ISSTH – Capítulo 157 – Um Caldeirão Quadrado de Bronze


A imagem logo desaparecera e a expressão facial de Meng Hao não demonstrou nenhuma alteração. Ele olhou para Xu Youdao e os outros, esses também estavam com as mesmas expressões faciais de sempre. Parecia que todos eles, incluindo Xu Youdao e o Cultivador de manto cinza aprovaram o que Han Bei havia dito.

“Será que eles não notaram a existência desse Caldeirão de Bronze?” Meng Hao pensou. Reparara que depois que as videiras foram marcadas com seu sangue, elas começaram a emitir uma fraca aura demoníaca.

Han Bei sorriu e continuou. “Irmãos Daoistas, agora vocês poderão ficar com seus corações despreocupados, por favor me acompanhe até a localização da Consagração Temporal. Não importa o que acontecer hoje, se conseguirmos ela, todos poderão ter a sua própria cópia.” Ela se inclinou em uma reverência para o grupo e depois disso disparou pelo ar voando pela planície à frente.

Xie Jie foi o segundo a levantar voo, seguidos de Xu Youdao e a mulher Li. Meng Hao e o Cultivador de manto cinza foram os últimos dos seis a se transformarem em raios coloridos de luz e dispararem pelo céu.

Nenhum deles se falaram enquanto viajaram, estavam todos perdidos em seus próprios pensamentos. Meng Hao não demonstrava nenhuma expressão facial, mas seus pensamentos estavam focados naquela imagem que vira do enorme caldeirão de bronze. Ao mesmo tempo, ele tinha de setenta a oitenta por cento de certeza que a região que ele havia visto antes não era de uma saída e sim uma armadilha de Han Bei.

Ele não teve certeza se Han Bei conseguiu enganar os outros, mas como ele tinha seu amuleto da boa sorte ficou mais assegurado que podia escapar do que é que ela esteja planejando. A localização da Consagração temporal certamente seria bizarra e surpreendente; se não fosse, Han Bei não teria utilizado de tanto tempo e outros recursos para poder tentar obtê-la.

“Eu fico curioso em saber como que Han Bei soube da existência dessa Consagração do Tempo…” Pensava, olhando a frente para a figura ágil de Han Bei enquanto a mesma disparava pelo ar.

Subitamente, Xu Youdao resolveu falar, dando voz ao que Meng Hao agora pouco estava pensando. “Irmã Daoista Han, você ainda não explicou como você soube da existência dessa Consagração Temporal e nem de como adquiriu seu primeiro volume.”

Han Bei olhou de volta para ele com um sorriso.

“Se o Irmão Daoista Xu está ansioso por essa resposta, então a darei assim que chegarmos no nosso destino.” Foi nesse momento que eles alcançaram o final desta vasta planície. Repentinamente, o som do rugido aparecera novamente vindo de uma longa distância, mas, ainda assim, fez com que todos com exceção de Han Bei e Xie Jie se abalassem com isso.

Os que tinham a cultivado até o estágio Final do Estabelecimento de Fundação rotacionaram suas cultivações bases até o rugindo e a força gravitacional desaparecerem. Então voltaram a normalidade, com exceção de seus rostos que estarvam um pouco pálidos.

Uma expressão de quem pedira desculpas foi demonstrada no rosto de Han Bei quando se recuperaram, mas não disse nada. Ela ergueu sua mão e movimentou-a com puxão no ar em direção ao chão, fazendo com que um vento forte subitamente se formasse e se espalhasse varrendo a terra abaixo deles. Em seguida, Han Bei respirou profundamente e acionou sua sacola de carregamento, fazendo assim uma garrafa de jade se materializasse em sua mão.

Era de uma cor azul-esverdeado e assim que aparecera a expressão facial dela ficou um tanto solene. Ela a jogou contra o chão e todos assistiram a queda dessa garrafa.

Quando ela aterrizou ao chão, rachaduras apareceram em sua superfície que rapidamente se espalharam. Um líquido azul saia de dentro dessas rachaduras emanando uma fraca aura de amargura. Enquanto essa aura se espalhava, os olhos do Cultivador de manto cinza se estreitaram.

“Isso é… um Elixir do Azul Celestial.”

Quando suas palavras ecoaram nos ouvidos dos outros, a garrafa azul já havia se despedaçado e o líquido azul que saíra dela expandiu-se formando uma névoa que envolveu circundando uma área de trezentos metros quadrados.

“Irmão Daoista Sima, você certamente têm um conhecimento e experiências louváveis. Você está correto, isso é de fato um Elixir do Azul Celestial. Para adquirir até mesmo uma gota dele é necessário enfrentar incontáveis dificuldades. Sua função é de desativar uma variedade de ilusões.” Ela sorriu para o homem de manto cinza e então olhou para Meng Hao e os outros a sua volta.

“Irmãos Daoistas, eu sei que vocês agora estão com muitas perguntas e tentarei elucidar algumas delas. Nesse momento, estamos acima de um portal ancestral cujo destino é uma região protegida por um selamento dentro da Terra Santificada. Na verdade, a Seita Luva Negra já sabia da existência dessa Terra Santificada a centenas de anos atrás. No entanto, a pessoa que de fato a descobrira não fora um discípulo da Seita Luva Negra e sim um antepassado do meu Clã.”

“E foi por causa da Terra Santificada que meu antepassado foi obrigado a ingressar na Seita Luva Negra, e foi assim que minha linhagem Han existiu na seita. E o mapa usado para entrar nesse lugar fora criado após anos de pesquisa de um dos élderes do meu Clã. Ele usou uma misteriosa técnica mágica para refinar e compactar seu próprio sangue formando um mapa. O porque disso tudo foi…” Ficara em silêncio por um tempo de algumas respirações e continuou, “Foi porque essa Terra Santificada era uma vez dominada por um lorde que também era um Patriarca do Clã Han. No entanto, ele eventualmente se tornou um com o Dao e dissipou-se. Mas apesar disso, uma conexão forte desse lugar ocasionalmente aflorou em seus descendentes.”

“Eu não tenho certeza exatamente o que a Seita Luva Negra está planejando. Mas antes do Élder do meu clã se transformar em um mapa, ele me falou que por conta dessa conexão com sua linhagem a esse lugar, ele sabia que existia uma técnica secreta do Clã Han aqui. Os três volumes de Magia Temporal. Esta encantamento pode criar tesouros de aceleração temporal, que se usados podem permitir que vocês suguem o tempo de vida de outras pessoas. É por isso que requer uma Árvore de Primavera e Outono ou itens similares como fundação base.”

“Até nos tempos antigos,” ela continuou, com a voz clara e gentil, “esses tesouros de aceleração temporal eram surpreendentes e raramente eram vistos. Hoje em dia, podem ser considerados perdidos no tempo. Se ainda existem, então apenas nesse lugar poderemos encontrar um deles! E quanto ao primeiro volume da Consagração Temporal, adquiri-o como herança passada através das gerações no meu Clã.

“Eu irei combinar os três volumes e usá-los para refinar em um tesouro de Aceleração do Tempo e isso é minha ambição pessoal, não quero nenhum outro membro do Clã Han saiba sobre isso. E também pretendo evitar os olhos vigilantes da Seita Luva Negra. Essa é a razão de chamar vocês para virem aqui. No caso Irmão Sênior Xie, ele está aqui por conta de um acordo entre nós dois.”

Ao ouvirem o que ela relatara, todos obviamente formaram suas próprias opiniões sobre o quanto achavam que ela disse era verdadeiro ou falso. Por conta dos métodos que ela usara fora da Seita para reunir esse grupo já era possível ter noção de algumas especulações. Os olhos de Meng Hao sondavam rapidamente o grupo, e por dentro, ele pensava sorrindo da confusão deles.

“Parece que cada um de vocês está pensando em coisas diferentes. Mas além de mim, parece que ninguém realmente prestou atenção nas explicações que de Han Bei, e ela sabe disso. Realmente é difícil de acreditar nessa sua explicação de agora.”

“No entanto…Sobre essa Consagração Temporal tem grandes chances ser verdade e nesse momento, eu não tenho muitos itens mágicos poderosos, com exceção das espadas de madeira. Sem falar que tenho uma Árvore de Outono e Primavera que é bem simples de duplicá-la com o espelho de cobre. Se eu poder aprender essa técnica desse Consagração Temporal, meu problema estará resolvido.

“Porém, eu ainda vou precisar ser bastante cauteloso quanto a isso. Se alguma coisa der errado, eu terei que usar o amuleto da boa sorte e sair desse lugar imediatamente.” Enquanto Meng Hao se planejava, Han Bei gesticulou rapidamente um encantamento para abrir o portal ancestral abaixo deles.

Um ancestral e arcaico rugido soou vindo de dentro dele, como se alguma besta tivesse acordada de seu sono. Subitamente, uma luz brilhante aparecera, que não se espalhou muito distante, englobava uma área ao redor de trezentos metros quadrados.

Quando a luz do portal apareceu, Han Bei olhou para cima em direção ao céu, como se tivesse calculando alguma coisa. E então, seu corpo disparou ao chão em direção ao portal. Xie Jie com um sorriso leve no rosto entrara em seguida, seguido de Xu Youdao e os outros.

Meng Hao vasculhou a área com seu Sensor Espiritual para confirmar se não tinha nada mais além do portal de teletransporte e depois de ver que todos os outros entraram nele, ele se transformou em um borrão enquanto descia para acompanhá-los logo atrás. Com isso uma luz brilhante piscou e logo desapareceu, e o todos eles sumiram junto.

Quando eles reapareceram, o céu do lugar em que estavam era o mesmo que o da Terra Santificada, no entanto, a chão estava coberto de rachaduras. Há uma distância considerável, eles podiam ver um objeto. Quando os olhos de Meng Hao caíram sobre esse objeto, eles brilharam fortemente por um momento e então voltaram a normal.

A frente deles tinha um enorme caldeirão de bronze!

O caldeirão tinha dezenas de milhares de metros de altura, erguendo-se tão acima que parecia que estava segurando o céu. Parecia ser ambamente ancestral e primitivo, como se existisse a incontáveis anos. Uma incomparável aura de poder irradiava dele, fazendo que todos sentissem um medo avassalador, até mesmo Han Bei sentira.

Um turbilhão de pensamentos veio as mentes de todos ali presentes.

“Caldeirões são ferramentas que formam nações. São forjados apenas por pessoas com um destino extraordinário. E pensar que tal grandioso caldeirão de botar medo em quem se atrever a olhá-lo existe nesse lugar!”

“Um verdadeiro tesouro! Quem poderia possivelmente ser tão ousado assim de forjar tamanho caldeirão celestial?!”

“Seu formato arcaio parece ser incomparável com tudo que já vi. Deve estar aqui a incontáveis dezenas de milhares de anos. Poderia ter sido forjado por algum ser todo-poderoso dos tempos antigos?”

Eles todos suaram nervosamente ao olharem na direção do caldeirão. Até mesmo o homem frio de manto cinza segurou a respiração ao vê-lo. Uma estranha luz piscava de seus olhos.

Já os olhos de Xie Jie se estreitaram e demorou um tempo até ele recuperar sua compostura.

Meng Hao instantaneamente o reconheceu; Era o mesmo caldeirão que ele havia visto da transmissão da videira antes que morrera, até então era asaída fornecida por Han Bei. Enquanto olhava em volta, podia dizer que o ambiente era exatamente o mesmo da imagem que tinha visto da suposta saída.

Ele sorriu friamente internamente, não mudando sua expressão nem um pouco. Ele furtivamente retirou seu amuleto da boa sorte e checou para ter certeza se ainda estava funcionando. Ele não foi capaz de conter internamente sua admiração pelo Patriarca Confiança, pois mesmo não sabendo exatamente o que esse amuleto de boa sorte era de verdade, o que ele sabia era que ainda funcionava nesse lugar sinistro.

Sentindo-se mais assegurado, Meng Hao olhou de volta para o enorme caldeirão, não podia deixar de sentir-se assombrado com sua grandiosidade. Ainda que não fora a primeira vez que o tinha visto, só de ficar de pé em frente a ele o fez se sentir como se fosse uma formiga.

“O caldeirão está rachado…” falou Xu Youdao com um suspiro.

Todos repararam que o massivo, surpreendente caldeirão de bronze tinha uma enorme rachadura que o atravessava por completo. Parecendo com se quisesse cortar o caldeirão pela metade, mas não tinha conseguido.

Todos especularam em seus corações que a rachadura deve ter sido causada por algum outro assustador item mágico, mas assim que Meng Hao a vira, teve uma sensação diferente. Esta rachadura não era algo que um item mágico poderia fazer. Ele olhou para o céu e voltou as suas memórias do passado de qual era a sensação de ser atingido por um raio da Tribulação dos Céus. E chegou a conclusão que era o mesmo tipo de sensação que ele teve ao olhar para essa rachadura. Especulou que tinha uma grande probabilidade de ter sido causada por uma Tribulação dos Céus.

“Qualquer um que pudesse tomar posse desse massivo caldeirão e usá-lo como um item mágico, com certeza, iria conseguiria estremecer todo o Mundo do Cultivo.” As palavras ditas de Xie Jie foram suaves, mas cheias de admiração.


Tradução: Devlin
Revisão: Bonadeo


Contribua com a Novel Mania!