UD – Capítulo 74 – Festa, Embaixadores, Harém, Crianças e Vinho?



74. Festa, Embaixadores, Harém, Crianças e Vinho?

 
Atualmente, eu estou sentado junto com Carne e Mawu em uma mesa. Nós arranjamos um grande salão em meu palácio de cristal para cerca de sessenta pessoas. A maioria só embaixadores e seus confidentes.

Eu estava preocupado sobre o Carne. Mas não mais. Olhando para ele, eu acredito que seja muito improvável que ele esteja sendo manipulado pelo Conselho por detrás das cortinas….

“Nós somos colegas governantes não somos? Então por que você só tem uma mulher!? Não há um mundo inteiro delas pra você?” Carne dá outro gole de seu vinho caro, enquanto tenta segurar as quatro garotas, que são suas confidentes.

Carne tem cabelo azul-aço e parece com um humano mediano em seus trinta. Estranhamente, ele poderia se passar por um vizinho qualquer, se não fosse por suas roupas berrantes.

Ele é um idiota! A comunidade dele deveria ser chamada de Harem do Carne ao invés de Império Carne! Por que essas garotas ficam com ele? Não pode ser por esse alcoólatra ser um príncipe encantado.

“Mas eu tenho que admitir que sua esposa é um artigo bastante quente, se eu achasse alguém como ela, eu podia ficar monogâmico por um tempinho também.” -Carne

Eu sorrio para ele. “Se você ao menos olhar para ela, você vai deseja voltar para os tempos em que era um mortal.” Por que eu disse isso?

“Aw! Qual é. Não seja tão amarrado!” -Carne

“É rude dizer algo assim pro seu anfitrião.” -Garota número um
“Sim querido, não faça uma baderna aqui.” -Garota número dois.
“Sim. Sim. Meus passarinhos adoráveis! Carne nunca faria algo para fazer uma mulher triste!” -Carne

“Talvez suas namoradas sejam as verdadeiras governantes da comunidade na realidade.” Mawu dá um gole em sua bebida e fecha seus olhos para saborear o gosto.

“ISSO! Não pode ser descartado!” Carne aponta para o céu e faz uma pose cômica.

“De volta ao tópico. Você tem certeza que os Membros do Conselho, que caíram em suas mãos, não sabem o que está acontecendo?” -Mawu

“É infeliz, mas é verdade. A mente da Enyo está torrada. Depois de olhá-la por um bom tempo os curandeiros se certificaram disso. É o mesmo para a alma do El Shaddai. O fato de eu ter explodido ela em pedaços não ajudou realmente. Após nós juntarmos ela de novo, não havia muito mais a fazer além de libertá-lo como um mortal de novo.” Eu dou de ombros.

“Hoh? Você libertou ele!?” -Carne

“Ele foi renascido em um mundo medieval como uma escrava.” Eu dou um gole em minha bebida enquanto os outros me encaram.

“Eu estou certo de que você teve uma mão nisso?” -Mawu

“Karma é uma vadia. Me fazer nervoso também não ajudou.” Eu sorrio viciosamente para eles. “Quanto ao Tjenemit.” Eu tiro o globo Tjenemit e o mostro para eles.

-Eu contei tudo ao mestre, eu juro!- 
-Este indigno não sabe nada mais do que ele já disse.- 
-O lixo está pronto para ser redimido reencarnando como um mortal.- 
-A graça de deus seria ilimitada se este tivesse permissão para morrer e reencarnar como um mortal.- 
-Forjar o caminho para a salvação para este seria a maior piedade.- 
-Este aqui espera o fim de s. 

Eu pus o globo de volta em meu bolso. “Como vocês podem ouvir, ele não é realmente útil. Ele não foi influenciado por aquela coisa do buraco negro. A mente dele ainda está intacta. Apesar de eu não entender a razão disso.”

“Você, cara! Conhece uns feitiços malignos! Eu nunca teria imaginado ver um membro do Conselho implorando para retornar para o ciclo de vida e morte. E nós realmente precisamos de um nome melhor para aquela coisa do buraco negro. Calamidade não chama realmente a atenção também. Aqueles Ascendidos tinham péssimo senso para nomes.” Carne me saúda com sua taça.

“Aquilo não soou como se a mente dele ainda estivesse intacta. Mas eu entendo seu ponto. E sobre o nome, que tal Fusor de Mentes?” -Mawu

“Complicado demais.” Carne coça sua bochecha. “Que tal só Fusão? É um conglomerado de almas, que estão fundidas.” -Carne

“Eu não me importo realmente com o nome. Desde que nós tenhamos a mesma opinião sobre como lidar com ela.” -Eu

“Esmagá-la à vista!” -Carne

Mawu assente e aproveita outro gole de seu vinho. “Eu poderia ficar viciado nesse vinho. Onde você conseguiu?”

“É uma criação bastante cara de um vinícola muito bem conhecida neste planeta. Bebê-lo todo dia me faria um cara pobre antes que percebesse.” -Eu

“Eu ainda preciso arrumar parte disso para minha coleção.” Mawu dá outro gole.

Olhando ao redor, eu encontro a Celes com o embaixador do Pacto Gaian, que é uma velhota ranzinza com cabelos brancos.

Eles estão juntos com o embaixador da Unidade, que é um cara estranho. Ele decidiu alterar seu físico ao ponto em que você poderia pensar que ele está à beira de morrer de inanição. As listras azuis e vermelhas das veias estão visíveis em sua pele quase branca.

Deuses são frequentemente um bando de excêntricos e eles gostam de expressar isso usando feitiços para mudar suas aparências, mas esse cara supera a maior parte dos extremos que eu conheço.

Provavelmente eles estão falando sobre a melhor aproximação para criar outro planeta de deuses.

O embaixador da Comunidade Arcana está desinteressadamente escutando eles. Ele se parece com um ciborgue saído de um filme ruim. Seu braço direito é completamente mecânico e vapor sopra de dois tubos de escape em suas costas.

Pelo menos o resto dele parece relativamente normal.

A garota que está falando pelo Caminho está conversando com alguns caras que pertencem a várias outras, e menores, facções. Ela parece muito jovem. Só doze ou treze anos no máximo. Muitos deuses gostam de esconder suas idades, mas ela exagera.

De repente, alguém puxa minha manga e eu me viro.

“Papai! Posso ir pra casa da Sandra e brincar com os quíntuplos?” Seria me olha.

“Kyaa! Tão adorável! Essa é uma das crianças dos rumores?” -Garota número quatro
“Carne! Eu quero uma também!” -Garota número dois

Gotículas de suor estão se formando na testa de Carne. “Isso não é tão fácil…”

“Quantos anos você têm?” A garota número três se agacha para Seria.

“Mês que vem eu farei oito e meu irmão tem nove.” Seria dá a elas seu sorriso de princesinha adorável. É claro, eu sei que isso é completamente falso! Ela ainda é uma cobra falsa. Quando ela crescer eu terei muitos problemas com os namorados dela. Isso é certo.

“Kyaa! Carne! Nós precisamos de uma assim!” Garota número um

“Isso não é tão fácil!” A face de Carne se distorce um pouco.

Ele soa como um disco quebrado. Mencionar crianças fritou o cérebro dele?

Kukuku…. Um harém é muito desejável desde que você não tenha que lidar com crianças, certo? Bem, surpresa! Neste planeta crianças estão inclusas na relação! É isso o quanto vale sua conversa estúpida sobre mim e mais mulheres hmm?

“Na verdade isso é muito fácil! Vocês só têm que esquecer sobre o controle de natalidade e transar com ele. Depois vocês ficam nesse planeta por cerca de duas semanas. Isso deve ser tempo o bastante para uma alma se agarrar ao feto.” Eu sorrio para as damas, cujos olhos estão começando a brilhar. “E se você quiser ter certeza, vocês devem procurar minha esposa e conseguir alguns dos chocolates dela para dar pra ele.”

Carne me olha como seu eu tivesse acabado de martelar o último prego no seu caixão.

Então eu me viro para Seria. “E onde está o seu irmão?” Eu olho ao redor com uma expressão preocupada.

“Ele foi praquela garota. Ele disse que gosta das mais velhas!” Seria aponta para a embaixadora do Caminho. A embaixadora está olhando com uma expressão perturbada para o Aengus que está falando com ela despreocupadamente. Talvez ela reflita sobre sua aparência no futuro?

“Talvez você deva se juntar a ele e a garota. Ela é uma estranha e está um pouco solitária nessa festa. Seria uma grande ajuda Seria.” Eu afago a cabeça da minha filha.

“Sério? Sem problemas papai! Nós vamos mostrar a ela como se divertir! E eu vou te apresentar aos quíntuplos alguma outra hora Sr. Mawu. Da última vez que eu tentei, você simplesmente desapareceu sem motivo aparente.” Seria corre para a direção da embaixadora.

“Você… é um homem maligno.” Mawu sorri para mim enquanto a metade esquerda de sua face espasma um pouco. Parece que ele ainda lembra de sua longa e completa discussão com a Seria sobre deuses e o mundo , e de onde vêm as crianças.

Ele não percebeu que a Seria só estava brincando com ele e sabe perfeitamente as respostas para essas perguntas. Mawu caiu sob a presunção de que Seria e Aengus são como crianças normais de mortais.

Então eu desvio meus olhos do Aengus e Seria, que estão importunando a embaixadora do Caminho.

“Huh? Pra onde o Carne foi?” O governante do Império Carne desapareceu”

“Enquanto você olhava pro outro lado, as quatro confidentes dele o carregaram como uma vaca em seu caminho para o matadouro.” Mawu dá de ombros e dá outro gole.

“Hah! Nós não veremos ele antes de amanhã então.” Eu dou um largo sorriso enquanto vejo uma das garotas do Carne saltitando em direção a saída. Ela tem uma caixinha muito familiar em sua mão e está cantarolando algo.

“Você é um homem maligno. Eu estou me repetindo… . Você acha que ele vai começar a amaldiçoar seu harém?” -Mawu

“Isso é certo. Isso é certo.”  Eu rio ironicamente enquanto penso sobre isso.  “Talvez uma ou duas delas tenham gêmeos ou trigêmeos?”

“Você está esboçando uma imagem muito negra pro futuro dele.” -Mawu

Nós continuamos a beber vinho e conversar sobre tudo de interesse por entre o multiverso.


Tradutor: Batata Yacon   |   Revisor: Heaven   |   QC: BravoEd



Fontes
Cores