UD – Capítulo 56 – Interlúdio – A Esfera de Visão



56. Interlúdio – A Esfera de visão

“E você tem certeza de que você não sabe de nada da Seria? Você teve mais contato com ela, Lada.” El Shaddai está caminhando por um longo corredor comigo.

“Não? A última vez que eu a vi, ela de repente teve alguma coisa urgente e correu? Eu nunca mais a vi desde então.” Eu respondo verdadeiramente a El Shaddai.

Ele anui e nós caminhamos em silêncio até chegármos em um cômodo com uma esfera giratória feita de cristal no centro. Amaru também está lá. Ele veste roupas simples e parece mais com um professor de universidade. Ele está polindo seu monóculo no momento, o que costuma fazer quando encontra um problema.

Diante de nossa entrada ele se vira em nossa direção. “Bom, vocês estão aqui! Tjenemit desapareceu!”

“O que você quer dizer… ele desapareceu?” El Shaddai tem um perigoso tom em sua voz enquanto ele interroga Amaru.

Eu franzo meus lábios e escuto o evoluir da conversação.

“Como eu disse. Eu não consigo encontrá-lo mais com minha Esfera de Visão. É como se ele tivesse… sumido?” Amaru joga as mãos ao ar. É raro vê-lo dessa forma.

“E a Seria?” – El Shaddai

“Eu não consigo encontrá-la também. A última coisa que eu descobri foi que ambos entraram no vazio, mas nenhum saiu de novo. Então houve essa… reação.” Amaru pondera sobre a bolha de cristal giratória. É uma de suas maiores criações.

É a Esfera de Visão e é a base do poder do conselho. Com ela nós somos capazes de rastrear o despertar de cada deus e procurar por todos que quisermos procurar. É o dispositivo de espionagem definitivo.

Infelizmente… ou felizmente a zona vazia da Seria é um ponto negro no mapa. Até mesmo para o Amaru.

“Que reação?” – El Shaddai

“Veja. Logo após Tjenemit entrar no Vazio, houve um estouro de poder. Como se centenas de milhões de deuses despertassem ao mesmo tempo. Tem que ter sido um erro no sistema.” Amaru sacode sua cabeça.

El Shaddai sacode sua cabeça.

“Nããão…. A Esfera funcionou sem problemas por uma eternidade. Por que ela nos falharia de repente sem razão aparente? Tjenemit estava certo. Seria realmente tinha todos aqueles deuses escondidos de nós. Ela é responsável pelos desaparecimentos. Apesar dela ter aparentemente coletado muito mais seguidores do que nós jamais imaginamos. Nós temos que nos preparar.” El Shaddai coça sua bochecha enquanto ele olha absorto para a esfera.

“Não deveríamos esperar até o Tjenemit voltar e relatar a situação para nós?” Amaru pegunta com uma voz esperançosa.

“Bwahaha!” El Shaddai estoura em risos. “Tjenemit não vai voltar! Seu dispositivo funcionou perfeitamente bem.Ele foi sozinho ao vazio e de alguma forma causou o despertar dos seguidores da Seria. Então eles lidaram com ele, de um jeito ou de outro.”

Amaru fica um pouco preocupado. “Mas ele é um membro do Conselho! Certamente ele não iria…”

“Você conseguiria vencer contra um milhão de deuses? Mesmo se eles fossem fracos e acabado de se tornarem deuses? Você nunca teria uma chance contra milhões deles! E você disse que a reação foi grande o bastante para centenas de milhões!” – El Shaddai

Eu olho para o chão enquanto penso sobre isso. Então eu estava certa, Seria realmente tinha aquela poderosa força sob sua manga.

“O que você acha Lada? Ainda é da opinião que teria sido melhor conversar?” El Shaddai me dá um riso afetado.

“Como você disse. Tjenemit foi lá em começou isso. Agora existem quem sabe quantos deuses existem fora da coleira e nós não temos como controlá-los. Nós não podemos entrar no vazio e aparentemente eles não podem sair. Senão eles já estariam batendo na nossa porta. Então me diga você, se conversar sobre a situação com a Seria poderia ter levado ao uma situação pior.” Eu sorrio ao El Shaddai com uma pequena sensação de superioridade.

Mas ele não me responde e deixa o cômodo….. provavelmente para reunir um exército.

Amaru terminou de polir seu monóculo e o coloca de novo.” Isso certamente pressagia tempos difíceis. Eu vejo guerra no horizonte.”

Eu ergo uma sobrancelha. Obviamente ele tem o mesmo pensamento que eu. “O que você acha que acontecerá se for verdade?”

Ele dá de ombros enquanto observa a esfera. “Nós controlamos o multiverso. O número de deuses que nós temos sob nosso comando não é pequeno e corresponde a população de vários mundos. Mas nós temos controle só porque todos estão embutidos no sistema. E se eles de repente perceberem que existem lados a se escolher?”

Após um segundo de silêncio ele continua. “Se nós conseguirmos esmagar esses rebeldes rápido, nós podemos ser capazes de manter o controle. Mas cada dia lutando sem derrotá-los vai dar aos nossos seguidores mais tempo para perceber que eles podem simplesmente se virar e esfaquear na direção contrária. Isso depende unicamente do que esse novo poder vai representar.”

Ele se vira para mim e olha diretamente em meus olhos. “De qualquer maneira. Isso certamente será uma época problemática.” Lentamente, ele esmaece e some.

Eu suspiro enquanto olho para a esfera e contemplo sobre o futuro e o meu papel nele.


Tradutor: Batata Yacon   |   Editor: Heaven



Fontes
Cores