MP – Capítulo 10 – Dinheiro e Falência



Mas Yang Kai não se importou muito com isso, porque eles estavam na Vila Ameixa Negra, localizada próxima ao Pavilhão Celestial, avistar outros discípulos descendo até a vila era bem comum.

Um tempo atrás, Yang Kai chegou até a fila do arroz. A fila era bem longa, com o comprimento de duas barracas. O negócio era muito próspero, mas tem apenas um atendente correndo por aí atendendo as pessoas. O chefe estava calculando dinheiro em um ábaco no balcão, enquanto a esposa cumprimentava as pessoas.

Enquanto mais pessoas terminavam seus pedidos, a fila foi diminuindo gradualmente e Yang Kai também entrou na fila.

“Madame” Yang Kai gritou, uma mulher com aparência de quarenta anos esticou o pescoço para ver quem era. Quando ela viu que era Yang Kai ela subitamente sorriu e disse, “Ah, homenzinho, você veio comprar arroz de novo.”

“Sim.” Ele andou até a frente do balcão, apontou para um saco lá de trás e disse, “Me dê um saco, por favor.”

Enquanto a senhora estava amarrando o saco com uma linha ela disse: “Homenzinho, você compra só um saco de arroz por mês, é o suficiente para você?”

Yang Kai respondeu: “É o suficiente.’’

“Seu mentiroso!” A senhora retrucou enquanto olhava para Yang Kai, “Olhe para você, braços e pernas tão finos. Se você está comendo devidamente então por que seus braços e suas pernas são tão finos?”

Yang Kai sorriu timidamente, “Eu também vou até as montanhas para caçar, então mesmo com só um saco de arroz eu não vou ficar com fome.”

Enquanto o chefe que estava concentrado em calcular a fatura, sussurrou para ela: “Vá pegar o arroz velho lá de trás e dê para essa criança.”

“Vamos ouvir o chefe.” A madame respondeu com um sorriso.

“Como isso está certo? Vocês também estão tentando viver aqui.” Yang Kai disse bem alto.

A senhora imediatamente franziu seu rosto. “De que serve arroz velho? Deixá-lo aqui vai apenas dar um lugar para que os insetos cresçam. De qualquer modo, as pessoas não vão comê-lo. Mas o chefe disse que esse arroz ainda tem alguns nutrientes mesmo que um pouco menos. Você espere aqui e eu vou pegar um pouco para você levar para casa.”

Enquanto ela dizia isso ela já tinha começado a andar até a sala de trás.

O coração de Yang Kai inchou, já que ele não sabia o que fazer. Toda vez que ele vinha comprar arroz, o chefe e sua esposa sempre achariam várias desculpas para dá-lo mais. Eles dizem que insetos vão crescer no arroz velho ou coisas do tipo, mas na verdade, era sempre arroz bom que eles deram para ele e não arroz velho. Sua generosidade deu esperança à Yang Kai nesse mundo triste.

“Obrigado Tio He.” A voz de Yang Kai tinha uma pequena tremedeira.

O chefe sorriu e olhou para ele. “Quando se vive sozinho, você não tem problemas domésticos? No futuro, sempre que você estiver com fome apenas venha até a nossa loja, nós podemos não ter muito, mas nós ainda temos arroz o suficiente para você comer.”

“Ok…” Yang Kai confirmou com sua cabeça, ‘esse mundo ainda tinha pessoas boas por aí.’

Pouco depois, duas pessoas entusiasmadas vieram até a loja de arroz e chutaram algumas pessoas que estavam prontas para fazerem seus pedidos na fila e de fora da loja.

“Ahhhhh…” O segundo Irmão caiu de bunda, e deu uma cambalhota. Era um grande problema porque depois que ele caiu no chão ele não podia se levantar de novo.

“O que foi?” O patrão falou para as pessoas que haviam chutado o pequeno irmão enquanto ele saia de trás do balcão até os dois homens. Yang Kai rapidamente ajudou o segundo irmão a se levantar enquanto olhava atentamente para as faces maléficas dos dois homens. Um deles era pálido e magro e estava abraçando seu estômago, enquanto o outro que tinha o corpo de um urso sustentava o mais magro. Esses dois foram aqueles que chutaram o segundo irmão.

“Quem é o chefe aqui?” O homem gritou.

“Eu sou, eu sou.” O chefe He respondeu rapidamente. Ele era apenas um comerciante comum, mesmo assim os dois homens o chamaram com expressões tão ferozes. As espadas em seus quadris e seus rostos ferozes mostravam que eles não eram pessoas que não se podia levar a sério. O Chefe He se perguntava o que havia acontecido.

“Bem, bem. Então você é o chefe de coração negro! Você até mesmo ousou vender arroz envenenado para o meu irmão. Olhe para ele! Originalmente ele era um homem forte, mas depois de comer o seu arroz ele ficou doente assim. Normalmente ele é forte como um urso, mas ele mal consegue se manter em pé agora! Sua pessoa de coração negro, preocupada apenas com o dinheiro, chegando até a tomar vidas!”

Com essa explosão do homem, o chefe He preocupado gaguejou: “Ah, mas como isso é possível? Como pode?”

O Homem então disse: “Como eu posso saber? Essa manhã meu irmão comprou um pouco de arroz seu, e preparou mingau de arroz, então ele ficou assim depois de comer o arroz que comprou de você. Eu tive sorte de não comer nada, do contrário eu estaria igual ele.”

O testa do chefe He começou a suar, ele arregaçou as mangas e ficava limpando sua testa e disse: “Respeitável cliente, eu temo que deva haver algum engano.”

“Engano? Engano sua mãe! Se não fosse pelo seu arroz, o que o deixou assim então?” O homem de Han rugiu.

Yang Kai sentou-se e ponderou sobre a situação enquanto seus olhos estavam no tumulto. O chefe He é uma pessoa tão boa, Yang Kai não podia acreditar que essa pessoa que lhe dava arroz, colocaria veneno nele. Sem mencionar o fato de que não era possível o chefe He ter um coração negro na mente de Yang Kai, um negociante de coração negro não seria tão estúpido a ponto de envenenar seu próprio arroz.

Se essa informação se espalhar como ele vai fazer negócios no futuro? Quem ousaria vir comprar seu arroz? As duas desculpas esfarrapadas dos dois homens eram realmente inaceitáveis, e eles não podiam nem considerar que a causa foi outra.

Então, esses dois certamente estão aqui para arruinar os negócios. Mas essa ação era maldosa demais, já que eles implicaram que o chefe precisava que alguém morresse para ganhar dinheiro.

Mesmo que o corpo de Yang Kai fosse fraco ele ainda era um praticante. E durante esses últimos anos ele viu incontáveis tipos de pessoa, então ele sentiu que podia julgar o caráter do chefe sem erros. O homem era alguém que ele devia muito e quando Yang Kai viu isso, fez com que seu rosto caísse. Ele se levantou e disse, “Esses dois…”

“O que?” Um dos homens olhou para ele, sua raiva era evidente.

Yang Kai não falou, mas o chefe He imediatamente saltou na frente dele. Ele lentamente balançou sua cabeça para que Yang Kai parasse.

“Tio He…” Yang Kai ficou paralisado.

“Até mesmo na falência, evite as desgraças!” O chefe He sussurrou.

Yang Kai só podia suspirar. O fato que o chefe disse, sinalizava que ele sabia o que os dois homens estavam tramando. Mas para fazer negócio, uma pessoa deve ter um nome limpo. A comoção de antes já havia atraído muita atenção, se isso continuasse então a reputação da barraca de arroz iria pelo ralo.

Mesmo que se alguém soubesse que o que disseram fosse falso, essa pessoa podia apenas consentir e apressadamente esperar que este fiasco acabasse antes do que muito dano fosse causado.

Desesperado. O Chefe He olhou para o homem. “A respeito da doença do seu irmão, tudo o que eu posso dizer é que não tem nada a ver comigo…”

Depois que os dois homens ouviram isso, um gritou de raiva, “Mesmo se não for relacionado, eu já vim até essa loja de arroz. Se eu não deixar clara qual a verdade, então o sofrimento do meu irmão terá sido em vão. Ele precisa ser enviado para um médico imediatamente! Mas é claro, se você estiver disposto a pagar pelas contas do tratamento, então nós estamos dispostos a esquecer do assunto.’’

Depois dessa declaração, estava claro que eles realmente queriam que o chefe He fosse à falência para evitar desgraças. Se as pessoas realmente quisessem extorquir dinheiro, eles o fariam durante um período de tempo. As demandas desses dois homens eram de uma visão muito limitada, se o chefe He concordasse em pagá-los agora a reputação da barraca de arroz sofreria do mesmo jeito. Já que nada é inequívoco, e notícias dele vendendo arroz envenenado se espalhariam. Isso fez Yang Kai perceber que ou esses homens não estavam interessados em extorquir mais dinheiro do chefe He ou eles tinham outro objetivo.

Quem iria imaginar que esses dois homens de Han não tinham intenção de ceder. “Seu chefe de coração negro. Quem você acha que nós dois irmãos somos, para ser explorados por você livremente? Nós dois irmãos somos realmente azarados por ter comprado arroz envenenado por você! Onde está sua consciência pesada?”

Essa declaração soou profundamente em Yang Kai. Ele curvou seus lábios enquanto se sentava, pensando, então você é aquele virtuoso? Vivendo a vida de consciência limpa?

O chefe He também ficou pasmo. ‘O que? Esses dois homens não estavam aqui para extorquir dinheiro?’

Enquanto ele estava atordoado e incerto do que fazer, mais e mais pessoas começaram a se reunir. Um Garoto bonito com idade similar à de Yang Kai também apareceu. Pela sua aparência, Ele era claramente muito melhor que Yang Kai.

Este Jovem andou casualmente até os homens e então circulou-os interessado. Enquanto fazia isso ele constantemente estalava sua língua.

Outros podem não ter percebido, mas com apenas um olhar Yang Kai reconheceu essas três pessoas como as pessoas que ele tinha avistado agora a pouco no beco.

A multidão olhou para o garoto, que tinha acabado de aparecer.

‘Esses três homens não estavam juntos?’ Yang Kai sentiu uma trama perversa no ar.


Tradução: Boombs   |   Edição: BravoEd



Fontes
Cores