ISSTH – Capítulo 461 – Encontrando Zhao Youlan Novamente!


CAPÍTULO ANTERIOR                                                                                                     PRÓXIMO CAPÍTULO


De todos os mundos formados por Pedras da Ponte da Imortalidade na área, esse era o maior listado no mapa de tira de jade de Meng Hao. Ele estava na rocha de trezentos metros de largura e olhou ao redor.

O céu acima parecia estável, com apenas algumas rachaduras visíveis. Com cordilheiras altas e baixas, e ruínas antigas que poderiam ser vistas por toda parte.

Quando a rocha atravessou o ar, Meng Hao olhou no chão. Percebeu com seu olhar que as montanhas abaixo não haviam sido formadas naturalmente. Pareciam conectadas a um padrão.

Não era a primeira vez que tinha visto algo assim, em mundos anteriores que percorreu, continham sinais similares. Porém, como esses mundos eram pequenos, pouco se percebia.

Este mundo, no entanto, era muito maior. Enquanto continuava a olhar para as montanhas de cima, mais sentia que havia algo muito estranho nelas.

— Parecem símbolos mágicos? — Isso era o que fazia mais sentido. Ele pensou em quando chegou ao Reino das Ruínas da Ponte e viu as inúmeras rochas que formavam a forma de uma ponte arcaica que se estendia para as estrelas e encontrou estes símbolos mágicos.

Era óbvio que estas montanhas haviam sido feitas no formato de símbolos. Por causa do tamanho do mundo, foi possível vê-los nitidamente.

“A Ponte do Caminho Imortal está coberta de símbolos mágicos, provavelmente sejam talismãs Celestiais.” Dentro de Meng Hao, o Qi do Imortal Mostra o Caminho girou, e ele piscou seu olho esquerdo enquanto usava a Técnica da Visão Celestial transmitida pelo papagaio

Assim que empregou a técnica, seu corpo tremeu. Usando-a para olhar abaixo, o que viu não foi uma cordilheira de montanhas, mas sim muitos dragões negros levantando suas cabeças em direção ao céu para rugir.

Muitos dos dragões estavam quebrados, mas alguns estavam intactos e com rugidos que chocavam.

O corpo de Meng Hao estava tremendo e ofegante. Sentindo como se uma montanha invisível tivesse quebrado em seu corpo. Após isso, a Visão Celestial acabou.

Antes disso, Meng Hao viu uma coisa que não era um dragão negro, mas sim uma borboleta de cor preta. A borboleta era embaçada e invisível para qualquer um. Toda vez que batia as asas, dragões negros próximos a ela eram sugados e consumidos.

Dentro de seu corpo havia uma grande área feita de… Solo Celestial.

Depois que a imagem desapareceu, gotas de suor irromperam em sua testa. Ele nunca imaginara que usar a técnica da Visão Celestial permitiria que ele visse uma cena tão chocante.

Quando voltou ao normal, a terra era exatamente a mesma que antes. As montanhas eram montanhas, e não dragões negros rugindo. Na área onde havia visto a borboleta negra, havia apenas montanhas comuns.

A única coisa incomum na área era o ponto de convergência da cordilheira.

“Escravos da Ponte, dragões negros, borboletas… este Reino das Ruínas da Ponte era cheio de mistérios.” Meng Hao pensou no topo da grande rocha que assobiava no ar.

Depois de começar a desviar numa direção diferente, olhou mais uma vez para a área onde havia visto a borboleta.

“O que vi agora era provavelmente Solo Celestial. Não posso estar errado sobre isso… Se pudesse pegar um pedaço de Solo Celestial grande desse jeito, então, talvez, eu possa formar meu totem do tipo Terra!” A área onde olhou com a Visão Celestial deixou seu coração excitado.

— Recompensas vêm quando você assume riscos. Se quer ser o melhor, deve se pagar o preço. — Com olhos determinados, voou em alta velocidade para o lugar onde viu a borboleta.

De acordo com a análise de Meng Hao, das mais de vinte pessoas que vieram esse lugar do Deserto Ocidental, era improvável que um deles tivesse a Técnica Imortal Mostra o Caminho e a Visão Celestial. Portanto, era mais provável que ele fosse o único capaz de ver a borboleta.

Sendo assim, as chances dele precisar lutar pelo Solo Celestial eram pequenas.

Como era o caso, obviamente, ele não estava disposto a desistir dessa oportunidade. Sem hesitação, seguiu em frente. O tempo passou e logo sete dias se passaram.

Durante este tempo, ele nunca parou. Em duas ocasiões, usou a Visão Celestial para ver de novo a borboleta consumindo os dragões. Sentiu a aura ilimitada da borboleta. Foi no oitavo dia que, enfim, chegou.

Era um lugar com dez diferentes cordilheiras de montanhas juntas. No meio havia um enorme lago, cheio de névoa branca, prevenindo que o Sentido Espiritual fosse muito longe, e imbuído de um espírito que poderia conquistar montanhas e rios.

Meng Hao voou uma vez e começou a franzir sua testa. Ele observou com atenção a névoa fluindo. Finalmente, tirou uma espada voadora e jogou para fora, fazendo-a ir em direção à névoa.

No instante em que entrou na névoa, Meng Hao fechou os olhos e soltou um fio de Sentido Espiritual para se conectar à espada voadora.

A névoa era densa e a espada voadora continuou passando por ela pelo tempo que leva para uma vara de incenso queimar. Então, ela apareceu no lago abaixo. Meng Hao viu um brilho deslumbrante com uma cena chocante; edifícios construídos inteiramente de Solo Celestial. De repente, uma figura apareceu dentro do seu sentido espiritual. Um som alto foi ouvido quando a espada voadora explodiu. Uma força de extermínio então começou a retornar pelo Sentido Espiritual em direção a Meng Hao.

Seu rosto cintilou, mas ele estava preparado. Quase no mesmo instante em que a espada voadora foi destruída, cortou a conexão, destruindo a força exterminadora antes que o alcançasse.

Tendo cortado o Sentido Espiritual, seu rosto ficou pálido.

“Edifícios construídos completamente de Solo Celestial… O que exatamente é isso?” Meng Hao respirava pesadamente e seus olhos brilhavam. Embora ele só tenha sido capaz de vislumbrar a área além da névoa por um breve momento, foi o suficiente para lhe chocar.

“Depois que a Ponte do Caminho Imortal foi destruída, transformou-se no Reino das Ruínas da Ponte. Depois de todos esses anos, quem sabe quantas vezes os Cultivadores do Deserto Ocidental vieram aqui…”

“Eu não posso acreditar que após todos esses anos, ninguém achou este lugar. E ainda assim, aqui está. Para ainda ter tanto Solo Celestial nesse lugar, só mostra o quão perigoso ele deve ser! Quem entrou antes deve ter morrido!”

Quando os pensamentos de Meng Hao chegaram nesse ponto, seu coração estremeceu. Ele acenou com a mão e desapareceu.

Não muito tempo depois que desapareceu, um raio de luz apareceu ao longe. Era uma mulher vestindo uma longa roupa preta. Suas feições eram lindas e sua pele era como jade. Não era outra senão… Zhao Youlan!

Ela se aproximou cautelosamente. Assim que chegou neste lugar, fez à mesma coisa que Meng Hao; voou em círculo e encontrou um lugar para sentar perto da borda. Ela estava prestes a usar uma técnica para explorar a névoa quando acenou com a mão, fazendo com que uma aranha branca transformada em raio fosse para a névoa.

Quando estava à beira da névoa, a aranha virou numa direção diferente e correu… diretamente para onde Meng Hao havia sumido.

— Não se atreve a mostrar seu rosto? — disse friamente. — Saia daqui então! — O raio branco disparou em direção ao vazio aparente. Assim que estava prestes a alcançá-lo, ondulações apareceram, e delas surgiu um dedo estendido.

O dedo bateu no feixe branco e um grito miserável foi ouvido. A luz desapareceu. Meng Hao surgiu, com os olhos cheios de frieza.

— É você! — disse Zhao Youlan; seus olhos se contraíram e se encheram de intenção de matar. Seu braço havia sido restaurado há muito tempo, mas sua expressão ainda emanava um ódio intenso.

Os olhos de Meng Hao se estreitaram. Para Zhao Youlan aparecer aqui, muitas perguntas encheram sua mente. O fato dela estar sendo tão cautelosa indicava que sabia da estranheza desse local.

Ainda mais importante, quando ele a conheceu, sua Base de Cultivo estava apenas no grande círculo da Formação de Núcleo. Agora… ela estava no estágio intermediário da Alma Nascente. Pelas ondulações de sua Base de Cultivo, poderíamos dizer que ela estava no pico do estágio, prestes a entrar no estágio final da Alma Nascente.

Em menos de um ano, ela avançou muito rapidamente. Meng Hao estava bem ciente de que esta façanha era pouco vista no mundo!

“Bem, só existe uma possibilidade,” pensou Meng Hao.

Quanto à Zhao Youlan, intenção de matar apareceu em seus olhos. Ela, na verdade, admirava Meng Hao, mas isso servia apenas para alimentar seu desejo de matar. No instante em que ela o viu, saltou no ar. Um brilho branco de trezentos metros de largura a cercou e uma enorme aranha branca apareceu, disparando na direção de Meng Hao.

Obviamente, a influência do selamento no Totem Sagrado do Ramo Aranha desapareceu.

Quando Zhao Youlan foi em sua direção, Meng Hao colocou a máscara de sangue. Um enorme rosto apareceu, enviando ondas em todas as direções.

Um rugido encheu o ar, mas depois Meng Hao desapareceu. Quando reapareceu ao lado de Zhao Youlan, seu punho desceu, mas quando isso aconteceu, Zhao Youlan sumiu e reapareceu atrás dele e levantou a mão. Seu polegar e indicador estavam se tocando, e os outros três dedos estavam levantados. Intenção de matar irradiava de seus olhos enquanto descia a mão em direção às costas de Meng Hao.

Ele deu uma bufada fria. Seu corpo oscilou e ondulações de sangue se espalharam em todas as direções abaixo dele. Um brilho sangrento subiu ao céu quando cinco figuras se tornaram visíveis, os Clones de Sangue de Meng Hao.

Sons estrondosos encheram o ar e o rosto de Zhao Youlan tremulou. Mais uma vez ela desapareceu.

Os dois teleportaram de um lado para o outro enquanto lutavam. Sons crescentes ecoaram em todas as direções enquanto uma dança de habilidades divinas desenrolava.

Momentos depois, Zhao Youlan desapareceu no meio de uma explosão para reaparecer a trezentos metros de distância. Ela ergueu sua delicada mão, na qual podia ser visto sangue.

Jogou à frente uma gota de sangue e um som como um canto de pássaro agudo encheu o ar. A gota de sangue se expandiu, transformando-se em uma fênix vermelha. Ela abriu as asas e as chamas subiram por toda parte. Cercada por fogo, a fênix soltou um grito poderoso e depois disparou em direção a Meng Hao.

Ao passar pelo ar, um calor fortíssimo voou em todas as direções. O rosto de Meng Hao estava sombrio quando ele recuou. Fios da Larva Sem Olhos giraram em torno dele mesmo quando a Fênix Flamejante o envolveu.

Assim que as chamas o envolveram, intenção de matar apareceu em seus olhos. Sua voz fria ecoou em todas as direções.

— Fogo? Eu também tenho!


Tradutor: Drago | Revisores: Delongas, Gafiam


CAPÍTULO ANTERIOR                                                                                                     PRÓXIMO CAPÍTULO


Fontes
Cores