GoC – Capítulo 21 – Criminosos (3)


Moonlight Flower não era a culpada. Tae-Hyuk tinha verificado os pertences dela usando a habilidade Roubo, e o Rosário não estava entre os pertences.

Então, quem roubou a casa dele?

Tae-Hyuk pensou primeiro em como encontrar o ladrão real. Em primeiro lugar, era mais difícil agora, pois eles poderiam estar procurando outras casas para roubar ou se escondendo em seus lugares de refúgio.

A noite era a hora do ladrão. Era difícil especificar a posição do alvo se movendo livremente.

‘Meu oponente é um ladrão que anda por essa área.’

Os ladrões eram extremamente territoriais. Portanto, na maioria das vezes, eles continuariam trabalhando no ‘território designado’ deles. Era a razão pelo qual os ladrões eram frequentemente presos na mesma área. Algum tempo se passou desde que o crime foi cometido, e era impossível encontrar o paradeiro do ladrão agora.

Tae-Hyuk utilizou todo o seu conhecimento.

‘Tem um lugar onde um ladrão que comete um crime deve ir. Preciso ir lá.’

Um ladrão tinha que vender os itens roubados e transformá-los em dinheiro. Tinha uma pessoa conhecida que recebia os bens roubados.

A maioria compraria os bens a um preço razoável. Em alguns casos, eles contratariam um ladrão diretamente se houvesse algo que eles precisavam a todo custo. Eles não sujariam diretamente as mãos e receberiam enormes benefícios.

“Hmmm…”

Tae-Hyuk suspirou.

Tinha um pequeno problema.

‘Eu nunca estive em um…’

Um intermediário de bens roubados tinha seu próprio lugar.

Tae-Hyuk lembrou-se de que tinha um intermediário que conduzia um ladrão perto de Cheonggyecheon¹. Mas ele só tinha ouvido falar disso, através de um ladrão na prisão. Ele não sabia quem era o intermediário de bens roubados.

Claro, o que eles faziam era ilegal. Não era como um galinheiro que seria anunciado em panfletos.

Se ele soubesse disso, então ele teria ouvido com mais cuidado……

Tae-Hyuk balançou a cabeça.

‘Se eu soubesse, então eu teria memorizado os números da loteria. Primeiramente, tenho que tirar proveito do que eu sei.’

Tae-Hyuk decidiu encontrar-se com o intermediário.

Ele tinha as habilidades criminais, e ele poderia aproveitar isso. Então ele poderia conseguir o que queria.

***

O sol estava nascendo enquanto Tae-Hyuk se esticava. Ele se levantou e fez alguns alongamentos leves.

Na sua mesa, tinha um livro de referência recomendado por An Eun-Young.

Após o fim da aula, ele aprenderia diretamente dela. Além disso, ele precisava estudar sozinho.²

‘Minhas estatísticas não aumentaram hoje….’

Se a habilidade de estudo dela não estivesse presente, então demorava quase dez vezes mais para que suas estatísticas aumentassem.

Para que Tae-Hyuk estivesse num nível igual ao da An Eun-Young, ele precisava subir duzentas colocações na classificação da escola. Ele precisava fazer isso dentro de um mês. Teria sido impossível se ele não tivesse a ajuda da habilidade de estudo.

‘Seria muito legal passar o dia todo com a An Eun-Young, mas….’

Ela tinha a própria vida dela. Ele não podia fazer isso.

No final, ele tinha de estudar sozinho, enquanto An Eun-Young estava na escola.

‘Por que diabos eu estou tentando desesperadamente me tornar o primeiro da escola……’

Ele não podia se queixar para ninguém.

O Espelho Revelando Demônio mostrou que ele tinha círculos escuros em seus olhos.

Havia apenas uma pessoa que ele queria ver.

‘É a An Eun-Young.’

Ele não podia deixar de suspirar.

“De qualquer forma, está na hora do intermediário de bens roubados fazer seus negócios.”

Os ladrões trabalhavam à noite, e verificariam seus equipamentos enquanto eles vendiam os itens roubados durante o dia.

Normalmente, era a principal hora de atividade para os intermediários.

Tae-Hyuk procurou pelas suas vagas lembranças enquanto se dirigia até Cheonggyecheon.

***

“É esse o local?”

Tae-Hyuk se escondeu em um beco e olhou para a construção.

Na superfície, era uma loja de penhor que não parecia suspeita.

O problema era as pessoas que entravam.

‘Todo mundo tem um rosto de cansaço, como se não tivessem dormido à noite. Uh, aquela pessoa bocejou.’

Além disso, a pessoa saiu cinco minutos depois carregando um pacote grosso cheio de dinheiro. Não tinha sensação de urgência ao entrar na loja de penhor.

‘Essa é a resposta certa. Eles são todos ladrões.’

Dez pessoas entraram em apenas uma hora.

Tae-Hyuk mordeu sua língua.

‘Tem tantos ladrões no país.’

Era por isso que, não importa o quanto imposto fosse pago, sempre faltava.

Não tinha nada de bom em enfrentar os outros ladrões. Tae-Hyuk esperou que todos os clientes da loja de penhor saíssem.

‘Agora!’

“Uh, é o Tae-Hyuk?”

Uma voz sonolenta foi ouvida atrás dele.

Moonlight Flower estava parada ali enquanto bocejava.

“…… Moonlight Flower noona?”

“Olá!”

Ao contrário de ontem, Moonlight Flower estava usando roupas normais.

No entanto, ela estava usando óculos de sol para esconder sua identidade. Ela não era capaz de admitir algo.

‘Jeans e um top que mostra a barriga…. Está melhor do que as roupas de couro que ela estava usando ontem….’

Mesmo assim, a exposição era alta. Ele não sabia para onde olhar.

Moonlight Flower aproximou-se e se ‘jogou’ ao lado de Tae-Hyuk.

Em seguida, ela disse com uma voz animada.

“Você veio para pegar os suprimentos da Mama?”

Os olhos de Tae-Hyuk brilharam.

‘O intermediário se chama Mama?’

“Mama? Sim, eu queria comprar algo.”

“Hã- sério?”

Parecia que ele poderia se beneficiar de ter encontrado Moonlight Flower aqui.

Tae-Hyuk perguntou com uma expressão astuta.

“A casa de ontem não pertence à Noona? Não, você não conseguiu nem pular o muro. Por que você está atrás do intermediário de bens roubados….?”

O rosto de Moonlight Flower avermelhou. Ela acenou com as mãos e exclamou:

“Agora, eu não estou tentando vender bens roubados! Ontem, eu acidentalmente quebrei um bastão. Estou tentando obter um novo….”

“Você deve ter cuidado.”

Tae-Hyuk assentiu com um olhar convencido.

Os ladrões também compravam coisas dos intermediários, visto que os intermediários também vendiam equipamentos. Moonlight Flower tinha uma variedade de ferramentas. Ela não os teria comprado em um leilão, então a maioria deles eram comprados aqui.

“Eu vim comprar equipamentos. O que Tae-Hyuk veio comprar?”

“Não é isso. Preciso de informação.”

“Hrmm. Obviamente, há algo que você está procurando. Esse outro ladrão deve ter roubado. Então, você veio atrás do intermediário para perguntar se alguém tinha vindo à loja para vendê-lo?”

Os olhos de Tae-Hyuk se arregalaram.

Ele pensou que ela era apenas uma ladra burra. No entanto, ela era mais inteligente do que pensava.

Moonlight Flower sorriu para a expressão no rosto de Tae-Hyuk e beliscou a bochecha dele.

“Ahah, essa é a resposta? Você não deve subestimar os sentidos de uma mulher.”

“….. por favor, não conte isso para Mama. Não é legal compartilhar o segredo dos outros, né?”

Ele precisava garantir que Moonlight Flower não revelaria isso.

Moonlight Flower cruzou os braços e disse:

“Bem, eu não vou revelar isso.”

“Mas, a Noona não está curiosa sobre o ladrão que ignorou as regras e invadiu o território dos outros?”

“Sim. Estou curiosa.”

“Então por que você não vem comigo? Ou será que você tem outra coisa para fazer?”

Os olhos de Moonlight Flower se arregalaram.

‘É-é sério? Eu também não queria ir sozinha.”

“Então eu serei o único a falar. Apenas fique olhando atrás.”

“Vamos!”

Moonlight Flower parecia estar familiarizada com o intermediário de bens roubados. Se ele entrasse com ela, então a cautela do intermediário diminuiria. Ele poderia conseguir o que queria mais cedo do que esperava.

‘Devo conseguir alguma informação sobre a Mama da Moonlight Flower?’

Tae-Hyuk perguntou casualmente:

“Você parece vir aqui muitas vezes.”

A loja da mama estava no canto de um beco em Cheonggyechon. Parecia qualquer outra loja de penhor comum. Um lugar que emprestava dinheiro por itens roubados.

“É o lugar mais famoso para receptação de bens roubados na área.”

O importante era que o intermediário avaliasse os bens e calculasse o preço corretamente.

Entre os itens que os ladrões roubavam, tinham muitas falsificações. O intermediário era responsável por avaliar os bens roubados.

Moonlight Flower começou a falar sobre coisas que Tae-Hyuk nem sequer perguntou. Ela era uma pessoa que seria chamada de inimigo para si mesmo.

Tae-Hyuk guardou as coisas que Moonlight Flower disse na cabeça. As informações eram sempre valiosas.

“Então vamos.”

Tae-Hyuk e Moonlight Flower abriram a porta e entraram na loja de penhor.

Uma mulher que estava pintando um quadro, levantou-se e os deu boas-vindas.

“Bem-vindos. Como posso ajudá-los?”

A mulher parecia estar na flor dos trinta anos. Ela estava vestindo roupas pretas de luto. Uma mulher bonita que dava uma sensação de ser madura.

“Hei, Ajumma!³ Cheguei para te perguntar algo. Bem, não eu exatamente, mas esse cara.”

“Omo. É Moonlight. Vamos. Não te disse para me chamar de Unni4, em vez de ajumma?”

“Entendi! Mama unni!”

“Vou te dizer novamente, se você me chamar de ajumma, então eu vou enfiar uma faca na sua barriga.”

“Ahaha…. foi mal.”

Mama sorriu, mas ela tinha uma expressão estranha no rosto.

“Ele é seu namorado? Bem, você é bonita. Por que você está parada de pé ai?”

“Não. Ele é apenas um irmão mais novo que eu conheci. Ele é um pouco ingênuo.”

“Sério? De qualquer forma, irei pegar algumas bebidas geladas. Espere aqui.”

Moonlight Flower conversou de maneira íntima com Mama.

Tae-Hyuk estava apenas observando de boca aberta.

‘Eu deveria ter percebido quando ouvi o nome Mama. Não imaginei que fosse a Grande Mama.’

Tae-Hyuk sentiu-se desorientado.

Grande Mama era uma dos maiores criminosos intermediários.

Ela mexia com arte falsa que entrava na faixa das dezenas de bilhões de wons. Ela era uma representante das máfias da Coréia do Sul, bem como da América e da Rússia.

Ele entrou na cova de um tigre.

‘E-eu tenho que sair daqui!’

“Omo, Moonlight. Seu irmão está tentando fugir? No entanto, espero que ele saiba que aqui é livre para entrar, mas não é livre para sair.”

Tae-Hyuk queria chorar.


Tradutor: Pumpkin   |   Editor: Ryokusan000



1 – Cheonggyechon.

2 – Só explicando, ele ainda está em suspensão, após o fim da aula, ela sairia da escola e o ajudaria.

3 – Ajumma: Um termo usado para se referir a mulheres de meia idade.

4 – Unni: Um termo usado por mulheres para se referir a mulheres mais velhas.

Contribua com a Novel Mania!
Alterar fonte
Cores