ZTJ – Capítulo 64 – Pergunte Ao Mundo




Muitas pessoas estavam ajoelhadas no chão deste palácio lateral, como um mar calmo. À medida que a mulher de meia-idade passava indiferentemente, o mar separava-se naturalmente, como ondas de luz sobre a superfície. Um eunuco principal deu duas tosses evidentes, nas quais os guardiões, empregadas do palácio e os eunucos ajoelhados levantaram-se tão rapidamente que pareciam que todos tinham sido emitidos uma amnistia e silenciosamente saíram do palácio.

Este eunuco principal parecia extremamente velho, seu rosto coberto de rugas, mas ele cuidadosamente segurou as mãos da mulher de meia idade enquanto falava com uma voz baixa e humilde. “Mesmo que os antecedentes do jovem sejam um pouco problemáticos, não há necessidade de a Imperatriz passar por esse problema.”

A mulher de meia idade era a Imperatriz Divina. Ao ouvir as palavras do antigo eunuco, ela respondeu com uma expressão indiferente: “Se ele fosse apenas uma pessoa comum, naturalmente não haveria necessidade do problema.”

O chefe eunuco sabia que quando a Imperatriz falava de “comum”, ela naturalmente não estava se referindo à trivialidade de não cultivar. Depois de resmungar por um momento, o eunuco disse: “A carta de recomendação foi verificada, e não há problema com ela. É verdadeiramente o único — Sua Santidade o Papa — que deixou para a Dama Mo Yu e a Princesa de Ping para brincar com… as notícias vieram do Palácio Li, Sua Santidade provavelmente não conhece esse assunto. Essa chance provavelmente foi atraída para esse assunto por acaso. Embora seu envolvimento com o Estado Xu seja verdadeiramente além das expectativas, este antigo servo realmente não pode ver nada especial sobre ele.”

A Imperatriz Divina parou e olhou para a escuridão profunda atrás do palácio lateral. Depois de uma pausa, ela perguntou: “Você já conheceu alguém que não tem medo da morte?”

O chefe eunuco sabia que esta questão da Imperatriz devia ter um significado extremamente profundo, então ele seriamente começou a se lembrar.

Todos disseram que esses heróis podiam desconsiderar a morte e tratar a desistência com indiferença, mas apenas aqueles que haviam experimentado inúmeras mortes e embates, entenderam que esse desrespeito e indiferença apenas tomavam uma formidável vontade de conquistar o medo da morte, porém esse medo sempre estaria lá.

Este eunuco principal tinha vivido no Palácio Imperial da Grande Zhou há vários séculos e possuía imenso poder. Quase vinte anos atrás, quando o imperador Xian morreu, os duques do clã imperial se opuseram à Imperatriz tomando o trono e tentaram entrar no palácio e começar uma rebelião. Quando a Imperatriz conseguiu estabilizar tão facilmente a situação, além do firme apoio do Papa, também foi devido ao papel crítico que esse eunuco desempenhou.

Ele era uma pessoa que tinha experimentado inúmeras mortes e embates, e ele tinha muita certeza de que ninguém estava sem medo da morte. Mesmo um eminente como o Imperador Taizong foi incapaz de manter a calma quando enfrentava a morte em seu leito de enfermagem. Seus dois olhos haviam contemplado o céu noturno no infinito céu de estrelas, cheio de relutância e medo.

Ele estava no lado do imperador, então ele podia ver isso com muita clareza.

“Não há ninguém sem medo da morte”, ele respondeu.

“Por um instante, esse jovem realmente não teve medo da morte, então ele não é uma pessoa comum”. A Imperatriz Divina lembrou das palavras que o jovem havia dito ante o Dragão Negro, e depois continuou: “Eu sempre acreditei que só o filho do clã Qiushan poderia combinar com aquela garota, mas agora parece… que esse não é o caso.”

O chefe eunuco ficou um pouco apreensivo, pensando, a Imperatriz poderia mudar sua posição sobre esse assunto?

O palácio lateral ficou em silêncio novamente.

A brisa acariciou o vaso de flores na varanda, fazendo com que a planta se abalasse. Na distante floresta, o esquilo correu ainda mais rápido nos galhos das árvores.

“Esta noite acontecerá o Festival Qixi, e é certo que será muito animado fora do palácio. Estou preparado para sair e ver.”

“Imperatriz… Eu achava que você iria permanecer no palácio para aguardar os resultados do Festival.”

“Esperar o quê? Para ver qual aluno de qual academia é mais promissor? Eu certamente não tenho interesse nisso.”

O eunuco principal ficou intrigado, respondendo: “Poderia a Imperatriz não querer saber se a proposta de casamento se sucederá ou não?”

A Imperatriz Divina respondeu: “Se o Estado Xu entrará em uma aliança matrimonial com o clã Qiushan ou se cumprirá essa promessa de antigamente e fará Chen Changsheng seu genro, não é da responsabilidade deles decidir.”

O chefe eunuco dobrou ligeiramente o corpo, declarando: “Tudo no mundo obedece à vontade da Imperatriz.”

A Imperatriz Divina respondeu calmamente: “Você novamente está errado. Este assunto também não é algo que eu possa decidir.”

O eunuco principal ficou um pouco chocado, pensando, além da Imperatriz, quem pode decidir a direção desse casamento?

“A pessoa que está sendo casada é Yourong, então, que ela se case com quem ela quiser, tudo depende da posição dela.”

A Imperatriz Divina concluiu: “Essa menina tem planos próprios, então, o que significam os esforços de outrem? Apenas fazendo deles mais um piada qualquer, só isso.”

……

……

Ao sul do Palácio Imperial, havia uma rua. Diferente dos outros lugares iluminados da capital nesta noite do Festival Qixi, este lugar estava um pouco mais frio e deserto. Talvez fosse porque estava muito perto da Cidade Imperial, ou também poderia ser porque grandes quantidades de gelo foram transportadas para fora daqui durante o dia, deixando muitos traços de água na estrada durante a noite, com uma árdua hidratação e um frio de intimidar qualquer um de estabelecer uma barraca aqui.

Este lugar era chamado de Nova Ponte Nortenha, mas não havia ponte. Para ser mais preciso, a ponte arqueada feita de pedra cinza era falsa — o rio Luo enrolava a cidade imperial, atravessando a cidade ao longo de sete calçadas, mas evitava esse lugar, então nenhuma única gota de água poderia ser encontrada sob essa ponte.

Não muito longe da Nova Ponte Nortenha estava um poço que emanava calafrios em todas as direções. Era como se não fosse água neste poço, mas um gelo que nunca derreteria. Nessa hora tardia, as luzes da Cidade Imperial não podiam iluminar este lugar. Os ramos do salgueiro eram como escovas encharcadas de tinta, tremendo ligeiramente ao redor do poço.

A Imperatriz Divina estava no poço, em suas mãos estava uma Pérola Noturna que ela havia removido da Plataforma de Orvalho. Ela colocou a mão sobre o poço e soltou-a. A Pérola Noturna instantaneamente iluminou as paredes do poço e depois desceu rapidamente, e, gradualmente, fora engolida pela escuridão.

Depois de algum tempo, um zumbido veio das profundezas do poço. Como a distância era bem grande, o som não foi muito alto. Era como as águas do poço salpicando contra suas paredes, mas ela sabia que esse não era o som da água. Mas sim, os rugidos baixos e irritados do Dragão Negro.

O Dragão Negro estava muito irritado porque já havia sido enganado pelos humanos. Você concordou claramente em me dar uma pérola noturna, e esse jovem tirou-me uma, então você deveria me dar duas pérolas noturnas! Mesmo que você seja uma mulher que não posso provocar, ainda não pode me intimidar assim!

A Imperatriz Divina estava bastante descontente. “Criatura do mal, aquela era originalmente dele. Quando você era pequeno, aquele velho dragão não lhe ensinou aritmética?”

……

……

Chen Changsheng era muito bom em aritmética. Para ser mais preciso, enquanto estava relacionado ao estudo, ele era muito bom nisso. No entanto, sua habilidade em encontrar o caminho não era muito boa. Depois de deixar o palácio lateral e entrar no palácio envolto na escuridão, ele rapidamente percebeu que estava perdido.

Com as muitas estrelas no céu e a luz da lanterna antes, ele sabia qual direção era norte, então, naturalmente, poderia confirmar qual direção estava o sul. Ele poderia até mesmo distinguir as luzes do Palácio Weiyang, porém, o Palácio Imperial tinha muitas flores e árvores, seus caminhos iam torcendo e girando. Preocupado com o enfrentamento dos Guardas Imperiais, ele não se atreveu em ir pelas avenidas principais, então não sabia como poderia chegar ao Palácio Weiyang.

Naquele momento, um som extremamente suave veio de um jardim imperial escuro.

A Cabra Preta saiu silenciosamente da escuridão como seu próprio eu fosse parte da escuridão.

Na Academia Ortodoxa, Chen Changsheng encontrara-a. Anteriormente fora do Palácio Weiyang, ele também a encontrou. Por algum motivo, ele tinha muita certeza de que essa Cabra Preta significava que não haveria nenhuma má intenção. Depois de pensar por alguns instantes, ele perguntou: “Você… quer me ajudar?”

A Cabra Preta olhou calmamente para ele, e então se virou para voltar a escuridão.

Chen Changsheng apressou-se a recuperar o atraso, não se atrevendo a adiar. Antes de seguir, ele olhou para o sul na direção do Palácio Weiyang. Esse lugar ainda estava iluminado, mas o som da música cerimonial já havia cessado. Apenas em que estado estava a proposta da missão diplomática do sul? Ele ainda tinha tempo?

……

……

O Festival chegou ao seu ponto médio do segmento, então a missão diplomática do sul começou a propor formalmente o casamento.

Havia muitas figuras importantes no Palácio Weiyang, incluindo o Élder do Monte li Xiao Songgong, a mulher do Pico das Virgens Santas, diretor da Academia do Caminho Celestial Mao Qiuyu, Xu Shiji, Príncipe Chen Liu e Mo Yu. Ao longo da proposta de casamento, todos eles desempenharam papéis diferentes.

Havia participantes, presidentes e testemunhas.

A dança e música requintadas no salão acabaram-se por se concluir, o álcool e o vinho finos ainda não haviam esfriado, mas ninguém levantou seus kuàizi[1] para comer. Todos observaram o palco com sorrisos nos rostos.

A cabeça do clã Qiushan levantou-se e começou a cerimônia. Mo Yu, como representante da Imperatriz Divina, expressou sua gratidão, dizendo que a Grande Dinastia Zhou estava extremamente satisfeita em ver esse casamento, e até mesmo esperava que a humanidade pudesse usar esse casamento para se aproximar em unidade para que pudessem resistir melhor aos demônios.

A mulher do Pico das Virgens Santas era a tia marcial de Xu Yourong, e ela representava a Virgem Santa do Sul ao expressar acordo para com este casamento. Logo depois, Xu Shiji levantou-se e deu as boas-vindas a todos os convidados do sul. Para este casamento, ele deu seus cumprimentos reservados às pessoas. Claro, todos sabiam que esta reserva era fingida.

Como um casamento poderia ser considerado um sucesso?

A proposta de casamento foi o começo, curvar-se foi a cerimônia, e os termos foram concluídos em um contrato de casamento. Isso foi para noivar.

Os céus e a terra, o soberano, os pais, o professor.

No momento, a Imperatriz Divina havia concordado com o casamento; Xu Shiji tinha concordado com o casamento; e a Virgem Santa do Sul concordou com o casamento.

Os céus e a terra não podiam falar, e o atual soberano, pais e professores concordaram com o casamento. Na opinião de todos, esse casamento já era, naturalmente, um sucesso. Ninguém jamais imaginou o tipo de atitude que Xu Yourong tinha para esse casamento. Claro, ninguém pensou que Xu Yourong poderia se opor contra.

Como o casal mais deslumbrante e radiante da geração de jovens deste continente, um casamento entre Xu Yourong e Qiushan Jun era considerado por todos como um par feito no céu. A história entre os dois havia circulado por todo o mundo há muito tempo, e todos acreditavam que era uma história muito bonita.

Pouco depois, veio a última pergunta sobre as Três Perguntas cerimoniais de proposta de casamento.

Os ritos da Grande Dinastia Zhou não eram complexos. Eles vieram principalmente das escrituras relacionadas da Ortodoxia. À medida que a Ortodoxia florescia, os ritos da Dinastia Zhou gradualmente se espalhavam para o sul. A proposta de casamento desta noite da missão diplomática do sul estava completamente de acordo com os ritos de Zhou, não apenas por respeito à noiva, mas também porque praticavam os mesmos ritos.

As chamadas Três Perguntas perguntavam aos céus e à terra, perguntavam aos parentes e igualmente ao soberano e aos professores. Quanto a quem poderia se opor a este casamento, a pergunta final era perguntar ao mundo.

A razão pela qual os ritos da Dinastia Zhou continham as Três Perguntas, especialmente a pergunta final, foi nominalmente para dar ao povo do mundo uma chance final de apresentar problemas ocultos com relação à noiva ou noivo, mas na realidade, isso era uma ocorrência muito rara. Era mais para dar a noiva e noivo a última chance de retornar a decisão.

Em circunstâncias normais, era raro que alguém se opusesse durante a cerimônia de proposta de casamento, porque isso equivalia a ofender a noiva e o noivo. Esta noite, era muito óbvio que ambos os lados do casamento não iriam voltar, então a pergunta final do mundo era, naturalmente, apenas uma formalidade.

O príncipe Chen Liu ficou na frente do corredor, olhando para as várias centenas de pessoas dentro. Sorrindo, ele perguntou: “Qiushan Jun deseja se tornar marido e mulher com Xu Yourong. Alguém se opõe?”

O salão estava absolutamente silencioso, todavia o clima não era de opressão. Todos tinham sorrisos em seus rostos. Neste belo momento, todos estavam pensando em bênçãos, sobre como o príncipe Chen Liu terminou de falar, e em como eles se levantariam e brindariam os dois em comemoração ao casamento.

Na área de estar da Academia Ortodoxa na esquina, o rosto pequeno de Luoluo não tinha sorriso, apenas uma pele pálida por causa do choque. Ela já havia aberto o saco de seda na manga e vira o contrato de casamento um pouco amarelado dentro. Só depois de ver os dois nomes no contrato de casamento, ela entendeu que sua piada desde aquele dia realmente era verdade. Só então ela finalmente entendeu o que era o rancor entre seu professor e a propriedade do General Divino do Leste. Só então ela soube porque Mo Yu e essas outras pessoas haviam feito tudo o que podiam para impedir que seu professor se fizesse presente…

O mundo precisava ser solicitado três vezes.

O príncipe Chen Liu sorriu gentilmente e perguntou mais uma vez: “Alguém se opõe?”

O salão permaneceu em silêncio, os rostos da multidão repletos de sorrisos bem-desejados. O mundo estava incomparavelmente bonito.

O príncipe Chen Liu olhou para Xu Shiji, sorrindo para mostrar suas congratulações.

Xu Shiji acariciou levemente sua barba curta, deixando de fingir seu modo reservado. Ele acenou com a cabeça em reconhecimento.

O príncipe Chen Liu voltou-se para a cabeça do clã Qiushan, sorrindo enquanto ele assentia.

O cabeça do clã Qiushan sorriu em silêncio, exibindo uma felicidade extremamente clara.

O príncipe Chen Liu voltou para o corredor e pediu uma última vez: “Existe alguém que se opõe?”

A este casamento, o mundo inteiro concordou. Ninguém se opôs.

Assim, o mundo inteiro estava em silêncio, demasiado bonito, com todas as pessoas em espera.

No canto, Luoluo, de repente, se levantou.

Ninguém a notou.

Naquele momento, uma voz veio do lado de fora do corredor.

“Eu me oponho.”

Um jovem entrou pelas portas do corredor.

Seu corpo estava encharcado, seus cabelos estavam bagunçados, suas roupas rasgadas. Em suma, era uma figura completamente miserável.

Ele olhou ao redor da multidão dentro do corredor, com seus olhos brilhantes, sua expressão firme.

O salão ficou instantaneamente em silêncio.


Tradutor: Vaan   |   Revisor: Enxarcado   |   QC: Martins



1 – Na China, as pessoas comem com os famosos ‘pauzinhos’, conhecidos como chopsticks ou hashi. Mas o nome em mandarim é Kuàizi (筷子).


Fontes
Cores