MBS – Capítulo 1 – País Perecido


 

Metade do céu da cidade imperial queimava em chamas avermelhadas, a acumulação gradual das nuvens envolvia aquele toque do luar no horizonte.

Segurando minha saia excessivamente complexa, eu lentamente pisei sobre os degraus acinzentados da muralha da cidade andando com grande dificuldade. Nunca gostei desses tipos de roupas excessivamente complicadas. A menos que sejam absolutamente necessárias, nunca me vestiria em tal traje, e até se eu vestisse, atrás de mim, sempre haveria um grande número de empregadas para ajudarem a segurar a saia.

Mas hoje, não há.

Há apenas soldados em pesadas armaduras segurando gélidas lanças manchadas de sangue, seus rostos inexpressivos enquanto me prendiam, indo em direção a torre da cidade.

Acima da torre há bandeiras de batalha tremulando ao vento, antes mesmo de chegar ao topo, os choros das mulheres e crianças já são audíveis. Pisei sobre os membros frios e rígidos de um cadáver de uma nobre dama, sua cabeça e corpo separados. Com uma indiferente determinação, eu andei para onde ficava o terraço mais alto.

As estrelas a distancia estavam girando, as nuvens rolando mais rápido e mais rápido. Os olhos testemunhando uma tempestade se aproximando em breve.

Abaixo da torre da cidade, trezentos mil soldados já tinham cercado a cidade imperial bloqueando todos os lados, não poupando nenhuma chance de fuga.

Com esse tanto de pessoas, exceto o irritante relinchar dos cavalos de guerra, eu não podia ouvir outro ruído. O vento noturno carregava um cheiro sangrento enquanto batia em meu rosto, soltei minha saia, simplesmente permitindo-a a dançar junto ao vento. Acredito que esse vestido de casamento de um brilhante vermelho interminável e flutuante, dentre os dessa noite, deveria ser a cor mais deslumbrante, exceto ao sangue carmesim.

Uma espada gélida carregando um fedor sangrento alinhava-se ao meu pescoço, tal assassino de sangue frio que macula a armadura do homem atrás de mim fez meus cabelos arrepiarem. Ele gritou:

“Marquês de Chang Ye, An Zi Wu!”

Os trezentos mil soldados abaixo da muralha afundaram em silêncio. Abaixo minha vista, mascarando o olhar que podia ser visto em meus olhos, parecendo bem semelhante a uma estátua sem consciência.

“An Zi Wu!” A raiva furiosa do homem por trás, explode, “Eu o ordeno a aparecer rapidamente, um minuto de atraso e devo arrancar um dos olhos de sua madame, um momento de atraso e devo cortá-la como um ‘porco humano’!” [1]

Porco humano é remover todos os quatro membros, arrancar os olhos, cortar as orelhas, cortar o nariz e língua. E essa é ainda a punição favorita do monarca atrás de mim.

Meus olhos continuaram abaixados, reunindo meus pensamentos, acalmando meu coração, não deixando fugir o mínimo de expressão.

As tropas abaixo cresceram ligeiramente inquietas. A maioria deles servia sob meu marido, Marquês de Chang Ye, muitos dos generais também são familiares com ele. Matar uma mulher não era grande coisa, mas em uma situação como essa, para matar brutalmente a mulher do líder rebelde, é apenas um tipo de dissuasão.

Sem mencionar que acima dessa muralha da cidade, havia muitos outros membros das famílias de generais e soldados, eles todos estavam atualmente chorando tristemente. Agora, para me matar assim, é também um jeito de dizer que logo depois, eles também seriam brutalmente mortos da mesma maneira. Essas tropas já haviam acampado no mundo afora por muito tempo, ansiando apenas pelas suas esposas, crianças e pais em suas casas. Suas mulheres e crianças sendo assassinadas……

A estratégia do imperador que mirava nos corações e mentes, realmente é viciosamente cruel.

O pisar dos cascos soava abaixo da cidade. Originalmente, esse som era muito leve, mas eu ainda pude decifrar o barulho. Talvez porque uma vez fui uma cantora por um número de anos, sou mais sensível ao som, ou talvez seja porque o cavalo que ele está galopando, ‘Long Mei’, é o único que ele e eu escolhemos juntos.

Um caminho se abriu através das frentes militares, o homem no cavalo puxou as rédeas, nem rápido, nem devagar, enquanto aparecia diante dos olhos de todos.

Em meio à noite encoberta, apenas as luzes das tochas me permitiam ver uma vista obscura de seu rosto. Apenas sabendo que sua coluna está muito ereta, a armadura prateada em seu corpo delineando proporções perfeitas; essa não é a primeira vez que o vejo em uma veste de batalha, mas é a primeira vez que o vejo em uma veste de batalha em meio à batalha.

Menos de uma natureza relaxada, mais de uma severidade inflexível.

Os cantos dos meus lábios inconscientemente formaram um arco. Aquele é meu marido – Marquês de Chang Ye, An Zi Wu. Atualmente o principal comandante do exército rebelde, que está para derrubar o reinado tirânico do mestre governante deste país.

Vendo Zi Wu sair, o imperador atrás de mim está de certa forma feliz. Afinal, rumores que Zi Wu e eu dividimos profundos sentimentos são conhecidos por toda a Capital. Todos eles acreditam que Zi Wu e eu somos um par que irá seguir o outro através da vida e da morte.

Seguir o outro através da vida e da morte.

Somente eu sei, que essa é nada além de uma imagem que Zi Wu quer que eles vejam.

“Marquês de Chang Ye, se estiver disposto a retirar suas tropas, Eu posso mostrar clemência para sua madame, e além disso, perdoar e esquecer tudo isso, continuando a permiti-lo permanecer como um oficial na corte, leal em serviço ao meu grande país de Qi!”

A úmida brisa noturna balançou as bandeiras nos muros da cidade e a pessoa sobre o cavalo abaixo, continuou imóvel no vento noturno.

Ele ainda não tinha respondido, mas eu já sabia sua resposta.

Ele afundou em silêncio, deixando várias centenas de milhares esperando por sua resposta.

Fechei meus olhos com força. Basta. Para ter esse momento de profundo silêncio já era o suficiente. Também não foi uma perda em me exaustar tanto em colocar nesse corpo esse festivo vestido de casamento. Nessa vida, Sang Ge, podendo ganhar esse momento de hesitação de An Zi Wu em troca…..

É o suficiente.

Pensando sozinha, Marquês de Chang Ye, você querendo esses milhares de li de rios e montanhas, está faltando apenas esse último passo, permita-me ajudá-lo uma última vez. Não somente para realizar suas ambições, mas também para salvá-lo de ter a notoriedade de ter um coração frio e intestino de aço.

“Durante o reinado do Imperador de Zhao, desastres naturais eram constantes, ainda, nenhum pensamento de apaziguar os cidadãos do mundo foram considerados, e ao invés disso, oficiais corruptos foram nomeados, saqueando a carne e sangue das pessoas, resultando em tempos de dificuldades. No terceiro ano do reinado, este tirano Xiao Cheng, por seu prazer pessoal, reduziu centenas de mulheres da corte à ‘porco humano’. No quinto ano de reinado, dezenas de ministros leais foram sentenciados a punição da fritura [2]. No oitavo ano de reinado, aconteceram cinco massacres em três cidades em Jiangnan, fazendo com que nenhuma voz fosse ouvida em Jiangnan por três anos, inumeráveis atrocidades cometidas! E hoje, Marquês de Chang Ye está aplicando a justiça no lugar dos céus, para erradicar este tirano, para limpar este mundo. Milhares de tropas foram estabelecidas ao longo das fronteiras, Xiao Cheng, Imperador de Zhao se tornou impotente, o que há para temer?!”

“Calada!” a espada de Xiao Cheng extraiu sangue do meu pescoço. Ele me encarou, dominado com tanto ressentimento que seus olhos estavam praticamente pulando para fora, ainda, devido a Zi Yu, ele não ousava realmente me matar.

Os soluços das mulheres e crianças na muralha enfraqueceram gradualmente, a maioria delas eram mulheres altamente instruídas; esse discurso que falei, talvez, se dito diante dos cidadãos nas ruas não teria tanto efeito, mas quando dito para elas, elas ainda ficariam um pouco balançadas.

Pingos de chuva caíam lentamente do céu, levantei minha cabeça em direção aos céus, gritando: “Meu lorde deveria estar cansado de comandar as tropas através do dia e noite a fim de proteger as pessoas de nosso país natal, derramando sangue e suor, lutando com toda sua força; não é uma tarefa fácil vir todo esse caminho até aqui! Nossa geração de mulheres, talvez não possam se levantar em um campo de batalha no lugar de nossos maridos para erradicar esse tirano, mas nós também não podemos nos tornar seus pesos!”.

Todas as mulheres se calaram por um momento.

“Tirano…..”

“Cale-se!”

Eu ainda queria continuar falando, mas fui interrompida com outro rugido ensurdecedor, e dessa vez, essa voz não me poderia ser mais familiar. Toda vez em meu sono, eu sempre o ouvia chamar meu nome suavemente em meu ouvido: “Sang Ge, Sang Ge.” Tal voz, verdadeiramente é mais melodiosa do que música.

Eu olhei em sua direção abaixo da muralha, uma pessoa e um cavalo estavam entre a cena chuvosa. Diante dele estão os muros do palácio e minha vida, por trás dele estão os trezentos mil soldados que lutaram junto a ele até esse dia.

Sou incapaz de ter uma vista clara de seu rosto, mas pude ouvir a raiva e medo em sua voz.

Preocupado comigo?

Sorri; Zi Wu, não há mais necessidade agora.

Depois de casar com ele, eu raramente fazia coisas que iam contra ele, é claro, eu nunca o enfureci antes também. Mas hoje, eu não queria ouvir suas palavras. Entre os sons de shuá shuá da chuva, eu aumentei ainda mais minha voz, dessa vez eu não cuspi palavras desdenhosas da tirania do imperador, mas simplesmente executei minha profissão original —- cantando.

“Quando é o dia de luto? A minha morte e a tua…”

Antes que a sentença viesse ao fim, o imperador absolutamente enfurecido empunhou uma lâmina afiada em minha direção.

Apenas vi voar um braço ligado a uma manga de um deslumbrante vermelho. Desenhando uma curva no ar, caindo em um chão lamacento….

Na hora, a dor tinha ainda que chegar a minha mente, cobri meu braço que sangrava incessantemente, e continuei a cantar alto. Sangue e chuva encharcavam o vestido de casamento que vestia.

“Cala-se!”

“Não!”

Ele e o imperador rugiram para mim ao mesmo tempo. Imperador de Zhao levantou sua espada em minha direção em um momento de loucura.

Em meio a confusão dos meus sentidos devido a dor, pareço ouvir Zi Wu gritando: “Xiao Cheng! Se você ousar machucá-la mais uma vez…” Antes dele acabar, Imperador de Zhao revelou um sorriso traiçoeiro, dizendo silenciosamente em meu ouvido: “Desde que o Marquês de Chang Ye quer capturar Meu país, ele realmente deveria obtê-lo, mas então Eu devo deixá-lo obter sem o prazer!”

Ele agarrou meus cabelos, me arrastando junto e jogando nos degraus acinzentados. Neste ponto, eu não me importava com mais nada, o braço restante aleatoriamente agarrando em seu rosto. Em transe, meus dedos de repente pareciam quentes e molhados.

Em seguida, havia os gritos de Xiao Cheng: “Meus olhos! Meus olhos!”

Tirando vantagem de seu momento de pânico, eu gritei alto: “Marquês de Chang Ye está erradicando o tirano a fim de trazer paz para o mundo. Sang Ge, para ser capaz de ser a esposa do grande marquês, não tem arrependimentos nessa vida! Absolutamente nenhum remorso!”

Jogando essas palavras a fora, com toda a minha força minha cabeça investiu no abdômen do imperador. O vestido e manga voaram; eu, junto a esse imperador tirânico, caímos dos muros da cidade imperial.

Antes de uma pessoa morrer, o tempo parece desacelerar muito.

Eu olhei entre a pesada chuva, centenas e milhares de soldados todos chorando. Vi a noite escura desaparecendo e a aproximação de “Long Mei” na velocidade de um raio. No momento final, eu vejo as manchas de sangue em sua armadura e a fúnebre tristeza em seus olhos.

“Sang Ge!”

Por muitos anos eu ansiava pelo seu chamado, agora, finalmente o ouvi. Com o submundo se aproximando, ouço você chamando meu nome nessa pesada chuva, gritando até sua voz se tornar rouca.

Zi Wu, você por acaso se lembra? Nosso primeiro encontro também foi entre as cortinas da chuva.

Um primeiro encontro entre a cena poética da chuva. Na costa do álamo e salgueiro em Jiangnan, sob as telhas do telhado, camadas nebulosas sobre camadas de garoas da chuva. Naquele tempo eu era apenas uma cantora pouco conhecida, e você era apenas um marquês vaidoso e ocioso.

Esbarrados na chuva, atados por toda a vida.

E agora, eu posso finalmente me libertar.


[1] Porco Humano ou porco – rén zhì /人彘  – Uma forma muito cruel de tortura que transforma a pessoa no tão chamado porco. Corta todos os quatro membros, arranca os olhos; perfura hastes de cobre nos ouvidos, fazendo-os surdos; despeja veneno pela garganta e corta a língua fora, destruindo as cordas vocais, fazendo-os mudos; e então os joga em uma latrina para viverem lá. Uma tortura inventada pela Imperatriz Lu Zhi que realizou essa tortura na Consorte Qi.

 

[2] A Punição da Fritura ou lào zhī xíng / 炮烙之刑 É outra forma de tortura cruel, no qual, pilares de cobre eram pintados com óleo e esquentados com fogo de carvão, o agressor é então amarrado a estre poste e é fritado até a morte

Observações:

  1. Nas novels (japonesa e chinesa), quando o Rei fala sobre si é comum utilizar uma forma diferente, por exemplo, no inglês, os tradutores diferenciam o “Eu” quando o rei refere a si, eles usam “We”(nós) ao invés de “I”(eu), ou seja, o “Eu( imperial)” e o “Eu(normal)”. Essa primeira forma, apenas o Rei/Imperador possui direito de dizer, qualquer outro que diga é sentenciado à morte, pois essa forma de falar existe apenas para o rei/imperador, ela representa que aquela pessoa que falou é da realeza. Nessa tradução para ter uma fluidez na leitura, irei diferenciar o “eu” do imperador como “Eu”, deixando em letra maiúscula.
  2. Essa é uma novel de romance histórico com uma protagonista(sim, mulher) e com personagens envolvendo a realeza, por isso, há alguns termos e conhecimentos que quem já acompanha diversas novels desse gênero consegue entender. Pode haver termos que vocês não conhecem, e por isso irei colocar nas notas finais dos capítulos.

Tradução: Manju

Revisão: Grads


Contribua com a Novel Mania!