ZTJ – Capítulo 61 – Por favor, Deixe-me Dizer-lhe Uma Única Palavra




A missão diplomática do sul havia chegado à capital como convidados. Com base em princípio, eles não devem fazer perguntas por iniciativa própria, mas aquela mulher velada em branco estava muito familiarizada com os professores e alunos das Treze Divisões do Verde Radiante e também era uma conhecida antiga de Xu Shiji. Vendo o humor bastante anormal, ela decidiu perguntar.

A grande maioria das pessoas no salão tinha assistido a primeira noite do Festival, por isso era impossível para eles não reconhecerem a garota que tinha transformado Tianhai Ya’er em um aleijado. Ao ouvir a pergunta desse convidado, uma pessoa respondeu: “Ela é uma estudante da Academia Ortodoxa. Por algum motivo, ela chegou um pouco tarde.”

Ao ouvir esta resposta, a mulher de Pico das Virgens Santas suavemente afirmou, um pouco surpresa. Quanto a esses três jovens com espadas descançando em seus joelhos, eles simultaneamente levantaram suas cabeças para olhar para Luoluo, com um vislumbre tornando-se instantaneamente afiado, como espadas saindo de suas bainhas.

Mesmo no sul distante, as pessoas sabiam que a Academia Ortodoxa havia sido abandonada há muito tempo. Na jornada, eles ouviram falar do que aconteceu na primeira noite do Festival, e só então descobriram que, este ano, a Academia Ortodoxa havia obtido dois novos alunos. Essa menina era aquele gênio que havia aparecido do nada?

Estes três jovens vieram do Monte Li e eram três das Sete Leis do Reino Divino. Em suas opiniões, derrotar Tianhai Ya’er não era naturalmente um grande feito, mas para essa garota ser tão forte em uma idade tão tenra, era realmente digna de suas considerações.

Gou Hanshi ergueu a cabeça e olhou para Luoluo, mas ele apenas gentilmente sorriu, parecendo não se importar muito.

Luoluo não prestou atenção aos olhares desses três jovens do Monte Li. As Sete Leis do Reino Divino eram naturalmente extraordinários, mas no momento, todo o foco dela estava em Gou Hanshi. Ela podia sentir claramente que essa pessoa não era simples. Ela não era um par a altura dele, mas e o professor dela? Ele poderia derrotá-lo?

O salão estava quieto. De pé na porta, ela parecia bastante impressionante.

Xu Shiji disse friamente: “O seu atraso já está em falta de cortesia. Rapidamente, sente-se em vez de permitir que os hóspedes vejam essa piada!”

Ao ouvir essas palavras completamente maldosas, o príncipe Chen Liu ficou um pouco surpreso. Então, ele sorriu enquanto pensava, Xu Shiji ainda não conseguiu adivinhar a identidade desta menina. Parece que mesmo a confiança da Imperatriz Divina nele tem um limite, muito inferior à Xue Xingchuan.

O príncipe Chen Liu virou-se para o diretor da Academia do Caminho Celestial, Mao Qiuyu. Das pessoas presentes, apenas os dois conheciam a verdadeira identidade de Luoluo. No entanto, ele viu que Mao Qiuyu tinha um olhar solene e respeitoso em seu rosto, agindo como se não soubesse de nada. O príncipe Chen Liu, de repente, teve um pensamento e se voltou para o arcebispo Mei Lisha, porém ele viu que os olhos do arcebispo estavam quase fechados, como se ele estivesse à beira do sono.

“Os anciãos todos podem realmente manter a compostura…”

O príncipe Chen Liu suspirou. Ele estava bem ciente de que o arcebispo manteve seu próprio conselho e provavelmente já havia adivinhado a identidade de Luoluo.

Luoluo olhou para Xu Shiji. Em qualquer outro momento, se alguém ousasse repreendê-la assim, certamente não o teria feito. Não se pode tirar conclusões do ato bonito e agradável que ela fez na frente de Chen Changsheng. Se ela realmente ficasse brava, até a Princesa de Ping teria medo?

Mas hoje a noite, as circunstâncias eram especiais. Pensando no saco de seda firmemente agarrado na manga e nas ordens de Chen Changsheng, ela respirou profundamente e suprimiu toda a sua raiva. Não dizendo nada a Xu Shiji, ela caminhou direto para a área de estar da Academia Ortodoxa na esquina.

Naquele momento, a música cerimonial soou, as cortinas acenaram ligeiramente e, sob a escolta de criadas e eunucos do palácio de dez estranhos, uma mulher vestida com um lindo traje de corte entrou lentamente no palácio.

Era a Dama Mo Yu.

Embora ela possuísse uma grande autoridade dentro da Grande Dinastia Zhou, ela não tinha muita personalidade pública, então, logicamente falando, ela deveria ter sido mais discreta. No entanto, nesta sala da frente do Palácio Imperial, todos sabiam que ela representava a Imperatriz Divina, por isso não era bom apenas ficar sentado em silêncio. Um a um, eles se levantaram para cumprimentá-la.

As várias centenas de pessoas dentro do corredor se levantaram uma a uma, as figuras importantes da missão diplomática do sul sem exceção. Sob a luz das Pérolas Noturnas, eles pareciam uma onda oceânica.

Duas pessoas não ficaram de pé.

Uma era o arcebispo do Departamento de Educação Eclesiástica, Mei Lisha. Os olhos do velho estavam fechados, com um sorriso indistinto nos lábios. Parecia que ele realmente adormeceu.

O outro era Luoluo na esquina. Ela silenciosamente olhou para o rosto de Mo Yu, parecendo bastante grosseira.

Todos se levantaram, exceto duas pessoas. Eles se destacaram naturalmente, então todos viraram seus olhos para eles.

Xu Shiji tinha uma aparência bastante escura. Embora ele soubesse claramente que essa garota chamada Luoluo tinha um passado incomum, dado que hoje era a noite em que a missão diplomática do sul proporia um casamento, ele tinha que garantir que tudo permaneceria sob controle. Como resultado, ele a repreendeu por apenas um tempo, tudo porque ele precisava ver se alguma variável apareceria.

Parecia que a variável chegou.

O status do arcebispo era diferente, então ele não podia expressar sua raiva, e só poderia apontar para o único alvo que restava.

Ele olhou furiosamente para os assentos da Academia Ortodoxa na esquina.

Por razões semelhantes, ninguém se atreveu a encarar diretamente o assento do arcebispo acima, de modo que os olhares de todos os homens descansavam na esquina, caindo sobre Luoluo.

Luoluo não se importou com esses olhares. Ela olhou para Mo Yu, com seus olhos calmos, sua expressão solene, com uma aura exibindo advertência sobre ela.

A multidão tremia interiormente com medo, sem saber o que aconteceria a seguir.

Xu Shiji estava preparado para fazer uma forte repreensão quando uma voz melodiosa de repente tocou pelo corredor.

“Não há problema.”

Mo Yu sorriu, seus braços se estendiam para seus lados, suas duas mangas largas pendiam, indicando que todos deveriam se sentar.

Essas palavras eram para a multidão, para Xu Shiji, exibindo seu coração indulgente e humano.

Somente Luoluo sabia que essas palavras eram para ela.

Ela prometeu a Luoluo que absolutamente nada aconteceria com Chen Changsheng.

Luoluo sabia que Mo Yu não mentiria, especialmente neste momento. Ela já sabia que Mo Yu tinha feito algo, mesmo depois de ter sido avisada.

Suas emoções estabilizaram-se um tanto, mas ela não.

Ela sentou na esquina, observando silenciosamente Mo Yu, com seu olhar imóvel.

Ela era como um tigre escondido nas florestas da montanha, observando silenciosamente sua presa, pronto para saltar a qualquer momento e rasgar o alvo em pedaços.

Mo Yu sentiu o olhar do canto distante e arqueou suas sobrancelhas, um pouco surpresa. Assim como a Princesa de Ping, ela pensou que a sua presença na Academia Ortodoxa era apenas porque sentia que permanecer no Jardim das Cem Ervas era muito chato e queria muito brincar com um humano comum.

Mesmo que ela fosse amiga de Chen Changsheng, ainda não fazia sentido para ela valorizá-lo tanto.

Mesmo Mo Yu podia sentir o seu olhar, então os muitos especialistas no salão também notaram naturalmente.

Isto foi especialmente lídimo para as pessoas que cercavam a área de estar da Academia Ortodoxa, do qual sentiram-se bastante frios.

……

……

Chen Changsheng pensou que ele havia morrido, mas não tinha.

O Dragão Negro parou no ar na frente dele, não avançando mais.

Os dois estavam separados por poucos metros. Por conta de o Dragão Negro era tão excessivamente grande, essa distância era extremamente próxima, tanto que ele conseguiu ver a neve acumulada nas raízes dos dentes do dragão. O Dragão Negro estava fazendo respirações lentas e longas. Inúmeras rajadas de vento frio foram expelidas, inúmeros grãos de neve e fragmentos de geada enrubesciam-se e dançavam ao vento.

Chen Changsheng viu que ele estava parado fora da cidade de Xuelao, no norte distante.

O que fez o Dragão Negro parar lentamente não foi sua coragem ou as palavras que ele falou antes de morrer, mas sim, a adaga em suas mãos.

Essa adaga era, aparentemente, muito comum.

Quando viu a adaga em suas mãos, pareceu que inúmeras estrelas se incendiaram sucessivamente nas profundezas dos olhos do Dragão Negro e depois, extinguiram-se mais uma vez.

Toda estrela era uma emoção.

Frustração.

Confusão.

Choque.

Inquietação.

Ressentimento.

Despedida.

Encontro.

Cumplicidade.

Prudência.

Raiva.

Vulnerabilidade.

Indiferença.

Incapacidade de indiferença.

O anseio ao esquecimento.

A dificuldade do esquecimento.

Desapontamento.

Desespero.

Esperança.

Ainda esperança.

……

……

Inúmeras emoções complexas apareceram nos frios e cruéis olhos do Dragão Negro.

Como humano, era difícil para ele entender como os olhos podiam segurar tantas emoções em um único instante.

Chen Changsheng não conseguia entender, então ficou parado com o corpo coberto de neve e uma adaga na mão, olhando ao Dragão Negro em silêncio.

O dragão calmamente olhou para trás, visualizando por muito tempo.

A fera, de repente… soltou um rugido baixo!

O vento frio uivou, fazendo com que a neve acumulada nas paredes distantes revoltassem-se, e a neve no mar de prata voasse em desordem.

Esse rugido baixo era uma palavra, porque tinha um significado específico.

Esse rugido era mais como um som puro, porque era um som, uma única sílaba.

Foi um som extremamente breve, mas extremamente complexo.

Era como um furacão. Na superfície, parecia frenético e monótono, mas havia inúmeros fluxos de turbulência dentro, indo em inúmeras direções.

Esta era a língua Dracônica.

A linguagem Draconiana que havia desaparecido do mundo humano há vários milhares de anos, até mesmo dez mil anos.

No presente mundo, não havia talvez nenhum ser humano que tivesse ouvido a língua Dracônica. Quanto a um ser humano que falava a língua Dracônica… ninguém saberia por onde começar a procurar essa pessoa.

O dragão era o ser mais alto da classe mundial, possuindo um corpo e uma alma perfeitos. Somente com sua estrutura de corpo incomparavelmente firme e incomparavelmente complexa e suas almas incomparavelmente formidáveis ​​trabalhando juntos, poderiam usar um método tão inimaginável para se comunicar.

Tão simples que tornou-se absolutamente complexo, supremo.

“Este é o lendário idioma Dracônico?”

Chen Changsheng ficou muito chocado.

Mesmo que ele não estivesse preso pelo vento e pela neve, presumivelmente ficaria completamente rígido neste momento.

Porque ele estava realmente muito estupefato.

Sua estupefação era diferente do choque que alguém sentiria ao ouvir um rugido de dragão, ou talvez seu choque fosse em outro nível.

Ele já ouviu esse som antes.

No templo antigo da cidade de Xining, ele e seu sênior leram as três mil escrituras Daoístas. O livro final continha mil seiscentos e um caracteres. Segundo a lenda, dentro desses caracteres, havia o significado final do Dao Celestial. Eles não reconheceram as palavras neste livro, então eles foram pedir ajuda ao seu mestre. Seu mestre também não os reconheceu, mas ele… podia lê-las.

Assim, ele e seu sênior começaram a ler essas palavras.

Eles não conheciam os significados, mas eles conheciam os sons.

Ele sempre mistificava quanto ao que eram essas palavras bizarras.

Até que muitos anos depois, sob o Palácio Imperial da Grande Zhou, em frente a um Dragão Negro da Geada, ele finalmente entendeu.

Era a língua Dracônica.

Descobriu-se que o livro final das três mil escrituras do Grande Dao estava escrito na linguagem Draconiana.

Silêncio.

Um longo silêncio.

O Dragão Negro silenciosamente olhou para Chen Changsheng, aparentemente esperando por algo.

Chen Changsheng não sabia o ele que esperava, então ficou em silêncio.

Inúmeras estrelas, uma vez mais, acenderam a vida nos olhos do Dragão Negro, e depois se extinguiram.

Ficou em silêncio uma vez mais, e depois soltou outro rugido baixo.

Esse rugido era muito baixo. Não houve frio, mas uma aura de extinção silenciosa.

Os cílios de Chen Changsheng flutuaram.

Seu coque Daoista ficou bagunçado, com seu cabelo preto a deriva atrás dele flutuando.

Suas roupas foram explodidas em pedaços e depois começaram a flutuar.

Este rugido do dragão era baixo e pesado, a raiva finalmente estava se transformando em desapontamento, depois desespero.

Chen Changsheng sabia que ele ia morrer novamente — a palavra “novamente” aqui não era risível, mas triste.

O Dragão Negro parecia ter algumas esperanças nele, então Chen Changsheng conseguiu viveu por mais alguns momentos.

Mas essa esperança não mais existia.

Chen Changsheng, de repente, sentiu-se muito triste, não porque não havia esperança, não por causa dele.

Por alguma razão inexplicável, quando ouviu o rugido baixo do Dragão Negro, ele sentiu uma tristeza indescritível.

Parecia ver inúmeros anos, uma solidão ilimitada.

Uma caverna subterrânea escura, engano e engano, vigia e aflição.

Ele também experimentou aqueles sentimentos antes.

A sombra da morte era exatamente como a noite, dolorosamente torturante em todos os momentos por vários anos.

Ele não tinha ninguém para falar, nenhum lugar para contar. Sozinho, ele esperou o julgamento final.

De repente, ele queria confortar esse Dragão Negro.

Ele não sabia o que dizer, mas ele sentiu que deveria dizer alguma coisa.

Assim, ele disse uma única palavra ao Dragão Negro.

Ele não sabia o significado dessa palavra.

Quando ele era jovem, esta foi a primeira palavra que ele aprendeu no livro final das três mil escrituras Daoístas.

Era uma única sílaba, sua pronúncia era extremamente estranha.

Apenas um momento, parecia conter informações infinitas.

Ao ouvir esta palavra, os olhos do Dragão Negro derrubaram repentinamente inúmeros raios de luz frenéticos!

No entanto, o mundo inteiro ficou em silêncio.


Tradutor: Vaan   |   Revisor: Enxarcado   |   QC: Martins



Fontes
Cores