ISSTH – Capítulo 146 – Esse é a Vexação Suprema!


[TN: Vexação = Atormentação, causar irritância, vexame (vergonha alheia) ou humilhação. Esse título só terá relevância mais para frente, desconsidere-o por enquanto. Me parece que deve ter havido algum engano ao coloca-lo nesse capítulo.]

Tinha uma buraco entre as sobrancelhas do corpo, este parecia estar completamente imóvel dentro da água-viva. Era como se o resto do corpo pudesse até decair com o tempo, mas esse buraco ainda iria existir por toda a eternidade.

Todos ficaram de pé congelados em suas posições sem se atrever a fazer nenhum movimento, olhavam fixamente para a água-viva enorme que lentamente flutuava a sua frente. Seus  longos tentáculos se espalhavam pelo meio das bússolas Feng Shui, e então passaram por elas seguindo seu rumo adiante. Até que finalmente, ela se distanciou fazendo o Patriarca Luva Violeta soltar um leve suspiro, ele ficara de pé olhando para a distante água-viva dando em seguida uma respeitosa reverência profunda juntando ambas as suas mãos.

Então, sua voz arcaica lentamente ecoou no ambiente. “Esse fora o nosso antepassado da terceira geração da Seita Luva Negra. Sua cultivação base estava no pico do estágio da Busca do Dao, e quando estava tentando alcançar a Ascensão Imortal, um patriarca do Clã Wang realizou um ataque surpresa contra ele. Então ele não conseguiu completar o caminho para a Imortalidade e decaiu nessa condição.”

“Naquele ano, nossa Seita lutara uma guerra sangrenta contra o Clã Wang que durara três mil anos. Eventualmente, as hostilidades cessaram. No entanto, todos vocês discípulos da Seita Luva Negra devem incorporarem dentro de vocês esse pouco dessa história da Seita.”

Para muitos discípulos da Seita Luva negra pareceu ser a primeira vez que ouviram sobre isso. Seus olhos cintilaram brilhantemente enquanto ouviram. Já Meng Hao sentiu seu coração bater mais rápido enquanto ele silenciosamente assistira a água-viva se distanciar no horizonte.

Logo, esse grupo procedeu adiante; Eles não encontraram mais nenhum outro fenômeno esquisito como fora com a água-viva, voando por dois dias até repentinamente o brilho cegante das bússolas Feng Shui desaparecerem em uma ramificação pequena desse caminho entre as Montanhas.

Adiante, após passar por uma luz, Meng Hao conseguira ver uma impressionante cadeia de montanhas que se espalhavam como se não tivessem fim. Tudo que podia ser visto ao redor era da cor cinza, sem qualquer tipo de vegetação presente. Visto de uma longa distância parecia haver um massivo precipício com uma fissura enorme, que formava um corredor.

E em cada lado desse corredor estavam penhascos que se esticavam longe o bastante até os olhos não conseguirem mais enxergar no horizonte.

Surpreendentemente, havia inúmeras centenas de Cultivadores sentados de pernas cruzadas nos penhascos do lado de fora do precipício. Todos eles estavam com rostos pálidos, com uma aparência um tanto cabisbaixa e fora de si. Entre quarenta ou cinquenta deles estavam vestindo roupas de estilos variados, e obviamente não eram discípulos da Seita Luva Negra. Eles eram um grupo de Cultivadores solitários do estágio de Estabelecimento de Fundação que haviam chegado muito tempo antes do grupo de Meng Hao se reunir.

Os dois grupos trocaram olhares.

O resto dos Cultivadores eram discípulos da Seita Luva Negra. Suas expressões faciais brilharam com maior intensidade quando a visão deles foi focada no grupo liderado pelo Patriarca Luva Violeta. Todos eles ficaram de pé e dentre o seu meio estava uma mulher de meia-idade vestindo roupas radiantes. Ela exibia uma graciosidade de uma pessoa madura, mesmo que seu rosto estivesse um tanto pálido.

Quando ela viu o Patriarca Luva Violeta, ela soltou um leve suspiro e então assentiu com a cabeça.

Esta mulher não chegou a reparar em Meng Hao, mas de longe ele a reconheceu. Ela foi a responsável por levar Xu Qing embora consigo da Seita Confiança a muitos anos atrás.

“Junto com o Patriarca Luva Violeta, agora tem dois cultivadores no estágio de Alma Nascente por aqui.” Meng Hao pensou, “Para ter toda essa atenção, o que é exatamente esse lugar? É realmente uma Terra Santificada?” Ele pensou por um momento e ergueu sua mão para tocar de leve em sua sacola de cosmos. E então ao acioná-la, segurou o amuleto de boa sorte mandando um pouco de poder espiritual nele. Ainda conseguiu sentir que a habilidade de teletransporte dele ainda estava funcionando, o que diminuiu bastante a sua ansiedade.

Uma das razões principais para que fez com que se atrevesse a vir para a Seita Luva Negra era porque podia depender da habilidade de teletransporte para usá-la quando sentir-se em perigo. Patriarca Confiança havia mantido esse objeto em sua coleção, o que fez com que Meng Hao tivesse a confiança em seu uso, mesmo nunca tendo testado ainda.

Pelo canto da sua visão periférica, sua visão foi atraída para Xu Qing no meio do grande grupo de Cultivadores em que estava. Suas sobrancelhas estavam retraídas deixando seu rosto enrugado por causa da mulher arrogante do seu lado que a ridicularizava.

As sobrancelhas de Meng Hao se ergueram. Ele podia ver que a Irmã Sênior Xu estava infeliz naquela situação, encarou aquela mulher arrogante com um olhar de uma crescente frieza.

Foi nesse momento que o Patriarca Luva Violeta se levantou e a bússola Feng Shui embaixo dele encolheu, guardando-a. Ele seguiu até a direção da bela mulher e eles começaram a conversar em voz baixa. Uma expressão de desagrado apareceu em seu rosto enquanto continuaram a conversar sobre algum assunto. E então, eles se viraram ao mesmo tempo e começaram a caminhar em direção ao precipício.

Em seguida, todos os discípulos da Seita Luva Negra guardaram suas bússolas Feng Shui e voaram transformando-se em raios de luz disparado até a fissura do precipício.

Xie Jie juntou suas mãos em uma leve reverência aos Cultivadores solitários, incluindo Meng Hao. “Damas e Cavalheiros, por favor me sigam.” A bússola Feng Shui aos seus pés começara a encolher enquanto todos ali consideravam o que fazer em seguida. No entanto, ninguém fugiu. Após considerar inúmeros pensamentos, o grupo transformou-se em raios de luz que dispararam também até a fissura.

A expressão de Meng Hao estava tranquila enquanto ele voara adiante lentamente. Atrás dele, o grupo que Xu Qing começara a segui-los. No entanto, como ela não tinha uma cultivação no estágio de Estabelecimento de Fundação; não podia conseguir voar verdadeiramente, ao invés disso voara em cima de uma névoa colorida.

Meng Hao diminuiu a velocidade um pouco, fazendo Xie Jie subitamente virar-se para olha-lo, seus olhos moveram-se rápidos como um raio. Ele pareceu estar pronto para dizer alguma coisa, mas acabou desistindo da ideia ao ver uma mulher repentinamente se aproximar de Meng Hao pela sua lateral.

“Irmão Daoista Meng, nós encontramos de novo.” A mulher vestia um longo manto violeta. Era linda e charmosa e quando ela sorria, seus dentes eram impecavelmente brancos. Ela voara ao lado de Meng Hao.

“Ah, olá Irmã Daoista Han,” Meng Hao a respondeu, olhando para ela e assentindo com a cabeça. Era a mulher quem havia-lhe entregado a Pílula Luva de Terra alguns dias atrás.

O grupo de aproximadamente mil pessoas faziam o ar assobiar enquanto se dirigiam adentro da fissura. Rochedos os envolviam em ambas as suas laterais. Não conseguiam enxergar nada abaixo deles, era como se a fissura fosse sem um fundo.

“Irmão Daoista Meng,” Han Bei o chamou novamente, sua voz era leve e agradável, “Você tem uma postura muito refinada. Presumo que venha de uma família extraordinária. Você realmente precisa participar desse evento para conseguir uma mera Pílula Luva da Terra?”

Ao ouvir isso, os olhos de Meng Hao mudaram enquanto a olhava.

“Eu creio que não sei exatamente do que você está falando, Irmã Daoista Han.” Nesse momento, o grupo já havia voado por uma boa distância adentrando a fissura. As paredes rochosas em volta deles estavam gradualmente escurecendo. E algumas rochas presas nelas começaram a brilhar.

Antes que Han Bei pudesse lhe responder, a multidão de Cultivadores a sua volta começara a falar em exaltação.

“Isso é… um rochedo de cristal!”

“Que lugar é esse? Têm tanto cristal assim! E ainda sua qualidade é superior a Pedras Espirituais de alta-classe.”

Alguns dos Cultivadores voaram naquela direção com intuito de começar a escavar o cristal do rochedo, claramente queriam ter para si tal tesouro.

No entanto, no instante que eles encostaram na parede rochosa, gritos agonizantes soaram de seus corpos enquanto murchavam como ameixas secas. Sua força vital, carne e sangue foram todas sugadas em apenas um instante. E num piscar de olhos, eles se tornaram em poeira que se espalhava pelo ar, incluindo suas sacolas de carregamento. Os locais onde eles haviam tocado nas paredes rochosas pareciam agora começar a crescer um pouco mais de cristal que antes. E piscavam misteriosamente.

Vendo isso, os olhos de Meng Hao se estreitaram. Os cultivadores solitários a sua volta seguraram suas respirações. Quanto aos discípulos da Seita Luva Negra, eles não se deram ao trabalho nem de se importar com isso. Aparentemente, eles já sabiam sobre o que a parede rochosa de cristal era capaz de fazer.

“Irmão Meng,” Han Bei chamou-lhe atenção novamente com um profundo e significativo sorriso. “Você está sendo observado. Por favor fique atento e cuide-se. E por acaso.. seu sobrenome é realmente Meng?” Antes que ele sequer pudesse respondê-la, ela já havia se distanciado dele.

Subitamente, um enorme rugido pode ser ouvido. Ele preencheu o ambiente, fazendo tudo começar a tremer, mas rapidamente desapareceu. Meng Hao ergueu as sobrancelhas ao ver Han Bei afastar-se dele. E então seu olhar caiu sobre uma enorme porta de pedra que se mostrava adiante, ao qual o Patriarca Luva Violeta e a bela mulher de meia-idade começaram a trabalhar em conjunto na sua destruição.

Tal porta de pedra se recusava a se despedaçar. Parecia haver algum tipo de poder fora do comum que juntava os pedaços, os assimilando de volta inteiramente.

Atrás dessa parede de pedra quebrada, Meng Hao vira outro grupo com duzentos cultivadores de sentados de pernas cruzadas que se levantaram. Em frente a eles estava um jovem rapaz de rosto pálido que tinha uma pérola em sua mão. Tal pérola soltava um brilho gentil que parecia estar deixando mais lento o processo de regeneração da porta de pedra.

“Junior Liu Wu presta suas saudações aos Patriarcas.” Enquanto falava, o Patriarca Luva Violeta e a linda mulher de meia-idade entraram pela porta de pedra. Eles movimentaram seus braços gesticulando, e fazendo a porta reparar a si mesma ainda mais lentamente.

Em seguida, o grupo de aproximadamente mil Cultivadores, incluindo Meng Hao, dispararam rapidamente adentrando também pela porta. Não importando se eles queriam ou não queriam fazer isso, por causa da influência dos três excepcionais cultivadores no estágio de Formação do Núcleo que estavam atrás do grupo. Com eles segurando suas coleiras, ninguém se atreveria a pensar em fugir em retirada.

O caminho por dentro da porta de pedra era ainda mais esquisito. Lá havia quatro portas similares que haviam sido destruídas, e atrás de cada porta haviam discípulos da Seita Luva Negra ali esperando para retardar sua reparação.

Enquanto eles prosseguiam, Meng Hao ficou cada vez mais e mais cauteloso. Obviamente, a Seita Luva Negra já havia investigado essa área mais de uma vez. Na verdade, parecia que eles já haviam o feito milhares de vezes.

“Essas portas de pedras são como se fossem selamentos. Esse lugar…” Meng Hao olhava adiante pensativo, com suas sobrancelhas enrugadas. Repentinamente, ele parara de se mover. E não fora o único, todos pararam e encararam adiante.

Lá em frente a eles estava uma grande porta preta. Essa porta não era feita de pedra e sim algum tipo de uma substância metálica. Foi colocada em ambas as paredes do rochedo, emitindo um brilho preto. Na sua superfície havia um enorme rosto. Os olhos do rosto estavam fechados como se tivesse dormindo.

Enquanto eles se aproximaram, os olhos subitamente abriram e o rosto emitiu um rugido que causou estremecimento por todo o lugar. Até mesmo o Patriarca Luva Violeta não conseguiu prevenir ser afetado por isso, vomitando um punhado de sangue.

Meng Hao também vomitara e também o grupo todo, e o sangue de todos se acumulara em uma corrente sendo sugada pelo rosto gigante que depois dele ter engolido o sangue, soltou um arroto.

A voz vinda do rosto soou em seus ouvidos como se fosse um trovão: “De acordo com as ordens do meu mestre, eu guardo a Vexação Suprema. Sem o pingente, vocês não poderão ent… hmm, o que vocês estão fazendo por aqui de novo?”

Ambos o Patriarca Luva Violeta e a linda mulher de meia-idade juntaram suas mãos e se encurvaram em uma reverência profunda, com um olhar respeitoso em seus rostos. O Patriarca Luva Violeta retirou um tubo de bambu e deste saiu um couro desgastado.

Quando Meng Hao viu aquele couro, seus olhos se estreitaram. Ao vê-lo, ele teve exatamente a mesma sensação do que quando encontrara com aquela bizarra figura que o atacara naquela noite em sua residência.

Enquanto o couro levitava no ar, uma imagem imperceptível de um olho apareceu nele. Este olho encarou Meng Hao.

Seus olhares se entrecruzaram e as pupilas de Meng Hao se contraíram com isso.

O couro se desembrulhou no ar até pousar totalmente aberto na frente do rosto gigantesco na porta.


Tradução: Devlin

Revisão: Bonadeo


Contribua com a Novel Mania!