GoC – Capítulo 3 – Eu não acho que seja um sonho (3)



Tae Hyuk eventualmente desistiu de se livrar do espelho. Ele continuava reaparecendo em seu bolso, mesmo não sendo uma boneca amaldiçoada.

Ele apenas informava sobre as situações enviando mensagens e vibrando. Não parecia que faria qualquer dano.

‘Eu acho que deveria visitar um xamã depois.’

Deixando o espelho de lado por um momento, Tae Hyuk decidiu pensar em Yoo Cheol Ho primeiro.

‘Yoo Cheol Ho não estava em uma igreja abandonada?’

Se ele tivesse um smartphone, então iria procurar por todas as igrejas abandonadas em um mapa. Mas, Tae Hyuk atualmente só tinha um telefone simples, que sua irmã tinha dado.

Ele não teve outra escolha senão ir a uma lan house por perto e pesquisar através da internet.

Apesar do fato de ser horário de aula, a lan house ainda estava cheia de pessoas.

Ele notou que alguns eram estudantes usando uniformes.

‘Eles também estão matando aula.’

Tae Hyuk pagou a taxa de uso no balcão, depois se sentou e ligou um computador.

‘A localização da igreja… Nossa! São mais de vinte?’

A boa notícia era que ele sabia que se tratava de uma igreja abandonada. Tae Hyuk ligou para todas as igrejas para verificar algumas coisas.

Depois de alguns minutos, foram conseguidas todas as informações desejadas.

‘Duas igrejas não atenderam ao telefone… ele com certeza estará em uma delas!’

Tae Hyuk saiu rapidamente.

O primeiro lugar para onde ele foi não era o certo. Então, se o sonho fosse real, Yoo Cheol Ho definitivamente estaria no segundo lugar.

‘Bingo!’

As cortinas estavam completamente fechadas, em todas as janelas. Mas o local transmitia a sensação de que existia algum tipo de presença lá dentro.

Toda a rua estava vazia, já que estava sendo reformada. A igreja onde Yoo Cheol Ho havia se escondido também parecia estar desabando.

‘Com certeza ninguém imaginaria que um fugitivo poderia se esconder em uma igreja abandonada.’

Antes de qualquer coisa, ele tinha de confirmar que Yoo Cheol Ho estava lá dentro.

‘Como posso falar com ele?’

Ele não poderia bater na porta e chamar por Yo Cheol Ho. Isso era simplesmente impossível.

Naquele momento, surgiu uma ideia brilhante.

Tae Hyuk anotou o endereço da igreja e foi para um restaurante chinês que ficava por perto.

Era hora do almoço. O telefone estava tocando e as motos de entrega tinham sumido.

‘Como esperado, eles estão cheios de pedidos.’

Tae Hyuk ligou para o restaurante chinês.

Ele pediu um jajangmyeon¹ e passou o endereço da igreja. Tae Hyuk também fingiu que estava realmente irritado com o fato de o restaurante estar cheio de pedidos, e que, por isso, sua entrega iria demorar.

“Uh, Tae Hyuk, é você? Você veio para voltar a trabalhar? Bom, isso é bom. Temos muitas entregas para fazer.”

O chefe cumprimentou Tae Hyuk enquanto abria a porta do restaurante chinês.

“Não. Estou aqui para comer jajangmyeon.”

“Aye, não seja assim. Estou bem ocupado agora, por favor, faça pelo menos dez entregas! É urgente, então eu vou te pagar dez mil won² por hora.”

Tae Hyuk riu feliz da vida.

“Então vou trabalhar por apenas uma hora.”

“Pedido!”

Tae Hyuk colocou o uniforme do restaurante e pegou as caixas de ferro que estavam com as entregas.

‘Vamos fazer um teste.’

Ele decidiu testar se a Habilidade de Roubo que tinha acabado de aprender também podia ser usada em público.

Ao passar pelo chefe que estava sentado no balcão, Tae Hyuk bateu contra seu corpo.

Então, a Habilidade Criminal foi ativada normalmente.

 

 

‘O que eu roubei?’

Tae Hyuk colocou a mão no bolso e tirou uma coisa estranha, um pouco de cabelo.

‘O que é isso?’

Ele olhou para o chefe e viu que o cabelo de sua cabeça havia sumido.

‘Chefe-nim… Ele não está na casa dos trinta anos?’

Os olhos de Tae Hyuk brilharam.

“Isso aqui caiu.”

“Ack! Quando foi que caiu? T-Tae Hyuk… não fale sobre isso com ninguém. Eu vou aumentar cinco mil won³ para cada hora que você trabalhar.”

Os dois homens trocaram alguns olhares.

 

*     *     *

 

“Seu jajangmyeon chegou!”

Tae Hyuk bateu na porta trancada e gritou.

Não houve nenhum tipo de movimento dentro da igreja. Ele começou a usar mais força para bater na porta.

Ainda não aconteceu nada, então Tae Hyuk começou a gritar:

“Aish! Entrega! Saia logo!”

No final, a pessoa não aguentou.

Uma brecha apareceu nas cortinas fechadas. A pessoa que estava dentro da igreja estava verificando se realmente era uma genuína entrega de comida chinesa.

A porta de ferro foi aberta, um homem, vestido de clérigo, apareceu no meio das sombras.

“Eu não pedi nenhum jajangmyeon.”

“Aish! Está aqui.”

“Bem… estou com fome mesmo… Quanto custa?”

O homem abriu um pouco mais a porta e lentamente saiu.

Tae Hyuk quase deixou a caixa de ferro que ele estava carregando cair.

‘Yoo Cheol Ho!’

Um assassino que tinha matado sete pessoas.

Era ele.

‘Ele está com barba agora, e também está vestido de clérigo… mas com certeza é ele!’

As roupas de Tae Hyuk ficaram úmidas de suor.

O fato de que Yoo Cheol Ho estava aqui era uma evidência de que o que Tae Hyuk teve não foi um simples sonho.

Então…

‘Loucura. Então, nos próximos cinco anos, eu vou ser acusado e preso? Que se foda!’

Espere um pouco…

Algo subitamente passou pela cabeça de Tae Hyuk. Dessa vez era diferente, da outra vez ele foi acusado sem saber de nada…

Neste momento, Tae Hyuk sabia o que aconteceria pelos próximos quinze anos.

E…

‘Não sei exatamente o que é esse poder, mas também tem esse espelho…’

Por causa do poder do espelho, ele conseguiu aprender a Habilidade de Roubo, do batedor de carteiras.

Se fosse assim, então ele poderia aprender outras coisas também?

Talvez Tae Hyuk pudesse mudar a realidade da qual ele se lembrava.

‘Em primeiro lugar, tenho que descobrir como aprender novas habilidades.’

Tae Hyuk lembrou-se de quando aprendeu a Habilidade de Roubo.

Ele encontrou o batedor de carteira quando entrou no ônibus e conseguiu a Habilidade de Roubo.

Pouco depois, ele viu o safado roubando a carteira da velha.

A condição necessária tinha de ser uma dessas.

“Meu corpo está meio dolorido. Você poderia colocar a comida no chão?”

Yoo Cheol Ho disse enquanto sorria.

Tae Hyuk olhou nos olhos dele e viu que eram os olhos de uma besta determinado a matar.

‘Não posso relaxar por nenhum segundo!’

Se ele fizesse alguma coisa, mesmo se Yoo Cheol Ho apenas suspeitasse, Tae Hyuk seria assassinado.

Tae Hyuk se lembrou dos três assassinatos que Yoo Cheol Ho cometeu depois de escapar.

Ele suspeitava que tivessem descoberto sua identidade, e então, esfaqueou todos, dezenas de vezes.

Yoo Cheol Ho era muito rápido.

Tae Hyuk não conseguiria escapar.

Então…

Ele tinha que fingir perfeitamente que era um entregador de comida chinesa.

Tae Hyuk disse a Yoo Cheol Ho, com uma expressão casual:

“São cinco mil won.”

“Espere um pouco… dinheiro…”

Não havia nenhum sinal de que Yoo Cheol Ho duvidava da identidade de Tae Hyuk.

Tae Hyuk sorriu agradavelmente.

‘Foi uma boa ideia me disfarçar de entregador.’

As pessoas sempre desprezam aqueles que trabalham como mensageiros ou entregadores.

Tae-Hyuk se lembrava de que Yoo Cheol Ho seria preso depois de ser entregue por um entregador de pizza.

“Sim, aqui está o dinheiro.”

Yoo Cheol Ho tirou uma nota de dez mil won de seu bolso.

Tae-Hyuk aceitou e entregou o troco.

“Atualmente estamos com muitas entregas, então eu volto mais tarde para pegar a tigela. Mais ou menos uma hora.”

A porta foi fechada.

Tae Hyuk suspirou aliviado.

Ele escapou em segurança das garras de um assassino psicopata.

“Tente aproveitar, já que será sua última refeição em liberdade.”

Tae Hyuk riu.

Se ele soubesse disso antes, também teria dado algum tangsuyuk a Yoo Cheol Ho.


Se você gosta do nosso trabalho e quer nos ajudar,
não esqueça de nos Avaliar e dar seu Feedback,
isso é muito importante para todos nós.
🉐


Tradutor: Fefe  |  Revisor: Ryokusan000  | Editor: Blame


Nota 1: É um macarrão com carne de porco ou de frango ao molho e legumes. Caso queira saber a receita, clique aqui.

Nota 2: R$33,88 em 29/05/2018

Nota 3: R$16,94 em 29/05/18

Nota 4: É uma expressão usada para expressar um certo tipo de descontentamento, bem informal ela, aliás.

Nota 5: Tangsuyuk é um bolinho de porco com molho agridoce. Não achei a receita, mas achei um video mostrando como fazer. Só clicar aqui.



Fontes
Cores