EER – Capítulo 2 – Eu Vivo Sozinho (Parte 2)

 

A princípio, ele também se esforçou. Ele tinha pensado que precisava se preparar para tudo quanto fosse possível, já que ele não saberia quando a humanidade deveria voltar.

– “Vale Tudo e Lançamento de Lança ainda não estão perfeitas. Na realidade, é melhor para mim!”

– “Certamente um ser humano muito estranho…!”

Mesmo enquanto recebia estranhos olhares de Rita, Yoo il Han estava imerso de novo em seu próprio treinamento. Rita providenciou todas as 3 refeições para ele de modo que ele apenas precisasse pensar sobre Artes Marciais que ele precisava aprender.

E assim, 5 ou 10 anos se passaram. Agora era o momento depois de 20 anos terem passado desde que ele foi deixado para trás.

Agora, seus socos e chutes fluíam com um espírito de luta que podia até matar um urso, imagina um humano, e a lança de madeira que ele estendeu poderosamente não apenas perfurou o saco de areia, mas destruiu. Yoo il Han pensava que ele mesmo não tinha talento em relação às Artes Marciais, mas crescer assim em somente 15 anos foi surpreendente. Claro! Foi também porque Rita, que era uma excelente parceira de luta, estava lá por ele.

– “Eu estou completando 40 anos logo. Como pareço? Eu pareço mais maduro?”

(Fabricio: asuhuash essa foi foda, tive um pensamento idiota, o cara tem 40 anos em um corpo de 20, e ainda é virgem, e ta se achando o maduro, aushuashuhas)

– “A única coisa que você fez foi perfurar e esfaquear com a lança. Você acha que você ganhou qualquer outra coisa que não seja iluminação em Artes Marciais? Você viu alguém agindo assim com sua idade após sair de um treinamento nas montanhas?”

(Takumi: iluminação: conhecimento, experiência)

– “Você pensa assim também? Minha mãe não vai me dizer que eu estou fingindo ser maduro, certo?”

– “Não se preocupe a respeito disso e continue treinando.”

A partir deste ponto, Rita, que vinha uma vez por semana, começou a aparecer a cada 3 dias. Era porque ela estava preocupada que Yoo il Han torna-se louco depois de estar sozinho na enorme prisão conhecida como Terra por nada menos do que 20 anos.

Se isto foi devido a sua preocupação e interesse ou devido a sua inata personalidade, Yoo il Han suportou bem.

Ele suportou 20, 30 anos.

– “Olha o quanto que ele mudou.”

Enquanto olhava para Yoo il Han, era Rita quem estava nervosa a ponto de gritar. Entretanto, Rita não tinha uma posição realmente tão alta assim, portanto ela não estava em uma posição de pedir a Deus diretamente, e ela não tinha os direitos para reverter o eixo do tempo, então ela somente podia inquietamente assistir Yoo il Han treinar seu corpo calmamente, dia-a-dia.

– “Rita.”

Um dia, Yoo il Han falou com uma voz baixa.

– “Eu não consigo lembrar o rosto da minha mãe.”

– “… Sinto muito.”

– “Mesmo quando eu olho para a foto, ela me parece desconhecida. Esta pessoa foi realmente da minha família? Eu não estava vivendo aqui sozinho em primeiro lugar? Tudo foi uma ilusão e é uma mentira que Rita fez no intuito de me consolar…”

(fabricio: Senti até pena dele agora)

– “Não fale tais coisas!”

– “Sim, foi uma piada. Poderia até ser bom se não fosse realmente assim mesmo.”

Ele suspirou e pegou de volta a lança depois de 50 anos após ter sido deixado para trás.

– “Desculpe por dizer isto agora mas… Não se sabe quando o Great Cataclysm irá ocorrer. Você não pode negligenciar suas Artes Marciais.”

(fabricio: Great Cataclysm = Grande Cataclismo)

– “Eu sei.”

Agora que eles tinham compartilhado varias dezenas de anos juntos, questões raciais tais como ser um anjo ou ser um humano realmente não fazia importância. A coisa importante para Yoo il Han era que tivesse uma pessoa para cuidar dele e quem iria ouvi-lo. E Rita ocupou esse lugar, assim ele seguiu Rita. Era o suficiente.

Yoo il Han foi também o único humano que Rita veio a entrar em contato por várias dezenas de anos, portanto ela veio a nutrir de mais sentimentos do que somente piedade e compaixão pelo humano conhecido como Yoo il Han. Claro! Ela não disse em voz alta.

(fabricio: Prevejo um metade homem e metade anjo a caminho)

A estranha relação dos dois a qual ocorreu devido a um erro de Deus, estava progredindo em uma direção verdadeiramente maravilhosa.

– “Eu vou ler alguns livros.”

– “Essa é uma boa ideia.”

As Artes Marciais se tornariam importantes depois do Great Cataclysm ocorrer, mas a leitura ajudaria ampliando o raciocínio e construindo o fundamento do comportamento de alguém. Isto deveria ajuda, ou pelo menos não iria prejudicar.

Yoo il Han, quem agia demasiadamente rápido para que pudesse parecer excessivo depois de definir a sua atenção em alguma coisa, ele se trancou dentro da biblioteca da faculdade imediatamente. Como ele prometeu a Rita, ele treinou Vale Tudo e Lançamento de Lança durante 3 horas por dia, porém ele investia o resto do tempo exclusivamente em leitura.

Mesmo os mais bem preservados livros iriam mudar de cor depois de passar varias dezenas de anos, mas ‘graças’ ao ‘tempo parado’, os objetos não foram afetados pelo tempo. Foi uma coisa boa para Yoo il Han.

Suas preferências inclinaram-se em direção a novelas contemporâneas, mas ele ficou de saco cheio depois de ler esses por cerca de 5 anos e ele se mudou em direção a outros. Enquanto pensava que sua ordinária vida de universitário poderia continuar após o Great Cataclysm ocorrer, ele primeiro estudou livros principais relacionados a coisa que era administração, e quando ele estava também prestes a fica de saco cheio com isto, ele considerou outras opções de leitura e leu livros de psicologia e outros livros relacionados a área de humanas.

(Fabricio: ele está quase superando Freud, e chegando perto de Edward Elric.)

Ao contrário das Artes Marciais onde o progresso vem a ser menos perceptível após um certo ponto, a leitura acumula conhecimento. Yoo il Han, que estava agora viciado, espalhou seu interesse para outros livros dentro da biblioteca. Conhecimento comum, História, Geografia, Clássicos, Física, Química, Artes – Ele leu todos os livros existentes na biblioteca.

(Fabricio: o que eu falei, o maluco é um alquimista, daqui a pouco ele vai usar poder telepático)

Depois de passado poucos anos, os livros dentro da biblioteca eram insuficientes. De qualquer maneira não havia ninguém que guardasse as livrarias, portanto Yoo il Han começou a conquistar as livrarias dentro do seu alcance de caminhada em busca de livros que não estavam na biblioteca.

Entretanto, mesmo este tinha um limite. Em seu 67º ano de ter sido deixado para trás, ele tomou uma grande decisão. (Lembre-se ele não contava mais os anos, até então ele estaria com 20 + 67 = 87 anos em um corpo de 20).

– “Vamos aprender outra língua.”

– “Então vamos somente mudar de localização. Eu posso entregar suas refeições onde quer que seja.”

– “De onde que está vindo essa comida?”

– “Segredo”.

Enquanto ponderava se atravessaria ou não os mares, ele mudou-se para a China, o país fechado. Enquanto dirigia qualquer carro a fim de dirigir até que ele ficasse sem combustível, quando ele encontrava um posto de gasolina, ele reabastecia, e se não, ele somente mudava de carro.

Licença? Havia apenas Yoo il Han neste mundo, portanto estava tudo bem desde que o carro que ele dirigia não caísse de um penhasco ou explodisse depois de bater.

Mesmo enquanto em movimento, ele estudou chinês em seu tempo livre. Os estudos de língua fizeram dele anormal depois de estudar mesmo que um pouco se tornando possível devido à leitura de livros por varias dezenas de anos.

E a China que ele chegou de alguma forma era muito grande. E havia, é claro, muitos textos.

– “Talvez seja um erro estabelecer a China como a primeira parada.”

Yoo il Han gritou de alegria pelo fato de que havia muito conhecimento novo. A humanidade vai definitivamente voltar antes que eu conheça todo o conhecimento da China – nesse fato, ele até sentiu pena por isso.

Entretanto, esse foi seu mal-entendido. Mesmo depois de se aventurar em toda grande terra da China, e estudar todos os livros na China, a humanidade ainda não voltou. Yoo il Han já não perguntou a Rita quanto tempo passou e Rita também não falou disso.

Ele calmamente mudou-se para outro país. Foi porque ele sentiu que ele poderia ficar louco se ele não obtivesse uma nova estimulação, não importando o que fosse.

Cazaquistão, Uzbequistão, Paquistão, Índia, Mongólia…. Depois de aprender todas as línguas na Ásia, ele leu todos os livros, registrou e até mesmo logou na Internet em todos esses países. Como se ele morreria se não lesse alguma coisa, ele leu e leu novamente.

Uma vez, ele esqueceu a regra de ferro do treino das Artes Marciais durante 3 horas por dia e estava perto de ser espancado por Rita.

– “Você está realmente bem ?”

– “Está tudo bem. Em todo o caso.”

Ele levantou sua cabeça. A última página do último livro dos 7,5 milhões de livros dentro da Academia Russa de Ciências foi se revelando.

Apesar de que eram 7,5 milhões de livros, havia muitos livros que também existiam em outras bibliotecas, e para Yoo il Han, que poderia agora ler qualquer liro em um curto prazo de tempo, independente da espessura do livro devido à leitura repetida por incontáveis anos, não foi uma tarefa difícil.

– “Como esperado, eu não consigo entender livros técnicos mesmo depois de lê-los.”

Yoo il Han viu através dos limites deste cérebro. Parecendo que ele não era uma pessoa que fosse apta para Ciências. Ele apenas lia porque havia textos, e somente ler o livro não o faziam dele um Professional naquela área.

(Fabrício: Esse cara acabou com minhas expectativas sobre ele)

– “Agora vamos para a Europa.”

– “Você está falando em Russo agora mesmo, você sabe?”

– “Hyvää!”

(Fabrício: bom esse “hyvää” aí é Finlandês, que seria “Bom”, e em Russo seria “хорошо”, agora como se pronuncia eu não faço ideia.)

– “Okay, nós podemos ir para Finlândia.”

Quando ele passou pela Europa, o Oriente Médio e até mesmo a África, seu vocabulário tornou-se rico.

Foi o 216º ano depois que ele foi deixado para trás.

(Fabrício: bom aqui ele deve estar com a idade de 236, mas com a aparência de um garoto de 20 anos, ele seria um vovô–garoto)

– “Agora há apenas a América à esquerda e a Oceania!”

Yoo il Han animou como um estudante do ensino médio que apenas verificou que havia pouco trabalho de casa de verão para concluir. Em sua imutável tensão apesar dele ter vivido por mais de 200 anos, Rita fez um amargo sorriso e perguntou de volta.

– “Você sabe que tem você tem que ir de barco, certo?”

– “Está tudo bem. Há muitos barcos sem donos neste mundo!”

– “Isso é chamado de roubo.”

O poder do tempo foi verdadeiramente incrível. Tinha feito um estudante universitário sem noção em um aventureiro todo poderoso. Naturalmente, não havia necessidade de dizer duas vezes que o primeiro humano que recebeu mais tempo também tinha uma vida humana dura, mas Yoo il Han continuou em movimento sem descanso como se ele fosse morrer no momento que ele parasse.

Usando todo o conhecimento de Geografia, ele estabeleceu navegar a distancia o mínimo de barco a vela, e ele procurou por um barco o qual poderia resistir a essa distância. Nos incontáveis livros que ele leu até agora, haviam muitos livros especializados relacionados aos navios, portanto não teria qualquer dificuldade para encontrar um robusto e abastecido barco, e dirigi-lo.

– “Rita, a humanidade não morreu por acaso, certo?”

– “Eu disse que houve um desvio no eixo do tempo. Eu fui uma tola por pensar que era apenas duas ou três vezes. Parece que é pelo menos 10 vezes.”

– “Que excitante.”

(Fabrício: isso não é culpa minha, já estava assim, está muito pederasta.)

Depois que ele terminou de se preparar para a viagem, Yoo il Han sem hesitação deixou a terra em que ele estava. Enquanto a América e a Oceania esperavam por ele, ele não tinha tempo para o lazer.

E várias dezenas de anos se passaram novamente.

– “Eu Terrrrrrrmmmmiiiiiiiinei!!”

– “Uma pessoa tão desagradável”

Enquanto olhava para Yoo il Han quem estava gritando e rolando em cima da mesa dentro da Biblioteca Pública de Boston, conhecida por ser uma das maiores na América, Rita murmurou com uma voz cansada.

Yoo il Han finalmente tinha conquistado todos os livros disponíveis revelados para a humanidade. Apesar de que ela tivesse observado o inteiro processo com seus próprios olhos, foi uma façanha inacreditável.

Após ele deixar a biblioteca, sentou-se em um banco na rua e olhou para o céu sem expressão por um tempo, Yoo il Han murmurou enquanto inclinava sua cabeça.

– “O que eu faço agora?”

– “Artes Marciais?”

– “Eu tenho feito isso até agora também.”

Ele não leu apenas livros enquanto viaja ao redor do mundo. Ele foi para várias ruínas as quais permaneceram em algumas partes do mundo, ele encontrou traços de Artes Marciais e ele continuou revisando varias falhas em Vale Tudo e Lançamento de Lança. O treinamento foi de 3 horas no mínimo e as vezes iria ser entre 8 e 12 horas de treino.

Suas Artes de Luta e Artes de Armas se transformaram a tal ponto que ele não conseguiu encontrar o estilo original, foi desenvolvida em técnica pratica e de alto nível ao ponto de que Rita teria uma dificuldade lutando com ele sem mana por um tempo.

Isto era algo que era inalcançável por alguém que não tivesse talento, mesmo se essa pessoa recebesse incontáveis anos. Rita é claro, não disse isso para Yoo il Han. Já que ele iria ficar se sentindo quando ela dissesse!

– “Rita, exceto Artes Marciais ou Conhecimento, há alguma coisa que possa ajudar após o Great Cataclysm ocorrer?”

A pergunta que voava em direção a Rita, que estava pensando sobre o talento de Yoo il Han, foi esta. Quando ela ouviu isso, Rita podia sentir arrepios.

– “Você….”

Sua pergunta provou uma coisa.

Yoo il Han, quem experimentou mais coisas do que um ser humano poderia experimentar em um tempo de vida, ainda não perdeu a esperança apesar do tempo que tinha passado.

Para ele, sua vida não tinha acabado. Não, talvez ele pudesse estar pensando que não tinha começado até agora. Todas as coisas que ele fez até agora talvez somente em preparação para a vida depois do Great Cataclysm.

Foi um longo tempo mesmo para Rita, que era um anjo, mas um ser humano que não viveria passando dos 100 anos em média foi tratando os últimos anos como preparação prévia. Naturalmente, ele mesmo não sabia exatamente quanto tempo tinha passado, mas que não fez Rita menos surpresa.

– “Você, como você pode ser assim?”

Como ela estava aturdida, Rita cuspiu a pergunta que ela suportou até agora.

Se Yoo il Han quisesse se vangloriar um pouco, ele poderia ter respondido com uma resposta extravagante, mas ele, quem viveu enquanto procurava por novos conhecimentos e experimentou sem estar em contato com outro ser humano por incontáveis anos, apenas tinha franqueza e honestidade agora. Podia considerar que ele regressou de volta para uma criança.

– “Você disse que eu preciso fazer isto, então eu faço isso. Eu não posso praticar mana então eu preciso fazer outras coisas.”

– “…..”

Com Yoo il Han, quem suspirou enquanto respondia, em frente dela, Rita perdeu as palavras de sua fala. As incontáveis emoções e impulsos misturados uns com os outros e explodindo ao ponto de estourar branquearam sua mente.

Logo, ela não sabia que expressão fazer e virou sua cabeça e estendeu suas asas.

– “Eu estou indo!”

– “Diga-me o que fazer antes de partir!”

– “Pense sobre isto você mesmo a partir de agora!”

Rita desapareceu do local, e Yoo il Han ficou confuso. Depois de pensar e julgar com frieza a situação, ele murmurou novamente enquanto suspirava.

– “Vamos primeiro voltar para casa.”

Este foi um momento histórico onde um anjo abrigou mais do que apenas boas intenções em relação a um ser humano. E obviamente, Yoo il Han não notou isso.

Yoo il Han não sabia, mas este foi o 274º ano depois de ter sido deixado para trás.

(Fabrício: bom aqui ele estaria com 294 anos, com aparência de novo, mas ainda virgem, apenas um detalhe)

A humanidade não tinha retornado ainda.

=====Notas do Autor======

Em fato, é insuficiente ler todos os livros do mundo mesmo com 500 anos. Por favor, pense que é possível apenas porque o MC só leu livros por 100 anos e sua habilidade de leitura veio a ser anormalmente alta. Em outras palavras, Novel exagerada!

 

 

Contribua com a Novel Mania!