DOP – Capítulo 25 – Deixe-me Jogar



O sábio Segundo Príncipe e o Quinto Príncipe, vendo a reação de Xuan Yuan Che, observaram Liu Yue com atenção, escolhendo, sabiamente, não dizer nada.

“Sétimo Irmão, esta é a sua futura cunhada. Não seja tão rude.” O Príncipe Herdeiro, que não comentou nada durante a brincadeira anterior, censurou o Sétimo Príncipe depois de acenar com a cabeça em direção a Liu Yue.

“Então, esta é a feiosa…” Xuan Yuan Che, de repente, lhe deu uma olhada assassina antes que o Sétimo Príncipe pudesse terminar suas palavras. A firmeza daquela encarada fez o Sétimo Príncipe fechar a boca imediatamente.

Anteriormente, mesmo depois de perder tanto, Xuan Yuan Che não estava com tanta raiva.

“Como é nossa futura cunhada, é claro que você tem o direito de mostrar.” O jovem e, apesar disso, maduro, Segundo Príncipe sorriu para Liu Yue, que já estava sentada ao lado de Xuan Yuan Che.

LIu Yue assentiu com a cabeça e sorriu para ele. Então olhou para o homem com duas linhas de bigode sentado ao seu lado, que parecia um pervertido. Aquelas mãos excepcionalmente limpas, que pareciam ser muito bem cuidadas, não escaparam de seus olhos.

Bufando sem perceber dentro de sua mente, Liu Yue estendeu a mão para abrir a xícara. Ao mesmo tempo, ela olhou para os dados abertos do outro lado, uns seis e dois cincos. Suas chances de ganhar já eram muito altas.

Seus dedos deram uma pequena batida no copo invisível a olho nu. Então, Liu Yue levantou a tampa.

“6, 6, 5.” Os olhos do Sétimo Príncipe se abriram enquanto olhava para os dados à sua frente. A descrença encheu sua expressão.

O homem ao lado dela também estava pasmo. Ele olhou para Liu Yue, mas rapidamente desviou os olhos.

“Che, como vocês jogam este jogo?” Liu Yue perguntou alegremente, enquanto brincava com a tampa e sorria para Xuan Yuan Che, que estava sentado ao lado dela.

Xuan Yuan Che ergueu as sobrancelhas. Liu Yue de repente estava tão afetuosa com ele… Ah, havia algo em suas mangas… Ele imediatamente riu com ela e respondeu: “Foi o Segundo Irmão que estabeleceu a regra. Todo mundo terá uma vez como o banqueiro. Cada jogo tem três rodadas. O montante a apostar para cada turno é definido pelo banqueiro responsável por esse jogo. Sétimo Irmão foi o banqueiro neste jogo. Agora é a minha vez.”

Liu Yue assentiu depois de ouvir as regras. Então, ela se virou para o Sétimo Príncipe e mostrou uma expressão infantil de uma garota de treze anos enquanto franzia o cenho e dizia: “Então é nossa vez… Então, eu aposto este tanto. Se nossa sorte já foi usada na aposta anterior, então estaremos em apuros… Sim, devemos ter mais cuidado.”

Ao terminar, pousou uma única folha dourada e sorriu nervosamente para o Sétimo Príncipe.

O Segundo e o Quinto Príncipe, que observavam a cena, franziram o cenho enquanto um vislumbre de dúvida atravessou seus olhos.

O príncipe herdeiro Xuan Yuan Cheng, que estava sentado ao lado, lentamente sorriu, tomou seu álcool e optou por não interferir.

O sétimo príncipe olhou de perto para Liu Yue. Ele tinha ouvido dizer que esta menina havia sido abandonada pela família Mu Rong por oito anos. Eles só tinham percebido que ela era uma talentosa artista marcial recentemente. Mas ainda era apenas uma garotinha de treze anos, jovem e ingênua.


Tradutora: Usagi | Editor: Artype



Fontes
Cores