DDu – Capítulo 256 – O Império dos Espíritos


Com um flash de luz vermelha, a alma de Xiao Wu voltou para o seu corpo e seus belos olhos recuperaram o brilho. Foi o próprio Tang San quem a despertou.

— Ge, onde nós estamos? — Ela olhou em volta.

— Nós já voltamos para o continente. — Ele respondeu em voz baixa. — Eu decidi trazê-la comigo até a Grande Floresta Estrada Dou primeiro, para conseguir anéis de espírito para o Martelo Céu Claro. Aqui é Lu Oeste do Reino Häagen-Dazs. Agora pouco, do lado de fora da cidade, eu senti que havia alguma coisa errada, todos os soldados tinham a palavra “espirito” em suas roupas e eu não sei o que isso significa. Vamos dar uma olhada por aí.

Depois de entrar na cidade, ele não podia continuar abraçando Xiao Wu o tempo todo, ou as pessoas facilmente poderiam começar a ficar desconfiadas. Depois que sua alma voltou para o seu corpo, ele só precisava segurar a mão dela.

Xiao Wu ergueu o véu do seu chapéu, olhando profundamente para Tang San. Apesar de ele não dizer nada, como ela poderia não entender o motivo de ele querer levá-la para a Grande Floresta Estrela Dou sozinho? Mas ela também sabia que seria impossível tentar convencê-lo do contrário. Segurando a mão esquerda dele, ela disse:

— Então vamos investigar. Se eles usam a palavra “espírito”, é bem provável que eles estejam relacionados ao Hall dos Espíritos.

— Nós pensamos igual. — Tang San assentiu. — Os reinos e ducados que fazem parte dos dois grandes impérios sempre tiveram uma relação ambígua com o Hall dos Espíritos, sendo seus leais apoiadores. É justamente por causa do Hall dos Espíritos que os impérios nunca se atreveram a fazer nada contra eles sem pensar primeiro. Parece que, nesses quatro anos em que estivemos fora, muita coisa aconteceu no continente!

Enquanto conversavam, eles saíram para a rua. As ruas da cidade pareciam como de sempre, repletas de lojas de ambos os lados. No geral, Lu Oeste parecia ser uma cidade bem próspera. Os pedestres caminhavam até que rápido, claramente influenciados pelo ritmo agitado da vida na cidade.

— Ge, onde nós vamos investigar? — Xiao Wu perguntou em voz baixa.

— Naturalmente, nós vamos ao Hall dos Espíritos Central daqui. — Tang San respondeu com um traço de frieza no olhar. — Lu Oeste é a capital de Häagen-Dazs, então deve haver uma sede do Hall dos Espíritos aqui. Quem poderia saber melhor o que está acontecendo que um Mestre dos Espíritos do Hall dos Espíritos?

Tang San decidiu descobrir o que havia acontecido nos últimos anos através do Hall dos Espíritos e Xiao Wu naturalmente não fez objeções. Passando os olhos sobre a multidão, seu olhar caiu sobre um homem de uns quarenta anos que passou andando por eles. Ele usava roupas comuns, que não permitiam dizer se ele era rico ou pobre. Tang San tomou a iniciativa em ir até ele, bloqueando seu caminho.

— Irmão, seria muito incômodo se eu te fizesse algumas perguntas? — Tang San ergueu o véu sobre seu chapéu e perguntou num tom educado.

O homem de meia idade ficou surpreso ao ter seu caminho bloqueado e o encarou um pouco alarmado, em especial após ver o embrulho com mais de três metros de comprimento na sua mão.

— O que você quer saber?

— Nós viemos do interior. Eu e minha esposa somos Mestres dos Espíritos e ouvimos dizer que podemos conseguir dinheiro se nos inscrevermos no Hall dos Espíritos. — Tang San explicou. — Você pode me dizer onde fica a sede do Hall dos Espíritos aqui de Lu Oeste?

Ouvindo o que ele disse, sua expressão foi se tornando cada vez mais estranha, mas por consideração ao status de Mestres dos Espíritos de Tang San, ele ainda respondeu de forma respeitosa:

— Então o senhor é um Mestre dos Espíritos. Mas parece que você não faz ideia do que tem acontecido ultimamente. Faz muito tempo que vocês não vêm para o centro? O Hall dos Espíritos já não existe há bastante tempo.

— O que?! — Tang San ficou chocado. — Não tem um Hall dos Espíritos? Não me diga que o Hall dos Espíritos foi destruído?!

A expressão do homem mudou, fazendo um gesto para silenciá-lo e dizendo com urgência:

— Senhor Mestre dos Espíritos, você não pode dizer isso! A culpa é minha, eu não fui muito claro. Não há mais um Hall dos Espíritos no continente, agora existe apenas o Império dos Espíritos.

Ouvindo isso, Tang San entendeu na mesma hora. Nesses quatro anos em que esteve fora, o continente de fato havia passado por uma grande revolução. Ele apressadamente continuou:

— Irmão, você não pode nos contar o que aconteceu? Considere esse pequeno gesto como a sua recompensa. — Enquanto falava, ele pegou duas moedas espirituais de prata e as entregou a ele. Isso não era uma questão de ser pão duro, oferecer uma quantia maior facilmente poderia resultar em problemas para eles.

Vendo o dinheiro que Tang San lhe entregou, suas sobrancelhas se ergueram em satisfação e ele passou a andar junto com Tang San e Xiao Wu com um sorriso no rosto.

— Apesar de as nações terem mudado, por sorte, esse dinheiro ainda vale. Eu não vou ficar de cerimônia. Você perguntou à pessoa certa. Quanto à mudança do Hall dos Espíritos, isso foi um grande evento que começou a mais de três anos atrás, com a assembleia de eleição nas novas sete grandes seitas.

Originalmente, não muito tempo depois de Tang San e os outros terem partido, o Hall dos Espíritos promoveu uma assembleia para eleger as novas sete grandes seitas. Sem exceção, todas elas eram formadas pelos seguidores mais fanáticos do Hall dos Espíritos. Não houve praticamente nenhum outro concorrente dos dois grandes impérios. Apesar de a Escola Porcelana dos Sete Tesouros ainda ter a capacidade de competir, por questão de segurança, eles decidiram não tomar parte dessa assembleia.

Assim, após as novas sete grandes seitas serem escolhidas, a popularidade do Hall dos Espíritos instantaneamente alcançou seu auge. Em seguida, as sete novas grandes seitas criaram uma petição, sugerindo que todos os Mestres dos Espíritos passassem a prestar contas ao Hall dos Espíritos, lhes proporcionando um controle ainda maior sobre os Mestres dos Espíritos no mundo todo.

Três meses depois, o Hall dos Espíritos declarou a fundação de um país, nomeado Império dos Espíritos e fechou todas as suas sedes dentro das fronteiras dos dois impérios, chamando seus Mestres dos Espíritos de volta. O território do Império dos Espíritos abrangia todos os reinos e ducados que originalmente faziam parte dos impérios, cortando completamente o contato entre os dois com a sua repentina aparição. Com o território dos dez reinos e ducados combinados, a área total do Império dos Espíritos não era menor que a de nenhum dos dois grandes impérios após a separação.

Julgando pela sua localização, o Império dos Espíritos claramente estava em desvantagem, tendo o Império Céu Dou ao norte e o Império Estrela Luo ao sul. Entretanto, desde sua criação, o Império dos Espíritos vinha se expandindo para ambos os lados. Nesses poucos anos desde sua fundação, ele já havia tomado o controle de uma área do mesmo tamanho que a dos dois grandes impérios originais. Isso sem os exércitos dos três impérios terem se encontrado uma única vez.

O Império dos Espíritos parecia ter sido fundado com base em uma aliança entre uma dezena de países menores. Sua força militar total não podia sequer se comparar com os números dos dois grandes impérios e seu comando certamente ainda não havia sido unificado, mas os Mestres dos Espíritos sob o controle do Império dos Espíritos eram muito poderosos. Em uma guerra, Mestres dos Espíritos eram capazes de causar muito mais destruição do que qualquer outro soldado. Uma tropa de mil Mestres dos Espíritos seria o suficiente para enfrentar dezenas de milhares de soltados normais.

Ao mesmo tempo, o Império dos Espíritos emitiu uma ordem para alistar todos os Mestres dos Espíritos no continente. Qualquer um que se recusasse seria considerado um herege. Somando isso à influência das novas sete grandes seitas, o Hall dos Espíritos agora tinha controle praticamente de mais de setenta por cento dos Mestres dos Espíritos no continente. Com centenas de clãs e mais de dez Títulos Douluos, eles se tornaram uma força tão poderosa que os dois grandes impérios se viram obrigados a poupar suas forças e nenhum conflito havia ocorrido até agora. Caso contrário, se qualquer um dos exércitos entrasse em colapso primeiro, eles não teriam outra chance.

A Pontífice Suprema do Hall dos Espíritos, Bibi Dong, se tornou a primeira imperadora do Império dos Espíritos. Após a rápida expansão, ela começou a dar forma ao império e eliminar a oposição enquanto treinava as tropas. Os recursos acumulados durante anos pelo Hall dos Espíritos se tornaram uma base sólida para o desenvolvimento do novo império, permitindo que em pouco tempo, ele se tornasse um poderoso rival dos Impérios Céu Dou e Estrela Luo, até mesmo os ultrapassando em termos de poder. As tropas estacionadas nas fronteiras passavam de vinte mil Mestres dos Espíritos, lideradas pelos próprios Títulos Douluo do Hall dos Anciãos.

A pausa temporária na expansão não significava que o Império dos Espíritos estava satisfeito. Assim que Bibi Dong assumisse o controle completo dos reinos e ducados e terminasse a reorganização de poderes, uma grande guerra seria inevitável.

Desde sua fundação, o Império dos Espíritos já tinha a vantagem, em especial por causa do prévio alistamento de Mestres dos Espíritos no Hall dos Espíritos que havia ultrapassado as dezenas de milhares. Originalmente, as três grandes seitas seriam capazes de enfrentá-los, mas agora, a Escola Céu Claro havia se isolado, o clã Dragão Azul Relâmpago Tirano havia sido completamente destruído e a Escola Porcelana dos Sete Tesouros também havia perdido uma grande parte da sua força original, então, elas não seriam capazes de reunir força suficiente para combatê-los diretamente.

Quanto mais poderoso fosse o Mestre dos Espíritos, mais assustador ele seria em uma guerra. Um Título Douluo era capaz de, sozinho, segurar uma tropa de até mil soldados e seus cavalos. Obviamente, isso não significava que os dois impérios não tinham nenhuma chance. Eles já existiam há muitos anos e possuíam um grande número de tropas bem treinadas. Em uma luta desesperada, até o Império dos Espíritos sofreria perdas significativas. Esse também era um dos motivos de Bibi Dong não estar com pressa de continuar a expansão. Ela queria solidificar as relações internas primeiro, para só depois iniciar uma guerra em condições completamente favoráveis.

Depois de se despedir do homem de meia idade, Tang San entrou num estado de profunda contemplação. Apesar de ter imaginado que o continente com certeza teria sofrido enormes mudanças nesses quatro anos, ele não esperava que a situação teria se deteriorado tanto. Bibi Dong havia escolhido fundar uma nação à força, o que, apesar de parecer uma decisão precipitada, também proporcionou ao Hall dos Espírito um exército de verdade, além de um território enorme. Durante muitos anos, o Hall dos Espíritos havia sido como um santuário para os Mestres dos Espíritos. Assim, bem poucos seriam realmente capazes de recusar seu chamado e permanecer do lado dos dois grandes impérios. Com tantas pessoas poderosas ao dispor do Império dos Espíritos, o simples assassinato dos imperadores de qualquer um dos outros dois impérios seria um golpe devastador.

Se não precisasse ressuscitar Xiao Wu, Tang San com certeza já teria corrido de volta para Céu Dou agora, checar como estava a situação por lá. O mais importante era em que ponto estava o desenvolvimento da Seita Tang. Com uma diferença tão grande no número de Mestres dos Espíritos de cada lado, as armas ocultas teriam um papel indispensável nessa guerra. A única forma de enfrentar as tropas de Mestres dos Espíritos do Hall dos Espíritos seria com grandes quantidades de poderosas armas ocultas.

Mas também havia outra coisa que Tang San precisava fazer. Ele já estava quase completando as três condições dadas pelos anciãos da Escola Céu Claro. Tendo alcançado o octogésimo nível e possuindo pelo menos um anel de espírito de cem mil anos, agora só faltava matar um Título Douluo do Hall dos Espíritos para obter todas as qualificações necessárias para retornar à Escola Céu Claro e prestar homenagens ao seu avô. A Escola Céu Claro não possuía Mestres dos Espíritos suficientes para alterar o equilíbrio atual entre os dois grandes impérios e o Hall dos Espíritos, mas seu título de Seita de Mestres dos Espíritos Número Um do passado não era desmerecido. Além disso, eles possuíam ao todo, seis Títulos Douluos. Se deixassem a montanha, eles com certeza seriam de grande ajuda.

— Ge, por que nós não voltamos para Céu Dou também? — Sendo uma pessoa inteligente e tendo seguido Tang San por tantos anos, Xiao Wu naturalmente sabia o que ele estava pensando. As circunstâncias atuais eram ruins e a Seita Tang precisava de alguém para assumir seu controle.

— Não. — Tang San balançou a cabeça com força. — Nós só vamos voltar depois que eu te ressuscitar. Mesmo se as circunstâncias forem ruins, o Mubai e os outros já estão voltando para Céu Dou. Com eles lá, não deve haver problemas com a Seita Tang. Como eu vou conseguir concentrar todas as minhas energias em enfrentar o Hall dos Espíritos antes de te ressuscitar de verdade? Não se preocupe, eles não devem tomar nenhuma medida drástica por enquanto. Os dois grandes impérios se tornaram completamente dependentes um do outro, se o Hall dos Espíritos atacar qualquer um deles, o outro com certeza não ficará parado. Assim, seus mercenários não tem escolha a não ser agir com cuidado. Por hora, Mubai e os outros levarem a notícia de que nós estamos seguros é o suficiente. Eu acredito que esses quatro anos tenham sido tempo suficiente para a nossa Seita Tang se desenvolver bastante. O Império Céu Dou também já deve ter juntado um bom número de armas ocultas. Mesmo se uma guerra de verdade começar, não vai ser fácil para o Hall dos Espíritos derrubar o império.

Xiao Wu se inclinou sobre o peito de Tang San, sussurrando:

— Ge, eu sei que você só quer o meu melhor, mas se alguma coisa acontecer com você por minha causa, eu…

Tang San colocou um dedo sobre os lábios dela, a impedindo de continuar.

— Xiao Wu, eu nunca fui alguém ambicioso, nem nunca desejei fazer uma revolução no continente. Eu só estou me opondo ao Hall dos Espíritos por causa do ódio. O ódio dos meus pais, assim como o ódio pelo que eles fizeram com você. Até onde eu sei, te ressuscitar é a minha tarefa principal agora, não lidar com o Hall dos Espíritos. Mas já que você está preocupada, vamos causar um pouco de caos para esse tal Império dos Espíritos então. Aquele tio não disse agora pouco que há um regimento de Mestres dos Espíritos enviados pelo Hall dos Espíritos guardando a cidade e, junto com a guarda original, seu comandante é quem está no controle da cidade? Nós não precisamos nem questionar isso, obviamente esse é o método que o Hall dos Espíritos está usando para monitorar seus reinos e ducados. Lu Oeste é uma cidade estratégica de Häagen-Dazs, então eles não devem ter enviado menos de cinquenta Metres dos Espíritos, além disso, seu líder deve ser no mínimo um Sábio Espiritual. Diga-me, se esses Mestres dos Espíritos desaparecerem, o que você acha que o Hall dos Espíritos irá pensar de Lu Oeste, ou até mesmo de Häagen-Dazs? Talvez uma cidade não signifique nada, mas nós pretendemos cruzar o reino. Se a mesma coisa acontecer em dez cidades ao mesmo tempo, como o Hall dos Espíritos passará a tratar Häagen-Dazs?

Xiao Wu o encarou sem reação.

— Ge, o que você quer dizer?

Um olhar sinistro surgiu no rosto de Tang San:

— Todos os cúmplices do Hall dos Espíritos merecem a morte.

 

***

 

Ao cair da noite, uma silhueta negra lentamente surgiu do lado de fora da residência do regimento de Mestres dos Espíritos de Lu Oeste. Um manto azul escuro ocultava sua figura e única coisa visível era a gigantesca arma com mais de três metros de comprimento em sua mão, verde escura e sem brilho.

Essa pessoa era justamente Tang San. Ele e Xiao Wu haviam parado em uma pousada para descansar, esperando até anoitecer para só então saírem de fininho. Tang San sabia que Xiao Wu não gostava de massacres, então colocou seu corpo de volta na Desejosa Bolsa dos Cem Tesouros. O pano cobrindo o Tridente do Deus do Mar já havia sido removido e ele ainda comprou um grande manto para se cobrir antes de seguir para lá.

O próprio Tang San não era alguém que gostava de matar, mas em relação ao Hall dos Espíritos, ele jamais mostraria misericórdia. Eles eram os inimigos dos seus pais e ainda por cima havia a vedeta de Xiao Wu. Ele jamais se esqueceria da profunda amargura no olhar de seu pai e ainda menos do desespero nos olhos de Xiao Wu quando ela se sacrificou por ele. Independentemente de o quão poderoso fosse o Hall dos Espíritos, eles seriam seus inimigos eternos.

Pressionando a marca dourada em sua testa com a mão esquerda para evitar que ela brilhasse, ele liberou sua infindável força espiritual que se espalhou ao redor como um vasto oceano, formando uma gigantesca rede mental num piscar de olhos. Ela não apenas envolveu o complexo do regimento de Mestres dos Espíritos, como também tudo o que estava num alcance de alguns milhares de metros quadrados.

Várias informações rapidamente foram passadas para a mente de Tang San por meio da sonda de força espiritual. Antes de ir para a Ilha do Deus do Mar, se ele quisesse sondar qualquer lugar com tantos detalhes assim, ele não apenas precisaria usar o Domínio Azul Prateado e o auxílio das plantas, como também precisaria tomar cuidado para não ser descoberto. Mas agora, ele nem sequer precisava se preocupar com a possiblidade de perceberem sua presença, a menos que houvesse alguém cuja força espiritual estivesse no mesmo nível que a da Douluo Deus do Mar ou que fosse superior a dele próprio, isso não seria o suficiente para chamar a atenção de ninguém. Igual a uma águia observando a paisagem de cima, ele facilmente foi capaz de perceber até os menores movimentos ali dentro.

Agora que já era tarde, apenas uns trinta soldados estavam patrulhando o complexo e dentro da estação havia apenas uns cinquenta soldados e uns trinta e cinco serviçais. O número de Mestres dos Espíritos ali estava perto do que Tang San esperava: ultrapassando os oitenta.

Diferenciar essas pessoas não era problema. As auras dos soldados eram até que calmas, os serviçais tinham passos um pouco mais pesados e os Mestres dos Espíritos emitiam suaves flutuações de poder espiritual a cada respiração ou movimento.

Tang San naturalmente não planejava matar todo mundo. Seus alvos eram apenas os Mestres dos Espíritos. Ele não pretendia massacrar esses soldados e serviçais.

Sem pressa para entrar na estação, Tang San silenciosamente deu a volta pelo lado de fora. Não demorou para sua força espiritual guiá-lo até os soldados patrulhando e protegendo o local. O Imperador Azul Prateado disparou do chão sem fazer barulho e antes que os soldados pudessem reagir, todos já haviam sido imobilizados com firmeza. Então o Imperador Azul Prateado tremeu de repente, emitindo flutuações de poder espiritual que deixaram os corpos dos trinta soldados completamente moles. Lidar com esses guardas normais era simples demais para Tang San. Eles nem sequer saberiam como acabaram inconscientes.

Com ajuda de seu espírito, Tang San reuniu os soldados em uma viela isolada. Eles ficariam desacordados assim por algumas horas.

Depois de lidar com o problema do lado de fora, Tang San silenciosamente escalou a estação. Os cinquenta soldados do lado de dentro estavam divididos em cinco esquadrões, patrulhando cinco direções diferentes. Cada esquadrão era liderado por um Mestre dos Espíritos do quadragésimo nível. Era uma defesa bem rígida.

Se Tang San quisesse se livrar de todos os Mestres dos Espíritos ali dentro, ele só precisava encontrar um local adequado para ativar sua oitava habilidade espiritual, a Destruição do Espelho Azul Prateado Demoníaco e tudo seria resolvido num instante. Pela sua sondagem inicial, ele descobriu que, entre os Mestres dos Espíritos estacionados ali, só havia um Sábio Espiritual e o todo o resto estava abaixo do sexagésimo nível, sendo basicamente incapazes de ameaçá-lo de verdade.

Entretanto, ele não faria isso. Se usasse seu poder espiritual dessa forma para resolver a situação, os serviçais e soldados também não teriam chance de sobreviver. Ele não queria matar indiscriminadamente, esse era um motivo. O outro era que, se ele usasse apenas uma habilidade espiritual, o Império dos Espíritos facilmente poderia descobrir que esse ataque havia sido realizado por apenas um Mestre dos Espíritos formidável. Para conseguir o caos desejado, ele obviamente não podia permitir que as investigações chegassem a tal resultado.

Nesse exato momento, um esquadrão se virou na direção em que Tang San estava. Ele se abaixou, ocultando sua figura entre as plantas em volta. O Imperador Azul Prateado era um espírito do tipo planta, então sua habilidade de se camuflar entre elas agora podia ser considerada impecável. Mesmo se um Título Douluo usasse sua força espiritual ou talvez sua aura para procurá-lo, ainda assim seria impossível encontrar traços de sua presença.

Na frente do grupo vinha um Mestre dos Espíritos, andando com as duas mãos atrás das costas. Ele possuía uma expressão arrogante, como se sequer notasse os soldados atrás dele. Os soldados, por usa vez, o seguiam com cautela, não se atrevendo a exibir o menor sinal de descuido. Mestres dos Espíritos realmente gostavam de agir com arrogância diante de pessoas normais.

Um galho discretamente apareceu no meio do caminho do esquadrão e um dos soldados tropeçou nele, colidindo contra outro soldado na frente.

— Ai! O que você está fazendo? — O soldado atingido exclamou indignado.

— Bastardos, o que foi esse barulho? — O Mestre dos Espíritos andando na frente abruptamente virou a cabeça e os repreendeu irritado.

— Se- senhor. Ele me bateu… — O soldado que soltou o grito se apressou em se explicar. Entretanto, no momento seguinte, suas pupilas de repente se dilataram, olhando atônito para alguma coisa atrás daquele Mestre dos Espíritos assim como os outros soldados.

O quadragésimo nível garantia o título de Ancestral Espiritual, o que correspondia a um poder considerável. Vendo o temor nos olhos dos soldados, o Sábio Espiritual do Império dos Espíritos imediatamente reagiu. Ele nem chegou a virar a cabeça, correndo para frente ao mesmo tempo em que liberava seu espírito, pronto para se esquivar de qualquer ataque vindo por trás e então realizar um contra-ataque.

Sua reação não havia sido lenta, mas, infelizmente, ele havia encontrado um oponente contra o qual não seria capaz de lutar.

Um Imperador Azul Prateado se enrolou no pescoço dele e uma força espiritual congelante diretamente golpeou seu cérebro, cortando sua conexão com seu espírito e interrompendo à força sua liberação. Com a garganta selada e sem nem ser capaz de respirar, ele naturalmente não pode dar um grito de alarme. Ao mesmo tempo, uma intensa onda de choque atingiu os outros soldados por baixo, os fazendo perder a força e cair inconscientes no chão.

Tang San não demonstraria qualquer misericórdia para com outros Mestres dos Espíritos. Todos eles eram seus inimigos. Cada Mestre dos Espíritos eliminado era um soldado a menos do lado do Império dos Espíritos. Espinhos afiados foram ejetados do Imperador Azul Prateado enrolado no oponente, perfurando sua garganta e permitindo que seu veneno potente corresse direto para o cérebro dele, tirando sua vida sem fazer um som.

Aqueles dez soldados não haviam colapsado por causa de alguma habilidade espiritual, mas sim por causa do Tridente do Deus do Mar. Tang San só precisou batê-lo uma vez no chão, criando uma onda de choque que, controlada por seu poder espiritual, se estendeu em linha reta por dez metros, os nocauteando ao passar por eles.

O Imperador Azul Prateado se moveu rapidamente e os onze corpos foram puxados para trás das plantas. Ele só precisou de um instante para cuidar do primeiro dos cinco esquadrões de vigia.

Não demorou para Tang San encontrar os outros quatro esquadrões e usou métodos diferente para lidar com cada um deles: usando o Imperador Azul Prateado para diretamente paralisá-los, usando seu poder espiritual para nocauteá-los ou usando o Martelo Céu Claro para esmagar o Mestre dos Espíritos na liderança. Ele fez os outros soldados sentirem como se estivessem sendo atacados por pessoas diferentes, não lhes dando a chance de vê-lo com clareza.

Tang San só precisou de alguns minutos para lidar com esse problema sem alertar os outros Mestres dos Espíritos na estação.

Intenção assassina surgiu em seus olhos, a verdadeira missão de assassinato começava agora. Segurando o tridente, ele silenciosamente se infiltrou no complexo.

Ele não liberou o Imperador Azul Prateado de novo. Ao invés disso, com o Tridente do Deus do Mar na mão direita, ele invocou o Martelo Céu Claro na esquerda. Com um martelo à esquerda e um tridente à direita, ele também colocou a máscara que havia preparado com antecedência. No instante em que pisou ali dentro, a força espiritual que originalmente havia usado para sondar seu interior de repente se espalhou e um intenso choque mental atingiu todos os que estavam dentro dos muros desse regimento de Mestres dos Espíritos.

Gemidos abafados e gritos de alarme ecoaram. Tang San não havia provocado um choque mental com força total, mas isso já havia sido o suficiente para as pessoas normais. Todos os serviçais foram nocauteados. Em toda a estação, apenas alguns Mestres dos Espíritos conseguiram permanecer conscientes e alguns que estavam cultivando até mesmo tiveram seu fluxo de poder espiritual interrompido, o que os fez cair agonizando de dor em seus quartos.

— Quem? — Uma voz furiosa ressoou.

Tang San já havia parado de se esconder e dois Mestres dos Espíritos na sua frente já o haviam descoberto, rapidamente liberando seus espíritos e avançando contra ele. Como não havia a luz de anéis de espírito saindo dele, os dois nem sequer prestação atenção nas armas que ele segurava.

Bufando friamente, Tang San deixou sua intenção assassina irradiar para todos os lados e, com a mão esquerda, jogou o Martelo Céu Claro contra os dois oponentes o atacando de frente. Ele basicamente nem precisava considerar quais poderiam ser suas habilidades espirituais, porque seu poder espiritual sequer chegava ao quinquagésimo nível. Diante de força absoluta, independentemente de o quão miraculosas suas habilidades pudessem ser, elas seriam completamente inúteis. Eles sequer seriam capazes de suportar a força física de Tang San, deixando de lado quando ele ainda havia usado o Martelo Céu Claro. Até mesmo o líder dos Douluos Guardiões dos Pilares Sagrados da Ilha do Deus do Mar, o Douluo Dragão do Mar, havia perdido para o Martelo Céu Claro de Tang San, então imagine essas pessoas.

Nem houve suspense sobre o resultado. Com um leve puxão do Controlando o Grou Capturando o Dragão, o pesado Martelo Céu Claro atingiu os peitos dos dois Mestres dos Espíritos em sucessão. Não era como se eles não quisessem pará-lo, mas suas habilidades espirituais não puderam fazer nada para segurá-lo.

Nesse momento, mais Mestres dos Espíritos apareceram vindos de todas as direções. Todos os Mestres dos Espíritos possuíam uma força extraordinária e, apesar de a luta ali ter sido breve, os gritos dos oponentes foram o suficiente para expor a posição de Tang San.

Se teleportando em silêncio, Tang San apareceu em outra posição. Atrás dele, uma setes ou oito habilidades de alvo único atingiram o nada. Em meio à uma alta explosão, a casa ficou em ruínas. Tang San usou os métodos mais simples possíveis para atacar os oponentes. O Martelo Céu Claro foi jogado uma vez após a outra, contra sua força aterrorizante combinada com o controle do Controlando o Grou Capturando o Dragão, esses Ancestrais e Reis Espirituais eram como um rebanho de ovelhas. Eles nem sequer conseguiam pegar sua sombra. Os oponentes só conseguiam ver o enorme martelo atacando numa trajetória espiral. A cada toque seu, a vida de mais um Mestre dos Espíritos do Império dos Espíritos era ceifada. Todos os tipos de habilidades espirituais brilharam, mas contra o incomparavelmente pesado Martelo Céu Claro, elas não eram mais úteis do que fogos de artifício, brilhando e então desaparecendo.

Estranhamente, toda vez que o Martelo Céu Claro matava alguém, o padrão do Domínio do Deus da Morte gravado em sua superfície brilhava com uma luz vermelho sangue e a energia demoníaca que ele possuía aumentava um pouco. Luzes negra e vermelha brilharam, parecendo ser capazes de facilmente atravessar as defesas dos oponentes que tentavam usar todo tipo de habilidades espirituais para pará-lo.

Nem mesmo o próprio Tang San imaginava que isso seria tão fácil assim. Ele esperava que, com quase uma centena de Mestres dos Espíritos ali, ele teria que pelo menos fazer algum esforço para matar todos eles sem deixar nenhum escapar. Mas nenhum desses Mestres dos Espíritos era capaz de suportar um ataque sequer do Martelo Céu Claro. Antes de Tang San decidir mudar seu método de ataque, mais da metade deles já estavam mortos.

Isso, é claro, não estava acontecendo porque os inimigos eram muito fracos e sim porque Tang San é quem era muito forte.

A última vez que ele havia enfrentado o Hall dos Espíritos havia sido mais de quatro anos atrás e, naquela época, ele era apenas um Sábio Espiritual. Se tivesse que enfrentar tantos Mestres dos Espíritos assim, obviamente seria impossível ganhar com tanta facilidade. Mas agora, ele não apenas havia alcançado assustadores oitenta e cinco níveis de poder espiritual, como também possuía mais um osso espiritual de cem mil anos e mais três anéis de espírito de cem mil anos. Só os seus ossos espirituais e anéis de espírito já eram o suficiente para elevar sua força física a um nível extremamente assustador. Os atributos do seu corpo já haviam ultrapassado os do Douluo Dragão do Mar no nonagésimo quinto nível. Além disso, sua força total já estava no mesmo nível que a de um Título Douluo desse nível, isso sem considerar o Tridente do Deus do Mar em sua outra mão.

Diante de tal poder, esses Mestres dos Espíritos de baixo nível eram como insetos. Matá-los era tão fácil quanto tirar algo do seu bolso. Essa era a supressão absoluta de um Mestres dos Espíritos de alto nível sobre Mestres dos Espíritos de baixo nível.

Quando Tang San estava começando a pensar em mudar seu método de ataque, de repente, com um ruído retumbante, o Martelo Céu Claro em meio à matança foi varrido por uma grande força, o fazendo espiralar uma vez no ar.

Um traço de um sorriso sombrio surgiu nos cantos da boca de Tang San, finalmente alguma coisa interessante.

Um Mestre dos Espíritos incrivelmente grande se posicionou no pátio e gritou alto:

— Todo mundo, comigo!

Só restavam uns trinta e poucos Mestres dos Espíritos agora. O Martelo Céu Claro só deixou cadáveres para trás, então não havia oponentes apenas feridos. Os Mestres dos Espíritos restantes se juntaram com pressa, se posicionando atrás desse alto Mestre dos Espíritos que parecia ter uns sessenta anos, o que os ajudou a re-estabilizar o seu estado mental. A matança gerada pelo Martelo Céu Claro voador agora pouco havia corroído toda a sua coragem.

O enorme Mestre dos Espíritos gritou num tom grave:

— Que camarada da Escola Céu Claro está aí, por favor, mostre-se.

Tang San recolheu o Martelo Céu Claro, lentamente saindo de trás das ruínas. Por causa do tamanho do seu manto, não apenas o seu corpo estava oculto, mas enquanto permanecesse com a cabeça abaixada, também não haveria como eles verem o seu rosto.

— Quando foi que a Escola Céu Claro se tornou tão sorrateira? — O enorme Mestre dos Espíritos encarou Tang San um pouco confuso. Ele trazia um machado de batalha na mão direita, seu espírito era o Machado Demoníaco de Sangue e ele era o único Sábio Espiritual que Tang San havia sentido dentro do complexo. Ele só não imaginava que o oponente também seria um Mestre dos Espíritos Ferramenta. Sua força devia ser considerável.

Entretanto, esse Sábio Espiritual estava ainda mais chocado em seu coração. Apesar de ter conseguido bloquear o Martelo Céu Claro uma vez, sua mão direita que segurava o Machado Demoníaco de Sangue ainda estava convulsionando, a pele entre seu polegar e indicador havia se partido. Claramente, o nível de poder espiritual do oponente não era inferior ao seu. Apesar de seu Machado ser considerado um bom espírito ferramenta e de ele ser alguém de força considerável entre os Sábios Espirituais, ao enfrentar um oponente que não estava abaixo dele em nível de poder espiritual e que ainda possuía o trunfo da seita número um do mundo, o Martelo Céu Claro, ele não se sentia muito confiante.

— Eu não estou sendo sorrateiro, é só que vocês não precisam saber quem eu sou. Até porque, logo todos vocês estarão mortos. — Tang San respondeu num tom calmo, misturando ondas mentais com sua voz para que os oponentes não pudessem identificar sua idade através dela.

O Sábio Espiritual do Machado Demoníaco de Sangue bufou com frieza.

— Eu não esperava que a Escola Céu Claro realmente fosse ressurgir. Entretanto, você acha mesmo que vocês são capazes de competir contra o nosso Império? Continuem agindo como uma tartaruga que de vez em quando coloca a cabeça para fora e vocês até podem sobreviver por um tempo, mas se vocês se atreverem a abrir as portas novamente, acabarão do mesmo jeito que o Clã Dragão Azul Relâmpago Tirano.

O Império dos Espíritos já havia se estabelecido e formalmente se declarado hostil aos dois grandes impérios, então o Hall dos Espíritos naturalmente não precisava mais agir em segredo como antes. É claro que, em suas justificativas, o Clã Dragão Azul Relâmpago Tirano sem dúvidas era uma existência extremamente maligna e apenas havia sido eliminado pelo Império dos Espíritos. A história sempre era escrita pelos vencedores e, mesmo ainda não tendo se tornado o vencedor final, o Império dos Espíritos já havia começado a distorcer o passado com todas as suas forças.

 


Tradutora: Brinn   |   Revisor: Bravo



Fontes
Cores