ATG – Capítulo 1230 – Dura Vitória



— Uughhhhhhhhh…

— Sssaaaahhhhhhhhhhh!!

Nenhum de seus berros ainda pareciam humanos. Eles eram como bestas sem razão tentando rasgar o outro em pedaços.

A este ponto, tanto Yun Che quanto Luo Changsheng estavam ficando inconscientes. Porém, um traço final de crença os mantinha seguindo em frente, incitando os dois a se fixarem na posição do outro e socar com toda força restante e força de vontade.

Um largo pedaço do Palco da Outorga dos Deuses estava tingido em um alarmante vermelho. Os combatentes estavam até ficando sem sangue para sangrar.

Antes, seu engajamento havia sido alto e assustador, mas agora eles estavam tão fracos que pareciam homens moribundos com um pé na tumba. Era difícil o bastante imaginar que corpos tão enfraquecidos conseguiam se pôr de pé por conta própria, muito menos lutarem um com o outro… Cada vez que um punho era lançado, um deles cambalearia de maneira instável. Mas ambos recusavam a cair enquanto socavam um ao outro repetidamente…

Cada vez, a multidão estava certa que um deles cairia, mas eles pulariam no outro e desafiariam as expectativas novamente.

Bang! Bang! Bang…

A passagem de tempo era terrivelmente lenta. O mundo ficou tão quieto quanto um mundo fantasmagórico. O único som que podia ser ouvido eram os rosnados dos dois espíritos malignos moribundos fazendo seu máximo para rasgar um ao outro.

— Eles vão morrer… eles definitivamente vão morrer se continuarem com isso…

— Por que o Honorável Qu Hui não está fazendo nada a respeito disso? Yun Che e Luo Changsheng ficaram insanos. Se isso continuar, as feridas deles só vão continuar piorando… A Região Divina Leste pode perder dois de seus melhores gênios de uma vez só… Apenas impeça-os de uma vez!

— Não… vitória ou derrota, o resultado dessa partida ainda há de ser decidido aqui… é impossível parar agora.

Bang! Bang! Bang! Pff…

O pungente fedor de sangue espalhava-se silenciosamente para os arredores. Os dois homens eram como luzes de velas em seu fim, que podiam apagar-se a qualquer momento, e ainda assim, nenhum deles realmente caía apesar de trocar mais de cem socos e mais.

Desmaiar era uma das maneiras que o corpo recuperava e se protegia de maiores danos. Assim, agarrar-se em sua consciência e continuar lutando iria apenas piorar seus terríveis ferimentos ainda mais.

Ambos estavam verdadeiramente lutando com suas vidas em jogo.

Ele tinha vindo ao Reino dos Deuses com o objetivo de se encontrar com Jasmine. Para este fim, ele estava disposto a abandonar tudo, empregar tudo que tinha, arriscar incontáveis situações de vida e morte, e até expor suas cartas trunfo e segredos, sabendo que isso poderia voltar para mordê-lo no futuro… Agora, ele estava apenas à um passo de alcançar seu sonho. Não tinha como ele se permitir cair aqui depois de tudo!

Mas o outro era o Jovem Mestre Changsheng, filho do líder da Região Divina Leste, o Rei do Reino das Bordas Sagradas, discípulo e sobrinho da praticante número um na Região Divina Leste! Ele em pessoa era o mais forte Filho Divino da Região Divina Leste. Não só era o mais nobre e talentoso gênio entre seus semelhantes, ele tinha levado sua vida sendo o melhor sobre outros desde o momento em que nasceu… derrota era uma palavra que nunca existiria para ele!

Enquanto o tempo continuava a passar, uma nova mudança lentamente raiou sobre a batalha.

Yun Che possuía o poder do Deus Furioso, e sua habilidade de recuperação, não importa em que estado estivesse, que estava finalmente começando a demonstrar suas vantagens.

Bang!!

Os punhos dos dois homens acertaram as faces um do outro novamente. Yun Che se inclinou para trás devido ao impacto, mas Luo Changsheng gemeu e cambaleou um par de passos para trás. Finalmente, com um alto barulho, seus joelhos atingiram o chão

Uma desfocada, porém feroz, luz passou através das pupilas de Yun Che, e ele de alguma forma encontrou força o bastante em si para pular no ar e socar a área do coração de Luo Changsheng com um punho ensanguentado coberto em uma lasca de profunda energia.

Foi nesse momento que Luo Changsheng abruptamente olhou para cima e levantou seu braço direito com incrível velocidade. Uma fria, luz roxa voou diretamente rumo a Yun Che.

— Ah!! — Todos do Reino da Canção de Neve gritaram involuntariamente de uma vez só.

Isso não era nada senão a Espada do Relâmpago Sagrado!

Yun Che pôde sentir a coisa afiada voar diretamente para ele, mas sua consciência estava fosca, e ele estavam em investida total. Era simplesmente impossível que ele mudasse seu momentum no estado em que estava, então ele caiu na Espada do Relâmpago Sagrado quase como se a estivesse recebendo de bom grado.

Apesar de Luo Changsheng não mais ser capaz de invocar os salpiques finais de relâmpago contidos dentro da Espada do Relâmpago Sagrado, a arma era muito leve e incrivelmente afiada. Até uma criança conseguiria cortar aço refinado com ela.

Rip!!

Um alto som de rasgo cortou o ar. Luo Changsheng foi mandado voando por seu soco, mas ele próprio foi apunhalado pela Espada do Relâmpago Sagrado de frente… Entretanto, Yun Che tinha o corpo de um dragão, então a Espada do Relâmpago Sagrado no final das contas falhou em penetrá-lo. Ao invés disso, escorregou pelo seu peito e deixou uma longa ferida que tinha quase trinta centímetros de comprimento.

— Urgh!

Yun Che gemeu, perdeu controle de seu equilíbrio e caiu pesadamente no chão. Naquele instante, uma aura anormal explodiu do corpo de Luo Changsheng enquanto o jovem rapaz rosnava, pulava quase três metros no ar, congregava um fraco redemoinho de profunda energia em torno de sua mão esquerda, e socava diretamente na direção da cabeça de Yun Che.

Bang!!

O corpo de Yun Che girou com velocidade anormal e o ataque que Luo Changsheng gastou quase toda sua força de vontade para reunir atingiu o chão do Palco da Outorga dos Deuses. Sangue espirrou para todo lado, e quatro dos seus cinco dedos partiram-se em uníssono devido ao impacto.

Yun Che instantaneamente retaliou com um contra-ataque próprio, enfiando uma lâmina de luz fria diretamente na garganta de Luo Changsheng.

— Guah… ah…

Luo Changsheng caiu no chão horizontalmente enquanto apertava sua garganta e chiava em dor indescritível. Uma curta, lâmina gélida que se parecia com asas de borboleta havia penetrado profundamente em sua laringe.

— Lâmina… Borboleta… Sonora… — Mu Bingyun murmurou inconscientemente.

Yun Che não desperdiçou até mesmo um momento para respirar. Ele instantaneamente rolou de pé. Com o punho direito fluindo com uma quantidade inesperada de vigor, força viciosa, e uma onça de profunda energia que ele havia acabado de gerar dentro de seu corpo, ele ferozmente socou Luo Changsheng na cabeça.

BANG

A consciência já fosca de Luo Changsheng tremeu intensamente antes de explodir em incontáveis fendas branco pálidas…

O próprio Yun Che foi lançado para longe pelo rebote antes de colidir pesadamente no chão. Seus braços sacudiam enquanto empurrava o chão com suas palmas usando tudo o que tinha, mas simplesmente não conseguia mais sequer encontrar um indício de força em si. A única coisa que sobrava era uma vontade que recusava a se dissipar não importando o quão próxima estivesse do limite.

As duas bestas moribundas haviam realmente, finalmente caído. Por um longo tempo, nenhum deles conseguiu se pôr de pé.

— Guu… uu… uu…

Espesso fluído sanguíneo vertia dos olhos, ouvidos, nariz e boca de Luo Changsheng. Suas pupilas obscuras reluziam com uma fraca luz. Seu peito subia e descia como se estivesse tomado enquanto ele lentamente, rigidamente levantava seus braços no ar… a luz sombria em seus olhos tremia mais e mais enquanto ele lutava com toda sua força…

No fim, porém, ele falhou em levantar seu braço completamente. Enquanto a luz em suas pupilas parava de repente, o braço que usou toda sua força de vontade restante para levantar caiu pesadamente no chão.

A aura de Luo Changsheng submergiu completamente em quietude. Mesmo assim, seus olhos ainda estavam arregalados em relutância e desespero.

Mas Yun Che ainda estava agarrando o chão firmemente com ambos os braços. A luz em seus olhos ensanguentados ainda se recusava a desaparecer.

O Honorável Qu Hui sentiu como seu uma placa de aço de mil libras tivesse acabado de ser removida de seu peito enquanto levantava seu braço e declarava em voz alta: — Luo Changsheng desmaiou. A primeira partida da grande final vai para Yun Che!!

— Já que Luo Changsheng foi derrotado, sua pontuação agora é igual a de Yun Che. A grande final será realizada mais uma vez daqui a três dias!

No passado, altos vivas ou comoção incessante irromperiam das bancadas após Honorável Qu Hui ter anunciado os resultados. Dessa vez, porém, todos permaneceram em silêncio e chocados até o grito ensurdecedor de uma mulher ressoar de forma cortante pelo ar:

— Changsheng!!

Luo Guxie soltou um grito trêmulo enquanto descia de cima. Suas emoções, e subsequentemente sua profunda energia, estavam obviamente descontroladas, e seu grito ensurdecido deixou um grande número de profundos praticantes tão desconfortáveis que quase cuspiram sangue.

— Yun Che! — Mu Bingyun também estava voando ao Palco da Outorga dos Deuses ao mesmo tempo.

O Honorável Qu Hui havia arbitrado muitas Batalha da Outorga dos Deuses no passado, mas nunca havia visto tão desesperada luta sangrenta até hoje. Ele nunca pensou que se sentiria sufocado por assistir uma luta entre dois juniores.

Enquanto as pessoas do Reino das Bordas Sagradas e Reino da Canção de Neve avançavam em direção a plataforma jogando toda cautela ao vento, Honorável Qu Hui suspirou internamente antes de retrair a barreira que isolava o Palco da Outorga dos Deuses.

— Changsheng!!

No instante que Luo Guxie aterrissou ao lado de Luo Changsheng, ela puxou a Lâmina Borboleta Sonora enfiada em sua garganta e a jogou muito, muito longe. Então, envolveu o corpo dele em uma gentil profunda luz com incrível cuidado… neste momento, todos podiam ver que a profunda praticante número um da Região Divina Leste estava completamente trêmula. Havia até lágrimas mal contidas acumulando-se em seus olhos.

Antes da gentil luz branca poder envolver Luo Changsheng totalmente, Luo Guxie levitou seu corpo no ar e voou junto com ele rumo ao distante horizonte com grande velocidade. Ela não falou uma única palavra por todo o processo. Luo Shangchen rapidamente seguiu atrás dela.

— Yun Che!

— Irmão Sênior Yun…

— Sele as feridas dele, rápido!

— Não, não faça. As feridas dele são… graves demais…

Mu Bingyun levantou Yun Che e apoiou sua cabeça contra seus peitos macios, indiferente ao sangue escarlate que rapidamente tingia suas vestes branco neve. Sua mão trêmula brilhou em azul enquanto a segurava acima do peito de Yun Che, mas ela simplesmente não se atrevia a tocá-lo não importando como o tentasse.

Os ferimentos de Yun Che eram assustadores além de palavras. Não havia uma única parte dentro ou fora de seu corpo que estivesse ilesa. Um profundo praticante diferente da Tribulação Divina teria morrido há muito, muito tempo atrás.

— O Irmão Sênior Yun… O Irmão Sênior Yun vai ficar bem… certo? Um discípulo do Reino da Canção de Neve cuidadosamente caminhou cuidadosamente pelo duo. Seu coração apertado, e seus olhos brotando lágrimas quando viu a terrível, ensanguentada aparência de Yun Che.

Mu Huanzhi e Mu Tanzhi também se ajoelharam ao lado de Yun Che, mas assim como Mu Bingyun, não se atreviam a tomar as coisas em suas próprias mãos e suprimir as feridas dele. Em seu atual estado, se cometessem até mesmo um único erro quando injetassem a profunda energia em seu corpo…

— Eu… ganhei…?

Foi nesse momento que Yun Che separou seus lábios e proferiu a fraca, quase indiscernível, questão.

Sua consciência havia estado tão embaçada que nem mesmo ouviu a alta declaração do Honorável Qu Hui claramente.

— Sim, você venceu. Derrotou Luo Changsheng — Mu Bingyun curvou sua cabeça para mais perto e sussurrou gentilmente em seus ouvidos.

Um sorriso indescritivelmente satisfeito passou ligeiramente pelos lábios de Yun Che. — Isso… é maravilhoso…

— Não… se preocupe… não… vou… morrer… só

— Tão… cansado…

Sua voz estava tão fraca quando o zumbido de um mosquito. Finalmente, Mu Bingyun baixou sua palma gentilmente e o envolveu em uma luz azul de máxima gentileza — Se você está cansado, tem que ir dormir.

Ela falou suavemente como se estivesse acalmando um bebê que se recusava a dormir. Finalmente, os olhos de Yun Che fecharam-se lentamente sob seu sussurro gentil.

Silêncio. Mu Bingyun olhou para o céu com a vista embaçada.

Deusa Celestial do Massacre Estelar, eu não sei o que você fez para ele, ou quão grande o favor ele te devia para estar disposto a arriscar sua vida a esse ponto. Eu não me importo com o quão importante você é ou o que está escondendo dele… mas por favor, por favor realize o desejo dele e o encontre mesmo que só uma vez… mesmo que apenas por tudo que ele fez por você…

Ela foi a primeira a saber porque Yun Che havia vindo ao Reino dos Deuses. Ela sabia tudo que Yun Che tinha feito desde sua chegada. Todos pensavam que a razão pela qual ele enfrentou Luo Changsheng com sua vida era para se tornar campeão e tomar vitória, mas apenas ela sabia que ele não havia chegado tão longe em busca da primeira colocação da Batalha da Outorga dos Deuses, da reputação, das recompensas, e definitivamente não de Luo Changsheng…

Ele havia feito tudo isso apenas para se encontrar com uma pessoa.

Fora do Palco da Outorga dos Deuses, no céu distante, uma delicada figura vermelha voou para longe.

E deixou para trás algumas lágrimas pungentes nas nuvens.


Tradutor: Batata Yacon   |   Revisor: Delongas


Se você gostou deste capítulo, CLIQUE Aqui ou Aqui ou nos dois, solucione o Captcha e aguarde de 5 a 10 segundos.

Assim estará apoiando o tradutor, revisor e preenchendo a meta para capítulos extras!



Fontes
Cores