UD – Capítulo 64 – Rebelião?



64. Rebelião?

“Sai, Seria!” Isso já é demais! Eu estou me tornando uma chacota!

“Não quero! Eu tenho que aproveitar cada momento enquanto eu ainda posso!” Seria está montada nos meus ombros e está usando meus chifres como volante…. de novo.

Várias pessoas estão me olhando. Eles estão tendo dificuldade em conter os risos. Estou dentro do centro de comando da Ragnarok. É uma das nossas três fortalezas voadoras. As outras foram nomeados Guardiã e Nômade. Nômade se juntará a nós nessa jornada, enquanto a Guardiã ficará para trás.

“Eu ainda não consigo acreditar que a Celes te deixou se juntar a essa campanha!” -Eu

“Talvez eu me lembre de algo importante! E eu também tenho que cumprimentar a Lada!” -Seria

“Você tem realmente certeza que Lada está do nosso lado?”¹ Eu ainda duvido disso. Ela é uma membro do Conselho afinal de contas.

“Tenho certeza! A memória é muito recente e ela sempre foi uma boa garota e uma amiga…”- Seria

“Sua palavra em meu ouvido…     Comunicação. Diga a Nômade para acionar seus motores. Tempo de voo planejado: nada!” E rio enquanto dou as ordens.

A primeira coisa que eu fiz quando engenhei a fortaleza foi dar a ela a habilidade de usar os caminhos. Essas coisas seriam bem inúteis caso contrário. Elas ficariam presas neste mundo. Ninguém precisa de um tanque que não pode se mover.

Eu sinto o pulsar mais rápido de energia através de minha cadeira de comando. Esta tecnologia é realmente maravilhosa, mesmo para um deus. Antes de eu me deparar com os cristais-de-mana, eu me sentia como uma bárbaro sem um pau.² Os cristais são para nós, como metal para os mortais.

“Eu ainda estou preocupado com a Esfera de Visão. Eles serão capazes de saber cada passo que dermos uma vez que estivermos fora do vazio.” -Seria

“Saber das capacidades deles é uma grande ajuda para nós. Apenas lembre-se de manter sua boca fechada sobre informações vitais. E mesmo se eles puderem nos espiar, não é problema. Nosso curso de ação não vai mudar. Primeiro nós vamos visitá-los e dar uma olhada em suas forças. Se eles forem muito mais fracos, nós os esmagaremos. Se eles estiverem fortificados muito fortemente, nós vamos saltitar pelo multiverso e causar problemas. Com informação o suficiente, o reinado deles deve terminar em breve.” Eu respiro fundo para limpar meus pensamentos.

Estou a bordo da Ragnarok com a Seria. Nicosar e Celes também estão a bordo. A Nômade é comandada por Arthur, e ele tem Drem, Tanja e Sven com ele. Ambas as naves estão tripuladas com pessoas fortes e confiáveis.

“Você percebe que tudo isso é culpa sua, Seria!?” -Eu

“Booo. Foi a eu passada que armou isso. E se não o fizesse, todos vocês iriam sofrer em um lugar escuro e cruel. Então você deveria estar feliz pela chance de mudar seu destino!” -Seria

Eu inclino minha cabeça enquanto olho para a grande tela diante de mim. Ambas as fortalezas estão ascendendo a uma altitude maior. Se nós saltássemos para fora da atmosfera acima de Midpoint, nós destruiríamos nossa própria cidade.

Imagine se um volume de vários milhões de toneladas de ar simplesmente desaparecesse deixando para trás um vácuo? Um deus é capaz de usar um caminho de forma mais refinada. Mas as fortalezas usam o método bárbaro de simplesmente sair de uma realidade, para entrar em outra.

Todas as nossas três fortalezas são iguais. Elas são longas estruturas lisas de múltiplas formações cristalinas. Elas não parecem naturais, mas ao mesmo tempo você pode dizer que elas não são pura tecnologia também.

As fortalezas tem cerca de seis quilômetros de comprimento, um em altura e dois em largura. Ambas são tripuladas com uma tripulação de cerca de vinte e cinco mil pessoas. Além dos escudos e armas,  a parte mais importante das fortalezas são seus campos de amortecimento.

Quando percebemos que teríamos que lutar uma guerra entre deuses, nós ficamos perdidos. Como seres com habilidades de teleporte e quase indestrutíveis deveriam lutar uns com os outros?

Seria um caos estúpido de lutas um-a-um? Todo mundo é capaz de teleportar na formação inimiga a vontade.

Margerie nos salvou de tal destino com os campos de amortecimento. Eles são a mesma tecnologia que nos permite usar um caminho com a fortaleza. Mas ao invés de usar um caminho para ir de um ponto ao outro, o campo de amortecimento fecha os caminhos.

Agora nós temos um agradável espacinho ao redor da nossa fortaleza, que está salvo dos teleportes inimigos. Se Margerie não tivesse inventado algo assim, nossa fortaleza seria inútil. O Conselho poderia simplesmente abordar nossas embarcações e nós teríamos que lutar com eles do jeito tradicional.

E elas também não serão explodidas do céu, como minhas antigas fortalezas.

É claro, nós também pensamos em muitos outros cenários. Para dizer a verdade, eu acho que nós ainda somos novatos. Nós nunca lutamos uma guerra entre deuses. Eu não tenho quase ideia nenhuma de como a realidade parecerá.

Provavelmente os únicos que têm uma ideia de como lutar é o Conselho. Eles têm um exército experiente, ao contrário de nós. Claro que nosso povo também não é inexperiente. Nós lutamos entre nós por tempo o bastante. Mas nós nunca lutamos uma guerra entre deuses, isso é território novo para nós.

Eu espero que o exército do Conselho tenha enferrujado durante a eternidade de paz sob o seu domínio. Eles não deveriam ter tido muitas chances de treinar suas habilidades.

“Estamos prontos para o salto, sua Majestade!”

A voz de um técnico me desperta de meus pensamentos. “Ativem o motor.” Eu ordeno com uma voz fria.

Após uma curta sensação de gravidade zero, ambas nossas fortalezas reaparecem acima de um certo planeta.

Este lugar é chamado “o Centro de todas as coisas”. Um sol azul está dançando com um buraco negro.  Ao redor deles viaja um mundo de Cristais. E neste mundo está a cidade do Conselho.

Nós reaparecemos bem acima de suas cabeças. Perfeito!

“Comecem a descer e iniciem o bombardeio para acordá-los.” Eu inclino-me em minha cadeira para assistir o inferno. Nossas fortalezas estão desencadeando incríveis poderes. Lanças de energia disparam na atmosfera e orbes de luz uivam planeta abaixo.

Infelizmente, isso não será nada além de um cumprimento. Eu sei pelo Tjenemit que o Conselho possui a tecnologia para proteger sua cidade. Combinada com seus cristais-de-mana, eles devem ter energia mais que o bastante para parar nosso ataque.

Por outro lado, nós temos uma carta oculta. Ninguém tem permissão de falar dela até que tenhamos a chance de discutir a situação com o Conselho.

Descendo através das camadas de nuvens, eu recebo uma boa visão da Cidade do Conselho. É maravilhosa de se ver.

Torres menores de cristais se entrelaçam umas com as outras e no meio, uma única torre fina de cristal quase perfura as nuvens.

Como eu assumi, nossas armas não estão fazendo muito ao escudo deles. Está brilhando um pouco. Isso é tudo.

***

A Cidade do Conselho:

“De onde aquelas coisas vieram!?” El Shaddai grita com toda sua força, enquanto o chão treme um pouco sob nossos pés.

Eu olho para as duas belas naves acima. Elas são feitas de cristais-de-mana como nossa cidade. Se não fosse pelo sacudir do chão sob meus pés, eu não acreditaria que a finalidade delas era mortal.

Seria. O que você libertou?

“Maravilhoso! Eles copiaram a tecnologia dos cristais! Eles até são capazes de construir naves!” Os olhos de Amaru brilham como se ele tivesse acabado de encontrar um brinquedo novo.

“Nesse ritmo, eles nunca serão capazes de passar pelo escudo.” Enyo inclina a cabeça enquanto olha para cima. “Enviem as tropas de infiltração. Eles são estúpidos de construir algo assim.”

Um General no lado de Enyo assente e começa a dar ordens para os outros.

Os outros não estão dentro da cidade. Há muito trabalho a se fazer mesmo se você tiver que governar o multiverso.
Eu olho para meus pés. Eu terei que decidir logo…

De repente, uma explosão razoavelmente grande fende a barreira acima de nós, mas ela é instantaneamente restaurada. Nossa cidade tem reservas de mana quase ilimitadas.

Na verdade, Amaru me explicou que a cidade é de certa forma capaz de explorar o fluxo de mana dentro do planeta em si. Isso é um imenso poder.

Alguns minutos se passam, então o general de Enyo recebe uma nova informação. “Nós perdemos as tropas de infiltração”.

“O quê? Como?”- Amaru

“Aparentemente todos os caminhos para as naves estão bloqueados. Nossas tropas tentaram chegar lá, mas eles perderam a conexão com o caminho  reapareceram a alguns quilômetros das naves. Eles imediatamente foram pegos sob fogo. Apenas um punhado pôde escapar.”

“Incompetência”! Enyo grita com o general.

Neste momento o bombardeio para e uma alta voz explode sobre a cidade.

“Nós somos o Vazio. Saiam de sua cidade e escutem nossos termos. Se vocês não resistirem, isto não tem de acabar com a suas reencarnações… Não querida! Não é como se eu quisesse assustá-los….. Não! Eu estou tentando fazer uma  impressão!….. Não! Você não pode pegar o micro… schrrccrrrcrrrr……… ……..Encontre-nos cinco mil metros acima de sua cidade. AGORA!” 

Eu me viro e olho para El Shaddai, que esta assumindo todos os tons de cinza e prata.

“Isso é uma piada? Eles não estão nos levando a sério!? Eles estão dando condições? A NÓS!” -El Shaddai

“Nós devemos ir e falar com eles.” -Amaru

“Eu irei!” El Shaddai cospe no chão. “Eu irei e direi a eles o que vai acontecer se eles não se renderem agora!” Ele pisca para fora da existência.

Eu me concentro também e busco o espaço aéreo acima da nossa cidade. Quando eu encontro uma forte fonte de mana, eu teleporto também.

Eu reapareço no ar. Amaru e Enyo já estão ao lado de El Shaddai.

Na nossa frente estão duas pessoas. Um homem e uma mulher.

O cara tem um cajado de cristal em sua mão esquerda. Suas ameaçadoras pupilas fendidas parecem estar olhando através de nós. Ele está vestindo uma estranha armadura, o que o faz parecer uma mistura de cavalheiro e mago. Em sua cabeça está uma coroa e o curto cabelo negro enfatiza o metal dourado. Dois chifres negros crescem de sua cabeça, indo para trás para completar a aparência de um diabo!

A mulher ao lado dele tem um cabelo vermelho ardente, que está fixado em posição com vários grampos³ de cabelo ornamentados feitos de cristal. Ela parece com uma Súcubo e tem uma aparência muito sedutora. Só as asas estão ausentes. Ela está vestindo uma versão feminina da roupa do cara. Uma saia cortada4 mostra uma de suas pernas e uma cauda lentamente balança da esquerda para direita atrás dela. Em sua cabeça estão dois chifres ramificados, que a cercam como uma tiara.

Mas a coisa mais estranha é a garotinha montada nos ombros do cara. Ela parece com uma versão pequena da súcubo. E então a menina acena para nós e fala.

“Oi, pessoal! Você gostaram de nossos pequenos cumprimentos? Lada! Quanto tempo! Como você está!?”


Tradutor: Batata Yacon   |   Revisor: Heaven



Notas:
1.  Que vontade de fazer uma piada infame que nem acontece com a Seria. Essa história é uma mina de piadas infames em br.

2. Pelo amor dos deuses gente! Isso é pau no sentido de madeira/galho de árvore/tc… Não pensem em merda.

3.  Eu sei que traduzi isso antes como presilha, mas depois do inferno que passei, por acidente acabei descobrindo que era grampo mesmo. Vou tentar mudar nos antigos quando tiver tempo, e passarei a usar grampo daqui pra frente.

3. Saia Cortada. Eu não consegui lembrar o nome certo, se alguém souber me indique. Mas me refiro a isso aqui.


Fontes
Cores