DOP – Capítulo 15 – Edito Imperial


Os membros da família Mu Rong que ali estavam olharam para Liu Yue com inveja.

Liu Yue sentiu o olhar, mas preferiu ignorá-los. Ela olhou para a espada em suas mãos. Esta pessoa era realmente um mistério.

As próximas horas fizeram Liu Yue finalmente perceber o significado de ir direto do inferno para o céu, ou a sensação de quando um patinho feio se transformava em cisne. A mudança foi tão drástica.

De uma casa isolada, em ruínas, ela se mudou para a residência principal. Suas roupas esfarrapadas e grossas se transformaram em seda e cetim. Suas refeições insípidas e esparsas se transformaram em iguarias exóticas de todo o país.

Ela tinha vinte empregadas para o trabalho manual, vinte empregadas domésticas que serviriam na mansão interior e quatro servas pessoais, todas dadas pela esposa de Mu Rong Wu Di, Xiang An Chen. Todas as empregadas eram da mais alta qualidade e foram pessoalmente selecionadas por sua avó.

Tudo se tornou tão bom que não poderia ser melhor.

No entanto, ela não estava satisfeita.

A verdadeira Liu Yue teria ficado tão tocada que choraria, mas não ela. Ela tinha experimentado a riqueza e a vida extravagante antes, então não foi atraída por estas coisas.

À noite, a residência Mu Rong ficou ainda mais animada. Além da celebração do aniversário de 60 anos de Mu Rong Wu Di, havia também um novo especialista na família Mu Rong, por isso tinham ainda mais coisas para comemorar.

O assento de Liu Yue estava ao lado à de Mu Rong Wu Di. Observava a animada cena como se estivesse assistindo a uma peça, com os outros como personagens de uma história e ela, a espectadora.

Seu pai e sua madrasta estavam sorrindo tão docemente que parecia que algo florescera em torno deles, enquanto recebiam as lisonjas e os elogios do resto da família. Eles pareciam ainda mais felizes do que Liu Yue.

No entanto, além das falsas felicitações, Liu Yue também tinha notado claramente as pessoas se escondendo maliciosamente no escuro.

Sorrindo em silêncio, ela, Liu Yue, nem se importava com esta Residência Mu Rong.

No dia seguinte, a residência Mu Rong e ela, Liu Yue, seriam duas entidades diferentes. Ela não desejava ficar mais um dia sequer na Residência Mu Rong.

Sob o céu noturno, as estrelas cintilavam como contas de diamantes.

A luz brilhante da lua polvilhou a terra enquanto reluzia como uma luz de prata.

Então, chegou o amanhecer.

“Senhorita, acorde. O Élder quer vê-la.” Quatro garotas estavam paradas junto à cama, segurando bacias de lavagem e perfume enquanto acordavam Liu Yue calmamente.

Liu Yue lentamente girou seu corpo e preguiçosamente se esticou. A luz do sol a cumprimentou. Ela endireitou as mãos com a intenção de dar, nas quatro empregadas, um golpe de karatê no pescoço.

No dia anterior, ela estivera presa com aqueles velhotes que ficavam desfiando seda por ela. Agora, era a sua chance de fugir.

“Senhorita, senhorita, há um grande incidente, um grande incidente!” Antes mesmo de conseguir mover as mãos, um furor começou do lado de fora de seu quarto. De repente, uma moça entrou.

Seguindo logo atrás da criada estava sua madrasta, Yi Qiu Yin.


Tradutora: Usagi | Revisor: Ryokusan000


Contribua com a Novel Mania!