LMS – Volume 26 – Capítulo 7 – A História das Quatro Raças

Versão em .pdf1: [NovelMania] Volume 26 – Capítulo 7 – A História das Quatro Raças (nota integrada)

Versão em .pd2: [NovelMania] Volume 26 – Capítulo 7 – A História das Quatro Raças (nota rodapé)




A Aldeia Pavroa estava localizada na periferia da Floresta da Vida. Ela atraía muitos turistas por causa de suas frutas famosas.

“Parece que nós viemos aqui para uma caminhada na natureza…”

“Querido, este lugar parece ser muito melhor do que nosso resort de lua de mel”.

Havia muitos casais segurando as mãos ao longo da floresta. A filtragem da luz através das aberturas nos topos das árvores imponentes e as pequenas criaturas da floresta correndo ao redor no chão, tudo contribuía para a criação de um local de férias encantador.

Coelhos, cervos e raposas perambulavam ao redor, bebendo água a partir do córrego perto da aldeia. Os animais não fugiam mesmo quando as pessoas se aproximavam. Animais perigosos, como leões e ursos, agiam de forma mansa para receberem algo para comer. Em razão desta ser a Aldeia dos Elfos, a caça aos animais era proibida. Algum tempo tinha se passado sob este decreto, então os seres humanos e animais podiam viver em harmonia.

Repentinamente, Weed e Yurin apareceram na entrada da Aldeia de Pavroa de uma maneira oscilante.

“Hmm, há tantas coisas para comer aqui”.

Weed concluiu com simplicidade depois de ver todos os animais perambulando ao redor. Ao lado dele, Yurin assentiu com a cabeça.

“Oppa, há tanta coisa aqui que nós poderíamos comer quando estivermos com fome”.

“Eu já comi, mas estou ficando faminto novamente”.

Eles só viam os animais como alimento. Ignorando sua fome, Weed e Yurin entraram na Aldeia dos Elfos. Na aldeia e debaixo das árvores, um grande número de elfos podia ser visto patrulhando. Havia uma loja de armas dos elfos, um restaurante especializado em suas frutas famosas e até mesmo uma casa de hóspedes construída em cima de uma árvore.

Se ele tivesse vindo para a aldeia logo quando começou, Weed teria tido um grande interesse na loja de armas e armaduras, mas agora ele foi diretamente se encontrar com a Randelia. Através de sua habilidade em Ferraria, Weed poderia usar as armas dos elfos. Contudo, na verdade, era quase impossível tentar encontrar uma boa arma em uma loja. É claro, havia itens raros nas lojas, mas nenhum deles era decente o suficiente para o nível de Weed. Além disso, como esta aldeia era um destino de viagem popular, este lugar era uma armadilha para os turistas!

“Eu vim até aqui para aprender sobre a escultura mais antiga existente”.

A elfa anciã Randelia estava sentada no centro da aldeia, perto do lago. Fiel a sua herança élfica, ela tinha longos cabelos com uma aparência que desmentia sua verdadeira idade.

“Oh, eu estou sendo visitada por um escultor humano. Eu ouvi falar de você, lorde de Morata. De sua justiça para com os elfos, de seu grande amor pelas artes e por proteger a paz do continente através de suas aventuras”.

Devido as várias missões que Weed realizou, a elfa anciã Randelia foi bastante acolhedora ao abordá-lo.

“Sim. Meu caminho da arte conduziu-me até aqui para obter o conhecimento a partir dos elfos”.

“A escultura mais antiga, a criação da primeira escultura é um conto repassado entre os elfos. Os humanos, com sua proficiência em manter os registros, não deixaram para trás qualquer histórico. Os orcs, com seus tempos de vida limitados, não puderam contar sua lenda. A memória esquecida dos anões, que vivem por suas paixões. Não há nenhuma evidência confiável disto. Você ainda deseja ouvir?”

“Sim”.

“Isso ocorreu num tempo quando as quatro raças viviam juntas em cavernas. Foi dito que muitas esculturas foram feitas nesse tempo”.

Mais uma vez, um vídeo começou a ser reproduzido na frente de Weed.

O vídeo retratava os primórdios do continente, quando os monstros vagavam ao redor com impunidade. As colheitas das quatro raças eram surrupiadas instantaneamente. Sem qualquer recurso, eles instalaram-se profundamente nas cavernas, vivendo seus dias escondendo-se.

Os anões, com suas capacidades extraordinárias em cavar o chão, criaram uma rede de cavernas para lidar com a ameaça dos monstros e as raças continuaram a sobreviver devido aos orcs que, como guerreiros competentes, resistiam ao mundo repleto de monstros violentos e pouco comunicativos.

“Gyhaaa”.

Este era um período antes até mesmo da linguagem dos humanos ter começado a tomar forma. No entanto, como as quatro raças tinham combinado suas forças, seus números começaram a aumentar lentamente e eles aprenderam a como lutar contra os monstros.

Os orcs eram soldados impressionantes, que não cediam a qualquer monstro. Eles viam seus sacrifícios como um dever para a sobrevivência contínua dos elfos, anões e humanos.

Eventualmente eles conseguiram sair das cavernas e fundar uma cidade perto de um rio. Esta foi a primeira cidade do Continente de Versalhes, a qual foi chamada de ‘Ratzeburg’.

– Você adquiriu informações sobre a origem da antiga civilização do Continente de Versalhes.

O atributo Conhecimento aumentou em 15 pontos.

‘Ratzeburg…’

Esta era uma história que nunca tinha sido registrada nos anais do Continente de Versalhes, pois os registros somente eram mantidos depois que os reinos foram estabelecidos.

A imagem de Ratzburg foi mostrada na frente de Weed. Havia uma barricada de madeira sólida, que tinha sido criada pelos anões, cercando a cidade. Dentro da cidade, havia casas feitas de barro e pedra distribuídas ao redor. Os elfos às vezes dormiam em cima das árvores e uma grande diferença de tamanho podia ser vista apenas por olhar para a entrada da casa de um anão ou para a de um orc.

Bandos de pássaros podiam ser vistos voando acima das vastas planícies que estavam preenchidas com colheitas e árvores frutíferas, com o rio cintilante que se movimentava vagarosamente ao lado da cidade.

DING!

A Gênese da Habilidade em Esculpir:

A missão ‘A Gênese da Habilidade em Esculpir’ foi concluída.

Os elfos tem transmitido um conto de geração em geração sobre a cooperação entre as quatro raças e sobre as esculturas. Talvez agora você possa supor alguma verdade aparente sobre a primeira habilidade em esculpir.

Recompensa da Missão:

Você pode receber sua recompensa a partir da elfa anciã Randelia.

 

Embora Weed tenha concluído sua missão, ele não estava nem um pouco feliz. A Missão de Mestre Escultor simplesmente não terminava aqui, mas continuava como uma missão em cadeia. A elfa Randelia continuou a falar:

“Apesar de nossa raça ser longínqua, ainda há um limite para a transmissão oral da tradição. Atualmente, as esculturas das quais eles falavam, bem como a localização da cidade na qual as quatro raças viviam, são todas informações desconhecidas”.

“Eu suponho que sim”.

O continente estava repleto com a ascensão e queda perpétuas de reinos humanos. As raças migravam dependendo do movimento dos monstros e até mesmo uma floresta densa poderia ser transformada em uma grande planície ao longo do tempo. A idade do Continente de Versalhes beirava os dez milhões de anos desde sua criação!

O nascimento de cada raça e monstro ocorreu depois da natureza se estabelecer, mas mesmo assim, tais informações ainda estavam na parte mais obscura e não registrada da história. Desde então, dezenas de milhares de aldeias pereceram devido aos monstros e cada raça havia migrado para seu próprio território seguro. Isso ocorreu meramente há milhares de anos desde que a composição atual do continente foi estabelecida.

“Eu acredito que somente um escultor que consegue criar ao imaginar o impossível pode encontrar a localização de Ratzeburg. Você, o escultor humano que trilha o caminho resplandecente da arte, não poderia descobrir se nós, os elfos, temos falado a verdade sobre Ratzeburg?”

DING!

Cidade de Ratzeburg:

É suposta ser a cidade onde as quatro raças viveram em harmonia.

Atualmente, a cidade não pode ser encontrada em qualquer lugar.

Vá e encontre Ratzeburg!

Dificuldade:

Missão de Mestre Escultor.

Restrições da Missão:

Habilidade em Esculpir no mínimo no nível avançado 8.

Requer a habilidade Memória Escultural.

 

A continuação da Missão de Mestre Escultor!

Weed respondeu com confiança:

“Nem mesmo eu acredito que Ratzburg existiu. Eu devo ir e descobrir mais sobre a cidade onde as quatro raças viveram em harmonia”.

– Você aceitou a missão.

E então, Weed olhou de relance, de forma especulativa, para Randelia. Ele estava se perguntando que tipo de recompensa receberia da missão.

‘Seria brilhante se fosse um arco élfico. Não tem de ser um arco, até mesmo um item élfico que aumente o poder elemental está excelente. Ou mesmo algo com afinidade com a natureza não seria ruim’.

Qualquer item élfico era considerado valioso. Os jogadores que escolhiam jogar como elfos, ao invés de humanos, recebiam uma enorme desvantagem devido a isto. Havia apenas alguns elfos ferreiros em cada uma das Aldeia dos Elfos e, ao caçar, pouquíssimos equipamentos destinados aos elfos caíam. Além disso, quando os equipamentos caíam, eram geralmente equipamentos básicos que eram usados pelos jogadores iniciantes da raça dos elfos. Este era o motivo pelo qual um grande esforço era necessário para adquirir equipamentos destinados aos elfos. Foi por isso que os elfos ficaram bons em habilidades físicas básicas e viraram especialistas em magia, poderes elementais e tiro com arco e flecha, de modo que necessitavam de armaduras leves de couro para a mobilidade.

Finalmente, a elfa Randelia abriu sua boca para falar e a recompensa pela primeira missão foi…!

“Se você for para a casa em que eu vivo, há muitas árvores frutíferas em meu quintal. Será impossível para mim comer todas as frutas, então, por favor, pegue tanto quanto você quiser”.

– Agora você pode colher frutas a partir das árvores no quintal da Randelia.

“Huk!”

A expressão de Weed tornou-se horrível. Era como ir à casa de um amigo rico e apenas receber lámen! Sem nem mesmo ovos!

“Obrigado. Isto é bastante afortunado já que recentemente eu ansiava por algumas frutas”.

“Então, eu rezo para que você se torne um grande escultor. Como nós elfos não temos mais qualquer informação sobre Ratzeburg, sinta-se livre para desistir desta tarefa irracional a qualquer momento que você desejar”.

– Você pode desistir desta missão.

Se você desistir desta missão, sua amizade com a elfa Randelia cairá e você terá que reiniciar a Missão de Mestre Escultor desde o início.

Ao invés de perder tempo, incapaz de resolver a missão, o jogo deu a opção de desistir neste ponto.

 

***

 

Weed foi para o quintal de Randelia com Yurin.

Havia maçãs, peras, laranjas, figos, romãs, castanhas, damascos, jujubas[1] e frutas élficas. Na grande variedade de árvores, frutas podiam ser vistas penduradas sobre seus galhos.

“Aquelas parecem boas”.

“Oppa, as frutas estão caras hoje em dia”.

“É por isso que nós precisamos levar tudo, sem deixar uma única fruta para trás”[2].

Comparado aos jogadores que só levavam uma pequena mordidela para experimentar antes de sair para a próxima missão, eles eram diferentes.

“Sacuda tão forte quanto você puder!”

Eles pegaram todas as frutas que caíram. Já que eles colocaram tecidos abaixo das árvores, eles varreram as frutas para dentro de suas mochilas sem se preocupar com as mesmas estragando em razão da queda. Os dois até mesmo preencheram a mochila extra que eles carregavam por toda parte e logo, as árvores que Randelia estava cultivando ficaram desprovidas de uma única fruta.

Weed falou enquanto mordia uma maçã madura:

“Então vamos nos dirigir à Ratzeburg agora”.

Como não foi dada nenhuma pista, a situação só poderia ser descrita como um caso perdido. As chances eram elevadas de que até mesmo ao perguntar para os elfos ou anões não produziria resultados. Contudo, Weed assistiu ao vídeo em Ratzeburg. Ele poderia usar isso como pista para encontrar a localização.

“A última coisa que mudaria devido a passagem de tempo é o rio e os tipos de rochas”.

Ele viu claramente os tipos de rochas utilizados como materiais para as casas. Com sua habilidade em esculpir, Weed tinha experiência em esculpir todos os tipos de rochas por todas as partes do continente.

“Bem, eu posso pelo menos precisar o alcance da localização “.

As rochas e o rio, os pássaros e uma extensa planície, colocando estas variáveis em seus cálculos, Weed poderia aproximar de forma mais precisa a localização.

” Para uma localização exata, eu preciso calcular um pouco mais…”

Ele precisava reunir mais informações para processar tudo. Enquanto Weed hesitava, incapaz de identificar com precisão seu próximo destino, Yurin falou:

“Então nós devemos voltar à Morata?”

“Não realmente, nós viemos de Morata, então… vamos para a Fortaleza Vargo. Pale, o mestre e os Sahyungs estão lá comendo juntos, então vamos visitá-los”.

“Tudo bem, então eu começarei a desenhar”.

Shasak

A Fortaleza Vargo estava sendo desenhada com precisão e beleza. Com a fortaleza mudando e desenvolvendo-se rapidamente, não havia necessidade de desenhar precisamente sua forma atual. Era como se Yurin estivesse exibindo sua habilidade, construída sobre a experiência de inúmeros desenhos, enquanto esboçava uma imagem de primeira classe.

“Mas você não disse que estava estudando na biblioteca há alguns dias? Eu tentei entregar sua marmita, mas não consegui te ver lá”.

Shashashasak

A velocidade de Yurin desenhando o esboço aumentou mais uma vez[3].

 

***

 

Petrov se tornou uma celebridade dentro da Fortaleza Vargo, onde quase todos na vizinhança o reconheciam.

Ele era conhecido como o pintor cujas pinturas ficavam atrás apenas da realidade e que podiam confundir os monstros. Embora não fosse muito conhecido, era apenas uma questão de tempo até ele ser reconhecido como o maior pintor do continente. Sua fama estava em um ponto no qual havia coberturas de TV sobre suas pinturas, com obras-primas estampadas em vários muros e prédios.

“Este novo edifício que nós estamos tentando construir… nós queremos desenhar uma pintura em um de seus lados, você tem tempo para fazê-la?”

“Hmm, com a disposição atual, eu não acho que minha pintura fará o edifício parecer melhor”.

“Então, por favor, deixe-nos ouvir sua opinião. Nós adaptaremos nossos planos imediatamente”.

Os projetistas trabalhando na restauração da Fortaleza Vargo procuravam ansiosamente pelas pinturas do Petrov.

Petrov era o pintor que estava ascendo como a estrela d’alva.

Influência da Fortaleza Vargo:

Lorde Weed: 43.198 pontos.

Pintor da Luz Aquática Petrov: 3.239 pontos.

O objetivo de Petrov em superar a influência de Weed na Fortaleza Vargo ainda estava muito longe de ser alcançado. Weed tinha atravessado uma guerra feroz contra a Legião de Mortos-vivos para recuperar a região e, em razão disto, comandava soldados e moradores extremamente leais. Sobrepujar e assumir o controle sobre o território do lorde atual em um curto período de tempo não era uma proeza fácil. Além disso, não ajudava o fato de que havia apenas alguns moradores na Fortaleza Vargo que apreciavam a arte e a cultura, retardando ainda mais a elevação de sua influência.

“Se fosse fácil, não seria divertido. Porém, no final minha vontade será feita”.

No entanto, como as pinturas de Petrov cobriam partes importantes da Fortaleza Vargo, esse dia chegaria. Mesmo agora, o fato de que era o pintor Petrov e não o escultor Weed a primeira pessoa da qual os jogadores da Fortaleza Vargo falavam quando o assunto era arte, ainda enviava arrepios de prazer em direção ao mesmo.

“Coma o quanto quiser”.

“Wof Wof!”

Ele deu comida, roupa e até mesmo comprou casas para as formas de vida esculturais. O cão de guarda de Hades, conhecido como o Grande Cerberus, abanava sua cauda como um filhotinho fofo sempre que ficava diante de Petrov. Até mesmo as fadas que brincavam ao redor da Fortaleza Vargo vieram para elogiar sua habilidade.

“Você desenha realmente bem!”

“Você pode me ver? Gyaaru”.

“Desenhem-me! Desenhem-me! Rápido!”

As fadas sentar-se-iam em seus ombros ou puxariam maliciosamente seu chapéu.

“Minhas habilidades funcionam verdadeiramente em qualquer lugar. Bem, isso é uma coisa certa, então não há realmente nada com o que ficar especialmente feliz”.

Nada poderia impedir o progresso de Petrov na Fortaleza Vargo.

As fadas responderam positivamente aos desenhos que ele fez delas. Com sua capacidade de manipular o espaço, as fadas surpreenderam-no ao entrarem em sua pintura para brincar de pega-pega. Além disso, os jogadores de nível elevado até mesmo formavam filas para encomendar uma pintura dele. Quando Petrov revelava o próximo local de sua pintura, milhares vinham para ver. Ele reinou como um pintor, controlando a multidão.

Bem no momento em que Petrov estava ficando exultante com seu sucesso, algumas pessoas aproximaram-se dele, pedindo por um desenho. Eram três caras que pareciam durões.

“Eu ouvi que você desenha bem, eu lhe darei vinte moedas de ouro, então você desenhará nós três?”

Petrov estava prestes a zombar deles.

‘Quem tão descaradamente se aproximaria de mim e demandaria que eu lhes desenhasse um retrato?’

E eles estavam oferecendo uma insignificante quantia de vinte moedas de ouro! Estes três devem ter ouvido os rumores errados. Para um pintor iniciante esta teria sido uma grande comissão, mas para Petrov era uma quantia de várias centenas de moedas de ouro a menos do que ele aceitaria.

Apenas um momento antes de Petrov estar prestes a repreendê-los por falar tal absurdo sem sentido e espantá-los que…

“Geomchi3 Hyung-nim, você ouviu que um dos nossos rapazes prendeu um cara?”

“É claro. Não era aquele cara que teve três costelas e dois dentes quebrados depois de ser nocauteado naquela luta?”

Petrov parou imediatamente o que ele estava prestes a dizer e reavaliou momentaneamente a situação[4]. Um pensamento surgiu de forma espontânea em sua mente de que esta era uma espécie de conversa entre gângsteres.

“Aquele garoto meramente não consegue conter seu temperamento”.

“Eu só ouvi o básico, mas quando um homem começa a levantar sua mão, ele não pode deixar isso meio acabado! Você deve ter a certeza de matá-lo corretamente”.

“Eu entendo o que você está dizendo. Eu sinceramente me desculpo por este lapso na educação dos rapazes. Nós deveríamos ter destruído completamente suas duas pernas e deixado o cara para rastejar”[5].

Os Geomchis estavam falando sobre o novo praticante em seu dojo. O praticante tinha se deparado com um estuprador e, antes que qualquer coisa pudesse acontecer, ele lutou contra o estuprador armado e impediu um incidente.

“Ele deveria ter pelo menos quebrado os dois braços daquele bastardo, de modo que ele sequer pudesse se limpar!”

“Sim, ele deveria ter quebrado o queixo para que o desgraçado não conseguisse engolir uma sopa”.

“Ensine os rapazes apropriadamente. Fazer isso de forma branda não adiantará”.

“Eu juro”.

“Quando você precisar entrar em tais situações, você não deve pensar em seu oponente como um ser humano. Apenes imagine que é um animal falante[6]. Não se preocupe em conversar, você precisa espancá-lo até que ele esteja de joelhos implorando para você acabar com isso”.

“Eu garantirei que este erro não aconteça novamente”.

Como esta não era uma conversa socialmente cortês, Geomchi3, Geomchi4 e Geomchi5 conversaram entre si em voz baixa, mas Petrov, que estava curioso sobre seus murmúrios, escutou casualmente a conversa toda.

“Ah! Pintor! Talvez você esteja ocupado agora?”

“Não, de modo algum. Eu estou livre agora”[7].

“Se vinte moedas de ouro for muito pouco, nós podemos dar-lhe mais”.

“Não, não, é o suficiente. Eu devo começar o retrato imediatamente”.

Petrov parou seu trabalho no mural e começou a incumbência para os Geomchis.

 

***

 

Weed e Yurin apareceram juntos no topo da Torre Central. O panorama sobre a Fortaleza Vargo podia ser visto de cima. Lá em baixo, as obras de reparação das construções destruídas causadas pela batalha estavam no auge, as muralhas foram construídas mais espessas e altas. Não era um exagero dizer que a toda fortaleza era um canteiro de obras gigantesco.

“Meu precioso dinheiro…”

Conforme Weed observa que a Fortaleza Vargo estava começando a engrandecer a vasta paisagem geral, nas proximidades da encosta plana da base da montanha, ele foi subjugado pela súbita sensação inexplicável de perda de seus preciosos impostos. Havia muitas tragédias em filmes, novelas, poemas e dramas, mas a maior tragédia de todas era jogar dinheiro pelo ralo.

Apenas pensar no dinheiro investido na reparação da Fortaleza Vargo poderia fazê-lo chorar como um bebê! Mas ainda assim, olhar a Fortaleza Vargo seguindo um desenvolvimento semelhante ao de Morata não era de todo ruim. Atualmente, ela estava se preparando para virar uma cidade fortificada romântica e os jogadores reuniam-se em direção à região, esperando que o lugar fosse concluído em breve.

Nos portões, o batucar dos passos podia ser ouvido à medida que os jogadores reuniam membros de grupo e partiam em direção à fronteira desconhecida[8].

“O lorde está de volta, ‘Gyaruu'”.

“O que ele estava fazendo?”

“Troll, Troll! Eu estava com ele no Reino de Rosenheim”.

As fadas que se esconderam dentro do colarinho de Weed saíam ocasionalmente. Elas o cercaram e engajaram-se em uma conversa fiada interminável enquanto faziam travessuras. Quando Yurin levantou seu dedo, várias fadas vieram para sentar ou agarrar-se nele e brincar ao redor.

“Primeiro, vamos procurar pelos Sahyungs”.

Weed e Yurin foram para o lugar onde os Geomchis estavam tendo uma refeição. Os Geomchis estavam debaixo da sombra de um edifício que ainda tinha de ser reparado, preparando sua comida.

“Eu terei uma refeição adequada graças aos humanos”.

“Obrigado pela comida, mas seria legal ter uma cerveja para levá-la garganta abaixo”.

Havia anões e bárbaros com os Geomchis. Os anões e bárbaros da Fortaleza Vargo encontraram uma alma gêmea nos Geomchis.

Os Geomchis e os bárbaros progrediram de comparar suas forças e músculos para caçarem juntos e tornarem-se amigos rapidamente.

“Há um monstro realmente difícil de matar…”

“Vamos saltar sobre ele e cortá-lo em pedaços”.

“Os guerreiros que conseguirem limpar aquela masmorra receberão o reconhecimento e respeito de nossa aldeia! Isto se tornará um ponto de grande fama para os humanos”.

“Masmorras não são nada. Vamos lá!”

Os Geomchis e os bárbaros se davam extremamente bem.

Ao beber cerveja com os anões, os Geomchis tornaram-se cordiais com eles. Os Geomchis foram capazes de adquirir armas e armaduras, aumentando sua amizade com eles ao ponto de tornarem-se amigos de bebedeira.

Desde o princípio da chegada dos anões e bárbaros à Fortaleza Vargo, seus números tinham aumentado consideravelmente. E assim, a refeição foi preparada em uma atmosfera sombria, pois, excluindo Surka, Irene, Romuna, Maylon e Hwaryeong, havia cerca de oitocentos homens. Foi neste momento que Weed e Yurin vieram.

“O quê! Sayhungs! Como vocês podem comer como se estivessem num funeral?”

“Weed!”

“Eu prepararei para vocês um banquete magnífico”.

O mestre de Weed estava lá e, para pagar o trabalho pesado que eles tiveram que aguentar ao lutar contra a Legião de Mortos-vivos, ele decidiu assumir toda a preparação das refeições.

“Eu não pouparei nada já que é a comida para os Sahyungs”.

Alimentos básicos não eram abundantes na Fortaleza Vargo, visto que tudo era importado a partir de Morata. Contudo, dentro dos companheiros atuais estavam os bárbaros que tinham trazido mais de quatro mil quilos de diversos tipos de carne a partir de suas caçadas.

“No máximo, cada pessoa será capaz de comer apenas cinco quilos de carne com esta quantidade. Ficar sem carne durante a festa não pode acontecer”.

Enquanto uma pessoa normal ficaria satisfeita depois de comer um quilo, os Geomchis eram glutões que comeriam até estarem quase à beira da morte. Negligentes com suas refeições e igualmente descuidados com suas lutas, estes eram os Sahyungs. E, se não bastasse isso, comer carne com a brisa fresca soprando suavemente ao ar livre tornava-os ainda mais famintos do que o habitual.

“Eu precisarei usar minha autoridade como lorde”.

Na Fortaleza Vargo, muitos moradores faziam parte das obras de reparação. De uma maneira ou de outra, como ele tinha que fornecer alimentos para os trabalhadores, ele decidiu voluntariamente ir com tudo.

“Janela de Informações Regionais!”

Fortaleza Vargo:

Uma região que outrora pertenceu ao Império Niflheim.

Recentemente, o rei dos mortos-vivos Balkan Demoph e a Legião de Mortos-vivos estavam estacionados nesta fortaleza.

Através do curso interminável de monstros atacando a fortaleza, há uma chance elevada de que ela seja destruída. Contudo, sob a liderança milagrosa do lorde Weed, a restauração da fortaleza está em andamento nesta situação sem esperança.

Forças Armadas:

432

Poder Econômico:

268

Cultura:

192

Tecnologia:

71

Influência Religiosa:

67

Políticas Regionais:

7

Influência Sobre Regiões Próximas:

11%

Influência do Antigo Império Niflheim:

2,9%

Influencia profundamente áreas relacionadas às forças armadas, economia, cultura, tecnologia, religião, população e missões.

Taxa de Desenvolvimento Urbano:

33

Saneamento:

24

Segurança Pública:

41%

Muitos moradores de Morata e de outras partes da Região Norte do continente migraram para cá, acreditando na capacidade do lorde.

Através dos construtores dedicados e excepcionais, o castelo, residências, estradas e a muralha estão sendo construídos e reparados. Um reparo de larga escala está em progresso, de modo que as partes colapsadas da fortaleza, em grande parte, estão sendo reparadas.

Esta região ainda tem muitos perigos à espreita. Através dos ataques repetidos dos monstros, a experiência dos soldados em batalha real está crescendo rapidamente. Eles são especialmente competentes em disparar flechas.

A situação de segurança do lado de fora da fortaleza é grave, de modo que os moradores não podem iniciar quaisquer atividades econômicas. Eles querem começar a cultivar, minerar e criar gado. Contudo, eles estão satisfeitos com a rápida melhora de seus estilos de vida já que as instalações no interior da fortaleza estão sendo restauradas.

Embora os moradores estejam inquietos com relação aos monstros vagando do lado de fora, eles sentem-se levemente seguros no interior da fortaleza robusta.

Há fadas em abundância e o comércio está movimentado com os elfos, anões e bárbaros. A maioria dos impostos da Fortaleza Vargo é coletada a partir do comércio. Os edifícios, a cultura e as obras de arte proporcionam algum conforto nesta terra estéril.

Religião Regional:

A religião da região é dominada pela Igreja de Freya. A fé dos residentes está firme e eles querem uma igreja construída para a realização de suas atividades religiosas.

Especialidades:

Nenhuma.

População Total da Fortaleza:

6.892

Receita Tributária Mensal:

24.978 moedas de ouro.

Discriminação de Despesas Operacionais da Fortaleza:

Forças Armadas:

47%

Obras de Reparação:

34%

Incumbências e Subjugações a Monstros:

19%

 

A situação atual era incomparável a de Morata. Com a atual taxa de desenvolvimento de Morata, seu crescimento econômico de alguns dias era semelhante à toda a atividade econômica ocorrendo na Fortaleza Vargo. Entretanto, se o comércio movimentado com as outras raças fosse levado em conta, bem como os campos de caça extremamente difíceis espalhados nas proximidades, o potencial econômico da Fortaleza Vargo era enorme. Se somente a segurança pública fosse estabelecida direito, muitos migrantes da superpovoada Morata viriam para a Fortaleza Vargo e o desenvolvimento explodiria.

Weed pensava que governar dois territórios ao invés de apenas um era muito melhor.

‘É assim que eu coleto mais impostos’.

Se Fortaleza Vargo estivesse em um período considerado como de preparação, a velocidade atual de sua reparação estava em um ritmo incrível. Depois que a batalha com a Legião de Mortos-vivos foi concluída, era raro encontrar um edifício que pudesse ser usado. As muralhas estavam em um estado no qual nem mesmo poderiam impedir que um lobo faminto entrasse, mas agora a fortaleza estava se transformando em algo próximo de invencível.

“A ordem do lorde!”

– Use sua autoridade como lorde para comandar os moradores.

Comandos forçados podem reduzir a lealdade dos moradores e isso poderia desestabilizar a ordem pública.

“Liberem a carne das provisões do castelo do lorde e deixe-os comer tanto quanto quiserem”.

Na Fortaleza Vargo, edifícios relevantes, como os celeiros em Morata, foram priorizados para a construção.

– Você tem certeza de que deseja liberar os estoques de carne no armazém para os moradores?

“Vamos apenas comer agora”.

– Seguindo a ordem do lorde, carne está sendo distribuída.

As portas para o armazém de alimentos foram abertas e os moradores levaram tanta carne quanto queriam. Como havia uma grande quantidade de territórios de caça nas proximidades, existia um enorme estoque de carne[9].

Weed construiu uma torre de carne de vinte metros de altura. Para qualquer cidadão comum, esta quantidade os deixaria doentes e fartos de carne, mas isso teve o efeito contrário de estimular o apetite dos Geomchis.

“Vamos fazer um churrasco e comer tudo!”

“Uwaah!”

“Como esperado de Weed”.

“O lorde humano da Fortaleza Vargo é bastante generoso”.

Apenas por exibir sua generosidade faria o povo expressar sua gratidão.

Irene aproximou-se e perguntou-lhe:

“Hmm, desculpe-me…. se toda a carne do armazém acabar, o que eles comerão amanhã?”

“Bem, você sabe que o ditado diz ‘nunca deixe para amanhã o que você deve fazer hoje'”.

“O quê?”

“A moral do ditado é que nós deveríamos pensar no trabalho de amanhã, apenas amanhã”[10].

“…..”

Weed interpretou o ditado, porém, da forma como queria. De qualquer maneira, um churrasco eclodiu na Fortaleza Vargo. Os comerciantes fazendo negócios pararam para assar um pouco de carne, os jogadores que estavam prestes a partir em uma aventura se reuniram em grupos de dois e três e acenderam as fogueiras. Em lugar algum a visão de dez mil jogadores, todos assando e comendo carne, podia ser vista a não ser na Fortaleza Vargo.

Weed estava cozinhando rapidamente um ensopado e outros pratos que combinavam bem com carne. Os pratos foram estabelecidos em uma grande mesa com dez assentos![11] Já que muitas variedades de alimentos cobriam a mesa, todos os jogadores começaram a pensar respectivamente.

‘Com sua habilidade culinária de nível elevado, só o aroma está me fazendo babar’.

‘Eu preciso me casar com um cara que seja bom em cozinhar. Alguém como o Weed-nim, que sempre prepararia o café da manhã, seria perfeito’.

‘Ele consegue cozinhar tantos pratos tão rápido’.

Como prato principal, a carne ainda estava sendo cozida. Ninguém ainda tinha experimentado os outros pratos. Embora os instrutores e praticantes estivessem um pouco inquietos, Geomchi ainda tinha que encostar em sua comida e estava sentado em sua cadeira como o ancião que era, esperando calmamente que o prato ficasse pronto.

Weed estava cozinhando enormes quantidades de uma só vez, para que os pratos pudessem ser colocados e compartilhados em cada mesa, com isso seus preparativos foram extremamente rápidos.

Frutas e japchae[12], até mesmo os peixes que Zephyr trouxe foram preparados e colocados em cima da mesa.

Vendo os alimentos abundantes colocados sobre a mesa, qualquer um teria a sensação de que poderia comer até seu estômago explodir. Mesmo os jogadores que vieram para ver Weed começaram a babar com a visão. Uma vez que a mesa ficou transbordando com comida, a carne foi cozida e também adicionada à mesma.

CRAACK!

A mesa não conseguiu suportar o peso e, com um enorme som, suas quatro pernas se curvaram e quebraram. Isso ocorreu porque Weed tinha enfraquecido a mesa antecipadamente ao cortá-la superficialmente. Nada aguça o apetite de alguém como uma mesa quebrando antes de uma refeição![13]

Os Geomchis levantaram seus garfos.

“Vamos comer!”

“Atacar!”

Um churrasco começou na Fortaleza Vargo.


[1] NT = Nota barafael: e eu pensando que jujuba era bala de goma, mas realmente existe essa fruta, que é originária da Ásia, mas tem no Nordeste e em São Paulo.

[2] NT = Nota barafael: kkkkk essa elfa vai se arrepender.

[3] NT = Nota barafael: kkkkkkk.

[4] NT = Nota barafael: garoto esperto kkkkk.

[5] NT = Nota barafael: kkkkk definitivamente esses Geomchis não batem bem da cabeça.

[6] NT = Nota barafael: kkkkk.

[7] NT = Nota barafael: ¬¬.

[8] NT = Nota barafael: última frase adaptada direto da raw: 성문에는 동료들을 모아서 모험을 떠다는 유저들이 미지의 개척지를 향하여 두근거리는 발걸음을 떼고 있었다.

[9] NT = Nota barafael: frase do meio adaptada direto da raw coreana: 이 주변에는 사냥감이 많아서 비축되어 있는 고기도 많았다.

[10] NT = Nota barafael: kkkkk Weed interpretando os ditados é tão bom quanto o Chapolin.

[11] NT = Nota barafael: adaptado diretamente da raw coreana: 10명씩 앉을 수 있는 넓은 상에 차려지는 요리들!

[12] NT = Nota barafael: Japchae é um prato típico coreano, preparado com um macarrão feito de amido de batata doce, bem como legumes diversos, carne e cogumelos, tudo temperado com shoyu e óleo de gergelim.

[13] NT = Nota barafael: ¬¬.


Tradução/Adaptação: barafael

Revisão: Vands

Formatação: barafael

Edição: barafael

Fonte da tradução: https://clickyclicktranslation.blogspot.com.br/2015/09/vol26ch7.html


Contribua com a Novel Mania!
Alterar fonte
Cores