ATG – Capítulo 1370 – Uma Conclusão


Yun Che não se mexeu para colocar Ling Jie de pé. Na verdade, ele não ficou nada surpreso com o fluxo de ações.

Isso por saber muito bem que o caso a respeito de Chu Yuechan sempre pesou muito no coração e cabeça de Ling Jie… Mesmo ele nunca tendo feito nada de errado, isso era apenas parte de seu temperamento e personalidade que Yun Che tanto admirava nele.

— Mamãe? — Yun Wuxin, que não estava acostumada a fazer contato com estranhos, se escondeu atrás de Chu Yuechan inconscientemente enquanto mantinha um olhar confuso.

A reação de Chu Yuechan foi extremamente calma e suave.

— Você não precisa fazer isso. Nada disso tem a ver com você e tampouco foi culpa sua.

— Não. — Ling Jie balançou a cabeça, sua voz estava rouca e solene. — Como filho daquela pessoa, eu naturalmente devo pedir perdão pelos pecados de minha mãe. No passado, por o ciúme dela ter se transformado em ódio, ela fez algo que seria difícil de perdoar… Mas, felizmente, os céus tiveram piedade de você e você acabou sã e salva. Se não… se não…

Quando ele chegou nesse ponto, ficou tão emocionado que não conseguiu continuar.

Ele já não era mais o mesmo Ling Jie do passado, aquele que era tão ingênuo e imaturo. Agora, ele era o renomado Santo da Espada do Vento Azul, famoso por suas proezas marciais. Mas, naquele momento, lágrimas escorriam de seus olhos como se fossem chuva, e ele não conseguia impedir o fluxo que não parecia ter fim.

Depois que Yun Che derrotou Xuanyuan Wentian naquele tempo, ele massacrou dois grandes Solos Sagrados, o Salão Divino do Sol e da Lua e a Região da Poderosa Espada Divina, e aquilo só podia ser considerado cruel e impiedoso. No entanto, ele poupou Xuanyuan Yufeng… Uma pessoa que ele definitivamente odiava a um nível extremo.

Ling Jie entendeu o motivo para ele ter feito isso… era por ela ser sua mãe.

Assim, para Ling Jie, Yun Che fez um favor extremamente grande e mostrou uma quantidade extrema de afeto e camaradagem. Porém, ao mesmo tempo, isso também se tornou um fardo pesado e difícil de largar. Como resultado, ele deixou a Vila da Espada Celestial e viajou por todo o país tendo apenas a espada como companheira, na esperança de um dia encontrar Chu Yuechan, cujo paradeiro era desconhecido.

Mesmo ele não tendo encontrado Chu Yuechan pessoalmente, ao vê-la sã e salva com os próprios olhos, ao ver ela com Yun Che, ele poderia finalmente largar esse fardo pesado e uma boa quantidade de culpa.

— Pequeno Jie — disse Yun Che com as sobrancelhas franzidas — você acabou de dizer… “sua falecida mãe”?

Ling Jie fechou os olhos e falou com uma voz gentil:

— Naquele tempo… depois que a Região da Poderosa Espada Divina foi destruída, o temperamento e personalidade de minha mãe passaram por uma grande mudança e ela começou a sofrer com pesadelos diários… Numa noite, dois anos atrás, ela voltou ao lugar onde costumava ficar a Região da Poderosa Espada Divina, bem no lugar em que conheceu o meu pai, e lá… cometeu suicídio…

Ling Jie falou essas palavras com muita dificuldade.

O peito de Yun Che subiu e desceu, e ele soltou um longo suspiro.

— Mesmo minha mãe tendo partido, seus pecados ficaram. Como filho dela, naturalmente preciso pedir perdão por eles.

Quando essas palavras soaram aos ouvidos de Yun Che, elas o fizeram sentir uma súbita sensação de desconforto enquanto falava ansiosamente:

— Pequeno Jie, você…

Mas, como o atual ele poderia parar Ling Jie? A Espada Celestial Yang sob os pés dele voou enquanto um feixe de luz arco-íris brilhava.

Quando a espada cortou o ar, decepou o dedo do meio e o anular da mão esquerda de Ling Jie, mandando-os voando para longe.

— AH! — Feng Xian’er e Yun Wuxin soltaram gritos de alarme ao mesmo tempo.

Chu Yuechan desviou seu olhar sempre nevado da cena horrenda enquanto soltava um suspiro suave.

— O pecado não era seu, por que você fez isso?

— Pequeno Jie, o que você… — Quando Yun Che viu os dedos cortados voarem para longe enquanto eram carregados para longe, balançou a cabeça.

Para um praticante do profundo que passou a vida inteira cultivando no caminho da espada, o que a perda de dois dedos representava? Era evidente.

Depois de cortar dois dedos, o que apareceu no rosto de Ling Jie não foi dor, mas sim alívio. Era como se ele tivesse se libertado de uma responsabilidade pesada. O que ele cortou não foram apenas dois dedos, mas também as correntes que ele havia enrolado em seu coração e alma por todo esse tempo.

Ling Jie era, sem dúvidas, alguém que considerava a amizade e irmandade algo extremamente sério.

Ele pensou em quando conheceu Yun Che. Naquele tempo, ele era o Segundo Jovem Mestre da Vila da Espada Divina e Yun Che era só um discípulo desconhecido do Palácio Imperial Vento Azul, ele tinha perdido para Yun Che e, apesar de ter perdido devido a um esquema, ainda aceitou a derrota de todo o coração e estava disposto a ser o irmão mais novo de Yun Che, mesmo sendo o Segundo Jovem Mestre da Vila da Espada Divina.

Desde aquele dia até o atual, não importava quantas grandes ondas ele tivesse experimentado em sua vida, ele nunca mudou.

Embora Xuanyuan Yufeng fosse uma mulher perversa, no mundo de Ling Jie, era apenas sua mãe, a mãe que o pariu e criou, que o amou sem limites. Assim sendo, ele também queria usar sua própria vida para protegê-la e estaria disposto a perder seus dedos, não importando o custo.

— Yuechan — disse Yun Che — sobre Xuanyuan Yufeng, você…

— Eu não a odeio mais. — Sem esperar que Yun Che terminasse de falar, Chu Yuechan proclamou com uma voz suave e distante. — Já faz muito tempo que até esqueci como ela era.

Aquelas palavras suaves que saíram de seus lábios fizeram Ling Jie, que estava fazendo todo o possível para segurar as lágrimas, tremesse sem parar enquanto as lágrimas mais uma vez escorriam de seus olhos.

— Certo, então eu também a perdoarei — disse Yun Che enquanto ria de leve. Depois disso, ele lançou um olhar sincero para Ling Jie, dizendo: — Mesmo que ela quase tenha tomado minha Pequena Fada… no final, ela está sã e salva, minha filha também. Além do mais, se não fosse por sua mãe, nós seríamos bons irmãos nesta vida, então… vamos ser isso a partir de agora.

As palavras ditas por essas duas pessoas, especialmente as que saíram da boca de Chu Yuechan, foram sem dúvida uma salvação calorosa e gentil para o coração e alma de Ling Jie. Seu coração estava cheio de emoções, e por um momento ele achou difícil até mesmo falar, e até tentou se curvar mais uma vez…

— Está bom, já chega! O que você está esperando, se apresse e fique de pé! — Yun Che avançou e o puxou com bastante força. A partir de agora, minha Pequena Fada é sua cunhada, não sua sênior! Por que você teima em se curvar?!

Ling Jie ficou sem palavras.

— Mamãe, o que é uma cunhada? — perguntou Yun Wuxin em voz baixa.

Chu Yuechan nem mesmo soube o que dizer.

— Isso mesmo! — disse Yun Che com uma voz indignada. — Felizmente você cortou os dedos bem na minha frente, mas da próxima vez podia me avisar primeiro! Você assustou a minha filha, não sabia?! O que está esperando?! Como é que ainda não se levantou?!

— Eh…? — Ling Jie ficou instantaneamente impressionado com as palavras de Yun Che. — Sua… filha?

Cough…

— Wuxin — o rosto de Yun Che ficou rígido quando ele assumiu a postura poderosa e severa de um pai —, este é seu tio Ling Jie. Seu ato de cortar os próprios dedos foi extremamente errado, você definitivamente não deve aprender isso com ele!

Yun Wuxin afastou os lábios e metade do corpo dela estava escondido atrás de Chu Yuechan. Depois disso, ela falou bem baixinho:

— Tio… Ling Jie?

Quando ele olhou para Yun Wuxin, Ling Jie abriu a boca e gaguejou:

— Ela… Ela, ela, ela, ela, ela… ela é sua filha?

— Isso mesmo — concordou Yun Che balançando a cabeça.

Enquanto Ling Jie gaguejava sem parar, ele se levantou com pressa e, ao mesmo tempo, rapidamente usou sua profunda energia para parar o sangue que fluía de seus dedos decepados… Toda a Nação Vento Azul sabia sobre a gravidez de Chu Yuechan no passado, mas essa conversa já existia fazia mais de uma década… Ling Jie havia percebido Yun Wuxin há muito tempo, mas nem imaginou que essa garota, que tinha um pouco mais de dez anos, seria na verdade a filha de Yun Che.

Ele apalpou todo o seu corpo de leve e procurou em seu anel espacial, mas não conseguiu encontrar nada decente ou adequado. Depois, porém, fortaleceu seu coração e tirou o precioso pedaço de jade que sempre estava pendurado em seu peito, antes de se inclinar em direção de Yun Wuxin e dizer:

— Nunca imaginei que o Chefe fosse realmente ter uma filha, e que ela já seria tão grande assim. Você se chama… Wuxin, certo? Que nome adorável. O tio não trouxe nada de decente para você, então vou te dar isso… como um presente de saudação.

Quando Yun Che olhou para o precioso pedaço de jade na mão de Ling Jie, sua boca tremeu de leve.

Era claramente o medalhão do Jovem Mestre da Vila que pertencia à Vila da Espada Divina.

Com esse medalhão, Yun Wuxin poderia ir aonde quisesse quando visitasse a Vila da Espada Divina… Mesmo que ela já pudesse fazer qualquer coisa, incluindo sem esse medalhão.

O corpo de Yun Wuxin encolheu um pouco antes de ela perguntar com uma voz suave:

— Mamãe, posso aceitar isso?

Chu Yuechan sorriu um pouco ao acenar com a cabeça.

— Como é o presente de saudação que o tio Ling Jie te deu, então pode aceitar.

Foi só depois de escutar isso que Yun Wuxin estendeu a mão para pegar. A preciosa jade em sua mão irradiava uma luz estranha que ela nunca tinha visto antes. Suas sobrancelhas logo se levantaram com o prazer e ela soltou uma risada animada.

— É tão bonita. Obrigada… Tio Ling Jie?

Era como se ela ainda não tivesse tanta certeza sobre esse tipo de tratamento, já que suas palavras pareciam ter terminado com certa pitada de dúvida.

— Não precisa me agradecer, não precisa me agradecer. Isso é o mínimo que devo fazer. — Ling Jie logo acenou com as mãos antes de falar com Yun Che. — Ela realmente é a filha do Chefe, com certeza é uma criança encantadora e cativante.

Se ele soubesse que essa garotinha com apenas onze anos de idade tinha um nível de cultivo superior ao dele, provavelmente ficaria tão chocado que se prostraria de joelhos mais uma vez.

Yun Che agarrou a mão de Ling Jie e olhou para os dedos decepados antes de soltar um suspiro suave.

— Pequeno Jie, de agora em diante, você não poderá mais falar uma palavra sobre redenção ou perdão.

— Tudo bem! — Ling Jie concordou cheio de alegria, seus olhos brilhavam alegres. Seus olhos estavam mais brilhantes do que em qualquer ano anterior de sua vida.

— Chefe, sua profunda força realmente…? — perguntou ele como se ainda não conseguisse acreditar que isso era verdade.

— Mn — concordou Yun Che com um leve sorriso no rosto. — Mas isso não importa mais, ao menos estou vivo e bem. Além disso, mesmo eu não tendo mais profunda força, ainda está tudo bem. Você nunca pensou sobre quem são as mulheres ao meu redor…?

Depois que de repente sentiu o olhar de Chu Yuechan se fixando nele, a voz de Yun Che parou de repente enquanto ele corria para mudar de assunto.

— Tenho as pessoas mais poderosas do mundo ao meu lado, quem poderia me prejudicar?!

Ser completamente aleijado de maneira tão profunda era sem dúvidas o golpe mais cruel para qualquer praticante. Quanto mais forte estivesse no caminho do profundo, mais cruel seria o golpe. Mas, ao ver o estado atual de Yun Che, Ling Jie suspirou cheio de emoções no coração falando com extrema sinceridade:

— Como esperado de você, não importa se for meu avô ou Xuanyuan Wentian… Neste mundo, não há realmente nada que possa te abalar.

Yun Che riu enquanto balançava a cabeça.

— Então você esteve viajando pelo mundo durante todos esses anos?

— Mn. — A expressão de Ling Jie estava firme. — Agora não somos mais amparados pela Região da Poderosa Espada Divina, então, a Vila da Espada Divina finalmente possui real liberdade. No passado, a Vila da Espada Divina cometeu um erro atrás do outro, acabando com todo o seu prestígio. Usando minha espada, irei reconstruir a confiança e a antiga glória da Vila da Espada Divina.

Yun Che deu um tapinha no ombro de Ling Jie e disse:

— Se for você, então com certeza conseguirá.

— A partir de agora, devo ficar principalmente na Cidade Imperial Demoníaca do Reino do Demônio Ilusório. Se você passar por lá, não se esqueça de me procurar e me encontrar para que eu possa verificar seu desenvolvimento pessoalmente.

— Este é um acordo! — disse Ling Jie com um aceno de cabeça resoluto.

As duas pessoas se despediram e Ling Jie partiu.

O Santo da Espada do Vento Azul tinha decepado dois dedos, mas também tinha se livrado do fardo pesado em seu coração. Seu crescimento futuro seria, sem dúvidas, ainda mais incrível do que antes.

Chu Yuechan disse:

— Ling Yun é um cavalheiro no caminho da espada. Ele tem um comportamento elegante e gracioso e é poderoso sem ser arrogante. O talento de Ling Jie supera o do irmão mais velho dele, e ele é um homem que valoriza muito a amizade. A Vila da Espada Divina pode ter perdido seu principal apoio, mas conseguiu dois sucessores excelentes.

Yun Che balançou a cabeça concordando.

— Embora o pai deles, Ling Yuefeng, fosse egoísta e tendencioso, considerando os interesses da Vila da Espada Divina acima dos perigos que ameaçavam a Nação Vento Azul, tudo o que ele fez em sua vida é digno de ser chamado de “justo” e “cavalheiresco”.

— Quanto à mãe, Xuanyuan Yufeng… Como filha de um ancião da Região da Poderosa Espada Divina, ela não hesitou em abandonar o pai e a seita por estar apaixonada por Ling Yuefeng, e até seguiu ele para a minúscula Vila da Espada Divina. Embora estivesse ciente de que era muito provável que Ling Yuefeng só a quisesse para subir um degrau na Região da Poderosa Espada Divina, ela não o deixou ou o abandonou por várias décadas e não demonstrou qualquer arrependimento ou ressentimento no coração por ter partido com ele.

— Então não é realmente estranho que eles tenham conseguido sucessores tão notáveis. É só que… — Yun Che balançou a cabeça. — Quando mais apaixonado Ling Yuefeng estava por você, mais Xuanyuan Yufeng te odiava e invejava. Não importa quão boa seja uma mulher, uma vez que caia no abismo do ciúme e do ódio, ela se tornará um diabo terrível.

Chu Yuechan olhou para ele antes de falar qualquer coisa.

— Então o que você está falando é que fui eu quem forçou Xuanyuan Yufeng a se tornar uma vilã?

— Errr… — Yun Che balançou as mãos o mais rápido possível, como nunca antes na vida. — Não, não, não, não, não, não, não, definitivamente não é isso que quero dizer. Só estou dizendo que… Uh… Ah… Seu charme é simplesmente demais, então qualquer homem… Não, não é isso… Ah! Certo, Wuxin!

Yun Che pegou a mão da filha e apontou para frente dele.

— À nossa frente está um pedaço de pedra que eu, seu pai, pessoalmente toquei no passado. Deixe eu te levar para ver ele.

— Hã? — murmurou Yun Wuxin.

Enquanto ela olhava para Yun Che, correndo como se estivesse em fuga enquanto segurava a mão de sua filha, Chu Yuechan moveu um pouco os cantos de seus lábios, e uma leve cortina sonhadora apareceu em seus olhos.

A princípio ela pensou que uma vida fria, vazia de qualquer desejo, igual à de todos os discípulos do Palácio Imortal da Nuvem Congelada, seria seu futuro e vida inteira.

Mas, depois de passar aqueles seis meses ao lado de Yun Che, ao retornar, descobriu que não tinha mais um “coração de gelo” e passou a ter até mesmo desejos. Ela fez o possível para suprimir esses desejos, mas foi só ao receber as notícias da morte de Yun Che que ela realmente descobriu que os desejos em seu coração já tinham se desenvolvido tanto que ela estava disposta a abandonar sua seita por causa dele…

Mas hoje, ela, ele e a filha estavam todos juntos. Isso era uma vida verdadeira, uma vida verdadeiramente completa… Não importava qual seria o futuro.

Atrás deles, Feng Xian’er olhava em silêncio para a família de três pessoas, não querendo fazer qualquer som que pudesse os perturbar.


Tradutor: Taipan   | Revisor: Delongas


Recomendação:

Princesinha da Floresta Féerica e Dungeon Defense

Duas obras de estilos diferentes, mas também de excelente qualidade, porque o mundo não vive só de cultivo.

Fontes
Cores