SSN – Capítulo 64 – Grito de Pyongyang (4)


Che-haesol estava na espera.

Os olhos de Woojin se arregalaram quando ele a viu. No momento que ela o viu, ela se ajoelhou.

“Huh? Por que você está agindo desse jeito?”

“Por favor, escute o meu pedido.”

“O que é?”

“Mesmo que seja somente uma hora, você poderia descansar um pouco antes de voltar?”

“O quê?”

Toda vez que ele saia da Dungeon a Tenente Haesol tentava agarrar ele. Mas ela grudou nele um pouco mais desesperadamente hoje.

“Aff. Eu disse que eu estou bem.”

“O clima político agora não está bom. Por favor, pense sobre sua terra natal e descanse um pouco.”

Do que diabos ela estava falando? Quando Woojin entortou a cabeça confuso, Haesol olhou os arredores, então ela se aproximou de Woojin para sussurrar no seu ouvido.

“A Coréia do Norte quer divulgar extensivamente esse ataque bem sucedido da Dungeon. A Coréia do Sul quer transformar isso em uma atividade conjunta das Duas Coreias.”

“Então faça isso.”

Woojin tinha uma expressão de “E dai?” no seu rosto.

“Por favor, venha comigo.”

“Eu tenho que voltar para a Dungeon. Você toma de conta da política.”

Che-haesol estava a ponto de chorar.

A pessoa mais importante nesse procedimento não estava mostrando o rosto de forma nenhuma. Ele não podia pelo menos tirar algumas fotos com as outras pessoas?

Woojin decidiu ser gentil com a situação de Che-haesol, então ele decidiu tirar uma hora do cronograma dele.

“Aff. Isso é bem cansativo.”

O Palácio Memorial ficou agitado quando eles ouviram que Woojin estava vindo.

Os oficiais de alta patente da Coréia do Norte e o time de negociação da Coréia do Sul se juntaram no salão de banquetes. Vários deles tinham expressões irritadas, já que eles estavam esperando Woojin por duas semanas. Mas aquilo não incomodava Woojin nem um pouco.

Varias iguarias tinham sido preparadas de uma forma grandiosa no salão de banquetes. Woojin comeu um pouco, então ele se levantou com Kim Jong-un e o representativo do time de negociações da Coréia do Sul e tiraram algumas fotos.

“Por favor, sorria mais um pouco.”

Escutando o pedido do repórter, Woojin sorriu exageradamente. Os oficiais de alta patente Norte Coreanos ficaram ainda mais irritados quando eles viram aquilo.

“Bem, eu estou muito ocupado, então vamos terminar por aqui.”

Woojin estava para sair quando um major o parou. Ele era um guarda-costas afiliado com o Departamento de Segurança.

“Camarada. Por favor, assine seu nome aqui para mim.”

Woojin olhou sem expressão para o papel branco na mão do guarda.

“Você é o maior Desperto da Coréia do Sul. Seria uma honra ter a sua assinatura.”

“Eu estava imaginando o que você queria.”

Woojin sorriu então ele assinou seu nome no papel.

“Boa sorte.”

“Obrigado, camarada.”

Quando o guarda recebeu a assinatura dele, ele soltou um suspiro aliviado. O guarda até olhou secretamente na direção de Kim Jong-un para dar uma piscadela para ele.

Woojin sentiu que tinha alguma coisa errada, então ele conjurou Ggaebi.

‘Ggaebi. Você está vendo aquele porco ali?’

‘Estou vendo, mestre. ’

‘Tente entrar na sombra dele. ’

‘Koo-kook. Finalmente, minha primeira missão na terra. ’

Ele sentiu Ggaebi sair de sua sombra. Ggaebi secretamente entrou na sombra de Kim Jong-un. Quando Ggaebi entrou na sombra dele, ele iria ser capaz de experimentar a experiência dos movimentos e sentimentos do hospedeiro.

E mais, quando ele retornasse para Woojin, Woojin iria poder experimentar o que Ggaebi experimentou.

“Vai ser apertado.”

Ele só tinha mais um dia para usar a Dungeon. Se ele quisesse ganhar mais um pouco de Pontos de Conquista, ele teria que se mover mais rapidamente.

Um homem com traços angulares estava observando Woojin quando ele desapareceu do salão de banquetes.

O Comandante das Forças Sobrenaturais da República Ri-pyunggahn.

Outro homem se aproximou dele e sussurrou calmamente para Ri-pyunggahn.

“Comandante. Estamos prontos. Você tem certeza sobre isso? Você realmente quer enfrenta-lo de frente?”

“Continue com a maior furtividade possível.”

“Entendido.”

Quando o homem que ele ordenou desapareceu, ele soltou uma gargalhada maníaca.

“Aquele bastardo se atreveu a fazer piada com a República.”

Um mero Desperto da Coréia do Sul estava sendo metido dentro do coração da Coréia do Norte. Ele estava extremamente infeliz com aquilo. Ele também se incomodava com o fato de Woojin estar com um rosto sempre altivo e não mostrar nenhum respeito para com o presidente.

O presidente admirava os Despertos.

Ele tinha estabelecido as Forças Especiais Sobrenaturais Norte Coreanas. A população de Despertos deles era pequena, então quando uma Dungeon Reinicializava, eles tinham que receber ajuda da China. A perda deles era bem substancial.

A China estava minerando Ouro no jardim deles e ainda assim eles não podiam evitar que aquilo acontecesse. Para finalizar aquela Dungeon de 6 Estrelas, eles tinham enviado um time de Despertos que eles tinham cultivado ambiciosamente.

O time tinha dois Ranks A e oito Ranks B.

O grupo representava quase metade dos Despertos de Rank alto na Coréia do Norte. A República até tinha dado a eles duas Pedras Portais, e ainda assim todo o time tinha sido dizimado. Ninguém sabia o que tinha acontecido com eles.

Já que eles tinham morrido antes que eles pudessem usar a Pedra Portal, eles não tinham qualquer informação sobre a Dungeon. E mais, eles tinham perdido os Despertos que eles tinham cultivado com tanta dificuldade.

De repente, a confiança nas Forças Especiais Sobrenaturais foi perdida e a posição do Comandante Ri-pyunggahn foi abalada.

Somente com as forças Norte Coreanas, eles não conseguiram nem finalizar uma Dungeon de 6 Estrelas. E mais, eles ainda tinham que se preocupar com a Ruptura da Dungeon. A China ignorou a Coréia do Norte e as outras nações do mundo também os ignoraram.

No final das contas, um Desperto esnobe da Coréia do Sul veio atacar a Dungeon. Ri-pyunggahn tinha rido daquilo na época. Mas Woojin conseguiu finalizar a Dungeon em três dias, ele adquiriu uma sensação de crise.

Ele sabia que o presidente estava tentando satisfazer o Desperto chamado Kang-woojin. Se ele se juntasse para a República, então seu posto como Comandante das Forças Sobrenaturais estaria em risco.

A Dungeon já tinha sido finalizada, a negociação em como ela seria dividida tinha sido resolvida. A Coréia do norte ainda tinha Despertos de Rank A e várias dezenas de Rank B competentes.

A primeira finalização era difícil, mas os ataques subsequentes eram bem mais fáceis. E mais, eles tinham conseguido descobrir uma quantidade significativa de informações sobre Dungeons das conversas de negociação.

‘Aquele filho da puta. ’

Já que a caça tinha terminado, estava na hora de abater o cão de caça.

Woojin era capaz de solar uma Dungeon, mas no final ele ainda era um humano. Se um Desperto fosse atingido por uma bala ou por uma explosão então a morte era inevitável.

E se aquilo acontecesse dentro de uma Dungeon, então não teria nenhuma evidência. Uma pessoa ainda podia usar instrumentos feitos na Terra na Dungeon Externa.

‘Ele irá se tornar o fertilizante para o crescimento do nosso forte, prospero e glorioso País. ’

Tudo que ele tinha feito foi com a intenção de tornar o seu País mais forte e próspero. O presidente teve uma breve falha de julgamento. Aquilo era por seu camarada. Ri-pyunggahn olhou para Kim Jong-un com olhos cheios de ambição.

*

Woojin passou pelos soldados ainda vigiando seriamente a Dungeon e se dirigiu para a entrada da Dungeon.

“Você esta entrando novamente?”

“Claro.”

“Este provavelmente vai ser seu último ataque. Nós lhe desejamos boa sorte.”

Os soldados abriram um caminho para ele enquanto ele se dirigia para a entrada da Dungeon. Ele somente tinha que trabalhar duro por mais um dia. Não. Ele somente tinha que trabalhar duro por mais quatro dias dentro da Dungeon, então ele iria poder voltar para casa.

Woojin entrou na Dungeon com o coração leve. Um pouco antes que a barreira se formasse, outra pessoa pulou dentro da Dungeon. Os soldados não estavam surpresos pela pessoa extra que entrou.

“Ele conseguiu entrar.”

Ele tinha entrado antes que a barreira se formasse.

Se a barreira se dissipasse, aquilo significaria que alguém tinha finalizado a Dungeon, ou todas as pessoas que estavam dentro da Dungeon tinham morrido.

Daquela vez eles estavam torcendo pela ultima situação.

“Bom trabalho, camarada Nahm-josun.”

Um único soldado tinha sido enviado para relatar a situação.

Mas eles não viram um repórter estrangeiro tirando fotos daqueles eventos de longe.

*

Quatro horas tinham se passado desde que Kang-woojin tinha entrado na Dungeon.

Ri-pyunggahn estava preocupado.

“Nós falhamos?”

O agente que tinha seguido Woojin era um Desperto Rank C das Forças Sobrenaturais. A lealdade do homem para a República era extraordinária. Ele tinha amarrado as bombas no seu corpo todo e entrou na Dungeon.

Aquele era um plano onde sua vida tinha sido perdida desde o começo.

No momento que ele entrasse na Dungeon, ele tinha que agarrar Woojin e explodir. Mesmo que ele não conseguisse agarrar Woojin, aquilo não importava. A entrada da estação de metrô era estreita, então uma explosão de uma distância pequena seria mortal do mesmo jeito.

Então por que a barreira ainda não tinha desaparecido ainda?

Se ele voltasse vivo…

“Merda.”

Ri-pyunggahn ficava irritado só de pensar naquilo. Ele tinha enviado explosivo o suficiente para explodir um prédio inteiro. Qual era a possibilidade que Woojin iria sair daquilo vivo?

Isso. Mesmo que ele não tenha sido morto na explosão, ele teria recebido um ferimento crítico. Ele provavelmente está nos últimos suspiros dele. Ele provavelmente recebeu um ferimento crítico, então como ele seria capaz de encontrar e usar a Pedra de Retorno?

Os Despertos têm habilidades bem maiores que a imaginação humana. Kang-woojin provavelmente tinha algum truque na manga para ainda estar vivo. Mas ele tinha certeza que Woojin tinha recebido um ferimento crítico.

Uma pessoa precisa da Pedra de Retorno para atravessar a barreira.

Mesmo que ele estivesse vivo, sua vida provavelmente terminaria a qualquer momento. Ele estava frustrado já que ele não tinha ideia do que estava acontecendo dentro da Dungeon. Mas Ri-pyunggahn manteve sua esperança viva enquanto ele esperava Woojin morrer.

*

Completou dois dias e uma hora que Kang-woojin tinha entrado na Dungeon.

“Alguma coisa está errada.”

“O quê?”

Ao escutar as palavras da Tenente Che-haesol, o líder do grupo de negociação, General Lee-soonchae, respondeu de maneira áspera.

“Se levarmos em conta a personalidade do Sr. Kang-woojin, ele não iria tentar algo que ele não seria capaz de fazer.”

“Alguma coisa pode ter dado errado.”

A voz de Lee-soonchae estava cheia de emoções contidas. Já fazia dois dias desde que Woojin tinha entrado na Dungeon. Ele tinha permissão de usar a Dungeon por 15 dias somente ele e mesmo assim um dia extra se passou.

“O último tempo de finalização de Woojin foi de um dia e dezessete horas. Normalmente ele já devia ter saído.”

“Ughh. Diga logo o que você quer dizer.”

“Nós não temos que lançar uma investigação?”

“Você sabe onde estamos? O que podemos fazer por aqui?”

Aquilo era Pyongyang.

Tinha dezenas ou centenas de olhos os observando secretamente. O que uma mera dezena de pessoas que formava o grupo de negociação podia fazer naquela situação?

“Por favor, olhe isso.”

Che-haesol tinha recebido uma foto de um dos repórteres. Ela entregou para o general. Era uma foto de um homem desconhecido seguindo Woojin para dentro da Dungeon.

A expressão de Lee-soonchae ficou séria quando ele viu a foto.

“Quando você conseguiu isso?”

“trinta minutos atrás.”

Depois que Che-haesol obteve a foto, ela veio relatar com um coração apertado.

“Nós temos que investigar isso imediatamente. Nós temos que fazer uma reclamação formal para a Coréia do Norte.”

“Você está louca?”

Ao ver a agitação de Che-haesol, Lee-soonchae a repreendeu friamente.

Se alguém tivesse feito um esquema, então aquilo teria sido feito pela Coréia do Norte. Quando eles virassem as costas por um momento, aquilo seria basicamente pular na boca do tigre.

Mesmo que eles fossem fazer uma reclamação, eles iriam ter que fazer isso depois de retornar para a Coréia do Sul.

Eles iriam lidar com aquilo com diplomacia…

Somente Che-haesol tinha um rosto cheio de ansiedade e preocupação.

*

Completou mais de dois dias e dezoito horas desde que Kang-woojin tinha entrado na Dungeon.

“O que é isso?”

Kim-Jong-un viu o artigo de notícias no tablete e ficou furioso.

Era um artigo de uma agência de notícia francesa. Aquilo era uma figura de um homem desconhecido entrando na Dungeon depois de Woojin.

“Quem é esse bastardo?”

“Nós estamos tentando descobrir isso agora.”

“Se apresse e descubra. Eu quero saber quem é esse filho da puta agora!”

“Farei como ordenado, senhor.”

O rosto de Kim-Jong-un ficou vermelho. Sua ampla papada tremia. O maior Desperto da Coréia do Sul podia ter morrido naquele dia. Não importava como ele pensava sobre aquilo, ele teria prejuízos. Ele tinha que encontrar os bastardos que tinham bolado esse plano.

Eram sempre os bastardos extremamente leais que causavam os maiores problemas.

“Bastardos Malditos!”

Kim Jong-un esmurrou sua mesa. Seu olhar pousou no pedaço branco de papel dentro da foto da parede. Era o papel com a assinatura de Kang-woojin.

*

Completou três dias e cinco horas desde que Kang-woojin tinha entrado na Dungeon.

“Uh? Ela está desaparecendo.”

A barreira estava desaparecendo. Não importava se Woojin saísse vivo, ou morresse enquanto a Dungeon reinicializava, aquilo seria uma notícia enorme.

Os repórteres estrangeiros tiravam fotos apressadamente.

Um repórter estrangeiro tinha fotografado um homem desconhecido entrando na Dungeon, então aquilo tinha aparecido nos noticiários. Aquilo tinha causado a atmosfera dentro da Coréia do Norte ficar séria. As atividades dos oficiais do exército Norte Coreano começaram a acelerar.

A Tenente Che-haesol da Coréia do Sul ficou na frente da Dungeon todos os dias por horas até que ela tinha que ir dormir.

“Por favor.”

Será que era porque ela queria escutar aquilo? Ela escutou uma passada subindo as escadas.

“Tuk, tuk”.

Cada passo era deliberado e devagar. Quando ele chegou ao topo das escadas, ela viu seu rosto e cabelo.

O seu corpo estava coberto de feridas, e seu rosto tinha ferimentos que pareciam que sua pele tinha sido arrancada. Seu rosto estava inchado e sua pele não parecia muito bem.

Depois que Woojin subiu as escadas, ele olhou os seus arredores. Vários olhares estavam fixados nele.

“Hoo hoo.”

Ele estava gargalhando.

Woojin, que tinha uma expressão vazia, torceu sua boca.

Ele tinha aplicado muito a Pomada Regenerativa. Seu rosto e corpo ainda estavam se recuperando, mas ele não ligava para aquilo. Os ferimentos do seu corpo iriam se curar completamente em alguns dias.

O problema era o sentimento ruim que ele estava sentindo. Seu peito estava cheio com tanta raiva que aquilo estava o sufocando.

A risada maníaca que saia de Woojin parou, e o sorriso do rosto dele desapareceu.

“Vocês todos querem morrer? É isso que vocês querem?”

Woojin olhou para os seus arredores com um olhar impiedoso.


Tradução: Dougits  | Edição: Bczeulli

Quality Check: BravoEd


Contribua com a Novel Mania!