ZTJ – Capítulo 62 – Zhizhi




Silêncio, um silêncio absoluto, um silêncio interminável. Não havia o barulho do vento, nem gotejamento de água, nem som de respiração. O Dragão Negro e Chen Changsheng estavam ambos com uma respiração silenciosa. Parecia que era porque ambos estavam nervosos, e estavam nervosos porque finalmente tinham visto a esperança.

Ele não sabia o que era a esperança do Dragão Negro, mas sua esperança era, naturalmente, escapar da morte. Quando viu os bigodes do Dragão Negro se moverem lentamente e pressionarem-se silenciosamente entre suas sobrancelhas, achou impossível saber exatamente o que aconteceria no próximo momento.

O bigode era extremamente espesso, lugar tal que se conectava com a mandíbula, mas gradualmente diminuía até o mais extremo, pois era do tamanho do dedo mindinho de um humano. Parecia bastante afiado, era preto como a noite. No entanto, também era transparente como o jade, como manchas pretas de luz que caem dentro de nuvens escuras.

A ponta do bigode do dragão pareceu ainda não tocar na sua testa, tão perto que era impossível dizer se realmente tinha atingido ou não. Chen Changsheng ficou cada vez mais nervoso. Acabara de voltar do precipício da morte, e era ainda mais fácil para ele sentir medo. O suor escorreu da mão segurando a adaga e depois foi rapidamente congelado pela baixa temperatura do ambiente.

Silenciosamente, o bigode preto atiçou-se levemente por entre suas sobrancelhas.

Era uma sensação muito estranha, nem pegajosa nem assustadora. Pelo contrário, foi um pouco legal e refrescante e, na verdade, o fez ficar sóbrio e entendeu mal o significado do Dragão Negro.

Ele queria que ele continuasse.

Sem hesitação, Chen Changsheng falou a segunda palavra — ainda uma palavra do último livro das três mil escrituras Daoístas.

A pronunciação da palavra também era extremamente estranha e extremamente difícil de pronunciar. Mesmo que seu rosto estivesse coberto de neve, ainda era fácil ver que estava um pouco vermelho, seus lábios ficaram levemente pálidos. Pareceu que aofalar esta única palavra, consumira uma enorme quantidade de energia.

O bigode preto desviou-se ligeiramente, sua ponta preta afastou-se de sua testa e deu um leve lampejo antes de levantar-se levemente.

Chen Changsheng entendeu, então ele disse a terceira palavra, e depois a quarta palavra, a quinta palavra…

À medida que essas estranhas sílabas emergiam de seus lábios, sua energia rapidamente se esvaziou e ele ficou mais e mais fraco. Ao mesmo tempo, no entanto, ele sentiu que a frieza em torno de si estava enfraquecendo gradualmente. Depois de ter falado dez palavras estranhas, o calor finalmente retornou ao seu corpo.

Os olhos do Dragão Negro ainda eram de indiferença, mas o seu pescoço estava movendo-se cada vez mais rápido, refletindo inúmeras linhas pretas sob as Pérolas Noturnas. Em última análise, era como se eles tivessem flores incontáveis. Cada flor era uma flor de alegria, todas em pleno resplandecer.

Chen Changsheng podia sentir sua alegria, mas ainda achava difícil apagar algum medo persistente — ele havia falado dez sílabas da linguagem Dracônica, mas não de acordo com a ordem no livro final das três mil escrituras Daoístas. Ele tinha escolhido aleatoriamente aquelas mil e seiscentos e uma palavras, então não deveria ter sido possível formá-las em uma frase, mas ele não esperava que esse dragão realmente pudesse entender.

Ele agiu dessa maneira por causa da cautela incorporada em seus ossos. Ele não sabia se estava errado ou certo, mas agora parecia que não havia muito problema.

O bigode preto se acalmou gradualmente. Partindo calmamente de sua testa, ele tocou levemente sua mão agarrando a adaga, sem hostilidade nesse ato.

Chen Changsheng recebeu com precisão seu sinal e, finalmente, relaxou completamente.

Esse período de envolvimento com a sombra da morte finalmente passou. A pressão terrível que sofreu por tanto tempo desapareceu instantaneamente. Seu humor mudou junto com o meio ambiente, a neve cobriu o corpo dele, com o pó que ele acumulou de algum lugar viajando através das lacunas em suas roupas e no ar.

Depois de abrir a porta, ele permaneceu em um constante estado de alta tensão. Ele só sabia que ele tinha visto um dragão de cor preta, mas só agora ele viu claramente a aparência do Dragão Negro. Para ser mais preciso, foi só agora que ele ousou calcular cuidadosamente a medida desse Dragão Negro.

Este era um Dragão Negro da Geada.

Mesmo entre a raça Dracônica, esta era uma existência de alta classe, um ser divino lendário do mesmo nível que o Dragão Dourado e o Dragão dos Nove Céus.

No entanto, apesar de como o Dragão Negro da Geada fora descrito nos mitos e lendas — cruel e assassino, mas também apaixonado pela limpeza, bonito e encantador como a noite escura — Chen Changsheng realmente viu muita poeira no corpo do Dragão Negro e até mesmo muitos escamas quebradas!

Essas escamas estavam à beira de cair e pareciam extremamente feias, como a barriga de um peixe morto.

Chen Changsheng ficou confuso. Se as descrições do Dragão Negro da Geada nas escrituras daoístas e nas lendas não estavam erradas, então, como poderia estar nesse estado? Como um jovem que tinha uma ligeira obsessão com a limpeza, ele estava profundamente consciente de que um ser que avaliou a limpeza acima de tudo nunca poderia aceitar tais circunstâncias.

Ainda mais chocante foi que quando o frio recuou e a luz, mais se espalhou , viu duas correntes extremamente espessas atrás do Dragão Negro. Essas duas correntes estavam firmemente presas nas duas garras traseiras do Dragão Negro, cavando profundamente nas suas escamas, uma visão terrível!

Este Dragão Negro… não era um guardião solitário do Palácio Imperial da Grande Zhou, mas um prisioneiro!

Essas duas correntes estavam cobertas por inúmeras camadas de gelo, e, no entanto, talvez devido ao seu material, não parecia haver sinal de que aquelas correntes pudessem quebrar. Em reflexão, esse tinha que ser o caso. Para poder prender um Dragão Negro da Geada neste espaço subterrâneo, essas correntes certamente não deviam ser itens comuns.

A outra extremidade dessas correntes estava presa a uma parede.

Esta era uma parede de várias centenas de zhang de altura, com um enorme desenho esculpido sobre ela. As cores desse desenho já haviam sido corroídas pelo tempo no nada, mas era possível ver claramente o que foi desenhado sobre. Não havia paisagens ou descrições neste desenho, apenas duas pessoas.

Duas pessoas demoníacas.

Esta pedra era muito alta, o desenho era muito grande, então as duas pessoas no desenho eram, naturalmente, extremamente altas também. Eles eram como deuses, vestidos de armadura, um segurando um cassetete de metal, o outro um longo chicote. Seus rostos tinham uma dignidade piedosa, parecendo olhar para fora com um heroísmo sem fundo.

Chen Changsheng reconheceu essas duas pessoas. Todo humano que vivia neste continente reconheceria essas duas pessoas, porque elas ainda estavam penduradas sobre as principais portas de cada casa. Essas duas pessoas eram deuses da porta.

Os deuses da porta não eram deuses, mas pessoas reais, os dois mais poderosos generais divinos que serviram ao lado da Grande Zhou, o Imperador Taizong.

Um General Divino que foi chamado de Qin Zhong, e o outro, Yu Gong.

Esses dois Generais Divinos seguiram o Imperador Taizong na vida de campanha, desde a fundação da Grande Zhou até a derrota final dos demônios. Embora não pudessem corresponder às conquistas inigualáveis ​​de Wang Zhice, eles ainda mostraram muitas vezes que eram incrivelmente ousados, poderosos e demoníacos. Sua força era insondável, e no auge de suas vidas, eles já haviam entrado no Reino Santo. Eles eram verdadeiramente especialistas supremos.

Eles eram divinos, mas eram inúmeras vezes mais poderosos do que os atuais Generais Divinos do continente.

As correntes que encarceravam o Dragão Negro estavam amarradas ao muro de pedra, agarradas nas mãos desses dois Generais Divinos.

Tal arranjo tinha naturalmente seus motivos.

Ao ver esta cena, Chen Changsheng confirmou vagamente que este Dragão Negro havia sido preso na era de Taizong.

Ele pensou naquela era turbulenta, pensou nessas histórias à beira de se tornarem mitos e mesmo aqueles especialistas do passado nesses mitos, pensado nos retratos no Pavilhão Lingyan, e em como ele realmente simpatizava com o Dragão Negro.

Talvez por causa da humilhação e pressão infligida pelos demônios, naquela época, os seres humanos explodiram com um brilho inimaginável. Inúmeros especialistas apareceram um após o outro. Mesmo uma existência como o Dragão Negro da Geada enfrentou dificuldades insuperáveis, tornando-se um prisioneiro miserável.

Desde a era de Taizong até agora, quantos anos se passaram?

Nesta caverna fria, solitária e sombria, como esse Dragão Negro conseguiu suportar esses anos sem fim?

“Você quer falar comigo, certo?” Chen Changsheng perguntou.

O bigode do Dragão Negro mais uma vez flutuou, passando pelo canto de seu lábio, como uma libélula que atravessava a superfície de uma lagoa.

“Eu só sei como falar, não entendo o significado dessas palavras.”

Chen Changsheng olhou para ele e disse: “Mas, você pode me ensinar.”

Os olhos do Dragão Negro, de repente, ficaram anormalmente brilhantes, mais brilhantes que a luz de todas as Pérolas Noturnas no teto juntas.

Chen Changsheng pensou, você realmente pode entender a linguagem humana. Então, se você quiser se comunicar, eu só preciso aprender o idioma Dracônico. Olhando para o Dragão Negro, ele continuou: “Eu sei que o idioma Dracônico é muito difícil de aprender, mas eu sou uma pessoa muito habilidosa em estudar. Enquanto você me ensinar pacientemente, definitivamente vou aprender.”

O Dragão Negro de repente… soltou um rugido baixo.

Chen Changsheng ficou um pouco surpreso.

O bigode do Dragão Negro levantou-se sem o vento, atiçando levemente sua testa quatro vezes, rápido como o relâmpago, leve como o pó.

A testa de Chen Changsheng franziu-se enquanto ponderava o significado.

O bigode do Dragão Negro atiçou sua testa levemente quatro vezes mais, quando, simultaneamente, o Dragão Negro soltou um rugido baixo.

Chen Changsheng entendeu.

Em sua declaração mesmo agora, ele havia dito as palavras “eu” e “mim” quatro vezes no total.

Este era o significado que o Dragão Negro queria dizer a ele.

“Eu?” Chen Changsheng apontou para si mesmo e perguntou.

A linguagem draconiana era extremamente complexa. Uma única sílaba continha inúmeros fragmentos que poderiam ser combinados de maneiras inumeráveis, diferentes combinações com diferentes significados. Aprender completamente era inevitavelmente um processo muito longo. Ele sabia que esse rugido de dragão continha o significado de “eu” e “mim”. Isso certamente não era tudo, mas… pelo menos continha o mencionado.

Ao ver as ações de Chen Changsheng, o Dragão Negro primeiro congelou-se e, de repente, começou a rodar!

Seu enorme corpo rolou sem parar em torno da caverna subterrânea, produzindo furacões aterrorizantes!

Simultaneamente, um barulho estranho veio da boca do Dragão Negro.

Desde o momento em que nasceu há mais de mil anos atrás, nunca foi tão feliz, então não sabia o tipo de rugido que deveria fazer.

Além disso, por certas razões, teve que suprimir seus rugidos, reprimir suas risadas.

“Zhizhi… zhizhi… zhizhi…”

Esses sons ressoaram como um chiar de um rato, eram muito cômicos e divertidos.

Mas havia uma alegria incomparável contido dentro.

Chen Changsheng não sabia o que o Dragão Negro tinha feito no passado, que tipo de pecado cometeu para a Grande Dinastia Zhou aprisioná-lo, mas ao vê-lo tão exaltado sobre apenas poder realizar a comunicação mais simples com um humano, ele não podia deixar de estar um pouco animado, simpatizando ainda mais com ele.

Depois de algum tempo, o Dragão Negro finalmente cessou seu rolar de êxtase e ficou quieto.

Ele olhou calmamente para Chen Changsheng, sentindo sua sincera simpatia, seus olhos gradualmente aumentando mais aprazíveis.

O bigode preto uma vez mais elevou-se, pairando na frente de suas sobrancelhas.

Estava à espera de Chen Changsheng falar mais uma vez.

Chen Changsheng caiu em pensamento e, quando falou, não eram as palavras que o Dragão Negro queria ouvir.

“Eu sei que você realmente quer falar com alguém… mas não posso agora. Eu tenho um assunto muito importante que me obriga a sair imediatamente.”

Os olhos do Dragão Negro voltaram à indiferença fria.

A expressão de Chen Changsheng tornou-se solene. “Eu prometo a você que, enquanto eu puder concluir este assunto, irei encontrá-lo, aprender com você como falar, e falar com você.”

Os olhos do Dragão Negro ainda exibiam indiferença, mas agora também havia a sensação de que achava as palavras de Chen Changsheng um tanto humorísticas.

Como um nobre Dragão Negro da Geada que havia sido preso por humanos há tantos anos, tal ser nunca esqueceria as palavras que seu pai real havia dito uma vez.

“Se os humanos pudessem ser confiáveis, seríamos os governantes deste mundo.”


Tradutor: Vaan   |   Revisor: Enxarcado   |   QC: Martins




Fontes
Cores