DDf – Volume 2, Capítulo 3.2 – Hino Desumano



O Guardião do Norte, Marquês de Rosenberg, Georg Von Rosenberg, Calendário Imperial: 16/09/1505, Proximidades do castelo do Lorde Demônio Dantalian

“Vossa Senhoria. A tropa de reconhecimento retornou.”

“A batalha está prestes a começar. Refira-se a mim como general, não como senhor.”

Eu corrigi o erro de meu ajudante severamente.

Se tornar um nobre de excelência era difícil. Nas ocasiões normais você tinha que ficar imerso nas obrigações sociais enquanto tomava conta das questões internas. Enquanto nas situações de emergência você tinha que se responsabilizar como o comandante supremo na guerra. Magnanimidade e leniência tinham que coexistir com a insensibilidade.

Portanto, o seu título era de suma importância. Havia uma energia espiritual nas palavras. As pessoas podiam mudar livremente dependendo do nome que era dado a elas.

No momento eu não era o soberano do ducado de Rosenberg, mas sim o comandante de um exército de mil homens. Não Vossa Senhoria marquês, mas sim um mero general. Poderia chamar isto da tenacidade de um velho. A minha crença era que se o seu nome não se destacasse imediatamente, então tudo iria ao chão.

“Sim. Peço desculpas, general. Corrigirei meus erros de agora em diante.”

“Bom. Dê-me o relatório do time de reconhecimento.”

“Eles reportaram que uma unidade que presumidamente são inimigos , estão bloqueando o caminho adiante.”

“O que é isso?”

Meus olhos se arregalaram.

“Você está me dizendo que o Lorde Demônio Dantalian tem tropas sob seu comando?”

“Sim. Entretanto, ainda não temos certeza disto.”

Não tem certeza? Isto não era uma frase agradável de se escutar. A imprecisão era inimiga dos militares. Você tem que falar com confiança.

“Estandartes foram vistos no território inimigo, mas os batedores relataram que não reconheciam a quem pertenciam. Parecia ser uma unidade composta principalmente por anões.”

“Uma unidade de anões de afiliação desconhecida, é mesmo…? Qual o número de soldados?”

“Não é uma quantidade muito impressionante, general. De acordo com o relatório, no máximo, são cerca de cem a duzentos homens.”

“Eu confirmarei isto com meus próprios olhos.”

Com as tropas montadas me seguindo, eu prossegui até à frente do exército. Pouco depois, eu pude ver o acampamento inimigo parado no topo de uma região montanhosa. Com os olhos semicerrados eu examinei o seu acampamento.

“Mm, vejo que o time de reconhecimento está fazendo o seu trabalho direito. O número de inimigos não chega a 200.”

“Eu também pensei isto. Deveríamos mandar um mensageiro para questionar a quem estas tropas estão afiliadas?”

Eu balancei a cabeça.

“Não há necessidade. Excluindo Dantalian, não há nenhum outro Lorde Demônio que se localiza nesta região.”

“Mas existe a possibilidade, mesmo que pequena, de ser uma unidade completamente alheia…”

“Eu agradeço pelo conselho, mas terei que recusá-lo. Esta tropa apareceu para bloquear nosso caminho no dia exato que nossas tropas estão avançando. Não há nenhuma coincidência aqui.”

Assim que respondi para ele severamente, meu ajudante assentiu concordando e se afastou.

De todo modo, minha mente estava incerta.

O fato das forças opositoras estarem paradas naquele local significava que eles sabiam sobre nossa invasão de antemão. Por onde a informação pode ter escapado…

Não, mais tarde ainda não seria tarde demais para investigar isto. Descuido deve ser evitado. Primeiro devemos nos livrar destas forças inimigas a nossa frente.

“Ajudante, transmita meu comando! Mobilize a cavalaria e ataque às forças inimigas pelos dois flancos. Infantaria, continuem prontos para agir.”

“Entendido! Companhia de cavaleiros, avancem sobre os flancos!”

Meu ajudante repetiu minha ordem em voz alta. Assim que o comando chegou às outras unidades, os corneteiros assopraram seus instrumentos. Um som grandioso e valente. Este era a trombeta de chifre única da região norte de Habsburgo. Eu amava este eco nos campos de batalha.

Meu ajudante murmurou.

“As forças inimigas também devem estar desesperadas. Esta batalha pode se tornar difícil.”

Ele estava demonstrando simpatia para com o inimigo? Isto seria preocupante. Sentimentos pessoais não passavam de coisas luxuosas sem qualquer significado nos campos de batalha.

Eu o repreendi.

“Mas nós também temos nossas próprias questões. Mesmo que eu me sinta pena de Dantalian, não temos outra escolha senão forçá-lo a ser nosso bode expiatório.”

“É claro.”

Hm. Era uma preocupação desnecessária?

 

Dez minutos se passaram desde que a trombeta foi assoprada.

Meu ajudante falou com uma expressão de preocupação estampada no rosto.

“…General. Os inimigos não estão retaliando?

“Mmm.”

Meu rosto não estava muito diferente do de meu ajudante. Honestamente, eu estava confuso.

Neste momento, nossa cavalaria com equipamentos leves estava atirando de cima de um morro. Utilizando bestas eles estavam atirando virotes nos inimigos.

Os ferimentos dos inimigos deveriam estar ficando sérios, e mesmo assim eles não se moveram um centímetro. O que estava acontecendo?

“Talvez eles tenham algum tipo de plano em mente…?”

“Não sabemos quais são suas intenções.”

Eu franzi as sobrancelhas.

“Se eles continuarem assim o número de mortes deles vai apenas aumentar.”

“Realmente não há nenhuma movimentação, general. Talvez eles estejam recebendo menos dano do que pensamos?”

“Não. A chance de isto realmente estar acontecendo é muito pequena.”

É claro, o alcance e a força das bestas utilizadas pela cavalaria eram mais fracas que a utilizada pela infantaria. Mas elas ainda eram bestas. O conceito de absorver energia mágica dos arredores para atirar um disparo poderoso ainda era o mesmo. Você não podia tratar isto com leniência. Certamente as coisas deveriam ser assim, mas…

“General, existe a chance de que haja uma emboscada.”

“Nestes morros a céu aberto? Não tem nenhuma floresta nas proximidades. Se eles tivessem que ocultar suas tropas, aonde eles poderiam conseguir escondê-las?”

“…”

Meu ajudante ficou em silêncio. A perturbação na expressão de seu rosto era aparente.

Eu não senti necessidade de repreendê-lo. Ele provavelmente sabia muito bem que não teria qualquer tipo de emboscada. Era só que ele não conseguia entender o comportamento das tropas inimigas e estava simplesmente expressando o seu ‘talvez?’.

“Bem, digo, eles parecem ser uma tropa de elite. Eles estão sob ataque constante por dez minutos, mas ainda assim não apresentam sinais de movimento. General, eles não são um grupo de soldados mal treinados.”

“…Isso apenas traz a tona ainda mais perguntas.”

“…Isto é verdade.”

As forças inimigas estavam sendo alvejadas por flechas sem poder reagir e ainda assim eles permaneciam inabaláveis.

O número de sua tropa era menos que duzentos. Não importa quantas balestras eles tinham, com certeza a quantidade não passava de cem.

Por outro lado, nós possuíamos quatrocentas sentinelas. Quatrocentos soldados que atiravam em sequencia, permitindo que uma chuva infindável de flechas fosse atirada. Eles não eram nem dignos de serem oponentes. Uma luta entre um adulto e uma criança provavelmente seria mais vigorosa que isso.

Apesar disto, a infantaria inimiga continuou mantendo sua formação. Eles mantiveram seus queixos erguidos, como se seus companheiros ao lado indo ao chão devido as flechadas fosse algo sem importância. A coragem deles era anormal.

“Normalmente nós os elogiaríamos pela disciplina militar impressionante deles…”

“…Isto não é triste? O que diferencia estes homens de simples escudos de carne?”

“Sim. É realmente digno de pena.”

Meu ajudante falou mais alto concordando.

Nós assistimos o campo de batalha em silêncio por algum tempo.

Finalmente, após 20 minutos de combate, meu ajudante não conseguiu mais conter a sua raiva.

“Eu realmente não consigo entender!”

Seu rosto estava brilhando de tão rubro.

Ele com certeza estava furioso com a incompetência do comandante inimigo desconhecido.

“O que exatamente o comandante deles está fazendo!? Seus soldados estão morrendo. Retalie, vire a mesa desta batalha, faça alguma coisa! Ao menos eles deveriam se render…!”

No fim.

Cerca de trinta minutos depois da batalha ter começado, as forças inimigas finalmente foram derrotadas.

Incapazes de continuar aguentando seus ferimentos, suas formações se despedaçaram. A muralha resistente havia desmoronado.

“…Dê a ordem para avançarmos.”

“…Sim, general.”

Ambos o general dando a ordem e o ajudante a recebendo estavam cansados. Mas as únicas duas pessoas que foram tomadas por este humor melancólico foram eles. Obviamente as tropas estavam entusiasmadas graças à vitória fácil.

Buuuuuu—

O som da trombeta de chifre ressoou.

Recebendo o sinal, nossas tropas desembainharam suas armas e audaciosamente correram em direção aos inimigos cuja formação estava quebrada.

E acabou assim mesmo.

Não conseguindo aguentar o nosso avanço, os inimigos foram ao chão rapidamente. Os soldados fugiram para os lados. Por causa desta sequência de acontecimentos tão obvia, e o resultado mais óbvio ainda, a força nos meus ombros desapareceu…

“General. Deveríamos dar a ordem para perseguir os fugitivos?”

“Dê a ordem… Eu realmente não consigo entender nada disto.”

Os soldados inimigos, incapazes de correr até longe, foram aniquilados pelas minhas forças. Gritos perturbadores começaram a ecoar pelas colinas. Meu ajudante cerrou os olhos. Era uma cena arrepiante…

“O que foi essa batalha que acabou de acontecer?”

“Eu também gostaria de perguntar isto.”

Haviam muitos mistérios no mundo.

 

Lorde Demônio mais fraco, 71º rank, Dantalian, Calendário Imperial: 16/09/1505, Proximidades do Castelo do Lorde Demônio Dantalian

 

“—Entendo. Cheguei a uma conclusão.”

Os olhos de Laura De Farnese brilharam.

 “A infantaria sozinha não consegue combater a cavalaria!”

“Por que você está concluindo algo tão óbvio!?”

Eu gritei com toda minha força.

Bufando de raiva, eu apertei firmemente o redemoinho na cabeça desta senhorita.

“Ah—, ah—. Eu não gosto disto, senhor. Eu não gosto que aperte aí.”

“O que foi essa batalha agora? Ela não foi completamente sem sentido!?”

“Hoah—. É por isto que esta jovem senhorita pediu que Vossa Senhoria não deixasse o comando nas mãos dela…”

A Senhorita Farnese estava em meus braços esparramada como mingau.

Mesmo que uma pessoa tivesse absolutamente nenhuma experiência com guerras, esta batalha agora foi terrível. Não tinha como definir exatamente o quão horrível ela foi. Nós perdemos uma unidade de cento e cinquenta soldados de infantaria em um piscar de olhos, sem nem receber algo em troca.

“Sua desgraça. Eu retiro o que disse antes. Nós não somos o mesmo tipo de pessoa. E você também não é como minha irmãzinha. Você não passa de minha bolinha anti estresse pessoal.”

“Qual a diferença disto e de uma escrava sexual, senhor…?”

“Ao menos uma escrava sexual é capaz de ajudar com os desejos sexuais, mas você não consegue ajudar em nada. Essa é a grandiosa diferença. Sua coisa inútil.”

“De repente esta jovem senhorita transformou-se em uma garota inferior a uma escrava sexual…”

A Senhorita Farnese ficou mal-humorada.

Nesta última batalha, a quantidade de soldados que conseguiu escapar não chegou a vinte. Isso significava que nove décimos do total de tropas que nós enviamos morreram.

Eu tive que assistir a aquela cena miseravelmente sem sentido do início ao fim junto a Senhorita Farnese, enquanto voávamos na vassoura de uma bruxa. Eu me senti como se estivesse sendo forçado a ver um filme B.

“Mm. Mas isto é completamente responsabilidade de Vossa Senhoria.”

“Poderia dizer isto de novo?”

“Já que esta jovem senhorita apenas leu manuais da arte da guerra, é obvio que esta jovem seria não estaria familiarizada com uma batalha real. Em um dos manuais de guerra que esta senhorita leu, estava escrito que a infantaria era suficiente para combater a cavalaria leve. Então esta jovem senhorita não teve outra chance se não verificar quais livros estavam corretos.”

Para alguém que havia conduzido a pior batalha da história, ela estava sendo bastante desavergonhada.

Com os olhos transparecendo o mau humor, eu encarei a Senhorita Farnese.

“Então? Qual a sua verdadeira intenção?”

“—Já que eu pensei que eu iria perder minha primeira batalha de qualquer forma, esta jovem senhorita jogou cento e cinquenta pessoas descartando-os para morrer.”

“Eu amassarei esta sua mentalidade de perdedora.”

Aperta aperta aperta

“Ah, ah ah— estou sendo amassada, senhooor, — Hoah. Esta jovem senhorita está sendo amassada…”

“Tente com um pouco mais entusiasmo. Você entende? A vitória é uma donzela. Ela sorri apenas para o mais corajoso dos competidores. A vitória fica distante dos tolos que ficam quietos encolhidos em um canto.”

“Os mais corajosos dos competidores, é isto mesmo…?”

A Senhorita Farnese levantou os olhos para me fitar.

Eu a fitei de volta nos olhos com sinceridade.

“É isto mesmo. Aja ousadamente com coragem.”

“Ousadamente…”

“Tão audaciosamente que faça você parar para refletir se está realmente tudo bem com o que você está fazendo.”

“Audaciosamente…”

Pergunto-me se minha sinceridade a alcançou.

Laura De Farnese ficou pensando profundamente por um momento e então assentiu com a cabeça. Era um movimento pequeno, mas havia uma certa determinação contida nele. Já que era eu, alguém talentoso em ler a psique das pessoas, quem estava dizendo isto, então era certeza.

“Entendido. Certamente é como Vossa Senhoria disse. Esta jovem senhorita podia estar sendo um pouco hesitante. Porque esta é a primeira vez desta jovem, e como este era um território desconhecido a ela, esta senhorita pode ter sido muito cautelosa.”

“Mm.”

“Na verdade, a primeira vez de alguém é o momento em que se pode testar a quantidade de privilégios que a pessoa tem. Mesmo que uma criança caia, ninguém vai culpá-la por ter feito isto. Por mais que esta jovem senhorita seja a maior gênio do mundo, esta jovem ainda é um mero bebê quando se trata de assuntos militares. Não tem motivos para tomar cuidado com a honra desta jovem senhorita nesta situação.”

“Mm…’

“E é por isto que esta jovem senhorita seguirá os conselhos de Vossa Senhoria e mudará este modo de pensar. Esta jovem forçará até mesmo os inimigos a ficarem chocados. Sinta-se a vontade para ter expectativas disto. Eu juro pelo nome desta jovem , Laura De Farnese, que esta senhorita não desapontará a Vossa Senhoria.”

“Apesar de eu sentir que humildade e orgulho próprio foram misturados caoticamente neste discurso, tanto faz. É exatamente este o espírito Laura De Farnese! Eu não garanti a você que estava tudo bem  em usar nossos soldados como você bem quisesse? Eu lidarei com as responsabilidades e com as percas, enquanto você fica com a glória e com a vitória. Desta forma não há negócio que seja lucrativo.”

“Como você comandar. Meu Senhor.”

A Senhorita Farnese segurou um boneco de barro.

“Esta é a sinceridade desta jovem senhorita.”

Com um ‘thud’, ela colocou a figura de barro no centro do mapa.

 

 


Tradutor: Yuere   |   Editor: BCZeulli



Notas: É até bonito como ele ensina tudo exatamente como ele não faz.


Fontes
Cores