ISSTH – Capítulo 136 – Zhou Zaya!


Meng Hao permaneceu com a mesma expressão de indiferença no rosto quando os dez Cultivadores passaram por ele. Continuando a voar, mas não rapidamente. Logo vira outros Cultivadores mais adiante seguindo no mesmo sentido que ele. Seus olhos mudaram levemente, mas não se afobou, continuou os seguindo em seu próprio ritmo, e aparentava ser igual os outros, que estavam procurando a origem da Tribulação dos Céus e procurando também por mais raios da tribulação.

“Porque a Tribulação dos Céus veio para esse lugar?” Ele perguntou para outros que ele encontrava. Parecendo estar muito pensativo enquanto perguntava. “O que tem de mais nesse lugar que provocou isso?”

“Boa pergunta! Eu não tinha visto uma Tribulação dos Céus como essa antes. Não me diga que havia uma pessoa aqui transcendendo a Tribulação? Ninguém fez isso desde os tempos antigos, no entanto é possível encontrar isso para ler nos registros antigos.”

“Sim, isso foi realmente esquisito.”

Já era de tarde no momento que as nuvens da tribulação começaram a dispersar. O sol de final de tarde brilhava ao céu. Próximo de mil pessoas estavam esquadrinhando a área, mas não conseguiam encontrar nenhuma pista. Eventualmente, elas encontraram o vulcão.

Antes de alguém pudesse entrar nele, três raios de luz se materializam acima de suas cabeças, cada um desses raios tinha trezentos metros de largura. E deles saíram três pessoas. Ninguém podia ver claramente seus rostos enquanto eles voaram diretamente na boca do vulcão.

Mas mesmo que os Cultivadores não pudessem ver seus rostos, podiam sentir a poderosa pressão que irradiava deles. Uma pressão que só podia ser emitida por Cultivadores que estão no estágio Final de Formação de Núcleo e que estão em um nível de pseudo Alma Nascente.

As pupilas dos olhos de Meng Hao se contraíram ao ver essa cena se infiltrando na multidão de Cultivadores, no entanto ele não se importou muito com isso. Momentos depois, três pessoas voaram de dentro do vulcão. Seus olhares vasculhavam pela multidão, o que fez com que todos virem claramente quem realmente eram.

“São os Élderes Nuvem Negra!”

“São eles mesmo. Os guardas honorários da filial secundária da Seita Luva Negra.”

“Esse lugar fica no território controlado pela Seita Luva Negra, para eles aparecerem isso nada mais é que normal de acontecer. Agora que eles estão aqui, realmente não faz mais sentido para a gente ficar mais aqui.”

Eram três Cultivadores idosos que vestiam longos mantos negros, costurados com ilustrações de nuvens floridas. Depois deles vasculharem ao redor, pareciam estar perdidos em pensamentos por um momento. Então, uma voz soou de alto e bom tom.

“Essa área está selada. Saiam imediatamente daqui!” Em seguida sentaram com as pernas cruzadas ainda levitando a ar, e um dos três retirou uma tira de jade que se transformou em uma névoa negra que se espalhou pelo céu.

Meng Hao abaixou a cabeça e aparentou estar com um olhar decepcionado, imitando a multidão a sua volta, então ele dispersou daquele lugar junto dela.

“É inesperado que esse lugar na verdade é bem perto da Seita Luva Negra.” Meng Hao pensou enquanto olhava o rumo a ser tomado a distância. Subitamente, ele aumentou sua velocidade, se transformando em um raio prismático enquanto voava. Sua mão direita acionou sua sacola do Cosmos, e uma tira de jade se materializou-se em sua mão. Ele a olhou com atenção bem de perto.

“Que incrível, só o vento gerado pelo voo daquela Roca me jogou longe o suficiente para entrar no território da Seita Luva Negra..” Uma imagem apareceu em sua mente do passado do dia em que lá na Seita Confiança ele andava lado ao lado com sua irmã sênior Xu.

“Eu fico imaginando como será que está a Irmã sênior Xu?” Pensou. Em seguida, voou por mais alguns dias. Depois de um tempo, ele franziu a testa. Encontrando a distância uma localização que decidira pousar, era perto de uma clareira em uma floresta.

Sua mão direita acionou sua sacola de Cosmos e Chu Yuyan saiu de dentro dela. Seu rosto estava pálido e no instante que se materializou ela olhou para Meng Hao com um olhar frio, sem dizer sequer uma palavra.

Demonstrando uma expressão calma no rosto, Meng Hao se ajoelhou e sua mão passou levemente pelo corpo dela. Claro que com isso era impossível deixar de sentir a macieza de sua pele. Ocasionando que os olhos dela alargassem com uma fúria expressada em toda a sua face.

“O que pensa que está fazendo?!” ela gritou. Mas assim que suas palavras saíram de sua boca. Meng Hao já havia puxado de volta sua mão tirando de dentro fundo de seu manto o que pareciam ser quatro pílulas medicinais, que pareciam ter sido esquentadas por ter ficado junto ao corpo dela.

“Essas pílulas pertencem a mim,” Meng Hao disse, as guardando consigo. Ele já a muito tempo havia sacado que Chu Yuyan estava escondendo alguns ingredientes menores da Pílula de Perfeita Fundação que ela havia criado anteriormente.

Vendo ele tomar essas pílulas, Chu Yuyan soltou um som de desdenho. A Cultivação base dela agora estava restaurada, mas ela havia sido amarrada pela teia negra, ela não tinha meios de livrar-se sozinha.

“Exatamente como nós combinamos, irei deixá-la ir agora.”

Meng Hao gesticulou sua mão direita enquanto a olhava de cima. Sua teia negra se alargou e ela conseguiu sair voando imediatamente dela.

“Eu lhe disse que eu iria tirá-la daquele lugar, e Meng Hao nunca vai contra sua própria palavra.”

Quase que no momento Meng Hao resgatou a teia negra, os olhos de Chu Yuyan brilharam com uma luz esquisita. Sua Cultivação base estava de volta ao estágio Intermediário da Fundação de Estabelecimento, e nesse momento ela parecia como se estivesse a qualquer instante pronta para gesticular um encantamento.

Meng Hao olhou para ela indiferentemente, com a expressão calma de sempre. Fazendo o coração dela se apertar, e não lhe disse nada por um bom tempo. Uma expressão conflituosa apareceu em seu rosto.

“Por agora a nossa inimizade está concluída.” Ela disse, cerrando seus dentes. “Mas quando nos encontrar no futuro, ainda seremos inimigos. E a respeito de tudo que aconteceu dentro daquele vulcão, você não deve falar a ninguém. Se você o fizer, eu serei forçada a matar você!” Ela não havia estado acordada por muito tempo, então ainda não tinha ciência de que tinha acontecido uma Tribulação dos Céus ou como foi concluído o torneio do Legado de Sangue.

Mas quanto aos seus sentimentos em relação a Meng Hao, eles agora estavam vastamente diferentes do que ela sentiu da primeira vez que eles se encontraram. Ele parecia ainda estar no estágio Inicial do Estabelecimento de Fundação. Mas pela maneira que ele se portava diante dela com uma expressão calma no rosto a preencheu com um medo enorme.

Tal medo era parcialmente por causa do que ela havia experimentado durante metade de um ano dentro daquele vulcão. Mas uma outra parte vinha por conta de uma sensação de iminente perigo que aumentava dentro de seu coração.

Nesse momento, ela sentiu que se ela o atacasse, estaria fazendo algo que iria se arrepender para sempre.

Assim que falou friamente, ela disparou ao céu, transformando-se em um raio branco que se distanciou no horizonte. Nesse instante, tudo o que ela queria era se distanciar o mais longe possível dele. Os acontecimentos passados nesse semestre dentro do vulcão havia deixado nela complexas memórias que ela nunca esqueceria.

Meng Hao assistia a linda e esguia forma feminina desaparecer lentamente no céu. Ele também pensara nesse momento sobre o que passara com ela nesse semestre dentro do vulcão, em como a vira com suas roupas sido reduzidas a trapos, revelando sua, macia e branca com a neve, pele e uma figura feminina graciosa.

Meng Hao ficou ali de pé sorrindo levemente por um segundo, antes de dizer com uma voz serena, “Acho que você já viu o suficiente, pode sair agora.”

Sua voz foi recebida apenas com silêncio da área em que estavam. Ele levantou sua mão direita e um Dragão de Chamas com trezentos metros de comprimento instantaneamente se materializou. A área inteira foi consumida por um calor escaldante.

“Não.. não.. não…” respondeu uma voz alarmada. “Irmão Daoista, não precisa disso, eu saio, eu saio.”

A voz parecia vir do ar em uma distância não muito longe dali. E logo, uma figura brilhante apareceu se formando na figura de um jovem. Ele tinha um olhar um tanto pervertido e sua mão havia um talismã de papel. Ele olhava nervosamente para Meng Hao.

A cabeça enorme do Dragão em chamas estava encarando diretamente para ele, seus olhos ameaçadores estavam brilhando. Parecia cobrir qualquer caminho que ele pensaria em escapar enquanto se aproximava.

Meng Hao com sua expressão serena como sempre disse, “Sua senhoria está me seguindo por um bom tempo, estou curioso para saber o porque disso.” Seus olhos reluziram friamente, causando no Cultivador com aparência depravada uma ansiedade crescente em seu coração.

Sua Cultivação era do estágio Inicial de Estabelecimento de Fundação. Mas diante de Meng Hao, ele sentiu um pressão imensa o envolvendo. Ainda mais por causa do Dragão de Fogo com trezentos metros de comprimento que Meng Hao havia invocado. Em seu coração, ele tremia de medo. Por que ele pode sentir pela presença do Dragão de Fogo parecia possuir um poder de Cultivação que chegara a estágio Final do Estabelecimento de Fundação.

A aparência do Dragão de Fogo pareceu aprisionar aquela área inteira, forçando o jovem a sair de seu esconderijo.

“Sênior, me chamo Zhou Daya e pertenço a Seita Geada Dourada.” Ele disse com o rosto pálido. Ele rapidamente retirou seu medalhão de identificação da seita para Meng Hao poder ver. “Irmão Daoista, por favor, por favor não ataque. Eu não tenho intenções ruins. Eu estava passando e vi você usar aquela bandeira para absorver aquele raio da Tribulação dos Céus. E então fiquei bastante entusiasmado, segui você até aqui pensando se teria alguma chance de você trocá-la comigo por alguma coisa.”

Ao seguir Meng Hao esse tempo todo, era claro que havia visto Chu Yuyan. Ele a havia reconhecido e obviamente ficara chocado ao vê-la. Ele sabia que Chu Yuyan era uma Escolhida da Seita Destino Violeta e também sabia que ela era a adorada noiva de Wang Tengfei. E ainda sim, ele vira que ela estava vestida com roupas masculinas que obviamente pertenciam ao jovem que agora estava diante dele.

Vendo o olhar confuso nos olhos dela e ouvindo tudo que ela disse a Meng Hao, Zhou Daya já havia especulado incontáveis situações sobre o que de fato acontecera entre os dois.

E depois disso, chegara a conclusão que ele deve ter testemunhado algum tipo de adultério. Ao saber disso o fez ficar bastante nervoso. No entanto, também lhe causou uma sensação de extrema empolgação.

“Adultério, os dois são amantes. Se o Patriarca júnior ficar sabendo sobre isso, ele vai ficar extremamente feliz. Eu posso até ganhar uma recompensa se contar a ele isso.”

“Hmmm, Seita Geada Dourada,” Disse Meng Hao, franzindo a sobrancelha e olhando friamente para o Cultivador com aparência pervertida. “Você conhece Li Fugui?”

“Li Fugui?” Zhou Daya responde parecendo surpreso. “Ah, você quer dizer o Patriarca Júnior? É claro que conheço ele! Todo mundo da Seita Geada Dourado conhece o Patriarca Júnior.” Pela expressão de seus olhos, Meng Hao soube dizer que ele não estava mentindo. Sentiu uma sensação de aperto no seu coração.

“Como que Gordo se tornou o Patriarca Júnior?” Meng Hao pensou consigo mesmo. E depois de um momento, seus olhos voltaram a atenção para o talismã de papel que Zhou Daya segurava em sua mão.

Zhou Daya ao notar isso sentiu seu coração sair fora de seu corpo. Uma as coisas que ele odiaria era que lhe tomassem esse talismã. Mas sentiu-se obrigado a dá-lo para preservar sua vida.

“Irmão Daoista, por favor não fique ofendido. Sei que eu, Zhou Daya, fiz algo muito rude em ficar xeretando. Por favor aceite meu talismã da invisibilidade como presente de desculpas por minha indiscrição.”

Meng Hao voltou a atenção para o talismã de invisibilidade, e o investigou com seu Sensor Espiritual. Não viu nada além do normal nele, e então o aceitou.

“A Seita Geada Dourada fica localizada no Estado da Neve Frigida. O que o traz para essa área?” Disse Meng Hao calmamente, com os olhos se estreitando.

“A Seita Luva Negra não participou do torneio do Legado do Imortal de Sangue,” O jovem respondeu cautelosamente. “Portanto, minha Seita ordenou a mim e alguns outros virem até aqui investigar o porque disso. E não foram só nós. Pessoas de várias outras Seitas estão também nessa área. E não muito tempo depois que eu cheguei aqui, eu vi acontecer a Tribulação dos Céus.” Ele pareceu fazer uma ênfase especial que ele não estava sozinho nessa região controlada pela Seita Luva Negra.

“E sua investigação, produziu algum resultado?” perguntou Meng Hao tranquilamente.

“Esse tipo de situação não é algo fácil de se investigar. Recentemente, a Seita Luva Negra está distribuindo muitos tesouros para atrair para seu lado Cultivadores solitários que estão no estágio de Estabelecimento de Fundação. E depois de pensar um pouco sobre isso, tem algo muito suspeito nisso tudo que está acontecendo por lá.”

Ao ouvir isso expressão facial de Meng Hao continuou a mesma. Ele olhou para Zhou Daya por um momento, e sem dizer uma palavra, movimentou-se criando um raio de luz que desapareceu de onde estava.

Ao vê-lo desaparecer no horizonte, o coração de Zhou Daya começou a relaxar. Ele limpou o suor que se acumulara em sua sobrancelha. Só de ficar frente a frente com Meng Hao, o fez sentir uma pressão imensa o sufocando, e ele teve que exercitar sua cautela ao máximo enquanto falava.

Agora, que Meng Hao fora embora, ele estava extremamente exultante e seus olhos reluziram brilhantemente.

“Um adultério! Aquele cara e Chu Yuyan cometeram adultério! Ela estava mesmo vestindo suas roupas. Haha! Eu tenho que voltar o mais depressa possível para contar isso para o Patriarca Júnior. Essa notícia vai fazer deixá-lo superfeliz.” Na Seita Geada Dourada, Zhou Daya era famoso por gostar de espalhar notícias e fofocas. Ele agora sentiu-se com o prato cheio, encontrara um excelente fofoca para contar a todos. Com isso ele imediatamente voou ao ar retornando para o ponto de encontro que sua Seita havia estabelecido de se encontrar.


Contribua com a Novel Mania!