ISSTH – Capítulo 387



“A Tribulação Celestial possui cinco cores, e os cinco elementos possuem cinco colorações…. Eu me pergunto se há alguma conexão entre os dois.” Os olhos de Meng Hao brilharam. Agora não era o momento para se preocupar sobre tais coisas. Assim que as cinco cores acima terminaram de se fundir, um Relâmpago policromático apareceu e começou a cair.

Olhando de relance, esse Relâmpago policromático perante Meng Hao parecia quase como se fosse uma gigantesca árvore decaindo do céu. Entretanto, ela rapidamente se transformou em alguma coisa que lembrava uma espada dourada. Conforme ela decaia, ela se transformava de novo e de novo, dessa vez, a forma era a de um enorme oceano que parecia estar preparado para expurgar tudo em seu campo de visão.

Depois de um breve momento, ele se transformou mais uma vez. Agora sua aparência era a de um Oceano Chamejante que poderia incinerar todas as criaturas vivas, dentro desse Oceano Chamejante havia um enorme pássaro formado de argila!

Essas cinco transformações aconteceram instantaneamente, e depois desapareceram. Entretanto, Meng Hao pôde ver todas elas; seu coração instantaneamente tremeu assim que ele entendeu o que estava acontecendo.

Boom!

O relâmpago policromático atingiu Meng Hao. Ele possuía a Larva Sem Olhos e a sua seda. Ele possuía a Pílula Transformação Violácea. Ele possuía uma base de Cultivo Perfeita, a qual eclodia com um intenso poder. Ele possuía a luva em sua mão direita, que até mesmo a Tribulação Celestial não conseguia destruir. Uma estridente explosão ecoou nos ouvidos dos cinco mil Cultivadores, um estrondo do qual reverberou em todas as direções até chegar aos Céus.

Quando o Relâmpago policromático desceu, um dos três remanescentes Especialistas da Alma Nascente que estava a três mil quilômetros de distância, estremeceu e explodiu em uma nuvem de tripas e sangue que logo após se dissipou em cinzas. Sua Alma Nascente também foi exterminada.

“Céu Policromático! ” gritou o cultivador de túnica branca da Tribo Constelação. “É o lendário Céu Policromático!!” Nesse momento, as roupas do cultivador de túnica branca se rasgaram e o seu rosto arcaico foi revelado. A coisa mais chocante era que suas feições faciais estavam todas deformadas, e sua orelha estava encoberta com sua própria pele!

Seus olhos reluziram um brilho avermelhado e seu corpo estava tremendo conforme ele olhava perante o céu. Um inacreditável olhar de medo e assombro apareceu em seus olhos.

O corpo de Meng Hao também estava tremendo. Ele rangeu seus dentes e cerrou suas mãos firmemente conforme o relâmpago policromático pairava sobre ele. Ele dançou acima dele, aparentemente com a intenção de dilacerá-lo em pedaços e deteriorar sua alma. Ele desejava rasgar sua carne e esmagar suas veias e canais de Qi.

Porém a Larva Sem Olhos lutou tenazmente, igual um tesouro supremo do Céu e da Terra, enviando camada após camada de uma seda inquebrável para quebrar a Tribulação Celestial Policromática.

Graças a seda, o relâmpago policromático desapareceu gradualmente. Nenhum único relâmpago pôde ser visto no céu. Meng Hao ergueu sua cabeça e rugiu. Um Qi Violeta surgiu, restaurando mais uma vez seu corpo. Entretanto, em seu rosto, marcas de idade agora eram visíveis.

“O Relâmpago Policromático não consegue destruir a vontade de Meng Hao!”

O Céu Policromático ribombou e nuvens carregadas repentinamente começaram a se solidificar juntas. A visão disso aparentava como se o próprio Tempo estivesse dançando dentro delas. Estrondos Trovejantes ecoaram nos Céus conforme incontáveis relâmpagos policromáticos apareceram. Todos eles gradualmente começaram a se fundir.

Nesse mesmo momento, uma inconcebível pressão surgiu no céu. Conforme as nuvens se contorciam, parecia como se elas estivessem agora preenchidas com um extraordinário poder aniquilador.

“Aguente firme, Meng Hao!” grasnou o papagaio de sua posição fora da zona da Tribulação. “Essa é a última parcela de Relâmpagos!”

O relâmpago ribombou conforme a última leva da Tribulação Celestial se formou. Dentro do espaço de dez respirações de tempo, mais nenhuma nuvem de Tribulação podia ser vista no Céu. A única coisa visível agora era o brilho policromático!

Esse brilho policromático… já não era mais um relâmpago. Ao invés disso, ele havia se transformado em uma mão gigantesca. Cada dedo dessa mão possuía uma cor, fazendo com que surgisse uma gigantesca palma policromática. Isso era o Céu composto de relâmpagos; afinal de contas, a palma era formada de relâmpagos policromáticos. Com uma simples olhada, essa enorme palma parecia verdadeiramente imponente.

Estranhamente, essa palma não possuía nenhum datilograma!

Estrondos ecoaram no ar conforme a Palma Policromático começou a descer do céu.

Conforme ele se aproximava, o chão estremeceu, devastando toda a terra dentre uma área de três mil quilômetros. Tudo dentro dessa área ficou destruído. Os dois remanescentes Cultivadores da Alma Nascente que persistiram até agora, já não conseguiam mais. Junto com gritos extremamente miseráveis, eles explodiram. Suas Almas Nascentes, junto também com quaisquer traços de suas forças vitais, foram completamente erradicadas.

Já em relação ao homem de túnica branca da Tribo Constelação, ele cuspiu um bocado de sangue e seu rosto se encheu de desespero.

A palma desceu e Meng Hao pôde sentir uma incomparável pressão. Seu corpo estremeceu, seu rosto ficou pálido e sangue foi jorrado de sua boca. Ele pairava em pleno ar, tremendo e sendo lentamente tensionado pela enorme pressão.

A palma descendente aparentava ser capaz de pulverizar uma montanha inteira; Meng Hao sentia que estava a beira do colapso. Ele muito em breve iria ser esmagado completamente.

“O último relâmpago,” disse Meng Hao com seu corpo tremendo conforme ele era pressionado. “Você deseja me exterminar? Bem, que tal eu te selar!” Ele subitamente fez um movimento brusco com sua mão. Meng Hao emanava loucura e insanidade conforme ele apontava em direção ao chão.

“Qi Demoníaco! Arte da Concessão Justa!”

Qi Demoníaco mais uma vez emergiu da terra da região de três mil quilômetros. Havia uma coisa a qual Meng Hao não estava ciente, nesse momento, simplesmente não havia Qi Demoníaco o suficiente. Ele continuou a descer, até que finalmente aterrissasse diretamente na terra devastada.

“Não tem Qi Demoníaco o suficiente!!” exclamou ele com suas feições faciais tremendo. Junto com um grito, ele produziu a Jade Selando Demônio. Um grito ensurdecedor ecoou no ar, a terra mais uma vez estremeceu. Ao mesmo tempo, a Jade Selando Demônio na mão de Meng Hao começou a emanar ondas que se propagaram. Três mil quilômetros, cinco mil quilômetros….

O rosto de Meng Hao deturpou com selvageria. Poder foi jorrado do Legado Agáloco do Clã Neve Frígida, assim também como o Imortal Mostra o Caminho, o qual ele havia ganhado durante os eventos da Caverna do Renascimento. Esses poderes dispararam dele e então na Jade Selando Demônio.

A mente de Meng Hao girou. As ondulações da Jade Selando Demônio se propagaram. Cinco mil quilômetros. Sete mil quilômetros….

Quinze mil quilômetros!

De repente, Meng Hao pôde sentir toda a vegetação que existia nessa região. Todas as coisas vivas existiam dentro de sua vontade. Todas as mudanças e flutuações estavam sobre seu controle!

“Qi Demoníaco! Arte da Concessão Justa!” Ele olhou acima perante a enorme Palma Policromática que estava descendo até ele. Conforme sua voz ecoava, todo Qi Demoníaco dentre uma área de quinze mil quilômetro, avançaram loucamente em direção a ele.

Qi circulou em volta de Meng Hao, criando um vórtice de Qi Demoníaco. Inicialmente ele possuía trinta metros de largura, então trezentos, três mil, até finalmente alcançar trinta mil metros!

Os olhos de Meng Hao cintilaram com esplendor e determinação. Ele lentamente ergueu sua mão direita e então a estendeu perante a gigantesca palma acima.

Assim que o fez, o Vórtice de Qi Demoníaco ascendeu e então se transformou em uma mão invisível que somente Meng Hao conseguia ver.

Essa palma parecia capaz de selar tudo sobre o Céu e a Terra!

“Eu sou a Nona Geração de Seladores Demoníacos! EU IREI SELAR OS CÉUS!!”

Ele golpeou com sua mão direita na descente Palma Policromática.

Esse ataque carregado consigo sua obstinação, seu sonho em trilhar o caminho da Cultivação até que ele virasse um poderoso especialista, e também, sua própria força vital!

Afinal de contas, se ele não conseguisse transcender essa tribulação, ele iria morrer sem sombra de dúvidas!

Esse ataque também carregava consigo o ‘Imortal Mostre-o-Caminho’, o Legado Agáloco do Clã Neve Frígida, e a sua própria insanidade.

Tal insanidade também era necessária! Isso não era uma batalha mágica, mas sim, o Selamento dos Céus!

Esse ataque continha a dignidade da Nona Geração de Seladores Demoníacos, junto com o poder de Selar os Céus e também todo o poder explosivo do Qi Demoníaco da terra dentre uma área de quinze mil quilômetros!

Em complemento a tudo isso, o Patriarca do Clã Li apareceu, junto também com a uivante geleia de carne. Todas as ferramentas que ele possuía foram usadas para confrontar essa Tribulação Celestial!

O papagaio estava clamando excitadamente e seus olhos estavam ensanguentados. Essa era o momento que ele tanto aguardava. Foi somente quando o último relâmpago desceu que ele pôde fazer seu movimento e comandar os cinco mil Cultivadores. Dessa forma, eles não seriam atingidos pelo relâmpago.

Os cinco mil Cultivadores dispararam em direção a Meng Hao, completamente o circundando. Massivas quantidades de nevoeiro emergiram para confrontar o último Relâmpago da Tribulação Celestial.

Um colossal estrondo, mais barulhento que tudo que havia ocorrido até esse momento, reverberou sobre os cinco mil Cultivadores, sobressaindo sobre até mesmo seus gritos. Esse estrondo era a única coisa que pôde ser ouvida nessa área… e ela ecoou mais cinco vezes!

Esse estrondo vinha de nenhum outro lugar senão do barulho das duas gigantescas palmas colidindo uma com a outra.

Depois do primeiro eco, os cinco mil Cultivadores cuspiram sangue. Eles foram arremessados em todas as direções, e o nevoeiro instantaneamente se dissipou. O homem de túnica branca da Tribo Constelação gritou conforme ele foi pulverizado em pedaços, seu corpo e sua alma foram aniquilados.

Depois do segundo eco, o céu e a terra estremeceram. Toda a superfície da terra se transformou em escombros e cinzas. Todo o chão cristalino se transformou em uma enorme cratera….

Depois do terceiro eco, a geleia de carne soltou um uivo lamentoso e o Patriarca do Clã Li tremeu à beira de sua destruição

Depois do quarto eco, o papagaio soltou um grito completamente consternado conforme todas as suas penas coloridas foram estilhaçadas. Tudo visível na região estava agora transformado em um mundo policromático

Depois do quinto eco… Meng Hao viu sua Palma Seladora-Celestial Demoníaca colidir contra a Palma Policromática. Essa visão parecia como se uma massiva marca seladora estava se preparando para selar a Tribulação Celestial.

Em meio a esse estrondo, as duas palmas se colidiram. Uma era do Céu Policromático. A outra era do Selador Demoníaco dos Céus. Um desejava destruir. Já o outro desejava selar. A quantidade de poder envolvida era indiscernível. Perante esse momento, os Céus não eram os Céus, a Terra não era a Terra, e o Demoníaco não era o Demoníaco!

O próprio ar foi rompido. Conforme o estrondo encobria tudo, o mundo policromático repentinamente desvaneceu em uma completa escuridão….

Dentro dessa escuridão, os olhos de Meng Hao cintilaram com paz. Ele olhou para o Céu escurecido e disse suavemente, “Então, você também consegue selar os Céus!”

Dito isso, uma inconcebível sensação de fraqueza brotou de dentro de seu coração. Sorrindo, ele fechou seus olhos e usou a suprema habilidade protetiva da Larva Sem Olhos. Incontáveis quantidades de seda surgiram se transformando em um enorme casulo!

O corpo de Meng Hao estava completamente enclausurado dentro do casulo.

Não havia nenhum som. Nenhuma Tribulação Celestial. Dentro da cratera, havia um casulo que parecia que ficaria ali por toda a eternidade.

O céu gradualmente recuperou sua coloração. A Palma Policromática havia desaparecido. A Palma Seladora Demoníaca de Meng Hao havia se transformado em cinzas. A única coisa que permanecia era aquilo que originou o núcleo da palma de Meng Hao, a Jade Selando Demônio. Ela submergiu no chão perto do casulo de Meng Hao.

A pressão exercida pela Tribulação Celestial havia agora sumido. A área a qual ocorreu a Tribulação… estava agora completamente silenciosa e quieta. A Tribulação havia sido transcendida!

O papagaio e a geleia de carne, assim também como os cinco mil Cultivadores da Igreja Luz Dourada, olharam para essa cena calados e exaustos. Eles se reuniram ao redor do casulo e ficaram de guarda lá até que Meng Hao saísse.

Algum tempo se passou. Uma aura de metamorfose emergiu de dentro do casulo. Em seu interior, Meng Hao permanecia dormindo, porém, seu corpo estava gradualmente se transformando. Ele estava agora ainda mais acostumado com relâmpagos. Na verdade, esporadicamente, relâmpagos iriam eclodir de seu corpo e pairariam ao redor do casulo que então se propagariam na região próxima.


Tradutor: Rhuan   | Revisor:   Delongas



Título ocultado por razões óbvias.

Capítulo 387: A Nona Geração de Seladores Demoníacos, o Primeiro Selador dos Céus!!


Fontes
Cores