DDu – Capítulo 142 – Pavilhão da Lua, Tia



Parte 1

Tang Hao disse indiferentemente: “Com as atuais mudanças na sua aura, como você conseguiria se esconder no mundo dos Mestres dos Espíritos? No momento em que você se purificar, eu te contarei tudo. Também será nessa hora que eu decidirei meu futuro”. [1]

Purificar-se? Tang San ficou um pouco desanimado, mas ele não fez perguntas, não tendo escolha a não ser seguir seu pai.

***

Limpando lágrimas secas, Hu Liena silenciosamente desceu a montanha. Colocando sua mente em ordem, sua face gradualmente se acalmou. Ela sabia que não tinha o privilégio de agir impetuosamente.

Após se tornarem órfãos quando crianças, foi o Hall dos Espíritos que cuidou dela e de seu irmão. Foi o Hall dos Espíritos que os treinou. Deixando eles possuírem tudo o que eles tinham agora. Hu Liena sabia claramente o quanto sua professora havia investido nela.

Essa gentileza sozinha era algo que ela jamais conseguiria retribuir em toda sua vida.

Portanto, no dia da sua cerimônia de maioridade, ela já havia jurado devotar sua vida para o Hall dos Espíritos.

Sentimentos como esses eram um luxo extravagante para ela. Para não falar nada daquele homem ser da Escola Céu Claro.

Ela não se atreveu a pensar mais sobre isso, também era apenas por evitar se lembrar daquele breve tempo durante o qual eles atravessaram a Estrada do Inferno que ela conseguia acalmar seu coração.

“Menina.” Uma voz um pouco afiada ecoou à frente.

Hu Liena ergueu sua cabeça para olhar para as duas pessoas paradas silenciosamente, esperando por ela.

Vendo esses dois, Hu Liena se moveu inconscientemente. Após dois anos, ela finalmente não precisava mais sobreviver em meio aos massacres.

“Ancião Fantasma, Ancião Crisântemo.”

Esses dois eram o Douluo Fantasma Gui Mei e o Douluo Crisântemo Yue Guan. A Pontífice Suprema Bibi Dong enviar esses dois grandes Títulos Douluo para esperar por Hu Liena aqui, mostrava o quanto ela a valorizava.

O Douluo Fantasma sorriu: “Meus parabéns menina. Você conseguiu sair. Isso é um grande sucesso. Assim que voltarmos para o Palácio do Pontífice Supremo, nós celebraremos”.

O Douluo Fantasma ainda parecia ilusório. Dando um passo à frente para acariciar a cabeça de Hu Liena, ele disse: “Vamos. O Palácio do Pontífice Supremo sempre esteve esperando por você. Nesses dois anos, ela veio três vezes. A cada vez que ela partiu, seus olhos estavam cheios de impotência e preocupações. Eu acho que ela definitivamente ficará muito feliz de vê-la de volta”.

Os olhos de Hu Liena ficaram quentes. Pensando em tudo que sua professora fez por ela, seus sentimentos por Tang San finalmente foram suprimidos e ela ficou praticamente impaciente para seguir os dois Títulos Douluo para o Hall dos Espíritos.

O que ela não sabia era que após ela e Tang San saírem, toda a Cidade do Massacre havia sido mergulhada num sangue assustador.

***

Dez dias depois, Cidade Céu Dou.

Apesar de dez dias já terem se passado, Tang San ainda não havia se recuperado do ambiente da Cidade do Massacre. Dois anos vivendo de forma vigilante tinha o feito cultivar o hábito de duvidar de tudo.

Apesar de toda a intenção assassina acumulada já estar condensada no Domínio do Deus da Morte no Martelo Céu Claro, ele ainda estava numa constante condição de nervosismo extremo.

O próprio Tang San sabia que isso não era bom, mas como seria tão fácil assim se livrar de um hábito formado durante os dois anos em que ele viveu num mundo de escuridão?

Chegando na Cidade Céu Dou de novo, o coração que a Cidade do Massacre transformou em gelo gradualmente se recuperou um pouco. Entretanto, ele não entendeu o porquê de seu pai trazê-lo para a Capital Imperial de Céu Dou.

Felizmente, agora, suas mudanças físicas eram tantas que mesmo seus conhecidos na Cidade Céu Dou podiam não reconhecê-lo se eles se encontrassem.

Tang Hao levou Tang San para dentro da cidade, a combinação de pai e filho parecia um pouco estranha. Embora Tang San também usasse roupas simples, ele ainda facilmente chamava a atenção das pessoas após as mudanças na sua aura e aparência.

Uma aparência bela, feições notavelmente um pouco pálidas, a aura nobre ainda imperceptivelmente distribuindo uma energia fria como gelo, todas eram coisas as quais as pessoas prestariam atenção.

Mas Tang Hao ainda tinha aquela aparência desgastada. Ele nunca havia cuidado de sua aparência. Se ele fosse observado atentamente, era possível detectar uma inércia mortal dentro daqueles olhos amarelados. O coração dele já havia morrido quando a mãe de Tang San faleceu.

Andando direto para o centro mais agitado da Cidade Céu Dou, Tang Hao parou diante de um edifício alto.

Tang San subconscientemente seguiu o olhar de seu pai para olhar o prédio diante deles. Essa era uma pequena casa de cinco andares, o que era considerado bem alto mesmo na Cidade Céu Dou. A primeira impressão que essa casa passava para as pessoas era elegância.

O estilo geral da arquitetura era simples e sem decorações, a placa carregava apenas três simples palavras escritas horizontalmente, “Pavilhão da Lua”.

Não havia muitas pessoas entrando e saindo, mas era possível dizer que as pessoas que passavam por ali estavam todas suntuosamente vestidas ou eram pessoas com modos extremamente belos. Tantos homens quanto mulheres.

“Pai, que lugar é esse?” Tang San perguntou.

Tang Hao disse calmamente: “Esse é o lugar onde você irá se purificar. Vamos entrar”.

Falando, Tang Hao tomou a liderança em seguir para o Pavilhão da Lua.

Os dois tinham apenas andado até a porta quando foram bloqueados, dois jovens vestidos de preto barraram o caminho. Os dois jovens pareciam um tanto belos, vestidos adequadamente. Cada um ergueu uma mão, bloqueando o caminho.

O jovem da esquerda disse com uma expressão serena: “Desculpem-me, por favor, vão embora. O Pavilhão da Lua não recebe pessoas malvestidas”.

Tang San franziu o cenho. Embora suas roupas fossem simples, elas estavam extremamente limpas. Claramente eles estavam falando com Tang Hao. Naturalmente dando um passo à frente, Tang San ergueu sua cabeça para olhar para os dois jovens nos degraus, cuspindo com uma voz fria como gelo:

“Saiam da frente”.

Duas ondas de intenção assassina incorpórea pulsaram e aqueles dois jovens tropeçaram para trás como se tivessem sido eletrocutados. Quando eles olharam para Tang San de novo, era como se eles tivessem visto um monstro, olhando um para o outro com terror.

Eles não eram nem Mestres dos Espíritos, como eles poderiam resistir a Tang San que havia acabado de sair da Cidade do Massacre com um corpo cheio de intenção assassina?

Tang Hao olhou para seu filho, mas não disse nada, entrando com passos largos.

Tang San seguiu atrás de seu pai, entrando no Pavilhão da Lua junto dele.

Os dois jovens apenas sentiram uma intenção fria sendo emitida de Tang San e não tiveram a coragem de avançar para bloqueá-los de novo.

Apenas quando a silhueta de Tang San já havia desaparecido do campo de visão deles que eles soltaram a respiração, mas os dois descobriram que suas roupas já estavam encharcadas de suor e um deles correu até a parte de trás do Pavilhão da Lua com muita pressa.

Entrando no primeiro andar do Pavilhão da Lua, a primeira coisa que encontrava com as pessoas era uma leve fragrância.

A tela espiritual era esculpida de álamo amarelo, emitindo uma leve fragrância de madeira. Diante da tela espiritual havia dois tipos de orquídeas de três metros de altura emitindo um leve perfume delicado. Embora eles tivessem dado apenas um passo para dentro do Pavilhão da Lua, ele ainda parecia com um mundo isolado.

Atrás da tela espiritual havia um salão extenso. O chão estava coberto por tijolos quadrados e cinzas de um metro de largura e os arredores estavam apinhados de itens decorativos feitos de todos os tipos de madeiras caras. Atrás de uma grande mesa à frente estavam várias jovens mulheres vestidas de forma simples, mas igualmente refinadas. Dos dois lados do balcão havia escadas elegantes.

Vendo Tang Hao e seu filho, essas jovens mulheres claramente ficaram um pouco surpresas. Elas obviamente não entendiam como pessoas vestidas como Tang Hao podiam entrar.

Tang Hao caminhou à frente, andando até o balcão, e disse para a mulher mais alta: “Diga a Yue-Hua que um velho amigo veio visitá-la”. [2]

A jovem mulher o encarou sem reação por um momento, suas sobrancelhas elegantes se franziram minuciosamente.

“Você é…”

Tang Hao manteve suas mãos atrás das costas.

“Diga a Yue-Hua que ‘quando a lua cheia se despedaça, raros velhos amigos chegam’. Ela saberá quem sou eu.”

Olhando para Tang Hao, então novamente olhando para Tang San ao lado dele, talvez ela tivesse sido influenciada pela aura apática de Tang Hao, pois sua expressão mudou, assentindo e dizendo: “Por favor, espere um pouco”.

Terminando de falar, ela rapidamente foi para o andar de cima subindo as escadas ao lado.

Depois de um tempo, passos notavelmente um tanto barulhentos vieram do andar de cima. Ouvindo o barulho, Tang Hao não pôde evitar franzir um pouco o cenho.

Ao todo, quatro pessoas desceram as escadas. Um deles era um dos dois jovens que estavam na porta antes e os outras três, um eram um homem de meia idade vestido numa longa beca roxa e os outros dois estavam elegantemente vestidos de azul, suas idades não pareciam muito diferentes da do homem de roxo na frente.

O olhar do homem de meia idade de roxo caiu sobre Tang Hao e naturalmente exibiu um traço de aversão, então olhou para Tang San ao lado dele e continuou a descer as escadas.

A jovem mulher alta de antes desceu atrás dos quatro homens, apontando para Tang Hao, ela disse para o homem de roxo em voz baixa: “Gerente, ele está procurando pela Madame”.

O homem de roxo assentiu, sua face subconscientemente exibiu um orgulho altivo. Ele não desceu completamente, ao invés disso parou no meio e se dirigiu para os dois homens de azul atrás dele: “O Pavilhão da Lua só recebe visitantes elegantes, peça a eles para irem embora”.

Os dois homens de idade de azul assentiram e rapidamente se moveram. Eles desceram as escadas rapidamente, mas ainda não passaram a impressão de estarem correndo, ao contrário, eles se moveram ritmicamente. A cada passo, o poder espiritual que eles liberavam aumentaria um pouco, uma pressão incorpórea assaltou os sentidos.

Tang San naturalmente deu um passo à frente. Vendo a face do homem de roxo enquanto ele olhava desdenhosamente para os dois, ele só conseguia pensar em descrever isso como um cão desprezando humanos.

Os dois homens de azul rapidamente chegaram diante de Tang Hao e seu filho, o da esquerda disse: “Por favor, vão embora”.

Tang Hao disse calmamente: “E se eu não for?”

O olhar do homem de azul se virou para o de roxo endereçado como Gerente. O homem de roxo balançou sua mão.n>

“Ainda precisam que eu lhes ensine? Façam eles irem embora.”

Os dois homens de azul se moveram imediatamente, erguendo suas mãos para agarrar os ombros de Tang Hao e Tang San. Tang Hao olhou para seu filho e disse: “Não mate e não danifique o lugar”.

Tang San se moveu. Ele deu apenas um passo à frente, mas aqueles dois homens de azul simultaneamente sentiram uma imensa força de atração vinda de seu corpo e os dois involuntariamente esticaram suas mãos para agarrar Tang San.

Parte 2

Tang San também ergueu suas mãos, imitando aqueles dois homens de azul.

Sua força atual já tinha dado um salto qualitativo e pelas flutuações espirituais do outro lado, ele podia dizer que esses dois deviam ser Ancestrais Espirituais do quadragésimo nível.

Enfrentando oponentes como esses com sua força presente, como eles poderiam ter alguma chance?

Exceto por Tang Hao, ninguém viu o que Tang San fez. Com apenas um flash de uma sombra branca ilusória, os dois homens de azul explodiram para trás, seus braços estendidos já pendiam moles.

Tang San olhou friamente para os dois, “estenda uma garra e eu vou me livrar de uma. Estenda outra e ela desaparecerá. Nós estamos aqui para ver a proprietária, não para ver cães de guarda”.

Talvez por causa da luta, uma forte intenção assassina escapou de seu corpo, fria como gelo, cheirando à sangue, sedenta por sangue e perversa. Uma atmosfera severamente negativa envolveu esse primeiro andar do Pavilhão da Lua em praticamente um instante.

As várias atendentes atrás do balcão olharam uma para a outra e ficaram pálidas, tremendo e recuando. Se não fosse pelo que Tang Hao disse antes, esses dois homens de azul já estariam mortos agora.

Vendo a intenção assassina que seu filho emitiu, as sobrancelhas de Tang Hao se franziram profundamente. Ele sabia que a influência da Cidade do Massacre em Tang San ainda estava longe de ser removida.

Tang Hao sabia muito mais do que Tang San imaginava. Embora ele não tivesse dito ou mostrado isso, na verdade, agora Tang San podia ser considerado seu único suporte mental nesse mundo.

Ele sempre esteve observando Tang San em segredo nesses dois anos de treinamento na Cidade do Massacre. Nem o Rei do Massacre sabia que esse Deus da Morte já havia se infiltrado na Cidade do Massacre muito tempo antes.

Ele soube até quando Tang San finalmente saiu da Estrada do Inferno com Hu Liena. Vendo seu filho finalmente escolher levar Hu Liena para fora da Estrada do Inferno, ele se sentiu muito satisfeito. Um inimigo formidável não era terrível, terrível era perder o próprio coração.

Embora ele soubesse que a condição atual de Tang San parecia bem normal, internamente ele ainda estava um pouco preocupado e ainda mais determinado a cultivá-lo de acordo com o plano original.

O homem de roxo ficou sem reação por um momento, descendo das escadas num flash, com suas mãos pressionando os ombros de seus dois subordinados. Sua face imediatamente mudou. Encarando Tang San fixamente, ele disse em voz baixa: “Um estilo perverso”.

Os ossos dos braços dos homens de azul foram inesperadamente quebrados em pedaços minúsculos, claramente sem chance de recuperação. Mesmo se eles fossem curados, eles não seriam capazes de usar tanta força quanto antes.

Tang San deu um sorriso frio, “para cachorros que desprezam as pessoas, eu já comecei de forma leniente”.

O homem de roxo soube que ele havia cometido um erro de julgamento antes. Ele não esperava que esse jovem fosse, na verdade, tão poderoso. Mesmo que nenhum de seus subordinados tivesse liberado seu espírito, com seu poder espiritual, terem seus braços arruinados por Tang San mostrava a força desse jovem. Qual era a idade dele? O homem de roxo achou um pouco difícil de imaginar.

Amarelo, amarelo, roxo, roxo, preto e preto. Seis anéis de espírito se moveram de forma ordeira e rítmica. O poder espiritual que ele liberou parecia um pouco familiar para Tang San. A configuração dos seis anéis de espírito dessa pessoa era excelente. Parecia que ele tinha cerca de cinquenta anos, ser capaz de possuir a força de seis anéis de espírito já era muito bom.

Com um sorriso frio, Tang San deu outro passo à frente, também liberando seu espírito simultaneamente. Todos o encararam com expressões de espanto. Amarelo, amarelo, roxo, preto e preto, cinco anéis de espírito apareceram silenciosamente. A inteira aura imponente de Tang San foi liberada, basicamente não contendo nada. Uma intenção assassina formidável fez parecer que o inteiro Pavilhão da Lua tremeu.

“Isso, isso é impossível.”

O homem de roxo tinha uma configuração de anéis de espírito ideal. Vendo os cinco anéis de espírito que Tang San revelou, ele praticamente não se atreveu a acreditar em seus olhos.

Já não importava mais a idade desse jovem, ter cinco anéis de espírito com o do nível de dez mil anos começando no quarto o deixou completamente chocado.

O que o surpreendeu ainda mais foi a pressão extraordinária que Tang San liberou em seguida. O homem de roxo apenas sentiu todo seu poder espiritual parecer ser completamente suprimido por essa aura particular. Mesmo a luz dos seus seis anéis de espírito começou a diminuir. Apesar dele ainda conseguir congregar seu poder espiritual, ele só conseguia reunir cerca de setenta por cento. Sua força foi massivamente reduzida.

Quase impacientemente, o homem de roxo ergueu sua mão direita. Uma vinha roxa brilhante rastejou de sua palma. Numa fração de segundo, ele se cercou com uma tela protetora roxa.

Vendo os anéis de espírito do oponente escurecendo, Tang San também se distraiu. Mas quando ele viu a vinha roxa, ele não conseguiu conter um traço de um sorriso, pensando consigo mesmo: ‘Não é de se admirar’.

O espírito do homem de roxo era um Rei Vinha Fantasma do tipo planta, uma forma evoluída da Vinha Fantasma do segundo anel de espírito de Tang San. A razão pela qual ele foi suprimido pela pressão de Tang San era bem simples, era por causa do espírito de Tang San.

A Grama Azul Prateada tinha evoluído para o Imperador Azul Prateado, e como o monarca do reino botânico, o Imperador Azul Prateado tinha um efeito supressor formidável contra qualquer espírito do tipo planta. Apenas a aura já era o suficiente para fazer o Rei Vinha Fantasma do oponente tremer.

Porque, embora Tang San estivesse um nível abaixo do oponente, ele na verdade tinha a vantagem com sua atual aura imponente. Tang San tinha confiança completa em conseguir derrotar esse oponente diante dele sem usar o poder adicional de seus ossos espirituais.

Exatamente nesse momento, uma voz um pouco fria repentinamente ressoou: “Pare”.

O homem de roxo e Tang San simultaneamente se viraram para olhar na direção das escadas, apenas para ver uma graciosa e luxuosa mulher lentamente descê-las. Atrás dela ainda seguiam duas belas jovens mulheres.

Vendo essa bela mulher, Tang San não pôde evitar ficar um pouco surpreso, porque ele inesperadamente não conseguia ver sua verdadeira idade. À primeira vista, ela parecia ter uns vinte e sete, vinte e oito anos, mas seus olhos pareciam entender de tudo, isso não era algo que uma mulher de vinte e sete anos possuía.

O longo vestido com decorações prateadas parecia abraçar seu corpo, e se Tang San tivesse que compará-la a alguém que ele conhecia, apenas em temperamento, talvez somente a Pontífice Suprema do Hall dos Espíritos, Bibi Dong, poderia ser mencionada na mesma sentença.

A diferença era que ela não tinha a pressão de Bibi Dong, mas ela não era nem um pouco inferior em nobreza. Além disso, essa mulher não tinha o menor traço de flutuações de poder espiritual, ela claramente não era uma Mestra dos Espíritos.

Tang Hao simultaneamente também ergueu sua cabeça para olhar para a bela mulher. Ela calmamente desceu do andar superior, cada movimento parecia gracioso e natural. Mesmo que suas sobrancelhas estivessem levemente franzidas, isso não depreciou nem um pouco sua aparência.

“Gerente Aude, o que está acontecendo?” A bela mulher perguntou suavemente.

O homem de roxo apressadamente deu alguns passos à frente. Enquanto cuidadosamente alertava contra Tang San e Tang Hao, ele disse para ela: “Madame, esses dois vieram causar problemas. Por que você desceu?”

O olhar da bela mulher passou por Tang San. Quando ela viu a bizarra configuração dos cinco anéis de espírito que Tang San tinha, seu olhar também exibiu um leve choque.

“Com uma intenção assassina tão poderosa aparecendo, como eu poderia não perceber isso? O que está acontecendo afinal?”

Sua última pergunta foi direcionada para as jovens mulheres atrás do balcão tremendo severamente por causa da intenção assassina de Tang San.

Exatamente nesse momento, uma cena fantástica ocorreu. Tang San claramente sentiu uma onda gentil ser liberada daquela bela mulher vestida delicadamente. As ondas que ela liberou eram graciosas e naturais, tão gentis que pareciam ser capazes de acalmar toda a tristeza do mundo.

Sua intenção assassina tocou a aura peculiar dela e inesperadamente desapareceu, rápido, como neve derretendo. O primeiro andar inteiro do Pavilhão da Lua também se tornou calmo e natural de novo.

Domínio, certamente aquilo era um Domínio. Possuindo dois grandes Domínios, Tang San instantaneamente sentiu qual era a causa das flutuações dessa bela mulher. Porém, se ela possuía um Domínio, como ela podia não ter qualquer flutuação de poder espiritual?

Poderia ser que ela já era tão formidável que podia ocultar seu poder espiritual dos sentidos dele? Se sim, isso significaria que essa mulher era do nível de um Título Douluo.

Quando Tang San estava preparado para liberar seu Domínio do Deus da Morte para testar isso, seu ombro foi agarrado pela mão esticada de Tang Hao. Se virando para olhar para seu pai, ele apenas viu Tang Hao balançar sua cabeça para ele e ele deixou de lado seus pensamentos de liberar o Domínio do Deus da Morte.

Perdendo a influência da intenção assassina, as várias jovens mulheres lentamente se aproximaram. Aquela mulher mais alta de antes apressadamente disse algumas sentenças para a bela mulher em voz baixa. Com a audição incrível de Tang San, ele claramente ouviu aquela jovem mulher descrever como eles foram barrados por causa das roupas velhas de Tang Hao, assim como a mensagem que Tang Hao a mandou transmitir.

Quando a bela mulher ouviu as palavras ‘raros velhos amigos’, as flutuações que ela distribuía foram esmagadas praticamente num instante. No momento seguinte, seu corpo tremeu violentamente. Terminando de descer as escadas com passos rápidos, seus movimentos pareceram até um pouco frenéticos.

Seu temperamento originalmente gracioso e harmonioso foi inesperadamente, completamente quebrado nesse momento.

Todos no Pavilhão da Lua ficaram estupefatos, eles nunca haviam visto a Madame desse jeito.

A bela mulher rapidamente andou até Tang Hao e sem se importar com Tang San ao seu lado, agarrou os ombros de Tang Hao com suas mãos. Seus olhos já estavam cobertos por lágrimas.

“Hao, é realmente você? Você, por que…”

Sentindo que a mulher não tinha o menor traço de hostilidade para com seu pai e, além disso, se lembrando do que seu pai disse sobre velhos amigos antes, Tang San deu um passo para trás, recolhendo seu espírito.

Olhando para a bela mulher, Tang Hao suspirou levemente.

“Sou eu Yue-Hua, eu quase não a reconheci.”

Na face de Tang Hao, Tang San viu, para sua surpresa, um traço de auto depreciação.

Os lábios da bela mulher tremeram e ela vigorosamente se jogou nos braços de Tang Hao, chorando alto. Suas duas mãos envolveram a cintura de Tang Hao com força, como se ela quisesse se fundir a Tang Hao. Agora não havia nenhum traço remanescente de sua graça.

Essas eram lágrimas amargas inteiramente causadas pela emoção, deixando as pessoas incapazes de evitar olhar de esguelha.

Parte 3

As pessoas do Pavilhão da Lua ficaram todas sem vida e Tang San também ficou um pouco surpreso, pois ele inesperadamente viu seu pai acariciar suavemente as costas daquela bela mulher e sua face revelou uma expressão gentil. Era difícil imaginar que esse tipo de expressão apareceria em seu pai.

Após muito tempo, o choro da bela mulher finalmente se acalmou. Lentamente erguendo sua cabeça para olhar profundamente para Tang Hao, então novamente virando sua cabeça para olhar para Tang San ao lado.

“É ele? O filho seu e dela?”

Tang Hao assentiu silenciosamente e Yue-Hua endireitou sua postura, se virando para Tang San com olhos cheios de lágrimas e erguendo sua mão para tocar a face dele.

Tang San franziu o cenho, naturalmente recuando um passo, escapando do alcance da mão dela.

As sobrancelhas elegantes de Yue-Hua se franziram levemente.

“Do que você está fugindo. Eu sou sua tia.”

“Hã?”

Tang San arregalou os olhos, olhando para a bela mulher diante dele, então novamente olhando para seu velho pai, ele não conseguia ver nada que sugerisse que os dois fossem irmãos.

Tang Hao assentiu para Tang San, “ela é sua tia”.

Yue-Hua estendeu sua mão mais uma vez e dessa vez Tang San não se esquivou. Tia. Essa palavra era completamente desconhecida para ele. Entretanto, uma sensação do sangue ser mais denso do que a água fez ele instantaneamente abaixar sua guarda para com essa mulher diante dele.

Suavemente acariciando a face de Tang San, os cantos dos olhos de Tang Yue-Hua se avermelharam de novo. [3]

“Você se parece com o seu pai quando ele era mais novo e também com a sua mãe.”

Ouvindo isso, as defesas no coração de Tang San desmoronaram completamente, perdendo toda a aura imponente de antes.

As pessoas do Pavilhão da Lua já estavam de bocas abertas. Eles jamais teriam imaginado que esse velho homem aparentemente sujo e abatido na verdade era o irmão mais velho da Madame.

Se virando, olhando de forma reprovadora para Tang Hao, Tang Yue-Hua disse irritada: “Depois de tantos anos, só agora você vem me procurar? Vamos, me sigam até o andar de cima”.

Terminando de falar, Tang Yue-Hua agarrou a mão de Tang San e se virou para seguir para cima.

Tang Hao olhou um pouco impotentemente para sua irmã mais nova, mas sua expressão atual estava mais relaxada do que ela havia estado em anos.

Chegando no início das escadas, Tang Yue-Hua virou sua cabeça para dizer ao gerente Aude: “Tudo o que você acabou de ver nunca aconteceu. Eu vou deixar esse problema com você, entendido?”

Aude disse apressadamente: “Sim, Madame”.

A mão de Tang Yue-Hua era bem quente e também bem macia. Segurado por ela, Tang San sentiu como se ele tivesse voltado a ser uma criança. Ela levou Tang Hao e Tang San diretamente para o último andar do Pavilhão da Lua.

Enquanto andava, Tang Yue-Hua secou suas lágrimas e disse para Tang San: “Criança, qual é o seu nome?”

“Eu me chamo Tang San.”

Tang Yue-Hua ficou levemente rígida. Virando sua cabeça para olhar para Tang Hao, ela não pôde evitar soltar um leve suspiro.

O andar superior do Pavilhão da Lua era um salão imenso, decorado ainda mais graciosamente do que o primeiro. Estando familiarizado com plantas, Tang San ficou chocado ao descobrir que os móveis eram inesperadamente todos feitos de madeira de ágar, fazendo com que o edifício inteiro emitisse um leve perfume.

O que era madeira de ágar? Uma madeira de alta qualidade que valia mais do que seu peso em ouro. Apenas a mobília desse salão valia uma soma astronômica.

Ao redor do salão havia ao todo quatro portas deslizante, levando para áreas desconhecidas. A impressão que esse lugar passava era confortável, pacífica, silenciosa e elegante. Não era deslumbrante, mas o cheiro de madeira fazia os corações das pessoas relaxarem.

Tang Yue-Hua sorriu: “O andar superior é minha área privada. Sem minha permissão, ninguém subirá aqui. Sentem-se”.

Ela empurrou Tang San em uma cadeira, então se virou para olhar para Tang Hao, “Ge, como é que você ficou desse jeito?”

Tendo acabado de suprimir suas emoções, quando ela olhou para a face envelhecida de Tang Hao, ela não conseguiu evitar ficar agitada de novo.

Tang Hao sorriu levemente, “garota boba, quando foi que você virou uma chorona? Isso não parece com você”.

Tang Yue-Hua disse furiosamente: “Não foi por sua culpa? Já se fazem quantos anos? Você nem mesmo enviou uma mensagem”.

Tang Hao ficou em silêncio e se aproximou para se sentar ao lado de Tang San. Ele abaixou sua cabeça, dizendo com a voz fraca: “O irmão mais velho, ele ainda está bem?”

Tang Yue-Hua ficou sem reação por um momento. Depois de muito tempo, ela lentamente balançou sua cabeça.

“Eu não sei. Você também conhece o irmão mais velho. Ele esconde tudo no fundo do seu coração. Da última vez em que eu estive em casa, eu acidentalmente vi ele segurando uma imagem de nós três quando crianças. Mesmo eu não sei o que ele estava pensando.”

Tang San sentiu seu pai ao lado dele enrijecer por um momento.

“Fui eu quem desapontou a seita.”

Tang Yue-Hua disse indiferentemente: “Qual é o sentido de dizer isso agora? Desta vez você voltou após muitas dificuldades. Não importa o que você disser, eu não vou deixá-lo ir embora de novo. Você definitivamente tem que voltar comigo. Nosso irmão… Nosso irmão mais velho sempre sentiu sua falta”.

Tang Hao deu um sorriso de canto: “Voltar? Já faz muito tempo que eu não sou mais um membro da Escola Céu Claro. Como eu poderia voltar? Yue-Hua, mesmo que eu tenha decepcionado a seita, eu ainda não me arrependo de nada do que eu fiz. O irmão mais velho, ele ainda não se casou?”

A expressão de Tang Yue-Hua fechou, sua face charmosa e graciosa ganhou uma camada fria como gelo.

“O irmão mais velho não é uma pessoa impetuosa como você, ele é mais responsável e obediente do que você. Tudo na seita ainda depende dele. Ele só pode valorizar aqueles sentimentos por não tomar uma esposa. Segundo irmão, você realmente não quer voltar para vê-lo? A seita mudou para sua aparência atual, a magnífica seita número um do mundo está, de fato, se escondendo. Você entende o sofrimento dos discípulos da seita? Volte comigo, com nós três trabalhando como um, eu não temo nem lutar contra o Hall dos Espíritos.”

Tang Hao se levantou, lentamente andando até o centro do salão, com suas costas viradas para Tang Yue-Hua.

“Yue-Hua, meu coração já está morto, o impulso de antes já não existe mais. No momento em que a Ah Yin morreu, meu coração a seguiu. Eu não posso mais ajudar a seita. Quanto às desculpas, eu não quero pedi-las ao irmão mais velho. Eu acredito que ele entende isso.”

“Entende não. Você, o magnificente mais jovem Título Douluo do mundo, ainda diz que não pode ajudar a seita? O irmão mais velho consegue realmente entendê-lo?”

O corpo delicado de Yue-Hua já estava tremendo um pouco de fúria.

Tang Hao ficou parado ali silenciosamente, a silhueta de suas costas parecendo muito solitária.

Tang San também se levantou, olhado para a agitada Yue-Hua.

“Tia, não force mais o meu pai. Não é que ele não queira ajudar a seita. Ao contrário, ele já não pode. Seu corpo…”

“Já chega.” Tang Hao interrompeu Tang San.

“Yue-Hua, eu vou deixar o meu pequeno San com você. Ele acabou de sair da Cidade do Massacre. Apenas você pode ajudá-lo agora.”

Falando isso, ele balançou seu braço e jogou um mapa de pele de cordeiro nas mãos de Tang San.

“Em um ano, venha me encontrar no vale da montanha de acordo com esse mapa.” Terminando de falar, ele diretamente andou para fora.

“Fique parado.”

Tang Yue-Hua o seguiu com passos largos. Talvez por ela ter se movido muito rápido, o vestido que ela usava inesperadamente emitiu um som de rasgo.

Alcançando as costas de Tang Hao em alguns passos, a mão de Tang Yue-Hua rapidamente caiu sobre seu ombro. As flutuações do Domínio que Tang San sentiu antes apareceram de novo agora.

Tang Hao parou.

“Yue-Hua, diga ao irmão mais velho que o pequeno San é minha retribuição para a seita. Em um ano, após ele ir me ver, leve-o de volta para a seita para reconhecer seus ancestrais e suas raízes. O que eu não consegui realizar, ele fará no meu lugar. Além disso, diga ao irmão mais velho que ele é o filho meu e de Ah Yin e também meu único filho.”

“Ge!”

Tang Yue-Hua gritou. No momento seguinte, a silhueta de Tang Hao já havia sumido da frente dela, desaparecendo silenciosamente.

Se Tang Hao quisesse ir embora, quantas pessoas nesse mundo podiam pará-lo?

Tang Yue-Hua ficou parada ali, com suas lágrimas escorrendo silenciosamente. Vendo seu irmão mais velho de novo após vinte anos, depois de se encontrarem tão brevemente, ela de repente sentiu seu coração doer profundamente. Não apenas porque Tang Hao havia partido, mas também por causa da dor que esse seu segundo irmão carregava.

Tang San não se moveu. Seu pai mandou ele ficar, então ele apenas ficou. Parado silenciosamente atrás de Tang Yue-Hua, esperando.

Depois de muito tempo.

Secando as lágrimas de sua face, os olhos de Tang Yue-Hua não ficaram inchados ou vermelhos por causa do choro, lentamente se virando, ela olhou para Tang San com uma expressão um pouco complicada.

“Seu pai te contou sobre ele e sua mãe?”

Tang San silenciosamente balançou sua cabeça, “você pode me contar?”

Tang Yue-Hua suspirou suavemente, “já que ele não quer te contar, eu também não posse te falar fora da minha deixa. Talvez, daqui a um ano, ele te conte tudo. Pelo que eu vi, ele tem bastante confiança em você. Senão, ele não diria que o deixará como retribuição para a seita. Você deve fazer dezenove este ano”.

Tang San disse: “Em dois meses”.

Tang Yue-Hua sorriu levemente, “seu pai cruzou a Estrada do Inferno da Cidade do Massacre quando tinha vinte e oito anos. Você fez isso quase dez anos antes do que ele. Parece que você realmente é a esperança da seita. Você sabe o que ele deixou para você estudar aqui comigo durante um ano?”

Tang San balançou sua cabeça silenciosamente.

Tang Yue-Hua observou Tang San com um olhar abrasador.

“Durante o próximo ano, eu te instruirei em todos os tipos de etiqueta nobre e em música.”

“Você não está brincando?” Tang San olhou atônito para essa tia que ele conhecia há menos de duas horas.

Tang Yue-Hua disse severamente: “Eu pareço estar brincando? Em um ano, se você não conseguir alcançar meus estandartes, eu não deixarei você ir ver seu pai”.

Tang San olhou estupidamente para a tia diante dele. Ele jamais imaginou que seu pai não havia o trazido ali para continuar cultivando e sim para aprender essas coisas completamente inúteis.

Tang Yue-Hua olhou quase rindo com a expressão boba de Tang San.

“Logo você entenderá os benefícios dessas coisas. Uma pessoa, não importa o quão formidável ela seja, não tem força suficiente. Como seu pai, ele já é muito formidável, mas no que ele se transformou agora? Ele não quer que você siga o caminho da carroça capotada. De agora em diante, eu sou sua tia e também sua professora.”

Tang San sorriu um pouco ironicamente: “Tia, eu realmente tenho que aprender essas coisas de etiqueta?”


Tradutora: Brinn   |   Editor: Myko



[1] Originalmente, aqui estava a expressão (铅华洗尽) que é traduzida como “lavando flores de chumbo”, se referindo às antigas maquiagens à base de chumbo. Essa expressão é parte da ideia Daoísta de livrar-se de todas as preocupações mundanas para revelar seu verdadeiro eu sem pretensão.

[2] Yue-Hua – (月华) “Luz da Lua”.

[3] Tang Yue-Hua – (唐月华) “Tang Luz da Lua”.


Fontes
Cores