ISSTH – Capítulo 94 – Você realmente quer que eu saia?

Um inacreditável rugido estrondoso soou da massiva mão quando o feixe vermelho brilhante cortou através dela. Começando do espaço entre o dedo médio e o anelar da mão, um corte enorme apareceu, cortando-a completamente na metade.

Um corte e a mão foi separada.

“Você!!!” Gritou o Senhor da Revelação. Seu rosto pestanejou e ele ergueu a cabeça, seus olhos tremeluziam.

Um barulho estrondoso rolou pela terra. A mão gigante, de dezenas de milhares de quilômetros de largura, a momentos atrás apagara a visão de Meng Hao, cobrindo toda a terra. Mas em um piscar de olhos, uma lacuna apareceu e Meng Hao pôde de repente ver o céu.

A mão se separou em duas metades, cada uma das quais se chocou contra o chão de cada lado de Meng Hao.

O chão tremeu e começou a afundar. As montanhas foram esmagadas. Todas as criaturas selvagens da área, incapazes de fugirem, foram instantaneamente transformadas em cinzas.

O Cultivador do Estabelecimento de Fundação da Seita Vento Frio, apesar de não ter poupado nenhum esforço em sua tentativa de fuga, não poderia escapar em tão pouco tempo. Ele foi esmagado até a morte no chão.

As Bases de Cultivo dos três Patriarcas da Pseuda Alma Nascente não eram nada comuns. Além disso, o Senhor da Revelação não estava atacando-os diretamente com seu ataque. Eles também sacrificaram elementos de suas Bases de Cultivo para fugir. Tossindo sete ou oito bocados de sangue cada, eles só conseguiram chegar à borda da mão gigante. Atrás deles, a terra parecia ter se transformado em um mar violentamente agitado. Quando a mão desapareceu, eles silenciosamente olharam de volta para a cena.

Anteriormente, a Seita Confiança era cercada por encostas de montanhas sem fim. A partir de agora, a única coisa que restava era um massivo recesso no chão. Sua forma era a de uma mão gigante.

No entanto, a impressão da mão não estava completa. Dividindo-a no meio estava uma seção irregular de terra que se projeta no céu como uma montanha!

No topo da montanha estava Meng Hao. Debaixo dele havia uma extensão de terra de cerca de trezentos metros de largura. Ela criava um caminho irregular, em cada lado da qual estava um enorme buraco que afundava profundamente na terra.

Originalmente, esta montanha não deveria estar aqui, mas lá estava… a única coisa que sobrou.

Uma expressão estranha encheu os olhos de Meng Hao enquanto olhava para o céu. Ele não sabia quem o salvara e ele não parou para pensar nisso. Imediatamente, uma espada voadora apareceu debaixo de seus pés e ele acelerou para longe, seu corpo se transformou em um feixe multicolorido de luz enquanto ele disparava em direção à borda da enorme impressão de mão.

“Nunca pensei que o ilustre Senhor Demônio do Domínio Sul apareceria no minúsculo Estado de Zhao.” O rosto do Senhor da Revelação estava sombrio enquanto ele sacudia a manga. Sua voz ecoou como um trovão em todas as direções: “Mas você é apenas um clone! Seu verdadeiro eu está suprimido e incapaz de vir aqui para me impedir de exterminar o Patriarca da Confiança!”

Não houve resposta. Era quase como se o corte de brilho vermelho sangue não tivesse aparecido depois de tudo.

“Patriarca da Confiança, saia daí!”

“Saia daí!”

“Saia daí!” Quando sua voz explodiu, o Senhor da Revelação levantou a mão direita e bateu no Sino da Revelação. Sua explosão encheu o céu, ecoando através da terra, varrendo a voz de Senhor da Revelação junto com ela.

Incontáveis das altas montanhas em todo o Estado de Zhao começaram a rachar e desmoronar quando uma voz cheia de profunda antiguidade encheu o ar. Era impossível dizer de onde vinha a voz, mas preenchia toda a nação.

“Você… realmente quer que eu saia?” Assim que ele ouviu a voz, Meng Hao estreitou os olhos. Era a voz do Patriarca da Confiança. No entanto, algo soava diferente. Parecia menos sem razão e mais digna. Mais antiga.

“Então, você finalmente falou,” disse o Senhor da Revelação, seus olhos brilhavam. “Patriarca da Confiança, pare de se esconder. Temos uma conta para resolver de mil anos atrás. Mesmo se você tenha tido sucesso em sua Separação Espiritual, você não deveria ter se atrevido a tomar a Alma Nascente de meu clone! Hoje, nós batalharemos e, no final, eu vou permanecer, e você não vai!” Ele balançou o Sino da Revelação, ele soou com um estrondo e começou a emitir uma luz cegante. A luz envolveu o Senhor da Revelação e ele começou a brilhar intensamente.

Quanto a esta batalha, ela deve ser ganha. Ele já havia determinado o verdadeiro nível do Patriarca da Confiança. O Senhor da Revelação já havia completado a Segunda Separação Espiritual e, com esse poder, ele poderia exterminar o Patriarca da Confiança.

Quanto a essa batalha, ele tinha plena confiança. Ele tinha jogado a cautela ao vento e veio aqui como seu verdadeiro eu. Um Senhor Demônio tinha aparecido e usado um pouco de magia notável, mas isso não o assustou nem um pouco.

Quanto a essa batalha, não havia a menor chance de perder. Ele trouxera o Sino da Revelação, que havia absorvido inúmeras orações e sacrifícios do Estado da Revelação. Ele já era senciente, seu tesouro mais valioso. Com este sino, mesmo que ele enfrentasse alguém da Terceira Separação, ele ainda seria capaz de alcançar a vitória. Além disso, a Imortal do Amanhacer lhe dera uma parte de seu Sentido Espiritual.

Tudo ficou quieto por um longo momento. Então, a voz do Patriarca da Confiança pôde ser ouvida novamente, preenchida de uma profunda antiguidade.

“Naquela época… Eu só me importava com o Mar Via Láctea.” A voz estava cheia de um tom estranho. Ela ecoou, aparentemente preenchida com a capacidade de durar através dos tempos. Ela ecoou através de todo o Estado de Zhao. A terra começou a tremer.

Essa trepidação encheu todo o Estado de Zhao. Até os mortais puderam sentir isso. Meng Hao abaixou a cabeça e disparou para frente ainda mais rápido.

“Não sei quantos anos se passaram, nem quantas vezes eu dormi e acordei. Por fim, chegou um dia em que eu acordei para me encontrar diante de um bastardo que deveria ter morrido mil, não, dez mil vezes!” Do seu tom de voz, ele pareceu ficar chateado. As últimas palavras foram ditas como se fossem com os dentes cerrados.

Enquanto falava, o tremor em todo o Estado de Zhao se intensificava. Montanhas e pedregulhos tremiam, edifícios altos se balançavam de um lado para o outro. Dentro das três Grandes Seitas, os Cultivadores restantes olharam em volta em choque.

A situação era a mesma na Cidade Via Láctea.

A mente de Meng Hao girou. Ele estava se perguntando a que bastardo o Patriarca da Confiança estava se referindo.

“Esse maldito bastardo não poderia me derrotar. Ele trouxe um monte de outros bastardos com ele e nós lutamos para frente e para trás por anos. No final, eles me enganaram. Eles fizeram muitas promessas para mim, me convenceram a deixar o Mar Via Láctea e a vir para o Domínio Sul…” O Patriarca da Confiança parecia estar ficando cada vez mais furioso. Enquanto falava, a terra do Estado de Zhao tremia ainda mais. Na parte norte da nação, um rugido estrondoso soou para os Céus. Uma enorme rachadura apareceu na terra, de milhões de quilômetros de comprimento e continuava crescendo mais!

Se você pudesse ficar muito acima no céu e olhar para baixo, você seria capaz de ver que essa rachadura maciça não era uma linha reta, mas um arco curvado.

“Quando eu cheguei ao Domínio Sul, os bastardos me enganaram. Eles me alimentaram um monte de coisas aleatórias que acabaram colocando-me debaixo de um selo invisível! Prometeram-me que alguns anos mais tarde, eles me dariam algum tipo de bênção especial de boa fortuna. Mas mais tarde, os malditos bastardos desapareceram ou morreram. Finalmente, só restava o original. Quando eu estava dormindo, ele se esgueirou para outro planeta. Ele me deixou com uma Jade Selando Demónio, que eu deveria dar a um sucessor. Na realidade, aqueles bastardos tinham medo da tribulação Celestial e queriam me usar para lutar contra ela!” O Patriarca da Confiança parecia ranger os dentes. O som reverberou através da terra. Uma rachadura enorme apareceu na região oriental do Estado de Zhao, acompanhada por um rugido estrondoso. A forma da rachadura era um massivo semicírculo.

Vendo tudo isso acontecer, o rosto do Senhor da Revelação mudou. Ele parecia estar ficando um pouco apreensivo.

Meng Hao respirou fundo, pensando no Jade Selando Demônio que tinha.

“Os bastardos não cumpriram a promessa. Eles me enganaram! Eu estava enfurecido e mesmo que eu dormisse, eu ainda consegui espremer um pouco de vontade Espiritual. Ela era fraca e restringida pelas leis do Dao dos Céus, de modo que estava encarnado no corpo de um mortal. Começando do zero, praticando Cultivação. Por conta que eles me enganaram, eu decidi cortar o legado deles! Eu mudei o nome da Seita Selando Demônio para a Seita Confiança. A partir de então, minha vontade Espiritual chamou-se Patriarca da Confiança!” Quando sua voz explodiu, os olhos de Meng Hao de repente se arregalaram. Ele olhou de volta para a terra do Estado de Zhao atrás dele. Ela agitava-se como um oceano, sob os ecos das palavras do Patriarca da Confiança.

Quando o Senhor da Revelação ouviu as palavras, sua expressão mudou para uma de choque. Sem sequer pensar nisso, ele começou a se mover para trás. Outro estrondo quebradiço rolou através do Estado de Zhao e uma massiva rachadura apareceu no sul. Ao mesmo tempo, no leste, uma quarta rachadura de arco apareceu, acompanhada por um barulho estrondoso. As quatro massivas rachaduras se expandiam para se encontrarem, cercando todo o Estado de Zhao em um massivo círculo.

A totalidade do Estado de Zhao estava contido nesse enorme círculo que de repente… começou a se levantar no ar. O solo negro foi revelado e um vento violento soprava em todas as direções. Quantidades maciças de solo desmoronaram nas bordas.

À medida que se erguia, a terra tremeu e as nuvens ondularam no céu. O rosto do Senhor da Revelação estava pálido, os olhos preenchidos de choque.

O chão ressoava à medida que subia mais e mais alto no ar. Três mil metros, quinze mil, trinta mil. Ele subiu tão alto que era impossível descrever.

A terra levantou-se e Meng Hao ainda estava nela. Ele sentia-se como se estivesse se aproximando dos Céus.

A terra continha as cidades dos mortais, as três grandes Seitas, a cidade da Via Láctea e inúmeras vidas!

Todo o Estado de Zhao estava sendo erguido, afastando-se da Terra, longe do Domínio Sul. Debaixo dele havia um massivo e enorme buraco no chão!

O buraco era, naturalmente, do mesmo tamanho que todo o Estado de Zhao!

Acima do buraco estava uma tartaruga de aparência viciosa, tão grande quanto todo o Estado de Zhao, seu corpo estava coberto de incontáveis pontas negras!! Parecia exatamente como a mítica tartaruga negra, Xuan Wu!!

A terra cobria a enorme concha da tartaruga, como se a concha estivesse sendo mantida no lugar pela terra. A terra não era outro senão o… Estado de Zhao.

Uma cabeça colossal surgiu lentamente da concha da tartaruga. A cabeça era aproximadamente um décimo do tamanho de todo o Estado de Zhao. Sua pele era negra e coberta de vincos. A terra desmoronou da cabeça quando ela se ergueu. Seus enormes olhos se voltaram para olhar para o Senhor da Revelação, que estava ali ofegante, tão minúsculo quanto um inseto, seu rosto estava pálido, seu corpo estava tremendo e havia um olhar de descrença em seu rosto.

“Você me chamou. Devemos lutar?”