DDf – Volume 2, Capítulo 3.6 – Hino Desumano


Lorde Demônio mais fraco, 71º rank, Dantalian, Calendário Imperial: 17/09/1505, Proximidades do Castelo do Lorde Demônio Dantalian

 

 

Cinco minutos se passaram desde o começo da batalha.

Apesar de temporária, a situação atual da batalha estava bem equilibrada. O ânimo dos soldados inimigos era bem impressionante. Entretanto, havia algo um pouco mais impressionante. A condição atual da Laura De Farnese.

“Senhorita Farnese, tudo bem com você?”

“Estou bem. Não há problema algum com esta jovem senhorita.”

“Mas você está transpirando bastante…”

Laura De Farnese estava transpirando a um ritmo assustador já fazia algum tempo. Eu estava preocupado sobre ela estar nervosa, mas felizmente este não era o caso. Era uma espécie de superaquecimento cerebral. De acordo com ela, ‘Isto sempre acontece quando esta jovem senhorita força o seu cérebro’, foi o que ela me disse.

“A moral do regimento de cavalaria inimiga parece estar relativamente alta.”

“Uma escolha tola. Teria sido melhor se eles tivessem tentado escapar no momento em que descobriram nossas tropas. Apesar de que eles iriam sofrer baixas durante a perseguição, ao menos trinta por cento deles sobreviveria.”

A Senhorita Farnese deu grande sorriso.

O seu sorriso ainda estava estranho. Os cantos de sua boca estavam duros e seus lábios estavam tremendo. E mesmo assim, de alguma forma aquele sorriso era o que expressava Laura De Farnese mais apropriadamente. Ao menos ele me agradava.

“Mas o inimigo escolheu não fugir. Eles entraram em combate como se fosse a coisa mais óbvia do mundo a se fazer. Você sabe qual o motivo disto, senhor?”

“Provavelmente por causa da erva negra.”

“Correto. Se eles conseguirem retornar com a erva negra, então eles conseguirão salvar o seu território. Seria possível até mesmo receber elogios da população. As forças inimigas estão tão presas a esta ilusão que não conseguem abandonar as carroças.”

Em frente a uma isca atraente, o peixe podia fugir facilmente a qualquer momento, mas eles eram fisgados mesmo assim.

Esta habilidade não era deveras esplêndida?

A Senhorita Farnese utilizou a ilusão conhecida como ervas negras como uma forma de pressionar o inimigo a entrar em combate. Muito provavelmente eles nem perceberam que foram enganados. Eles literalmente se transformaram em peixes imbecis. Nosso truque funcionou extremamente bem.

“Bem, então. Senhorita Farnese. Apesar de que tudo até agora foi digno de elogios, a moral das forças inimigas não pode ser ignorada. Como você planeja lidar com essa situação?”

“Simples. A razão para a moral deles estar alta é porque eles estão na ofensiva. Mas esta jovem senhorita é consideravelmente egocêntrica. Esta jovem não pode permitir que eles tenham um papel tão divertido por tanto tempo neste palco.”

A Senhorita Farnese segurou firmemente o boneco de cerâmica em sua mão.

“—Lentamente eu os pressionarei a um papel angustiante.”

 

 

 

O Guardião do Norte, Marquês de Rosenberg, Georg Von Rosenberg, Calendário Imperial: 17/09/1505, Proximidades do castelo do Lorde Demônio Dantalian

 

 

“General! A cavalaria inimiga está vindo pela lateral!”

“O quê?”

Eu olhei para a outra ala do campo de batalha. Meu ajudante estava certo. Uma unidade da cavalaria inimiga estava indo por um caminho mais longo ao redor da colina e se aproximando de nós. Eu fiz uma careta.

“Outra tática tola… Se eles possuíssem mais cavalaria nas forças reservas, então seria apropriado fazer com que eles participassem da batalha imediatamente. Por que eles estavam ordenando algo assim, um ataque nos flancos?”

Não restavam dúvidas de que o comandante inimigo era um amador em táticas de guerra.

No momento, uma batalha ferrenha entre as nossas tropas montadas e as inimigas estava acontecendo. Nossas forças de combate eram consideravelmente equiparadas.

Se o inimigo utilizasse suas forças reservas nesta situação, então nós mal teríamos um décimo de chance de vencer. Nossas forças montadas seriam aniquiladas, e em seguida nossa infantaria. Nossas forças seriam completamente derrotadas. Apesar disto, o comandante inimigo escolheu tolamente usar as suas tropas reservas como uma força separada.

“Mmm. O comandante inimigo não tem olhos bons para ver o fluxo da batalha…?”

Na minha situação, eu só podia ser grato por isto. Se as forças deles avançassem sobre nossos flancos, então tudo que teríamos que fazer era utilizar nossa infantaria para bloqueá-los. Só estender nossas lanças já seria o suficiente para manter a cavalaria inimiga sob cheque.

Apesar de que esta seria uma batalha tensa, estava tudo bem. A vitória ainda estava ao nosso alcance. Nós possuíamos habilidade para sairmos vitoriosos. As Deusas não nos abandonaram!

“Companhia de infantaria na asa direita. Preparem suas lanças e espalhem-se em uma parede anti cavalaria. Mostrem a estes homens imprudentes o Inferno e…”

E naquele momento, algo entrou no meu campo de vista.

Os vagões de transporte. Os vagões abarrotados de ervas negras estavam atrás de nós… Certamente eles estavam almejando isto!? Eles estavam mais desesperados para recuperar seus bens do que vencer a batalha imediatamente?”

O comandante inimigo era um sujeito mesquinho. Era revoltante estar muito mais preocupado com o dinheiro do que com a sua própria vitória. Mas esta ganância foi o que nos pegou desprevenidos…

Eu mordi meu lábio com força e dei uma ordem.

“…Foquem nossa força militar na asa direita.”

“General, com isso nossas forças ficarão frágeis dos dois lados!”

Meu ajudante ficou assustado.

“O inimigo pode conseguir quebrar nossa formação. Por favor, reconsidere isto!”

“Ajudante. Eles estão mirando nos nossos vagões. Não podemos permitir que as ervas sejam pegas agora.”

“…!”

Aquelas ervas eram o futuro da nossa terra. As vidas de nossas crianças. A esperança para curar os pais do desespero. Como se fossemos deixar que eles tomassem as ervas de volta tão fácil assim!

“Rápido agora. Se os vagões forem atacados, então tudo estará perdido.”

“Sim, general! Como você ordenar!”

Assim que o sinal com a bandeira foi dado, nossos soldados mudaram o foco para a asa direita. Com isto, o comandante inimigo se sentirá desencorajado a tentar pilhar os vagões. Não foque seus olhos no saque ou algo do gênero e venha nos enfrentar direito.

 

 

Lorde Demônio mais fraco, 71º rank, Dantalian, Calendário Imperial: 17/09/1505, Proximidades do Castelo do Lorde Demônio Dantalian

 

 

 

“—A guerra realmente é bem divertida, senhor.”

A Senhorita Farnese cantarolou.

No momento, a moral das tropas inimigas havia diminuído consideravelmente. O seu comportamento agressivo transformou-se lentamente em um comportamento passivo. A determinação que eles demonstraram no início da guerra já havia desaparecido e fugido para longe.

“E pensar que controlar as pessoas de acordo com os desejos desta jovem senhorita seria tão prazeroso. Esta jovem não consegue se conter. Apesar de que é possível vencer simplesmente esmagando a asa direita da formação inimiga, mas… isso seria insípido.”

“O que você quer dizer com insípido?”

“Obviamente, o gosto da comida. Pratos cozinhados com sinceridade são o que carregam valor de verdade. Um prato feito com mais pressa do que com cuidado não seria uma falta de educação para com os convidados?”

A Senhorita Farnese falou com a voz repleta de alegria.

O seu rosto estava brilhando como o de uma criança imersa em sua brincadeira.

“Esta jovem senhorita deseja manipular mais um pouco. Manejar mais um pouco. Aproveitar mais um pouco. É por isto que esta jovem senhorita não vai fazer algo insípido como aniquilar o inimigo instantaneamente.”

“…”

Certamente.

Estas eram as tendências da humana chamada Farnese?

No meu caso, eu não pensaria da mesma forma que ela. Se a oportunidade de esmagar o oponente aparecesse, então eu teria certeza de despedaça-los sem deixar nenhum risco em potencial. Eu deveria chamar isto de ‘queimar a raiz do problema’? Não importava o que fosse, eu gostava de livrar da questão imediatamente.

Por outro lado, a Senhorita Farnese fazia parte do grupo de pessoas que gostava de aproveitar as coisas lentamente. Ao dar aos inimigos esperança, em seguida desespero e logo em seguida esperança outra vez, ela desejava aproveitar isto o máximo possível.

Bem, resumindo, se você dissesse que eu sentia a autoridade quando eu me via dominando os oponentes, então pode-se dizer que Laura De Farnese sentia a autoridade quando ela via os oponentes se desesperando graças a ela. Apenas o direcionamento era diferente, mas o desejo por autoridade era o mesmo.

Eu ri levemente.

“Você não é nada diferente de uma criança totalmente empolgada com um brinquedo novo. Dito isto, quando você chegar a um certo nível de cansaço dele, você vai acabar começando a lidar com as questões rapidamente como eu. Já que agora é o momento mais divertido, brinque o quanto você quiser.”

“Mm. Já que vai demorar um bom tempo até que esta jovem senhorita comece a se entediar disto, ela vai ficar bem por enquanto.”

“Eu deixei o meu aviso bem claro.”

Eu conhecia muito bem este sentimento, já que houve um tempo em que passei por algo similar ao que esta pequena senhorita estava experimentando agora.

Até hoje a memória de quando eu, secretamente, fiz dois alunos abandonarem a escola, quando eu era o presidente estudantil, é divertida.

Contudo, fazer algo assim repetidamente apenas fazia com que ficasse sem graça.

Apesar dos humanos se cansarem das outras pessoas bem rápido, eles raramente se cansavam de si mesmos. Graças a este princípio eu consegui viver tanto tempo assim… Passados cerca de sete ou dez anos, a Senhorita Farnese acabará percebendo isto naturalmente. Por favor, aproveite seus tempos áureos o máximo que você poder.

Laura de Farnese estava observando a linha de frente com os olhos brilhando de antecipação.

“Ah—, não recuem agora. Por favor, se revoltem contra esta jovem senhorita mais um pouco. Vocês cavaleiros não são soldados valentes do Império de Habsburgo? Mostrem novamente o vigor que vocês demonstraram antes e causem mais dificuldades a esta senhorita—. Tentem avançar sobre esta jovem como cães miseráveis e façam com que jovem senhorita fique despedaçada—.”

…Isto era uma sádica, ou era uma masoquista?

Já que eu havia pensado que ela era uma sádica, eu estava tranquilo, mas surpreendentemente ela pode ser uma masoquista.

Era isto então? Quando eu apertei o redemoinho da cabeça da Senhorita Farnese, o que ela sentiu não foi desconforto, mas sim prazer? Será que eu, que possuía os melhores olhos julgadores do mundo, julguei errado a sua personalidade? Mas que assustador. Para um sádico saudável como eu, os masoquistas não passavam de uma raça alienígena que eu não conseguia entender. O fato de haver tantos pervertidos estranhos no mundo era bem perturbador…

 

O Guardião do Norte, Marquês de Rosenberg, Georg Von Rosenberg, Calendário Imperial: 17/09/1505, Proximidades do castelo do Lorde Demônio Dantalian

 

 

…A situação não era boa. Pouco a pouco nossas forças estavam sendo forçadas a recuar.

Apesar de querer fazer tudo o possível para mudar o rumo da batalha, nós não tínhamos a habilidade necessária para isso. Os inimigos insistiam em vir em direção aos nossos vagões. Nossas tropas estavam presas por causa disto.

“É como se nossas posições tivessem invertido…”

“Sim. É como se agora eles fossem os invasores e nós os defensores. Neste ritmo, nós não conseguiremos fazer nada.”

Meu ajudante mordeu o lábio. A sua feição estava aflita. Nossas forças não conseguiam fazer coisa alguma, e ao invés disto, estavam sendo reprimidas pelo inimigo.

De qualquer forma, esta não era a parte mais angustiante. Na verdade, nossos soldados estavam conseguindo combatê-los relativamente bem. Ao menos era assim se você analisasse objetivamente. Eles superaram a diferença do dobro da força militar e estavam lutando em pé de igualdade com as tropas inimigas. Com toda certeza isto era um feito impressionante.

Mas lentamente.

Lentamente mas sem parar, a visão de nós sendo sobrepujados me assombrava.

Este era o sentimento que estava nos pressionando contra uma cama de espinhos.

Lamentos escapavam de meus lábios.

“… Se nossas forças estivessem na ofensiva então nós teríamos muitas opções disponíveis. Ao menos, se nossas tropas estivessem em uma clara desvantagem nós poderíamos ordenar uma retirada.”

“Mas é difícil decidir qualquer coisa nesta situação atual, general.”

“É isto mesmo. É problemático.”

Seja vitória ou derrota, um tipo de resultado tinha que aparecer à nossa frente para que respondêssemos apropriadamente. E ainda assim, qual era a nossa situação atual? Não era uma coisa nem outra. Apenas o fluxo da nossa força militar sendo corroída lentamente mas sem parar continuava…

Muito provavelmente eu não deveria ordenar uma retirada nas nossas circunstâncias atuais. No momento nossos homens estavam enfrentando os inimigos desesperadamente. A única coisa que estava apoiando os soldados era a sua esperança. Só mais um pouco. Se eles se esforçassem só mais um pouco, então talvez eles pudessem vencer. Esta era a esperança que os mantinha em pé.

Entretanto, na verdade, este ‘mais um pouco’ nunca diminuía abaixo de uma certa quantia. As forças inimigas mantinham o controle teimosamente, e nós estávamos apenas sendo levados por eles. Lentamente a energia das nossas tropas estava chegando ao limite…

Se nós ordenássemos uma retirada agora, então este seria o momento em que nossos soldados realmente cairiam em desespero. O espírito de lutas deles desapareceria imediatamente. Este seria o fim. Sem conseguir recuar apropriadamente, sem conseguir obter a vitória, nossas forças se desmanchariam miseravelmente por contra própria.

Drosera. [1]

Parecia que estávamos presos em uma planta carnívora meticulosa. Uma sensação grudenta desagradável percorreu a minha coluna. A minha boca ficou seca. O sentimento de não ser uma coisa nem outra, enquanto ao mesmo tempo era arrastado passo a passo em direção à morte certa… Este sentimento absurdamente agonizante.

O comandante inimigo realmente era um amador? Talvez nós tivéssemos sido pegos em uma armadilha? Isto era uma ideia idiota, mas eu não conseguia ignorar as minhas dúvidas.

Em primeiro lugar, este tipo de batalha ia contra as minhas preferências. Causar destruição como uma tempestade e eliminar os inimigos. Este era o tipo ideal de batalha que eu almejava. Como as coisas acabaram assim…

“General. Talvez esta seja a estratégia do inimigo?”

“Uma estratégia?”

Meu ajudante olhou para mim com o rosto apreensivo.

“Eu estou me referindo as duas unidades que nossas tropas suprimiram ontem. Eles podem ter deixados àquelas duas unidades como iscas para fazer com que nós ficássemos descuidados.”

“Não. Isso é impossível.”

Eu balancei a cabeça decisivamente.

“Se você somar aquelas duas unidades então chegaria a trezentos soldados. Se você combinar aqueles soldados com as tropas inimigas que estamos enfrentando agora, então eles poderiam ter nos finalizado facilmente. Por que eles descartariam a chance de conseguir uma vitória fácil?”

“Está certo, huh…”

“Somado a isto, nós demolimos o Castelo do Lorde Demônio deles. Se por um acaso, nossa situação atual realmente fosse uma armadilha, então isto significaria que eles permitiram que nós destruíssemos sua fortaleza livremente. Caso isto seja verdade, o inimigo não ganharia nenhum benefício com isso.”

Não há dúvidas. Eles receberiam apenas prejuízo.

As ervas negras foram saqueadas e o Castelo do Lorde Demônio deles foi destruído. A nível estratégico as forças inimigas já perderam. Mesmo que eles nos dizimassem aqui, as tropas inimigas não poderiam celebrar sua vitória. Eles ganhariam a batalha, mas seriam completamente derrotados estrategicamente, esta seria a conclusão desta guerra.

“…Acho que não temos outra alternativa. Vamos utilizar os magos.”

“Sim. Eu também acho que não nos resta outro método. Se as Forças Mágicas Aéreas bombardearem os inimigos do céu com pólvora, então nossa situação pode melhorar, mesmo que seja só uma fração de melhora.”

O número de magos que nossas forças possuíam atualmente era quatro. Isto era um número excessivamente pequeno, mas já era suficiente para causar impacto nas tropas inimigas. Vamos colocar nossa fé nesta última cartada.

“General. As Forças Mágicas Aéreas decolaram em formação.”

Meu ajudante relatou. Assim que eu olhei para cima, um grupo de magos voou pelo céu mantendo uma altitude de cento e cinquenta metros. Minhas mãos começaram a transpirar… Apenas quatro magos. Entretanto, as vidas de todos nossos cento e cinquenta soldados estavam sobre seus ombros. Não, se você considerasse as ervas estocadas nos vagões, então as vidas de sete mil pessoas de nossas terras também repousavam em seus ombros!

Eu lhes imploro. Levem caos as forças inimigas!

Vocês não tem que matar muitos deles. Já seria suficiente simplesmente plantar o medo de que ‘pólvora e fogo estão caindo do céu’, em seus corações. Uma pequena desordem. Só isso já seria suficiente para criar um apoio para virar o fluxo desta batalha. Os magos avançaram apressadamente para a linha de frente. Mais um pouco, só mais um pouco…!

“G-General. Olhe para lá.”

Naquele momento, meu ajudante me chamou. A sua voz estava coberta de desespero.

“É uma Força Mágica Aérea. As tropas inimigas também mobilizaram as Forças Mágicas Aéreas deles.”

“O que? Isso não é…”

Possível. Quando eu estava prestes a terminar minha frase, algo também entrou no meu campo de visão. Do outro lado, um grupo de magos hostis voando em vassouras estava se aproximando pelo ar. Eles eram magos com grandes chapéus cônicos sobre suas cabeças.

“Não me diga que são bruxas…?”

Meu corpo inteiro tremeu com o choque.

Bruxas, elas recebiam juventude eterna por devotar suas almas aos Lordes Demônios, elas possuíam o mais alto nível de proficiência. Além disto, eram muitas delas. Comparadas aos nossos magos, elas nos superavam completamente.

“Dez, não, são onze. General! Os nossos oponentes tem uma quantidade assombrosa de usuários de magia!”

“Isso não é possível. Por que tem bruxas lá!?”

No centro dos céus, nossos magos lutaram contra os deles. Eles foram caçados e derrubados em um piscar de olhos. Como se estivessem se divertindo com brinquedos, as bruxas mataram nossos magos um por vez. Aquilo não era uma batalha. Aquilo era apenas um massacre…

Nosso único mago restante fugiu desesperadamente até que ele finalmente foi ao chão. Conforme seus membros foram arrancados, ele gritou. Os pedaços de carne, que foram quebrados em pequenas parcelas, caíram dos céus em direção ao chão. Então, as bruxas celebraram a sua carnificina voando em círculos no céu. Meu ajudante e eu ficamos embasbacados pela visão horrenda que acabamos de testemunhar.

As bruxas voltaram ao acampamento inimigo como se elas estivessem vivendo uma vida livre de qualquer preocupação mundana. Parecia até que elas haviam saído para caminhar e agora estavam voltando.

Meu ajudante olhou para mim, seu rosto estava pálido como o de um cadáver.

“G-General…”

“…”

Pense. Não entre em pânico e concentre-se, Georg!

Por que eles enviaram as bruxas agora? Se eles tivessem mandado elas no começo da batalha, então eles poderiam ter nos derrotado muito facilmente. Por que eles usaram o seu trunfo só agora? O objetivo deles não era nos aniquilar? Que tipo de significado isto poderia ter… Espera, e se não tivesse significado? E se ‘não ter significado’ era o que representava as suas intenções…?

Lentamente eu abri a minha boca.

“…Levante a bandeira branca. Nós estamos nos rendendo.”

“Perdão?”

“As forças inimigas não tem intenção de nos enfrentar seriamente. Eles estão só brincando com nossas tropas lentamente, enquanto esperam nós apodrecermos. Eles estão nos tratando como brinquedos.”

Minha mandíbula tremeu por causa desta emoção miserável.

“Eles podem acabar conosco quando bem quiserem, entretanto, eles não estão fazendo isto. É porque desde o princípio eles planejavam nos ridicularizar.”

“Não pode ser…”

O rosto do meu ajudante ficou manchado pela angústia. Eu não tinha energia para repreendê-lo por fazer uma expressão destas.  O sentimento de derrota estava me esfaqueando por dentro.

“Se nós continuássemos a batalha assim, a única coisa que nos restaria era ser erradicados. A única diferença era se nós gostaríamos de ser aniquilados mais cedo ou mais tarde. Hasteie a bandeira branca, ajudante… Nós só podemos ter esperança de que eles nos mostrarão um pouco de generosidade…”

Nós enviamos um mensageiro ao campo inimigo para informá-los da nossa desistência.

Não iria acabar só com isto. Havia a chance de que o inimigo não permitiria que nós nos rendêssemos. Que eles continuariam nos assistindo morrer enquanto tremíamos de agonia.

Então tanto recuar quanto se render seria impossível. Nesta situação, tudo o que nossos soldados poderiam fazer era aceitar morrer como cães e lutar até o último instante. E, como o comandante inimigo esperava, nós gritaríamos de dor enquanto caíamos em um verdadeiro Inferno, até que finalmente morrêssemos na batalha. Um sentimento indescritível de impotência estava pesando fortemente sobre meus ombros…

Pouco depois, nosso mensageiro retornou.

Por sorte, parece que as forças inimigas aceitaram nossa rendição. Exceto que, havia certas condições.

Deixar para trás as ervas negras roubadas do Castelo do Lorde Demônio, abandonar nossas armas, e deixar aqui as bandeiras do nosso regimento militar.

“Eles estão nos dizendo para desistir de nossos espólios, nossas armas e de nossa honra?”

Estas não eram condições fáceis de serem aceitas. No mínimo, esse era o tipo mais humilhante de rendição.

A voz de meu ajudante tremeu.

“General. Estas condições são muito severas. Ao invés disto, nós deveríamos apenas lutar até o último instante.”

“Então o que restaria? Nós todos morreremos, e o povo de Rosenberg será tomado pelo caos. Não temos outra opção senão aguentar nossa humilhação agora.”

“Mas.”

“Eu não vou aceitar reclamações.”

Os comandantes de companhia abaixaram as suas cabeças. A atmosfera estava pesada. Era o humor das pessoas que perderam sem uma justificativa. Era inimaginável que chegaríamos a este tipo de situação. Tanto para eles, quanto para mim…

“Avise-os que aceitaremos as suas condições.”

“…Sim.”

“Levantem suas cabeças. Vocês deram seu melhor para me seguir com lealdade. Eu sou o único que deve receber a culpa por esta derrota. Vocês não fizeram nada de errado.”

Eu bati levemente no ombro do meu ajudante.

Uma voz macia, que surpreendeu até a mim, saiu de meus lábios.

“General.”

“Não se esqueçam da humilhação de hoje. Além disto, hoje não será o pior dia de suas vidas. Vocês poderão ir para casa depois de ter sobrevivido por pouco e com seus membros intactos. Para um soldado, não há nada mais importante do que isto.”

Os comandantes de companhia concordaram balançando a cabeça com dificuldade.

Estes homens mostraram lealdade mais do que suficiente para com o seu senhor. Era difícil encontrar soldados tão fiéis quanto eles no império. Só por conseguir mandar estes soldados de volta para suas casas vivos já era o suficiente para não me deixar desencorajado.

“Então agora, vamos partir. Este velho tomará à frente.”

“Sim, general.”

A batalha havia acabado.

As nossas tropas avançaram para frente mantendo uma formação de coluna. Nós deixamos nossas armas para trás.

A maioria dos nossos soldados se recusou a jogar fora suas armas sem importância como adagas ou facas, mas não havia alguém que implicasse com isso. Nós descartamos todas nossas bestas e lanças.

Nossos passos deveriam estar tão mais leves quanto à quantidade de equipamentos pesados que perdemos, mas a atmosfera sobre nossas tropas era infinitamente pesada. Todos estavam silenciosos.

As tropas inimigas estavam espalhadas dos dois lados da colina. Parecia que um mar estava dividido ao meio. Eles muito provavelmente estavam dizendo para nós passarmos obedientemente. Eu rangi meus dentes com rancor para este caminho ao qual eles estavam nos guiando por e pelo qual, parecia que estavam zombando de nós.

‘Algum dia eu terei a minha vingança’

E, portanto eu desistirei do destino de morrer submissamente na minha cama.

Lorde Demônio Dantalian. Antes de minha morte, juro por meu nome, Georg von Rosenberg, absolutamente, eu me vingarei pela derrota de hoje. Dez vezes, não, eu lhe pagarei de volta vinte vezes por isto, e assistirei enquanto você implora por perdão no chão!

Se eu estiver determinado, então eu posso juntar dez mil soldados. Também não era impossível pedir ajuda de outros marqueses na vizinhança e aumentar as tropas para vinte mil soldados. Eliminar algo como um Lorde Demônio de rank 71 era uma tarefa ridiculamente fácil.

Algum dia. Assim que a Peste Negra acalmar e o meu território atingir certo nível de estabilidade, eu retornarei.

Foi neste momento, enquanto eu caminhava penosamente com o restante de minhas tropas.

“…?”

Algo entrou no meu campo de vista. No topo da colina. Pensando que havia enxergado errado, eu semicerrei os olhos para ver e fiquei estupefato.

Um anjo estava parado no topo da colina.

Uma garota indescritivelmente bela estava lá. Ela era tão encantadora que fez eu, alguém que estava na idade em que deveria começar a se preparar para morrer, pensar isto. Eu a encarei sem ter reação até que sacudi rapidamente a minha cabeça como se estivesse tremendo.

Acalme-se. Não tem porque um anjo estar diante dos meus olhos, certo?

Eu estava muito maculado pela realidade para poder acreditar que um anjo havia descido para a terra. Vamos apenas pensar nisto como ‘eu havia visto uma garota incrivelmente elegante’.

“…”

E naquele momento, a garota fez uma pequena saudação voltada para a nossa direção. Ela levantou levemente a ponta de sua capa e curvou sua cintura. Era um estilo de cumprimento perfeitamente fiel às regras da nobreza.

‘Certamente isto não é um cumprimento para mim?’

Para examinar a garota melhor, eu pisquei meus olhos várias vezes.

E no instante em que eu olhei novamente para a colina distante.

—Eu enxerguei.

 

 

 

 

 

 

 

“…”

Um ser diabólico estava sorrindo atrás da garota.

Apesar de em toda a minha vida eu nunca ter visto a existência conhecida como ‘o diabo’, neste momento eu entendi ‘a que’ as pessoas se referiam quando chamavam algo de o diabo.

“Todas…”

Todo e qualquer nervo no meu corpo estava emitindo sinais de perigo para meu cérebro.

Isto não era permitido. Isto não era algo que tinha permissão para existir sobre a terra.

É claro, era uma alucinação. Assim que eu pisquei novamente e olhei para o topo da colina mais uma vez, a figura angelical da garota havia retornado.

“Todas as forças…”

Entretanto, meus instintos estavam gritando. A intuição que eu afiei por cinquenta anos estava gritando com todas as suas forças. Que isto era perigoso, que se ficar aqui mais um segundo sequer era extremamente perigoso. Seguindo a intuição que salvou a minha vida incontáveis vezes, eu abri minha boca.

 “Todas as forças… fujam! Isto é uma armadilha!”

E ao mesmo tempo.

Milhares de flechas choveram de cima da colina.

Gritos ressoaram por todos os lados. Sangue espirrou. A marcha que antes era silenciosa transformou-se instantaneamente em um verdadeiro inferno. À esquerda e a direita, as tropas inimigas que estavam dividias ao meio estavam atirando suas bestas incessantemente. Nossas tropas, que haviam deixado para trás suas armas, não podiam sequer considerar a opção de resistir e estavam sendo abatidas como gado.

“Escapem! Todas as forças, não caiam de joelhos. Façam tudo que for possível para fugir!”

Apesar de eu estar gritando como se estivesse vomitando sangue, meus soldados não responderam. Eles estavam apenas dominados pelo pânico e estavam correndo de um lado para o outro confusos. Havia até mesmo homens que abaixaram suas cabeças até o chão e começaram a tremer.

“Vossa Senhoria. Você tem que escapar!”

Meu ajudante gritou.

“Este lugar é perigoso! Por favor, pense no futuro!”

“Mas os soldados—”

“Nós não consideramos homens incapazes de cuidar de suas próprias vidas como parte da companhia livre. Ei! Pegue Vossa Senhoria o Marquês e fuja rapidamente! Se nosso senhor receber um arranhão sequer eu vou enfiar pessoalmente um prego no seu cu!”

A cavalaria veio até o meu lado, mas não me movi. Eu era o comandante. Eu não podia fugir e deixar para trás meus soldados. Mesmo que eles não fossem forças civis, mas sim soldados contratados, isto não mudava.

“Perdoe minha falta de educação.”

Meu ajudante esticou a perna.  Em seguida ele bateu com força o calcanhar de seu sapato contra a perna do meu cavalo de guerra. Meu cavalo, ao ser golpeado pelo calcanhar afiado, soltou um relincho alto e começou a correr a toda velocidade.

“Ajudante!”

“As Deusas protegerão Rosenberg!”

Em poucos instantes, eu havia cruzado a colina e escapado do campo de batalha. Virei-me para trás uma última vez e enxerguei meu ajudante fazendo todo o possível para colocar os soldados sob controle.

Uma flecha veio voando de algum lugar e perfurou a cabeça do meu ajudante. Ele caiu de seu cavalo. A sua expressão e ele caindo no chão, eu não consegui ver nada disto. A infantaria estava cobrindo completamente a área ao redor dele. O corpo do meu ajudante caiu no centro das tropas remanescentes… Como se estivesse sendo engolido por um oceano…

“—Kuuuuuh!”

O gosto de sangue se espalhou pela minha boca. Sem que eu percebesse, eu havia mordido minha língua. Fúria corria pelas veias descontroladamente. O interior da minha cabeça estava tão quente que eu parecia não sentir o meu crânio. Eu olhei para a colina.

“Eu vou te matar…!”

Eu tinha certeza de que aquela garota era a comandante das forças inimigas. Aquele cumprimento, o cumprimento que parecia ser tão modesto, não passava de um sinal para abrir fogo. A garota era uma peça do Lorde Demônio Dantalian. A principal culpada por me causar esta desgraça. E minha inimiga! Inimiga de Rosenberg!

 

 

“Eu não te perdoarei! Eu juro pelo Rio Estíge, eu não vou te perdoar até o dia que você morrer! Colocando o nome e a honra de Rosenberg em jogo, colocando meu sangue e meus ossos em jogo, eu, absolutamente, vou te matar!”

Zombe destes gritos de um perdedor desgraçado. Tudo bem em fazer isso.

Sendo um juramento solene, eu proferi a máxima passada por gerações na minha família. [2]

“O Norte não deixará que esta vingança caia no esquecimento!”

Eu devotarei o pouco que resta da minha vida para conseguir minha vingança contra esta garota. Lorde Demônio Dantalian. Você também, eu cortarei a sua cabeça e a colocarei sobre o altar da Deusa. E então, quando eu cumprir completamente minha vingança, será quando eu cerrarei meus olhos…

 

 

 


Tradutor: Yuere   |   Editor: Golias



Notas:

1 – Drossera

2 –  Máxima solene segundo Dantalian no volume 1 de Dungeon Defense: “Uma máxima, neste mundo, era algo gravado na história em todas as áreas de influência e poder. Elas eram juramentos sagrados que afirmavam que o quem a declamou usaria todos os meios possíveis, até mesmo sua própria vida, para manter a promessa.”

Quase acabando esse volume, semana que vem começa o último cap, depois é só a intermissão e acabou.

Não se esqueçam de comentar sobre o capítulo, os comentários incentivam tanto o tradutor quanto o editor principalmente os mais novos.

Contribua com a Novel Mania!
Alterar fonte
Cores