ISSTH – Capítulo 454 – Demônia Zhixiang

CAPÍTULO ANTERIOR                                                                                                       PRÓXIMO CAPÍTULO


Meng Hao não foi o único a experimentar tal coisa. A mesma coisa aconteceu com todas as outras Tribos. A mulher na frente deles não parecia ser uma Cultivadora, mas algo mais parecido com um fantoche. Quanto à ponte, ela havia se transformado em algo como um transporte voador, levando-os para algum outro local.

Nenhuma força vital podia ser detectada vinda da mulher. De fato, se você observasse como ela se movia, parecia rígido. Na estimativa de Meng Hao, ela não devia ser uma pessoa real, mas um fantoche, outro aspecto misterioso da Ponte do Caminho Imortal.

Enquanto assoviava no ar, Meng Hao viu vinte ou mais figuras aparecendo ao seu redor.

Estas figuras foram os representantes das outras Tribos qualificadas. No entanto, por causa da incrível velocidade com a qual eles estavam se movendo, suas características não podiam ser vistas claramente.

O mundo brilhou enquanto eles disparavam através do ar e das nuvens. A velocidade com que eles se moviam era incrível. Logo, Meng Hao não conseguia nem respirar. Sua mente estava girando quando ele olhou para as terras abaixo deles. Elas rapidamente encolheram, até que as Tribos do Corvo Divindade eram apenas um pequeno ponto.

Logo, ele podia ver cerca de metade de todo o Deserto Ocidental!

Essa velocidade indescritível encheu Meng Hao com uma sensação de grave perigo. Ele tinha a sensação de que se não fosse capaz de manter um aperto firme na Pedra da Ponte da Imortalidade, seu corpo seria esmagado em estilhaços.

Mesmo quando esse pensamento entrou em sua mente, ele viu uma figura próxima de repente perder contato com a Pedra da Ponte da Imortalidade. Instantaneamente, uma fonte de sangue apareceu. Não houve sequer tempo para um grito disforme. Morte veio em um instante.

Isso fez com que a mente de Meng Hao tremesse. Ele manteve um aperto firme em sua Pedra da Ponte da Imortalidade, seus olhos brilhando intensamente.

A temperatura estava caindo rapidamente. A frieza apunhalou seus ossos; se essas pessoas não fossem Cultivadoras, elas mal conseguiriam mover seus corpos neste momento.

Até então, não era apenas Meng Hao que estava olhando para a cena abaixo. Todos olhavam para as terras abaixo deles. No momento, Meng Hao podia ver todo o Deserto Ocidental, mais as Terras Negras e até mesmo o Domínio do Sul. Ele também era capaz de ver o Mar Via Láctea!

Havia uma infinidade de ilhas no Mar Via Láctea, mas o olhar de Meng Hao parou em uma ilha em particular. Agora, ela era apenas um pequeno ponto, mas Meng Hao ficou chocado ao perceber com certeza que esta ilha não era outro senão o não confiável Patriarca Confiança! (D: kkk)

Seu olhar cintilou de volta para o Domínio do Sul, e a região da Seita Destino Violeta. Embora ele não pudesse ver claramente a Seita Destino Violeta, seus olhos estavam fixos naquela área em particular.

O Domínio do Sul continuou a ficar cada vez menor. Meng Hao agora podia ver que, além do Domínio do Sul e do Deserto Ocidental, havia outro continente!

Assim que ele colocou os olhos sobre ele, seu coração tremeu. Uma série de pensamentos indescritíveis encheram sua mente, a ponto de ele quase se esquecer de manter um aperto firme na Pedra da Ponte da Imortalidade. Ele só podia olhar mesmerizado.

Ele estava olhando para as Terras Orientais!

— Então, finalmente… eu posso olhar para as Terras Orientais. — ele murmurou internamente. Esse sempre fora seu sonho quando criança, seu sonho ao fazer os exames imperiais. Na verdade, esse ainda era seu sonho.

As Terras Orientais, o Grande Tang!

Ele pensou em seu pai e sua mãe que desaparecera naquele dia, e pensou no vento violeta. Ele também relembrou as histórias que sua mãe lhe contara sobre as Terras Orientais e as lendas do Grande Tang.

“Pai, mãe… é lá onde vocês estão…?” Ele observou as Terras Orientais ficarem cada vez menores até que todo o continente parecia uma pequena forma de arco. Foi nesse momento que de repente um som estrondoso encheu seu corpo, e ele sentiu como se tivesse acabado de bater em uma parede invisível. A intensidade do golpe fez com que sua boca se enchesse de sangue. Em vez de tossir, no entanto, ele engoliu de volta.

Sua visão ficou embaçada quando tudo ao redor dele ficou obscuro. Era impossível até espalhar Sentido Espiritual. Tudo foi violentamente reprimido. A única coisa que ele podia fazer era segurar firmemente a Pedra da Ponte da Imortalidade e não permitir que sua pegada se soltasse nem um pouco.

Esse processo em que tudo ficou desfocado durou por um período de tempo indeterminado. Eventualmente, um rugido começou a ecoar, e Meng Hao cuspiu um pouco de sangue. Gradualmente, o borrão desapareceu. Quando a visão de Meng Hao voltou ao normal, tudo o que ele pôde fazer foi ficar boquiaberto.

O sangue que ele acabara de cuspir flutuava na frente dele e estava acelerando junto com ele.

Tudo ao seu redor era preto, uma escuridão pontilhada com inúmeras estrelas. A luz das estrelas estava resplandecente, brilhando no escuro, permitindo que Meng Hao visse algo distante ao longe.

Ele viu… uma ponte!

Uma ponte arruinada!

Era imensamente grande e latejava com uma vontade antiga. Era como se ela contivesse incontáveis ​​anos de tempo. A ponte era feita de pedra, e se espalhava nas profundezas da escuridão e das estrelas, fazendo com que fosse impossível ver onde ela terminava.

A ponte não estava completa, mas na verdade, havia há muito tempo sido reduzida a incontáveis ​​pedaços de entulho. Os pedaços de escombros não haviam sido espalhados, no entanto. Em vez disso, eles mantiveram a forma original da estrutura, fazendo com que a ponte parecesse quase completa se você a olhasse de longe.

Quanto mais perto se chegava, mais fácil era de ver as lacunas entre os vários pedaços. As lacunas pareciam pequenas, mas ao se aproximar, ficava claro que elas eram incrivelmente amplas.

Inúmeros fragmentos de poeira se espalharam pelas fendas entre os vários pedaços. Eles brilhavam intensamente, fazendo com que toda a ponte também brilhasse.

— A Ponte do Caminho Imortal … — murmurou Meng Hao interiormente. Mesmo enquanto ele se aproximava da ponte, algo chocante de repente se aproximou de seu campo de visão.

Oito figuras escuras e embaçadas apareceram de repente à frente, cercando a mulher marionete. Assim que o fizeram, suas Bases de Cultivo começaram a emanar ondulações. As ondas superavam em muito qualquer coisa que Meng Hao poderia imaginar, e deu a ele a mesma sensação que ele tinha sentido do Imortal que havia caído dos Céus naquele ano.

Essas oito figuras eram Imortais!

Quando esses oito Imortais apareceram à frente, cercando a mulher, todos começaram a atacar. Tudo ao redor deles tremeu quando uma luz ofuscante apareceu, preenchida com uma sensação indescritível de extermínio.

Meng Hao tinha originalmente assumido que a mulher rígida que não parecia ser uma cultivadora nem sequer se mexeria. No entanto, foi nesse ponto que incontáveis ​​ondas repentinamente emanaram de seu corpo, espalhando-se para atingir as habilidades divinas dos outros oito. Quando um som estrondoso ecoou, Meng Hao e todos os outros Cultivadores que estavam segurando pedras em suas mãos, cuspiram sangue. Embora eles não pudessem se ver claramente, era possível sentir o choque e a lesão sofrida pelos outros.

“Ela não é uma marionete?” cogitou Meng Hao, choque enchendo seu coração. Ao mesmo tempo em que o estrondo ecoou, algo como um forte vendaval varreu tudo. O corpo de Meng Hao não se sentia estável, quase como se ele não fosse mais capaz de segurar a Pedra da Ponte da Imortalidade. O brilho da área começou a falhar, e diminuiu pela metade, escurecendo.

“Droga, droga…” pensou Meng Hao, sua fúria queimando. Isso era tudo o que ele podia fazer, no entanto; enfurecer-se interiormente e segurar-se firmemente à Pedra da Ponte da Imortalidade.

A explosão fez com que os oito fossem lançados para trás. Num piscar de olhos, a mulher avançou com Meng Hao e os outros, disparando para longe. No entanto, levou apenas um momento para os oito retornarem. Desta vez, seus corpos estavam cercados por brilhos intensos. Eles pareciam oito sóis enquanto avançavam na direção da mulher.

A expressão da mulher de repente se alterou. Seu corpo desapareceu e depois reapareceu ao longe, transformando-se em um feixe de luz prismática que disparou em alta velocidade.

Um dos oito de repente falou, sua voz fria: — Demônia Zhixiang da Seita Demônio Imortal, você foi capaz de enganar o Jovem Mestre e roubar seu precioso tesouro. Nós temos perseguido você por todo um ciclo de sessenta anos, e você estava se escondendo aqui na verdade, fingindo ser uma marionete da Ponte do Caminho Imortal. Seu pequeno estratagema nos enganou antes, mas vamos ver como exatamente você planeja nos iludir desta vez!

Com isso, os oito ignoraram completamente Meng Hao e os outros enquanto saíam em perseguição da mulher.

“Ela é uma Cultivadora que estava se disfarçando de marionete para evitar perseguição? Seita Demônio Imortal? Que seita é essa…?” Meng Hao observou-os desaparecer na distância, sua mente e coração desnorteados. A Pedra da Ponte da Imortalidade em sua mão não parou de se mover. Continuou a transportar o grupo de cultivadores em direção à Ponte do Caminho Imortal. Eles voaram cada vez mais perto, a uma velocidade que Meng Hao tinha dificuldade em acompanhar com sua mente.

Foi nesse momento que, de repente, um rugido furioso pôde ser ouvido de longe. Atrás deles, oito raios coloridos de luz podiam ser vistos correndo em direção a eles. Sua velocidade era tal que eles obviamente conseguiriam lhes alcançar em pouco tempo.

Meng Hao olhou para trás e suas pupilas se contraíram. “Que habilidade divina é essa? A velocidade que eles podem alcançar enquanto voam entre as estrelas é…” Ele observou enquanto as oito figuras avançavam uma incrível distância aparentemente em um único movimento.

Era quase como se o espaço sob seus pés estivesse sendo encolhido.

“Encolhido… encolhido…” murmurou Meng Hao. De repente, ele pensou em quando ele havia deixado o Planeta Céu do Sul e como a terra parecia encolher. Ignorando o tamanho real de seu corpo, aquilo fez parecer como se um único passo dele poderia cruzar uma enorme divisão.

Mesmo quando as oito pessoas correram em perseguição, Meng Hao de repente sentiu um tremor percorrer seu corpo. Sons estridentes podiam ser ouvidos enquanto alguma força enorme e invisível parecia emanar da Pedra da Ponte da Imortalidade em sua mão e depois chupar Meng Hao para dentro.

A mesma coisa aconteceu com os outros. Todos os Cultivadores do Deserto Ocidental do Planeta Céu do Sul de repente desapareceram quando eles entravam na verdadeira Ponte do Caminho Imortal.

Quanto aos oito Imortais, quando chegaram, não encontraram nada além de espaço vazio. Eles olharam em volta para os escombros, mas não ousaram entrar.

— Então, ela fugiu de novo. A astúcia dessa Demônia não conhece limites. Desta vez, no entanto, ela abandonou seu corpo físico e pagou um alto preço para fundir sua alma no corpo de uma daquelas formigas do Céu do Sul.

— A Ponte do Caminho Imortal foi destruída pelo Ancestral Ji há muito tempo. No entanto, uma força poderosa a protege e a reforma a cada mil anos. O céu estrelado não pode ir contra ela e Imortais Ji não pode entrar nela. Não podemos entrar, mas ela será forçada a sair eventualmente. Quando ela o fizer, estaremos esperando por ela! — Os oito Imortais deram uma olhada final na Ponte do Caminho Imortal antes de se virarem e desaparecerem.


Tradutor: Gafiam | Revisor: Delongas


CAPÍTULO ANTERIOR                                                                                                       PRÓXIMO CAPÍTULO


Fontes
Cores