitudes dessas pessoas indisciplinados em relação Mestre Naoto, então eu não podia deixar de agir. Eu não tenho nenhuma intenção de refletir sobre isso, no entanto. ”

“Ah, erm, ah…”

“Quanto aos seus apenas recompensas, você são felizes de nunca terem colocado a mão em cima do Mestre Naoto. Não importa que tipo de pervertido o mestre Naoto é, eu não acho que ele terá o prazer de ver cabeças cortadas. ”

Ryuzu mostrou um leve sorriso no rosto.

Mas sua expressão era zero absoluto, aparentemente olhando para moscas na carne podre.

Não importa o quão desequilibrado uma pessoa era, claramente ela entenderia a onde estava tentando chegar.

O trio nu correu como cães selvagens, e a comoção ficou maior por que uivos podiam ser ouvidos, juntamente com o fole distintas de policiais.

“…T-tudo bem agora, vamos nos apressar e entrar no café mangá. É muito perigoso ir para fora no meio da noite, Ryuzu! ”

Naoto apressadamente empurrou Ryuzu na parte de trás, enquanto corria para dentro da loja.

Ele era um cliente regular no café mangá.

Ryuzu parou e olhou em volta.

A loja era grande e brilhante, completamente limpo dentro. As instalações também eram bem conservadas, e o bar de bebidas tinha uma ampla variedade de opções.

“… É decente, eu acho.”

Ela fez beicinho, infeliz.

“Mas eu acho que o ambiente do” The Uh-Huh “é melhor. Mestre Naoto, você prefere um quarto apertado em vez de um grande lugar confortável? ”

“Ugh, não vamos falar mais sobre isso. Esqueça isso, ok? ”

A dupla se aproximou da área de recepção, e um jovem atendente masculino saiu do interior. Ao ver Ryuzu pela primeira vez, ele estava momentaneamente atordoado, mas imediatamente a cumprimentou com um sorriso, aparentemente uma mudança de humor.

“B-bem-vindo. Você tem um cartão de sócio? ”

Naoto entregou seu cartão de membro.

“Eu quero que o pacote de noite.”

“Se você comprar agora, você vai ter que pagar por aproximadamente 1 hora vale de taxas normais. Está tudo bem? ”

“Certo. Eu pago então por favor. ”

“Obrigado pelo seu patrocínio. Que tipo de suíte que você quer? ”

Nesse instante, Naoto não sabia como responder.

Ele estava olhando incomodado, enquanto olhava para o mapa interior do atendente da loja lhe entregara. Havia suítes de refeitório, suítes reservadas, suítes de negócios, suítes reclináveis… Havia uma variedade de suítes, mas considerando que duas pessoas tinham que ficar juntos…

Enquanto Naoto estava sendo inconstante sobre isso, Ryuzu deu um passo.

“Por favor, dê-nos uma suíte de casal.”

“Eh…?”

“Entendido. No 4° andar suíte então. ”

Ryuzu ignorado Naoto enquanto o segundo permaneceu chocado, e simplesmente terminou os procedimentos rapidamente antes de receber o cartão e recibo.

“Espere Ryuzu !? Qual é a suíte de casal? ”

“Não é isso que você estava buscando, Mestre Naoto? Eu posso dizer que você tem pensamentos perversos de me abraçando apaixonadamente em curvas apertadas dentro de mentir em uma sala ampla. Você não está muito grato pela minha perspicácia? ”

“Não é isso! Eu nunca pensei nisso! ”

“Usando essas considerações, portanto, têm uma explicação adequada a respeito de porque você está se recusando a entrar em um Motel tão teimosamente.”

“Eu ainda sou menor de idade!”

“Você pode ter certeza, Mestre Naoto, não importa os desejos exclusivos, você tem que nunca serão aceitos pela sociedade, vou aceitá-los todos, sem exceção.”

“Ainda bem-não, não é isso que importa. É mais seguro se eu pensar sobre isso.”

“Sim. Parece que a segurança daqui não é muito boa. Embora não haverá quaisquer problemas se você estiver comigo, é importante evitar o perigo. ”

“Ah, sim…”

Evitar o perigo para os outros caras, de qualquer maneira, Naoto murmurou.

–Se Algum idiota provocar a Ryuzu na loja, haverá homicídio…!

Uma vez que eles entraram na suíte designado, Naoto desabou no sofá imediatamente.

“…Fa-faz é um longo tempo…”

Seu corpo estava completamente letárgico, ele estava sentindo-se como chumbo.

Caso isso acontecer, eu vou estar dormindo como um saco de de terra. Não posso fazer isso. Naoto respirou fundo para empoderar, e, lentamente, ficou de pé.

“Mestre Naoto, onde está indo?”

“Eu estou indo usar o chuveiro. Eu não me sentir bem para dormir enquanto eu estiver todo suado. ”

“Entendo. Compreendido. ”

Naoto passou pela Ryuzu que estava enquanto de cabeça baixa, e foi direto para o banheiro.
Mas logo depois de andar fora, ele parou e se virou.

E então, ele perguntou Ryuzu, que estava olhando para ele fixamente,

“Por que você está me seguir?”

“…? Você não me você pedir para esfregar suas costas? ”

“Eu nunca disse isso!”

“Sério? Mas parece que você não está disposto a ser honesto com seus desejos, Mestre Naoto. Por causa disso, eu estou tentando interpretar a verdadeira intenção escondida dentro de suas palavras. ”

“Está tudo bem, mesmo se você não tentar interpretá-los!”

“…Sério? Tudo bem, então? Será que você não deseja que remova suas roupas em um espaço tão apertado e ofereça um serviço especial com sabão líquido e esponja?”

“…”

“Mestre Naoto? ”

“…Está bem. Não há necessidade para isso. Vou tomar banho sozinho. ”

“Entendido. Vou voltar para o meu lugar e aguardar o seu retorno. ”

“…Sim. Até logo.”

Ryuzu curvou-se e voltou para seu assento

Uma vez que ela tinha desaparecido completamente de suas vistas, Naoto inadvertidamente caiu de joelhos.

Ele enxugou as lágrimas fora de seus olhos, resmungando para si mesmo,

“…O que eu estava fazendo…?”

“Wah !? O que é isso!?”

Depois de ter tomado um banho, Naoto voltou para a suíte de casal sentindo-se revigorado, apenas para encontrar todos os tipos de revistas e mangás empilhados.

Ryuzu, sentado no sofá, estava navegando pelas páginas em um ritmo alarmante.

Ela parou para virar, e olhou para Naoto.

“Bem-vindo de volta, mestre Naoto”.

“Ah, sim, eu estou de volta … o que está fazendo?”

“Isso é parte da recolha de informações. As minhas funções mecânicas foram feitas para 206 anos, então eu sinto que é necessário para eu repor em inteligência moderna, tanto quanto possível. ”

“… Incluindo estes mangas?”

“O entretenimento popular são elementos importantes para referências.”

“S-se é assim… estou cansado. Eu vou dormir, então. ”

“Nn, boa noite, então.”

Depois disso, Ryuzu sentou-se em uma posição de Seiza, de frente para Naoto.

Naoto sentou ao lado dela, e disse:

“Ryuzu… você não precisa dormir porque você é um autômato. E a sua fonte de enegia? ”

“Por favor, não se preocupe. É carregada automaticamente. ”

“Oh, eu vejo … eh, carregada automaticamente? Mesmo com mais de 4 trilhões de engrenagens dentro? ‘

“Sim.”

Naoto respirou fundo, e acenou com a cabeça,

“Não, é estranho que eu não possa fazer muito. ”

Até mesmo a última geração de autômatos teriam de recarregar uma vez por semana… Naoto novamente percebeu o quão altas eram as especificações de RyuZU. Essa função não era nada comparado com as capacidades que ela tinha mostrado até este ponto…

Depois de se convencer, Naoto repousou sobre seu braço, e fechou os olhos.

E então, o tom estóico da Ryuzu podia ser ouvido.

“–Você está me ignorando?”

“Eh?”

Naoto inadvertidamente abriu os olhos.

Ele viu olhar extremamente descontente Ryuzu de diversas polegadas longe dele, e engasgou.

“Você está ignorando meu colo travesseiro?”

Ela bateu levemente em suas coxas.

Naoto arregalou os olhos e perguntou:

“…Sério?”

“Nós fizemos isso durante a pausa para o almoço no dia. Você é agora meu mestre, mestre Naoto. Existe alguma coisa inconveniente sobre isso? ”

“Não, não há problema.”

Ele respondeu rapidamente, e colocou suavemente sua cabeça na coxa da RyuZU.

A sensação suave e quente aparentemente o fez se sentir como se estivesse derretendo dentro, e ele exalou um pouco, e uma vez que ele fechou os olhos, ficou sonolento.

“Mestre Naoto”.

“Hm?”

“Eu estive observando você hoje.”

“Sim.”

“Permita-me ser franco, você é uma pessoa completamente enigmática.”

“Talvez. Eu não nego isso. ”

“Sim. Além disso, eu acho que você está sendo muito humilde. ”

Ah, Naoto bufou infeliz.

“Desculpe… por ser um mestre ruim.”

“–É Verdade que saber humildade é extremamente importante… mas…”

Naoto estava preparado para ouvir atentamente o resto.

“…Não importa. Boa noite mestre. ”

“…Sim.”

Naoto logo caiu em um sono profundo.

Ryuzu acariciava seus cabelos delicadamente quando ela sussurrou:

“…Como exatamente Mestre Naoto me vê?”

Não houve resposta.

Ryuzu também não esperou por uma resposta.

O observando o dia inteiro, ela pode ter certeza de que ele só tinha interesse em robôs.

Nesse caso, o que ele desejava desta autômata inigualável, será que ele acha que ela é só uma máquina excelente.

Mas se fosse esse o caso, por que ele a trava como uma garota humana?

“É, realmente difícil de entender.”

Ryuzu sorriu amargamente, baixou seu olhar, e recordou a briga.

Ela não podia dizer se Naoto foi tratá-la como sua posse ou como uma menina, mas ele certamente destinado a protegê-la.

…Ele realmente me valoriza.

Essa foi a única coisa que ela estava certa, e foi o suficiente.
Clockwork Planet V1 Illustration 4.jpg

Ryuzu sorriu, não mostrando qualquer intenção maliciosa enquanto ela continuava a pentear o cabelo de Naoto.

Tinha se passado 26 horas desde o momento em que toda a equipe começou a analisar.

A análise foi progredindo com sucesso.

_——-_Em Inglês_——-_

They had confirmed the status of the 2nd level of this 27 level core tower.

=

Unfortunately, they had yet to find out where the issue was. If they were to progress at this rate however, they could finish analyzing all the levels in around 2 weeks.

=

Even though they had obtained such reasons–Marie could not bring herself to be really happy.

=

“…Things are going too smoothly.”

=

Right, this was the strange part.

=

If they could proceed with their work smoothly, a simple way of summarizing things was that, ‘Nobody was obstructing them’.

=

The ones obstructing would be the ‘military’.

=

Of course, due to the clauses in the agreements. The ‘military’ could not obstruct brazenly, and could at most request to ‘assist’; the ‘Meister Guild’ would then express their thanks regarding such requests, and refuse so as to be able to finish their work successfully. However, the ‘military’ had developed an ego, for they had been maintaining the daily functions of the city as caretakers, and would not treat any ‘outsider’ too kindly for barging in on their work. They had to maintain a reputation to the city residents.

=

In the end, the ‘military’ would use classified information or responsibility as a shield to interfere with the ‘Guild’ work. The ‘Guild’ would finish their work while trying to avoid the ‘military’.

=

To the ‘military’, the ‘Guild’ were simply vultures hoping to snatch their jobs and get the accomplishments.

=

To the ‘Guild’, the ‘military’ was simply an incompetent organization full of hot air.

=

That had been the organization Marie and the rest faced till this point. However–

=

“We only saw a few Technical Forces members today.”

=

They were not unconcerned.

=

They made a ‘request’ the moment Marie’s group arrived, and at this point, there was a Technical Force member acting as supervisor, watching their actions silently.

=

That was all however.

=

After she had refused their request to assist, they simply fell back. This core tower, located at the heart of the city, would typically have more than a thousand staff members, but they left without any further questioning.

=

Though Marie’s group knew that it was something good, there was something scary about it.

=

The ‘Guild’ could not decipher their intentions.

=

There was a sudden gravitational change before dawn broke.

=

The ‘military’ responded strangely.

=

Though it seemed to be a small single anomaly, the ‘worst case scenario’ appeared in Marie’s mind once she linked everything together.

=

“This might be…maybe it is.”

=

“Meister Marie…”

A young staff member whispered to her.

=

Once she understood the intentions written on his face, she nodded.

=

“I know. Don’t worry, I’m already prepared.”

=

“Then, as expected…?”

=

“We still can’t be sure of this yet, but I suppose we’ll soon have a result.”

=

Marie’s expression was clearly faltering as she answered, and once the man noticed this, he cleared his throat and returned back to his position.

=

“–Okay.”

Marie took a deep breath, and returned to the elevator shaft with steady steps.

=

The Technical Force supervisor silently followed.

=

He was probably the superintendent of this facility, and on his sturdy chest, befitting of a soldier, was the insignia of a Gazelle.

=

As they waited for the elevator shaft, Marie said to the man.

=

“I intend to go take a breather outside. You won’t mind, right?”

=

“Go ahead.”

=

His reply was cold.

=

Marie however did not mind, and at that instant, the elevator arrived. She walked in, and pressed the button leading to the ground.

=

Her team was working at a position approximately 8,200m deep below the city area; in other words, the 3rd level. Even when taking the elevator ride proceeding at 1km every second, it would take them about 8 minutes to reach the surface.

=

During that time, Marie stared at the depth meter on the door. Soon after, it seemed she was finally unable to endure this silence any longer as she turned to say,

=

“That gun’s the BR-19, right?”

=

She started the conversation with a cheery tone.

=

She was staring at pistol on the man’s waist, and the latter did not answer as he stood still. Marie did not mind about his response either as she continued.

=

“The gun doesn’t fire a bullet through the spinning of the gears, but through the compression and release of the rapid moving air. It has more recoil than any of the previous guns, but uses this recoil to amplify the compression ability of the next shot, which results in it possessing outstanding stopping power. It is normally loaded with 7 shots, and there is a wire meant to prevent any enemy from stealing. The huh, isn’t it the .45? If firepower is of the priority, wouldn’t the short assault rifle BR-sp33 be a more convenient choice?’

=

As Marie prattled on as she explained this ‘military’ standard weapon, the man could only show surprise at this.

=

“You understand quite a lot there.”

 

“Yes. My family does manufacture guns.”

 

“–Oh, I see. You’re the Princess of the Breguet Company.”

 

“Do you know? Those born in the Breguet family are taught specific details regarding the product designs and sales. As one of the 5 Great Enterprises, it sells everything from baby cots to large transport carriers. It’s really…”

 

“Sounds tough.”

 

“Yeah. I suffered quite a bit when I was young.”

 

“But to be honest, I really don’t understand the meaning behind that. Unless you’re an employee, is it really necessary for the Princess to learn all this?”

 

There was a mocking tone within these words.

 

But Marie smiled, looking as if she agreed with him.

 

“You think so too?”

 

“Yeah. I think it’s too much. If you have the time, why not learn some other valuable things?”

 

“Right. Like this?”

 

“Huh? Ack–!!?”

 

The instant the man spoke up, he was sent sprawling on the floor.

 

“Ah, ugh, ummm…!?”

 

–He had no idea what hit him.

 

Even though he was a technician, he would have to accept combat training as part of the military. He was not of the actual combat team, but he would have learnt combat techniques that would allow him to deal with 2, 3 hoodlums.

 

However, he was subdued by a 16-year-old girl, stripped of his weapon, stepped upon, and had a gun pointed at the back of his head, all these without a chance to fight back at that instant. What exactly was the situation?

 

“I said it already, didn’t I? I’ve been indoctrinated with all sorts of ‘specific details’ regarding our products. That will include ‘the way to use them’, right? –Will you please be quiet for a while?

 

“Wh-Wha-what are you doing, you–ugh!?”

 

“Hey, didn’t I tell you to be quiet, dog?”

 

Marie spoke condescendingly.

 

It sounded completely natural, she was neither excited nor nervous.

 

These words, coupled with the feeling of the gun pointed at the back of the man’s head, eroded his will to resist.

 

The elevator shaft arrived at the surface.

 

The doors were opened along with the sound of air being exhausted. Standing in front of them was a hulking giant–Halter.

 

He peered inside, and patted his bald head.

 

And then, he spoke to the man Marie was stepping on sympathetically.

 

“You really suffered there. Well, just think of it as being bitten by a dog–”

 

“Stop yapping and hurry inside.”

 

“Right right. Pardon me.”

 

Once Halter entered the elevator, he pressed the descending button. It again sank below the ground, and after 10 seconds or so, was stopped forcefully.

 

While the elevator became a locked room, Halter tied the man’s limbs.

 

The man continued to struggle at this point, but a body of flesh and blood was powerless against the cyborg Halter, and he fell onto the floor, restrained.

 

Marie stepped on the man’s head.

 

“How about we make cries in all sorts of places?”

 

“–Ugh…”

 

The man still tried to struggle, but Marie would not budge her foot away from his head.

 

She smirked as she watched him in this state.

 

“Oh my, what is this now? You still intend to struggle? You look very delighted struggling like this, you pervert.”

 

“You seem to be in a good mood, Milady.”

 

“I loved to train dogs when I was young. Any large and stubborn dog would become cute and whimper whenever I leash them in the end.”

 

Just like this–Marie said as she grabbed the man by the collar, and the latter could only groan as he struggled with his head stomped on, his tie pulled.

 

“Speaking of which, did you bring the toy here, Halter?”

 

“Hm, I did…are you really going to use it?”

 

Halter frisked out a white syringe unwillingly.

 

There was a silver liquid of unknown nature.

 

Upon seeing this, the man’s face was contorted with fear.

 

“Wha…w-wait a sec! What’s that!? What’re you trying to inject me with!?”

 

“What exactly? Well, of course it’s a truth serum–”

 

“Wha–”

 

“–if only. We just so happened not to have it. Think about it, we’re just ordinary citizens after all.”

 

“What kind of ordinary citizens will act like you!?”

 

The man hollered.

 

He said something anyone would wholeheartedly agree in anguish, but Marie did not respond to his topic as she continued to grin.

 

“Actually, it’s mercury.”

 

“Mer-Mercury!?”

 

The man’s eyes widened as he gasped.

 

“Yeah. It’s the kind used for automata maintenance.”

 

“A-Are you, serious!? If you really inject that”

 

“You’ll die, right?”

 

Marie gave a cheshire grin.

 

“So what? It’s nothing amazing, isn’t it?”

 

“…”

 

The man’s face paled. His lips were tightened, and tears could be seen in his eyes. His limbs were tied tightly, and he was sweating profusely all over.

 

“Then, let’s decide the rules now, okay? I’m the master, you’re the dog. Answer with a woof no matter what question it is. How about it? Simple right?”

 

“Do-Don’t think you can get away with it–ack!”

 

Marie stomped on the man’s face hard.

 

“Hey, you should be woofing, right? Why don’t you understand such simple instructions? Are you making fun of me?”

 

“Th-This damned brat…!”

 

“Are you really hoping that I splatter that pitiful brain of yours? A mere nameless mook still dares to defy me? Know your place, mongrel.”

 

“Okay now, Milady, we’re getting off topic here.”

 

Halter spoke admonishingly.

 

He spoke in a friendly, compassionate tone to the man who was teary and bloodied on the nose,

 

“I’d say, bro, that Milady might be enjoying things now, but I’m different. I just want to ask about something. If you can tell me honestly, I’ll release you immediately. It’s a promise.”

 

“U…uu..”

 

“There’re two things I want to ask about, so listen up? ‘Where exactly is the anomaly occurring’, and ‘how much has the ‘military’ understood about the situation. Can you please tell me?”

 

“I-I can’t. I can’t say it.”

 

The man stared at Halter in the eyes, and shook his head timidly.

 

“I say, bro, don’t add on to my workload, will you?”

 

“I’ll be killed if I say it!”

 

“You rather let that Princess toy you to death?”

 

Halter raised his chin, and Marie readied her syringe delightedly.

 

“Here’s an advice. That Princess a real Sadist, you know? The female nobles born in France do seriously treat civilian males as mongrels.”

 

“I-I can’t do it.”

 

“Bro.”

 

“If I tell you that, my family that has escaped from the city will be killed by the ‘military’ too!!”

 

The man hollered as he sobbed,

 

“Da-Damn it! Just kill me already! I won’t say anything!”

 

“Hey, calm down bro–no, I should call you Mr Ryoji Nijama.”

 

“Wha…?”

 

The man was stunned to suddenly hear his name.

 

How does he know my name–the instant he shuddered, Halter smiled as he handed something to the former.

 

It was a small white plastic plate.

 

An ID card.

 

“!?”

 

“You just blurted out that they have already ‘escaped from the city’, right? Currently, there’ only a Nijima family that was originally from this city and has already left…we can confirm it in 15 minutes.”

 

“Halter, this guy’s useless. Just eliminate him already and switch to the next target. Ah right, don’t forget to kill his family in an accident or something.”

 

Marie commanded in an arrogant manner.

 

Halter shrugged, and placed the gun barrel upon the man’s temple.

 

“That’s how it is–sorry.”

 

“Wai-Wait! I understand! I’ll talk! I’ll say everything!”

 

“Everything?”

 

“Please let me say this, please…”

 

“Very good.”

 

Marie stared at this sobbing man with a cold look, and said,

 

“First question. Where’s the anomaly at.”

 

“At-At the 24th level.”

 

“The 24th…it’s rather deep. If I remember correctly, it’s where the air pressure and gravity controls are at, right?”

 

“Tha-that’s right…there’s a fatal malfunction in the air pressure control core…”

 

“Very good. You’ve become rather obedient–then, how much has the ‘military’ known?”

 

“We-Well…”

 

“There’s no need to ask, Milady.”

 

Halter said.

 

“They probably understood everything, and gave up on repairs before this. Though they knew where the all the anomalies are, they won’t provide any information, and even deployed their technicians away. That’s basically what happened, right?”

 

The man remained silent.

 

His attitude was the biggest proof.

 

“Oh…I see. In other words, our job is to save this city with 20 million people that the ‘military’ has given up on.”

 

“Ha–”

 

The instant Marie nodded and said this, the man chuckled, and sneered,

 

“Hahahaha! Try repairing it if you can.”

 

“–Oh, you’re being arrogant there, huh. Now you’re raising your nose once I treat you a little better. Don’t you know how to learn? Useless dog.”

 

“Ha–hahahahaha! There’s no way you can repair it!”

 

“Don’t lump us outstanding technicians with you incapable ones, okay?”

 

“Humph…I don’t know what kind of big shots you are, but there’s no time for that!”

 

“…What do you mean!?”

 

“Exactly what I said! This city’s going to be ‘purged’. 42 hours later!”

 

–‘Purged’.

 

This is to deliberately–collapse the city.

 

If the malfunctioning city could not be repaired, the entire city would be thoroughly abandoned to prevent the error from affecting the entire planetary function. This was what they called the ‘Triage’.”

 

“–Don’t spout nonsense here! If you’re going to abandon this city 42 hours later, how can you not issue an evacuation order!?”

 

“We did…long ago to the ‘military’ and government related personnel.”

 

“!”

 

Halter grabbed the man by the collar as the latter sneered, bellowing,

 

“You guys are just going to watch 20 million people die along with the city!?”

 

“Humph…you guys know more than anyone how many cities were purged due to maintenance failures, and you act all snobbish! The techniques you all are so proud of is basically refined through the sacrifices of many, no?”

 

“Shut your filthy mouth, you lowlife.”

 

Marie glared at the man, and growled,

 

“Right, we’re not omnipotent. There aren’t just one or two cities that are abandoned because we can’t save them–even so, we’ll try our best until the very end. I don’t think we can be compared to the guys who chose to protect themselves and abandoned 20 million people.”

 

“Huh! You’re saying that we never tried our best either!? Say it then, what’s the reason you appeared here so shamelessly? –Right, we’re intending to abandon this city because of stupid reasons, our superiors’ pride, the system! The reason why you’re here is no different!”

 

“!”

 

“What now? I struck the jackpot? ‘Meister Guild’? ‘Guild of Technicians without Borders’? Pretending to have kindly faces!? Those faces are definitely black if you cut them up! Fess up! Is that rumor true!?”

 

“…That rumor?”

 

“Don’t play dumb! I’m talking about the rumor where you guys deliberately destroyed a Core Tower and acted like you’re the experts! You guys caused that incident in Amsterdam 2 years ago, right!?”

 

“–”

 

Marie swung the syringe down.

 

The thick sharp needle entered the man’s chest, and he let out a shriek upon seeing this.

 

“ARGGH! Da-Damn it! You really injected it!? You mad brat!”

 

“It seems that you’re mistaken. Let me tell you.”

 

Marie spoke with the gloomy condescending look one would give to an ant,

 

“What our superiors intentions are, and what we did, none of it will change the fact that you guys, the ‘military’, abandoned 20 million people. There’s no reason to justify it.”

 

Shut up, you murderer…!”

 

“Also, stop being so petty with those filthy thoughts of yours. We’ll definitely save this city, this city the ‘military’ abandoned!”

 

“Ha, hahaha! Stop bluffing! There’s only 42 hours!? There’s no way you can repair it even with a hundred times of that time!”

 

“At that moment, I’ll just die along with this city.”

 

“What…?”

 

Marie looked away from the panting man, and said to Halter,

 

“There’s no time–let’s go.”

 

“Understood. What do we do with him?”

 

“Just do something. How about you throw him in the lowest level and let him die there?”

 

“Yo-You! That’s not what we agreed on! Hand me the antidote!”

 

“He’s just a useless dog we have to deal with in the end. There’s no need for him anyway, right?”

 

“A-Ahhh! Damn it! You intended this right from the beginning, right!? What genius, you bastard! Go and die, you slut!”

 

Halter’s sent a punch deep into his solar plexus.

 

The man winced in pain, and passed out. Marie merely watched on, and murmured,

 

“…He’s a Gazelle and he can’t distinguish between machine mercury and nanogear preserving liquid? I can’t believe such a person is in charge of maintenance.”

 

“It is harmless to humans after all, but there’s no reason to use it unless the human is made into a cyborg.”

 

Halter carried the unconscious man on his shoulder as he stood up. He activated the stopped elevator again, and spoke to a frozen looking Marie,

 

“You alright? You look tired.”

 

“It’s nothing. This isn’t much.”

 

Marie lowered her head as she answered.

 

She took a candy from her coat pocket, and stuffed it into her mouth.

 

“Leaving aside my matters, Halter, negotiate with the Breguet Family under my name to protect his family.”

 

“Understood.”

 

“Also, check on what the ‘Meister Guild’ intentions are in sending us here, as soon as possible.”

 

“I’ll try. Anything else?”

 

“Can you buy me some chocolate. Those sweet ones with caramel inside.”

 

“Hey, you’ll grow fat, you know?”

 

“Stop yapping. Buy me an entire box so that I can fill my stomach.”

 

She chewed on the candy and lifted her head,

 

“There’s no time for any meals.”

 

 

After hurrying to the workplace on the 3rd level, Marie shouted without even gasping for breath.

 

“Everyone, please stop and listen to me!”

 

The staff members who were at work lifted their heads at Marie, trying to understand the situation.

 

Marie scanned around at everyone’s expressions, and said,

 

“We’ve confirmed the location of the anomaly! The air pressure containment in the 24th level is malfunctioning! Everyone’s to move out immediately! Those arriving first are to hurry with the observations!”

 

The staff workers widened their eyes in shock, but got ready to leave immediately. The hall was buzzing, and the Technical Forces members standing in a corner were giving confused looks.

 

The mechanic chief Conrad appeared beside Marie without her knowledge,

 

“–That’s amazing, Meister Marie. How did you do that?”

 

“I just made a heartfelt ‘request’.”

 

“Oh, I see. Don’t force yourself too much.”

 

Chief Mechanic Conrad merely grimaced in a reproving manner, but Marie did not continue from this,

 

“Let’s not talk about this. We got to hurry–there’s only 42 hours left.”

 

These words caused the observation team to shout,

 

“What!? We can’t do anything in 42 hours!?”

 

“Even if we know where the anomaly is, it’ll take us at least a week to investigate the details of the error and test out all sorts of repair methods!”

 

“Do you want to scamper away instead?”

 

Green flames could be seen blazing in Marie’s eyes as she stared at her staff team.

 

“The ‘military’ has given up on repairing this place, and this city is to be purged. The unknowingly citizens are abandoned.”

 

“What…!?”

 

“Impossible! There must be a mistake–”

 

“No, wait, those guys might really do that! It’s the ‘military’!”

 

Marie’s rage had infected all the staff workers present, and the Technical Force personnel scampered away the instant they were basked amidst the dozens of scathing looks.

 

Marie clapped a few times, and yelled,

 

“If it really comes to that, I’ll be in charge of announcing the final evacuation. Let’s hurry first. We can’t wait a single second from now on!”

 

After this, they were moving at breakneck speed.

 

In 5 mere minutes, all the scattered equipment and large amounts of data documents were taken away.

 

Once the last worker left, Marie again scanned the now empty hall, and sighed hard.

 

She leaned her back on the wall, and slowly fell to the floor, cupping her knees together as she put her forehead on it.

 

Her arms were trembling.

 

The sensation of the syringe injecting lingered in her hand.

 

The sensation of the pistol, the softness of stepping on someone, the man’s vengeful words, everything

 

–I thought I could do everything.

 

As long as she gave the order, Halter would most likely take charge; this was his previous profession. However, she did not do so, for if it were her older sister, she would act without hesitation once she felt she had to do so. It was because she had to take action that she felt she had to act on her own will, at least by her own hands.

 

It was because of this thinking that she made the ‘inquiry’ just now–

 

But in the end, it was all a mess.

 

Injecting that syringe was an overboard on her part.

 

It was a meaningless action, merely meant to sweep aside the frustration. She merely enacted this violence based on her own emotions.

 

It was the anger against those with the responsibility to save 20 million lives, and who abandoned it.

 

And also…

 

“42 hours to repair it–? Impossible…how many trillion parts do you think are in there?”

 

It was her anger at herself, who bore the same responsibility as those people did, and tried to run away like them.

 

Her lips were trembling.

 

“Oh God…”

 

Marie never believed in God, or at least, she never believed in celestial entities created by humanity that were given names. She always believed in the rationality and knowledge of humanity.

 

But even with that, she experienced this sudden revelation, done when her mind was running at its limit, a mere meshing of small gears. She believed that on the other spectrum of the highly sensitive logic and spirit, there was an amazing existence humanity could not quantify.

 

She slowly lift her head, and stood upright.

 

“–I got to go…anyway, I can’t waste a single second now.”

 

For the grace of fate would only descend upon those who gave their all.

 

She wiped away something seeping from her eyes, and proceeded to the 24th level as well.

Contribua com a Novel Mania!