ISSTH – Capítulo 11 – Exposição da Oficina de Pílulas de Cultivação

Não muito longe a frente dele, Meng Hao viu alguém gritando por socorro. Antes que a pessoa pudesse sair do planalto, a espada do homem enorme voou atingindo-o, perfurando seu pescoço. Ele caiu se contorcendo no chão em um banho de sangue, deu um último suspiro e depois morreu. O homem enorme agarrou o saco de carregamento da sua vítima e, em seguida, virou-se e voltou para a Zona Pública.

Meng Hao observava a cena macabra se desdobrar, em seguida, observou ainda mais o que estava acontecendo no planalto. Os sons de abate derivavam junto com o vento, que transportava o cheiro de sangue para as narinas de Meng Hao.

“Você pode ficar rico numa noite neste lugar, mas também é extremamente perigoso. Pelo cultivo, Pelas Pedras Espirituais, as pessoas colocam suas vidas em risco. Realmente não vale a pena.” Meng Hao franziu a testa. Ele estava quase no pico do terceiro nível de Condensação de Qi, mas o que estava acontecendo lá em cima era muito caótico. Seria muito fácil de ser ferido e se ele fosse roubado, isso teria um efeito de longo prazo.

Meng Hao pensou sobre a falta de Pedras Espirituais em sua bolsa. Se ele dependesse de receber as Pedras Espirituais distribuídas pela Seita, sabem-se lá quantos anos ele teria que esperar. Resmungando para si mesmo, ele olhou para os Cultivadores no planalto. Eles lutavam ferozmente, cada um tendo sofrido ferimentos. De repente, Meng Hao teve um lampejo de inspiração, uma ideia.

Sua ideia ficou cada vez mais clara e seus olhos começaram a brilhar. Ele se virou e saiu correndo, não para a Caverna do Imortal na Montanha Sul, mas sim até a Seita Externa. Ele contornou a praça principal e eventualmente chegou a um edifício.

O edifício parecia ser antigo e estava tomado por um aroma perfumado de medicina. Inscrições acima da porta tinham os caracteres: Oficina de Pílulas de Cultivação.

Não era a primeira vez que ele vinha aqui. Na verdade, em seu primeiro mês depois de ser promovido para a Seita Externa, ele tinha vindo aqui uma vez para verificar as várias Pílulas Medicinais que estavam à venda. Foi quando ele aprendeu sobre as Pílulas de Jejum que você poderia comprar o que evitaria a fome por vários dias.

A única moeda usada aqui são as Pedras Espirituais e Pílulas de Condensação Espiritual. Infelizmente, a taxa de câmbio é muito injusta. Por exemplo, umas Pílulas de Condensação Espiritual podem ser trocadas por dez Pílulas de Jejum. Devido a isso, poucas pessoas vêm aqui, tornando o lugar frio e deserto.

Quando ele chegou, Meng Hao não hesitou. Seu interior não era grande, e sentado de pernas cruzadas no meio da sala havia um homem de meia-idade que parecia doente. Cercado sobre as entrelaçadas prateleiras de madeira que tinham uma variedade de garrafas de cabaça, sobre as quais estavam inscritos nomes de vários medicamentos.

Havia Pílulas de Coagulação Sanguínea que poderia tratar lesões externas, Pílulas de Relaxamento Esquelético para aliviar a fadiga, Pílulas do Refrescamento Espiritual para aumentar temporariamente a energia e, claro, Pílulas de Jejum e Pílulas do Controle de Apetite. Havia até mesmo Pílulas de Crescimento de Medula que poderiam tratar ossos quebrados e esmagados.

Havia muitos tipos de medicamentos, mas todos eles eram consideravelmente dispensáveis. Para mais, o custo de três a dez pílulas era uma Pílula de Condensação Espiritual. Para a maioria dos discípulos da Seita Externa, uma Pílula de Condensação Espiritual valia a pena lutar, por isso tão poucos estavam dispostos a vir aqui e trocá-las.

(NT: na tradução em inglês falava em ‘Ineer Sect’, porém tornaria a sentença inconsistente com o enredo, por isso alterei para ‘Seita Externa’)

Meng Hao deu uma volta em torno da Oficina de Pílulas de Cultivação murmurando para si mesmo, seus olhos brilhavam. Em seguida, ele tirou cinco Pílulas de Condensação Espiritual e as trocou por um punhado de diferentes tipos de medicamentos.

Parecia que o homem com cara doente não via clientes como Meng Hao muito frequentemente. Ele se animou imediatamente e entregou as garrafas de cabaça que tinham as medicinas.

Ao colocar todas as garrafas de cabaças em seu saco de carregamento, Meng Hao partiu, cuidadosamente levando um caminho tortuoso através da floresta montanhosa para de volta à Caverna do Imortal. No momento que ele chegou, a noite havia caído.

Ele se sentou com as pernas cruzadas, olhando para as quatro garrafas de cabaça.

“Os sábios dizem que, se você não gastar você não irá lucrar. Eu gastei muito desta vez e eu irei ganhar muito em troca.” Silenciosamente confortando-se, desta forma, ele se levantou e saiu da caverna, logo retornando com um galho de árvore longo de espessura de um braço, junto com uma grande pilha de folhas.

Ele puxou um manto verde para fora do saco de carregamento de Zhao Wugang e rasgou as costuras à parte, em seguida, colocou-o na frente dele. Parecia o tamanho certo, então ele puxou outra veste para fora, rasgou as costuras, e colocou-o com o primeiro. Ele olhou para baixo, contente.

Em seguida, ele esmagou as folhas para produzir uma seiva espessa. Logo, ele mergulhou os dedos na tinta improvisada e escreveu vários caracteres grandes no pano com caligrafia extensa.

Ele olhou para eles, sentindo-se bastante satisfeito, em seguida, fechou os olhos e começou a fazer exercícios de respiração.

A noite passou e logo cedo na manhã seguinte, ele pegou o ramo de árvore e saiu da caverna apressadamente.

Não demorou muito para chegar ao planalto e apesar do horário mais cedo, já havia alguns discípulos lá travados em batalhas. A ferocidade dos combates era facilmente perceptível. Ignorando os outros Cultivadores, Meng Hao passou pelas grandes tabuletas de pedra e caminhou para o planalto. Seus olhos percorreram os arredores, até cair em um pedregulho que se aderiu para fora do solo ao longo de um canto.

Ele se aproximou e sentou-se de pernas cruzadas sobre a pedra, como um erudito pacífico e inofensivo. Ocasionalmente alguns outros olhariam para ele sombriamente, assim ele iria revelar um pouco do seu nível de cultivo. Assustados, eles o deixaram sozinho. Ele decidiu esperar até que mais pessoas chegassem.

O tempo passou e, gradualmente, mais e mais discípulos chegaram à Zona Pública. Logo, havia cerca de vinte pessoas. Alguns deles olhavam para o tipo erudito de Meng Hao e começavam a caminhar em direção a ele. Tudo o que ele tinha a fazer era revelar um pouco do seu nível de cultivo e eles recuariam em estado de choque.

Depois de um tempo, ele percebeu que havia pessoas suficientes. Ele bateu seu saco de carregamento, pegando uma tira de pano. Ele anexou ela ao galho de árvore, que então foi perfurado no solo de argila ao lado da pedra. A brisa da montanha levantou o pano, transformando-o em uma bandeira. Ele chamou a atenção de um bom número de pessoas nas proximidades, particularmente pelos caracteres escritos sobre ele.

“Exposição da Oficina de Pílulas de Cultivação.”

Os caracteres verdes escuros pareciam iluminar, fazendo com que as expressões faciais dos discípulos próximos da Seita Confiança mudassem. Alguns pareciam espantados, outros confusos. Alguns zombaram e outros franziram a testa.

“Exposição da Oficina de Pílulas de Cultivação? O que isso significa?”

“Não me diga que o cara é um alquimista aprendiz enviado pela Oficina de Pílulas de Cultivação da Seita?”

“Ele parece familiar…”

Discussões eclodiram no planalto após Meng Hao revelar a bandeira. Mas depois de um tempo, os combates e roubos retomaram. Banho de sangue e gritos ecoaram.

Os olhos de Meng Hao brilharam quando ele olhou em volta para as pessoas na Zona Pública. Não muito longe dele estavam dois Cultivadores que estavam no segundo nível de Condensação de Qi, travados em um combate, seus olhos estavam vermelhos. Um deles tinha um ombro aberto que fora cortado pela espada que voou de seu oponente. Sangue jorrava para fora e ele parecia estar totalmente em uma posição difícil.

“Irmão, venha aqui,” gritou Meng Hao. “Irmão, os sábios diziam, não é sensato arriscar a própria vida quando ferido. Você parece estar sangrando bastante a partir de seu ombro. Não lhe será benéfico deixar a si próprio ser morto. Acontece que eu tenho uma Pílula de Coagulação Sanguínea aqui da Oficina de Pílulas de Cultivação. Ela pode curar todas as feridas de espada em seu corpo em menos tempo do que leva para tomar três respirações.” Quando Meng Hao fez o seu discurso de vendas, os dois homens que lutavam o ignoraram e continuaram a lutar. Os olhos do Cultivador ferido ficaram mais vermelhos e a ferida em seu ombro piorou. Em seguida, o sangue derramou de seu peito quando a espada voadora de seu oponente o acertou novamente.

“Viu, você foi ferido de novo,” advertiu Meng Hao para seu primeiro cliente em potencial. “Rápido, venha comprar uma Pílula de Coagulação Sanguínea! Caso contrário, você pode ser derrotado. Tudo que você tem que fazer é me dar uma Pedra Espiritual e eu lhe darei a Pílula de Coagulação Sanguínea. Definitivamente vale a pena.”

“Cale-se,” rugiu o cultivador ferido, recuando um passo. “A Oficina de Pílulas de Cultivação é uma exploradora, mas eles cobram uma Pedra Espiritual por cinco Pílulas de Coagulação Sanguínea. Você é ainda pior!”

“Ei, não é caro. Sua vida é muito mais preciosa do que uma Pedra Espiritual. Se você morrer, então todas as suas Pedras Espirituais pertencerão à outra pessoa. Tudo que você tem a fazer é comprar um pouco de minha medicina e então você vai ter a chance de ganhar e roubar o saco de carregamento de seu oponente. Tudo pelo preço de uma única Pedra Espiritual. Achas tão caro? Você não estará comprando o medicamento, você estará comprando sua própria vida.” Meng Hao manteve-se. Talvez suas palavras tenham afetado o cultivador ferido. Ele lutou para trás alguns passos, hesitação mostrava em seu rosto.

“Droga,” rugiu o oponente do homem, apontando a espada voadora. “Se você bagunçar as coisas para mim, então depois que eu matar esse cara eu irei atrás de você!”

“Eu irei comprá-lo!” Disse o homem ferido, ele bateu o seu saco de carregamento e surgiu uma Pedra Espiritual que ele atirou na direção de Meng Hao. Meng Hao pegou-a do ar e jogou de volta uma Pílula de Coagulação Sanguínea. O cultivador agarrou-a e a colocou no ferimento de seu ombro. Ele parou de sangrar quase que imediatamente.

Revigorado, seu espírito animou e ele saltou de volta para a luta. De repente, seu adversário recuou e o sangue jorrou para fora do seu peito rasgado.

“Irmão, irmão,” disse Meng Hao, mudando de cliente. “Seu oponente comprou um das minhas Pílulas de Coagulação Sanguínea e agora está cheio de energia. Eu acho que se você não comprar uma, você estará enfrentando um grande perigo. Eu também não tenho só Pílulas de Coagulação Sanguínea. Eu também tenho Pílulas de Relaxamento Esquelético para combater a fadiga. Vou te dar uma para cada duas Pedras Espirituais. Isso irá lhe garantir uma recuperação e muita energia. Você irá certamente ser capaz de alcançar a vitória.”

“Você… você…” disse o primeiro homem, indignado. Ele não sabia o que dizer. Esse garoto da Exposição da Oficina de Pílulas de Cultivação estava aqui para ajudá-lo ou feri-lo? Ele tinha acabado de passar de uma situação infeliz para uma de esperança. Então, isso aconteceu. Ele atacou mais incisivamente em sua indignação. A cena que estava acontecendo na frente dele era exatamente a mesma de quando ele tinha comprado o medicamento.

“Se você ganhar, então você estará gastando na verdade as Pedras Espirituais de outra pessoa sobre o medicamento” disse Meng Hao sedutoramente, segurando as Pílulas Medicinais em suas mãos. “Definitivamente vale a pena.”

“Vou levá-la,” disse o homem que já tinha comprado uma pílula.

“Droga, dê para mim,” disse o cultivador que tinha originalmente apontado à mão. Apesar de seu ódio por Meng Hao, ouvindo o outro homem exigir a medicina o fez cerrar os dentes e abrir a boca.

“Vou te dar três Pedras Espirituais!”

“Irmão, ele está oferecendo três. Se você não consegue superar isso, eu vou ter que dar o remédio para ele. Tome cuidado!”

“Eu vou dar quatro!”

“Irmão, ele está oferecendo quatro. Quatro!”

“Cinco!”

“Seis!”

“Droga. Desisto. Morra!” O cultivador que tinha originalmente apontado a mão para Meng Hao, enfureceu-se. Primeiramente, a batalha tinha sido bastante simples. Mas uma vez que Meng Hao se envolveu tudo se complicou. Ele voou em direção a Meng Hao, intenção assassina enchia seu rosto, visando claramente exterminar ele.

Ao aproximar-se, o rosto de Meng Hao, manso, erudito e empresarial, de repente mudou, tornando-se sombrio e severo. Pouco antes de o cultivador chegar a ele, ele deu um passo para frente, a palma da mão direita bateu em frente. A energia espiritual derramou com um estrondo.

O cultivador voou de volta com um grito, dominado pela energia espiritual do terceiro nível de Condensação de Qi de Meng Hao. O ataque o tinha deixado inconsciente.

Meng Hao pegou seu saco de carregamento e, em seguida, a expressão sombria e severa mudou, voltando mais uma vez para o erudito fraco. Todos os espectadores ficaram chocados.

“Irmão, eu acredito que você acabou de me oferecer seis Pedras Espirituais,” disse ele timidamente, parecendo um pouco embaraçado.

O rosto do outro Cultivador empalideceu e seu corpo tremia. Ele olhou para Meng Hao com espanto e terror. Como ele poderia ter imaginado que as coisas acabariam assim? Como poderia esta pessoa aparentemente fraca e frágil mudar tanto? Era quase como se o que ele acabara de testemunhar fosse um sonho.