ED – Capítulo 213 – Portão dos Mil Imperadores (1)


No dia seguinte, inúmeros caixões foram levados para fora da cidade, enquanto as grandes influências começavam suas jornadas em direção ao cemitério!

A Escola Sagrada do Pilar de Joia, o Clã Jiang Zuo, o Reino Celestial do Sul… todas essas grandes influências carregaram seus caixões e começaram a entrar no cemitério.

Os caixões deles geraram muitas discussões barulhentas, especialmente o Reino Celestial do Sul, que era sigiloso no começo.

Ele levava um enorme caixão antigo que era, chocantemente, maior que qualquer outro. Muitas pessoas pensaram antes que a Besta Divina Protetora deles estivesse morrendo, então trouxeram-na para sepultar em um Barco do Submundo. Ver o caixão gigantesco apenas confirmou a especulação da multidão.

Em adição a essas grandes influências, havia muitos outros cultivadores logo atrás de seus batalhões poderosos.

A razão era muito simples, a maioria dos Cadáveres Terrestres do cemitério foram para a balsa do Rio do Submundo, então o veneno de cadáver havia diminuído. Além disso, muitos lugares estavam desprotegidos, então essa era uma oportunidade de escavar metais preciosos e minérios divinos que acontecia uma vez a cada mil anos. Outros estavam pegando ossos secos e entrando em territórios perigosos para ver se conseguiam encontrar Tesouros Vitais e pergaminhos de manuais.

Claro, mesmo se todos os Cadáveres Terrestres forem para a balsa, ainda haveria muitos perigos grandes e ameaçadores. Se alguém cavasse acidentalmente uma cova de um Lorde Tesouro, seria suicida! Quando um Lorde Tesouro saísse de seu caixão, com certeza aniquilaria qualquer um que tivesse participado ao desrespeitar seu local de descanso!

A balsa existia por milhões anos, então já havia um caminho formado do cemitério até ela. Por isso, em apenas alguns dias, já podia-se ver cultivadores percorrendo o caminho antigo até o Rio do Submundo.

Entre essa força poderosa, havia carregadores de caixão, alguns estavam a pé, enquanto outros voavam. Alguns estavam montando suas bestas, enquanto outros andavam em suas carruagens… ali, várias circunstâncias poderiam ser encontradas e podia-se dizer que todos os cultivadores de todos os lugares do mundo estavam reunidos nesse local!

A balsa estava localizada ao norte do cemitério e estava muito longe da área central dele. No entanto, o Rio do Submundo, no final, entrava nas partes mais profundas!

O Rio do Submundo caía do céu, na extremidade norte do cemitério. No momento que atingia o chão, tudo se tornava uma cena desbotada, enquanto o local se transformava em um vasto mar, cercado por uma névoa e cerração sem fim. Esta era a aura do Rio do Submundo, mesmo um Paragon Virtuoso não conseguia ver através da névoa do mar!

Além disso, quando entrassem dentro do vasto mar do submundo, as pessoas jamais seriam capazes de sair e desapareceriam para sempre. Por milhões de anos, sempre que o Rio do Submundo aparecia, sempre havia figuras extraordinárias que entravam e seguiam o fluxo para localizar a fonte, mas nenhum nunca voltou vivo!

Apenas uma parte desse rio vasto e imperceptível não era coberto pela névoa. Apenas essa parte era onde se podia ver os Barcos do Submundo vindo, então era chamada de balsa do Rio do Submundo pelo resto do mundo. Este local realmente parecia um lugar onde os mortos seriam renascidos!

Desde o passado antigo, inúmeras quantidades de pessoas esperando para serem sepultadas nos Barcos do Submundo sempre esperavam na balsa. No momento em que os barcos se discernissem no rio, era quando escolhiam um e sepultavam o caixão dentro!

Depois que o caixão antigo estivesse dentro, o Barco do Submundo iria derivar ao longo do rio até as partes mais profunda do Cemitério Celestial do Cadáver Antigo. No final, muitos caixões entravam naquela área desta forma.

Se escolhesse o barco correto, obteria um tempo de vida novo e estendido, e sairia do cemitério vivo! Se não escolhessem os corretos, se tornariam Cadáveres Terrestres por toda eternidade e seus descendentes não seriam mais capazes de vê-los!

Quanto às profundezas do cemitério, ninguém sabia o que era. Era o maior mistério desde os tempos antigos. Havia pessoas que conseguiram um novo tempo de vida e sairam do lugar vivas, mas não falavam claramente sobre o local que os Barcos do Submundo entravam. Mesmo se tivessem passado por isso pessoalmente, ainda não conseguiriam falar sobre esse assunto com clareza!

Por alguns quilômetros do rio próximo à balsa, a extensão estava livre de névoa. Podia-se observar a água do rio fluindo silenciosamente enquanto estavam de pé nesse claro pedaço de terra.

A água do Rio do Submundo era igual a das lendas. Essa água do inferno tinha uma cor vermelha-amarelada, como tisana medicinal, turva e lamacenta. Embora essa água fluísse silenciosamente, todos próximo ao rio estavam cheios de medo. Eles sentiam que essa água era formada de vários cadáveres, passando uma sensação perturbadora, como se houvesse miríades de mortos enterrados no fundo do rio.

Neste momento, na Balsa do Submundo, os vivos pareciam as grandes montanhas, enquanto os mortos eram a própria imagem de um mar sem fim.

Essa cena era muito majestosa. Havia Cadáveres Terrestres, Lordes Tesouro e até Imortais Terrestres. Fora os mortos, havia cultivadores das seitas neste mundo. Além disso, havia incontáveis caixões antigos à mostra, exalando um ar sinistro.

No entanto, os vivos tinham seu próprio santuário, enquanto os mortos possuíam seu próprio domínio. Cadáveres Terrestres não estavam dispostos a se espremerem com os vivos, e vice-versa.

Para os vivos, o veneno de cadáver era muito perigoso. Para os Cadáveres Terrestres, como o ar dos vivos poderia ser confortável para eles?

E além disso, dentro de cento e cinquenta metros do rio à balsa, havia três campos que foram formados acidentalmente. A maioria dos Cadáveres Terrestres estavam juntos e eram mais simples que qualquer outro. Eles não tinham caixões e nem locais. Se espremiam juntos, próximos ao rio e muitos deles estavam até mesmo deitados diretamente no chão, antes da aparição dos barcos.

Quanto aos cultivadores do mundo, eles se convergiram em uma seção. Dentro desse território, todas as grandes seitas, países, solos sagrados e escolas antigas tinham seus próprios locais pequenos. Tinham seus próprios locais de acampamento. Algumas escolas trouxeram suas mansões e pavilhões divinos,

Comparado às quantidades incertas de Cadáveres Terrestres e vários cultivadores, havia muito pouco Lordes Tesouro e Imortais Terrestres. Havia apenas um pouco mais de dez Lordes e ainda menos Imortais, eles somavam um ou dois.

Os Lordes Tesouro e Imortais Terrestres não se misturavam com os Cadáveres Terrestres e cultivadores. Mesmo que estivessem em menor número, ocupavam seu próprio local. Alguns levaram seus próprios caixões, enquanto outros iam com suas mansões. Um Lorde Tesouro veio sozinho, sem nada.

Nesta balsa, os três lados não lutavam, especialmente os Lordes Tesouro e Imortais Terrestres. Nem seitas ou linhagens do Imperador, assim como Cadáveres Terrestres, não se atreviam a provocá-los.

Precisava-se lembrar que os Lordes Tesouros e Imortais Terrestres eram invencíveis durante a geração deles, as figuras mais importantes da era deles. Eles reinaram pelos Nove Mundos.

Naturalmente, também havia grandes seitas encontrando seus ancestrais na balsa.

— Ali, aquele não é o Ancestral Chi Xian da oitava geração? — Em uma seita de médio porte, um antigo ancião percebeu um Lorde Tesouro na pose de lótus em cima de um tapete de jade, então ele exclamou emocionalmente.

Esse antigo ancião esfregou os olhos, pois não acreditava no que via. No fim, confirmou com certeza que era realmente um ancestral de sua seita, assim, provocou sua alegria.

— Ancestral Chi Xian! — O ancião não pôde reprimir seus sentimentos e correu para frente enquanto gritava.

Neste momento, muitas pessoas assistiam a cena. No entanto, este Lorde Tesouro ainda estava sentado lá enquanto olhava para o ilimitado Rio Submundo, ele nem sequer olhou para o velho ancião.

O velho mais velho, naturalmente, estava muito animado para ver seu ancestral e não pôde deixar de subir a montanha. No entanto, este Lorde do Tesouro apontou o dedo, “Bang”, e o velho ancião caiu da montanha!

— Vida e morte estão separados para sempre. Volte. — No fim, o Lorde Tesouro disse apenas essa frase. Seus olhos continuavam fechados enquanto encarava o vasto rio.

Essas palavras atingiram o ancião como um raio. Ele ficou chocado por um longo tempo, antes que se tornasse ofuscado pela tristeza e voltasse para o acampamento da sua seita.

Inúmeros cultivadores ficaram chocados com este evento. Vendo seu ancestral, mas incapaz de se aproximar, esse era um sentimento indescritível!

— Este, este é o Ancestral Chi Xian? — Depois que o antigo ancião da Escola Antiga do Coração de Joia voltou, seus discípulos perguntaram sentimentalmente, pois ele foi muito influente. Durante sua era, havia passado por todo o Mundo do Imperador Mortal!

— Exato. — O ancião ficou desajeitado enquanto olhava o Lorde Tesouro na montanha. Ele explicou de forma afetuosa. — Rumores dizem que, naquela época, quando o ancestral encontrou seu ponto de partida, nossos discípulos não estavam dispostos a perdê-lo. Portanto, eles usaram todos os métodos e esquemas para sepultá-lo no Cemitério Celestial do Cadáver Antigo. Eu não esperava que Vossa Santidade realmente ganharia um pouco mais de tempo de vida!

Ao ouvirem isso, os discípulos trocaram olhares entre si com surpresa. O efeito de reviver do Cemitério Celestial do Cadáver Antigo, não era mentira.

— Quando é sepultado profundamente no cemitério, eles não vão mais se associar com os vivos? — Muitos templos grandes e seitas antigas viram isso e não puderam deixar de ficarem agitados. Um cultivador simplesmente precisou perguntar.

Um velho cultivador suspirou gentilmente e respondeu. — Você pode dizer dessa forma. Lordes Tesouro e Imortais Terrestres normalmente não querem que seus descendentes se aproximem. Isto também é para cortar seus milhões de anos de lembrança e pensamentos remanescentes!


Tradutor: Apollo | Revisor: BravoEd



Fontes
Cores