MGA – Capítulo 758 – Curando o Veneno



Naquele momento, Su Mei ficou meio sentada e meio deitada na cabeceira da cama.

Seu lindo rosto, sua figura elegante… Linda. Realmente linda demais.

Mas o que era mais sedutor não era nem seu belo rosto, nem sua figura ardente. Era o som que ela atualmente estava fazendo.

“Chu Feng~~” Su Mei chamou com sua voz macia e provocante.

Instantaneamente, Chu Feng, cujos olhos estavam focados nela, tremeu. A coisa abaixo dele subiu imediatamente.

Chu Feng não era tolo — ele captou os indícios e claramente sabia que Su Mei estava drogada. Além do mais, o veneno tinha se espalhado através de seu corpo e Su Mei tinha gradualmente perdido seu controle. Ela estava sendo influenciada pelos efeitos da droga.

Mas, admitir-se-ia que Su Mei era verdadeiramente linda. Ela, a garota normalmente pura e fofa, agora mostrou seu lado sedutor. Havia realmente uma atmosfera diferente sobre ela.

Em comparação a Lan Xi de antes, Su Mei estava agora mais de cem vezes melhor. Ela era uma verdadeira beldade — uma que precisava apenas de um único olhar para o batimento cardíaco acelerar e o rosto corar de vermelho.

Falando francamente, dizer que Chu Feng não ficou mexido por tal cena, seria absoluta asneira. Chu Feng realmente teve o impulso de apenas se soltar, liberar seus instintos bestiais e pressionar abaixo essa beldade.

Porém, ele ainda conseguiu reter alguma aparência de razão. Ele repentinamente se lembrou de sua promessa para Su Rou: Antes de se casar com Su Mei, ele não poderia fazer esse tipo de coisa com ela.

“Pequena Mei, coma isso rapidamente.” Assim, Chu Feng não somente suportou o desejo em seu coração, ele também retirou o antídoto e o levou perante Su Mei.

Vendo o antídoto na mão de Chu Feng, Su Mei ficou bastante cooperativa. Ela abriu seus lábios rosados e mordeu.

Vendo isso, Chu Feng sentiu uma ligeira porção de alegria. Ele pensou, ‘Embora a situação atual da Pequena Mei seja pior que a de Lan Xi anteriormente, ela ainda possui um pouco de racionalidade. Com isso, será um pouco mais fácil ajudar Su Mei a se livrar da droga.’

Entretanto, quando a boca de Su Mei se fechou, a mente de Chu Feng deu um branco. Ele tremeu no local, o desejo que ele suprimiu com grande dificuldade subiu apressadamente de novo.

Era porque Su Mei não engoliu o antídoto na mão de Chu Feng. Ao invés, ela mordeu um dos dedos de Chu Feng.

Aquela sensação o fez comichar. Fez seu coração comichar. Inferno, fez seu corpo inteiro comichar. Era algo que ele não podia resistir!

Especialmente quando os olhos de Su Mei se estreitaram em forma de duas belas luas crescentes e, em adição, o rosto de contentamento dela, fez Chu Feng ainda mais incapaz de resistir.

Mas Chu Feng era, no fim das contas, um homem de palavra. Ele era, afinal, um homem de mente forte. Assim, ele decididamente aguentou e disse para Su Mei, “Pequena Mei, você deve permanecer calma. Agora, o veneno permeou seu corpo, então por isso você está agindo dessa forma. Você não pode deixar a droga te controlar; você deve dissipá-la de seu corpo.”

“Comporte-se, não cause uma desordem. Pegue esse antídoto. Só ao fazer isso que serei capaz de dissipar o veneno em seu corpo.”

Depois de ouvir as palavras de Chu Feng, Su Mei realmente desapertou sua boca. Com seus olhos crescentes, ela encarou Chu Feng e disse provocantemente, “Tudo bem, mas você tem que me dar com sua boca, senão eu não irei.”

“Isso…” Chu Feng ficou um pouco surpreendido quando ouviu aquelas palavras. Ele estava um pouco confuso, pois ele não sabia se Su Mei mantinha a sanidade ou não.

“Tudo bem, Chu Feng?” Su Mei balançou a mão de Chu Feng, falando com uma voz sedutora e tímida.

“Tudo bem.” Chu Feng pressionou os dentes quando viu a tão sedutora Su Mei. Ele lançou o antídoto em sua boca e então, indo em direção aos lábios rosados de Su Mei, a beijou.

A princípio, Chu Feng realmente queria dar aquele antídoto para Su Mei, mas no instante que seus lábios se contataram com os de Su Mei, antes que ele pudesse empurrar o antídoto para a boca dela, ele sentiu algo deslizante e macio entrando em sua boca.

Inferno, aquela era a língua macia de Su Mei.

Chu Feng realmente queria gritar naquele instante. Como esperado, ele foi enganado. Su Mei simplesmente nem mesmo planejava tomar o antídoto!

Mas Chu Feng não era tolo. Ele na verdade previu aquilo. Quando ele concordou com o pedido de Su Mei, ele tinha feito duas decisões.

Primeiro: se Su Mei tomasse obedientemente o antídoto, ele naturalmente curaria Su Mei com sua força total.

Segundo: Se Su Mei não planejasse tomar o antídoto — como a situação atual — que desgraça de veneno Chu Feng estava curando? Que promessa ele estava obedecendo?

Se fosse outra pessoa, então tanto faz. Mas essa era sua mulher — a noiva que o amava profundamente, no qual ele também a amava profundamente! Já que ela foi tão direta com suas tentativas, como um homem, se ele continuasse a se segurar, isso, ao invés, não seria muito apropriado.

Assim, sem se importar se ‘três vezes sete, era vinte e um’ ou não — sem se importar sobre o que era verdade e o que não era — ele girou seu pescoço para o lado e se livrou dos lábios entrelaçados e da língua macia de Su Mei.

Su Mei foi surpreendida pela ação de Chu Feng. Ela até pensou que Chu Feng não havia gostado do que ela estava fazendo, então ela não pôde evitar de se sentir um pouco envergonhada e constrangida. Mas logo, ela percebeu que estava pensando demais.

“Pah!” Chu Feng cuspiu, ejetando o antídoto no chão. Então, ele virou-se e quando ele olhou de novo em Su Mei, seus olhos se iluminaram e, como um lobo faminto, ele mordeu os lábios tenros e suaves de Su Mei e, enquanto ele entrelaçava sua língua com a de Su Mei, ele começou a sugar loucamente.

Ao mesmo tempo, como um tigre feroz pulando na direção de sua presa, ele usou seu poderoso corpo para pressionar a pequena beldade, Su Mei, abaixo de si.

“Isso…”

Naquele instante, Taikou ainda estava parado no ar, seus olhos ainda travados no quarto que Chu Feng e Su Mei estavam. Vendo tal cena, ele também se sentiu um pouco constrangido. Ele involuntariamente fechou seus olhos e entrou em um dilema se olhava ou não olhava.

No final, o velho incomensurável de uma perna só, deu um sorriso perverso que não se adequava ao seu status mais idoso, então abriu seus olhos e lançou seu olhar de volta ao quarto.

“Esse maldito pirralho.” Contudo, naquele instante, Taikou não pôde deixar de xingar, porque ele descobriu que, para sua surpresa, quando ele tinha fechado seus olhos, Chu Feng estabeleceu uma Formação de Ocultamento e escondeu completamente sua figura e a de Su Mei. Taikou simplesmente não podia mais vê-los.

Somente depois de estabelecer a Formação de Ocultamento que a verdadeira natureza bestial de Chu Feng explodiu. Ele agarrou a longa saia rosada de Su Mei e, com um som rasgador, ele a rasgou em pedaços.

Depois de rasgar a longa saia, o corpo delicado e branco neve de Su Mei apareceu completamente diante de Chu Feng.

O corpo de Chu Feng já estava fervendo de desejo. Naquele momento, ele não mais hesitou. Depois de rasgar a saia de Su Mei, ele também tirou suas próprias roupas, então pulou em Su Mei, cortando a distância entre seu corpo e o corpo perfeito de Su Mei para zero.

Dentro da Formação Espiritual, dois corpos, um forte e um macio, se fundiram juntos. Eles rolaram acima e abaixo, balançavam à esquerda e direta e ofegavam incessantemente.

“Ahh~~” Após quem sabe quanto tempo, um grito ligeiramente doloroso saiu da boca de Su Mei, mas logo diminuiu lentamente. Então, ao invés, um ofegar poderosamente sedutor soou. Longos e curtos se entrelaçavam, ressoando incessantemente, enquanto ela aproveitava completamente o trato que Chu Feng dava a ela.

Com aquilo, dois corpos se uniram consumadamente, mas a imersão e os ‘ataques’, entretanto, se tornaram apenas mais intensos.


Tradutor: GoldCrowZ   |   Editor: Vands



Fontes
Cores