ISSTH – Capítulo 170 – O solitário no topo Sang Luo


Meng Hao estava cheio de arrependimento. Ele nunca deveria ter feito aquela pergunta. Não tinha ideia de que a gelatina de carne iria ficar falando sem parar por tanto tempo simplesmente por isso. Ele deu uma respirada profunda e antes que ele pudesse falar, a expressão no rosto da gelatina de carne pareceu ter se iluminado.

“Ahh, já sei. Por você não ter alcançado o estágio de Formação do Núcleo ele não pode sair. Hahaha! Não pode sair…”

Meng Hao abaixou a cabeça resignadamente. Ele olhou para a gelatina de carne com um sorriso amargo no rosto.

Ele cerrou os dentes por um longo tempo antes de dizer: “Se você não calar a boca, eu irei levá-lo de volta até a Seita Luva Negra!” Ele realmente só queria desabafar sua frustração pela constante irritação em seus ouvidos.

“Quanto a isso está tudo bem. De qualquer forma, eu me vinculei a um mestre então, eu seria inútil. E para me refinarem precisariam que refinassem você junto. Eee?” Um olhar de surpresa preencheu o rosto da gelatina de carne enquanto pensava por um momento.

“Isso é uma boa ideia! Eu imagino como seria a sensação se fossemos refinados juntos. Deixe-me pensar sobre isso.” Um olhar de antecipação surgiu em seu rosto, causando que Meng Hao ficasse ainda mais resignado.

“O que eu tenho que fazer para você ir embora?” Ele disse com uma risada amarga. Sua voz estava mais suave dessa vez.

Ouvindo isso, a gelatina de carne instantaneamente pareceu ficar muito mais séria que o normal. Sua voz ficara solene quando começou a falar. Meng Hao a ignorou, olhando para o céu pelo tempo de um incenso queimar.

“… Resumidamente, eu definitivamente nunca deixarei você! Eu preciso converter aquele pássaro. Até eu convertê-lo, eu nunca irei embora.”

Meng Hao sempre pensou de si mesmo como alguém muito focado, assim que sua mente está presa em alguma coisa, ele nunca iria se distrair com outra coisa. Mas agora, ele percebeu que isso foi antes de conhecer a gelatina de carne.

Seja ele mesmo ou qualquer outro especialista consagrado, qualquer um que encontrasse essa coisa insuportavelmente tagarela iria ser levado a loucura… Meng Hao respirou profundamente. Ele agora tinha um entendimento um pouco melhor da personalidade dessa coisa. Não se deve dar a ele um assunto para conversar. Ele abaixou a cabeça e depois de uma hora alcançara um estado mental em que poderia relativamente ignorar o falatório em seu ouvido. Apesar da gelatina de carne não para de falar, Meng Hao retirou a Pílula Luva de Terra e começou a examiná-la.

Uma expressão séria preencheu seu rosto, porém, era muito difícil ignorar a encheção de saco sem fim. E foi especialmente mais difícil quando a gelatina de carne voou de sua cabeça e se posicionou em frente a seus olhos. Parecia se sentir humilhada por ser ignorada.

“Você não pode fazer isso. Isso é imoral!” Ela berrou, começando outro falatório irritante.

Logo, a noite se aproximou e o rosto de Meng Hao estava repleto de exaustão. O zumbido continuava em seus ouvidos e seus olhos estavam vermelhos de sangue enquanto ele completamente ignorava a gelatina de carne. E foi um desespero quando ele descobriu que mesmo se não desse assuntos para conversar, a gelatina de carne iria ainda continuar a falar sem parar.

O amanhecer chegou e então a próxima noite. A lua alta no céu brilhava.

E então, finalmente, pareceu que a gelatina de carne havia ficado sem assunto para falar. Meng Hao soltou um suspiro aliviado e enquanto ele o fez, a gelatina de carne voou até a margem do lago e…. Começou a falar com um peixe dentro do lago…

Meng Hao soltou outro suspiro de alívio. Ele então puxou o espelho de cobre e as Pedras Espirituais dadas pelo Clã Xiao e colocou a Pílula Luva de Terra no espelho e duplicou em mais uma pílula. Ele pensou por um momento e então retirou uma tira de jade. Ele a marcou com seu Sentido Espiritual e então a jogou para fora da janela. Um tempo depois, uma jovem do Clã Xiao se aproximou nervosamente trazendo consigo um macaco espiritual com ela.

O macaco guinchava enquanto se aproximava. A jovem mulher olhava na direção da margem do lago por um momento em direção do chapéu-gelatina de carne, que estava nesse momento berrando pelo lago.

“Xiao Caifeng saúda o Sênior.” Ela disse virando o olhar da gelatina de carne para Meng Hao e a névoa elétrica que cercava ele. Ela fez uma reverência como saudação e então puxou a coleira que prendia o macaco espiritual. Os olhos de Meng Hao abriram com isso e sem dizer uma palavra, ele jogou no ar em direção ao macaco a Pílula Luva da Terra. O macaco a consumira instantaneamente.

Ele soltou alguns guinchos e seus olhos se reviraram. Os olhos de Meng Hao cintilaram enquanto observava, sondando o macaco com seu Sentido Espiritual. Repentinamente, a luz do luar no céu pareceu formar fios que o macaco começara a absorver. Um olhar contente lentamente preencheu os olhos do macaco.

Em torno de quatro horas haviam passado, em que Meng Hao observava o macaco e Xiao Caifeng ficava de pé pacientemente esperando.

Finalmente, Meng Hao assentiu.

“Muito bom.” ele disse tranquilamente. Xiao Caifeng soltou um suspiro de alívio. Juntando as mãos em uma reverência a Meng Hao e então levou o macaco consigo para fora dali. Este estava obviamente mais poderoso que antes.

Meng Hao abaixou a cabeça pensativo. Usando as Pedras Espirituais providas pelo Clã Xiao, ele poderia começar a duplicar a pílula. Esta pílula cujo nome completo era Pílula Luva Lua da Mãe Terra e poderia apenas ser consumida durante a noite. Se usada a luz da lua como nutriente, aumentando assim sua eficácia.

O custo de duplicar a pílula seria considerável e o Clã Xiao não era de jeito nenhum um grande Clã. E então eles não puderam trazer muitas Pedras espirituais e logo, Meng Hao já havia usado metade delas, resultando em seis Pílulas Luva da Terra duplicadas.

“Eu desperdicei uma pílula, mas foi necessário ter cautela.” O amanhecer chegou e Meng Hao olhou para as seis Pílulas Luva da Terra. Ele pensativo, fechou os olhos, contabilizando quantas dessas pílulas seriam necessárias para formar seu quarto Pilar do Dao. Agora que havia completo o círculo dos três Pilares do Dao, não demoraria muito antes de seu quarto Pilar Perfeito do Dao começar a ficar visível.

O tempo passou lentamente e logo viera o entardecer. A gelatina de carne estava ainda na margem do lago, tagarelando para as águas. Com seu Sentido Espiritual, Meng Hao foi capaz de notar que todos os peixes já se foram para o fundo lago para se esconderem. Só havia um restante, que estava batendo a cabeça contra a margem, parecendo incapaz de aguentar o tormento.

Com o medo assolando seu coração, Meng Hao coletava as Pedras Espirituais restantes. Ele estava com muito medo de atrair a atenção da gelatina de carne e seu falatório incansável. A última coisa que precisava era de ela se interessar por um novo assunto para falar com ele.

Ele retraiu seu Sentido Espiritual e então subitamente sua expressão mudou. Ele olhou pra fora da névoa elétrica para o mundo exterior.

Nesse momento, dois raios coloridos de luz apareceram no céu acima do vilarejo montanhoso do Clã Xiao, e então dispararam ruidosamente em direção até o vilarejo. Na frente estava um Cultivador vestindo um manto preto. Ele era bem baixo, um anão para falar a verdade. Seu longo manto cobria seu rosto e se esvoaçava atrás dele pelo ar. A primeira vista, você não notaria que havia um anão dentro desse manto, só notaria apenas um manto preto voando pelo ar.

Atrás desse anão estava Xu Luodi com um rosto sinistro, cujo olhos irradiavam intenção assassina. Claro, o anão era ninguém menos que Sr. Sang Luo a quem Xu Luodi havia requisitado sua ajuda.

Os dois se moveram incrivelmente rápidos e dentro de instantes já haviam aterrizado no vilarejo montanhoso do Clã Xiao. O anão falou com uma cruel e penetrante voz que se estendeu como um trovão ecoando sobre o Clã Xiao. O rosto de Xiao Caifeng empalideceu e as pupilas de Xiao Chang’en se contraíram com seus olhos repletos de medo.

Antes que alguém pudesse agir, um rugido explosivo preencheu o ar e estremeceu todo o Clã Xiao quando seu escudo de energia para proteção havia desmoronado em pedaços. Um vento com força de uma ventania varreu passando pela área inteira.

As casas da propriedade do Clã Xiao estremeceram e algumas colapsaram. Os membros do Clã Xiao que não podiam praticar Cultivação tremeram quando eles ouviram a voz. Xiao Chang’en com o rosto pálido rapidamente liderou um grupo de pessoas para fora. E a expressão em seu rosto estava repleto de assombro quando viu que o portão principal havia sido destruído e um anão estava caminhando a frente com seu manto negro arrastando-se por atrás dele. Xiang Chang’en cambaleou para trás ao vê-lo.

“Então, é esse selvagem… Pode ser esse o dia em que do juízo final chegou ao Clã Xiao…” Por causa da presença do anão, ele não podia trazer nem um pouco de seu espírito de luta.

Sr. Sang Luo era um tanto famoso na região. Ainda que ele não se atrevesse a provocar a Seita Demônio de Sangue, não havia ninguém entre os Clã de cultivadores daquela região que se atrevessem a provocá-lo.

Sua base de cultivação era extremamente alta, estando na verdade ao estágio Final do Estabelecimento de Fundação. E não iria demorar muito tempo até ele pisar no estágio de Formação do Núcleo. Ele era selvagem e cruel como se apenas uma palavra dita a ele de modo errado, ele iria atacar com uma crueldade impiedosa. Ele realmente tinha ganhado uma reputação infame.

Baseado apenas nisso, ele necessariamente não estaria numa posição vantajosa. Já que os Clãs de Cultivadores nessa região estavam repletos de pessoas com conexões com a Seita Demônio de Sangue.

No entanto… Esse Sang Luo havia sido um dia um discípulo da geração atual da Seita Demônio de Sangue. No entanto, ele quebrou algumas regras da Seita e foi com isso expulso. Sua base de cultivo foi deixada intacta e isso não preveniu-o de causar problemas do lado de fora. Xiao Chang’en tinha ainda ouvido falar que ele tem um irmão mais velho que não era um anão e com um talento natural extraordinário. Aparentemente, ele era um Escolhido da Seita Demônio de Sangue.

“Eu, Xiao Chang’en, dou minhas saudações até Sr. Sang Luo.” disse Xiao Chang’en, seu rosto estava branco como cera enquanto observava Sr. Sang Luo se aproximar com Xu Luodi ao seu lado irradiando intenção assassina. Xu Luodi estava com uma expressão de satisfação em seus olhos, causando Xiao Chang’en suspirar em seu interior resignadamente. Ele não colocara muita esperança em Meng Hao agora para resolver essa situação. O lacaio espiritual de Meng Hao era poderoso, mas a sua base de Cultivo era simplesmente muito fraca.

Sang Luo soltou uma bufada penetrante enquanto se aproximava do Clã Xiao com Xu Luodi. Seus olhos observaram tudo a volta por dentro do manto que vestia.

“Xiao Chang’en!” disse Xu Luodi. “Chame aquele Cultivador Xamã que você convidou para ajudá-lo!” Ele sorriu friamente. “Está com medo de mostrar o rosto, garotinho Xamã? Venha logo pra cá.” Sua voz saiu que nem um estrondo, causando Xiao Chang’en ficar parado com uma expressão amarga no rosto, não se atrevendo a dizer uma palavra. Atrás dele, os membros do Clã que o acompanharam estava se tremendo. Apenas Xiao Caifeng ficou de pé ali sem se mover, seu rosto estava pálido, mas seus olhos estavam repletos de fúria.

Sang Luo ficou de pé parado, desfrutando as expressões de medo nos olhos dos membros do Clã Xiao. Ele também divertiu-se com as palavras de Xu Luodi. Ele não podia deixar de suspirar interiormente. Para ele, a vida era desoladora como a neve. Era solitário ficar no topo e em seu coração havia o desejo de encontrar alguém que pudesse derrotá-lo.

O que ele não sabia era que assim que a voz de Xu Luodi passou pela névoa elétrica, Meng Hao havia se levantado.

Meng Hao também ouvido a gelatina de carne e parecia como se estivesse se preparando para concluir um discurso. Ele estimou que não iria demorar muito tempo até ela retornar para atormentá-lo.

“Eu realmente preciso achar alguém para me ajudar a me livrar desse tormento.” Ele pensou. “Estou em agonia aqui!” Cerrando os dentes, ele caminhou para fora.

O ar em volta do lago vibrou e uma névoa elétrica se moveu. Meng Hao parecia um tanto amargurado enquanto caminhava adiante. Atrás dele, o chão se agitou e as videiras se mostraram indo para frente e para trás emitindo gritos agudos e penetrantes.

Os olhos de Meng Hao estavam vermelhos como sangue, graças ao tormento causado pela gelatina de carne. Ele olhou para Xu Luodi e então para o anão. Ele decidiu então como alvo o que estava no estágio Final de Estabelecimento de Fundação, com esperança que a batalha durasse um pouco mais.

“Um insignificante cultivador no estágio Inicial de Estabelecimento de Fundação.” Disse Sang Luo ao olhar Meng Hao se aproximar. “Xu Luodi, você é igualmente inútil.” Seus olhos espreitaram de fora de seu manto e estavam repletos de orgulho e indiferença. Novamente sentiu em seu coração o quanto é poderosa a solidão da neve.

“Sr. Sang Luo, sênior, você não pode me culpar quanto a isso.” Xu Luodi respondeu rapidamente. “Apenas me ajude a se livrar do lacaio espiritual. Com ele fora do caminho, eu posso facilmente fatiar esse cara em pedacinhos.” Ele encarava Meng Hao impiedosamente.

O que Xu Luodi não sabia era que a verdadeira crueldade não iria ser causada em Meng Hao e sim em Sang Luo, o solitário como a neve. Algo que iria acontecer com Sang Luo que ele nunca iria esquecer pelo resto de sua vida. Iria trazer a ele pesadelos durante todas as noites e iria criar uma sombra em sua alma e isso iria acontecer em breve..

Talvez depois disso, ele nunca mais irá sentir-se sozinho no topo como a neve…


Tradutor: Devlin  | Editor: Bonadeo



Contribua com a Novel Mania!