MBS – Capítulo 2 – Festival de Lanternas


 

Qi pereceu, as defesas da cidade foram restabelecidas com Marquês de Chang Ye – An Zi Wu como monarca, a nova Era reinante foi nomeada Chang Ge ( significado – longa canção)

O tempo voou, em um piscar de olhos já era outro ano do festival Qixi. Permaneci silenciosamente à margem, olhando para a grande barca no meio do rio que neste momento estava oferecendo um banquete. Fiquei lá em silêncio, calada.

Correto, eu morri. Morri na noite em que o palácio imperial de Qi foi tomado, mas eu ainda não desci para o submundo. Não é que eu não quero descer, mas é porque nenhum guarda do submundo veio guiar meu espírito, então posso apenas tomar forma de uma alma errante entre o reino dos humanos. O tão chamado —

Fantasma.

Para qualificar em ser um fantasma, deve-se ser sujeito a existência de uma forte ligação. Refleti por um longo tempo, mas eu realmente não consigo encontrar nada ou nenhum lugar que eu ainda esteja relutante em me separar nesse mundo. Não sei onde devo ir, felizmente, eu estive seguindo meu marido todo o tempo.

O observei ascender ao trono, se tornar o imperador, limpar o banho de sangue cobrindo a cidade imperial de dentro para fora, então, me enterrar grandiosamente, excedendo o ritual apropriado que uma imperatriz deveria ter, um funeral que era praticamente um luto nacional.

Eu sei, talvez em seu coração ele possa apenas me compensar dessa forma. E eu realmente estou grata que pude ver isso.

Eu o observei todo dia na corte, durante as refeições, enquanto dormia. Ao ponto de sentir que esse período de tempo, comparado a quando estava viva, passei mais tempo com ele do que nunca. Ninguém podia me ver, no qual significa que posso me transferir para qualquer lugar que sua presença esteja.

Mas hoje eu não desejo estar ao seu lado. Porque em uma ocasião como esta, incontáveis papa-figos cantantes e andorinhas dançantes[1] são destinadas a estarem ao seu lado, com inúmeros perfumes elegantes e telas veladas. Não importa quão mente aberta eu posso ser, ainda irei me sentir absolutamente chateada. Então é melhor esconder um pouco mais longe, o que os olhos não veem o coração não sente.

A luz da lanterna escureceu um pouco naquela luxuosa barca do prazer pintada em regalo. O banquete parecia ter acabado. Pensando na atmosfera de rouge[2] e poder, ainda não estou muito disposta a voltar.

E o que eu não esperava, depois de um tempo, era uma fila de pessoas vestidas em roupas comuns deixando a barca do prazer. Que o único andando na frente é precisamente meu marido desta vida, An Zi Wu.

Esse é o imperador incógnito…..?

Seguindo ao seu lado estão todos os seus confidentes confiáveis, eu curiosamente os segui.

Eles foram em direção ao mercado noturno da cidade, na noite do Qixi, a cidade estava brilhantemente iluminada, a estrada alinhada com lojas vendendo lanternas em ambos os lados, todos em volta são casais andando de mãos dadas. Ele caminhou firme a frente, escolhendo ir para a área mais movimentada onde a multidão está, nem se importando com os guardas atrás, ansiosos como formigas em uma panela quente.

An Zi Wu é esse tipo de pessoa obstinada. Ainda tão obstinado depois de se tornar imperador.

Eu o segui calada. Ele parecia estar deliberadamente tentando se perder dos guardas, andando em círculos ao redor das áreas movimentadas, no fim, ele comprou uma máscara de fantasma para pôr e também comprou uma lanterna, agindo como um homem procurando sua amada.

Não pude resistir em dar uma pequena gargalhada.

O tempo voou, todas as pessoas passando por mim carregavam sorrisos calorosos em seus rostos, o pequeno rio fluindo através da cidade estava cheio de lanternas, carregando de tempo em tempo do romance mais profundo ao superficial, enquanto flutuavam gentilmente.

Ele lentamente passou a pequena ponte de pedras brancas sobre o rio, uma mão segurando uma lanterna de festival, uma mão suspendida ao seu lado. Eu continuei observando enquanto ele virava seu corpo de lado, permitindo as crianças brincando passarem por ele, sua mão estendendo para trás, praticamente me dando a ilusão de pensar que ele quer segurar a mão de alguém.

Depois que todas as crianças tinham passado, ele continuou parado no lugar, congelado por um momento, ele abruptamente engatou um sorriso, carregando meio traço de provocação, mas dentro desses olhos, há ainda uma perda infinitamente desconsolada.

Esse tipo de expressão não ficou em seu rosto por muito tempo, enquanto ele saía da ponte, andando para a beira do rio rolando suas largas mangas, ele acendeu uma lanterna e a colocou no rio.

Eu, que estava no outro lado da margem, por ver essa cena, não pude deixar de pensar no festival Qixi de muitos anos atrás em Jiangnan, sob o opaco luar, eu disse para ele:

“An Zi Wu, eu enviei uma lanterna por você.”

“Agradeço a Madame por ter se dado ao incômodo.” Suas mãos descansavam por trás de suas costas enquanto ele olhava em direção ao animado mercado a distância, respondendo sem se importar.

Eu o ajudei a ordenar seu casaco e arrumar seu cabelo bagunçado pelo vento, literalmente virando seu rosto em minha direção, [eu disse]: “Você sempre está fingindo esse tipo de impressão inútil de um garoto rico na frente das pessoas, mas eu sei que seu coração jaz em um lugar mais alto do que as nuvens no céu, definitivamente não satisfeito em ser um mero marquês ocioso. Haverá um dia que você deixará a Propriedade do Marquês de Chang Ye nessa nebulosa Jiangnan.”

Seus olhos caíram sobre mim, a cintilação em seus olhos girando.

“Na minha cidade natal, luzes são uma melodia harmoniosa, tendo o significado de ficar para trás em espera. Sang Ge, sendo sua esposa nessa vida, para mim, seja ela afeição verdadeira, seja ela falsos sentimentos, eu ainda sou sua esposa. Haverá um dia, que você partirá. Eu definitivamente irei esperar por você, mesmo se essa vida for esgotada.”

Suas pálpebras se abaixaram, afundando em silêncio por um longo tempo: “Então espere por mim.”

Mais tarde, eu sempre estive esperando. A Propriedade do Marquês de Chang Ye em Jiangnan se moveu para a Capital, todo dia eu esperei para ele voltar da assembleia da corte. Quando ele estava fora das planícies do Xiongnu além da Grande Muralha, toda noite eu esperei pelo seu triunfante retorno. Ele tramou um plano para fazer o Imperador de Zhao enviá-lo para fora da Capital, e assim eu me tornei uma refém, constantemente esperando pelo seu retorno para me buscar.

Mais tarde ele finalmente voltou, porém, junto a minha espera… passou como um vulto por meus ombros. [3]

Um brilho vívido de repente passou piscando por meus olhos junto com uma tremenda explosão de som interrompendo meus pensamentos. Eu levantei minha cabeça enquanto olhava para cima, não sabendo que grande família nessa pequena cidade está lançando fogos de artifício. Iluminando o céu noturno com grande magnificência.

Todos estão olhando para o céu noturno, e uma explosão de clamores maravilhados irrompeu.

Não pude evitar curvar meus lábios em um sorriso, durante todo banquete no palácio, sempre haverá fogos de artifício, grandes e luxuosos, entretanto, olhando neles sempre faz pessoas incapazes de evitar sentir uma frieza, absolutamente não tão calorosa e animada quanto é aqui.

Zi Wu também deve sentir dessa forma, certo?

Virei minha cabeça para olhá-lo, mas vi que seu rosto não está carregando um sorriso como eu esperava, e ao invés disso, está olhando rigidamente em minha direção, removendo lentamente a máscara de seu rosto.

Dentro desses olhos cheios de uma incrível descrença, há uma ligeira euforia suprimida.

Nesse momento, pensei ridiculamente, ‘talvez ele esteja me vendo’. Silenciosamente permaneci na margem do rio, observando-o no outro lado da margem. Eu lentamente abri um sorriso. Se não pelas lentas lanternas flutuantes, as ondas do rio e a linda explosão de fogos de artifício no céu, eu teria pensado que o tempo tinha parado.

“Sang Ge.”

Ele chamou suavemente e ternamente, um pé avançando para o rio.

No momento, todos tinham ainda que reagir a isso, ele abruptamente adentrou o rio, abrindo o caminho para onde estava, esbarrando em muitas lanternas ao longo do caminho.

Os guardas o descobriram, assaltados com um leve pânico, eles constantemente chamaram de cima “Lorde!” “Lorde! Cuidado!” Ele não podia nadar, mas felizmente esse rio não é profundo, a área mais funda só passava por seu peito.

Olhos vidrados em mim, se aproximando passo a passo em minha direção. Com todo passo mais perto, o deleite em seus olhos se tornando cada vez mais difícil de esconder.

Uma acidez afiada suavizou meu coração, meu rosto um pouco incapaz de reter o sorriso.

Tão de repente, com um leve deslize de seu pé, ele caiu no rio. Eu instintivamente avancei um passo querendo levantá-lo, mas sentindo a água passar diretamente através da minha canela, fluindo gentilmente, eu gelei no lugar, imóvel.

Os guardas não podiam mais se importar com mais nada agora. “Putong putong”,  alguns deles pularam dentro do rio, desesperadamente correndo para seu lado. Ele debateu-se na água um pouco antes de se levantar firmemente, o mesmo momento que ele levantou, seus olhos se moveram com urgência em direção à margem, o rosto repentinamente empalidecendo.

“Sang Ge!” Ele gritou meu nome em pânico, empurrando os guardas de lado que vieram apoiá-lo, correndo cambaleante na margem, angustiado como se perdesse uma criança, “Sang Ge! Sang Ge…..”

Como se além dessas duas palavras ele não pudesse dizer mais nada.

Ao meu lado, silenciosamente o ouvi me chamar, olhando ao redor. Todo o corpo encharcado, aparecendo em um estado absolutamente lamentável.

An Zi Wu, desde quando ele esteve nesse tipo de estado lamentável….

Eu abaixei meus olhos, com apenas um suspiro que ninguém possivelmente poderia ouvir.

Ele foi enviado de volta ao palácio, dominado pela melancolia, aterrorizando todos os oficiais, fazendo-os não ousar respirar.

Aquela noite ele teve uma febre alta, sua consciência confusa, a boca murmurando repetidamente as mesmas palavras, o eunuco moveu corajosamente sua orelha mais perto, vagamente ouvindo seu murmúrio “…. song (歌 Ge)…..”

Sua Majestade deseja ouvir músicas. Atormentado com a doença, não é como se ele pudesse sair ao vento, portanto, o eunuco colocou as cantoras trancadas porta a fora, deixando-as no vento gelado, cantando toda a noite.

Sentei ao seu lado na cama, o olhando distraidamente. Somente eu sei que ele não estava pedindo por músicas, e sim por mim. Somente eu sei que o que ele mais precisa agora não são músicas, e sim uma noite pacífica, uma boa noite de descanso.

Porém, sou incapaz de informar os outros de sua necessidade.

No meio da noite, entre os cantos da cantora, carregando um leve tom, Zi Wu de repente abriu seus olhos, seus olhos um tanto sem energia, em voz rouca, ele disse:

“Sang Ge, eu enviei uma lanterna para você.”

Dito isso, ele sonolentamente voltou a dormir.

Eu o olhei, silenciosa.

An Zi Wu sempre foi uma pessoa muito saudável, nunca ficou doente, mas essa doença o abateu ameaçadoramente [4], muito mais severa do que pensava. Repetidamente arrastando por mais de um mês. Pelo tempo que ele acabou de recuperar sua saúde, já era o festival de Outono. O palácio estava para realizar um banquete de outono, convidando o Rei Nanyue. Eles dizem que dessa vez, o Rei Nanyue trouxe junto sua filha com uma beleza que devasta cidades. A intenção não podia ser menos óbvia.

Desde o estabelecimento da nova era reinante, não somente o lugar da imperatriz estava vazio, mas todo o palácio dos fundos[5] também não tem uma única concubina. Ministros solicitaram à Zi Wu para selecionar e receber consortes imperiais em numerosas ocasiões, mas todos foram recusados com o motivo de estar ocupado demais com os assuntos do estado.

Dessa vez, temo que ele estará se casando com sua primeira mulher desde que se tornou imperador.

Sua mulher…

Meus dedos lentamente traçaram o contorno de seu rosto, finalmente parando ao lado de seus lábios. Penso que depois que ele se casar com a filha do Rei Nanyue, devo transitar em outro lugar. Porque ele já terá outra mulher o acompanhando, esperando por ele.

Na noite do festival de outono, com a lua cheia reinando no céu, o banquete do palácio chegou ao seu ápice.

O Rei Nanyue quem ocupa o lugar superior esquerdo levantou seu copo e disse: “Vossa Majestade, minha querida filha gostaria de oferecer uma dança a vossa majestade.”

Zi Wu sorriu fracamente: “Eu ouvi que a Princesa Nanyue possui uma beleza inigualável, mas nunca estive ciente que a princesa na verdade possa dançar também. Isso eu devo dar uma olhada.”

O Rei Nanyue sorriu orgulhoso, com dois aplausos uma garota no qual o rosto estava coberto por trás de um véu, vestida em um vestido completamente branco como a lua subiu para o palco central, com uma fisionomia belamente delicada, ela já ganhou uma rodada de suspiros apesar de ainda ter que revelar seu rosto. Ela curvou-se graciosamente para Zi Wu: “Su Er somente tem habilidades inadequadas.”

Essa voz… Eu estava imediatamente chocada, recuperando a compostura, eu posso apenas fracamente soltar uma amarga risada. É a vontade do céu, ou isso foi deliberadamente arranjado pelo Rei Nanyue? Isso eu não tenho ideia. Só que, se Zi Wu sentir o mínimo de saudades por mim, então ele provavelmente casaria com essa Su Er.

Sua dança não era necessariamente a melhor, mas tal figura delicada é o suficiente para capturar a atenção de todos presentes.

Quando a dança acabou, Su Er, com um giro do corpo, originalmente pretendia realizar reverência para Zi Wu, mas no fim, com uma torcida do pé, um som de “ai-ya”, ela caiu ao chão. O véu flutuou de seu rosto. Realmente, um rosto de uma beleza inigualável.

Uma rodada de suspiros maravilhados de repente surgiu de todos os lados.

Várias servas vieram ajudá-la a se levantar, Su Er com os dois olhos contendo lágrimas cristalinas, timidamente olhou para Zi Wu, mostrando que essa não era sua intenção. Tal figura ternamente frágil, somente fazia as pessoas desejarem avançar e puxá-la em um carinhoso abraço reconfortante.

O Rei Nanyue rapidamente recuperou dessa repentina situação, de pé e se curvando para Zi Wu, dizendo: “A incompetência da minha querida filha, que vossa majestade possa perdoar!”

Zi Wu não o respondeu, apenas olhando firme em Su Er, o olhar em seus olhos era incompreensível. O Rei Nanyue não somente não estava bravo por ver sua atitude, mas ao invés disso riu alto: “Esse pequeno rei ouviu que vossa majestade ainda tem de receber uma consorte desde a fundação do país, e o solo e grão da terra não podem possivelmente carecer de uma mestra……”

Não esperando ele terminar, Zi Wu de repente falou: “O Rei Nanyue talvez conheça Minha imperatriz?”

“A antiga imperatriz sacrificou sua vida pelo país, é uma mulher única nos dias de hoje, esse pequeno rei naturalmente sabe.”

“Desde a fundação dessa era, Eu sempre estive ansiando pela minha imperatriz, todo dia me mexendo inquieto por um longo tempo, antes de poder dormir. Se a princesa entrar no palácio dos fundos, temo que a princesa sofrerá injustiça.” Essas palavras não continham nenhum traço de flutuação emocional. Os vários ministros seniores familiares com Zi Wu simplesmente continuaram a abaixar suas cabeças enquanto bebiam, não poupando um só olhar em direção ao palco.

Rei Nanyue acreditava que o imperador já foi abalado pelo pensamento, rapidamente se virando para Su Er enquanto perguntava alto: “Você se sente injustiçada?”

Su Er olhou para Zi Wu timidamente, bochechas brilhando em um vermelho vivo, ela respondeu suavemente: “Su Er… Su Er não se sente injustiçada.” Rei Nanyue sorriu para Zi Wu, mas o vendo colocar indiferentemente  o copo de vinho [na mesa], dizendo:”Mas Eu temo que minha imperatriz irá se sentir injustiçada.”

Assim que essas palavras foram faladas, o rosto do Rei Nanyue instantaneamente mudou de cor. Su Er até mais, fraquejando enquanto caía nos braços da serva, um rosto pálido olhando para o imperador.

Trovões golpearam meu coração. A terra de Nanyue sempre foi sujeita a incontáveis lutas caóticas. E hoje, o Rei Nanyue trouxe sua filha junto, pretendendo fazer paz através do casamento, se Zi Wu aceitasse isso, aquela terra definitivamente se estabeleceria muito no futuro. Porém, ele atualmente…….

“Esse trono veio com o preço da vida da imperatriz, Eu podendo sentar neste trono todo dia é tudo devido a graça da imperatriz.” Seu tom de fala permaneceu indiferente, porém, as palavras faladas deixaram os rostos de um grupo de pessoas pálidos. “Contanto que o imperador é An Zi Wu, a imperatriz deve para sempre ser Sang Ge. Se qualquer uma quiser entrar no palácio dos fundos, de acordo com as regras da família imperial, primeiro vá e peça permissão a imperatriz.”

No banquete de outono desse ano, o Rei Nanyue se retirou enraivecido com o bater de suas mangas, todos os ministros permaneceram em silencio como cigarras congeladas, por um tempo, o imperador olhou solitário para a lua antes de falar para todos dispersarem.

Enquanto os ministros se retiravam lentamente, os eunucos começaram a arrumar a bagunça do banquete. Um eunuco aconselhou o imperador a voltar e descansar, mas foi repentinamente questionado: “ Aquela Princesa Nanyue é bonita?”

O eunuco chocado, rapidamente caiu de joelhos. Não sabendo por qual razão o imperador perguntaria isso, ele não ousava responder precipitadamente.

O imperador exalou um suspiro, murmurando para si: “Realmente uma beleza excepcional, mas não pode se comparar ao mínimo dela. Ela tinha seu próprio teimoso orgulho, é claro, ela não poderia assumir tal aparência tímida e fraca.” Tendo dito isso, ele se levantou e saiu.

Pisei no centro do palco, vazio com nenhuma alma em vista, minha mão cerradas em meu peito, sob o luar, esse meu coração que há muito estava estagnado parece ter pulado um pouco, An Zi Wu disse que ele não selecionando concubinas, é por medo de me injustiçar.

Ele disse, contanto que o imperador é An Zi Wu, a imperatriz deve para sempre ser Sang Ge.

Eu agarrei firmemente meu peito, o barulho [do coração] soando como um trovão.

Aquela noite, Zi Wu convocou alguns oficiais seniores. No próximo dia, os oficiais seniores fizeram um requerimento em conjunto: Para sua alteza Imperatriz Yong Yi [6] que sacrificou sua vida pelo país, vossa majestade deveria compensar sua graça, nunca elegendo outra imperatriz durante seu reinado. Um papel de uma admoestação absurda, porém o imperador prontamente aceitou, até premiando fortemente os ministros.

Desde então, nenhuma pessoa mencionou o assunto de selecionar concubinas para o imperador novamente.

 


[1] – Papa-figos e andorinhas – são raças de pássaros, mas aqui eles representam mulheres. Na verdade, o papa-figos é Oriole em inglês e o nome é bem mais bonito, hahaha. No próprio texto você já consegue ter uma noção que se refere a mulheres.

[2] – Rouge é o nome de um tipo de maquiagem que hoje é conhecido como blush. Rouge vem do francês, que significa vermelho, e que é usado para realçar as maçãs das bochechas dando-as cor, dando uma aparência mais saudável para a pessoa, pois aparentemente, antigamente todos tinham pele de jade, parecendo pálidas. Já não usam mais esse nome, ele só era usado antigamente. Resolvi deixar esse nome pois como é novel de época, optei por acompanhar o tempo.

[3] – Aqui ela quis dizer que ele voltou, mas não foi buscá-la, pois ela esperou tanto mas quando ele voltou, a espera dela foi meio que “em vão”.

[4] – A frase original para o abateu ameaçadoramente é shì xiōng xiōng / 势汹 no qual é melhor traduzido como com as iminentes forças  de viciosas torrentes. (nota da tradutora do ing)

[5] – Palácio dos fundos é outra coisa bem comum nas novels de romance histórico envolvendo a realeza e o harém. O “back palace” ou Palácio dos fundos é onde o harém normalmente fica, contendo a imperatriz e as concubinas. Lá não é permitido homens, pois obviamente só há mulheres e o imperador não quer ser corno, e por isso a existência do eunuco. O eunuco é “homem”, mas eles são castrados antes de entrarem no palácio, e possuem a função de guardar as mulheres do palácio. Eles normalmente entram no palácio quando crianças, e a maioria trabalha até a idade avançada, para então se aposentarem, a não ser que eles façam alguma besteira e sejam sentenciados a morte.

[6] – Imperatriz Yong Yi é o título ou nome de cortesia concedido a Sang Ge depois de sua morte – Yǒng Yì Huáng Hòu / 永义皇后- que significa literalmente Imperatriz da Justiça Eterna ou Imperatriz da Razão Eterna.(nota da tradutora do ing)

Observação: [Festival Qixi, ou Qiqiao, ou  Magpie é o sétimo dia do sétimo mês no calendário lunar, também conhecido como dia dos namorados chinês.]


 

Tradução: Manju

Revisão: Grads


Contribua com a Novel Mania!