TI: Volume 3 God’s Lobby 3-1

Volume 3: God’s Lobby 3-1

Os olhos dos homens estavam fixados no cenário onde as quatro mulheres estavam brincando na água. Até mesmo Zero não pôde evitar. Mas o pequeno garoto do lado de Zero manteve sua cabeça baixa. Ele puxou o braço dele.

Zero se abaixou e o menino sussurrou algo em seu ouvido. Zero hesitou um momento, mas o menino balançou sua cabeça em pânico, ele riu e levou o garoto para trás das árvores.

Um pouco depois Zero voltou com ele… o menino estava vestindo uma maiô. Ignorando os olhares estranhos de Jie e Zheng, ele levou o garoto para o mar e deu sua mão para Lan.

“Ele… agora é uma garota… mas ele também é meu irmão mais novo.”

“Eu nasci em uma família que pertencia à máfia chinesa na América. Quando eu tinha quinze anos, meu pai foi assassinado, e outro grupo se anexou com da nossa família. Minha mãe se tornou a mulher do chefe, que também era um chinês americano…”

“Eu não pude perdoar ela! Ela me traiu e traiu meu pai! Então eu tive que me vingar! Eu me escondi por dez anos e treinei até ter as habilidades que tenho agora. Então… Eu voltei.”

“Sarcasticamente, aquela mulher já tinha morrido há oito anos, mas deu a luz a um menino filho do chefe. E esse homem… criou o menino como uma garota para homenagear sua mulher. Ele cresceu com cabelos longos e vestiu vários vestidos, assim como uma pequena garotinha. E a coisa mais engraçada… Eu me apaixonei por ele na primeira vez que eu o vi.”

“Na ciência, eles chamam isso de atração sexual genética. Duas pessoas que possuem o mesmo sangue se sentem fortemente atraídos. Já ocorreram muitos casos assim, mas eu nunca pensei que isso iria acontecer comigo… Eu não podia perdoar eles. Eu não podia me perdoar… Então eu decidi matar todos eles e me matar depois.”

“O processo foi rápido. Mafiosos não são assassinos. Eles podem saber lutar e impor medo aos outros, mas me dê um sniper e uma distância razoável que eu não terei medo de ninguém… Entretanto, depois que eu o matei e meu irmão, eu achei o diário que pertencia àquela mulher. Ela tinha escrito sobre meu pai e o homem que eu matei… Então meu pequeno irmão na verdade era o filho do meu pai. Ela já estava grávida no ano do assassinato e ela faleceu pela depressão depois de dar à luz… Mas tudo já tinha acontecido. Tudo já tinha terminado…”

Zheng e Jie suspiraram. Eles não sabiam o que dizer para Zero. Mesmo que as circunstâncias dele fossem estranhas, mas elas o fizeram desistir da realidade. E esse sentimento pelo seu irmão mais novo…

“Eu vou tentar o meu melhor para sobreviver… para ela. Eu quero proteger ela, quero a ver crescer, então… deixar a natureza seguir seu curso. Talvez ela não seja o meu irmão mais novo da minha memória, mas ela é meu motivo para viver.” – Zero disse calmamente.

Zheng colocou a mão no ombro dele: “Enquanto você tenha uma razão para viver. O que nós mais temos medo é quando não conseguirmos achar uma razão para isso… Assim como antes de eu vim para cá. Se eu não tivesse trazido ela de volta, talvez eu teria morrido no Alien.”

Jie também se aproximou para confortá-lo. Zheng perguntou de repente: “Certo Jie, você é um veterano. Eu nunca ouvi sua história de como você veio parar aqui.”

A mente de Jie ficou em branco por um tempo e ele riu: “Só os problemas comuns. Aposentado, entrei em uma companhia, tive conflitos com meus superiores, fui demitido e parei para tomar um café e vim parar aqui… Haha, não vale a pena ser mencionado. Isso me faz ficar um pouco com raiva. Meu passado não é tão glorioso quanto o de Zero. Eu só fui uma pessoa comum.”

Os três conversaram por um tempo, até que a voz de Lan os alcançou: “Ei! Vocês três parem de ficar aí como idiotas! Venham nadar com a gente. A água está gelada… Lori, pare de pegar nos meus peitos! Meu biquíni está caído!”

Eles se olharam e começaram a tirar suas roupas sem hesitar. Eles estavam vestindo sungas. Eles jogaram suas roupas na areia mesmo e pularam no mar.

Nana, Lori e a pequena garota nadaram para seus homens respectivos. Lan hesitou, então nadou para Zheng. Entretanto, Yinkong nadou para longe deles no mar. Seu maiô preto contrastava com sua pele branca como a neve. Ela parecia como uma modelo nadando pelo mar.

Zheng encarou o horizonte. O preto e branco de Yinkong combinavam com azul do mar formando uma cena única. Então algo bateu em seu peito. Lori se jogou contra seu corpo enquanto ria e Lan também se aproximou. As duas mulheres estavam se divertindo enquanto brincavam uma com a outra. Talvez fosse intencional ou não, mas os peitos de Lan pressionaram seu braço. Ele não sabia se deveria evitar ou não, mas ele aproveitou enquanto sofria com essa dúvida…

O tempo voava enquanto eles estavam felizes. O anoitecer chegou e eles tiveram que sair para ir atrás de um hotel. No começo, eles estavam com medo que sem identidade eles não poderiam conseguir um quarto. Mas Yinkong rapidamente resolveu o problema. Ela pegou emprestado um computador de um dos funcionários e uma companhia americana mandou documentos e vários milhões de dólares. No final, eles escolheram um hotel cinco estrelas.

“Zheng… Venha para o salão às nove.” – Lan disse para ele em voz baixa enquanto passava do seu lado. Então ela entrou no seu quarto sem olhar para ele.

A mente de Zheng ficou travada enquanto ele olhava ela se afastando. Então Lori correu e pulou nas costas dele. Zheng deu um sorriso forçado. Seus sentimentos estavam complicados…

[PE: Pra quem não entendeu, Zero criou uma mulher.]{Zeus: Certamente que sim.}

 

Contribua com a Novel Mania!